SlideShare uma empresa Scribd logo
2 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

DIÁRIO DA REGIÃO

Diretor de Redação
Décio Trujilo
decio.trujilo@diariodaregiao.com.br
Editor-chefe
Fabrício Carareto
fabricio.carareto@diariodaregiao.com.br
Coordenação
Ligia Ottoboni
ligia.ottoboni@diariodaregiao.com.br
Editor de Bem-Estar e TV
Igor Galante
igor.galante@diariodaregiao.com.br

Olegário Mariano

Editorial

Filósofo espiritualista usa o exemplo de
Jesus e Maria para falar da importância
do silêncio a fim de se encontrar com o
que realmente importa na vida

Televisão

Pesquisa de fotos
Mara Lúcia de Sousa
Diagramação
Claudia Paixão
Tratamento de Imagens
Edson Saito, Luciana Nardelli
e Luis Antonio
Matérias
Agência Estado
Agência O Globo

3

Divulgação

O Conselho das Árvores
Sofro, luz dos meus olhos, quando dizes
Que a vida não te alenta nem conforta.
Olha o exemplo das árvores felizes
Dentro da solidão da noite morta.
Que lhes importa a dor, que lhes importa
O drama que há no fundo das raízes?
Não sentem quando o vento os ramos corta
E as folhas leva em várias diretrizes?
Que lhes importa a maldição do outono
E os dedos envolventes da garoa,
Se dão sombra às taperas no abandono?!...
Levanta os braços para o firmamento
E canta a vida porque a vida é boa
Mesmo esmagada pelo sofrimento.

Editora de Turismo
Cecília Demian
cecilia.demian@diariodaregiao.com.br
Editor de Arte
César A. Belisário
cesar.belisario@diariodaregiao.com.br

Trigueirinho

Poesia

18

TV Record/Divulgação

Felicidade
sustentável
Para o escritor e psiquiatra Roberto Shinyashiki, para
quem - há muito tempo ele defende isso - o sucesso é ser
feliz, as pessoas se cobram um tipo de sucesso incoerente
e até irracional. Como se precisassem ser sensacionais em
tudo o que fizessem. Grande parte desta autocobrança
insana é reflexo de pressões externas, ou seja, daquilo que
a sociedde nos cobra. É como se ecoasse uma voz interna
dizendo “é preciso conquistar”, “é preciso ter”. Esse tipo
de comportamento não sustenta a felicidade, como mostra
Shinyashiki em entrevista que resultou no assunto de capa
desta edição. O tema da conversa foi “heróis de verdade”.
Quem são eles? Na opinião do psiquiatra, os verdadeiros
heróis são aqueles que se comprometem com seus próprios
valores. Pessoas voltadas à essência, não à aparência.

Nova minissérie bíblica da Record, com
estreia programada para este mês, fala
dos milagres atribuídos a Jesus

Turismo

24

Agência O Globo/Divulgação

AUTOCONHECIMENTO
Maturidade emocional é a chave para enfrentar os períodos mais
turbulentos da vida, tendo consciência de que há o momento em
que o mar se acalma e você pode recomeçar Páginas 8 e 9

CRESCIMENTO
Na hora de tomar uma decisão, considere o que é mais importante
para você e não o que os outros vão pensar. Nessa hora delicada, é
preciso ouvir o que diz o seu coração Páginas 10 e 11

RELACIONAMENTO
Uma relação amorosa nunca está “pronta”, o aprendizado e a
dedicação devem ser constantes, por isso, fique alerta e cultive o
amor, o carinho e a disposição para surpreender Página 12

Roteiro de verão pela Patagônia
chilena reúne passeios de barco e
observação de geleiras e montanhas
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 3

Artigo

Transição para uma
vida mais equilibrada
Vivemos sem pausas, sem equilíbrio entre os momentos
de ação exterior e os de recolhimento interior
José Trigueirinho Neto

Dizem os livros antigos
que, quando o mundo atinge
uma grande decadência aparente, algo muito maior do que o
mundo, em consciência, manifesta-se nele.
Seguindo essa lei, há dois
mil anos uma grande força cósmica encarnou num homem e
“caminhou sobre a Terra”. Naquele tempo, Jesus Cristo ia de
cidade em cidade e hospedavase em casas de conhecidos. Um
dia parou na casa de duas mulheres, Marta e Maria. Logo
que chegou, ambas demonstram íntima alegria por recebêLo, cada uma tomando a atitude que lhe era mais característica: Marta pôs-se a lidar, a limpar a casa, a preparar alimentos, ao passo que Maria sentouse, recostou a cabeça e ficou em
silêncio, junto a Cristo.
Como o labor era grande,
Marta perguntou a Jesus se
aquilo era justo: ela a trabalhar
sozinha, enquanto Maria contemplava. Jesus respondeu que
Marta fazia muitas coisas, mas
que Maria fazia a única coisa
realmente necessária.
Essa mensagem nos dá a
chave da compreensão para
uma ação verdadeira, que ne-

nhuma relação tem com inércia. Sem desmerecer e tampouco anular a atividade externa
em si, também necessária, a referida história simboliza uma
atitude real diante dos fatos da
vida.
A necessidade premente de
quietude e de privacidade, que
quase todos sentem profundamente hoje em dia, provém do
centro interior do homem, raramente buscado em virtude dessa atividade contínua à qual
quase todos se entregaram na
época moderna. Vivemos sem
pausas, sem equilíbrio entre os
momentos de ação exterior e os
de recolhimento interior.
Aquela que se sentou aos
pés de Jesus, interiorizou-se
sem se isolar dos demais. Que é
esse silêncio imprescindível para o equilíbrio do ser?
Pelo que parece, havia em
Maria uma ação profunda e dinâmica, ao permanecer quieta.
Enquanto Marta agia externamente, dando mostras da sua laboriosidade, Maria desidentificava-se do que se passava no exterior. Anônima, quieta, e não
envolvida com o que a outra estava realizando, Maria trabalhava invisivelmente.
Dessa ação interior vem
uma união com a totalidade da

Quem é
JOSÉ TRIGUEIRINHO NETO
é filósofo espiritualista e autor de
mais de 77 livros.
Texto extraído da obra “Do Irreal
ao Real” (Editora Pensamento)

vida, e nessa totalidade todos
são “um”. Sendo assim, é como
se estivesse “só”, porém, numa
dimensão de solidão que não
significa separatividade, mas
unidade ainda mais perfeita:
ele, o indivíduo, “está nos outros”. A transição de uma vida

exteriorizada para uma vida
equilibrada, onde esse processo
superior tem início, não se faz
por um caminho rápido e fácil.
Grandes caminhadas, porém,
sempre começam com um primeiro passo, e aqui procuramos estimular aqueles que estiverem abertos para dá-lo.
A época é propícia para isso. Conforme vimos, como nada que vem de fora pode trazernos soluções reais, permanece a
alternativa de se tentar “a única coisa necessária”.
Aquela atitude interna de silêncio e de solidão, a que nos referimos, se compreendida amplamente, abre canais para que
algo mais sutil desça para os níveis físico, emocional e mental.
Neste ponto da evolução humana é preciso fazer certo esforço e ter certa concentração para
sair desses esquemas distorcidos da atividade interessada em
resultados, do trabalho que tem
apenas metas humanas. Transformá-lo em ação livre, que
acontece como consequência
dessa abertura inocente, entregar o próprio ser ao Único, a
Deus, assim como ele é, em
uma oferta íntima, silenciosa e
secreta – eis a chave para se compreender nossa época e o modo
de servi-la. I
4 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

Especial

HERÓIS DE
VERDADE
Roberto Shinyashiki mostra como realizar seu projeto de
vida usando a bússola do coração e não o jogo das aparências
Gisele Bortoleto
gisele.bortoleto@diariodaregiao.com.br

A sociedade atual faz acreditar
que para ser uma pessoa de sucesso você precisa ser diretor de uma grande
empresa, ter carro do ano caro, viajar
de primeira classe com dinheiro no
bolso. Mas essa condição já exclui a
maioria das pessoas e reduz a realização a poucos afortunados. Para cada
diretor de empresa, há milhares de
funcionários que não chegaram sequer a cargos de chefia, e essas pessoas são tratadas como uma multidão
de fracassados. Quando elas olham para a própria vida, a maioria se convence de que não valeu a pena, porque
não conseguiu ter o carro, nem a casa
maravilhosa.
Para o psiquiatra e escritor Roberto Shinyashiki, autor de livros como
“Louco por Viver”, “Problemas?
Oba!”, “Os Segredos dos Campeões”
e “Tudo ou Nada” (todos pela ed. Gente), é possível desmontar essas armadilhas. Para isso, primeiro de tudo é importante saber que as pessoas vão convidálo a cair nessas ciladas. Depois, é preciso
reconhecer os “convites” que as pessoas
nos fazem para entrar nessa armadilha:
exigências para que provemos nossa importância, orientações de pessoas queridas, atribuições que nos iludem, provoca-

ções de pessoas maldosas, comparações
destrutivas e pressões indiretas. “A maioria das pessoas envolvidas nesse jogo de
querer mostrar que é o máximo nem percebe que não está conseguindo realizar o
que se propõe”, explica. “Mas mesmo assim insiste em tentar trazer os outros para o lado delas.”
Shinyashiki diz em um dos seus livros, que os “Heróis de Verdade” (ed.
Gente) são aqueles que trabalham para realizar seus projetos de vida e não
para impressionar os outros. São pessoas que sabem pedir desculpas e admitem quando erram. Na obra, ele
aborda um dos principais motivos de
angústia da competitiva vida moderna: a sensação de lutar intensamente
e ainda assim não dar conta de tudo o
que precisa ser feito.
O verdadeiro sucesso na vida para
Shinyashiki é ser feliz. “O problema é
que as pessoas acabam entrando nessa
viagem maluca de querer ser sensacionais em tudo e destroem a sua paz de
espírito”, completa. Na verdade, o
ponto de equilíbrio é aliar a qualidade
de vida ao sucesso. A questão não é
medir o tamanho do sucesso e sim estarmos atentos ao preço que pagaremos para conquistá-lo e, principalmente, lutar por objetivos que tenham sentido para nós. Então, viva
para realizar o que é importante para

você e não o que é importante para os
outros. Vai dar muito trabalho, mas
pelo menos você estará no caminho
certo.
Sobre as exigências do mundo moderno e os verdadeiros heróis de hoje
em dia, Roberto Shinyashiki falou
com exclusividade com a revista BemEstar.
Revista Bem-Estar - Qual deve
ser a maneira de se posicionar perante a vida, sem deixar que as pressões e as cobranças nos dominem.
Qual deve ser essa maneira?
Roberto Shinyashiki - Não seja vulnerável às pressões. As cobranças só
funcionarão se formos carentes. Pense em um agiota. Ele só poderá cobrar
juros abusivos se a pessoa estiver precisando muito de dinheiro. Da mesma forma, sua mãe só poderá lhe cobrar que more com ela se você não tiver como se sustentar, sua professora
só vai pegar no seu pé se você
não tiver feito sua parte, e assim por diante. Se não decidirmos viver para agradar aos outros, essas
pressões não terão
efeito sobre nós, pois as cobranças deles não têm o poder de nos
obrigar a fazer nada contra nossa vontade. A solução mais eficaz é cuidar
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 5

de suas carências para que elas
não deixem você em uma posição
de dependência.
Bem-Estar - Por que a tendência de o mundo enaltecer como
“pessoas de sucesso” apenas
aquelas que atingiram posição de
destaque?
Shinyashiki - As pessoas é que se
cobram um tipo de sucesso incoerente e até irracional. Dentro de um
mundo com valores invertidos, passaram a entender que “ter” é muito
mais importante do que “ser”. E
muitas buscam freneticamente o sucesso e se sentem derrotadas caso cometam qualquer deslize insignificante. Parece que, se não forem sensacionais em tudo o que fizerem, serão consideradas perdedoras. Porque têm que conquistar a cada momento o direito de ter muito dinheiro, ter o carro do ano, ter aquele cargo na diretoria, etc. O resultado dessa busca neurótica é um vazio insaciável, pois ninguém consegue viver a ilusão de ser o máximo por
muito tempo. Uma hora a máscara
cai e o super-herói volta a ser simplesmente um ser humano.

Bem-Estar - E como ficam as
pessoas comuns, que não têm carro do ano, o melhor emprego, que
não são vistas como “bem-sucedidas” pela sociedade?
Shinyashiki - Perceba que em
muitas ocasiões você pode conviver
em um meio com diversos vícios
sem se deixar influenciar por eles. É
fundamental saber que a sociedade
pode nos induzir a fazer escolhas
equivocadas, mas as decisões cabem
apenas a nós mesmos. Existem pessoas que seguem o coração e acordam felizes com a oportunidade de
viver mais um dia. Trabalham com
competência, amam com generosidade, pois sabem que a plenitude da
vida está na descoberta de quem somos, no aprendizado corajoso de ser
quem somos e na capacidade de empreender essas descobertas.
Bem-Estar - Quem são os heróis de verdade no mundo de hoje?
Shinyashiki - Pense nas pessoas
que, com ações generosas, nos indicam um caminho pleno de realizações, sem machucar ninguém, nem
a si mesmas. Esses são os heróis de
verdade. Gente comum que conse-

gue se realizar com muita simplicidade, sem barulho nem fogos de artifício. Que não abre mão de seus valores e cria os filhos com alegria e dignidade. Que não precisa gritar em
sua empresa para ser ouvida. Gente
que não foge de sua vocação para ganhar mais dinheiro. Pessoas que,
em vez de se mirar em celebridades
e buscar o sucesso a qualquer preço,
constroem sua vida com base nos
conselhos de seu coração. Pessoas
que valorizam a essência, não a aparência.
Bem-Estar - Quem são as pessoas que não deveriam ser consideradas heróis, mas que assim se
intitulam?
Shinyashiki - Nessa categoria eu
coloco as pessoas acomodadas. Enquanto os heróis de verdade se dedicam de corpo e alma à realização das
metas do coração, os acomodados
são arrogantes. Eles não batalham
porque se sentem o máximo e pensam que se não dão certo na vida é
porque o mundo ainda não descobriu toda a grandeza que os habita.
São, na verdade, uma modalidade
de heróis de mentira.
6 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

Seja você mesmo
Segundo Roberto Shinyashiki, a acumulação de riquezas e
a ostentação estão deturpando os valores das coisas e das
pessoas. “Em um mundo no qual o dinheiro é mais valorizado
que os sentimentos, a aparência também acaba sendo mais
importante que a essência. Somente o que se mostra importa,
mesmo que seja somente ‘parecer que tem’, ou mesmo
‘parecer que é’. É um mundo de fantasia, em que geralmente a
história não acaba bem. O segredo para resolver isso é um só:
seja você mesmo. O mais simples que você conseguir. E
aproveite a companhia das pessoas queridas e os momentos
de paz consigo mesmo”

Bem-Estar - Você diz que o
mundo corporativo virou um
mundo de faz-de-conta, a começar pelo processo de recrutamento. É contratado o sujeito com melhor marketing pessoal. As corporações valorizam mais a autoestima do
que a competência. Isso significa que as empresas têm um
modelo de gestão que premia
pessoas mal preparadas?
Shinyashiki - Muitas empresas têm pessoal despreparado
para avaliar a competência e os
valores de seus funcionários. E
por isso acabam usando nessa
avaliação
os
mesmos

parâmetros que a sociedade
vem usando, ou seja, valorizando muito mais as aparências.
Além disso, muitos candidatos
a emprego e muitos funcionários têm um dom especial: o de
interpretar papéis que não correspondem à realidade. Ou seja, tentam vender uma imagem
superior à própria competência. São mestres no marketing
pessoal. Fazem muito barulho,
só que com pouco ou nenhum
resultado. O curioso nessa história é que as empresas se iludem e, ao mesmo tempo, fazem
os candidatos entrar no jogo de
se mostrar maravilhosos. Nas

entrevistas de emprego, por
exemplo, o discurso é praticamente o mesmo.
Bem-Estar - Qual o risco
para as corporações nesse
caso?
Shinyashiki - O risco é realmente de premiar pessoas mal
preparadas e contratar pessoas inadequadas para os cargos a que se candidatam. E
daí ter de arcar com todas as
consequências desses erros,
como objetivos e metas não
atendidos, mal atendimento
aos clientes, falhas de produção, entre outras.
Bem-Estar - Lidamos com

pressão de todos os lados.
Como não se deixar abalar
se somos cobrados o tempo
todo e não ser jogado para fora da estrada por viver de forma diferente do que o mundo
espera?
Shinyashiki - Para que a
pressão do mundo não nos sufoque, é fundamental saber que a
sociedade pode nos induzir a fazer escolhas equivocadas, mas
as decisões cabem apenas a nós
mesmos. Porque somente nós
podemos saber o que nos faz felizes. Para que a síndrome das
aparências tome conta de suas
ações, é preciso que a pressão

social se some a uma fraqueza
sua. Não adianta, portanto, se
angustiar e ficar com medo da
rejeição da sociedade, ou ainda
sair por aí brigando com todo
mundo na tentativa de evitar as
pressões. Não adianta discutir
com um agiota por causa dos juros extorsivos que ele cobra,
pois o único caminho que funciona é você sanear suas finanças. A solução mais eficaz para
não ceder às pressões da sociedade é cuidar de suas carências
para que elas não deixem você
em uma posição de dependência. Se você não precisar que alguém lhe diga que você é im-
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 7

Heróis de verdade não abrem mão de seus
valores e criam os filhos com alegria e dignidade.
Não precisam gritar em sua empresa para serem
ouvidos. Não fogem de sua vocação para ganhar
mais dinheiro. Constroem sua vida com base nos
conselhos de seu coração. Valorizam a essência,
não a aparência

portante para se sentir importante, não ficará dependente da
opinião alheia.
Bem-Estar - Como as pessoas podem se livrar dessa tirania da aparência?
Shinyashiki - É preciso estar muito consciente para não
embarcar nesse jogo de aparências e não se deixar envolver
em atividades sem sentido para
sua vida. Quem vive de aparências evita demonstrar que fraqueja – e essa pessoa jamais entenderá suas próprias dores. O
que posso garantir é que o jogo
das aparências é intenso e não
vai ser interrompido se você

não estiver bem consciente de
suas escolhas. O primeiro passo é ter mais humildade. Humildade para ter coragem de se
colocar na posição de aprendiz
da vida. Para recuperar nossa
essência, precisamos ter a humildade de nos ajoelhar e investigar o que está acontecendo.
Temos de saber olhar dentro
de nós mesmos e nos dispor a
seguir em nosso caminho de
evolução, com humildade para
reconhecer os erros que cometemos ao longo da jornada e
aprender com eles.
Bem-Estar - Por que tanta
gente tem corrido atrás de so-

nhos que não são delas?
Shinyashiki - Para manter
as aparência e ser aceito num
mundo de aparências. Afinal,
assumir nossos objetivos exige
muita coragem em um mundo
que quer definir o que é sucesso. Assumir nossos sentimentos exige muita ousadia em
uma sociedade que nos pressiona para sorrir o tempo todo. Assumir nossos erros exige muita
clareza em um mundo que parece feito de pessoas que sempre
ganham todas. Assumir nossa
ignorância exige muita humildade nesse mundo de quem sabe tudo.

Bem-Estar - Por que é tão
difícil ser autêntico, uma vez
que têm de assumir muitas
máscaras para conseguir
manter o emprego, a família e
os amigos?
Shinyashiki - Na verdade,
as pessoas não querem tirar as
máscaras porque têm medo de
ver o que há por baixo delas. E
têm medo que os outros a vejam como elas são. Nossa máscara de sensacional não é uma
máscara de ferro. É uma máscara de barro, e para retirá-la precisamos lavá-la diariamente
com a água da consciência. O
barro vai saindo aos poucos

com a água e, ao mesmo tempo
que essa máscara se desfaz, começamos a ver e sentir nosso
verdadeiro rosto. Descobrimos
que nossa face original não tem
o mesmo tipo de beleza da máscara, mas é autêntica e tem a
força da alma. Nosso rosto verdadeiro tem algumas rugas, alguns traços de tristeza, certamente algumas cicatrizes de batalhas do passado, mas também
tem a serenidade de quem lutou e venceu, a sabedoria de
quem lutou e perdeu, e, principalmente, a fé das pessoas que
sabem que ainda têm muitas
histórias para viver. I
8 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

Autoconhecimento

O mar sempre
se acalma
Para atravessar a tempestade e encontrar a bonança, é preciso
ter paciência, equilíbrio e a certeza de que tudo vai dar certo
Gisele Bortoleto
gisele.bortoleto@diariodaregiao.com.br

Uma conhecida passagem da
Bíblia, o livro sagrado dos cristãos, conta que Jesus atravessava
de barco com seus discípulos, indo de Jerusalém na direção de
Cafarnaum, às margens do Mar
da Galileia. A viagem era tranquila, com sol claro, águas serenas e ventos calmos. De repente,
a calmaria deu lugar à tempestade e o tempo escureceu, os ventos sopravam em sentido contrário e as águas geraram violentas
ondas. Com a turbulência, o barco começou a naufragar, assustando a todos, que imaginaram

que seria o fim de tudo.
Assim também é a vida e não
são poucas as pessoas que já experimentaram algum tipo de situação em que, de repente, tudo que
caminha aparentemente bem se
transforma: o grande amor da
sua vida pede um tempo, a pessoa mais velha que servia como
modelo e inspiração adoece, o
medo paralisa, um problema
inesperado atinge as finanças da
sua empresa.
A verdade é que os reveses
acontecem com todo mundo,
dos sentimentos às relações de
amizade, da saúde aos planos
mais corriqueiros, tudo é sacudido pela força dos ventos contrá-

rios e pela fúria das águas turbulentas. A impressão que se tem é
que diante de alguns acontecimentos a vida vai naufragar de
uma hora para outra.
Diante dessas mudanças, a
primeira sensação é de revolta.
Nunca estamos preparados para
as “tempestades ameaçadoras”,
porque imaginamos que somos
imunes ao lado trágico da vida, o
que é errado. Mas a verdade é
que ninguém está imune aos
acontecimentos inesperados. O
que muda é a forma como cada
um lida com as adversidades. Cada uma das situações, à sua maneira, requer uma rápida capacidade de adaptação ao novo, à mu-

dança. Mudança de ponto de vista, de crença, de casa, de amor ou
ramo de negócio.
Pode parecer resiliência - a
capacidade de lidar com as dificuldades e superar obstáculos -,
mas a verdade é que podemos
aproveitar até mesmo a escuridão para nos fortalecer. Não precisamos passar por cima da frustração de algo ter dado errado, como se fôssemos invencíveis. Somos seres humanos passíveis de
derrotas. E é com a derrota que
temos bagagem para vencer novamente. Essa deve ser a lição
que nos torna mais fortes.
Um das frases mais comuns
diante de situações que deram

errado é: “depois da tempestade, vem a bonança". O ditado
popular significa que, na vida,
depois de situações ou fases
complicadas, vem um tempo
de felicidade e sossego. O ditado é muitas vezes usado para
encorajar pessoas a se manterem firmes e com esperança
mesmo durante as fases mais
turbulentas.
No episódio bíblico, os discípulos, ao perceberem que iriam
naufragar, chamaram por Jesus,
que dormia, e logo veio o socorro e a vitória. Quando Ele ordenou, as águas e os ventos o obedeceram. Tudo ficou calmo. Só
que na vida não é tão simples as-
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 9

Enfrente seus medos
Está certo que o medo é protetor em determinadas ocasiões e
garante nossa sobrevivência ao
impedir que pensemos em dirigir
um carro a 160 quilômetros por
hora. Só que o temor em excesso
pode nos privar de ter uma vida
de verdade, uma vez que ele funciona como um ímã: atrai cada
dia mais receio até paralisá-lo. O
medo paralisa quando você não
entende que ele é um sentimento
que pode incentivar a vencer e a
superar obstáculos inesperados.
“Entender como os sentimentos
nos tocam é o caminho para lidar
com eles, para aprender a deixálos no controle e não que nos consumam a tal ponto que não pensa-

mos ou agimos com equilíbrio”
diz a psicoterapeuta e escritora
Beth Valentim, autora do livro
“Essa Tal Felicidade”.
"A bonança pode vir se você
estiver preparado para viver os
conflitos, mas isso exige maturidade psicológica", ressalta. As
"tempestades" são fortes, muitas vezes, mas elas nos ensinam
a viver, nos trazem enredos de
vida e, se prestarmos atenção e
agirmos com cautela e precisão, são esses temas que vão
nos impulsionar para o sucesso. Então, que venham os medos, as tempestades, porque
sempre depois de uma dor, seja
qual for, virá a bonança. Para

atravessar a tempestade é preciso paciência, equilíbrio, muito
amor-próprio e a certeza de que
você construiu o melhor, portanto, tudo vai dar certo. "Se tiver dúvidas sobre si mesmo, então, a tempestade arrasta você
com ela", explica.
“Os seres humanos, por natureza, temem a mudança, mesmo que ela seja imposta. Assim
que você se acostuma a uma situação começa a sentir que é menos ameaçador manter as coisas
como estão do que tentar mudálas – mesmo que mudar seja exatamente o que precise fazer.
Quanto mais permanecemos
inativos, mais o medo da mu-

dança se acumula e mais difícil
se torna seguirmos adiante. Por
outro lado, quanto mais nos forçamos a enfrentar o que nos angustia, mais facilmente aceitamos uma possibilidade de mudança”, diz o psicoterapeuta norte-americano Jonathan Alpert,
autor do livro “Vença Seus Medos” (ed. Sextante).
Osho, um dos líderes espirituais indianos mais provocativos
do século 20, diz em seu livro “O
Prazer de Viver Perigosamente Dicas para uma nova maneira de
viver” (Ed. Cultrix) que a tendência natural é de evitar os imprevistos, como se eles sempre significassem uma ameaça. A melhor

forma de nos libertarmos do medo é aceitar as mudanças como
oportunidades de crescimento
em nossa jornada evolutiva. “Basicamente, coragem é por em risco o conhecido em favor do desconhecido, o familiar em favor
do estranho, o confortável em favor do desconfortável – árdua peregrinação rumo a algum destino desconhecido”, explica. Nunca se sabe se você será capaz de fazer isso ou não. É um jogo arriscado, mas só os jogadores sabem o
que é a vida. Como diria o escritor
Fernando
Sabino
(1923-2004): “No fim tudo dá
certo. Se não deu certo, é porque
ainda não chegou o fim”. (GB)

sim. Quando estamos no meio
do furacão acreditamos que ele
nunca irá terminar, nossas energias e concentração focam no
problema e não nas soluções.
Também não damos o tempo necessário para que a tempestade
passe. A paciência inteligente
mostra que basta esperar e lutar,
não desistir nunca. Foi graças às
doenças que o homem descobriu medicamentos e cura. E, assim, se não houvessem em nossas vidas os obstáculos não haveria evolução, superação; é na dificuldade que criamos grandes
descobertas, produzimos conhecimentos, encontramos forças
para superar.

"No desenvolvimento da
criança, cada troca de ilusão pelo
reconhecimento da realidade é
também um teste para sua capacidade de suportar adversidades.
Tarefa que pode ser menos penosa quando resguardada pelo
amor dos pais, ou daqueles que
estiverem dedicadamente desempenhando essa função", diz o psicoterapeuta Renato Dias Martino, autor de livros como “Para
Além da Clínica” (Inteligência
3) e Primeiros Passos Rumo à
Psicanálise” (Vitrine Literária).
Um modelo que servirá para a vida toda, permeando cada situação de enfrentamento de situações desagradáveis. A capacida-

de de enfrentar e superar adversidades – ressalta - é a base de um
bom funcionamento mental.
Tendo como condição o fato de
que o restabelecimento deve
ocorrer como um processo lento,
se estivermos falando de um procedimento saudável.
Sigmund Freud (1856 –
1939) escreve sobre essa experiência em seu texto "Luto e
Melancolia" (1917), em que observa que o sujeito que não é capaz de viver o processo do luto
daquilo que foi perdido cai
num estado de melancolia, o
mundo perde a graça e ele, então, não consegue ver motivos
para continuar vivendo.

A desventura é por si só
uma experiência de difícil superação e quando isso vem sem
previsão passa a ser muito mais
complexa para ser ultrapassada. Não existe uma receita prévia ou qualquer que seja a medida preventiva para que isso não
abale o curso da vida, entretanto, o cultivo de relações saudáveis em vínculos profícuos pode trazer o amparo necessário
para gerar coragem.
"Através da genealogia da
palavra coragem parece ficar
claro o imperativo dessa expressão. Esse vocábulo é o resultado da junção de 'cor', que significa coração, mais 'agem', que

alude à ação, literalmente articulamos o agir com o coração",
complementa Martino. Um coração empobrecido não é adequado para agir. Agir pelo coração é ser capaz de amar e a capacidade de suplantar a mudanças inesperadas só pode surgir
do amor. Ao contrário disso, essa crise nunca poderá trazer alguma expansão mental e maturidade, que é o que se pode extrair de positivo de situações como essa. Nessa configuração,
só pode ser possível suplantar
um infortúnio severo que venha de forma abrupta se o sujeito estiver nutrido, de alguma
forma, de amor. I
10 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

Crescimento

Faça a escolha certa
Assuma uma direção nova para sua vida. Comprometa-se com a mudança
sem pensar no que vai ficar para trás. O que está à frente importa mais
Gisele Bortoleto
Gisele.bortoleto@diarioweb.com.br

Todos nós ficamos felizes
quando temos opções de escolha.
Pode ser no trabalho, no relacionamento ou em qualquer área da nossa vida. Gostamos de saber que
não temos um único caminho a seguir. E por isso temos de fazer escolhas diariamente. A maioria delas é inofensiva, como “levantar
ou ficar na cama mais um pouco?”
“qual roupa vou usar hoje?”, “sair
ou não de casa à noite?”. Mas algumas escolhas são mais difíceis e
decisivas: “mudo de emprego ou
invisto mais no atual até uma promoção”?, “tenho filhos agora ou
invisto na carreira?”. Diante de
uma variedade grande de caminhos a seguir, temos dificuldade
para escolher e, muitas vezes, acabamos ficando paralisados. E isso
coloca seriamente em risco nossa
felicidade.
Existe uma força capaz de mudar qualquer parte de sua vida. E
onde ela está? Como acioná-la? Todos sabem que para obter novos resultados temos de realizar novas
ações, mas devemos compreender
que todas nossas ações são geradas
por uma decisão: a força da decisão
é a força da mudança. "A habilidade
de tomar decisões assertivas e eficazes é uma das competências mais
importantes que uma pessoa pode
desenvolver", diz o coach Rogério
Martins, presidente da Academia
Brasileira de Coaching.
São as nossas decisões, não as
condições de nossas vidas, que determinam nosso destino. “A forma como você vive hoje é o resultado de com quem decidiu passar
seu tempo, o que decidiu aprender ou não, o que decidiu acreditar, suas decisões de desistir ou
persistir, suas decisões de casar, ter

filhos ou não, suas decisões sobre o
que comer, suas decisões de fumar
ou beber, suas decisões sobre quem
é e do que é capaz", complementa
Martins. Todos esse fatores controlaram e orientaram sua vida. Se queremos de fato mudar nossas vidas,
temos de tomar algumas decisões
novas sobre o que representamos e
o que queremos.
“Nossas escolhas sempre são
fundamentadas por um ganho,
uma motivação”, diz Alexandre
Caprio, psicólogo cognitivo-comportamental. Ele explica que diante de escolhas mais complexas devemos considerar o que queremos
de melhor para nós e não o que os
outros querem que façamos.
Como passamos a vida toda tomando decisões, muita gente não
percebe que o momento da escolha
é muitas vezes também de ansiedade. Para reduzi-la, deve haver preparo e um real empenho do indivíduo. “Por isso, nossas escolhas devem ser pautadas em nossa motivação. O comprometimento e a dedicação verdadeira nos direcionam
com tranquilidade dentro do caminho escolhido, sem que fiquemos
nos cobrando e nos censurando por
não haver empenho na nossa meta”, diz Caprio. Mas ele nos tranquiliza: a renúncia nunca é completa.
Sempre renunciamos em prol de algo. A troca sempre deve nos trazer
um benefício maior. O que ocorre é
que muitas vezes renunciamos a
um ganho imediato para um bem
maior que virá.

Escolha o irreversível
O psicólogo norte-americano
Barry Schwartz dedicou grande parte dos seus estudos para analisar a
capacidade humana de decidir em
meio a muitas alternativas. "Quando há muitas opções, você passa a

ser responsável pelo que acontece
com você”, afirma Schwartz.
Segundo ele, um passo importante é não criar grandes expectativas sobre o resultado. Ser otimista é
bom, mas você não deve depositar
toda a esperança do mundo em seus
projetos. “Expectativas muito elevadas acabam gerando frustrações
maiores ainda”, explica o norteamericano. Optar por decisões que
sejam irreversíveis é um passo importante para adotar a escolha certa, segundo ele. Diante de uma série de oportunidades, às vezes, optamos por deixá-las todas em aberto.
“Mas isso faz com que você não se
jogue verdadeiramente em nenhuma delas”, diz. Não fique na corda
bamba. A possibilidade de mudança atrai o ser humano e o confunde.
Por isso, tomar decisões em que você não pode voltar atrás é uma boa
pedida – até porque, segundo a pesquisa de Schwartz, as pessoas se
conformam mais rápido com situações imutáveis e, a partir disso, fica
mais fácil alcançar a felicidade.
Outro passo é não prestar atenção no que os outros fazem ou dizem. Isso porque as pessoas são diferentes umas das outras.

Carma
A vidente Marina Gold
explica que, embora sempre nos esforcemos para
fazer a melhor escolha,
o carma sempre está
paralelo a elas. Não
podemos nos esquecer que muitas
das nossas escolhas, que às vezes achamos
conscientes,
estão atreladas a um
carma da

evolução, a alguma coisa que deveria ter se resolvido no passado e
não se resolveu. Muitas vezes, decidimos inconscientemente para que
problemas do passado se resolvam
da melhor forma possível. “Nesse
caso, você nunca poderia ter feito
uma escolha diferente porque você
a faz não só determinado pela vontade, pela dificuldade, pelo momento ou pela necessidade, mas
por heranças de situações que, se
não tiverem se resolvido, ainda terão de se resolver”, explica. E quando escolhemos, nunca sabemos o
que está realmente envolvido.
“Não podemos achar que a escolha
é isenta e que tem a ver apenas com o momento
atual”, explica.
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 11

Especialistas ensinam como
tomar as decisões certas
Coloque no papel os prós e os contras
Se você está confuso e não sabe qual o melhor caminho a seguir, coloque os
prós e os contras de cada situação num papel. Isso vai ajudar você a tomar a
decisão mais sensata. O critério de escolha não é o que tiver mais pontos a favor.
Às vezes, um “contra” pode valer mais do que vários “prós”. “Esse exercício serve
para desconfundir”, diz a psicóloga Kátia Ricardi de Abreu, especialista em análise
transacional. Quando você coloca a decisão a ser tomada num papel, consegue
um mapeamento da situação. “O raciocínio lógico vai ficando descontaminado e a
decisão a ser tomada se torna mais clara”, diz

Veja se sua decisão o realiza
Pergunte-se: “minha decisão me realiza, me dá prazer ou gera algum tipo
de aprovação que me faz sentir aceito, aliviado?” As pessoas confundem a
sensação de aprovação e aceitação com realização pessoal. Não são a mesma
coisa. “Conheço sujeitos que procuraram atender as expectativas da mulher,
do pai ou da mãe, alterando drasticamente seus sonhos, e agora se
descobrem doentes, hipertensos, compulsivos, ansiosos ou deprimidos”, diz o
psicólogo Alexandre Caprio. Sufocar os sonhos é morrer asfixiado, lenta e
dolorosamente. Somos únicos, temos aptidões únicas e um incrível diferencial
para oferecer aos outros. Descobrir nossas verdadeiras paixões e caminhar na
direção delas é a verdadeira chave para a felicidade. “O resto é desperdício de
talento”

Tome a decisão concreta
Stock Images/Divulgação

A única maneira de mudar sua vida é tomar uma decisão concreta.
"Uma decisão concreta significa que você corta qualquer outra possibilidade
além da que decidiu converter em realidade", diz o coach Rogério Martins,
presidente da Academia Brasileira de Coaching. O escritor e palestrante
motivacional norte-americano Anthony Robbins tem uma frase: “É nos
momentos de decisão que seu destino é traçado.” Não é o que está
acontecendo agora ou que lhe aconteceu no passado que determina
quem você se torna. Ao contrário, são suas decisões
sobre o que vai focalizar, o que as coisas
significam para você e o que vai fazer a respeito
que determinarão seu destino

Clareza sobre o que precisa decidir
Tenha conhecimento da causa. Ter
clareza antes de decidir é a primeira coisa.
Sem ela, não é possível fazer uma boa
avaliação. “Escolha o que é melhor para
o seu sossego, o caminho que for
melhor para você lidar com ele”, diz a
vidente Marina Gold. Por mais que
você precise escolher, é preciso ter
clareza de onde você vem. É
preciso tentar descobrir em
algumas situações porque
estamos em uma determinada
encruzilhada, o que pode
estar motivando esse
momento de escolha nesse
momento. “Será que tem
algo a mais que eu
tenho que intuir e
tentar decifrar
com minha
sensibilidade?”,
questione-se. Aí
terá condições
de decidir I
12 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

Relacionamento

Para não cair na rotina
Improvisar, mudar, inventar, surpreender. Momentos mágicos também
fazem parte da vida real. Mas a qualidade da vida a dois requer empenho
Stock Images/Divulgação

Juliana Ribeiro
juliana.ribeiro@diariodaregiao.com.br

Será que existe uma receita
milagrosa para não deixar o relacionamento cair na rotina? A
resposta é não. Todo relacionamento deve ser cuidado e cultivado com muito carinho e
amor por ambas as partes envolvidas. “O que acontece é que
não há um cuidado em preservar a relação. Se não zelar pela
relação, ela acaba. Mesmo que
ainda exista aquele sonho de
príncipe e princesa, o que as
pessoas realmente precisam entender é que uma relação amorosa é igual ao jardim: se você
não cuidar, vira mato. É uma
questão de cuidar e de dar importância ao outro. O casamento nunca está pronto, ele é uma
constante de aprendizado e evolução a dois”, explica o psiquiatra e psicanalista Luiz Alberto
Py, do Rio de Janeiro.
Algumas pessoas resgatam
o romantismo e o amor sincero, ou que acreditam ser sincero, durante as férias. Esquecem
que aquelas duas, três semanas
eram reais e, assim que abrem a
porta de casa, logo proclamam
a famosa e velha frase: de volta
à realidade. “Será que a pessoa
realmente acredita que o que
ela viveu ao longo dessa semanas não foi real? Foi virtual,
fantasioso, um sonho ou até
mesmo um momento de loucura, em que os protagonistas
eram eles, mas em outros corpos? Não dá para entender porque dizer de volta à vida real como se aquela vida não fosse a
real”, alerta o psicoterapeuta
de orientação junguiana Alberto Lima, de São Paulo.
Na concepção de Lima, é necessário entender que de férias
ou não algumas atitudes na vida do casal não podem ser vis-

tas como extraordinárias. “Há
algo de insensato na rotina (como os perigos da alienação, do
'workaholismo', do tédio e da
depressão), do mesmo modo como se pode divisar algo de sensato no lazer e no prazer (a diversidade, a chance de respirar,
o trazer para o primeiro plano
da consciência dimensões de
nosso ser que normalmente ficam nas sombras).
O psiquiatra e psicanalista
Luiz Alberto Py dá um alerta
importante. “Todo mundo fala
em não deixar o casamento cair
na rotina, mas ninguém percebe que a relação consigo mesmo também se deteriora na
mesma direção e proporção,
principalmente a pessoa que
não tem tempo para ela mesma”, diz.
Antes de viver um grande

amor é preciso se amar. Ter um
tempo para si, refletir o que
quer da vida, quais seus desejos
e sonhos. Quem não vive bem
consigo mesmo não consegue
viver bem com o próximo. Primeiro é necessário se salvar para só depois tentar salvar qualquer coisa ao seu redor. “Nessa
época do ano, em que nos questionamos mais, em que colocamos na balança nossos erros e
acertos, em que planejamos o
futuro, é o momento ideal para
pensar em você e repensar sua
relação. Comece se perguntando o que você realmente quer
da vida? Quais são suas prioridades? O que o faz feliz? E também porque colocar sempre a
relação em segundo plano? O
casamento é uma plantinha
que precisa ser regada e protegida para sobreviver”, diz Py.

Improvise para acertar
Para o psicoterapeuta Alberto Lima, se pudermos inserir
mais contrapontos episódicos
em nossa vida certamente seremos mais saudáveis. “Isso vale
para indivíduos e, em especial,
para casais. Improvisar, mudar,
inventar, surpreender, desconstruir, criar, frustrar expectativas, sussurrar bobagens de
amor no meio da tarde, vestir
uma calcinha de cetim, trazer
docinhos para o jantar, sequestrar a parceira para um canto secreto do apartamento, comprar
passagens para a Tailândia fora
de temporada, alugar um chalé
na montanha – tudo isso pode
ter o significado de abertura para uma vida mais plena, mais
cheia de graça, prazer e gozo e,
não menos importante, real, vi-

da real. A rotina e o trabalho
permanecerão no lugar de honra que sempre tiveram, mas serão temperados com bom molho. A graça, o prazer e o gozo
se distribuirão melhor pela vida. Será mais fácil tolerar os
conflitos e as adversidades e encontraremos maior motivação
para o repetitivo e o previsível.”
De acordo com os especialistas, é preciso fazer pelo próximo aquilo que gostaríamos de
fazer por nós mesmos. Todo
mundo precisa de um tempo para olhar para dentro, mas é preciso desabrochar e surpreender o
parceiro. Prestar atenção aos pequenos detalhes. Um bilhete de
bom dia não custa nada e pode
lhe render uma noite de prazer.
Resgatar a vida a dois não é tão
difícil quanto parece, mas é preciso dar o primeiro passo. I
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 13 - TV

Bastidores

Set internacional
Pontos turísticos da Áustria marcarão o começo da terceira fase de "Em Família"
Divulgação

Agência Estado

Quando os destinos dos personagens de "Amor à Vida" forem finalmente selados, entrará em cena a nova novelada Globo, "Em Família", de autoria de
Manoel Carlos. A emissora não
confirmou a data, mas a previsão é de que a trama estreie no
dia 3 de fevereiro. Para isso, o
ritmo de gravações foi acelerado e uma parte dos profissionais envolvidos no folhetim
viajaram para Viena, na Áustria. É lá que será dado o ponto
de partida da terceira fase e a
principal da trama, que se passa nos dias atuais.
A nova história do novelista, que sempre coloca seus personagens vivendo no bairro do
Leblon, no Rio de Janeiro, começa na década de 1980, com
os protagonistas ainda crianças
no interior de Goiás. Nessa primeira fase, os primos Laerte e
Helena fazem um pacto de sangue e de amor.
No desenrolar da história,
eles não vão casar na juventude
por conta de uma tragédia, que
a emissora está mantendo em
segredo. Assim, os dois seguem
suas vidas e vão se reencontrar
20 anos depois.
A viagem internacional do
elenco marcará um encontro
inesperado entre Luiza (Bruna
Marquezine) e Laerte (Gabriel
Braga Nunes), que se tornou
um talentoso flautista clássico.
Ao ver a jovem, que é filha de
Helena (Julia Lemmertz), sua
prima amada na juventude, ele
fica absolutamente impressionado com a semelhança entre
elas. A atriz Bruna Marquezine
vive Helena na segunda fase da
trama, enquanto Laerte é interpretado na fase jovem por Guilherme Leicam.
No Estado de Goiás, a produ-

ção passou cerca de um mês gravando as duas primeiras fases da
trama, que mostraram a infância
e a adolescência dos personagens principais. Em seguida, para gravar as cenas na capital austríaca, a Globo enviou 40 pessoas do Rio de Janeiro, o que inclui sete atores da trama: Gabriel Braga Nunes, Helena Ranaldi, Bruna Marquezine, Bruno Gissoni, Erika Januza, Sacha
Bali e Roberta Almeida.
O diretor de núcleo Jayme
Monjardim e o diretor-geral
Leonardo Nogueira comandaram os trabalhos por lá, que duraram dez dias. Como na Europa está frio, meia tonelada de

roupas foram enviadas para Viena. "Levamos figurinos mais sóbrios, mas procurando sempre
dar um toque de cor através de
um cachecol ou chapéu", diz a figurinista Marília Carneiro.
O frio abaixo de zero não
impediu que a equipe e elenco
aproveitassem a cidade. Além
disso, quase todas as gravações
aconteceram em pontos turísticos, como a Catedral de San Esteban, o Museu de Arte Moderna, o Parlamento, o Palácio De
Schonbrunn, o Mercado Municipal, o HundertwasserHaus, o
Jardim de Stadtpark, o Museu
do Freud e o Parque Prater.
"Quando terminávamos de

gravar, nos reuníamos para fazer passeios pela cidade, mas as
próprias locações que escolhemos já eram mágicas", conta
Jayme Monjardim.
As imagens dessa viagem serão apresentadas de forma diferenciada na trama. Os diretores
optaram por utilizar uma câmera especial, que proporcionou
mais agilidade e resultará em
uma textura mais granulada.
"Utilizamos um equipamento
diferente do que usamos nas
nossas gravações no Brasil. Produzimos as cenas com uma cor
especial para valorizar a luz e
as características da cidade para marcar bem o contraste en-

tre Viena e o Rio de Janeiro",
comenta Leonardo Nogueira.
Na trama, as personagens de
Bruna Marquezine e Julia Lemmertz, que são mãe e filha, vão
disputar o amor de Laerte. Helena Ranaldi também será apaixonada por ele. Sua personagem,
Verônica, é uma maestrina que é
ex-aluna do músico. Por amor e
admiração ao seu professor, ela
vai acabar aceitando situações
que a fazem sofrer.
Na sinopse inicial de "Em
Família", Manoel Carlos apresenta sua nova novela como
uma trama onde não existem vilões ou mocinhos, mas pessoas
que erram, amam e perdoam. I
TV -

14 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

Corpo

De olho nos abusos
Preparador físico e apresentar Marcio Atalla estreia novo programa:
“As pessoas cometem loucuras o tempo todo em nome da estética”
Divulgação

Agência Estado

A diminuição de carboidrato na alimentação sem orientação, a inclusão de shakes milagrosos na dieta e a prática desordenada de exercícios físicos.
Com o verão batendo à porta,
esses comportamentos passam
a ser comuns na rotina de
quem corre contra o tempo para melhorar a aparência física.
É o que mostra o programa
"Loucuras de Verão", que estreia em 7 de janeiro, a partir
das 20h, no canal pago GNT.
"A atração se propõe a discutir a loucura das pessoas e a
dar dicas e conselhos", adianta o preparador físico das estrelas e apresentador Marcio
Atalla. Cerca de dois anos
após o fim do "BemEstar", no
GNT, no qual dava dicas para
a reeducação dos hábitos e mudança de estilo de vida, Atalla
volta à emissora com um programa feito sob medida. "Eu
já tinha esse projeto guardado
há um tempo. Estava somente
esperando para sair da gaveta
e ir ao ar", conta ele.
Apesar do nome do programa, para Atalla, os exageros têm
sido cometidos em todas as estações. "Na verdade, as pessoas cometem loucuras o tempo todo em
nome da estética. No verão, essa
história fica ainda mais perigosa."
Com a ajuda de especialistas, o preparador físico identifica os erros cometidos por convidados, como regimes radicais,
exercícios físicos praticados
em excesso e uso de suplementos sem orientação médica.
Em oito episódios, "Loucuras
de Verão" pretende abordar ainda
temas como dietas que entram e
saem da moda e mitos da malhação. "Dos quatro programas que

gravei até agora, diria que a história da Cacau é a mais impressionante. Uma mulher bem forte e
grande, mas muito doce e meiga,
que mudou completamente de vida. Ela é feliz hoje, mas usa e abusa de produtos desnecessários e
malha muito pesado."
Mesmo sabendo o caminho
equilibrado para estar em boa forma, Atalla confessa que comete
seus pecados. "Não costumo fazer
loucuras, mas, como sou
'fominha' por bola, posso passar
horas jogando tênis ou vôlei de
praia, debaixo de um sol escaldante, o que não é nada saudável", admite. O preparador físico já foi
visto praticando esses esportes no
quadro "Medida Certa", do "Fantástico" (Globo), no qual propõe
programas de emagrecimento às
celebridades desde 2011.
No dominical, os primeiros
nomes a colocarem em prática
seus ensinamentos foram os
apresentadores Zeca Camargo
e Renata Ceribelli. Na
sequência, Atalla orientou o exjogador de futebol Ronaldo Fenômeno, que começoua participar do programa com 118 quilos e terminou com 101. Os
mais recentes, entre setembro e
dezembro deste ano, foram Preta Gil, Gaby Amarantos, Fábio
Porchat e César Menotti.
Tanto para os astros e as estrelas do "Medida Certa" quanto para os telespectadores comuns, a recomendação dele costuma ser a mesma: para esse verão, incorpore bons hábitos,
mas não os abandone jamais.
"Praticar atividades físicas, cinco vezes na semana, e comer
com equilíbrio, para muitas pessoas, pode parecer loucura. Os
sedentários podem achar loucura. Eu acho normal e saudável.
Loucura seria não fazer". I
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 15 - TV

Fique Ligado
Agência Estado

Novos rumos

Pré-produção

Retorno agendado

Depois de levar o personagem Crô ("Fina Estampa")
aos cinemas, em filme homônimo lançado no fim de
2013, Marcelo Serrado está de olho no futuro. Em
abril, o ator volta ao set de filmagem para gravar "No
Retrovisor", longa-metragem baseado em um espetáculo de Marcelo Rubens Paiva, ao lado dos amigos
Otávio Müller e Mauro Mendonça Filho.

A protagonista da novela "Amor Eterno Amor"
(2012), da Globo, Letícia Persiles, volta a atuar na
TV com a série "A Segunda Vez", no canal pago Multishow. Sua personagem será uma das prostitutas da
história, que é baseada no livro "A Segunda Vez que
te Conheci", de Marcelo Rubens Paiva. A atração será dirigida por César Rodrigues.

Em 18 de março, Quinn Fabray (Dianna
Agron) estará de volta à trama de "Glee" (Fox),
nos EUA. Nesta data, a atração comemorará seu
centésimo episódio. Harry Shum Jr., Mark
Salling, Amber Riley e Heather Morris também
são esperados. A ideia dos produtores é promover uma votação on-line para escolher as apresentações musicais comemorativas.

Novos rumos (2)

Mais do mesmo

Já no fim do ano, é a vez de ele dar vida ao maestro
João Carlos Martins no longa-metragem "João". Sobre novelas, o ator ainda não revela qual será seu próximo personagem, mas adianta que pretende trabalhar, mais uma vez, com Luiz Fernando Carvalho,
diretor responsável pela próxima trama das 18h da
Globo, "Meu Pedacinho de Chão".
SEM DESAVENÇAS
A suposta recusa de Fábio Porchat em apresentar o
programa matinal "Encontro com Fátima Bernardes", durante as férias da mulher de William Bonner, pode não ter azedado as relações entre ele e a
Globo. Isso porque corre nos bastidores a notícia de
que o diretor de núcleo Maurício Farias estaria de
olho em uma série para o humorista. Ainda não há
informações oficiais sobre o programa.

Depois de ter sua volta ao "CQC" cogitada pela
imprensa e por Oscar Filho, que deixou recentemente a bancada do programa, Rafinha Bastos
confirma apenas sua participação na nova temporada de "A Liga". Já Dani Calabresa pode ganhar
um projeto solo na Band.

Espaço para a bola

Na telona

Além da nova novela para a faixa das 19h, "Geração
Brasil", que deve sofrer uma interrupção e ganhar
uma edição especial na internet, outro programa da
Globo será afetado pela Copa do Mundo. Mas, diferentemente do folhetim, a nova temporada "A Grande Família" tende a incluir o tema em seus episódios. Ao que tudo indica,esse será o último ano dos
membros da família Silva na televisão.

Além da novela "Em Família", Giovanna Antonelli
será vista nos cinemas neste ano. A atriz é a protagonista da comédia romântica "S.O.S ? Mulheres ao
Mar", de Cris D?Amato. O longa-metragem revela a
vida de Adriana,uma tradutora de filmes eróticos
que embarca em um cruzeiro com a irmã, Luíza (Fabiula Nascimento), para reconquistar o ex-marido.

Atrás das câmeras
Murilo Benício começa a tocar o plano de dirigir seu
primeiro longa-metragem. O material pretende mostrar o passo a passo da adaptação da peça "O Beijo no
Asfalto", de Nelson Rodrigues. Intitulado "O Beijo,
o Processo", o filme deve contar com Stênio Garcia
no elenco. Andrucha Waddington e Amir Haddad
irão colaborar com o projeto.

Atrás das câmeras (2)
Por falar em Murilo Benício, ele será visto a partir
do dia 6 na minissérie "Amores Roubados", da Globo, que conta com direção geral de José Luiz Villamarim. O ator também está escalado para a novela
"Geração Brasil". No folhetim, seu personagem deve
se envolver com o de Cláudia Abreu ("Cheias de
Charme"), em uma espécie de triângulo amoroso.

Longe da TV
Vítima de uma suposta inflamação nos ossos do pé,
Xuxa deve ficar de fora da grade da Globo neste ano.
No entanto, nem a emissora nem a apresentadora se
pronunciam oficialmente sobre o afastamento dela.
Há algum tempo, cogitou-se o fim do programa "TV
Xuxa" por conta dos jogos da Copa.

Erotismo prolongado
Prestes a estrear nos cinemas brasileiros, o longa-metragem "Ninfomaníaca", de Lars von Trier ("Dogville"), deve ser lançado também no formato de série.
De acordo com a imprensa estrangeira, o diretor pretende usar as horas extras de gravação, que não entraram na montagem final (cinco horas e meia de duração), para produzir uma versão para a internet.

Sucesso à vista
A primeira temporada da série "Looking" já tem
data de estreia definida. Nos Estados Unidos, os
primeiros oito episódios produzidos serão lançados no próximo dia 19 pela HBO. Assim como
"Queer as Folk" (2000-2005),a série abordará o
universo gay. Desta vez, o ponto de partida é a relação entre três amigos que vivem em São Francisco, na Califórnia.

Animação em alta
"BoJack Horseman" é a próxima série original
do Netflix. Trata-se de um desenho animado
sobre um cavalo (dublado por Will Arnett),
antigo protagonista de um famoso sitcom dos
anos 1990, "Horsin' Around". Sem perspectivas, ele conta com a ajuda de um antigo parceiro (Aaron Paul) e de sua agente/ex-amante
(Amy Sedaris). Atrama começa a ser exibida
no meio do ano.

Time que aumenta
Danny Trejo ("Machete") participará de um importante episódio de "NCIS: Los Angeles"
(CBS). Segundo a imprensa norte-americana, o
ator aparecerá em um capítulo que tem fortes ligações com o passado de Hetty (Linda Hunt),
Callen (Chris O'Donnell) e Sam (LL Cool J).
No entanto, ainda não foram divulgados detalhes sobre como será a participação de Trejo.

Melhor da TV
Vitor Hugo em "Pecado Mortal", novela da Record. Na pele do vilão Picasso, o ator prova
que não é só mais um corpinho escultural no
folhetim de Carlos Lombardi. Longe de qualquer pudor, questões éticas e morais, o personagem sempre tem um sorriso sedutor nos lábios e usa e abusa da ironia. Astro de produções como "Chamas da Vida" e "Rei Davi", ele
estava merecendo um trabalho com mais destaque na emissora, e ganhou.

Pior da TV
A insistência da Globo com a cantora Anitta.
Depois de colocar a moça em programas como
"Esquenta", "Domingão do Faustão" e "TV Xuxa", a emissora carioca inseriu a nova estrela do
pop na novela "Amor à Vida" e sobrou até para
o "Roberto Carlos Especial". Como se não bastasse, a morena fará um rodízio na apresentação
do dominical "Sai do Chão". Tudo bem que ela
é um sucesso nas rádios e na internet, mas repetir o mesmo na TV pode ser bem cansativo. I
TV -

16 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

No forno

SEM PERDER
TEMPO
GNT entra no clima de férias com estreias e programas
especiais de verão no ar desde o primeiro dia do ano
Agência Estado

Todo começo de ano o GNT procura
diversificar a sua programação para atender o telespectador, que nesta época do
ano, em geral, está fora da sua rotina com
as férias escolares e as altas temperaturas
da estação mais quente do ano. Seguindo a
tradição, desde o dia 1º de janeiro começaram a pipocar novidades no canal, com estreias de temporadas especiais e a chegada
da série "Amor Veríssimo" (no ar em 8 de
janeiro), adaptação das crônicas do escritor Luís Fernando Veríssimo.
O seriado desembarca na programação
de verão no dia 8 de janeiro, às 22h30.
"Amor Veríssimo" vai contar histórias de
amor em diferentes idades e situações, de
uma forma muito bem-humorada. Ao longo de 13 episódios, o elenco principal, formado por Fernanda Paes Leme, Letícia
Colin, Gabriela Duarte, Marcelo Faria,
Paulo Tiefenthaler e Pedro Monteiro vão
se revezar em diferentes personagens.
O seriado terá ainda participações especiais, como as das atrizes Anna Sophia Folch, Diana Bouth, Luana Piovani e Vanessa Lóes. "Amor Veríssimo" também conta
com depoimentos de casais baseados em
histórias reais, sempre de acordo com o assunto tratado no episódio.
A série, que é uma produção da Conspiração Filmes e tem direção de Arthur Fontes, é o grande lançamento do canal em janeiro, mas, antes de a atração entrar no ar,
tem outras estreias para serem conferidas.
Em pleno feriado, no dia 1º de janeiro, às

21h30, Dan Stulbach, Eduardo Moscovis,
Leo Jaime e Xico Sá voltaram a dominar o
sofá do "Saia Justa". O quarteto se reúne
em nove episódios inéditos, que serão
exibidos às quartas-feiras.
Na sequência, dia 6 de janeiro, às
21h30, o "Superbonita - Especial
Verão" vai percorrer diversas regiões brasileiras para descobrir como as mulheres cuidam da beleza durante a estação, dependendo da cultura regional. Luana Piovani
apresenta essas edições em seis
capitais brasileiras: Belém, Florianópolis, Recife, Goiânia, São
Paulo e Rio de Janeiro.
Na mesma noite, às 22h30, Ingrid
Guimarães vai pirar ou fazer seus convidados enlouquecerem em Nova York, nos
Estados Unidos, com o "Além da Conta".
A proposta da atração é mostrar que todo
mundo abusa das comprinhas nas viagens
internacionais. Com episódios temáticos,
que abordam desde a mania por grifes até
o consumo infantil, o programa contará
com a participação de convidados famosos, como Giovanna Antonelli, Leandro
Hassum, Reynaldo Gianecchini e Paulo
Gustavo.
Ingrid também vai conversar com brasileiros que moram na metrópole americana e que trabalham em universos relacionados ao consumismo desenfreado de turistas de todo o mundo. Produzida pela
Production Partners, a atração tem oito
episódios.
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 17 - TV
Fotos: Divulgação

Turma do bem-estar Utilidades e curiosidades
A partir do dia 7, às 20h,
Marcio Atalla, que ficou conhecido por sua atuação no
quadro "Medida Certa", do
Fantástico (Globo), vai falar
de excessos em prol da boa forma. No comando do "Loucuras de Verão", o preparador físico vai mostrar, de forma leve e descontraída, as maluquices que as pessoas fazem para
entrar em forma.
Com a ajuda de especialistas, o programa identificará
os erros cometidos pelos entrevistados e explicará os riscos que os regimes malucos,
exercícios físicos em excesso
e o uso de complementos alimentares sem acompanhamento médico trazem à saú-

de. Atalla é professor de Educação Física, com especialização em treinamento de alto
rendimento, e pós-graduado
em Nutrição, pela USP.
Também no dia 7, às 22h,
a apresentadora Maria Paula
mergulha no universo de terapias alternativas nos Estados
Unidos. Ela viajou em novembro para a Califórnia, onde
gravou os seis episódios de
"Saúde por Aí".
A apresentadora tem a missão de mostrar centros de pesquisa e tratamentos que buscam entender alguns males contemporâneos da sociedade. Ela
defende que, na falta da harmonia entre corpo, mente e espírito, todos podem adoecer.

Meia hora depois de "Loucuras de Verão" estrear e antes de Maria Paula entrar em
cena, também no dia 7 de janeiro, às 20h30, Micaela
Góes vai ensinar os telespectadores como se organizar para
os eventos típicos das férias
de janeiro com o "Santa Ajuda - Especial Verão". Essa
temporada será exibida sempre às terças-feiras.
As quartas-feiras também
ganham uma nova atração:
"Alta Temporada". A partir
do dia 8, às 20h30, o programa mostra as cidades que se
movimentam mais nesta época, retratando as mais varia-

das profissões e atividades
econômicas que tornam os
dias de calor mais agradáveis
para os turistas.
O programa acompanha o
verão em cidades litorâneas,
como Rio de Janeiro, Salvador, Natal, Fortaleza e Florianópolis, mas também vai em
busca de um outro verão no
interior do país, mostrando o
que acontece em locais como
Bonito, Alto Paraíso e Caldas
Novas. Celebridades também
foram convocadas pela atração para contar curiosas histórias de verão.
No dia 9, tem mais duas
novidades na grade: "Tempe-

ro de Família - Especial Verão" e uma maratona de "Downton Abbey". A partir das
22h30, Rodrigo Hilbert apresenta receitas em um cenário
tropical, na cidade de Laguna
(Santa Catarina). Mais tarde,
às 23h, o GNT fará uma preparação para a chegada da quarta temporada de "Downton
Abbey", exibindo as três primeiras temporadas da série.
Por último, no dia 19 de
janeiro, às 23h, o programa
"Casa Brasileira - Férias"
mostra o trabalho de arquitetos renomados em casas de
veraneio e hotéis dentro e fora do Brasil. I
TV -

18 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

Fé

Da Bíblia para
a telinha
Record reúne "Milagres de Jesus" em série que será levada ao ar este mês
Agência Estado

No fim do mês de janeiro, a
TV Record coloca no ar seu novo projeto bíblico. Desta vez,
não será uma minissérie, como
"José do Egito", que foi exibida
ao longo de 2013. Agora, toda
semana o telespectador vai poder conferir um "milagre de Jesus" diferente. A temática reúne 18 histórias, das quais oito
já estão sendo executadas por
uma produção com profissionais de cinema e o elenco da
emissora paulista.
"O nosso desafio é levar
uma história que está na Bíblia, que precisa ser fiel ao texto original, com uma construção completa a sua volta. Todas
as histórias são inéditas, mas algumas surgiram de um discurso, enquanto outras foram apenas citações feitas por Jesus, de
apenas um parágrafo", explica
o diretor João Camargo, que
desde o começo do ano trabalha neste projeto.
Quatro autores diferentes
assinam os episódios, que têm
começo meio e fim. Renato Modesto foi o autor que mais se dedicou ao seriado, mas Camilo
Pellegrini, Maria Claudia Oliveira e Vivian de Oliveira - autora de "Rei Davi" e "José do
Egito" - também foram recrutados para a missão.
"Diferentemente do que o

público viu nas minisséries bíblicas, essa série remete mais
aos telefilmes. A única coisa
em comum é que todos os episódios retratam um milagre de Jesus", conta João, que trabalha
na Record há sete anos.
A emissora está bancando
todos os custos do projeto, mas
repassou a execução a uma produtora, a Academia Filmes. Os
profissionais contratados são
pessoas que fizeram produções
nacionais para as telonas. "Vamos apresentar uma qualidade
de cinema. Temos profissionais que fizeram '2 Filhos de
Francisco', 'Tropa de Elite',
'Faroeste Caboclo' e até
'Crepúsculo'. É um grupo muito heterogêneo", adianta João.
O primeiro milagre a entrar
em cena é "A Pesca Maravilhosa"
- que transformou Simão em Pedro (Caio Junqueira), um dos discípulos de Jesus. João Camargo
afirma que quem vai dar vida a
Jesus é um dos mistérios desse
projeto. Ele não pode revelar sequer se Jesus vai aparecer diante
das câmeras nos primeiros episódios ou se teremos apenas imagens que darão a entender a sua
presença. "Esse é um dos nossos
segredos", pontua.
Nos episódios de "Milagres
de Jesus", quatro de seus discípulos ajudarão a contar como
essas histórias aconteceram: Pedro, Tiago, André e João.

"Mais de 200 personagens entrarão em cena somente nesta
primeira temporada, com oito
capítulos", diz o diretor.
Segundo João Camargo, o
Piauí virou a "Galileia". Uma
equipe com 125 pessoas trabalhou nas gravações em Lagoa
do Portinho por um mês. To-

das as cenas de locações, ou seja, externas, já foram gravadas.
A maioria no Piauí e algumas
outras no Paraná, em uma fazenda que representou a colheita de trigo da época. "Milagres
de Jesus" conta histórias da Bíblia vividas por Cristo entre
seus 27 e 30 anos.

Além de "A Pesca Maravilhosa", a Record tem outros
três episódios prontos, mas a ordem de exibição e a data de estreia não foram definidas. João
Camargo e sua equipe vão trabalhar até fevereiro na conclusão
dos primeiros oito programas:
"A Pesca Maravilhosa", "A
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 19 - TV
Fotos: Divulgação

Saiba
Ao todo, "Milagres de
Jesus" terá mais de 100
cenários. Mais de 200
personagens entrarão em
cena somente nesta
primeira temporada, que
terá oito capítulos

Vamos apresentar uma qualidade de
cinema. Temos profissionais que fizeram
'2 Filhos de Francisco', 'Tropa de Elite',
'Faroeste Caboclo' e até 'Crepúsculo'.
É um grupo muito heterogêneo
João Camargo, diretor

Cura do Servo do Centurião",
"A Mão Ressequida", "Endemoniado de Gerasa", "Aleijado",
"Mulher Encurvada", "A Impura" e "O Leproso de Genesaré".
"Alguns títulos podem mudar,
pois isso está sendo avaliado
neste momento pela direção da
emissora", avisa o diretor.

As gravações começaram
no final de outubro e muitas
das locações escolhidas são cavernas, que remetem aos primórdios da civilização. "Essas
histórias retrataram pessoas
que foram excluídas pela sociedade", conta Camargo.
Agora, os trabalhos estão

sendo finalizados na cidade cenográfica de "José do Egito", no
Rio de Janeiro. Os cenários foram todos adaptados. Ao todo,
"Milagres de Jesus" terá mais
de 100 cenários.
Os episódios serão exibidos
sempre às quartas-feiras, mas o
horário também está em vias de

ser definido. Cada capítulo terá
45 minutos. "Posso adiantar que
vai comover muitas pessoas, que
teremos um programa interessante e que o conjunto da obra trará
muita credibilidade", declara Camargo, que esteve à frente das gravações das minisséries "Ester" e
"Sansão e Dalila" na Record.

Um exemplo da preocupação da equipe em ser fiel à história está na construção do barco
de pesca que veremos no primeiro episódio. Um engenheiro foi
contratado para montar uma estrutura que fosse idêntica às da
época de Jesus. "Isso cria identidade. O Caio Junqueira, que faz
o Pedro, aprendeu a manipular
o barco rápido. Não teve dublê e
as cenas são impressionantes",
diz o diretor.
João Camargo faz questão
de deixar claro que, apesar de
terem 18 argumentos, o número de episódios que serão de fato produzidos ainda não foram
fechados. A certeza é que oito
capítulos entrarão no ar sequencialmente a cada semana a partir da estreia, que deve acontecer no final do mês de janeiro.
Questionado se o que determinará a produção de todo o
projeto será a audiência dos primeiros episódios, o diretor não
descarta o Ibope como um fator determinante. "Televisão
trabalha em função do lucro
que pode trazer para o patrocinador", encerra ele. I
TV -

20 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

Vale a pena ver de novo

PIONEIRA NO
ESPIRITISMO
Sucesso na década de 1990, novela "A Viagem" volta ao ar no canal Viva
Divulgação

Agência Estado

Em 1994 entrava no ar "A
Viagem", remake da Globo para a novela homônima que havia sido sucesso na TV Tupi,
em 1975. Exatos 20 anos depois, a reprise da trama retorna
à telinha pelo canal pago Viva,
a partir de 7 de abril. O folhetim - pioneiro por trazer o tema
do espiritismo para o horário
nobre global - substituirá
"Água Viva" na faixa da meianoite, sendo exibido de segunda-feira a sábado.
Dirigida por Wolf Maia, "A
Viagem" aborda a vida após a
morte a partir da doutrina de
Allan Kardec (1804-1869), autor
e educador francês que sistematizou o espiritismo. A novela ficou
marcada pelo grande sucesso de
audiência - com média de 52 pontos no Ibope - e por contar com
um elenco estelar de atores. Seus
personagens principais eram interpretados por Antonio Fagundes, Christiane Torloni, Maurício Mattar, Andréa Beltrão, Miguel Falabella, Lucinha Lins,
Laura Cardoso, Jonas Bloch e
Guilherme Fontes.
Na história, Alexandre
(Guilherme Fontes), ao tentar
roubar o cofre do escritório onde trabalha para quitar uma dívida, é flagrado pelo tesoureiro
da empresa e, assustado, mata o
funcionário.
Seu irmão mais velho, Raul
(Miguel Falabella), e o cunha-

do, Téo (Maurício Mattar), decidem entregá-lo à polícia. Contudo, sua irmã Diná (Christiane Torloni) e a mãe, dona Maroca (Yara Cortes), resolvem
protegê-lo, recorrendo aos melhores advogados. Nesse meio
tempo, a namorada do vilão, Lisa (Andréa Beltrão), cansada
do conturbado relacionamento, o abandona.
Disposta a fazer tudo pela liberdade de Alexandre, Diná
contrata o renomado advogado
Otávio Jordão (Antonio Fagundes), mas o profissional, amigo
da vítima, resolve trabalhar para ver o assassino preso. Condenado a 20 anos de cadeia, Alexandre se suicida, tendo prometido vingança um pouco antes
do ato extremo. O personagem
é encaminhado ao Vale dos Suicidas, onde passa a prejudicar a
vida de Raul, Téo e Otávio.
Durante os seus 167 capítulos, "A Viagem" foi responsável
por colocar o tema da vida após
a morte em voga e aumentou a
venda de livros espíritas em
50% - de acordo com pesquisas
de livrarias especializadas durante a sua primeira exibição.
Além disso, o sucesso da novela ultrapassou as fronteiras do
Brasil e ganhou repercussão
em países como Bolívia, Chile,
Costa Rica, Equador, Guatemala, Honduras, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Portugal,
República Dominicana, Rússia, Uruguai e Venezuela. I
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 21 - TV

Frases da semana
Agência Estado

“O segredo é estar
com pessoas com
quem eu estaria junto
de qualquer forma,
mesmo que não
estivesse
trabalhando”
Clarice Falcão, cantora e atriz, em entrevista à
revista "Contigo!", sobre o sucesso da carreira

“Pode botar aí, bem
grande: quero um
bofe maravilhoso
em 2014!”
Anitta, cantora, em entrevista ao jornal "O Dia",
sobre não ter vergonha de dizer que quer um
novo namorado neste ano

“Eu acho que tenho
mais chance de não
ser traída com um
homem mais novo
do que com um
mais velho”
Susana Vieira, atriz, em entrevista à revista
"Contigo!", sobre relacionamentos, vida
profissional e pessoal

“Seria chocante,
porque a sociedade é
muito conservadora,
mas a gente ia
gostar de fazer.
É um desafio”
Thiago Fragoso, ator, em entrevista ao jornal
"Extra" (RJ), sobre a possibilidade de um beijo gay
em "Amor à Vida", da Globo

“Estamos separados.
Quero dar um basta
para que até consiga
conversar com a
Grazi em paz”
Cauã Reymond, ator, em entrevista ao jornal "O
Globo", sobre a separação de Grazi Massafera

“Estar ou não na TV
nem sempre é uma
escolha. Às vezes, o
convite até vinha,
mas o bom é
esperar uma
oportunidade
bacana”
Tatyane Goulart, atriz, em entrevista ao jornal "O
Globo", sobre ter ficado afastada da TV desde
2009 e agora estar no elenco de "Pecado
Mortal", da Record

“Ela é uma mulher
que dá a volta por
cima, sacode a
poeira. Ela é um

retrato do povo
brasileiro”
Elizabeth Savalla, atriz, em entrevista ao site
"Virgula Famosos", fazendo um balanço de sua
personagem em "Amor à Vida", da Globo

“Não tenho
problemas com a
nudez. É muito
natural para mim,
ainda mais quando
tem a ver com o
contexto”
Cleo Pires, atriz, em entrevista à revista
"Época", sobre as cenas sem roupa na televisão

“Eu tenho 30 anos.
Já estou quase
roubando
criança na
rua de tanta
vontade que
tenho de ser mãe”
Tatá Werneck, atriz, em entrevista ao
jornal "O Globo", brincando com
a vontade que tem de ser mãe

“No teatro tenho
mais possibilidades
do que na TV,
também é onde eu
mais trabalho”
Mel Lisboa, atriz, em entrevista ao
"UOL", confessando que no teatro
exerce melhor sua versatilidade
TV -

22 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

Resumo das novelas
GLOBO
MALHAÇÃO - 17H45
Segunda-feira - Ben convence Anita a se casar com ele. Martin tenta provar para Micaela que não estava com outra menina. Caetano
recrimina Hernandez por beijar
Maura e Zelândia comemora a
nova fase da tia. Giovana pensa
em deixar a banda Número 2,
mas é cercada por fãs. Antônio
não revela para Hernandez sobre o destino de sua viagem e
exige que Bruna mantenha segredo. Luciana tenta ajudar Abelardo a ganhar confiança para falar com as mulheres. Diva gosta
de saber que João Luiz recusou
a proposta de ser o pai do filho
de Raíssa. Maura não aceita falar com Sidney, mas Zelândia
tranquiliza o primo. Ben anuncia
que se mudará do casarão.

Terça-feira - Ronaldo proíbe Ben
de sair de casa e Caetano leva Anita para morar com ele. Meg propõe à Raíssa dar aulas de dança
no colégio O pneu do carro de Babette fura em frente ao salão de
Serguei. Guilherme sente ciúmes
de João Luiz com Raíssa. Antônio
assiste à gravação da noite de
amor de Ben e Anita em seu celular e Pedro desconfia do rapaz.
Flaviana convida Babette para entrar no salão. Junior e Ben recebem notícias de Sidney e Sofia
desdenha do menino. Flaviana pede dicas sobre o amor a Babette
para ajudar Micaela. Antônio comenta com Tita que presenteará
um amigo com um vídeo.
Quarta-feira - Antônio não liga para a tristeza de Tita, que fica ma-

goada com o irmão. Babette sugere que Micaela termine a letra de
uma de suas músicas e cante para Martin. Hernandez pede demissão para Caetano. Caetano promete se vingar de Hernandez, caso descubra que Ben e Anita dormiram juntos. Ben deixa o casarão, sob o olhar atento de Antônio. Anita incentiva Martin a lutar
por Micaela. Ben recebe uma
mensagem ameaçadora no celular e desconfia de Sofia. Bernardete e Soraia ajudam Anita a se encontrar com Ben. Hernandez visita Maura e a beija. Edgard chega
de viagem e visita Sofia. Ben recebe outra mensagem, dessa vez
com o vídeo de sua noite de amor
com Anita.
Quinta-feira - Pedro comenta com

Ben sobre a movimentação suspeita de Antônio. Sofia questiona
Edgard sobre o que sente por ela.
Bruna conta para Flaviana e Drica
sobre o fim de semana com Antônio na Serra Micaela convoca as
amigas para cantar sua música.
Ben confronta Antônio. Raíssa e
Diva conseguem ter acesso aos
exames de saúde de Fábio. Flaviana alerta Sofia sobre o caráter de
Edgard. Ben se desespera com
mais uma mensagem em seu celular e toma uma decisão. A regente Regina descobre os ensaios de
Micaela, Bruna, Amanda e Drica.
Hernandez diz a Tita e Antônio
que eles irão deixar o casarão,
mas o menino se recusa. Sofia flagra Edgard com Fábia. Ben termina o namoro com Anita.

Sexta-feira - Anita se desespera,
mas Ben se mantém firme na decisão de terminar o namoro. Sofia agride Fábia e ameaça prejudicar a imagem de Edgard. Hernandez conversa com Antônio,
que faz de tudo para magoar o
padrasto. Ben sofre com a falta
de Anita. A regente Regina ajuda
Micaela e seu grupo com a música. Giovana, Guilherme, Clara e
Junior são cercados por fãs da
banda. Vera permite que Anita
passe a noite no Grajaú. Toda a
família vê as notícias sobre a briga entre Sofia e Fábia na internet, e a menina promete revidar.
Flaviana e Serguei discutem por
causa do salão. Ben conta para
Hernandez que terminou com
Anita, mas pede segredo.

Silvia tinha medo dele. Davi diz
a Aurora que entrará andando no
casamento deles. Rubens dá
uma aliança de compromisso para Matilde. Pérola sonha que Silvia está viva. Franz é condenado
a 30 anos.
Sexta-feira - Amélia se desespera com a condenação de Franz.
Ernest também fica arrasado,
enquanto Manfred saboreia a vitória. Silvia desperta na casa de
Bibiana e Eufrásio. Gaia diz a
Laura que entrará na justiça pela guarda de Tavinho. Pérola chega ao fórum e diz a Franz que Silvia está viva. Manfred ameaça
Ernest e diz que ele será obrigado a amá-lo. Bibiana e Eufrásio
se preocupam ao perceber que
Silvia está com amnésia. Matilde conta para Serena que está
noiva de Rubens. Pérola escreve
uma carta a Sonan pedindo que
ele volte para o Brasil. Os presos dizem a Franz que estão armando um plano de fuga. Manfred continua chamando Cristina
de Amélia. Aurora experimenta

seu vestido de noiva. Pérola vai
com Amélia visitar Ernest. Manfred se tranca no quarto com
Amélia.
Sábado - Pérola diz a Ernest que
Silvia não morreu. Joel e Cléo sequestram Aurora no dia do casamento. Ernest arromba a porta
do quarto de Manfred para soltar
Amélia. Tavinho foge de casa para visitar Gaia no cortiço. Arlindinho conta a todos que Aurora foi
sequestrada por Joel e Cléo. Pérola abraça Manfred e diz que ele
faz coisas ruins porque nunca alguém o amou de verdade. Manfred desaba e começa a chorar.
Laura e Valter buscam Tavinho
na casa de Gaia. Davi, Lola, Fabrício e Conceição procuram Aurora
em um casebre, mas não a encontram. Manfred visita Franz na
cadeia e o provoca, dizendo que
conseguirá ficar com Amélia.
Franz decide fugir com os outros
presos. Aurora consegue fugir de
Joel e Cléo. Homens mascarados libertam os presos durante a
transferência de presídio.

JOIA RARA - 18H15
Segunda-feira - Franz pede que o
delegado espere passar seu casamento com Amélia para
prendê-lo. Gaia, Toni e Iolanda
descobrem que Laura fugiu com
Tavinho. Hilda trava e não consegue cantar no palco do cabaré
na frente de todos. Tenpa tenta
fazer Matilde esquecer Sonan.
Manfred se vangloria no clube
por ter agora o sobrenome Hauser. Pérola e Franz vão à mansão convidar Ernest para o casamento. Artur vai com Laura e Tavinho para um hotel. Ernest se
emociona com as palavras de carinho de Pérola. Serena consegue abrir a algema que a prende
a Arlindinho. Davi diz a Dália que
conseguiu dar um passo sozinho, mas pede que ela não conte nada para Aurora.
Terça-feira - Franz manda Manfred embora do cortiço. Gaia diz
a Hilda que um dia o amor de Toni por ela acabará por causa do
que Ernest fez no passado. Toni,
Mundo e Fabricio tentam convencer Franz a fugir da polícia, mas

não conseguem. Laura e Tavinho voltam para casa. Hilda procura o pai para saber se ele tirou
Giuseppe de Gaia, e Ernest confirma, mas pede perdão. Aurora
entra na sala de reabilitação e
vê Davi de pé. Belmira leva um
fora de Nuno e fica arrasada. Toni garante a Hilda que nada vai
separá-los. Odilon consola Belmira e sugere que eles finjam
ser namorados para deixar Nuno
com ciúme. Pérola tem um pesadelo e acorda assustada. Manfred leva Cristina para a mansão
e pergunta se pode chamá-la de
Amélia. Laura leva Tavinho para
falar com Toni e Gaia.
Quarta-feira - O delegado manda
prender Franz. Toni e Gaia se
emocionam ao contar toda a verdade para Tavinho. Manfred ouve Venceslau ameaçar Gertrude
e fica desconfiado. Pérola diz a
Amélia que sonhou com Manfred e uma explosão. Toni apresenta Tavinho a Mama Francesca. Manfred conta para Ernest
que Franz foi preso. Aurora e Da-

vi decidem se casar no cabaré e
convidam Arlindo e Miquelina para serem seus padrinhos. Franz
é solto para responder ao processo em liberdade. Mundo é diplomado na Câmara dos Deputados. Passa-se um mês. Sonan
chega ao mosteiro de Padma
Ling. Começa o julgamento de
Franz.
Quinta-feira - Manfred tranca Ernest para que ele não possa depor a favor de Franz. No mosteiro, Sonan e Rigpa conversam sobre Matilde. A testemunha subornada por Manfred depõe contra Franz. Tenpa e Pérola entoam um mantra. Nuno vê Odilon
beijando Belmira e fica com ciúme. Ernest engana Zefinha e foge de casa. Jampa, Viktor e Amélia depõem a favor de Franz. Ernest aparece no tribunal, para a
surpresa de Manfred, e pede perdão a Franz e Amélia na frente
do juiz. Gaia vai à casa de Laura
buscar Tavinho, e as duas discutem. Pilar mente para o juiz dizendo que Franz é violento e que

ALÉM DO HORIZONTE - 19H30
Segunda-feira - Hermes finge compreender William e Lili. Tereza provoca Heloísa e é ameaçada por Thomaz. Romildo conta para Celina para onde levaram o corpo que foi encontrado no rio. Lili liga para a mãe
com a ajuda de Rita. Thomaz se sente culpado ao ver o sofrimento de
Heloísa por causa de LC. Júlia sai pa-

ra jantar com André, Flávio e Olívia.
William, Lili e Rafa chegam à Comunidade e são recebidos por LC. Marlon faz uma grande descoberta no laboratório, e Angelique se impressiona. Paulinha foge ao ver Rafa na Comunidade. Guto conta para André e
Júlia o que sabe sobre o Grupo em
que William, Lili e Rafa entraram. Ce-

lina se surpreende ao perceber que
o delegado é cúmplice de Kléber.
William se encontra com Marlon. Lili
confronta LC.
Terça-feira - LC fica decepcionado
com as argumentações de Lili. Marlon afirma que não vai embora com
William. Líder Jorge teme o que LC
pode fazer contra ele. Paulinha é fria

com Rafa. LC afirma que tomará atitudes drásticas contra Lili, caso ela
o contrarie. Tereza consegue convencer os empresários a investir em
seus equipamentos. Kléber ordena
que Matias aplique uma atitude corretiva em Celina. Priscila e Heloísa
seguem Tereza até o hotel onde ela
está hospedada. Júlia decide ir com

André a Tapiré. Lili pega a chave do
laboratório de LC e entrega para
William. Tereza surpreende Thomaz
e Heloísa no restaurante. Keila conta para Kléber que Matias está namorando Celina. William vê Joana
ser colocada em uma máquina.
Quarta-feira a sábado – Capítulos
não enviados pela emissora.
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 23 - TV

Resumo das novelas
GLOBO
AMOR À VIDA - 21 HORAS
Segunda-feira - Paloma e Bruno insistem para que Félix revele tudo o
que fez contra eles. Leila afirma a
Thales que internará sua irmã assim que receber o dinheiro da herança de Nicole. Rafael dá um presente
para Linda. Thales passa a noite
com Natasha. Eron comenta com
Amarilys que sentiu falta da família
que poderia ter tido com Niko. Paloma agride Félix. Tamara tenta seduzir Rubão. Valdirene coloca purgante no suco de Ellen. Márcia e Carlito
sentem falta de Valdirene. Patrícia
reclama de cólica, e Michel a conforta. Félix entrega a Paloma a gravação feita por Mariah.
Terça-feira - Niko consola Félix. César ouve Aline conversando com um
homem. Félix e Niko discutem. Aline
confirma a César que estava conversando com um homem e não deixa
que ele a toque. A mãe de Rebeca

manda que ela escolha entre Pérsio
ou sua família. Paulinha conta para
Paloma e Bruno que viu Ordália sair
para o hospital após voltar para casa do plantão. Natasha exige que
Thales prove seu amor por ela. Félix
incentiva Maciel a se casar com Pilar. Rafael aconselha Eron a se desculpar com Niko. Patrícia sente uma
forte cólica e desmaia nos braços
de Michel. Félix ouve Eron pedir perdão a Niko.
Quarta-feira - Aline inventa uma história para César, que está desconfiado. Félix se irrita ao ver Eron conversando com Niko. Bernarda convida
Lutero para morar na mansão. Rebeca pede um tempo para Pérsio. Valdirene sugere fingir um romance
com Jefferson e Murilo para ganhar
a disputa. Patrícia descobre que está grávida, mas confessa a Michel
que o filho pode ser dele ou de Guto.

Thales afirma a Leila que conseguirá casar com Natasha. Pilar pede para Paloma empregar Maciel no hospital. Daniel e Vanderlei ficam ao lado de Perséfone. Jonathan apresenta Ana para a família.
Quinta-feira - Félix decide ajudar
Paloma a descobrir o que Aline está tramando contra César. Amadeu e Daniel repreendem Rafael
por ter entrado na piscina com Linda. Carlito vai ao cinema com Raquel. Valdirene vê Ellen e Murilo
se beijando e fica furiosa. Amarilys pede para ter um filho com
Eron. Valdirene consegue conquistar o público do shopping. Félix insiste para Maciel sentar-se à mesa junto à família. Eron se separa
de Amarilys. Ciça recobra a consciência e comenta sobre uma parte do jardim da casa de César que
foi escavada. Lutero decide ir

com Paloma visitar César.
Sexta-feira - Leila não entende a
decisão de Thales. Eron pede para voltar com Niko. Aline tenta impedir Félix de sair da casa. Ellen
consegue ganhar o público, e Valdirene se enfurece. Thales confirma que enganou Leila, e ela jura
vingança. Natasha dispensa Rogério por causa de Thales. Niko
pede para pensar no pedido de
Eron. Félix tem um plano para desmascarar Aline. Tamara beija
Rubão. Silvia sente raiva da gravidez de Patrícia. Félix pede para Lutero colocar uma enfermeira para
espionar a casa de seu pai. César
questiona Aline sobre quem bateu a porta dos fundos quando Félix estava em casa. Félix procura
Niko e se surpreende ao encontrálo chorando. Natasha não aceita
o pedido de casamento de Tha-

les. Neide e Leila veem Rafael beijando Linda.
Sábado - Leila e Neide armam um
escândalo por causa do beijo que
Rafael deu em Linda, e a menina
entra em surto. Thales percebe
que foi enganado por Natasha. Félix ameaça se afastar de Niko se
ele reatar com Eron. Carlito sai novamente com Raquel. Vanderlei leva Perséfone para casa, mas a
deixa sozinha. Guto consola Silvia
ao saber que ela não pode ter filhos. Edith pressiona Rubão para
que ele fique com Tamara. Neide
vai com a filha mais velha denunciar Rafael, que acaba preso. Leila fala para a mãe que pegará
suas joias que estão na casa de
Nicole. Lutero e Paloma pedem
para Rebeca espionar Aline. Leila
invade a casa de Nicole, agride
Natasha e ateia fogo na mansão.

tou Perfume. Perfume vai até fazendinha e diz que entregará bicheiros
em troca de proteção para o jardineiro. Baldochi manda Donana cavar a
própria cova. Donana implora e diz
que faz qualquer coisa para que
Stella não a mate. Marcinha e Anjo
passam a noite juntos. Otávio vai
até hotel e espera por Stella. Uma repórter vai atrás de Carlão e mostra
fotos em que ele e Patrícia apare-

cem juntos em cena de amor. Carlão
nega, mas repórter diz saber sobre
plano dele para salvar a carreira da
esposa. Dorotéia interrompe e finge
cena de ciúmes, dizendo que ele
não deveria tê-la traído. Carlão entra
no jogo e os dois se beijam.
Quarta-feira - Não enviado pela
emissora.
Quinta-feira - Não enviado.
Sexta-feira - Não enviado.

na. Cintia vai ao encontro de Matilde,
irmã de Ernestina, e se apresenta como amiga da ex-zeladora. A diretora fica espantada ao notar que a moça é
irmã gêmea de Ernestina.
Quinta-feira - Junior tenta acalmar
Carole se preocupa ao ver como a noiva está reagindo com a situação. Carol decide terminar com Junior. Cintia
percebe as diferenças de comportamento entre Ernestina e Matilde. Carol liga para José Ricardo e avisa o empresário que cumpriu a parte do acordo e terminou o relacionamento com
Junior Irritado com o ciúme da namorada, Beto leva Érica para casa e deixa
Clarita chateada. No quarto, para não
chupar os dedos, Binho coloca em
suas mãos uma luva de boxe. No dia
seguinte, no campo de golfe, José Ricardo pede ao juiz Maia para que libere a adoção para Carol. O homem diz
que não poderá fazer isso, pois o em-

presário fez a denúncia do sequestro
e que o caso ficou registrado na polícia. Dr. Maia tem medo que descubram que ele tem um acordo com José Ricardo e por isso não poderá autorizar a adoção.
Sexta-feira - Cintia chega ao orfanato acompanhada de Matilde. Cintia revela a Matilde que está à procura de
um tesouro que está escondido dentro do orfanato, por isso precisa de
sua ajuda para se livrar de todos que
moram no lugar. Matilde diz que ajudará a diretora com o plano, mas em troca quer 40% do tesouro. A diretora
aceita e pensa em uma forma de todos acreditarem que a ex-presidiária é
Ernestina. Cintia comunica a Chico e
aos órfãos que Ernestina voltou a trabalhar no orfanato. Carol conta a Beto
sobre a chantagem de José Ricardo e
o rapaz fica indignado com a notícia
Em outro orfanato,

RECORD
PECADO MORTAL - 22H30
Segunda-feira - Stella volta. Carlão arma com Otávio e diz que matará Perfume. Carlão se assusta ao ver Dorotéia e Patrícia na fazendinha. Dorotéia
abre a porta de Carlão com grampo e
tenta beijá-lo. Stella se desespera ao
ver Otávio na boate e sai sem que ele
a veja. Donana descobre o plano de
Carlão e tenta avisar Perfume. Otávio
se oferece para ir no lugar do irmão,
mas Carlão está decidido. Dorotéia

descobre que Carlão tentará matar
Perfume e tenta convencê-lo a desistir, dizendo que ele arruinará sua vida
Ele diz que não há outra saída, triste
com o que terá que fazer Patrícia descobre que Carlão irá a confronto e fica
desesperada Baldochi sequestra Donana a mando de Stella. Carlão encontra Perfume em restaurante e vê o segurança. Ele vai ao banheiro e procura
pela arma escondida. Donana acorda

e se assusta ao ver Stella, que a esbofeteia.
Terça-feira - Otávio fica aflito sem notícias de Carlão e decide ir atrás dele
em restaurante. Stella esbofeteia
Donana e ameaça matá-la. Picasso
vai atrás de Carlão. Carlão pega arma e vai ao encontro de Perfume.
Carlão não consegue atirar e dá uma
coronhada no bicheiro. Patrícia fica
aliviada ao saber que Carlão não ma-

SBT
CHIQUITITAS - 20H30
Segunda-feira - Bia e Binho se preparam para passar o final de semana
com Verônica e Edgar. Carol resolve
fugir com Dani para pensar sobre o
que fazer com a assistente social.
Na casa de Verônica e Edgar, Bia e Binho conhecem o lugar e adoram as
coisas estranhas que o casal possui.
Maria Cecília avisa aos funcionários
que voltou a trabalhar na empresa da
família Almeida Campos. Armando
se sente humilhado e promete se vingar de Tobias. José Ricardo aparece
no hotel e surpreende Carolina. José
Ricardo propõe a Carol que ela se separe de Junior e só assim terá a guarda de Dani. Carol não acredita que o
pai de seu noivo esteja a chantageando. Com medo das ameaças do sogro, Carol resolve tirar a menina do
hotel e levá-la para outro lugar. Na rodoviária, as duas se preparam para
viajar. Carol liga para Beto e avisa ao

irmão que levará Dani para a casa de
D. Nina, sua avó.
Terça-feira - As crianças sentem falta das broncas de Ernestina e estranham o sumiço da zeladora. Na sala,
com uma mala na mão, Ernestina se
despede do local e afirma para si mesma que não conseguirá viver no orfanato sendo rejeitada por Chico e sem
o amordas crianças. Biae Binho escutam uma conversa estranha do casal.
Os dois aparecem na sala e comunica
os pequeninos que decidiram em não
adotá-los. Cintia se irrita pelos órfãos
terem voltado. A diretora encontra
uma carta de Ernestina em sua mesa
e descobre que a zeladora foi embora
do lugar. Cintia comunica aos órfãos e
a Chico que Ernestina foi embora do
orfanato. Junior cancela todas as
suas reuniões para ir ao encontro de
Carol. Eduarda confessa a Maria Cecília que falou com Tomás Ferraz, que

na verdade é Tobias, para que ela voltasse a trabalhar no Café Boutique.
Quarta-feira - Junior fica aliviado em
encontrar Carol e a moça apresenta
sua avó ao noivo. Clarita escuta uma
conversa entre Erica e Beto, a nova
funcionária fala para a namorada do
rapaz sobre o convite que ela fez ao
entregador.Carol decide contar ao noivo sobre a conversa que teve com seu
pai, mas são surpreendidos pela policia. No orfanato, as crianças começam uma guerra de pipoca e bagunçam todo o lugar. Bia conta para Ana
que Binho ainda chupa o dedo para
dormir, mas pede para a garota guardar segredo. Ana não aguenta e conta
para Tati. Cintia se irrita por ter entrevistado ótimas profissionais para o
cargo, mas na verdade a diretora quer
alguém que maltrate os pequeninos.
Mathias e Vivi conversam e o garoto
pede o número do celular da pequeni-
TURISMO -

24 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

Turismo
Azulado: a geleira Serrano,
em passeio feito a partir
da pequena Puerto Natales

Beleza gelada
Lagos azuis, picos nevados, campos verdejantes e montanhas
de gelo formam a paisagem singular da Patagônia
Agência O Globo

A frota liderada por Juan Ladrillero estava praticamente arruinada, em fins de 1558, quando o navegador espanhol juntou
as forças que restavam na tentativa de superar o labirinto de ilhas
e canais que havia consumido
dois anos de viagem. Era sua últi-

ma esperança de cumprir a missão de atingir o Estreito de Magalhães e percorrê-lo de ponta a
ponta, mas tudo que o navegador
espanhol conseguiu foi dar num
beco sem saída repleto de geleiras. Voltou de lá frustado, sem
imaginar que mais de quatro séculos depois as terras que descobrira, batizadas de Última Espe-

rança, se tornariam um dos principais destinos dos viajantes modernos que desembarcam na
Patagônia Chilena.
Ladrillero é hoje uma placa
de bronze em Puerto Natales,
capital da província Última Esperança e porta de entrada do
Parque Nacional Torres del
Paine e de canais patagônicos

que levam às gigantes geleiras.
Para chegar até lá, é preciso
vencer de carro os 247 km que
separam a cidadezinha do aeroporto mais próximo, de Punta
Arenas, experimentando a sensação única de correr a Rota do
Fim do Mundo com seu clima
inóspito - em poucas horas, pode fazer sol, nevar e chover ge-

lo, com um vento cujas rajadas
chegam facilmente a 180 km/h
- e paisagens povoadas de ovelhas e guanacos. O esforço compensa: lagos azuis, picos nevados sobre campos de um verde
exuberante (às vezes cobertos
de flores) e montanhas de gelo
fazem desse lugar não o fim,
mas um outro mundo. I
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 25 - TURISMO
Fotos: Ludmilla de Lima

Turistas aguardam com
atenção o fenômeno do
desprendimento

Esverdeado: a água do degelo corta a vegetação
no Parque Torres del Paine

Casinhas coloridas usam
madeira como proteção
para o clima frio
TURISMO -

26 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO

Chile

Lanchas de passeio
levam os visitantes a
cruzar as águas da região

LABIRINTO
DE ÁGUAS
FRIAS

Na conjunção de fiordes,
rios, canais e lagos da
Patagônia, a água reina
soberana em todos os
seus estados naturais
DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 27 - TURISMO
Fotos: Ludmilla de Lima

Agência O Globo

Desde que os primeiros navegadores chamaram o lugar de
Patagônia, assustados com o tamanho das pegadas, ou patagones, deixadas pelos índios, a região não para de surpreender. O labirinto onde
o espanhol Ladrillero outrora se
perdeu é uma conjunção de fiordes,
rios, canais e lagos, na qual a água
reina soberana em todos os seus estados naturais. É ela que cobre de
branco as montanhas geladas, forma as geleiras azuis, esculpe as paredes das cavernas e se derrama na infinidade de canais, drenada por
grandes torneiras naturais que encantam os visitantes e fazem da
Patagônia uma das maiores reservas de água doce do planeta.
Os chilenos não cansam de exaltar o esplendor dos condores, ave-símbolo da Patagônia, cuja envergadura
da asa na fase adulta pode chegar a 3,5
metros. Graças a elas, são recordistas
de permanência no ar. Os condores
povoam os campos abertos, frios e secos, as florestas e as montanhas
patagônicas, onde alguns de seus ninhos estão ao alcance das máquinas
fotográficas. Mas é a água, e não os
pássaros, o elemento essencial que responde pela magia da região. Não é
preciso tanta sorte para ouvi-la: vez
ou outra, um bloco de gelo se desprende e mergulha, fazendo um estrondo
ecoar pelos fiordes.
São também compostos de água
das inúmeras geleiras azuis que se
espalham pela região, reinventando a geometria com sua imensa e espessa massa de gelo formada em camadas sucessivas de neve compactada e cristalizada de várias épocas.
A melhor época para visitar a
Patagônia Chilena são os meses de
primavera e verão, de outubro a
abril. Embora o parque não feche
no inverno, durante essa estação há
poucas opções de hotéis e algumas
trilhas não podem ser acessadas.

Mesmo na alta temporada, o mau
tempo pode abortar o passeio de
Puerto Natales rumo às geleiras.
Aconteceu recentemente com a lancha do capitão Ivan Cid, ironicamente batizada de "Ladrillero", barco de um hotel para 16 pessoas, que
deu a meia volta, desencorajado por
uma sucessão de vagas altas.
Susto nada comparável aos aventureiros do passado, como naturalista
Charles Darwin, que tinha apenas 22
anos quando embarcou no HMS Beagle, em dezembro de 1831, para uma
viagem de cinco anos pelo Novo Mundo, com escala na Patagônia, lugar
que descreveu como "paisagem grandiosa", fonte da inspiração para a sua
teoria evolucionista.
A elogiável infraestrutura turística tem programas para todos os graus
de disposição, de spas cujas piscinas
aquecidas avançam a céu aberto a caminhadas de até seis dias, com direito
a acampamento em barracas, pelas trilhas do Parque Nacional Torres del
Paine (a três horas de carro de Natales), orgulho nacional de 242 mil hectares, na qual se encontra a cadeia
montanhosa Del Paine, com as famosas Torres del Paine - gigantes de rocha sedimentária e granito cercados
de lagos, rios, cascatas e geleiras.
Já a cidadezinha de Puerto Natales, com seus pouco mais de 19 mil
habitantes e casinhas de madeira revestidas de latão colorido (uma proteção contra o vento), pode ser explorada a pé ou de bicicleta, geralmente
oferecida pelos hotéis. Se for pedalando, vale ir pela orla até o pequeno porto de barcos de pesca, apreciando a
paisagem bucólica sempre com picos
gelados ao fundo, do outro lado do
mar. Dependendo da hora, vai experimentar a sensação única de pedalar
contra o vento gelado no meio de um
cenário que lembra quadros impressionistas. Correntes fortes, ventos
cortantes, frio congelante: nada disso é obstáculo aos novos desbravadores da Patagônia. I

Turista curte os flocos que caem
sobre o parque, com clima
instável, mesmo no verão

Gaúcho toca a boiada na rua
del fin del Mundo, caminho
que leva a Torres del Paine
Revista bem estar-20140105 o verdadeiro sucesso
Revista bem estar-20140105 o verdadeiro sucesso
Revista bem estar-20140105 o verdadeiro sucesso
Revista bem estar-20140105 o verdadeiro sucesso
Revista bem estar-20140105 o verdadeiro sucesso

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Gestão do Tempo - Como extrair o seu melhor eu
Gestão do Tempo - Como extrair o seu melhor euGestão do Tempo - Como extrair o seu melhor eu
Gestão do Tempo - Como extrair o seu melhor eu
Pedro Cordier
 
"LONGEVIDADE E TEMPO LIVRE: NOVAS PROPOSTAS DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL E DE VALOR...
"LONGEVIDADE E TEMPO LIVRE: NOVAS PROPOSTAS DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL E DE VALOR..."LONGEVIDADE E TEMPO LIVRE: NOVAS PROPOSTAS DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL E DE VALOR...
"LONGEVIDADE E TEMPO LIVRE: NOVAS PROPOSTAS DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL E DE VALOR...
MARCO AURÉLIO BICALHO DE ABREU CHAGAS
 
Trabalho de filosofia 3C
Trabalho de filosofia 3CTrabalho de filosofia 3C
Trabalho de filosofia 3C
Melonita
 
Como vencer a dor da perda
Como vencer a dor da perdaComo vencer a dor da perda
Como vencer a dor da perda
Acsa Ferreira
 
Oficina de dinâmicas afonso dutra
Oficina de dinâmicas   afonso dutraOficina de dinâmicas   afonso dutra
Oficina de dinâmicas afonso dutra
dijfergs
 
Revista portosite 1
Revista portosite 1Revista portosite 1
Revista portosite 1
iurdpt
 
Proj4
Proj4Proj4
Proj4
renatotf
 
Revista catedral porto
Revista catedral portoRevista catedral porto
Revista catedral porto
iurdpt
 
Bem estar 120812
Bem estar 120812Bem estar 120812
Bem estar 120812
Fernanda Caprio
 
MIXÓRDIA POÉTICA
MIXÓRDIA POÉTICAMIXÓRDIA POÉTICA
Sinal Verde
Sinal VerdeSinal Verde
Sinal Verde
Luiza Goes
 
Revista bem estar-20140112 sentimento humano
Revista bem estar-20140112 sentimento humanoRevista bem estar-20140112 sentimento humano
Revista bem estar-20140112 sentimento humano
Fernanda Caprio
 
Como Ser Um Empreendedor De Sucesso Como Fazer Sua Estrela Brilhar
Como Ser Um Empreendedor De Sucesso   Como Fazer Sua Estrela BrilharComo Ser Um Empreendedor De Sucesso   Como Fazer Sua Estrela Brilhar
Como Ser Um Empreendedor De Sucesso Como Fazer Sua Estrela Brilhar
Jozelena
 
Quem sorri se cura
Quem sorri se curaQuem sorri se cura
Quem sorri se cura
Fer Nanda
 
Homenagens aos professores
Homenagens aos professoresHomenagens aos professores
Homenagens aos professores
gomesantos
 
Jornal do Espiritismo Edição Fevereiro/2012
Jornal do Espiritismo Edição Fevereiro/2012Jornal do Espiritismo Edição Fevereiro/2012
Jornal do Espiritismo Edição Fevereiro/2012
Associação Espírita Allan Kardec
 
A Consciencia De Sua Missao
A Consciencia De Sua MissaoA Consciencia De Sua Missao
A Consciencia De Sua Missao
Marlene Camargo
 
O mirante de santana 01
O mirante de santana 01O mirante de santana 01
O mirante de santana 01
Suyen Miranda
 
Solidariedade.1 ciclo.31 8-2013
Solidariedade.1 ciclo.31 8-2013Solidariedade.1 ciclo.31 8-2013
Solidariedade.1 ciclo.31 8-2013
Alice Lirio
 

Mais procurados (19)

Gestão do Tempo - Como extrair o seu melhor eu
Gestão do Tempo - Como extrair o seu melhor euGestão do Tempo - Como extrair o seu melhor eu
Gestão do Tempo - Como extrair o seu melhor eu
 
"LONGEVIDADE E TEMPO LIVRE: NOVAS PROPOSTAS DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL E DE VALOR...
"LONGEVIDADE E TEMPO LIVRE: NOVAS PROPOSTAS DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL E DE VALOR..."LONGEVIDADE E TEMPO LIVRE: NOVAS PROPOSTAS DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL E DE VALOR...
"LONGEVIDADE E TEMPO LIVRE: NOVAS PROPOSTAS DE PARTICIPAÇÃO SOCIAL E DE VALOR...
 
Trabalho de filosofia 3C
Trabalho de filosofia 3CTrabalho de filosofia 3C
Trabalho de filosofia 3C
 
Como vencer a dor da perda
Como vencer a dor da perdaComo vencer a dor da perda
Como vencer a dor da perda
 
Oficina de dinâmicas afonso dutra
Oficina de dinâmicas   afonso dutraOficina de dinâmicas   afonso dutra
Oficina de dinâmicas afonso dutra
 
Revista portosite 1
Revista portosite 1Revista portosite 1
Revista portosite 1
 
Proj4
Proj4Proj4
Proj4
 
Revista catedral porto
Revista catedral portoRevista catedral porto
Revista catedral porto
 
Bem estar 120812
Bem estar 120812Bem estar 120812
Bem estar 120812
 
MIXÓRDIA POÉTICA
MIXÓRDIA POÉTICAMIXÓRDIA POÉTICA
MIXÓRDIA POÉTICA
 
Sinal Verde
Sinal VerdeSinal Verde
Sinal Verde
 
Revista bem estar-20140112 sentimento humano
Revista bem estar-20140112 sentimento humanoRevista bem estar-20140112 sentimento humano
Revista bem estar-20140112 sentimento humano
 
Como Ser Um Empreendedor De Sucesso Como Fazer Sua Estrela Brilhar
Como Ser Um Empreendedor De Sucesso   Como Fazer Sua Estrela BrilharComo Ser Um Empreendedor De Sucesso   Como Fazer Sua Estrela Brilhar
Como Ser Um Empreendedor De Sucesso Como Fazer Sua Estrela Brilhar
 
Quem sorri se cura
Quem sorri se curaQuem sorri se cura
Quem sorri se cura
 
Homenagens aos professores
Homenagens aos professoresHomenagens aos professores
Homenagens aos professores
 
Jornal do Espiritismo Edição Fevereiro/2012
Jornal do Espiritismo Edição Fevereiro/2012Jornal do Espiritismo Edição Fevereiro/2012
Jornal do Espiritismo Edição Fevereiro/2012
 
A Consciencia De Sua Missao
A Consciencia De Sua MissaoA Consciencia De Sua Missao
A Consciencia De Sua Missao
 
O mirante de santana 01
O mirante de santana 01O mirante de santana 01
O mirante de santana 01
 
Solidariedade.1 ciclo.31 8-2013
Solidariedade.1 ciclo.31 8-2013Solidariedade.1 ciclo.31 8-2013
Solidariedade.1 ciclo.31 8-2013
 

Destaque

Revista dominios quando o corpo todo dói
Revista dominios   quando o corpo todo dóiRevista dominios   quando o corpo todo dói
Revista dominios quando o corpo todo dói
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-20140615
Revista bem estar-20140615Revista bem estar-20140615
Revista bem estar-20140615
Fernanda Caprio
 
Bem estar=a vida do faz de conta
Bem estar=a vida do faz de contaBem estar=a vida do faz de conta
Bem estar=a vida do faz de conta
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-20150426
Revista bem estar-20150426Revista bem estar-20150426
Revista bem estar-20150426
Fernanda Caprio
 
Bem estar fe na vida-20130127
Bem estar fe na vida-20130127Bem estar fe na vida-20130127
Bem estar fe na vida-20130127
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-261014
Revista bem estar-261014Revista bem estar-261014
Revista bem estar-261014
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-acreditar 20130623
Revista bem estar-acreditar 20130623Revista bem estar-acreditar 20130623
Revista bem estar-acreditar 20130623
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-20140706
Revista bem estar-20140706Revista bem estar-20140706
Revista bem estar-20140706
Fernanda Caprio
 
JORNAL O QUÊ - participação Alexandre Caprio
JORNAL O QUÊ - participação Alexandre CaprioJORNAL O QUÊ - participação Alexandre Caprio
JORNAL O QUÊ - participação Alexandre Caprio
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-07-09-14
Revista bem estar-07-09-14Revista bem estar-07-09-14
Revista bem estar-07-09-14
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-20130519
Revista bem estar-20130519Revista bem estar-20130519
Revista bem estar-20130519
Fernanda Caprio
 
Bem estar emoçoes a flor da alma 070413
Bem estar emoçoes a flor da alma 070413Bem estar emoçoes a flor da alma 070413
Bem estar emoçoes a flor da alma 070413
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-27-07-14
Revista bem estar-27-07-14Revista bem estar-27-07-14
Revista bem estar-27-07-14
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-20150208
Revista bem estar-20150208Revista bem estar-20150208
Revista bem estar-20150208
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-20150201
Revista bem estar-20150201Revista bem estar-20150201
Revista bem estar-20150201
Fernanda Caprio
 
Bem estar o amor muda tudo-20130303
Bem estar o amor muda tudo-20130303Bem estar o amor muda tudo-20130303
Bem estar o amor muda tudo-20130303
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-20141228
Revista bem estar-20141228Revista bem estar-20141228
Revista bem estar-20141228
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-20-07-14
Revista bem estar-20-07-14Revista bem estar-20-07-14
Revista bem estar-20-07-14
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-14-09-14
Revista bem estar-14-09-14Revista bem estar-14-09-14
Revista bem estar-14-09-14
Fernanda Caprio
 
Revista bem estar-20140316
Revista bem estar-20140316Revista bem estar-20140316
Revista bem estar-20140316
Fernanda Caprio
 

Destaque (20)

Revista dominios quando o corpo todo dói
Revista dominios   quando o corpo todo dóiRevista dominios   quando o corpo todo dói
Revista dominios quando o corpo todo dói
 
Revista bem estar-20140615
Revista bem estar-20140615Revista bem estar-20140615
Revista bem estar-20140615
 
Bem estar=a vida do faz de conta
Bem estar=a vida do faz de contaBem estar=a vida do faz de conta
Bem estar=a vida do faz de conta
 
Revista bem estar-20150426
Revista bem estar-20150426Revista bem estar-20150426
Revista bem estar-20150426
 
Bem estar fe na vida-20130127
Bem estar fe na vida-20130127Bem estar fe na vida-20130127
Bem estar fe na vida-20130127
 
Revista bem estar-261014
Revista bem estar-261014Revista bem estar-261014
Revista bem estar-261014
 
Revista bem estar-acreditar 20130623
Revista bem estar-acreditar 20130623Revista bem estar-acreditar 20130623
Revista bem estar-acreditar 20130623
 
Revista bem estar-20140706
Revista bem estar-20140706Revista bem estar-20140706
Revista bem estar-20140706
 
JORNAL O QUÊ - participação Alexandre Caprio
JORNAL O QUÊ - participação Alexandre CaprioJORNAL O QUÊ - participação Alexandre Caprio
JORNAL O QUÊ - participação Alexandre Caprio
 
Revista bem estar-07-09-14
Revista bem estar-07-09-14Revista bem estar-07-09-14
Revista bem estar-07-09-14
 
Revista bem estar-20130519
Revista bem estar-20130519Revista bem estar-20130519
Revista bem estar-20130519
 
Bem estar emoçoes a flor da alma 070413
Bem estar emoçoes a flor da alma 070413Bem estar emoçoes a flor da alma 070413
Bem estar emoçoes a flor da alma 070413
 
Revista bem estar-27-07-14
Revista bem estar-27-07-14Revista bem estar-27-07-14
Revista bem estar-27-07-14
 
Revista bem estar-20150208
Revista bem estar-20150208Revista bem estar-20150208
Revista bem estar-20150208
 
Revista bem estar-20150201
Revista bem estar-20150201Revista bem estar-20150201
Revista bem estar-20150201
 
Bem estar o amor muda tudo-20130303
Bem estar o amor muda tudo-20130303Bem estar o amor muda tudo-20130303
Bem estar o amor muda tudo-20130303
 
Revista bem estar-20141228
Revista bem estar-20141228Revista bem estar-20141228
Revista bem estar-20141228
 
Revista bem estar-20-07-14
Revista bem estar-20-07-14Revista bem estar-20-07-14
Revista bem estar-20-07-14
 
Revista bem estar-14-09-14
Revista bem estar-14-09-14Revista bem estar-14-09-14
Revista bem estar-14-09-14
 
Revista bem estar-20140316
Revista bem estar-20140316Revista bem estar-20140316
Revista bem estar-20140316
 

Semelhante a Revista bem estar-20140105 o verdadeiro sucesso

Revista bem estar-20130818
Revista bem estar-20130818 Revista bem estar-20130818
Revista bem estar-20130818
Fernanda Caprio
 
Ressignificar é Preciso
Ressignificar é PrecisoRessignificar é Preciso
Ressignificar é Preciso
Interlecto Consultoria
 
Um guia para enfrentar as dificuldades da vida estrategistas
Um guia para enfrentar as dificuldades da vida estrategistasUm guia para enfrentar as dificuldades da vida estrategistas
Um guia para enfrentar as dificuldades da vida estrategistas
Guy Valerio
 
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentido
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentidoCaminhos do flow: o flow e a busca por sentido
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentido
Paula Azevedo Macedo
 
Jiddu Krishnamurti - A Libertação dos Condicionamentos.pdf
Jiddu Krishnamurti - A Libertação dos Condicionamentos.pdfJiddu Krishnamurti - A Libertação dos Condicionamentos.pdf
Jiddu Krishnamurti - A Libertação dos Condicionamentos.pdf
HubertoRohden2
 
Revista bem estar-acreditar 20130623
Revista bem estar-acreditar 20130623Revista bem estar-acreditar 20130623
Revista bem estar-acreditar 20130623
Fernanda Caprio
 
Treino de habilidades sociais e terapia de casais
Treino de habilidades sociais e terapia de casaisTreino de habilidades sociais e terapia de casais
Treino de habilidades sociais e terapia de casais
Marcelo da Rocha Carvalho
 
BIZCOOL - CRIATIVIDADE E PROPÓSITO: COMO ENCONTRAR SUA FONTE DE CRIATIVIDADE
BIZCOOL - CRIATIVIDADE E PROPÓSITO: COMO ENCONTRAR SUA FONTE DE CRIATIVIDADEBIZCOOL - CRIATIVIDADE E PROPÓSITO: COMO ENCONTRAR SUA FONTE DE CRIATIVIDADE
BIZCOOL - CRIATIVIDADE E PROPÓSITO: COMO ENCONTRAR SUA FONTE DE CRIATIVIDADE
Bizcool | Escola Aceleradora
 
Bem estar 190812
Bem estar  190812Bem estar  190812
Bem estar 190812
Fernanda Caprio
 
Seminario de vida prof 01 ganhar o mundo2003
Seminario de vida prof 01 ganhar o mundo2003Seminario de vida prof 01 ganhar o mundo2003
Seminario de vida prof 01 ganhar o mundo2003
Giovani Luiz Zimmermann Jr.
 
Boletim informativo março 2015
Boletim informativo março 2015Boletim informativo março 2015
Boletim informativo março 2015
fespiritacrista
 
Espaço para Deus - Henri Nouwen.pdf
Espaço para Deus - Henri      Nouwen.pdfEspaço para Deus - Henri      Nouwen.pdf
Espaço para Deus - Henri Nouwen.pdf
dautoviana79
 
Frases e Imagens para Palestras - Marcio Okabe.pdf
Frases e Imagens para Palestras - Marcio Okabe.pdfFrases e Imagens para Palestras - Marcio Okabe.pdf
Frases e Imagens para Palestras - Marcio Okabe.pdf
Marcio Okabe
 
Filosofia como ferramenta do gestor - para ficar menos triste, irritado, enlo...
Filosofia como ferramenta do gestor - para ficar menos triste, irritado, enlo...Filosofia como ferramenta do gestor - para ficar menos triste, irritado, enlo...
Filosofia como ferramenta do gestor - para ficar menos triste, irritado, enlo...
Robes Baima, PMI-PMP, PMI-RMP
 
Juventude Pioneira | Ano v - Edição Especial 2016 - Janeiro
Juventude Pioneira | Ano v - Edição Especial 2016 - JaneiroJuventude Pioneira | Ano v - Edição Especial 2016 - Janeiro
Juventude Pioneira | Ano v - Edição Especial 2016 - Janeiro
jumap_pioneira
 
Edição n. 63 do CH Noticias - Setembro/2020
Edição n. 63 do CH Noticias - Setembro/2020Edição n. 63 do CH Noticias - Setembro/2020
Edição n. 63 do CH Noticias - Setembro/2020
CH Notícias - Casa dos Humildes - Recife
 
A filosofia é o abstrato inalcançável
A filosofia é o abstrato inalcançávelA filosofia é o abstrato inalcançável
A filosofia é o abstrato inalcançável
fontouramail
 
Talk TEDx Vila Real - "Encontrar a Psicologia Positiva nas histórias nos dias"
Talk TEDx Vila Real - "Encontrar a Psicologia Positiva nas histórias nos dias"Talk TEDx Vila Real - "Encontrar a Psicologia Positiva nas histórias nos dias"
Talk TEDx Vila Real - "Encontrar a Psicologia Positiva nas histórias nos dias"
Edite Amorim
 
Flow - O Poder da Presença - Pedro Cordier
Flow - O Poder da Presença - Pedro CordierFlow - O Poder da Presença - Pedro Cordier
Flow - O Poder da Presença - Pedro Cordier
Pedro Cordier
 
C:\Users\Paulo Campos\Documents\Paulo Campos\P Campos\Espm\Curso De FéRias\R ...
C:\Users\Paulo Campos\Documents\Paulo Campos\P Campos\Espm\Curso De FéRias\R ...C:\Users\Paulo Campos\Documents\Paulo Campos\P Campos\Espm\Curso De FéRias\R ...
C:\Users\Paulo Campos\Documents\Paulo Campos\P Campos\Espm\Curso De FéRias\R ...
Paulo Vieira de Campos
 

Semelhante a Revista bem estar-20140105 o verdadeiro sucesso (20)

Revista bem estar-20130818
Revista bem estar-20130818 Revista bem estar-20130818
Revista bem estar-20130818
 
Ressignificar é Preciso
Ressignificar é PrecisoRessignificar é Preciso
Ressignificar é Preciso
 
Um guia para enfrentar as dificuldades da vida estrategistas
Um guia para enfrentar as dificuldades da vida estrategistasUm guia para enfrentar as dificuldades da vida estrategistas
Um guia para enfrentar as dificuldades da vida estrategistas
 
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentido
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentidoCaminhos do flow: o flow e a busca por sentido
Caminhos do flow: o flow e a busca por sentido
 
Jiddu Krishnamurti - A Libertação dos Condicionamentos.pdf
Jiddu Krishnamurti - A Libertação dos Condicionamentos.pdfJiddu Krishnamurti - A Libertação dos Condicionamentos.pdf
Jiddu Krishnamurti - A Libertação dos Condicionamentos.pdf
 
Revista bem estar-acreditar 20130623
Revista bem estar-acreditar 20130623Revista bem estar-acreditar 20130623
Revista bem estar-acreditar 20130623
 
Treino de habilidades sociais e terapia de casais
Treino de habilidades sociais e terapia de casaisTreino de habilidades sociais e terapia de casais
Treino de habilidades sociais e terapia de casais
 
BIZCOOL - CRIATIVIDADE E PROPÓSITO: COMO ENCONTRAR SUA FONTE DE CRIATIVIDADE
BIZCOOL - CRIATIVIDADE E PROPÓSITO: COMO ENCONTRAR SUA FONTE DE CRIATIVIDADEBIZCOOL - CRIATIVIDADE E PROPÓSITO: COMO ENCONTRAR SUA FONTE DE CRIATIVIDADE
BIZCOOL - CRIATIVIDADE E PROPÓSITO: COMO ENCONTRAR SUA FONTE DE CRIATIVIDADE
 
Bem estar 190812
Bem estar  190812Bem estar  190812
Bem estar 190812
 
Seminario de vida prof 01 ganhar o mundo2003
Seminario de vida prof 01 ganhar o mundo2003Seminario de vida prof 01 ganhar o mundo2003
Seminario de vida prof 01 ganhar o mundo2003
 
Boletim informativo março 2015
Boletim informativo março 2015Boletim informativo março 2015
Boletim informativo março 2015
 
Espaço para Deus - Henri Nouwen.pdf
Espaço para Deus - Henri      Nouwen.pdfEspaço para Deus - Henri      Nouwen.pdf
Espaço para Deus - Henri Nouwen.pdf
 
Frases e Imagens para Palestras - Marcio Okabe.pdf
Frases e Imagens para Palestras - Marcio Okabe.pdfFrases e Imagens para Palestras - Marcio Okabe.pdf
Frases e Imagens para Palestras - Marcio Okabe.pdf
 
Filosofia como ferramenta do gestor - para ficar menos triste, irritado, enlo...
Filosofia como ferramenta do gestor - para ficar menos triste, irritado, enlo...Filosofia como ferramenta do gestor - para ficar menos triste, irritado, enlo...
Filosofia como ferramenta do gestor - para ficar menos triste, irritado, enlo...
 
Juventude Pioneira | Ano v - Edição Especial 2016 - Janeiro
Juventude Pioneira | Ano v - Edição Especial 2016 - JaneiroJuventude Pioneira | Ano v - Edição Especial 2016 - Janeiro
Juventude Pioneira | Ano v - Edição Especial 2016 - Janeiro
 
Edição n. 63 do CH Noticias - Setembro/2020
Edição n. 63 do CH Noticias - Setembro/2020Edição n. 63 do CH Noticias - Setembro/2020
Edição n. 63 do CH Noticias - Setembro/2020
 
A filosofia é o abstrato inalcançável
A filosofia é o abstrato inalcançávelA filosofia é o abstrato inalcançável
A filosofia é o abstrato inalcançável
 
Talk TEDx Vila Real - "Encontrar a Psicologia Positiva nas histórias nos dias"
Talk TEDx Vila Real - "Encontrar a Psicologia Positiva nas histórias nos dias"Talk TEDx Vila Real - "Encontrar a Psicologia Positiva nas histórias nos dias"
Talk TEDx Vila Real - "Encontrar a Psicologia Positiva nas histórias nos dias"
 
Flow - O Poder da Presença - Pedro Cordier
Flow - O Poder da Presença - Pedro CordierFlow - O Poder da Presença - Pedro Cordier
Flow - O Poder da Presença - Pedro Cordier
 
C:\Users\Paulo Campos\Documents\Paulo Campos\P Campos\Espm\Curso De FéRias\R ...
C:\Users\Paulo Campos\Documents\Paulo Campos\P Campos\Espm\Curso De FéRias\R ...C:\Users\Paulo Campos\Documents\Paulo Campos\P Campos\Espm\Curso De FéRias\R ...
C:\Users\Paulo Campos\Documents\Paulo Campos\P Campos\Espm\Curso De FéRias\R ...
 

Mais de Fernanda Caprio

Artigo "Contagem de votos"
Artigo "Contagem de votos"Artigo "Contagem de votos"
Artigo "Contagem de votos"
Fernanda Caprio
 
Artigo "O que é ser pré-candidato" (Fernanda Caprio), Revista Conceito Jurídi...
Artigo "O que é ser pré-candidato" (Fernanda Caprio), Revista Conceito Jurídi...Artigo "O que é ser pré-candidato" (Fernanda Caprio), Revista Conceito Jurídi...
Artigo "O que é ser pré-candidato" (Fernanda Caprio), Revista Conceito Jurídi...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Da reforma do Estado à crise Temer" (Fernanda Caprio) Revista Conceit...
Artigo "Da reforma do Estado à crise Temer" (Fernanda Caprio) Revista Conceit...Artigo "Da reforma do Estado à crise Temer" (Fernanda Caprio) Revista Conceit...
Artigo "Da reforma do Estado à crise Temer" (Fernanda Caprio) Revista Conceit...
Fernanda Caprio
 
Artigo "A interferência do direito eleitoral no resultado das eleições" (Fern...
Artigo "A interferência do direito eleitoral no resultado das eleições" (Fern...Artigo "A interferência do direito eleitoral no resultado das eleições" (Fern...
Artigo "A interferência do direito eleitoral no resultado das eleições" (Fern...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Captação de recursos" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agosto/2016
Artigo "Captação de recursos" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agosto/2016Artigo "Captação de recursos" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agosto/2016
Artigo "Captação de recursos" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agosto/2016
Fernanda Caprio
 
Artigo "Regras para contratação de militância remunerada" (Fernanda Caprio) R...
Artigo "Regras para contratação de militância remunerada" (Fernanda Caprio) R...Artigo "Regras para contratação de militância remunerada" (Fernanda Caprio) R...
Artigo "Regras para contratação de militância remunerada" (Fernanda Caprio) R...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Convenções partidárias" (Fernanda Caprio) Revista Republicana junho/2016
Artigo "Convenções partidárias" (Fernanda Caprio) Revista Republicana junho/2016Artigo "Convenções partidárias" (Fernanda Caprio) Revista Republicana junho/2016
Artigo "Convenções partidárias" (Fernanda Caprio) Revista Republicana junho/2016
Fernanda Caprio
 
Artigo "É hora de planejar sua campanha" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
Artigo "É hora de planejar sua campanha" (Fernanda Caprio) Revista Republican...Artigo "É hora de planejar sua campanha" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
Artigo "É hora de planejar sua campanha" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Prestação de Contas Anual Partidária" (Fernanda Caprio) Revista Repub...
Artigo "Prestação de Contas Anual Partidária" (Fernanda Caprio) Revista Repub...Artigo "Prestação de Contas Anual Partidária" (Fernanda Caprio) Revista Repub...
Artigo "Prestação de Contas Anual Partidária" (Fernanda Caprio) Revista Repub...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Desincompatibilização" (Fernanda Caprio) Revista Republicana fevereir...
Artigo "Desincompatibilização" (Fernanda Caprio) Revista Republicana fevereir...Artigo "Desincompatibilização" (Fernanda Caprio) Revista Republicana fevereir...
Artigo "Desincompatibilização" (Fernanda Caprio) Revista Republicana fevereir...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Limite de gastos para campanhas" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
Artigo "Limite de gastos para campanhas" (Fernanda Caprio) Revista Republican...Artigo "Limite de gastos para campanhas" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
Artigo "Limite de gastos para campanhas" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Internet na campanha eleitoral" (Fernanda Caprio) Revista Republicana...
Artigo "Internet na campanha eleitoral" (Fernanda Caprio) Revista Republicana...Artigo "Internet na campanha eleitoral" (Fernanda Caprio) Revista Republicana...
Artigo "Internet na campanha eleitoral" (Fernanda Caprio) Revista Republicana...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana novembro...
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana novembro...Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana novembro...
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana novembro...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana outubro/...
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana outubro/...Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana outubro/...
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana outubro/...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Cota para mulheres" (Fernanda Caprio) Revista Republicana setembro/2015
Artigo "Cota para mulheres" (Fernanda Caprio) Revista Republicana setembro/2015Artigo "Cota para mulheres" (Fernanda Caprio) Revista Republicana setembro/2015
Artigo "Cota para mulheres" (Fernanda Caprio) Revista Republicana setembro/2015
Fernanda Caprio
 
Artigo "Qual o papel da política?" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agos...
Artigo "Qual o papel da política?" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agos...Artigo "Qual o papel da política?" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agos...
Artigo "Qual o papel da política?" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agos...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Dupla filiação partidária" (Fernanda Caprio) Revista Republicana maio...
Artigo "Dupla filiação partidária" (Fernanda Caprio) Revista Republicana maio...Artigo "Dupla filiação partidária" (Fernanda Caprio) Revista Republicana maio...
Artigo "Dupla filiação partidária" (Fernanda Caprio) Revista Republicana maio...
Fernanda Caprio
 
Artigo "Mandato pertence ao partido e não ao eleito" (Fernanda Caprio) Revist...
Artigo "Mandato pertence ao partido e não ao eleito" (Fernanda Caprio) Revist...Artigo "Mandato pertence ao partido e não ao eleito" (Fernanda Caprio) Revist...
Artigo "Mandato pertence ao partido e não ao eleito" (Fernanda Caprio) Revist...
Fernanda Caprio
 
Artigo Quem rouba uma caneta, rouba um país (Fernanda Caprio) Revista Republi...
Artigo Quem rouba uma caneta, rouba um país (Fernanda Caprio) Revista Republi...Artigo Quem rouba uma caneta, rouba um país (Fernanda Caprio) Revista Republi...
Artigo Quem rouba uma caneta, rouba um país (Fernanda Caprio) Revista Republi...
Fernanda Caprio
 
Palestra Participação da Mulher na Política 2017
Palestra Participação da Mulher na Política 2017Palestra Participação da Mulher na Política 2017
Palestra Participação da Mulher na Política 2017
Fernanda Caprio
 

Mais de Fernanda Caprio (20)

Artigo "Contagem de votos"
Artigo "Contagem de votos"Artigo "Contagem de votos"
Artigo "Contagem de votos"
 
Artigo "O que é ser pré-candidato" (Fernanda Caprio), Revista Conceito Jurídi...
Artigo "O que é ser pré-candidato" (Fernanda Caprio), Revista Conceito Jurídi...Artigo "O que é ser pré-candidato" (Fernanda Caprio), Revista Conceito Jurídi...
Artigo "O que é ser pré-candidato" (Fernanda Caprio), Revista Conceito Jurídi...
 
Artigo "Da reforma do Estado à crise Temer" (Fernanda Caprio) Revista Conceit...
Artigo "Da reforma do Estado à crise Temer" (Fernanda Caprio) Revista Conceit...Artigo "Da reforma do Estado à crise Temer" (Fernanda Caprio) Revista Conceit...
Artigo "Da reforma do Estado à crise Temer" (Fernanda Caprio) Revista Conceit...
 
Artigo "A interferência do direito eleitoral no resultado das eleições" (Fern...
Artigo "A interferência do direito eleitoral no resultado das eleições" (Fern...Artigo "A interferência do direito eleitoral no resultado das eleições" (Fern...
Artigo "A interferência do direito eleitoral no resultado das eleições" (Fern...
 
Artigo "Captação de recursos" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agosto/2016
Artigo "Captação de recursos" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agosto/2016Artigo "Captação de recursos" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agosto/2016
Artigo "Captação de recursos" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agosto/2016
 
Artigo "Regras para contratação de militância remunerada" (Fernanda Caprio) R...
Artigo "Regras para contratação de militância remunerada" (Fernanda Caprio) R...Artigo "Regras para contratação de militância remunerada" (Fernanda Caprio) R...
Artigo "Regras para contratação de militância remunerada" (Fernanda Caprio) R...
 
Artigo "Convenções partidárias" (Fernanda Caprio) Revista Republicana junho/2016
Artigo "Convenções partidárias" (Fernanda Caprio) Revista Republicana junho/2016Artigo "Convenções partidárias" (Fernanda Caprio) Revista Republicana junho/2016
Artigo "Convenções partidárias" (Fernanda Caprio) Revista Republicana junho/2016
 
Artigo "É hora de planejar sua campanha" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
Artigo "É hora de planejar sua campanha" (Fernanda Caprio) Revista Republican...Artigo "É hora de planejar sua campanha" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
Artigo "É hora de planejar sua campanha" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
 
Artigo "Prestação de Contas Anual Partidária" (Fernanda Caprio) Revista Repub...
Artigo "Prestação de Contas Anual Partidária" (Fernanda Caprio) Revista Repub...Artigo "Prestação de Contas Anual Partidária" (Fernanda Caprio) Revista Repub...
Artigo "Prestação de Contas Anual Partidária" (Fernanda Caprio) Revista Repub...
 
Artigo "Desincompatibilização" (Fernanda Caprio) Revista Republicana fevereir...
Artigo "Desincompatibilização" (Fernanda Caprio) Revista Republicana fevereir...Artigo "Desincompatibilização" (Fernanda Caprio) Revista Republicana fevereir...
Artigo "Desincompatibilização" (Fernanda Caprio) Revista Republicana fevereir...
 
Artigo "Limite de gastos para campanhas" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
Artigo "Limite de gastos para campanhas" (Fernanda Caprio) Revista Republican...Artigo "Limite de gastos para campanhas" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
Artigo "Limite de gastos para campanhas" (Fernanda Caprio) Revista Republican...
 
Artigo "Internet na campanha eleitoral" (Fernanda Caprio) Revista Republicana...
Artigo "Internet na campanha eleitoral" (Fernanda Caprio) Revista Republicana...Artigo "Internet na campanha eleitoral" (Fernanda Caprio) Revista Republicana...
Artigo "Internet na campanha eleitoral" (Fernanda Caprio) Revista Republicana...
 
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana novembro...
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana novembro...Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana novembro...
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana novembro...
 
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana outubro/...
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana outubro/...Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana outubro/...
Artigo "Reforma Política 2015" (Fernanda Caprio) Revista Republicana outubro/...
 
Artigo "Cota para mulheres" (Fernanda Caprio) Revista Republicana setembro/2015
Artigo "Cota para mulheres" (Fernanda Caprio) Revista Republicana setembro/2015Artigo "Cota para mulheres" (Fernanda Caprio) Revista Republicana setembro/2015
Artigo "Cota para mulheres" (Fernanda Caprio) Revista Republicana setembro/2015
 
Artigo "Qual o papel da política?" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agos...
Artigo "Qual o papel da política?" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agos...Artigo "Qual o papel da política?" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agos...
Artigo "Qual o papel da política?" (Fernanda Caprio) Revista Republicana agos...
 
Artigo "Dupla filiação partidária" (Fernanda Caprio) Revista Republicana maio...
Artigo "Dupla filiação partidária" (Fernanda Caprio) Revista Republicana maio...Artigo "Dupla filiação partidária" (Fernanda Caprio) Revista Republicana maio...
Artigo "Dupla filiação partidária" (Fernanda Caprio) Revista Republicana maio...
 
Artigo "Mandato pertence ao partido e não ao eleito" (Fernanda Caprio) Revist...
Artigo "Mandato pertence ao partido e não ao eleito" (Fernanda Caprio) Revist...Artigo "Mandato pertence ao partido e não ao eleito" (Fernanda Caprio) Revist...
Artigo "Mandato pertence ao partido e não ao eleito" (Fernanda Caprio) Revist...
 
Artigo Quem rouba uma caneta, rouba um país (Fernanda Caprio) Revista Republi...
Artigo Quem rouba uma caneta, rouba um país (Fernanda Caprio) Revista Republi...Artigo Quem rouba uma caneta, rouba um país (Fernanda Caprio) Revista Republi...
Artigo Quem rouba uma caneta, rouba um país (Fernanda Caprio) Revista Republi...
 
Palestra Participação da Mulher na Política 2017
Palestra Participação da Mulher na Política 2017Palestra Participação da Mulher na Política 2017
Palestra Participação da Mulher na Política 2017
 

Último

DESVIOS POSTURAIS DA COLUNA VERTEBRAL 0001.pptx
DESVIOS POSTURAIS DA COLUNA VERTEBRAL 0001.pptxDESVIOS POSTURAIS DA COLUNA VERTEBRAL 0001.pptx
DESVIOS POSTURAIS DA COLUNA VERTEBRAL 0001.pptx
Klaisn
 
História da Enfermagem-Enfermagem 2024.pdf
História da Enfermagem-Enfermagem 2024.pdfHistória da Enfermagem-Enfermagem 2024.pdf
História da Enfermagem-Enfermagem 2024.pdf
JandersonGeorgeGuima
 
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do TrabalhoApostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
CatieleAlmeida1
 
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptxSíndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
marjoguedes1
 
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
Luiz Henrique Pimentel Novais Silva
 
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
sula31
 
4.Tecidos Excitáveis - Tecido Nervoso.pptx
4.Tecidos Excitáveis - Tecido Nervoso.pptx4.Tecidos Excitáveis - Tecido Nervoso.pptx
4.Tecidos Excitáveis - Tecido Nervoso.pptx
AmaroAlmeidaChimbala
 

Último (8)

DESVIOS POSTURAIS DA COLUNA VERTEBRAL 0001.pptx
DESVIOS POSTURAIS DA COLUNA VERTEBRAL 0001.pptxDESVIOS POSTURAIS DA COLUNA VERTEBRAL 0001.pptx
DESVIOS POSTURAIS DA COLUNA VERTEBRAL 0001.pptx
 
História da Enfermagem-Enfermagem 2024.pdf
História da Enfermagem-Enfermagem 2024.pdfHistória da Enfermagem-Enfermagem 2024.pdf
História da Enfermagem-Enfermagem 2024.pdf
 
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do TrabalhoApostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
 
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptxSíndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
 
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
 
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
 
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
 
4.Tecidos Excitáveis - Tecido Nervoso.pptx
4.Tecidos Excitáveis - Tecido Nervoso.pptx4.Tecidos Excitáveis - Tecido Nervoso.pptx
4.Tecidos Excitáveis - Tecido Nervoso.pptx
 

Revista bem estar-20140105 o verdadeiro sucesso

  • 1.
  • 2. 2 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO DIÁRIO DA REGIÃO Diretor de Redação Décio Trujilo decio.trujilo@diariodaregiao.com.br Editor-chefe Fabrício Carareto fabricio.carareto@diariodaregiao.com.br Coordenação Ligia Ottoboni ligia.ottoboni@diariodaregiao.com.br Editor de Bem-Estar e TV Igor Galante igor.galante@diariodaregiao.com.br Olegário Mariano Editorial Filósofo espiritualista usa o exemplo de Jesus e Maria para falar da importância do silêncio a fim de se encontrar com o que realmente importa na vida Televisão Pesquisa de fotos Mara Lúcia de Sousa Diagramação Claudia Paixão Tratamento de Imagens Edson Saito, Luciana Nardelli e Luis Antonio Matérias Agência Estado Agência O Globo 3 Divulgação O Conselho das Árvores Sofro, luz dos meus olhos, quando dizes Que a vida não te alenta nem conforta. Olha o exemplo das árvores felizes Dentro da solidão da noite morta. Que lhes importa a dor, que lhes importa O drama que há no fundo das raízes? Não sentem quando o vento os ramos corta E as folhas leva em várias diretrizes? Que lhes importa a maldição do outono E os dedos envolventes da garoa, Se dão sombra às taperas no abandono?!... Levanta os braços para o firmamento E canta a vida porque a vida é boa Mesmo esmagada pelo sofrimento. Editora de Turismo Cecília Demian cecilia.demian@diariodaregiao.com.br Editor de Arte César A. Belisário cesar.belisario@diariodaregiao.com.br Trigueirinho Poesia 18 TV Record/Divulgação Felicidade sustentável Para o escritor e psiquiatra Roberto Shinyashiki, para quem - há muito tempo ele defende isso - o sucesso é ser feliz, as pessoas se cobram um tipo de sucesso incoerente e até irracional. Como se precisassem ser sensacionais em tudo o que fizessem. Grande parte desta autocobrança insana é reflexo de pressões externas, ou seja, daquilo que a sociedde nos cobra. É como se ecoasse uma voz interna dizendo “é preciso conquistar”, “é preciso ter”. Esse tipo de comportamento não sustenta a felicidade, como mostra Shinyashiki em entrevista que resultou no assunto de capa desta edição. O tema da conversa foi “heróis de verdade”. Quem são eles? Na opinião do psiquiatra, os verdadeiros heróis são aqueles que se comprometem com seus próprios valores. Pessoas voltadas à essência, não à aparência. Nova minissérie bíblica da Record, com estreia programada para este mês, fala dos milagres atribuídos a Jesus Turismo 24 Agência O Globo/Divulgação AUTOCONHECIMENTO Maturidade emocional é a chave para enfrentar os períodos mais turbulentos da vida, tendo consciência de que há o momento em que o mar se acalma e você pode recomeçar Páginas 8 e 9 CRESCIMENTO Na hora de tomar uma decisão, considere o que é mais importante para você e não o que os outros vão pensar. Nessa hora delicada, é preciso ouvir o que diz o seu coração Páginas 10 e 11 RELACIONAMENTO Uma relação amorosa nunca está “pronta”, o aprendizado e a dedicação devem ser constantes, por isso, fique alerta e cultive o amor, o carinho e a disposição para surpreender Página 12 Roteiro de verão pela Patagônia chilena reúne passeios de barco e observação de geleiras e montanhas
  • 3. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 3 Artigo Transição para uma vida mais equilibrada Vivemos sem pausas, sem equilíbrio entre os momentos de ação exterior e os de recolhimento interior José Trigueirinho Neto Dizem os livros antigos que, quando o mundo atinge uma grande decadência aparente, algo muito maior do que o mundo, em consciência, manifesta-se nele. Seguindo essa lei, há dois mil anos uma grande força cósmica encarnou num homem e “caminhou sobre a Terra”. Naquele tempo, Jesus Cristo ia de cidade em cidade e hospedavase em casas de conhecidos. Um dia parou na casa de duas mulheres, Marta e Maria. Logo que chegou, ambas demonstram íntima alegria por recebêLo, cada uma tomando a atitude que lhe era mais característica: Marta pôs-se a lidar, a limpar a casa, a preparar alimentos, ao passo que Maria sentouse, recostou a cabeça e ficou em silêncio, junto a Cristo. Como o labor era grande, Marta perguntou a Jesus se aquilo era justo: ela a trabalhar sozinha, enquanto Maria contemplava. Jesus respondeu que Marta fazia muitas coisas, mas que Maria fazia a única coisa realmente necessária. Essa mensagem nos dá a chave da compreensão para uma ação verdadeira, que ne- nhuma relação tem com inércia. Sem desmerecer e tampouco anular a atividade externa em si, também necessária, a referida história simboliza uma atitude real diante dos fatos da vida. A necessidade premente de quietude e de privacidade, que quase todos sentem profundamente hoje em dia, provém do centro interior do homem, raramente buscado em virtude dessa atividade contínua à qual quase todos se entregaram na época moderna. Vivemos sem pausas, sem equilíbrio entre os momentos de ação exterior e os de recolhimento interior. Aquela que se sentou aos pés de Jesus, interiorizou-se sem se isolar dos demais. Que é esse silêncio imprescindível para o equilíbrio do ser? Pelo que parece, havia em Maria uma ação profunda e dinâmica, ao permanecer quieta. Enquanto Marta agia externamente, dando mostras da sua laboriosidade, Maria desidentificava-se do que se passava no exterior. Anônima, quieta, e não envolvida com o que a outra estava realizando, Maria trabalhava invisivelmente. Dessa ação interior vem uma união com a totalidade da Quem é JOSÉ TRIGUEIRINHO NETO é filósofo espiritualista e autor de mais de 77 livros. Texto extraído da obra “Do Irreal ao Real” (Editora Pensamento) vida, e nessa totalidade todos são “um”. Sendo assim, é como se estivesse “só”, porém, numa dimensão de solidão que não significa separatividade, mas unidade ainda mais perfeita: ele, o indivíduo, “está nos outros”. A transição de uma vida exteriorizada para uma vida equilibrada, onde esse processo superior tem início, não se faz por um caminho rápido e fácil. Grandes caminhadas, porém, sempre começam com um primeiro passo, e aqui procuramos estimular aqueles que estiverem abertos para dá-lo. A época é propícia para isso. Conforme vimos, como nada que vem de fora pode trazernos soluções reais, permanece a alternativa de se tentar “a única coisa necessária”. Aquela atitude interna de silêncio e de solidão, a que nos referimos, se compreendida amplamente, abre canais para que algo mais sutil desça para os níveis físico, emocional e mental. Neste ponto da evolução humana é preciso fazer certo esforço e ter certa concentração para sair desses esquemas distorcidos da atividade interessada em resultados, do trabalho que tem apenas metas humanas. Transformá-lo em ação livre, que acontece como consequência dessa abertura inocente, entregar o próprio ser ao Único, a Deus, assim como ele é, em uma oferta íntima, silenciosa e secreta – eis a chave para se compreender nossa época e o modo de servi-la. I
  • 4. 4 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO Especial HERÓIS DE VERDADE Roberto Shinyashiki mostra como realizar seu projeto de vida usando a bússola do coração e não o jogo das aparências Gisele Bortoleto gisele.bortoleto@diariodaregiao.com.br A sociedade atual faz acreditar que para ser uma pessoa de sucesso você precisa ser diretor de uma grande empresa, ter carro do ano caro, viajar de primeira classe com dinheiro no bolso. Mas essa condição já exclui a maioria das pessoas e reduz a realização a poucos afortunados. Para cada diretor de empresa, há milhares de funcionários que não chegaram sequer a cargos de chefia, e essas pessoas são tratadas como uma multidão de fracassados. Quando elas olham para a própria vida, a maioria se convence de que não valeu a pena, porque não conseguiu ter o carro, nem a casa maravilhosa. Para o psiquiatra e escritor Roberto Shinyashiki, autor de livros como “Louco por Viver”, “Problemas? Oba!”, “Os Segredos dos Campeões” e “Tudo ou Nada” (todos pela ed. Gente), é possível desmontar essas armadilhas. Para isso, primeiro de tudo é importante saber que as pessoas vão convidálo a cair nessas ciladas. Depois, é preciso reconhecer os “convites” que as pessoas nos fazem para entrar nessa armadilha: exigências para que provemos nossa importância, orientações de pessoas queridas, atribuições que nos iludem, provoca- ções de pessoas maldosas, comparações destrutivas e pressões indiretas. “A maioria das pessoas envolvidas nesse jogo de querer mostrar que é o máximo nem percebe que não está conseguindo realizar o que se propõe”, explica. “Mas mesmo assim insiste em tentar trazer os outros para o lado delas.” Shinyashiki diz em um dos seus livros, que os “Heróis de Verdade” (ed. Gente) são aqueles que trabalham para realizar seus projetos de vida e não para impressionar os outros. São pessoas que sabem pedir desculpas e admitem quando erram. Na obra, ele aborda um dos principais motivos de angústia da competitiva vida moderna: a sensação de lutar intensamente e ainda assim não dar conta de tudo o que precisa ser feito. O verdadeiro sucesso na vida para Shinyashiki é ser feliz. “O problema é que as pessoas acabam entrando nessa viagem maluca de querer ser sensacionais em tudo e destroem a sua paz de espírito”, completa. Na verdade, o ponto de equilíbrio é aliar a qualidade de vida ao sucesso. A questão não é medir o tamanho do sucesso e sim estarmos atentos ao preço que pagaremos para conquistá-lo e, principalmente, lutar por objetivos que tenham sentido para nós. Então, viva para realizar o que é importante para você e não o que é importante para os outros. Vai dar muito trabalho, mas pelo menos você estará no caminho certo. Sobre as exigências do mundo moderno e os verdadeiros heróis de hoje em dia, Roberto Shinyashiki falou com exclusividade com a revista BemEstar. Revista Bem-Estar - Qual deve ser a maneira de se posicionar perante a vida, sem deixar que as pressões e as cobranças nos dominem. Qual deve ser essa maneira? Roberto Shinyashiki - Não seja vulnerável às pressões. As cobranças só funcionarão se formos carentes. Pense em um agiota. Ele só poderá cobrar juros abusivos se a pessoa estiver precisando muito de dinheiro. Da mesma forma, sua mãe só poderá lhe cobrar que more com ela se você não tiver como se sustentar, sua professora só vai pegar no seu pé se você não tiver feito sua parte, e assim por diante. Se não decidirmos viver para agradar aos outros, essas pressões não terão efeito sobre nós, pois as cobranças deles não têm o poder de nos obrigar a fazer nada contra nossa vontade. A solução mais eficaz é cuidar
  • 5. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 5 de suas carências para que elas não deixem você em uma posição de dependência. Bem-Estar - Por que a tendência de o mundo enaltecer como “pessoas de sucesso” apenas aquelas que atingiram posição de destaque? Shinyashiki - As pessoas é que se cobram um tipo de sucesso incoerente e até irracional. Dentro de um mundo com valores invertidos, passaram a entender que “ter” é muito mais importante do que “ser”. E muitas buscam freneticamente o sucesso e se sentem derrotadas caso cometam qualquer deslize insignificante. Parece que, se não forem sensacionais em tudo o que fizerem, serão consideradas perdedoras. Porque têm que conquistar a cada momento o direito de ter muito dinheiro, ter o carro do ano, ter aquele cargo na diretoria, etc. O resultado dessa busca neurótica é um vazio insaciável, pois ninguém consegue viver a ilusão de ser o máximo por muito tempo. Uma hora a máscara cai e o super-herói volta a ser simplesmente um ser humano. Bem-Estar - E como ficam as pessoas comuns, que não têm carro do ano, o melhor emprego, que não são vistas como “bem-sucedidas” pela sociedade? Shinyashiki - Perceba que em muitas ocasiões você pode conviver em um meio com diversos vícios sem se deixar influenciar por eles. É fundamental saber que a sociedade pode nos induzir a fazer escolhas equivocadas, mas as decisões cabem apenas a nós mesmos. Existem pessoas que seguem o coração e acordam felizes com a oportunidade de viver mais um dia. Trabalham com competência, amam com generosidade, pois sabem que a plenitude da vida está na descoberta de quem somos, no aprendizado corajoso de ser quem somos e na capacidade de empreender essas descobertas. Bem-Estar - Quem são os heróis de verdade no mundo de hoje? Shinyashiki - Pense nas pessoas que, com ações generosas, nos indicam um caminho pleno de realizações, sem machucar ninguém, nem a si mesmas. Esses são os heróis de verdade. Gente comum que conse- gue se realizar com muita simplicidade, sem barulho nem fogos de artifício. Que não abre mão de seus valores e cria os filhos com alegria e dignidade. Que não precisa gritar em sua empresa para ser ouvida. Gente que não foge de sua vocação para ganhar mais dinheiro. Pessoas que, em vez de se mirar em celebridades e buscar o sucesso a qualquer preço, constroem sua vida com base nos conselhos de seu coração. Pessoas que valorizam a essência, não a aparência. Bem-Estar - Quem são as pessoas que não deveriam ser consideradas heróis, mas que assim se intitulam? Shinyashiki - Nessa categoria eu coloco as pessoas acomodadas. Enquanto os heróis de verdade se dedicam de corpo e alma à realização das metas do coração, os acomodados são arrogantes. Eles não batalham porque se sentem o máximo e pensam que se não dão certo na vida é porque o mundo ainda não descobriu toda a grandeza que os habita. São, na verdade, uma modalidade de heróis de mentira.
  • 6. 6 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO Seja você mesmo Segundo Roberto Shinyashiki, a acumulação de riquezas e a ostentação estão deturpando os valores das coisas e das pessoas. “Em um mundo no qual o dinheiro é mais valorizado que os sentimentos, a aparência também acaba sendo mais importante que a essência. Somente o que se mostra importa, mesmo que seja somente ‘parecer que tem’, ou mesmo ‘parecer que é’. É um mundo de fantasia, em que geralmente a história não acaba bem. O segredo para resolver isso é um só: seja você mesmo. O mais simples que você conseguir. E aproveite a companhia das pessoas queridas e os momentos de paz consigo mesmo” Bem-Estar - Você diz que o mundo corporativo virou um mundo de faz-de-conta, a começar pelo processo de recrutamento. É contratado o sujeito com melhor marketing pessoal. As corporações valorizam mais a autoestima do que a competência. Isso significa que as empresas têm um modelo de gestão que premia pessoas mal preparadas? Shinyashiki - Muitas empresas têm pessoal despreparado para avaliar a competência e os valores de seus funcionários. E por isso acabam usando nessa avaliação os mesmos parâmetros que a sociedade vem usando, ou seja, valorizando muito mais as aparências. Além disso, muitos candidatos a emprego e muitos funcionários têm um dom especial: o de interpretar papéis que não correspondem à realidade. Ou seja, tentam vender uma imagem superior à própria competência. São mestres no marketing pessoal. Fazem muito barulho, só que com pouco ou nenhum resultado. O curioso nessa história é que as empresas se iludem e, ao mesmo tempo, fazem os candidatos entrar no jogo de se mostrar maravilhosos. Nas entrevistas de emprego, por exemplo, o discurso é praticamente o mesmo. Bem-Estar - Qual o risco para as corporações nesse caso? Shinyashiki - O risco é realmente de premiar pessoas mal preparadas e contratar pessoas inadequadas para os cargos a que se candidatam. E daí ter de arcar com todas as consequências desses erros, como objetivos e metas não atendidos, mal atendimento aos clientes, falhas de produção, entre outras. Bem-Estar - Lidamos com pressão de todos os lados. Como não se deixar abalar se somos cobrados o tempo todo e não ser jogado para fora da estrada por viver de forma diferente do que o mundo espera? Shinyashiki - Para que a pressão do mundo não nos sufoque, é fundamental saber que a sociedade pode nos induzir a fazer escolhas equivocadas, mas as decisões cabem apenas a nós mesmos. Porque somente nós podemos saber o que nos faz felizes. Para que a síndrome das aparências tome conta de suas ações, é preciso que a pressão social se some a uma fraqueza sua. Não adianta, portanto, se angustiar e ficar com medo da rejeição da sociedade, ou ainda sair por aí brigando com todo mundo na tentativa de evitar as pressões. Não adianta discutir com um agiota por causa dos juros extorsivos que ele cobra, pois o único caminho que funciona é você sanear suas finanças. A solução mais eficaz para não ceder às pressões da sociedade é cuidar de suas carências para que elas não deixem você em uma posição de dependência. Se você não precisar que alguém lhe diga que você é im-
  • 7. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 7 Heróis de verdade não abrem mão de seus valores e criam os filhos com alegria e dignidade. Não precisam gritar em sua empresa para serem ouvidos. Não fogem de sua vocação para ganhar mais dinheiro. Constroem sua vida com base nos conselhos de seu coração. Valorizam a essência, não a aparência portante para se sentir importante, não ficará dependente da opinião alheia. Bem-Estar - Como as pessoas podem se livrar dessa tirania da aparência? Shinyashiki - É preciso estar muito consciente para não embarcar nesse jogo de aparências e não se deixar envolver em atividades sem sentido para sua vida. Quem vive de aparências evita demonstrar que fraqueja – e essa pessoa jamais entenderá suas próprias dores. O que posso garantir é que o jogo das aparências é intenso e não vai ser interrompido se você não estiver bem consciente de suas escolhas. O primeiro passo é ter mais humildade. Humildade para ter coragem de se colocar na posição de aprendiz da vida. Para recuperar nossa essência, precisamos ter a humildade de nos ajoelhar e investigar o que está acontecendo. Temos de saber olhar dentro de nós mesmos e nos dispor a seguir em nosso caminho de evolução, com humildade para reconhecer os erros que cometemos ao longo da jornada e aprender com eles. Bem-Estar - Por que tanta gente tem corrido atrás de so- nhos que não são delas? Shinyashiki - Para manter as aparência e ser aceito num mundo de aparências. Afinal, assumir nossos objetivos exige muita coragem em um mundo que quer definir o que é sucesso. Assumir nossos sentimentos exige muita ousadia em uma sociedade que nos pressiona para sorrir o tempo todo. Assumir nossos erros exige muita clareza em um mundo que parece feito de pessoas que sempre ganham todas. Assumir nossa ignorância exige muita humildade nesse mundo de quem sabe tudo. Bem-Estar - Por que é tão difícil ser autêntico, uma vez que têm de assumir muitas máscaras para conseguir manter o emprego, a família e os amigos? Shinyashiki - Na verdade, as pessoas não querem tirar as máscaras porque têm medo de ver o que há por baixo delas. E têm medo que os outros a vejam como elas são. Nossa máscara de sensacional não é uma máscara de ferro. É uma máscara de barro, e para retirá-la precisamos lavá-la diariamente com a água da consciência. O barro vai saindo aos poucos com a água e, ao mesmo tempo que essa máscara se desfaz, começamos a ver e sentir nosso verdadeiro rosto. Descobrimos que nossa face original não tem o mesmo tipo de beleza da máscara, mas é autêntica e tem a força da alma. Nosso rosto verdadeiro tem algumas rugas, alguns traços de tristeza, certamente algumas cicatrizes de batalhas do passado, mas também tem a serenidade de quem lutou e venceu, a sabedoria de quem lutou e perdeu, e, principalmente, a fé das pessoas que sabem que ainda têm muitas histórias para viver. I
  • 8. 8 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO Autoconhecimento O mar sempre se acalma Para atravessar a tempestade e encontrar a bonança, é preciso ter paciência, equilíbrio e a certeza de que tudo vai dar certo Gisele Bortoleto gisele.bortoleto@diariodaregiao.com.br Uma conhecida passagem da Bíblia, o livro sagrado dos cristãos, conta que Jesus atravessava de barco com seus discípulos, indo de Jerusalém na direção de Cafarnaum, às margens do Mar da Galileia. A viagem era tranquila, com sol claro, águas serenas e ventos calmos. De repente, a calmaria deu lugar à tempestade e o tempo escureceu, os ventos sopravam em sentido contrário e as águas geraram violentas ondas. Com a turbulência, o barco começou a naufragar, assustando a todos, que imaginaram que seria o fim de tudo. Assim também é a vida e não são poucas as pessoas que já experimentaram algum tipo de situação em que, de repente, tudo que caminha aparentemente bem se transforma: o grande amor da sua vida pede um tempo, a pessoa mais velha que servia como modelo e inspiração adoece, o medo paralisa, um problema inesperado atinge as finanças da sua empresa. A verdade é que os reveses acontecem com todo mundo, dos sentimentos às relações de amizade, da saúde aos planos mais corriqueiros, tudo é sacudido pela força dos ventos contrá- rios e pela fúria das águas turbulentas. A impressão que se tem é que diante de alguns acontecimentos a vida vai naufragar de uma hora para outra. Diante dessas mudanças, a primeira sensação é de revolta. Nunca estamos preparados para as “tempestades ameaçadoras”, porque imaginamos que somos imunes ao lado trágico da vida, o que é errado. Mas a verdade é que ninguém está imune aos acontecimentos inesperados. O que muda é a forma como cada um lida com as adversidades. Cada uma das situações, à sua maneira, requer uma rápida capacidade de adaptação ao novo, à mu- dança. Mudança de ponto de vista, de crença, de casa, de amor ou ramo de negócio. Pode parecer resiliência - a capacidade de lidar com as dificuldades e superar obstáculos -, mas a verdade é que podemos aproveitar até mesmo a escuridão para nos fortalecer. Não precisamos passar por cima da frustração de algo ter dado errado, como se fôssemos invencíveis. Somos seres humanos passíveis de derrotas. E é com a derrota que temos bagagem para vencer novamente. Essa deve ser a lição que nos torna mais fortes. Um das frases mais comuns diante de situações que deram errado é: “depois da tempestade, vem a bonança". O ditado popular significa que, na vida, depois de situações ou fases complicadas, vem um tempo de felicidade e sossego. O ditado é muitas vezes usado para encorajar pessoas a se manterem firmes e com esperança mesmo durante as fases mais turbulentas. No episódio bíblico, os discípulos, ao perceberem que iriam naufragar, chamaram por Jesus, que dormia, e logo veio o socorro e a vitória. Quando Ele ordenou, as águas e os ventos o obedeceram. Tudo ficou calmo. Só que na vida não é tão simples as-
  • 9. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 9 Enfrente seus medos Está certo que o medo é protetor em determinadas ocasiões e garante nossa sobrevivência ao impedir que pensemos em dirigir um carro a 160 quilômetros por hora. Só que o temor em excesso pode nos privar de ter uma vida de verdade, uma vez que ele funciona como um ímã: atrai cada dia mais receio até paralisá-lo. O medo paralisa quando você não entende que ele é um sentimento que pode incentivar a vencer e a superar obstáculos inesperados. “Entender como os sentimentos nos tocam é o caminho para lidar com eles, para aprender a deixálos no controle e não que nos consumam a tal ponto que não pensa- mos ou agimos com equilíbrio” diz a psicoterapeuta e escritora Beth Valentim, autora do livro “Essa Tal Felicidade”. "A bonança pode vir se você estiver preparado para viver os conflitos, mas isso exige maturidade psicológica", ressalta. As "tempestades" são fortes, muitas vezes, mas elas nos ensinam a viver, nos trazem enredos de vida e, se prestarmos atenção e agirmos com cautela e precisão, são esses temas que vão nos impulsionar para o sucesso. Então, que venham os medos, as tempestades, porque sempre depois de uma dor, seja qual for, virá a bonança. Para atravessar a tempestade é preciso paciência, equilíbrio, muito amor-próprio e a certeza de que você construiu o melhor, portanto, tudo vai dar certo. "Se tiver dúvidas sobre si mesmo, então, a tempestade arrasta você com ela", explica. “Os seres humanos, por natureza, temem a mudança, mesmo que ela seja imposta. Assim que você se acostuma a uma situação começa a sentir que é menos ameaçador manter as coisas como estão do que tentar mudálas – mesmo que mudar seja exatamente o que precise fazer. Quanto mais permanecemos inativos, mais o medo da mu- dança se acumula e mais difícil se torna seguirmos adiante. Por outro lado, quanto mais nos forçamos a enfrentar o que nos angustia, mais facilmente aceitamos uma possibilidade de mudança”, diz o psicoterapeuta norte-americano Jonathan Alpert, autor do livro “Vença Seus Medos” (ed. Sextante). Osho, um dos líderes espirituais indianos mais provocativos do século 20, diz em seu livro “O Prazer de Viver Perigosamente Dicas para uma nova maneira de viver” (Ed. Cultrix) que a tendência natural é de evitar os imprevistos, como se eles sempre significassem uma ameaça. A melhor forma de nos libertarmos do medo é aceitar as mudanças como oportunidades de crescimento em nossa jornada evolutiva. “Basicamente, coragem é por em risco o conhecido em favor do desconhecido, o familiar em favor do estranho, o confortável em favor do desconfortável – árdua peregrinação rumo a algum destino desconhecido”, explica. Nunca se sabe se você será capaz de fazer isso ou não. É um jogo arriscado, mas só os jogadores sabem o que é a vida. Como diria o escritor Fernando Sabino (1923-2004): “No fim tudo dá certo. Se não deu certo, é porque ainda não chegou o fim”. (GB) sim. Quando estamos no meio do furacão acreditamos que ele nunca irá terminar, nossas energias e concentração focam no problema e não nas soluções. Também não damos o tempo necessário para que a tempestade passe. A paciência inteligente mostra que basta esperar e lutar, não desistir nunca. Foi graças às doenças que o homem descobriu medicamentos e cura. E, assim, se não houvessem em nossas vidas os obstáculos não haveria evolução, superação; é na dificuldade que criamos grandes descobertas, produzimos conhecimentos, encontramos forças para superar. "No desenvolvimento da criança, cada troca de ilusão pelo reconhecimento da realidade é também um teste para sua capacidade de suportar adversidades. Tarefa que pode ser menos penosa quando resguardada pelo amor dos pais, ou daqueles que estiverem dedicadamente desempenhando essa função", diz o psicoterapeuta Renato Dias Martino, autor de livros como “Para Além da Clínica” (Inteligência 3) e Primeiros Passos Rumo à Psicanálise” (Vitrine Literária). Um modelo que servirá para a vida toda, permeando cada situação de enfrentamento de situações desagradáveis. A capacida- de de enfrentar e superar adversidades – ressalta - é a base de um bom funcionamento mental. Tendo como condição o fato de que o restabelecimento deve ocorrer como um processo lento, se estivermos falando de um procedimento saudável. Sigmund Freud (1856 – 1939) escreve sobre essa experiência em seu texto "Luto e Melancolia" (1917), em que observa que o sujeito que não é capaz de viver o processo do luto daquilo que foi perdido cai num estado de melancolia, o mundo perde a graça e ele, então, não consegue ver motivos para continuar vivendo. A desventura é por si só uma experiência de difícil superação e quando isso vem sem previsão passa a ser muito mais complexa para ser ultrapassada. Não existe uma receita prévia ou qualquer que seja a medida preventiva para que isso não abale o curso da vida, entretanto, o cultivo de relações saudáveis em vínculos profícuos pode trazer o amparo necessário para gerar coragem. "Através da genealogia da palavra coragem parece ficar claro o imperativo dessa expressão. Esse vocábulo é o resultado da junção de 'cor', que significa coração, mais 'agem', que alude à ação, literalmente articulamos o agir com o coração", complementa Martino. Um coração empobrecido não é adequado para agir. Agir pelo coração é ser capaz de amar e a capacidade de suplantar a mudanças inesperadas só pode surgir do amor. Ao contrário disso, essa crise nunca poderá trazer alguma expansão mental e maturidade, que é o que se pode extrair de positivo de situações como essa. Nessa configuração, só pode ser possível suplantar um infortúnio severo que venha de forma abrupta se o sujeito estiver nutrido, de alguma forma, de amor. I
  • 10. 10 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO Crescimento Faça a escolha certa Assuma uma direção nova para sua vida. Comprometa-se com a mudança sem pensar no que vai ficar para trás. O que está à frente importa mais Gisele Bortoleto Gisele.bortoleto@diarioweb.com.br Todos nós ficamos felizes quando temos opções de escolha. Pode ser no trabalho, no relacionamento ou em qualquer área da nossa vida. Gostamos de saber que não temos um único caminho a seguir. E por isso temos de fazer escolhas diariamente. A maioria delas é inofensiva, como “levantar ou ficar na cama mais um pouco?” “qual roupa vou usar hoje?”, “sair ou não de casa à noite?”. Mas algumas escolhas são mais difíceis e decisivas: “mudo de emprego ou invisto mais no atual até uma promoção”?, “tenho filhos agora ou invisto na carreira?”. Diante de uma variedade grande de caminhos a seguir, temos dificuldade para escolher e, muitas vezes, acabamos ficando paralisados. E isso coloca seriamente em risco nossa felicidade. Existe uma força capaz de mudar qualquer parte de sua vida. E onde ela está? Como acioná-la? Todos sabem que para obter novos resultados temos de realizar novas ações, mas devemos compreender que todas nossas ações são geradas por uma decisão: a força da decisão é a força da mudança. "A habilidade de tomar decisões assertivas e eficazes é uma das competências mais importantes que uma pessoa pode desenvolver", diz o coach Rogério Martins, presidente da Academia Brasileira de Coaching. São as nossas decisões, não as condições de nossas vidas, que determinam nosso destino. “A forma como você vive hoje é o resultado de com quem decidiu passar seu tempo, o que decidiu aprender ou não, o que decidiu acreditar, suas decisões de desistir ou persistir, suas decisões de casar, ter filhos ou não, suas decisões sobre o que comer, suas decisões de fumar ou beber, suas decisões sobre quem é e do que é capaz", complementa Martins. Todos esse fatores controlaram e orientaram sua vida. Se queremos de fato mudar nossas vidas, temos de tomar algumas decisões novas sobre o que representamos e o que queremos. “Nossas escolhas sempre são fundamentadas por um ganho, uma motivação”, diz Alexandre Caprio, psicólogo cognitivo-comportamental. Ele explica que diante de escolhas mais complexas devemos considerar o que queremos de melhor para nós e não o que os outros querem que façamos. Como passamos a vida toda tomando decisões, muita gente não percebe que o momento da escolha é muitas vezes também de ansiedade. Para reduzi-la, deve haver preparo e um real empenho do indivíduo. “Por isso, nossas escolhas devem ser pautadas em nossa motivação. O comprometimento e a dedicação verdadeira nos direcionam com tranquilidade dentro do caminho escolhido, sem que fiquemos nos cobrando e nos censurando por não haver empenho na nossa meta”, diz Caprio. Mas ele nos tranquiliza: a renúncia nunca é completa. Sempre renunciamos em prol de algo. A troca sempre deve nos trazer um benefício maior. O que ocorre é que muitas vezes renunciamos a um ganho imediato para um bem maior que virá. Escolha o irreversível O psicólogo norte-americano Barry Schwartz dedicou grande parte dos seus estudos para analisar a capacidade humana de decidir em meio a muitas alternativas. "Quando há muitas opções, você passa a ser responsável pelo que acontece com você”, afirma Schwartz. Segundo ele, um passo importante é não criar grandes expectativas sobre o resultado. Ser otimista é bom, mas você não deve depositar toda a esperança do mundo em seus projetos. “Expectativas muito elevadas acabam gerando frustrações maiores ainda”, explica o norteamericano. Optar por decisões que sejam irreversíveis é um passo importante para adotar a escolha certa, segundo ele. Diante de uma série de oportunidades, às vezes, optamos por deixá-las todas em aberto. “Mas isso faz com que você não se jogue verdadeiramente em nenhuma delas”, diz. Não fique na corda bamba. A possibilidade de mudança atrai o ser humano e o confunde. Por isso, tomar decisões em que você não pode voltar atrás é uma boa pedida – até porque, segundo a pesquisa de Schwartz, as pessoas se conformam mais rápido com situações imutáveis e, a partir disso, fica mais fácil alcançar a felicidade. Outro passo é não prestar atenção no que os outros fazem ou dizem. Isso porque as pessoas são diferentes umas das outras. Carma A vidente Marina Gold explica que, embora sempre nos esforcemos para fazer a melhor escolha, o carma sempre está paralelo a elas. Não podemos nos esquecer que muitas das nossas escolhas, que às vezes achamos conscientes, estão atreladas a um carma da evolução, a alguma coisa que deveria ter se resolvido no passado e não se resolveu. Muitas vezes, decidimos inconscientemente para que problemas do passado se resolvam da melhor forma possível. “Nesse caso, você nunca poderia ter feito uma escolha diferente porque você a faz não só determinado pela vontade, pela dificuldade, pelo momento ou pela necessidade, mas por heranças de situações que, se não tiverem se resolvido, ainda terão de se resolver”, explica. E quando escolhemos, nunca sabemos o que está realmente envolvido. “Não podemos achar que a escolha é isenta e que tem a ver apenas com o momento atual”, explica.
  • 11. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 11 Especialistas ensinam como tomar as decisões certas Coloque no papel os prós e os contras Se você está confuso e não sabe qual o melhor caminho a seguir, coloque os prós e os contras de cada situação num papel. Isso vai ajudar você a tomar a decisão mais sensata. O critério de escolha não é o que tiver mais pontos a favor. Às vezes, um “contra” pode valer mais do que vários “prós”. “Esse exercício serve para desconfundir”, diz a psicóloga Kátia Ricardi de Abreu, especialista em análise transacional. Quando você coloca a decisão a ser tomada num papel, consegue um mapeamento da situação. “O raciocínio lógico vai ficando descontaminado e a decisão a ser tomada se torna mais clara”, diz Veja se sua decisão o realiza Pergunte-se: “minha decisão me realiza, me dá prazer ou gera algum tipo de aprovação que me faz sentir aceito, aliviado?” As pessoas confundem a sensação de aprovação e aceitação com realização pessoal. Não são a mesma coisa. “Conheço sujeitos que procuraram atender as expectativas da mulher, do pai ou da mãe, alterando drasticamente seus sonhos, e agora se descobrem doentes, hipertensos, compulsivos, ansiosos ou deprimidos”, diz o psicólogo Alexandre Caprio. Sufocar os sonhos é morrer asfixiado, lenta e dolorosamente. Somos únicos, temos aptidões únicas e um incrível diferencial para oferecer aos outros. Descobrir nossas verdadeiras paixões e caminhar na direção delas é a verdadeira chave para a felicidade. “O resto é desperdício de talento” Tome a decisão concreta Stock Images/Divulgação A única maneira de mudar sua vida é tomar uma decisão concreta. "Uma decisão concreta significa que você corta qualquer outra possibilidade além da que decidiu converter em realidade", diz o coach Rogério Martins, presidente da Academia Brasileira de Coaching. O escritor e palestrante motivacional norte-americano Anthony Robbins tem uma frase: “É nos momentos de decisão que seu destino é traçado.” Não é o que está acontecendo agora ou que lhe aconteceu no passado que determina quem você se torna. Ao contrário, são suas decisões sobre o que vai focalizar, o que as coisas significam para você e o que vai fazer a respeito que determinarão seu destino Clareza sobre o que precisa decidir Tenha conhecimento da causa. Ter clareza antes de decidir é a primeira coisa. Sem ela, não é possível fazer uma boa avaliação. “Escolha o que é melhor para o seu sossego, o caminho que for melhor para você lidar com ele”, diz a vidente Marina Gold. Por mais que você precise escolher, é preciso ter clareza de onde você vem. É preciso tentar descobrir em algumas situações porque estamos em uma determinada encruzilhada, o que pode estar motivando esse momento de escolha nesse momento. “Será que tem algo a mais que eu tenho que intuir e tentar decifrar com minha sensibilidade?”, questione-se. Aí terá condições de decidir I
  • 12. 12 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO Relacionamento Para não cair na rotina Improvisar, mudar, inventar, surpreender. Momentos mágicos também fazem parte da vida real. Mas a qualidade da vida a dois requer empenho Stock Images/Divulgação Juliana Ribeiro juliana.ribeiro@diariodaregiao.com.br Será que existe uma receita milagrosa para não deixar o relacionamento cair na rotina? A resposta é não. Todo relacionamento deve ser cuidado e cultivado com muito carinho e amor por ambas as partes envolvidas. “O que acontece é que não há um cuidado em preservar a relação. Se não zelar pela relação, ela acaba. Mesmo que ainda exista aquele sonho de príncipe e princesa, o que as pessoas realmente precisam entender é que uma relação amorosa é igual ao jardim: se você não cuidar, vira mato. É uma questão de cuidar e de dar importância ao outro. O casamento nunca está pronto, ele é uma constante de aprendizado e evolução a dois”, explica o psiquiatra e psicanalista Luiz Alberto Py, do Rio de Janeiro. Algumas pessoas resgatam o romantismo e o amor sincero, ou que acreditam ser sincero, durante as férias. Esquecem que aquelas duas, três semanas eram reais e, assim que abrem a porta de casa, logo proclamam a famosa e velha frase: de volta à realidade. “Será que a pessoa realmente acredita que o que ela viveu ao longo dessa semanas não foi real? Foi virtual, fantasioso, um sonho ou até mesmo um momento de loucura, em que os protagonistas eram eles, mas em outros corpos? Não dá para entender porque dizer de volta à vida real como se aquela vida não fosse a real”, alerta o psicoterapeuta de orientação junguiana Alberto Lima, de São Paulo. Na concepção de Lima, é necessário entender que de férias ou não algumas atitudes na vida do casal não podem ser vis- tas como extraordinárias. “Há algo de insensato na rotina (como os perigos da alienação, do 'workaholismo', do tédio e da depressão), do mesmo modo como se pode divisar algo de sensato no lazer e no prazer (a diversidade, a chance de respirar, o trazer para o primeiro plano da consciência dimensões de nosso ser que normalmente ficam nas sombras). O psiquiatra e psicanalista Luiz Alberto Py dá um alerta importante. “Todo mundo fala em não deixar o casamento cair na rotina, mas ninguém percebe que a relação consigo mesmo também se deteriora na mesma direção e proporção, principalmente a pessoa que não tem tempo para ela mesma”, diz. Antes de viver um grande amor é preciso se amar. Ter um tempo para si, refletir o que quer da vida, quais seus desejos e sonhos. Quem não vive bem consigo mesmo não consegue viver bem com o próximo. Primeiro é necessário se salvar para só depois tentar salvar qualquer coisa ao seu redor. “Nessa época do ano, em que nos questionamos mais, em que colocamos na balança nossos erros e acertos, em que planejamos o futuro, é o momento ideal para pensar em você e repensar sua relação. Comece se perguntando o que você realmente quer da vida? Quais são suas prioridades? O que o faz feliz? E também porque colocar sempre a relação em segundo plano? O casamento é uma plantinha que precisa ser regada e protegida para sobreviver”, diz Py. Improvise para acertar Para o psicoterapeuta Alberto Lima, se pudermos inserir mais contrapontos episódicos em nossa vida certamente seremos mais saudáveis. “Isso vale para indivíduos e, em especial, para casais. Improvisar, mudar, inventar, surpreender, desconstruir, criar, frustrar expectativas, sussurrar bobagens de amor no meio da tarde, vestir uma calcinha de cetim, trazer docinhos para o jantar, sequestrar a parceira para um canto secreto do apartamento, comprar passagens para a Tailândia fora de temporada, alugar um chalé na montanha – tudo isso pode ter o significado de abertura para uma vida mais plena, mais cheia de graça, prazer e gozo e, não menos importante, real, vi- da real. A rotina e o trabalho permanecerão no lugar de honra que sempre tiveram, mas serão temperados com bom molho. A graça, o prazer e o gozo se distribuirão melhor pela vida. Será mais fácil tolerar os conflitos e as adversidades e encontraremos maior motivação para o repetitivo e o previsível.” De acordo com os especialistas, é preciso fazer pelo próximo aquilo que gostaríamos de fazer por nós mesmos. Todo mundo precisa de um tempo para olhar para dentro, mas é preciso desabrochar e surpreender o parceiro. Prestar atenção aos pequenos detalhes. Um bilhete de bom dia não custa nada e pode lhe render uma noite de prazer. Resgatar a vida a dois não é tão difícil quanto parece, mas é preciso dar o primeiro passo. I
  • 13. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 13 - TV Bastidores Set internacional Pontos turísticos da Áustria marcarão o começo da terceira fase de "Em Família" Divulgação Agência Estado Quando os destinos dos personagens de "Amor à Vida" forem finalmente selados, entrará em cena a nova novelada Globo, "Em Família", de autoria de Manoel Carlos. A emissora não confirmou a data, mas a previsão é de que a trama estreie no dia 3 de fevereiro. Para isso, o ritmo de gravações foi acelerado e uma parte dos profissionais envolvidos no folhetim viajaram para Viena, na Áustria. É lá que será dado o ponto de partida da terceira fase e a principal da trama, que se passa nos dias atuais. A nova história do novelista, que sempre coloca seus personagens vivendo no bairro do Leblon, no Rio de Janeiro, começa na década de 1980, com os protagonistas ainda crianças no interior de Goiás. Nessa primeira fase, os primos Laerte e Helena fazem um pacto de sangue e de amor. No desenrolar da história, eles não vão casar na juventude por conta de uma tragédia, que a emissora está mantendo em segredo. Assim, os dois seguem suas vidas e vão se reencontrar 20 anos depois. A viagem internacional do elenco marcará um encontro inesperado entre Luiza (Bruna Marquezine) e Laerte (Gabriel Braga Nunes), que se tornou um talentoso flautista clássico. Ao ver a jovem, que é filha de Helena (Julia Lemmertz), sua prima amada na juventude, ele fica absolutamente impressionado com a semelhança entre elas. A atriz Bruna Marquezine vive Helena na segunda fase da trama, enquanto Laerte é interpretado na fase jovem por Guilherme Leicam. No Estado de Goiás, a produ- ção passou cerca de um mês gravando as duas primeiras fases da trama, que mostraram a infância e a adolescência dos personagens principais. Em seguida, para gravar as cenas na capital austríaca, a Globo enviou 40 pessoas do Rio de Janeiro, o que inclui sete atores da trama: Gabriel Braga Nunes, Helena Ranaldi, Bruna Marquezine, Bruno Gissoni, Erika Januza, Sacha Bali e Roberta Almeida. O diretor de núcleo Jayme Monjardim e o diretor-geral Leonardo Nogueira comandaram os trabalhos por lá, que duraram dez dias. Como na Europa está frio, meia tonelada de roupas foram enviadas para Viena. "Levamos figurinos mais sóbrios, mas procurando sempre dar um toque de cor através de um cachecol ou chapéu", diz a figurinista Marília Carneiro. O frio abaixo de zero não impediu que a equipe e elenco aproveitassem a cidade. Além disso, quase todas as gravações aconteceram em pontos turísticos, como a Catedral de San Esteban, o Museu de Arte Moderna, o Parlamento, o Palácio De Schonbrunn, o Mercado Municipal, o HundertwasserHaus, o Jardim de Stadtpark, o Museu do Freud e o Parque Prater. "Quando terminávamos de gravar, nos reuníamos para fazer passeios pela cidade, mas as próprias locações que escolhemos já eram mágicas", conta Jayme Monjardim. As imagens dessa viagem serão apresentadas de forma diferenciada na trama. Os diretores optaram por utilizar uma câmera especial, que proporcionou mais agilidade e resultará em uma textura mais granulada. "Utilizamos um equipamento diferente do que usamos nas nossas gravações no Brasil. Produzimos as cenas com uma cor especial para valorizar a luz e as características da cidade para marcar bem o contraste en- tre Viena e o Rio de Janeiro", comenta Leonardo Nogueira. Na trama, as personagens de Bruna Marquezine e Julia Lemmertz, que são mãe e filha, vão disputar o amor de Laerte. Helena Ranaldi também será apaixonada por ele. Sua personagem, Verônica, é uma maestrina que é ex-aluna do músico. Por amor e admiração ao seu professor, ela vai acabar aceitando situações que a fazem sofrer. Na sinopse inicial de "Em Família", Manoel Carlos apresenta sua nova novela como uma trama onde não existem vilões ou mocinhos, mas pessoas que erram, amam e perdoam. I
  • 14. TV - 14 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO Corpo De olho nos abusos Preparador físico e apresentar Marcio Atalla estreia novo programa: “As pessoas cometem loucuras o tempo todo em nome da estética” Divulgação Agência Estado A diminuição de carboidrato na alimentação sem orientação, a inclusão de shakes milagrosos na dieta e a prática desordenada de exercícios físicos. Com o verão batendo à porta, esses comportamentos passam a ser comuns na rotina de quem corre contra o tempo para melhorar a aparência física. É o que mostra o programa "Loucuras de Verão", que estreia em 7 de janeiro, a partir das 20h, no canal pago GNT. "A atração se propõe a discutir a loucura das pessoas e a dar dicas e conselhos", adianta o preparador físico das estrelas e apresentador Marcio Atalla. Cerca de dois anos após o fim do "BemEstar", no GNT, no qual dava dicas para a reeducação dos hábitos e mudança de estilo de vida, Atalla volta à emissora com um programa feito sob medida. "Eu já tinha esse projeto guardado há um tempo. Estava somente esperando para sair da gaveta e ir ao ar", conta ele. Apesar do nome do programa, para Atalla, os exageros têm sido cometidos em todas as estações. "Na verdade, as pessoas cometem loucuras o tempo todo em nome da estética. No verão, essa história fica ainda mais perigosa." Com a ajuda de especialistas, o preparador físico identifica os erros cometidos por convidados, como regimes radicais, exercícios físicos praticados em excesso e uso de suplementos sem orientação médica. Em oito episódios, "Loucuras de Verão" pretende abordar ainda temas como dietas que entram e saem da moda e mitos da malhação. "Dos quatro programas que gravei até agora, diria que a história da Cacau é a mais impressionante. Uma mulher bem forte e grande, mas muito doce e meiga, que mudou completamente de vida. Ela é feliz hoje, mas usa e abusa de produtos desnecessários e malha muito pesado." Mesmo sabendo o caminho equilibrado para estar em boa forma, Atalla confessa que comete seus pecados. "Não costumo fazer loucuras, mas, como sou 'fominha' por bola, posso passar horas jogando tênis ou vôlei de praia, debaixo de um sol escaldante, o que não é nada saudável", admite. O preparador físico já foi visto praticando esses esportes no quadro "Medida Certa", do "Fantástico" (Globo), no qual propõe programas de emagrecimento às celebridades desde 2011. No dominical, os primeiros nomes a colocarem em prática seus ensinamentos foram os apresentadores Zeca Camargo e Renata Ceribelli. Na sequência, Atalla orientou o exjogador de futebol Ronaldo Fenômeno, que começoua participar do programa com 118 quilos e terminou com 101. Os mais recentes, entre setembro e dezembro deste ano, foram Preta Gil, Gaby Amarantos, Fábio Porchat e César Menotti. Tanto para os astros e as estrelas do "Medida Certa" quanto para os telespectadores comuns, a recomendação dele costuma ser a mesma: para esse verão, incorpore bons hábitos, mas não os abandone jamais. "Praticar atividades físicas, cinco vezes na semana, e comer com equilíbrio, para muitas pessoas, pode parecer loucura. Os sedentários podem achar loucura. Eu acho normal e saudável. Loucura seria não fazer". I
  • 15. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 15 - TV Fique Ligado Agência Estado Novos rumos Pré-produção Retorno agendado Depois de levar o personagem Crô ("Fina Estampa") aos cinemas, em filme homônimo lançado no fim de 2013, Marcelo Serrado está de olho no futuro. Em abril, o ator volta ao set de filmagem para gravar "No Retrovisor", longa-metragem baseado em um espetáculo de Marcelo Rubens Paiva, ao lado dos amigos Otávio Müller e Mauro Mendonça Filho. A protagonista da novela "Amor Eterno Amor" (2012), da Globo, Letícia Persiles, volta a atuar na TV com a série "A Segunda Vez", no canal pago Multishow. Sua personagem será uma das prostitutas da história, que é baseada no livro "A Segunda Vez que te Conheci", de Marcelo Rubens Paiva. A atração será dirigida por César Rodrigues. Em 18 de março, Quinn Fabray (Dianna Agron) estará de volta à trama de "Glee" (Fox), nos EUA. Nesta data, a atração comemorará seu centésimo episódio. Harry Shum Jr., Mark Salling, Amber Riley e Heather Morris também são esperados. A ideia dos produtores é promover uma votação on-line para escolher as apresentações musicais comemorativas. Novos rumos (2) Mais do mesmo Já no fim do ano, é a vez de ele dar vida ao maestro João Carlos Martins no longa-metragem "João". Sobre novelas, o ator ainda não revela qual será seu próximo personagem, mas adianta que pretende trabalhar, mais uma vez, com Luiz Fernando Carvalho, diretor responsável pela próxima trama das 18h da Globo, "Meu Pedacinho de Chão". SEM DESAVENÇAS A suposta recusa de Fábio Porchat em apresentar o programa matinal "Encontro com Fátima Bernardes", durante as férias da mulher de William Bonner, pode não ter azedado as relações entre ele e a Globo. Isso porque corre nos bastidores a notícia de que o diretor de núcleo Maurício Farias estaria de olho em uma série para o humorista. Ainda não há informações oficiais sobre o programa. Depois de ter sua volta ao "CQC" cogitada pela imprensa e por Oscar Filho, que deixou recentemente a bancada do programa, Rafinha Bastos confirma apenas sua participação na nova temporada de "A Liga". Já Dani Calabresa pode ganhar um projeto solo na Band. Espaço para a bola Na telona Além da nova novela para a faixa das 19h, "Geração Brasil", que deve sofrer uma interrupção e ganhar uma edição especial na internet, outro programa da Globo será afetado pela Copa do Mundo. Mas, diferentemente do folhetim, a nova temporada "A Grande Família" tende a incluir o tema em seus episódios. Ao que tudo indica,esse será o último ano dos membros da família Silva na televisão. Além da novela "Em Família", Giovanna Antonelli será vista nos cinemas neste ano. A atriz é a protagonista da comédia romântica "S.O.S ? Mulheres ao Mar", de Cris D?Amato. O longa-metragem revela a vida de Adriana,uma tradutora de filmes eróticos que embarca em um cruzeiro com a irmã, Luíza (Fabiula Nascimento), para reconquistar o ex-marido. Atrás das câmeras Murilo Benício começa a tocar o plano de dirigir seu primeiro longa-metragem. O material pretende mostrar o passo a passo da adaptação da peça "O Beijo no Asfalto", de Nelson Rodrigues. Intitulado "O Beijo, o Processo", o filme deve contar com Stênio Garcia no elenco. Andrucha Waddington e Amir Haddad irão colaborar com o projeto. Atrás das câmeras (2) Por falar em Murilo Benício, ele será visto a partir do dia 6 na minissérie "Amores Roubados", da Globo, que conta com direção geral de José Luiz Villamarim. O ator também está escalado para a novela "Geração Brasil". No folhetim, seu personagem deve se envolver com o de Cláudia Abreu ("Cheias de Charme"), em uma espécie de triângulo amoroso. Longe da TV Vítima de uma suposta inflamação nos ossos do pé, Xuxa deve ficar de fora da grade da Globo neste ano. No entanto, nem a emissora nem a apresentadora se pronunciam oficialmente sobre o afastamento dela. Há algum tempo, cogitou-se o fim do programa "TV Xuxa" por conta dos jogos da Copa. Erotismo prolongado Prestes a estrear nos cinemas brasileiros, o longa-metragem "Ninfomaníaca", de Lars von Trier ("Dogville"), deve ser lançado também no formato de série. De acordo com a imprensa estrangeira, o diretor pretende usar as horas extras de gravação, que não entraram na montagem final (cinco horas e meia de duração), para produzir uma versão para a internet. Sucesso à vista A primeira temporada da série "Looking" já tem data de estreia definida. Nos Estados Unidos, os primeiros oito episódios produzidos serão lançados no próximo dia 19 pela HBO. Assim como "Queer as Folk" (2000-2005),a série abordará o universo gay. Desta vez, o ponto de partida é a relação entre três amigos que vivem em São Francisco, na Califórnia. Animação em alta "BoJack Horseman" é a próxima série original do Netflix. Trata-se de um desenho animado sobre um cavalo (dublado por Will Arnett), antigo protagonista de um famoso sitcom dos anos 1990, "Horsin' Around". Sem perspectivas, ele conta com a ajuda de um antigo parceiro (Aaron Paul) e de sua agente/ex-amante (Amy Sedaris). Atrama começa a ser exibida no meio do ano. Time que aumenta Danny Trejo ("Machete") participará de um importante episódio de "NCIS: Los Angeles" (CBS). Segundo a imprensa norte-americana, o ator aparecerá em um capítulo que tem fortes ligações com o passado de Hetty (Linda Hunt), Callen (Chris O'Donnell) e Sam (LL Cool J). No entanto, ainda não foram divulgados detalhes sobre como será a participação de Trejo. Melhor da TV Vitor Hugo em "Pecado Mortal", novela da Record. Na pele do vilão Picasso, o ator prova que não é só mais um corpinho escultural no folhetim de Carlos Lombardi. Longe de qualquer pudor, questões éticas e morais, o personagem sempre tem um sorriso sedutor nos lábios e usa e abusa da ironia. Astro de produções como "Chamas da Vida" e "Rei Davi", ele estava merecendo um trabalho com mais destaque na emissora, e ganhou. Pior da TV A insistência da Globo com a cantora Anitta. Depois de colocar a moça em programas como "Esquenta", "Domingão do Faustão" e "TV Xuxa", a emissora carioca inseriu a nova estrela do pop na novela "Amor à Vida" e sobrou até para o "Roberto Carlos Especial". Como se não bastasse, a morena fará um rodízio na apresentação do dominical "Sai do Chão". Tudo bem que ela é um sucesso nas rádios e na internet, mas repetir o mesmo na TV pode ser bem cansativo. I
  • 16. TV - 16 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO No forno SEM PERDER TEMPO GNT entra no clima de férias com estreias e programas especiais de verão no ar desde o primeiro dia do ano Agência Estado Todo começo de ano o GNT procura diversificar a sua programação para atender o telespectador, que nesta época do ano, em geral, está fora da sua rotina com as férias escolares e as altas temperaturas da estação mais quente do ano. Seguindo a tradição, desde o dia 1º de janeiro começaram a pipocar novidades no canal, com estreias de temporadas especiais e a chegada da série "Amor Veríssimo" (no ar em 8 de janeiro), adaptação das crônicas do escritor Luís Fernando Veríssimo. O seriado desembarca na programação de verão no dia 8 de janeiro, às 22h30. "Amor Veríssimo" vai contar histórias de amor em diferentes idades e situações, de uma forma muito bem-humorada. Ao longo de 13 episódios, o elenco principal, formado por Fernanda Paes Leme, Letícia Colin, Gabriela Duarte, Marcelo Faria, Paulo Tiefenthaler e Pedro Monteiro vão se revezar em diferentes personagens. O seriado terá ainda participações especiais, como as das atrizes Anna Sophia Folch, Diana Bouth, Luana Piovani e Vanessa Lóes. "Amor Veríssimo" também conta com depoimentos de casais baseados em histórias reais, sempre de acordo com o assunto tratado no episódio. A série, que é uma produção da Conspiração Filmes e tem direção de Arthur Fontes, é o grande lançamento do canal em janeiro, mas, antes de a atração entrar no ar, tem outras estreias para serem conferidas. Em pleno feriado, no dia 1º de janeiro, às 21h30, Dan Stulbach, Eduardo Moscovis, Leo Jaime e Xico Sá voltaram a dominar o sofá do "Saia Justa". O quarteto se reúne em nove episódios inéditos, que serão exibidos às quartas-feiras. Na sequência, dia 6 de janeiro, às 21h30, o "Superbonita - Especial Verão" vai percorrer diversas regiões brasileiras para descobrir como as mulheres cuidam da beleza durante a estação, dependendo da cultura regional. Luana Piovani apresenta essas edições em seis capitais brasileiras: Belém, Florianópolis, Recife, Goiânia, São Paulo e Rio de Janeiro. Na mesma noite, às 22h30, Ingrid Guimarães vai pirar ou fazer seus convidados enlouquecerem em Nova York, nos Estados Unidos, com o "Além da Conta". A proposta da atração é mostrar que todo mundo abusa das comprinhas nas viagens internacionais. Com episódios temáticos, que abordam desde a mania por grifes até o consumo infantil, o programa contará com a participação de convidados famosos, como Giovanna Antonelli, Leandro Hassum, Reynaldo Gianecchini e Paulo Gustavo. Ingrid também vai conversar com brasileiros que moram na metrópole americana e que trabalham em universos relacionados ao consumismo desenfreado de turistas de todo o mundo. Produzida pela Production Partners, a atração tem oito episódios.
  • 17. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 17 - TV Fotos: Divulgação Turma do bem-estar Utilidades e curiosidades A partir do dia 7, às 20h, Marcio Atalla, que ficou conhecido por sua atuação no quadro "Medida Certa", do Fantástico (Globo), vai falar de excessos em prol da boa forma. No comando do "Loucuras de Verão", o preparador físico vai mostrar, de forma leve e descontraída, as maluquices que as pessoas fazem para entrar em forma. Com a ajuda de especialistas, o programa identificará os erros cometidos pelos entrevistados e explicará os riscos que os regimes malucos, exercícios físicos em excesso e o uso de complementos alimentares sem acompanhamento médico trazem à saú- de. Atalla é professor de Educação Física, com especialização em treinamento de alto rendimento, e pós-graduado em Nutrição, pela USP. Também no dia 7, às 22h, a apresentadora Maria Paula mergulha no universo de terapias alternativas nos Estados Unidos. Ela viajou em novembro para a Califórnia, onde gravou os seis episódios de "Saúde por Aí". A apresentadora tem a missão de mostrar centros de pesquisa e tratamentos que buscam entender alguns males contemporâneos da sociedade. Ela defende que, na falta da harmonia entre corpo, mente e espírito, todos podem adoecer. Meia hora depois de "Loucuras de Verão" estrear e antes de Maria Paula entrar em cena, também no dia 7 de janeiro, às 20h30, Micaela Góes vai ensinar os telespectadores como se organizar para os eventos típicos das férias de janeiro com o "Santa Ajuda - Especial Verão". Essa temporada será exibida sempre às terças-feiras. As quartas-feiras também ganham uma nova atração: "Alta Temporada". A partir do dia 8, às 20h30, o programa mostra as cidades que se movimentam mais nesta época, retratando as mais varia- das profissões e atividades econômicas que tornam os dias de calor mais agradáveis para os turistas. O programa acompanha o verão em cidades litorâneas, como Rio de Janeiro, Salvador, Natal, Fortaleza e Florianópolis, mas também vai em busca de um outro verão no interior do país, mostrando o que acontece em locais como Bonito, Alto Paraíso e Caldas Novas. Celebridades também foram convocadas pela atração para contar curiosas histórias de verão. No dia 9, tem mais duas novidades na grade: "Tempe- ro de Família - Especial Verão" e uma maratona de "Downton Abbey". A partir das 22h30, Rodrigo Hilbert apresenta receitas em um cenário tropical, na cidade de Laguna (Santa Catarina). Mais tarde, às 23h, o GNT fará uma preparação para a chegada da quarta temporada de "Downton Abbey", exibindo as três primeiras temporadas da série. Por último, no dia 19 de janeiro, às 23h, o programa "Casa Brasileira - Férias" mostra o trabalho de arquitetos renomados em casas de veraneio e hotéis dentro e fora do Brasil. I
  • 18. TV - 18 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO Fé Da Bíblia para a telinha Record reúne "Milagres de Jesus" em série que será levada ao ar este mês Agência Estado No fim do mês de janeiro, a TV Record coloca no ar seu novo projeto bíblico. Desta vez, não será uma minissérie, como "José do Egito", que foi exibida ao longo de 2013. Agora, toda semana o telespectador vai poder conferir um "milagre de Jesus" diferente. A temática reúne 18 histórias, das quais oito já estão sendo executadas por uma produção com profissionais de cinema e o elenco da emissora paulista. "O nosso desafio é levar uma história que está na Bíblia, que precisa ser fiel ao texto original, com uma construção completa a sua volta. Todas as histórias são inéditas, mas algumas surgiram de um discurso, enquanto outras foram apenas citações feitas por Jesus, de apenas um parágrafo", explica o diretor João Camargo, que desde o começo do ano trabalha neste projeto. Quatro autores diferentes assinam os episódios, que têm começo meio e fim. Renato Modesto foi o autor que mais se dedicou ao seriado, mas Camilo Pellegrini, Maria Claudia Oliveira e Vivian de Oliveira - autora de "Rei Davi" e "José do Egito" - também foram recrutados para a missão. "Diferentemente do que o público viu nas minisséries bíblicas, essa série remete mais aos telefilmes. A única coisa em comum é que todos os episódios retratam um milagre de Jesus", conta João, que trabalha na Record há sete anos. A emissora está bancando todos os custos do projeto, mas repassou a execução a uma produtora, a Academia Filmes. Os profissionais contratados são pessoas que fizeram produções nacionais para as telonas. "Vamos apresentar uma qualidade de cinema. Temos profissionais que fizeram '2 Filhos de Francisco', 'Tropa de Elite', 'Faroeste Caboclo' e até 'Crepúsculo'. É um grupo muito heterogêneo", adianta João. O primeiro milagre a entrar em cena é "A Pesca Maravilhosa" - que transformou Simão em Pedro (Caio Junqueira), um dos discípulos de Jesus. João Camargo afirma que quem vai dar vida a Jesus é um dos mistérios desse projeto. Ele não pode revelar sequer se Jesus vai aparecer diante das câmeras nos primeiros episódios ou se teremos apenas imagens que darão a entender a sua presença. "Esse é um dos nossos segredos", pontua. Nos episódios de "Milagres de Jesus", quatro de seus discípulos ajudarão a contar como essas histórias aconteceram: Pedro, Tiago, André e João. "Mais de 200 personagens entrarão em cena somente nesta primeira temporada, com oito capítulos", diz o diretor. Segundo João Camargo, o Piauí virou a "Galileia". Uma equipe com 125 pessoas trabalhou nas gravações em Lagoa do Portinho por um mês. To- das as cenas de locações, ou seja, externas, já foram gravadas. A maioria no Piauí e algumas outras no Paraná, em uma fazenda que representou a colheita de trigo da época. "Milagres de Jesus" conta histórias da Bíblia vividas por Cristo entre seus 27 e 30 anos. Além de "A Pesca Maravilhosa", a Record tem outros três episódios prontos, mas a ordem de exibição e a data de estreia não foram definidas. João Camargo e sua equipe vão trabalhar até fevereiro na conclusão dos primeiros oito programas: "A Pesca Maravilhosa", "A
  • 19. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 19 - TV Fotos: Divulgação Saiba Ao todo, "Milagres de Jesus" terá mais de 100 cenários. Mais de 200 personagens entrarão em cena somente nesta primeira temporada, que terá oito capítulos Vamos apresentar uma qualidade de cinema. Temos profissionais que fizeram '2 Filhos de Francisco', 'Tropa de Elite', 'Faroeste Caboclo' e até 'Crepúsculo'. É um grupo muito heterogêneo João Camargo, diretor Cura do Servo do Centurião", "A Mão Ressequida", "Endemoniado de Gerasa", "Aleijado", "Mulher Encurvada", "A Impura" e "O Leproso de Genesaré". "Alguns títulos podem mudar, pois isso está sendo avaliado neste momento pela direção da emissora", avisa o diretor. As gravações começaram no final de outubro e muitas das locações escolhidas são cavernas, que remetem aos primórdios da civilização. "Essas histórias retrataram pessoas que foram excluídas pela sociedade", conta Camargo. Agora, os trabalhos estão sendo finalizados na cidade cenográfica de "José do Egito", no Rio de Janeiro. Os cenários foram todos adaptados. Ao todo, "Milagres de Jesus" terá mais de 100 cenários. Os episódios serão exibidos sempre às quartas-feiras, mas o horário também está em vias de ser definido. Cada capítulo terá 45 minutos. "Posso adiantar que vai comover muitas pessoas, que teremos um programa interessante e que o conjunto da obra trará muita credibilidade", declara Camargo, que esteve à frente das gravações das minisséries "Ester" e "Sansão e Dalila" na Record. Um exemplo da preocupação da equipe em ser fiel à história está na construção do barco de pesca que veremos no primeiro episódio. Um engenheiro foi contratado para montar uma estrutura que fosse idêntica às da época de Jesus. "Isso cria identidade. O Caio Junqueira, que faz o Pedro, aprendeu a manipular o barco rápido. Não teve dublê e as cenas são impressionantes", diz o diretor. João Camargo faz questão de deixar claro que, apesar de terem 18 argumentos, o número de episódios que serão de fato produzidos ainda não foram fechados. A certeza é que oito capítulos entrarão no ar sequencialmente a cada semana a partir da estreia, que deve acontecer no final do mês de janeiro. Questionado se o que determinará a produção de todo o projeto será a audiência dos primeiros episódios, o diretor não descarta o Ibope como um fator determinante. "Televisão trabalha em função do lucro que pode trazer para o patrocinador", encerra ele. I
  • 20. TV - 20 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO Vale a pena ver de novo PIONEIRA NO ESPIRITISMO Sucesso na década de 1990, novela "A Viagem" volta ao ar no canal Viva Divulgação Agência Estado Em 1994 entrava no ar "A Viagem", remake da Globo para a novela homônima que havia sido sucesso na TV Tupi, em 1975. Exatos 20 anos depois, a reprise da trama retorna à telinha pelo canal pago Viva, a partir de 7 de abril. O folhetim - pioneiro por trazer o tema do espiritismo para o horário nobre global - substituirá "Água Viva" na faixa da meianoite, sendo exibido de segunda-feira a sábado. Dirigida por Wolf Maia, "A Viagem" aborda a vida após a morte a partir da doutrina de Allan Kardec (1804-1869), autor e educador francês que sistematizou o espiritismo. A novela ficou marcada pelo grande sucesso de audiência - com média de 52 pontos no Ibope - e por contar com um elenco estelar de atores. Seus personagens principais eram interpretados por Antonio Fagundes, Christiane Torloni, Maurício Mattar, Andréa Beltrão, Miguel Falabella, Lucinha Lins, Laura Cardoso, Jonas Bloch e Guilherme Fontes. Na história, Alexandre (Guilherme Fontes), ao tentar roubar o cofre do escritório onde trabalha para quitar uma dívida, é flagrado pelo tesoureiro da empresa e, assustado, mata o funcionário. Seu irmão mais velho, Raul (Miguel Falabella), e o cunha- do, Téo (Maurício Mattar), decidem entregá-lo à polícia. Contudo, sua irmã Diná (Christiane Torloni) e a mãe, dona Maroca (Yara Cortes), resolvem protegê-lo, recorrendo aos melhores advogados. Nesse meio tempo, a namorada do vilão, Lisa (Andréa Beltrão), cansada do conturbado relacionamento, o abandona. Disposta a fazer tudo pela liberdade de Alexandre, Diná contrata o renomado advogado Otávio Jordão (Antonio Fagundes), mas o profissional, amigo da vítima, resolve trabalhar para ver o assassino preso. Condenado a 20 anos de cadeia, Alexandre se suicida, tendo prometido vingança um pouco antes do ato extremo. O personagem é encaminhado ao Vale dos Suicidas, onde passa a prejudicar a vida de Raul, Téo e Otávio. Durante os seus 167 capítulos, "A Viagem" foi responsável por colocar o tema da vida após a morte em voga e aumentou a venda de livros espíritas em 50% - de acordo com pesquisas de livrarias especializadas durante a sua primeira exibição. Além disso, o sucesso da novela ultrapassou as fronteiras do Brasil e ganhou repercussão em países como Bolívia, Chile, Costa Rica, Equador, Guatemala, Honduras, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Portugal, República Dominicana, Rússia, Uruguai e Venezuela. I
  • 21. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 21 - TV Frases da semana Agência Estado “O segredo é estar com pessoas com quem eu estaria junto de qualquer forma, mesmo que não estivesse trabalhando” Clarice Falcão, cantora e atriz, em entrevista à revista "Contigo!", sobre o sucesso da carreira “Pode botar aí, bem grande: quero um bofe maravilhoso em 2014!” Anitta, cantora, em entrevista ao jornal "O Dia", sobre não ter vergonha de dizer que quer um novo namorado neste ano “Eu acho que tenho mais chance de não ser traída com um homem mais novo do que com um mais velho” Susana Vieira, atriz, em entrevista à revista "Contigo!", sobre relacionamentos, vida profissional e pessoal “Seria chocante, porque a sociedade é muito conservadora, mas a gente ia gostar de fazer. É um desafio” Thiago Fragoso, ator, em entrevista ao jornal "Extra" (RJ), sobre a possibilidade de um beijo gay em "Amor à Vida", da Globo “Estamos separados. Quero dar um basta para que até consiga conversar com a Grazi em paz” Cauã Reymond, ator, em entrevista ao jornal "O Globo", sobre a separação de Grazi Massafera “Estar ou não na TV nem sempre é uma escolha. Às vezes, o convite até vinha, mas o bom é esperar uma oportunidade bacana” Tatyane Goulart, atriz, em entrevista ao jornal "O Globo", sobre ter ficado afastada da TV desde 2009 e agora estar no elenco de "Pecado Mortal", da Record “Ela é uma mulher que dá a volta por cima, sacode a poeira. Ela é um retrato do povo brasileiro” Elizabeth Savalla, atriz, em entrevista ao site "Virgula Famosos", fazendo um balanço de sua personagem em "Amor à Vida", da Globo “Não tenho problemas com a nudez. É muito natural para mim, ainda mais quando tem a ver com o contexto” Cleo Pires, atriz, em entrevista à revista "Época", sobre as cenas sem roupa na televisão “Eu tenho 30 anos. Já estou quase roubando criança na rua de tanta vontade que tenho de ser mãe” Tatá Werneck, atriz, em entrevista ao jornal "O Globo", brincando com a vontade que tem de ser mãe “No teatro tenho mais possibilidades do que na TV, também é onde eu mais trabalho” Mel Lisboa, atriz, em entrevista ao "UOL", confessando que no teatro exerce melhor sua versatilidade
  • 22. TV - 22 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO Resumo das novelas GLOBO MALHAÇÃO - 17H45 Segunda-feira - Ben convence Anita a se casar com ele. Martin tenta provar para Micaela que não estava com outra menina. Caetano recrimina Hernandez por beijar Maura e Zelândia comemora a nova fase da tia. Giovana pensa em deixar a banda Número 2, mas é cercada por fãs. Antônio não revela para Hernandez sobre o destino de sua viagem e exige que Bruna mantenha segredo. Luciana tenta ajudar Abelardo a ganhar confiança para falar com as mulheres. Diva gosta de saber que João Luiz recusou a proposta de ser o pai do filho de Raíssa. Maura não aceita falar com Sidney, mas Zelândia tranquiliza o primo. Ben anuncia que se mudará do casarão. Terça-feira - Ronaldo proíbe Ben de sair de casa e Caetano leva Anita para morar com ele. Meg propõe à Raíssa dar aulas de dança no colégio O pneu do carro de Babette fura em frente ao salão de Serguei. Guilherme sente ciúmes de João Luiz com Raíssa. Antônio assiste à gravação da noite de amor de Ben e Anita em seu celular e Pedro desconfia do rapaz. Flaviana convida Babette para entrar no salão. Junior e Ben recebem notícias de Sidney e Sofia desdenha do menino. Flaviana pede dicas sobre o amor a Babette para ajudar Micaela. Antônio comenta com Tita que presenteará um amigo com um vídeo. Quarta-feira - Antônio não liga para a tristeza de Tita, que fica ma- goada com o irmão. Babette sugere que Micaela termine a letra de uma de suas músicas e cante para Martin. Hernandez pede demissão para Caetano. Caetano promete se vingar de Hernandez, caso descubra que Ben e Anita dormiram juntos. Ben deixa o casarão, sob o olhar atento de Antônio. Anita incentiva Martin a lutar por Micaela. Ben recebe uma mensagem ameaçadora no celular e desconfia de Sofia. Bernardete e Soraia ajudam Anita a se encontrar com Ben. Hernandez visita Maura e a beija. Edgard chega de viagem e visita Sofia. Ben recebe outra mensagem, dessa vez com o vídeo de sua noite de amor com Anita. Quinta-feira - Pedro comenta com Ben sobre a movimentação suspeita de Antônio. Sofia questiona Edgard sobre o que sente por ela. Bruna conta para Flaviana e Drica sobre o fim de semana com Antônio na Serra Micaela convoca as amigas para cantar sua música. Ben confronta Antônio. Raíssa e Diva conseguem ter acesso aos exames de saúde de Fábio. Flaviana alerta Sofia sobre o caráter de Edgard. Ben se desespera com mais uma mensagem em seu celular e toma uma decisão. A regente Regina descobre os ensaios de Micaela, Bruna, Amanda e Drica. Hernandez diz a Tita e Antônio que eles irão deixar o casarão, mas o menino se recusa. Sofia flagra Edgard com Fábia. Ben termina o namoro com Anita. Sexta-feira - Anita se desespera, mas Ben se mantém firme na decisão de terminar o namoro. Sofia agride Fábia e ameaça prejudicar a imagem de Edgard. Hernandez conversa com Antônio, que faz de tudo para magoar o padrasto. Ben sofre com a falta de Anita. A regente Regina ajuda Micaela e seu grupo com a música. Giovana, Guilherme, Clara e Junior são cercados por fãs da banda. Vera permite que Anita passe a noite no Grajaú. Toda a família vê as notícias sobre a briga entre Sofia e Fábia na internet, e a menina promete revidar. Flaviana e Serguei discutem por causa do salão. Ben conta para Hernandez que terminou com Anita, mas pede segredo. Silvia tinha medo dele. Davi diz a Aurora que entrará andando no casamento deles. Rubens dá uma aliança de compromisso para Matilde. Pérola sonha que Silvia está viva. Franz é condenado a 30 anos. Sexta-feira - Amélia se desespera com a condenação de Franz. Ernest também fica arrasado, enquanto Manfred saboreia a vitória. Silvia desperta na casa de Bibiana e Eufrásio. Gaia diz a Laura que entrará na justiça pela guarda de Tavinho. Pérola chega ao fórum e diz a Franz que Silvia está viva. Manfred ameaça Ernest e diz que ele será obrigado a amá-lo. Bibiana e Eufrásio se preocupam ao perceber que Silvia está com amnésia. Matilde conta para Serena que está noiva de Rubens. Pérola escreve uma carta a Sonan pedindo que ele volte para o Brasil. Os presos dizem a Franz que estão armando um plano de fuga. Manfred continua chamando Cristina de Amélia. Aurora experimenta seu vestido de noiva. Pérola vai com Amélia visitar Ernest. Manfred se tranca no quarto com Amélia. Sábado - Pérola diz a Ernest que Silvia não morreu. Joel e Cléo sequestram Aurora no dia do casamento. Ernest arromba a porta do quarto de Manfred para soltar Amélia. Tavinho foge de casa para visitar Gaia no cortiço. Arlindinho conta a todos que Aurora foi sequestrada por Joel e Cléo. Pérola abraça Manfred e diz que ele faz coisas ruins porque nunca alguém o amou de verdade. Manfred desaba e começa a chorar. Laura e Valter buscam Tavinho na casa de Gaia. Davi, Lola, Fabrício e Conceição procuram Aurora em um casebre, mas não a encontram. Manfred visita Franz na cadeia e o provoca, dizendo que conseguirá ficar com Amélia. Franz decide fugir com os outros presos. Aurora consegue fugir de Joel e Cléo. Homens mascarados libertam os presos durante a transferência de presídio. JOIA RARA - 18H15 Segunda-feira - Franz pede que o delegado espere passar seu casamento com Amélia para prendê-lo. Gaia, Toni e Iolanda descobrem que Laura fugiu com Tavinho. Hilda trava e não consegue cantar no palco do cabaré na frente de todos. Tenpa tenta fazer Matilde esquecer Sonan. Manfred se vangloria no clube por ter agora o sobrenome Hauser. Pérola e Franz vão à mansão convidar Ernest para o casamento. Artur vai com Laura e Tavinho para um hotel. Ernest se emociona com as palavras de carinho de Pérola. Serena consegue abrir a algema que a prende a Arlindinho. Davi diz a Dália que conseguiu dar um passo sozinho, mas pede que ela não conte nada para Aurora. Terça-feira - Franz manda Manfred embora do cortiço. Gaia diz a Hilda que um dia o amor de Toni por ela acabará por causa do que Ernest fez no passado. Toni, Mundo e Fabricio tentam convencer Franz a fugir da polícia, mas não conseguem. Laura e Tavinho voltam para casa. Hilda procura o pai para saber se ele tirou Giuseppe de Gaia, e Ernest confirma, mas pede perdão. Aurora entra na sala de reabilitação e vê Davi de pé. Belmira leva um fora de Nuno e fica arrasada. Toni garante a Hilda que nada vai separá-los. Odilon consola Belmira e sugere que eles finjam ser namorados para deixar Nuno com ciúme. Pérola tem um pesadelo e acorda assustada. Manfred leva Cristina para a mansão e pergunta se pode chamá-la de Amélia. Laura leva Tavinho para falar com Toni e Gaia. Quarta-feira - O delegado manda prender Franz. Toni e Gaia se emocionam ao contar toda a verdade para Tavinho. Manfred ouve Venceslau ameaçar Gertrude e fica desconfiado. Pérola diz a Amélia que sonhou com Manfred e uma explosão. Toni apresenta Tavinho a Mama Francesca. Manfred conta para Ernest que Franz foi preso. Aurora e Da- vi decidem se casar no cabaré e convidam Arlindo e Miquelina para serem seus padrinhos. Franz é solto para responder ao processo em liberdade. Mundo é diplomado na Câmara dos Deputados. Passa-se um mês. Sonan chega ao mosteiro de Padma Ling. Começa o julgamento de Franz. Quinta-feira - Manfred tranca Ernest para que ele não possa depor a favor de Franz. No mosteiro, Sonan e Rigpa conversam sobre Matilde. A testemunha subornada por Manfred depõe contra Franz. Tenpa e Pérola entoam um mantra. Nuno vê Odilon beijando Belmira e fica com ciúme. Ernest engana Zefinha e foge de casa. Jampa, Viktor e Amélia depõem a favor de Franz. Ernest aparece no tribunal, para a surpresa de Manfred, e pede perdão a Franz e Amélia na frente do juiz. Gaia vai à casa de Laura buscar Tavinho, e as duas discutem. Pilar mente para o juiz dizendo que Franz é violento e que ALÉM DO HORIZONTE - 19H30 Segunda-feira - Hermes finge compreender William e Lili. Tereza provoca Heloísa e é ameaçada por Thomaz. Romildo conta para Celina para onde levaram o corpo que foi encontrado no rio. Lili liga para a mãe com a ajuda de Rita. Thomaz se sente culpado ao ver o sofrimento de Heloísa por causa de LC. Júlia sai pa- ra jantar com André, Flávio e Olívia. William, Lili e Rafa chegam à Comunidade e são recebidos por LC. Marlon faz uma grande descoberta no laboratório, e Angelique se impressiona. Paulinha foge ao ver Rafa na Comunidade. Guto conta para André e Júlia o que sabe sobre o Grupo em que William, Lili e Rafa entraram. Ce- lina se surpreende ao perceber que o delegado é cúmplice de Kléber. William se encontra com Marlon. Lili confronta LC. Terça-feira - LC fica decepcionado com as argumentações de Lili. Marlon afirma que não vai embora com William. Líder Jorge teme o que LC pode fazer contra ele. Paulinha é fria com Rafa. LC afirma que tomará atitudes drásticas contra Lili, caso ela o contrarie. Tereza consegue convencer os empresários a investir em seus equipamentos. Kléber ordena que Matias aplique uma atitude corretiva em Celina. Priscila e Heloísa seguem Tereza até o hotel onde ela está hospedada. Júlia decide ir com André a Tapiré. Lili pega a chave do laboratório de LC e entrega para William. Tereza surpreende Thomaz e Heloísa no restaurante. Keila conta para Kléber que Matias está namorando Celina. William vê Joana ser colocada em uma máquina. Quarta-feira a sábado – Capítulos não enviados pela emissora.
  • 23. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 23 - TV Resumo das novelas GLOBO AMOR À VIDA - 21 HORAS Segunda-feira - Paloma e Bruno insistem para que Félix revele tudo o que fez contra eles. Leila afirma a Thales que internará sua irmã assim que receber o dinheiro da herança de Nicole. Rafael dá um presente para Linda. Thales passa a noite com Natasha. Eron comenta com Amarilys que sentiu falta da família que poderia ter tido com Niko. Paloma agride Félix. Tamara tenta seduzir Rubão. Valdirene coloca purgante no suco de Ellen. Márcia e Carlito sentem falta de Valdirene. Patrícia reclama de cólica, e Michel a conforta. Félix entrega a Paloma a gravação feita por Mariah. Terça-feira - Niko consola Félix. César ouve Aline conversando com um homem. Félix e Niko discutem. Aline confirma a César que estava conversando com um homem e não deixa que ele a toque. A mãe de Rebeca manda que ela escolha entre Pérsio ou sua família. Paulinha conta para Paloma e Bruno que viu Ordália sair para o hospital após voltar para casa do plantão. Natasha exige que Thales prove seu amor por ela. Félix incentiva Maciel a se casar com Pilar. Rafael aconselha Eron a se desculpar com Niko. Patrícia sente uma forte cólica e desmaia nos braços de Michel. Félix ouve Eron pedir perdão a Niko. Quarta-feira - Aline inventa uma história para César, que está desconfiado. Félix se irrita ao ver Eron conversando com Niko. Bernarda convida Lutero para morar na mansão. Rebeca pede um tempo para Pérsio. Valdirene sugere fingir um romance com Jefferson e Murilo para ganhar a disputa. Patrícia descobre que está grávida, mas confessa a Michel que o filho pode ser dele ou de Guto. Thales afirma a Leila que conseguirá casar com Natasha. Pilar pede para Paloma empregar Maciel no hospital. Daniel e Vanderlei ficam ao lado de Perséfone. Jonathan apresenta Ana para a família. Quinta-feira - Félix decide ajudar Paloma a descobrir o que Aline está tramando contra César. Amadeu e Daniel repreendem Rafael por ter entrado na piscina com Linda. Carlito vai ao cinema com Raquel. Valdirene vê Ellen e Murilo se beijando e fica furiosa. Amarilys pede para ter um filho com Eron. Valdirene consegue conquistar o público do shopping. Félix insiste para Maciel sentar-se à mesa junto à família. Eron se separa de Amarilys. Ciça recobra a consciência e comenta sobre uma parte do jardim da casa de César que foi escavada. Lutero decide ir com Paloma visitar César. Sexta-feira - Leila não entende a decisão de Thales. Eron pede para voltar com Niko. Aline tenta impedir Félix de sair da casa. Ellen consegue ganhar o público, e Valdirene se enfurece. Thales confirma que enganou Leila, e ela jura vingança. Natasha dispensa Rogério por causa de Thales. Niko pede para pensar no pedido de Eron. Félix tem um plano para desmascarar Aline. Tamara beija Rubão. Silvia sente raiva da gravidez de Patrícia. Félix pede para Lutero colocar uma enfermeira para espionar a casa de seu pai. César questiona Aline sobre quem bateu a porta dos fundos quando Félix estava em casa. Félix procura Niko e se surpreende ao encontrálo chorando. Natasha não aceita o pedido de casamento de Tha- les. Neide e Leila veem Rafael beijando Linda. Sábado - Leila e Neide armam um escândalo por causa do beijo que Rafael deu em Linda, e a menina entra em surto. Thales percebe que foi enganado por Natasha. Félix ameaça se afastar de Niko se ele reatar com Eron. Carlito sai novamente com Raquel. Vanderlei leva Perséfone para casa, mas a deixa sozinha. Guto consola Silvia ao saber que ela não pode ter filhos. Edith pressiona Rubão para que ele fique com Tamara. Neide vai com a filha mais velha denunciar Rafael, que acaba preso. Leila fala para a mãe que pegará suas joias que estão na casa de Nicole. Lutero e Paloma pedem para Rebeca espionar Aline. Leila invade a casa de Nicole, agride Natasha e ateia fogo na mansão. tou Perfume. Perfume vai até fazendinha e diz que entregará bicheiros em troca de proteção para o jardineiro. Baldochi manda Donana cavar a própria cova. Donana implora e diz que faz qualquer coisa para que Stella não a mate. Marcinha e Anjo passam a noite juntos. Otávio vai até hotel e espera por Stella. Uma repórter vai atrás de Carlão e mostra fotos em que ele e Patrícia apare- cem juntos em cena de amor. Carlão nega, mas repórter diz saber sobre plano dele para salvar a carreira da esposa. Dorotéia interrompe e finge cena de ciúmes, dizendo que ele não deveria tê-la traído. Carlão entra no jogo e os dois se beijam. Quarta-feira - Não enviado pela emissora. Quinta-feira - Não enviado. Sexta-feira - Não enviado. na. Cintia vai ao encontro de Matilde, irmã de Ernestina, e se apresenta como amiga da ex-zeladora. A diretora fica espantada ao notar que a moça é irmã gêmea de Ernestina. Quinta-feira - Junior tenta acalmar Carole se preocupa ao ver como a noiva está reagindo com a situação. Carol decide terminar com Junior. Cintia percebe as diferenças de comportamento entre Ernestina e Matilde. Carol liga para José Ricardo e avisa o empresário que cumpriu a parte do acordo e terminou o relacionamento com Junior Irritado com o ciúme da namorada, Beto leva Érica para casa e deixa Clarita chateada. No quarto, para não chupar os dedos, Binho coloca em suas mãos uma luva de boxe. No dia seguinte, no campo de golfe, José Ricardo pede ao juiz Maia para que libere a adoção para Carol. O homem diz que não poderá fazer isso, pois o em- presário fez a denúncia do sequestro e que o caso ficou registrado na polícia. Dr. Maia tem medo que descubram que ele tem um acordo com José Ricardo e por isso não poderá autorizar a adoção. Sexta-feira - Cintia chega ao orfanato acompanhada de Matilde. Cintia revela a Matilde que está à procura de um tesouro que está escondido dentro do orfanato, por isso precisa de sua ajuda para se livrar de todos que moram no lugar. Matilde diz que ajudará a diretora com o plano, mas em troca quer 40% do tesouro. A diretora aceita e pensa em uma forma de todos acreditarem que a ex-presidiária é Ernestina. Cintia comunica a Chico e aos órfãos que Ernestina voltou a trabalhar no orfanato. Carol conta a Beto sobre a chantagem de José Ricardo e o rapaz fica indignado com a notícia Em outro orfanato, RECORD PECADO MORTAL - 22H30 Segunda-feira - Stella volta. Carlão arma com Otávio e diz que matará Perfume. Carlão se assusta ao ver Dorotéia e Patrícia na fazendinha. Dorotéia abre a porta de Carlão com grampo e tenta beijá-lo. Stella se desespera ao ver Otávio na boate e sai sem que ele a veja. Donana descobre o plano de Carlão e tenta avisar Perfume. Otávio se oferece para ir no lugar do irmão, mas Carlão está decidido. Dorotéia descobre que Carlão tentará matar Perfume e tenta convencê-lo a desistir, dizendo que ele arruinará sua vida Ele diz que não há outra saída, triste com o que terá que fazer Patrícia descobre que Carlão irá a confronto e fica desesperada Baldochi sequestra Donana a mando de Stella. Carlão encontra Perfume em restaurante e vê o segurança. Ele vai ao banheiro e procura pela arma escondida. Donana acorda e se assusta ao ver Stella, que a esbofeteia. Terça-feira - Otávio fica aflito sem notícias de Carlão e decide ir atrás dele em restaurante. Stella esbofeteia Donana e ameaça matá-la. Picasso vai atrás de Carlão. Carlão pega arma e vai ao encontro de Perfume. Carlão não consegue atirar e dá uma coronhada no bicheiro. Patrícia fica aliviada ao saber que Carlão não ma- SBT CHIQUITITAS - 20H30 Segunda-feira - Bia e Binho se preparam para passar o final de semana com Verônica e Edgar. Carol resolve fugir com Dani para pensar sobre o que fazer com a assistente social. Na casa de Verônica e Edgar, Bia e Binho conhecem o lugar e adoram as coisas estranhas que o casal possui. Maria Cecília avisa aos funcionários que voltou a trabalhar na empresa da família Almeida Campos. Armando se sente humilhado e promete se vingar de Tobias. José Ricardo aparece no hotel e surpreende Carolina. José Ricardo propõe a Carol que ela se separe de Junior e só assim terá a guarda de Dani. Carol não acredita que o pai de seu noivo esteja a chantageando. Com medo das ameaças do sogro, Carol resolve tirar a menina do hotel e levá-la para outro lugar. Na rodoviária, as duas se preparam para viajar. Carol liga para Beto e avisa ao irmão que levará Dani para a casa de D. Nina, sua avó. Terça-feira - As crianças sentem falta das broncas de Ernestina e estranham o sumiço da zeladora. Na sala, com uma mala na mão, Ernestina se despede do local e afirma para si mesma que não conseguirá viver no orfanato sendo rejeitada por Chico e sem o amordas crianças. Biae Binho escutam uma conversa estranha do casal. Os dois aparecem na sala e comunica os pequeninos que decidiram em não adotá-los. Cintia se irrita pelos órfãos terem voltado. A diretora encontra uma carta de Ernestina em sua mesa e descobre que a zeladora foi embora do lugar. Cintia comunica aos órfãos e a Chico que Ernestina foi embora do orfanato. Junior cancela todas as suas reuniões para ir ao encontro de Carol. Eduarda confessa a Maria Cecília que falou com Tomás Ferraz, que na verdade é Tobias, para que ela voltasse a trabalhar no Café Boutique. Quarta-feira - Junior fica aliviado em encontrar Carol e a moça apresenta sua avó ao noivo. Clarita escuta uma conversa entre Erica e Beto, a nova funcionária fala para a namorada do rapaz sobre o convite que ela fez ao entregador.Carol decide contar ao noivo sobre a conversa que teve com seu pai, mas são surpreendidos pela policia. No orfanato, as crianças começam uma guerra de pipoca e bagunçam todo o lugar. Bia conta para Ana que Binho ainda chupa o dedo para dormir, mas pede para a garota guardar segredo. Ana não aguenta e conta para Tati. Cintia se irrita por ter entrevistado ótimas profissionais para o cargo, mas na verdade a diretora quer alguém que maltrate os pequeninos. Mathias e Vivi conversam e o garoto pede o número do celular da pequeni-
  • 24. TURISMO - 24 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO Turismo Azulado: a geleira Serrano, em passeio feito a partir da pequena Puerto Natales Beleza gelada Lagos azuis, picos nevados, campos verdejantes e montanhas de gelo formam a paisagem singular da Patagônia Agência O Globo A frota liderada por Juan Ladrillero estava praticamente arruinada, em fins de 1558, quando o navegador espanhol juntou as forças que restavam na tentativa de superar o labirinto de ilhas e canais que havia consumido dois anos de viagem. Era sua últi- ma esperança de cumprir a missão de atingir o Estreito de Magalhães e percorrê-lo de ponta a ponta, mas tudo que o navegador espanhol conseguiu foi dar num beco sem saída repleto de geleiras. Voltou de lá frustado, sem imaginar que mais de quatro séculos depois as terras que descobrira, batizadas de Última Espe- rança, se tornariam um dos principais destinos dos viajantes modernos que desembarcam na Patagônia Chilena. Ladrillero é hoje uma placa de bronze em Puerto Natales, capital da província Última Esperança e porta de entrada do Parque Nacional Torres del Paine e de canais patagônicos que levam às gigantes geleiras. Para chegar até lá, é preciso vencer de carro os 247 km que separam a cidadezinha do aeroporto mais próximo, de Punta Arenas, experimentando a sensação única de correr a Rota do Fim do Mundo com seu clima inóspito - em poucas horas, pode fazer sol, nevar e chover ge- lo, com um vento cujas rajadas chegam facilmente a 180 km/h - e paisagens povoadas de ovelhas e guanacos. O esforço compensa: lagos azuis, picos nevados sobre campos de um verde exuberante (às vezes cobertos de flores) e montanhas de gelo fazem desse lugar não o fim, mas um outro mundo. I
  • 25. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 25 - TURISMO Fotos: Ludmilla de Lima Turistas aguardam com atenção o fenômeno do desprendimento Esverdeado: a água do degelo corta a vegetação no Parque Torres del Paine Casinhas coloridas usam madeira como proteção para o clima frio
  • 26. TURISMO - 26 / São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 DIÁRIO DA REGIÃO Chile Lanchas de passeio levam os visitantes a cruzar as águas da região LABIRINTO DE ÁGUAS FRIAS Na conjunção de fiordes, rios, canais e lagos da Patagônia, a água reina soberana em todos os seus estados naturais
  • 27. DIÁRIO DA REGIÃO São José do Rio Preto, 5 de janeiro de 2014 / 27 - TURISMO Fotos: Ludmilla de Lima Agência O Globo Desde que os primeiros navegadores chamaram o lugar de Patagônia, assustados com o tamanho das pegadas, ou patagones, deixadas pelos índios, a região não para de surpreender. O labirinto onde o espanhol Ladrillero outrora se perdeu é uma conjunção de fiordes, rios, canais e lagos, na qual a água reina soberana em todos os seus estados naturais. É ela que cobre de branco as montanhas geladas, forma as geleiras azuis, esculpe as paredes das cavernas e se derrama na infinidade de canais, drenada por grandes torneiras naturais que encantam os visitantes e fazem da Patagônia uma das maiores reservas de água doce do planeta. Os chilenos não cansam de exaltar o esplendor dos condores, ave-símbolo da Patagônia, cuja envergadura da asa na fase adulta pode chegar a 3,5 metros. Graças a elas, são recordistas de permanência no ar. Os condores povoam os campos abertos, frios e secos, as florestas e as montanhas patagônicas, onde alguns de seus ninhos estão ao alcance das máquinas fotográficas. Mas é a água, e não os pássaros, o elemento essencial que responde pela magia da região. Não é preciso tanta sorte para ouvi-la: vez ou outra, um bloco de gelo se desprende e mergulha, fazendo um estrondo ecoar pelos fiordes. São também compostos de água das inúmeras geleiras azuis que se espalham pela região, reinventando a geometria com sua imensa e espessa massa de gelo formada em camadas sucessivas de neve compactada e cristalizada de várias épocas. A melhor época para visitar a Patagônia Chilena são os meses de primavera e verão, de outubro a abril. Embora o parque não feche no inverno, durante essa estação há poucas opções de hotéis e algumas trilhas não podem ser acessadas. Mesmo na alta temporada, o mau tempo pode abortar o passeio de Puerto Natales rumo às geleiras. Aconteceu recentemente com a lancha do capitão Ivan Cid, ironicamente batizada de "Ladrillero", barco de um hotel para 16 pessoas, que deu a meia volta, desencorajado por uma sucessão de vagas altas. Susto nada comparável aos aventureiros do passado, como naturalista Charles Darwin, que tinha apenas 22 anos quando embarcou no HMS Beagle, em dezembro de 1831, para uma viagem de cinco anos pelo Novo Mundo, com escala na Patagônia, lugar que descreveu como "paisagem grandiosa", fonte da inspiração para a sua teoria evolucionista. A elogiável infraestrutura turística tem programas para todos os graus de disposição, de spas cujas piscinas aquecidas avançam a céu aberto a caminhadas de até seis dias, com direito a acampamento em barracas, pelas trilhas do Parque Nacional Torres del Paine (a três horas de carro de Natales), orgulho nacional de 242 mil hectares, na qual se encontra a cadeia montanhosa Del Paine, com as famosas Torres del Paine - gigantes de rocha sedimentária e granito cercados de lagos, rios, cascatas e geleiras. Já a cidadezinha de Puerto Natales, com seus pouco mais de 19 mil habitantes e casinhas de madeira revestidas de latão colorido (uma proteção contra o vento), pode ser explorada a pé ou de bicicleta, geralmente oferecida pelos hotéis. Se for pedalando, vale ir pela orla até o pequeno porto de barcos de pesca, apreciando a paisagem bucólica sempre com picos gelados ao fundo, do outro lado do mar. Dependendo da hora, vai experimentar a sensação única de pedalar contra o vento gelado no meio de um cenário que lembra quadros impressionistas. Correntes fortes, ventos cortantes, frio congelante: nada disso é obstáculo aos novos desbravadores da Patagônia. I Turista curte os flocos que caem sobre o parque, com clima instável, mesmo no verão Gaúcho toca a boiada na rua del fin del Mundo, caminho que leva a Torres del Paine