SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
Baixar para ler offline
Revistas científicas
brasileiras de acesso
aberto: qualidade do ponto
de vista dos indexadores
Bárbara Melo
barbara.melo@outlook.com
• Comunicação científica
• Brasil e o Acesso Aberto
• Produção científica brasileira em Acesso Aberto é a maior do
mundo
• Indexadores
• Sistemas de informação responsáveis pela seleção de periódicos
científicos (Fiorin, 2007)
• Indexadores internacionais x regionais
• Latindex
• Diretório
• Catálogo
• Avaliação da qualidade
• Metodologia
• Identificar as revistas científicas brasileiras de acesso aberto no
Directory of Open Access Scholarly Resources (ROAD);
• Verificar aquelas existentes nas bases de dados Catálogo e
Diretório do Latindex;
• Levantar as características não cumpridas pelas revistas
científicas brasileiras de acesso aberto não aprovadas para o
Catálogo do Latindex.
• Resultados
• 1.128 revistas científicas brasileiras de acesso aberto, das quais:
7.98%
22.70%
78.01%
0.00% 10.00% 20.00% 30.00% 40.00% 50.00% 60.00% 70.00% 80.00% 90.00%
Web of
Science
Scielo
Latindex
• Resultados
• Das revistas científicas brasileiras de acesso aberto presentes no
Latindex:
70.57%
7.27% 0.18%
catálogo
diretório
indisponíveis
23
59
sem avaliação
não aprovadas
• Resultados
• Das 59 revistas científicas brasileiras de acesso aberto não
aprovadas pelo Latindex, mais da metade não tem as
características:
Geração contínua
de conteúdo
(n = 48)
Cumprimento
da
periodicidade
(n = 30)
Recepção e
aceitação de
originais
(n = 39)
• Considerações Finais
• Aumento da produção científica brasileira em Acesso Aberto
• Baixa representatividade brasileira em indexadores internacionais
• Papel de indexadores regionais na promoção da ciência Latino-
Americana
• Confirmação da atuação de órgãos nacionais na melhoria do
padrão de qualidade editorial
• Necessidade de contínuos estudos sobre a inserção da ciência de
países subdesenvolvidos no coração da ciência internacional
como garantia de sobrevivência
Revistas científicas brasileiras de acesso aberto: qualidade do ponto de vista dos indexadores

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Revistas científicas brasileiras de acesso aberto: qualidade do ponto de vista dos indexadores

Acesso aberto e avaliação acadêmica: conhecimento e opiniões de avaliadores c...
Acesso aberto e avaliação acadêmica: conhecimento e opiniões de avaliadores c...Acesso aberto e avaliação acadêmica: conhecimento e opiniões de avaliadores c...
Acesso aberto e avaliação acadêmica: conhecimento e opiniões de avaliadores c...paolabon
 
Portal de periódicos CAPES
Portal de periódicos CAPES Portal de periódicos CAPES
Portal de periódicos CAPES sibi_ufrj
 
Ética em Publicação Científica
Ética em Publicação CientíficaÉtica em Publicação Científica
Ética em Publicação CientíficaEdilson Damasio, PhD
 
Um cenário das políticas dos repositórios temáticos brasileiros
Um cenário das políticas dos repositórios temáticos brasileirosUm cenário das políticas dos repositórios temáticos brasileiros
Um cenário das políticas dos repositórios temáticos brasileirosProjeto RCAAP
 
Fontes de Informação Bibliográficas na Área de Saúde: conteúdo, funcionalidad...
Fontes de Informação Bibliográficas na Área de Saúde: conteúdo, funcionalidad...Fontes de Informação Bibliográficas na Área de Saúde: conteúdo, funcionalidad...
Fontes de Informação Bibliográficas na Área de Saúde: conteúdo, funcionalidad...http://bvsalud.org/
 
A importância do controle bibliográfico para a visibilidade do conhecimento p...
A importância do controle bibliográfico para a visibilidade do conhecimento p...A importância do controle bibliográfico para a visibilidade do conhecimento p...
A importância do controle bibliográfico para a visibilidade do conhecimento p...http://bvsalud.org/
 
Qualidade, recuperação, visibilidade e acesso à informação científica
Qualidade, recuperação, visibilidade e acesso à informação científicaQualidade, recuperação, visibilidade e acesso à informação científica
Qualidade, recuperação, visibilidade e acesso à informação científicaBiblioteca Central UFRGS
 
Forum E books Elsevier USP 2016
Forum E books Elsevier USP 2016Forum E books Elsevier USP 2016
Forum E books Elsevier USP 2016SIBiUSP
 
ResearcherID e Google Scholar-IFSC
ResearcherID e Google Scholar-IFSCResearcherID e Google Scholar-IFSC
ResearcherID e Google Scholar-IFSCSIBiUSP
 

Semelhante a Revistas científicas brasileiras de acesso aberto: qualidade do ponto de vista dos indexadores (20)

Acesso aberto e avaliação acadêmica: conhecimento e opiniões de avaliadores c...
Acesso aberto e avaliação acadêmica: conhecimento e opiniões de avaliadores c...Acesso aberto e avaliação acadêmica: conhecimento e opiniões de avaliadores c...
Acesso aberto e avaliação acadêmica: conhecimento e opiniões de avaliadores c...
 
A presença das bibliotecas digitais de teses e dissertações nos diretórios RO...
A presença das bibliotecas digitais de teses e dissertações nos diretórios RO...A presença das bibliotecas digitais de teses e dissertações nos diretórios RO...
A presença das bibliotecas digitais de teses e dissertações nos diretórios RO...
 
Portal de periódicos CAPES
Portal de periódicos CAPES Portal de periódicos CAPES
Portal de periódicos CAPES
 
Aula 1 Curso de Comunicação e Redação Científica
Aula 1 Curso de Comunicação e Redação Científica Aula 1 Curso de Comunicação e Redação Científica
Aula 1 Curso de Comunicação e Redação Científica
 
Ética em Publicação Científica
Ética em Publicação CientíficaÉtica em Publicação Científica
Ética em Publicação Científica
 
Um cenário das políticas dos repositórios temáticos brasileiros
Um cenário das políticas dos repositórios temáticos brasileirosUm cenário das políticas dos repositórios temáticos brasileiros
Um cenário das políticas dos repositórios temáticos brasileiros
 
A revisão por pares na visão dos editores das revistas de acesso aberto colet...
A revisão por pares na visão dos editores das revistas de acesso aberto colet...A revisão por pares na visão dos editores das revistas de acesso aberto colet...
A revisão por pares na visão dos editores das revistas de acesso aberto colet...
 
Fontes de Informação Bibliográficas na Área de Saúde: conteúdo, funcionalidad...
Fontes de Informação Bibliográficas na Área de Saúde: conteúdo, funcionalidad...Fontes de Informação Bibliográficas na Área de Saúde: conteúdo, funcionalidad...
Fontes de Informação Bibliográficas na Área de Saúde: conteúdo, funcionalidad...
 
A visibilidade no Google Scholar dos repositórios digitais de Acesso Aberto b...
A visibilidade no Google Scholar dos repositórios digitais de Acesso Aberto b...A visibilidade no Google Scholar dos repositórios digitais de Acesso Aberto b...
A visibilidade no Google Scholar dos repositórios digitais de Acesso Aberto b...
 
A importância do controle bibliográfico para a visibilidade do conhecimento p...
A importância do controle bibliográfico para a visibilidade do conhecimento p...A importância do controle bibliográfico para a visibilidade do conhecimento p...
A importância do controle bibliográfico para a visibilidade do conhecimento p...
 
Luciene Delazari - Os periódicos brasileiros frente aos desafios da Ciência A...
Luciene Delazari - Os periódicos brasileiros frente aos desafios da Ciência A...Luciene Delazari - Os periódicos brasileiros frente aos desafios da Ciência A...
Luciene Delazari - Os periódicos brasileiros frente aos desafios da Ciência A...
 
Critérios para indexação em bases de dados
Critérios para indexação em bases de dadosCritérios para indexação em bases de dados
Critérios para indexação em bases de dados
 
Estado da arte da Altmetria
Estado da arte da AltmetriaEstado da arte da Altmetria
Estado da arte da Altmetria
 
Qualidade, recuperação, visibilidade e acesso à informação científica
Qualidade, recuperação, visibilidade e acesso à informação científicaQualidade, recuperação, visibilidade e acesso à informação científica
Qualidade, recuperação, visibilidade e acesso à informação científica
 
Apresentação inauguração PP Unisul
Apresentação inauguração PP UnisulApresentação inauguração PP Unisul
Apresentação inauguração PP Unisul
 
Forum E books Elsevier USP 2016
Forum E books Elsevier USP 2016Forum E books Elsevier USP 2016
Forum E books Elsevier USP 2016
 
Psri g5 1º
Psri g5 1ºPsri g5 1º
Psri g5 1º
 
O RI no Contexto da Gestão da Produção Científica: Proposta de um Questionári...
O RI no Contexto da Gestão da Produção Científica: Proposta de um Questionári...O RI no Contexto da Gestão da Produção Científica: Proposta de um Questionári...
O RI no Contexto da Gestão da Produção Científica: Proposta de um Questionári...
 
"Desafios e perspectivas para a base de dados LILACS" Sueli Mitiko Yano Suga ...
"Desafios e perspectivas para a base de dados LILACS" Sueli Mitiko Yano Suga ..."Desafios e perspectivas para a base de dados LILACS" Sueli Mitiko Yano Suga ...
"Desafios e perspectivas para a base de dados LILACS" Sueli Mitiko Yano Suga ...
 
ResearcherID e Google Scholar-IFSC
ResearcherID e Google Scholar-IFSCResearcherID e Google Scholar-IFSC
ResearcherID e Google Scholar-IFSC
 

Mais de Conferência Luso-Brasileira de Ciência Aberta

Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...
Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...
Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...Conferência Luso-Brasileira de Ciência Aberta
 

Mais de Conferência Luso-Brasileira de Ciência Aberta (20)

Citações e métricas complementares: um estudo da sua correlação em artigos ci...
Citações e métricas complementares: um estudo da sua correlação em artigos ci...Citações e métricas complementares: um estudo da sua correlação em artigos ci...
Citações e métricas complementares: um estudo da sua correlação em artigos ci...
 
Pré-Workshop: Formação em Edição Eletrónica
Pré-Workshop: Formação em Edição EletrónicaPré-Workshop: Formação em Edição Eletrónica
Pré-Workshop: Formação em Edição Eletrónica
 
Análise relacional entre princípios FAIR de gestão de dados de pesquisa e nor...
Análise relacional entre princípios FAIR de gestão de dados de pesquisa e nor...Análise relacional entre princípios FAIR de gestão de dados de pesquisa e nor...
Análise relacional entre princípios FAIR de gestão de dados de pesquisa e nor...
 
10 anos RCAAP - ConfOA
10 anos RCAAP - ConfOA10 anos RCAAP - ConfOA
10 anos RCAAP - ConfOA
 
Programa de formação modular sobre Ciência Aberta
Programa de formação modular sobre Ciência AbertaPrograma de formação modular sobre Ciência Aberta
Programa de formação modular sobre Ciência Aberta
 
Análise da Produção Científica Brasileira em Periódicos de Acesso Aberto
Análise da Produção Científica Brasileira em Periódicos de Acesso AbertoAnálise da Produção Científica Brasileira em Periódicos de Acesso Aberto
Análise da Produção Científica Brasileira em Periódicos de Acesso Aberto
 
Acesso aberto como ferramenta para o empoderamento do paciente
Acesso aberto como ferramenta para o empoderamento do pacienteAcesso aberto como ferramenta para o empoderamento do paciente
Acesso aberto como ferramenta para o empoderamento do paciente
 
Livros eletrônicos, políticas de licenciamento e acesso aberto - relações con...
Livros eletrônicos, políticas de licenciamento e acesso aberto - relações con...Livros eletrônicos, políticas de licenciamento e acesso aberto - relações con...
Livros eletrônicos, políticas de licenciamento e acesso aberto - relações con...
 
Ciência aberta e revisão por pares aberta: aspectos e desafios da participaçã...
Ciência aberta e revisão por pares aberta: aspectos e desafios da participaçã...Ciência aberta e revisão por pares aberta: aspectos e desafios da participaçã...
Ciência aberta e revisão por pares aberta: aspectos e desafios da participaçã...
 
Melhorando a citabilidade de programas de computador para pesquisa com o Cita...
Melhorando a citabilidade de programas de computador para pesquisa com o Cita...Melhorando a citabilidade de programas de computador para pesquisa com o Cita...
Melhorando a citabilidade de programas de computador para pesquisa com o Cita...
 
Técnicas de Search Engine Optimization (SEO) aplicadas no site da Biblioteca ...
Técnicas de Search Engine Optimization (SEO) aplicadas no site da Biblioteca ...Técnicas de Search Engine Optimization (SEO) aplicadas no site da Biblioteca ...
Técnicas de Search Engine Optimization (SEO) aplicadas no site da Biblioteca ...
 
Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...
Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...
Café com Ciência – divulgação das publicações técnico-científicas em acesso a...
 
Serviço Nacional de Registo de Identificadores DOI
Serviço Nacional de Registo de Identificadores DOIServiço Nacional de Registo de Identificadores DOI
Serviço Nacional de Registo de Identificadores DOI
 
Recursos educacionais abertos na Universidade Aberta. A rede como estratégia ...
Recursos educacionais abertos na Universidade Aberta. A rede como estratégia ...Recursos educacionais abertos na Universidade Aberta. A rede como estratégia ...
Recursos educacionais abertos na Universidade Aberta. A rede como estratégia ...
 
Infraestrutura OpenAIRE: desenvolvimentos para o fortalecimento da Ciência Ab...
Infraestrutura OpenAIRE: desenvolvimentos para o fortalecimento da Ciência Ab...Infraestrutura OpenAIRE: desenvolvimentos para o fortalecimento da Ciência Ab...
Infraestrutura OpenAIRE: desenvolvimentos para o fortalecimento da Ciência Ab...
 
Preservação digital, gestão de dados de pesquisa e biodversidade
Preservação digital, gestão de dados de pesquisa e biodversidadePreservação digital, gestão de dados de pesquisa e biodversidade
Preservação digital, gestão de dados de pesquisa e biodversidade
 
Dados governamentais na perspectiva da Ciência Aberta: potencialidades e desa...
Dados governamentais na perspectiva da Ciência Aberta: potencialidades e desa...Dados governamentais na perspectiva da Ciência Aberta: potencialidades e desa...
Dados governamentais na perspectiva da Ciência Aberta: potencialidades e desa...
 
Do acesso à informação aos Dados Parlamentares Abertos em Portugal
Do acesso à informação aos Dados Parlamentares Abertos em PortugalDo acesso à informação aos Dados Parlamentares Abertos em Portugal
Do acesso à informação aos Dados Parlamentares Abertos em Portugal
 
Transparência e Dados Abertos do Recife: Uma Estratégia Bem Sucedida de Publi...
Transparência e Dados Abertos do Recife: Uma Estratégia Bem Sucedida de Publi...Transparência e Dados Abertos do Recife: Uma Estratégia Bem Sucedida de Publi...
Transparência e Dados Abertos do Recife: Uma Estratégia Bem Sucedida de Publi...
 
Altmetria e a análise das condições de interação em torno de artigos sobre po...
Altmetria e a análise das condições de interação em torno de artigos sobre po...Altmetria e a análise das condições de interação em torno de artigos sobre po...
Altmetria e a análise das condições de interação em torno de artigos sobre po...
 

Último

POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdfProfGleide
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdfDemetrio Ccesa Rayme
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptxErivaldoLima15
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptx
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptx
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxalessandraoliveira324
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfpaulafernandes540558
 

Último (20)

POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptx
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptx
Combinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptxCombinatória.pptx
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
 

Revistas científicas brasileiras de acesso aberto: qualidade do ponto de vista dos indexadores

  • 1. Revistas científicas brasileiras de acesso aberto: qualidade do ponto de vista dos indexadores Bárbara Melo barbara.melo@outlook.com
  • 3. • Brasil e o Acesso Aberto
  • 4. • Produção científica brasileira em Acesso Aberto é a maior do mundo
  • 5. • Indexadores • Sistemas de informação responsáveis pela seleção de periódicos científicos (Fiorin, 2007) • Indexadores internacionais x regionais
  • 6. • Latindex • Diretório • Catálogo • Avaliação da qualidade
  • 7. • Metodologia • Identificar as revistas científicas brasileiras de acesso aberto no Directory of Open Access Scholarly Resources (ROAD); • Verificar aquelas existentes nas bases de dados Catálogo e Diretório do Latindex; • Levantar as características não cumpridas pelas revistas científicas brasileiras de acesso aberto não aprovadas para o Catálogo do Latindex.
  • 8. • Resultados • 1.128 revistas científicas brasileiras de acesso aberto, das quais: 7.98% 22.70% 78.01% 0.00% 10.00% 20.00% 30.00% 40.00% 50.00% 60.00% 70.00% 80.00% 90.00% Web of Science Scielo Latindex
  • 9. • Resultados • Das revistas científicas brasileiras de acesso aberto presentes no Latindex: 70.57% 7.27% 0.18% catálogo diretório indisponíveis 23 59 sem avaliação não aprovadas
  • 10. • Resultados • Das 59 revistas científicas brasileiras de acesso aberto não aprovadas pelo Latindex, mais da metade não tem as características: Geração contínua de conteúdo (n = 48) Cumprimento da periodicidade (n = 30) Recepção e aceitação de originais (n = 39)
  • 11. • Considerações Finais • Aumento da produção científica brasileira em Acesso Aberto • Baixa representatividade brasileira em indexadores internacionais • Papel de indexadores regionais na promoção da ciência Latino- Americana • Confirmação da atuação de órgãos nacionais na melhoria do padrão de qualidade editorial • Necessidade de contínuos estudos sobre a inserção da ciência de países subdesenvolvidos no coração da ciência internacional como garantia de sobrevivência