Complicações Vasculares na Cirúrgia Laparoscópica <ul><li>Dr. Marcelo Cabral Lamy de Miranda </li></ul><ul><li>Serviço de ...
0.5 % - 4.2 %   Resultados controversos
Em Relação ao Acesso: <ul><li>Lesão de vasos calibrosos  0.05 - 0.26% / Mortalidade 8 - 17% </li></ul><ul><li>É a causa ma...
Reconhecimento e Manejo precoce
Transoperatório: <ul><li>Erros durante a dissecção </li></ul><ul><li>Problemas relacionados ao Endo-GIA  </li></ul><ul><li...
Lesão primeiro trocarter
Durante a dissecção Nefrectomia Nefrectomia
Durante a dissecção Adrenal Adrenal
Durante a dissecção Adrenal  Adrenal
Durante a dissecção Linfadenectomia Retroperitoneal Linfadenectomia Retroperitoneal
Durante a dissecção Linfadenectomia Direita Linfadenectomia Direita
Falha do Endo-Gia na Veia Renal
Reconhecimento e Manejo <ul><li>Aumentar o Pneumoperitôneo para 20mmHg </li></ul><ul><li>Gaze para tamponar, grasper arter...
Prevenção <ul><li>Revisão das imagens a procura de vasos renais acessórios. </li></ul><ul><li>Delicada tração durante a di...
Complicações Pós Operatórias <ul><li>Hematoma em períneo e em abdome </li></ul><ul><li>Fístula arteriovenosa e pseudoaneur...
Sangramento em incisão de trocater de 5 mm.
Síndrome Compartimental
Reintervenção após 6 horas de Adenomectomia Laparoscópica
<ul><li>Cirurgiões que realizam cirúrgia laparoscópica devem receber treinamento de cirúrgia vascular , ou pelo menos , op...
<ul><li>O tempo correto para uma conversão de uma cirúrgia laparoscópica não é um motivo de vergonha ,mas um sinal de visã...
<ul><li>Tenha em mente que uma catástrofe pode de fato ocorrer. </li></ul><ul><li>Somente quem opera pode ter complicações...
[email_address]
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Complicações Vasculares na Cirúrgia Laparoscópica

1.563 visualizações

Publicada em

Dr. Marcelo Cabral Lamy de Miranda
Serviço de Urologia da Universidade Federal do Espírito Santo
http://www.urologiavitoria.com.br

Publicada em: Saúde e medicina
  • Seja o primeiro a comentar

Complicações Vasculares na Cirúrgia Laparoscópica

  1. 1. Complicações Vasculares na Cirúrgia Laparoscópica <ul><li>Dr. Marcelo Cabral Lamy de Miranda </li></ul><ul><li>Serviço de Urologia da Universidade Federal do Espírito Santo </li></ul><ul><li>http://www.urologiavitoria.com.br </li></ul>
  2. 2. 0.5 % - 4.2 % Resultados controversos
  3. 3. Em Relação ao Acesso: <ul><li>Lesão de vasos calibrosos 0.05 - 0.26% / Mortalidade 8 - 17% </li></ul><ul><li>É a causa mais comum de morte em cirurgia laparoscópica </li></ul><ul><li>“ Safety trocars “ </li></ul><ul><li>Lesão da Artéria Epigastrica: 0.3% - 2.5% </li></ul>Roviaro. Surg.l Endos.2002; 16:1192 Peterson. J. Reprod. Med. 1990; 35:587 Vallancien. J. Urol. 2002; 168: 23 Chandler. J. Am. Cloo. Surg. 2001; 192:478 Wittz. Br. J. Surg. 1997; 84: 800
  4. 4. Reconhecimento e Manejo precoce
  5. 5. Transoperatório: <ul><li>Erros durante a dissecção </li></ul><ul><li>Problemas relacionados ao Endo-GIA </li></ul><ul><li>Saída de clips de veias ou artérias </li></ul><ul><li>Má identificação da Anatomia </li></ul><ul><ul><li>Veia cava confundida com a veia renal </li></ul></ul><ul><ul><li>Artéria Mesenterica confundida com a Artéria renal </li></ul></ul><ul><ul><li>Colocação de um Clip na aorta durante controle de Sangramento </li></ul></ul>Gill. J. Urol. 1995; 154: 479 Tiberio. J. Urol. 2002; 168: 1361 Mc Allister. J. Urol. 2004; 172:183 Kellogg. Urology. 2004; 63(1): 27 Sautter. J. Urol. 2001; 165: 515
  6. 6. Lesão primeiro trocarter
  7. 7. Durante a dissecção Nefrectomia Nefrectomia
  8. 8. Durante a dissecção Adrenal Adrenal
  9. 9. Durante a dissecção Adrenal Adrenal
  10. 10. Durante a dissecção Linfadenectomia Retroperitoneal Linfadenectomia Retroperitoneal
  11. 11. Durante a dissecção Linfadenectomia Direita Linfadenectomia Direita
  12. 12. Falha do Endo-Gia na Veia Renal
  13. 13. Reconhecimento e Manejo <ul><li>Aumentar o Pneumoperitôneo para 20mmHg </li></ul><ul><li>Gaze para tamponar, grasper arterial , reparo usando técnicas laparoscópicas </li></ul><ul><li>Hand-assisted se necessário </li></ul><ul><li>Na conversão, a incisão deve ser completa por cima da ótica de laparoscopia. </li></ul>Tiberio. J. Urol. 2002; 168:1361 Gill. J. Urol. 1995; 154:479
  14. 14. Prevenção <ul><li>Revisão das imagens a procura de vasos renais acessórios. </li></ul><ul><li>Delicada tração durante a dissecção do pedículo e a dissecção completa do hilo renal. </li></ul><ul><li>A artéria renal deve ser separada da veia renal e os clips devem ser aplicados sob visão direta. </li></ul><ul><li>Sutura intracorporal para o controle vascular se necessário. </li></ul>
  15. 15. Complicações Pós Operatórias <ul><li>Hematoma em períneo e em abdome </li></ul><ul><li>Fístula arteriovenosa e pseudoaneurisma </li></ul><ul><li>Falha no reparo vascular , isquemia aguda ou trombose venosa evoluindo com claudicação intermitente ou edema venoso. </li></ul>Ovroutski. Surg. Lap. Endosc. Percutan. Tech. 2001;11(5) :334 Barbosa. Med. J. 2005;123: 38
  16. 16. Sangramento em incisão de trocater de 5 mm.
  17. 17. Síndrome Compartimental
  18. 18. Reintervenção após 6 horas de Adenomectomia Laparoscópica
  19. 19. <ul><li>Cirurgiões que realizam cirúrgia laparoscópica devem receber treinamento de cirúrgia vascular , ou pelo menos , operar em um hospital que tenha uma equipe de cirúrgia vascular de plantão . </li></ul><ul><li>Natali. J. Mal. Vasc. 1996; 21: 223 </li></ul>
  20. 20. <ul><li>O tempo correto para uma conversão de uma cirúrgia laparoscópica não é um motivo de vergonha ,mas um sinal de visão . </li></ul><ul><li>G. Vallancien </li></ul>
  21. 21. <ul><li>Tenha em mente que uma catástrofe pode de fato ocorrer. </li></ul><ul><li>Somente quem opera pode ter complicações. </li></ul>
  22. 22. [email_address]

×