A perspectiva dos bibliotecários da
UTFPR quanto à implantação das
ferramentas de acesso aberto
Emanuelle Torino
Lígia Pat...
OBJETIVO GERAL

Relatar a experiência dos membros do
Comitê Gestor quanto às atividades
desenvolvidas junto aos repositóri...
CONTEXTO
1909

2004

12 câmpus
6 cursos técnicos/nível médio
89 cursos de graduação
90 cursos de especialização
26 cursos ...
O Repositório Institucional da UTFPR (RIUT) tem o objetivo de
reunir, preservar e permitir acesso à produção científica da...
O Portal Institucional de Acesso Aberto (PIAA) é uma ferramenta desenvolvida para
facilitar o acesso à produção da UTFPR, ...
POLÍTICAS


Política de Informação



Instrução Normativa Conjunta 01/2011 –
PROGRAD/PROPPG



Política de Submissão





Disponível desde 10/2010
AAC2 / Vocabulário Controlado BN/LC
528 itens (260 em 2012)









2 livros
38 ar...




Disponível desde 11/2011
AAC2 / Vocabulário Controlado BN/LC
1196 itens (439 em 2012)





832 Trabalhos de Conc...
PERSPECTIVA DOS MEMBROS
DO COMITÊ GESTOR


Não há dúvidas quanto ao uso do DSpace e
políticas que regem as atividades


...
PERSPECTIVA DOS MEMBROS
DO COMITÊ GESTOR


Divulgação: apresentação das ferramentas,
participação em reuniões de coordena...
PERSPECTIVA DOS MEMBROS
DO COMITÊ GESTOR


Mudança na cultura institucional



Necessidade de cumprimento da IN 01/2011
...
CONSIDERAÇÕES FINAIS


Necessidade de planejamento e investimento
– RH e TI



Dispor de equipe própria para atuar no AA...
PARA REFLETIR
“Um repositório institucional pode falhar ao longo
do tempo por várias razões: política (por exemplo, a
inst...
REFERÊNCIAS
BUDAPEST Open Access Iniciative. Disponível em: <http://www.budapestopenaccessinitiative.org/>. Acesso em: 10 ...
Obrigada!
Emanuelle Torino
Bibliotecária do Câmpus Curitiba da UTFPR
Mestre em Gestão da Informação - UEL
E-mail: etorino@...
A perspectiva dos bibliotecários quanto à implantação de ferramentas de acesso aberto na Universidade Tecnológica Federal ...
A perspectiva dos bibliotecários quanto à implantação de ferramentas de acesso aberto na Universidade Tecnológica Federal ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A perspectiva dos bibliotecários quanto à implantação de ferramentas de acesso aberto na Universidade Tecnológica Federal do Paraná

458 visualizações

Publicada em

Comunicação apresentada à CONFOA 2013 (Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil, de 06 a 08 de outubro de 2013) em Comunicações II - Percepção do Acesso Aberto - Ligia Patrícia Torino, Emanuelle Torino, Felipe Matheus Melze

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
458
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A perspectiva dos bibliotecários quanto à implantação de ferramentas de acesso aberto na Universidade Tecnológica Federal do Paraná

  1. 1. A perspectiva dos bibliotecários da UTFPR quanto à implantação das ferramentas de acesso aberto Emanuelle Torino Lígia Patrícia Torino Felipe Matheus Melzer
  2. 2. OBJETIVO GERAL Relatar a experiência dos membros do Comitê Gestor quanto às atividades desenvolvidas junto aos repositórios da UTFPR.
  3. 3. CONTEXTO 1909 2004 12 câmpus 6 cursos técnicos/nível médio 89 cursos de graduação 90 cursos de especialização 26 cursos de mestrados 5 cursos de doutorados 2012 2462 docentes 1024 administrativos 25.000 alunos
  4. 4. O Repositório Institucional da UTFPR (RIUT) tem o objetivo de reunir, preservar e permitir acesso à produção científica da UTFPR atuando como um mecanismo de gestão da informação institucional. O Repositório de Outras Coleções Abertas (ROCA) reúne e dissemina os trabalhos de conclusão de curso de graduação e especialização, e demais coleções mediante avaliação de demanda da UTFPR. O Portal de Periódicos Institucionais (PERI) objetiva disponibilizar em uma única fonte de acesso os periódicos vinculados a qualquer Câmpus da UTFPR, gerenciados pela plataforma do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas (SEER). O Portal de Eventos Institucionais (EVIN) objetiva disponibilizar em uma única fonte de acesso os anais de eventos realizados em qualquer Câmpus da UTFPR, gerenciados pela plataforma do Sistema On-line de Acompanhamento de Conferências (SOAC).
  5. 5. O Portal Institucional de Acesso Aberto (PIAA) é uma ferramenta desenvolvida para facilitar o acesso à produção da UTFPR, seja ela científica ou divulgada por meio dos periódicos e eventos institucionais.
  6. 6. POLÍTICAS  Política de Informação  Instrução Normativa Conjunta 01/2011 – PROGRAD/PROPPG  Política de Submissão
  7. 7.    Disponível desde 10/2010 AAC2 / Vocabulário Controlado BN/LC 528 itens (260 em 2012)       2 livros 38 artigos 26 trabalhos publicados em eventos 389 dissertações 73 teses Posição 26 Repositórios Brasileiros no Ranking Web / 33 em 2012
  8. 8.    Disponível desde 11/2011 AAC2 / Vocabulário Controlado BN/LC 1196 itens (439 em 2012)    832 Trabalhos de Conclusão de Cursos de Graduação 364 Trabalhos de Conclusão de Cursos de Especialização Posição 27 Repositórios Brasileiros no Ranking Web / 29 em 2012
  9. 9. PERSPECTIVA DOS MEMBROS DO COMITÊ GESTOR  Não há dúvidas quanto ao uso do DSpace e políticas que regem as atividades  Em 1 câmpus há 2 funcionários atuando na submissão de itens aos repositórios  Em 3 câmpus há formalização de carga horária dedicada à atividade: 10h, 4h, 2h
  10. 10. PERSPECTIVA DOS MEMBROS DO COMITÊ GESTOR  Divulgação: apresentação das ferramentas, participação em reuniões de coordenações e semana de planejamento, e-mail para listas, informativos, publicações no site, redes sociais  A procura para depositar itens é pequena ou inexistente - sensibilização  Falta de equipe dedicada aos repositórios
  11. 11. PERSPECTIVA DOS MEMBROS DO COMITÊ GESTOR  Mudança na cultura institucional  Necessidade de cumprimento da IN 01/2011  TI – ambiente virtualizado para testes, necessidade de pessoal e hardware
  12. 12. CONSIDERAÇÕES FINAIS  Necessidade de planejamento e investimento – RH e TI  Dispor de equipe própria para atuar no AA  Sensibilização depósito  Estabelecimento de políticas mandatórias  Autodepósito  Sensibilizar a gestão para o AA da comunidade para o
  13. 13. PARA REFLETIR “Um repositório institucional pode falhar ao longo do tempo por várias razões: política (por exemplo, a instituição opta por parar de financiá-lo), a falta de gestão ou incompetência, ou problemas técnicos. Qualquer uma dessas falhas podem resultar na ruptura de acesso, ou perda pior, permanente e total do material armazenado no repositório institucional. [...] Infelizmente, não tenho dúvida de que veremos essas falhas dentro da próxima década. Espero que eu esteja errado”. (LYNCH, 2003)
  14. 14. REFERÊNCIAS BUDAPEST Open Access Iniciative. Disponível em: <http://www.budapestopenaccessinitiative.org/>. Acesso em: 10 ago. 2011. CAFÉ, L. et. al. Repositórios institucionais: nova estratégia para publicação científica na Rede. In: ENCONTRO NACIONAL DE CENTROS DE INFORMAÇÃO E BIBLIOTECAS DA ÁREA DE COMUNICAÇÃO, 13., 2003, Belo Horizonte. Anais eletrônicos...Belo Horizonte, 2003. Disponível em: <http://www.uepg.br/bicen/repositorio.htm>. Acesso em: 09 set. 2013. GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2008. LYNCH, C. A. Institutional repositories: essential infrastructure for scholarship in the digital age. Libraries and the Academy, v. 3, n. 2, apr. 2003, p. 327-336. Disponível em: <http://muse.jhu.edu/journals/pla/summary/v003/3.2lynch.html>. Acesso em: 02. Ago. 2013. MANIFESTO Brasileiro em Favor do Acesso Aberto. Disponível em: <http://www.ibict.br/noticia.php?page=23&id=142>. Acesso em: 10 ago. 2011. MARKEY, K. et al. Institutional repositories: the experience of master's and baccalaureate Institutions. Libraries and the Academy, v. 8, n. 2, apr. 2008, p. 157173. Disponível em: <http://muse.jhu.edu/journals/pla/summary/v008/8.2markey.html>. Acesso em: 02 ago. 2013. REPOSITÓRIO Institucional da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (RIUT). Disponível em: <http://repositorio.utfpr.edu.br/jspui/>. Acesso em: 10 ago. 2013. REPOSITÓRIO de Outras Coleções Abertas (ROCA). Disponível em: <http://repositorio.roca.utfpr.edu.br/jspui/>. Acesso em: 10 ago. 2013b. ROGERS, Sally A. Developing an institutional knowledge bank at Ohio State University: from concept to action plan. Libraries and the Academy, v. 3, n. 1, jan. 2003, p. 125-136. Disponível em: <http://muse.jhu.edu/journals/pla/summary/v003/3.1rogers.html>. Acesso em: 02 ago. 2013. TORINO, Lígia Patrícia; TORINO, Emanuelle; PAIVA, Márcia Regina. Acesso aberto à informação colaboração e disseminação científica na web. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE BIBLIOTECONOMIA, DOCUMENTAÇÃO E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 24., 2011, Maceió. Anais eletrônicos... Maceió: [s.n.], 2011. Disponível em: <http://www.febab.org.br/congressos/index.php/cbbd/xxiv/paper/view/172/461>. Acesso em: 09 set. 2013. TORINO, Lígia Patrícia. Organização da produção científica em repositórios institucionais: um parâmetro para a UTFPR. 2010. 150 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Gestão da Informação) – Universidade Estadual de Londrina, Programa de Pós-Graduação em Gestão da Informação, Londrina, 2010. Disponível em: <http://repositorio.utfpr.edu.br/jspui/handle/1/77>. Acesso em 09 set. 2013. UTFPR. Relatório de gestão 2012. Disponível em: <http://www.utfpr.edu.br/a-instituicao/informacoes-e-indicadores-universitarios/relatorio-de-gestao-versaocompacta-2013>. Acesso em: 16 ago. 2013. VIANA, C. L. M.; MARDÉRO ARELLANO, M. A.; SHINTAKU, M. Repositórios institucionais e tecnologia: uma experiência de customização do DSPACE. 2005. Disponível em: <http://www.comiteitajai.org.br/DSpace/handle/123456789/143>. Acesso em: 09 set. 2013.
  15. 15. Obrigada! Emanuelle Torino Bibliotecária do Câmpus Curitiba da UTFPR Mestre em Gestão da Informação - UEL E-mail: etorino@utfpr.edu.br Lígia Patrícia Torino Bibliotecária do Câmpus Campo Mourão da UTFPR Mestre em Gestão da Informação - UEL E-mail: torino@utfpr.edu.br Felipe Matheus Melzer Analista de Sistemas da UTFPR Reitoria Especialista em Análise de Sistemas - UTFPR E-mail: fmelzer@utfpr.edu.br

×