SlideShare uma empresa Scribd logo
Pequenos leitores
 Identificação:
Tema: Dia Nacional do Livro Infantil
Público alvo: 3º ano I e II
Data: 18/04/2013.
Pedagogas: Leidiane Lopes e Maria Elcilene
Gomes
 Coordenadora da Biblioteca e Historiadora:
Professora Ilária
Justificativa:
O “Dia do Livro” foi intitulado no dia 18 de abril
homenageando o grande escritor Monteiro Lobato, por a
sua contribuição cultural na literatura brasileira. Diante
desta perspectiva foram apresentas aos alunos as obras
deste autor dentre outras, como forma de aumentar o
contato das crianças com diversidades de leitura e escrita ,
incentivando o gosto pelo livro, o hábito pela leitura,
proporcionando aos mesmos uma viagem pela
imaginação, viajando pelo mundo da fantasia .
Objetivo Geral:
• Explorar a literatura infantil e a importância de
escritores como Monteiro Lobato, suas obras, entre outros
autores.
Objetivo Específico:
• Conhecer a história do autor, os principais personagens que o
tornaram famoso dentro da literatura infantil.
• Manusear e folhear materiais diversificados;
• Trabalhar conteúdos específicos do livro didático;
• Desenvolver o gosto pela leitura, valorizando – a como fonte
de informação;
• Vivenciar através da história contada, emoções, estabelecendo
identificações exercitando a fantasia e a imaginação, conhecendo
outros lugares e tempos.
• Começar a compreender o funcionamento comunicativo da
escrita, que se escreve para ser lido, reconhecendo a sua
necessidade em diferentes situações;
• Participar de situações de intercambio oral, falando em turnos
e escutando a fala de outras pessoas.
• Promover o “Letramento” como princípio norteador dentro do
trabalho.
• Produzir fichas de leitura, ainda que não de forma
convencional, utilizando a escrita com as concepções que possui
no momento;
• Exercitar a escrita;
 Metodologia:
 Utilização de ambiente previamente preparado para
realização das atividades;
 Palestra sobre a vida e a obra de Monteiro Lobato e sua
importância para literatura infantil;
 Hora da história: Reconto de história, realizada por aluna;
 Utilização do livro didático para exploração de conteúdo;
 Debate sobre o tema estudado;
 Reconhecer através de roda de conversa quais os
personagens da história ,quantos são, quais sentimentos
expressam, onde se passa a história e os recursos gráficos
utilizados;
 Escolha de livros literários para realização de leitura
individual;
 Registro em ficha de leitura: autor, obra, personagens da
história, ilustração e opinião pessoal a respeito do livro.
 Os alunos foram avaliados de duas maneiras:
Coletiva – Participação e interesse pela leitura.
Individual – Reconto da história e preenchimento
das fichas de leitura.
• Livros Literários;
• Livros Didáticos;
• Cartazes;
• Fichas de Leitura;
• Lápis e borracha;
• Colchonetes;
Divulgação no site Surgiu 19/04/2013
Pequenos leitores
Este projeto leva a refletir sobre a prática pedagógica, utilizando a
literatura infantil no cotidiano escolar, levando-nos a constatar que o
aluno se encanta ao ouvir o professor contar uma história a partir do
objeto livro. E esse encantamento fica mais nítido quando os elementos
constituintes da história escolhida guarda relação com a criança. A
literatura infantil promove outras habilidades e desenvolvimentos quando
modifica o pensamento da criança e trabalha diretamente com sua
emoção. É importante que o professor tome consciência da importância da
literatura na vida da criança e desenvolva o hábito da literatura na sala de
aula, como momento agradável e de reflexão.
A leitura não deve ser feita só pelo professor, mas também pelos
alunos, pois é essencial que todos manipulem exemplares para que a
criança sinta o gosto pela literatura.
É nesta situação que sugerimos recorrer à literatura infantil,
considerando-a não apenas capaz de ampliar o nível de letramento das
crianças e de estimulá-las a aprender a ler e a escrever, mas, sobretudo,
de revestir de ludicidade as práticas pedagógicas que envolvem esses dois
processos.
Consideramos, finalmente, que essa orientação faz ligação com as
reflexões promovidas por Maia (2007) acerca da formação de leitores. Para
ela “[...] a literatura possibilita à criança uma apropriação lúdica do real, a
convivência com um mundo ficcional, a descoberta do prazer
proporcionado pelo texto literário e a apreensão do potencial lingüístico
que esse texto expressa” (MAIA, 2007, p. 67).
Preparação do ambiente
Pequenos leitores
Pequenos leitores
Pequenos leitores
Pequenos leitores
Pequenos leitores
Pequenos leitores
Pequenos leitores
Pequenos leitores
Pequenos leitores
Pequenos leitores
Pequenos leitores
“Meus filhos terão computadores, sim, mas
antes terão livros. Sem livros, sem leitura, os
nossos filhos serão incapazes de escrever -
inclusive a sua própria história”.
Bill Gates
Professoras: Leidiane Lopes
Maria Elcilene Gomes

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A leitura
A leituraA leitura
A leitura
na educação
 
Projeto de leitura
Projeto de leituraProjeto de leitura
Projeto de leitura
Moisés Rodrigues
 
Sala de leituraok
Sala de leituraok Sala de leituraok
Sala de leituraok
emefeduprado
 
Slide sala de leitura
Slide sala de leituraSlide sala de leitura
Slide sala de leitura
elienabetete
 
Projeto leitura
Projeto leituraProjeto leitura
Projeto leitura
Jaiza Nobre
 
Projeto de leitura literária
Projeto de leitura literáriaProjeto de leitura literária
Projeto de leitura literária
Ana Paula Cecato
 
Projeto leitura José Silvio Secco
Projeto leitura José Silvio SeccoProjeto leitura José Silvio Secco
Projeto leitura José Silvio Secco
chavesdeleitura
 
Literatura infantil Adriano
Literatura infantil AdrianoLiteratura infantil Adriano
Literatura infantil Adriano
Adriano De Campos
 
Relatório de Literatura Infantil
Relatório de Literatura InfantilRelatório de Literatura Infantil
Relatório de Literatura Infantil
Amanda Freitas
 
A importância da literatura na educação infantil
A importância da literatura na educação infantilA importância da literatura na educação infantil
A importância da literatura na educação infantil
Keilita Igor Fabrine
 
O cavaleiro da dinamarca planificação
O cavaleiro da dinamarca   planificaçãoO cavaleiro da dinamarca   planificação
O cavaleiro da dinamarca planificação
Lucília Lopes
 
Projeto Leitura no Campo
Projeto Leitura no CampoProjeto Leitura no Campo
Projeto Leitura no Campo
Rosiane Assis
 
Literatura Infanto Juvenil - LITERATUA INFANTIL NA ESCOLA
Literatura Infanto Juvenil - LITERATUA INFANTIL NA ESCOLALiteratura Infanto Juvenil - LITERATUA INFANTIL NA ESCOLA
Literatura Infanto Juvenil - LITERATUA INFANTIL NA ESCOLA
Magno Oliveira
 
Leitura
LeituraLeitura
Projeto leitura
Projeto leituraProjeto leitura
Projeto leitura
FLÁVIA DUARTE
 
Literatura na educação infantil
Literatura na educação infantilLiteratura na educação infantil
Literatura na educação infantil
Jacqueline Campos
 
[Resenha] Afinal, o que é Literatura Infantil?
[Resenha] Afinal, o que é Literatura Infantil?[Resenha] Afinal, o que é Literatura Infantil?
[Resenha] Afinal, o que é Literatura Infantil?
Universidade Federal de Roraima
 
Apresentação do slide do projeto literatura infantil
Apresentação do slide do projeto literatura infantilApresentação do slide do projeto literatura infantil
Apresentação do slide do projeto literatura infantil
Rosimeire Rodrigues
 
Leitura e producao textual
Leitura e producao textualLeitura e producao textual
Leitura e producao textual
MARYBACELA
 
Power point, leitura é...
Power point, leitura é...Power point, leitura é...
Power point, leitura é...
Fan Santos
 

Mais procurados (20)

A leitura
A leituraA leitura
A leitura
 
Projeto de leitura
Projeto de leituraProjeto de leitura
Projeto de leitura
 
Sala de leituraok
Sala de leituraok Sala de leituraok
Sala de leituraok
 
Slide sala de leitura
Slide sala de leituraSlide sala de leitura
Slide sala de leitura
 
Projeto leitura
Projeto leituraProjeto leitura
Projeto leitura
 
Projeto de leitura literária
Projeto de leitura literáriaProjeto de leitura literária
Projeto de leitura literária
 
Projeto leitura José Silvio Secco
Projeto leitura José Silvio SeccoProjeto leitura José Silvio Secco
Projeto leitura José Silvio Secco
 
Literatura infantil Adriano
Literatura infantil AdrianoLiteratura infantil Adriano
Literatura infantil Adriano
 
Relatório de Literatura Infantil
Relatório de Literatura InfantilRelatório de Literatura Infantil
Relatório de Literatura Infantil
 
A importância da literatura na educação infantil
A importância da literatura na educação infantilA importância da literatura na educação infantil
A importância da literatura na educação infantil
 
O cavaleiro da dinamarca planificação
O cavaleiro da dinamarca   planificaçãoO cavaleiro da dinamarca   planificação
O cavaleiro da dinamarca planificação
 
Projeto Leitura no Campo
Projeto Leitura no CampoProjeto Leitura no Campo
Projeto Leitura no Campo
 
Literatura Infanto Juvenil - LITERATUA INFANTIL NA ESCOLA
Literatura Infanto Juvenil - LITERATUA INFANTIL NA ESCOLALiteratura Infanto Juvenil - LITERATUA INFANTIL NA ESCOLA
Literatura Infanto Juvenil - LITERATUA INFANTIL NA ESCOLA
 
Leitura
LeituraLeitura
Leitura
 
Projeto leitura
Projeto leituraProjeto leitura
Projeto leitura
 
Literatura na educação infantil
Literatura na educação infantilLiteratura na educação infantil
Literatura na educação infantil
 
[Resenha] Afinal, o que é Literatura Infantil?
[Resenha] Afinal, o que é Literatura Infantil?[Resenha] Afinal, o que é Literatura Infantil?
[Resenha] Afinal, o que é Literatura Infantil?
 
Apresentação do slide do projeto literatura infantil
Apresentação do slide do projeto literatura infantilApresentação do slide do projeto literatura infantil
Apresentação do slide do projeto literatura infantil
 
Leitura e producao textual
Leitura e producao textualLeitura e producao textual
Leitura e producao textual
 
Power point, leitura é...
Power point, leitura é...Power point, leitura é...
Power point, leitura é...
 

Semelhante a Pequenos leitores

O ensino da literatura como meio lúdico de aprendizagem
O ensino da literatura como meio lúdico de aprendizagemO ensino da literatura como meio lúdico de aprendizagem
O ensino da literatura como meio lúdico de aprendizagem
Rogério Almeida
 
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º anoProjeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
jose ebner
 
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docxPROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
EscolaMunicipalMaria16
 
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docxPROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
EscolaMunicipalMaria16
 
Bruna e vanessa
Bruna e vanessaBruna e vanessa
Bruna e vanessa
Fernando Pissuto
 
Projeto de Leitura - " Vidas Secas"
Projeto de Leitura - " Vidas Secas"Projeto de Leitura - " Vidas Secas"
Projeto de Leitura - " Vidas Secas"
Cirlei Santos
 
sacola viajante Projeto de Leitura
sacola viajante Projeto de Leiturasacola viajante Projeto de Leitura
sacola viajante Projeto de Leitura
Secretaria Municipal de Educação de Dona Inês/PB
 
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docxPROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
EscolaMunicipalMaria16
 
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docxPROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
EscolaMunicipalMaria16
 
Feira do livro e da literatura.compact
Feira do livro e da literatura.compactFeira do livro e da literatura.compact
Feira do livro e da literatura.compact
Ana Paula Cecato
 
Apresentação do projeto ler é um prazer
Apresentação do projeto ler é um prazerApresentação do projeto ler é um prazer
Apresentação do projeto ler é um prazer
onisse
 
Projeto de Leitura: Minha Escola Lê
Projeto de Leitura: Minha Escola LêProjeto de Leitura: Minha Escola Lê
Projeto de Leitura: Minha Escola Lê
Cirlei Santos
 
Texto Marlene Carvalho
Texto Marlene CarvalhoTexto Marlene Carvalho
Texto Marlene Carvalho
Luciana
 
Lobato viva 2010
Lobato viva  2010Lobato viva  2010
Pontifícia universidade católica de minas gerais sequencia pronta
Pontifícia universidade católica de minas gerais  sequencia prontaPontifícia universidade católica de minas gerais  sequencia pronta
Pontifícia universidade católica de minas gerais sequencia pronta
Luúh Reis
 
SEQUENCIA PRONTA
SEQUENCIA PRONTASEQUENCIA PRONTA
SEQUENCIA PRONTA
Luúh Reis
 
Tcc cleide
Tcc cleideTcc cleide
Tcc cleide
Cleide Araujo
 
Apresentação
ApresentaçãoApresentação
Apresentação
Leonice Mezomo Gotardo
 
As Histórias em Quadrinhos: Incentivos à Constituição de Sujeitos Leitores.
 As Histórias em Quadrinhos: Incentivos à Constituição de Sujeitos Leitores. As Histórias em Quadrinhos: Incentivos à Constituição de Sujeitos Leitores.
As Histórias em Quadrinhos: Incentivos à Constituição de Sujeitos Leitores.
Mônica Santana
 
Projeto de leitura_na_escola_do_campo
Projeto de leitura_na_escola_do_campoProjeto de leitura_na_escola_do_campo
Projeto de leitura_na_escola_do_campo
Claudio Pessoa
 

Semelhante a Pequenos leitores (20)

O ensino da literatura como meio lúdico de aprendizagem
O ensino da literatura como meio lúdico de aprendizagemO ensino da literatura como meio lúdico de aprendizagem
O ensino da literatura como meio lúdico de aprendizagem
 
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º anoProjeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
 
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docxPROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
 
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docxPROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund II 2023 Ler é Bom Experimente.docx
 
Bruna e vanessa
Bruna e vanessaBruna e vanessa
Bruna e vanessa
 
Projeto de Leitura - " Vidas Secas"
Projeto de Leitura - " Vidas Secas"Projeto de Leitura - " Vidas Secas"
Projeto de Leitura - " Vidas Secas"
 
sacola viajante Projeto de Leitura
sacola viajante Projeto de Leiturasacola viajante Projeto de Leitura
sacola viajante Projeto de Leitura
 
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docxPROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
 
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docxPROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
PROJETO Ens Fund I 2023 Ler é Bom Experimente.docx
 
Feira do livro e da literatura.compact
Feira do livro e da literatura.compactFeira do livro e da literatura.compact
Feira do livro e da literatura.compact
 
Apresentação do projeto ler é um prazer
Apresentação do projeto ler é um prazerApresentação do projeto ler é um prazer
Apresentação do projeto ler é um prazer
 
Projeto de Leitura: Minha Escola Lê
Projeto de Leitura: Minha Escola LêProjeto de Leitura: Minha Escola Lê
Projeto de Leitura: Minha Escola Lê
 
Texto Marlene Carvalho
Texto Marlene CarvalhoTexto Marlene Carvalho
Texto Marlene Carvalho
 
Lobato viva 2010
Lobato viva  2010Lobato viva  2010
Lobato viva 2010
 
Pontifícia universidade católica de minas gerais sequencia pronta
Pontifícia universidade católica de minas gerais  sequencia prontaPontifícia universidade católica de minas gerais  sequencia pronta
Pontifícia universidade católica de minas gerais sequencia pronta
 
SEQUENCIA PRONTA
SEQUENCIA PRONTASEQUENCIA PRONTA
SEQUENCIA PRONTA
 
Tcc cleide
Tcc cleideTcc cleide
Tcc cleide
 
Apresentação
ApresentaçãoApresentação
Apresentação
 
As Histórias em Quadrinhos: Incentivos à Constituição de Sujeitos Leitores.
 As Histórias em Quadrinhos: Incentivos à Constituição de Sujeitos Leitores. As Histórias em Quadrinhos: Incentivos à Constituição de Sujeitos Leitores.
As Histórias em Quadrinhos: Incentivos à Constituição de Sujeitos Leitores.
 
Projeto de leitura_na_escola_do_campo
Projeto de leitura_na_escola_do_campoProjeto de leitura_na_escola_do_campo
Projeto de leitura_na_escola_do_campo
 

Mais de leidianelopes1

Projeto poesia - 2015
Projeto poesia - 2015Projeto poesia - 2015
Projeto poesia - 2015
leidianelopes1
 
Beleléu e os números - Apresentação das atividades.
Beleléu e os números - Apresentação das atividades.Beleléu e os números - Apresentação das atividades.
Beleléu e os números - Apresentação das atividades.
leidianelopes1
 
A arvore dos_amigos
A arvore dos_amigosA arvore dos_amigos
A arvore dos_amigos
leidianelopes1
 
O livro da vida
O livro da vidaO livro da vida
O livro da vida
leidianelopes1
 
Poluição
PoluiçãoPoluição
Poluição
leidianelopes1
 
Fórum uft uca
Fórum uft  ucaFórum uft  uca
Fórum uft uca
leidianelopes1
 
Maquete – sala de aula
Maquete – sala de aulaMaquete – sala de aula
Maquete – sala de aula
leidianelopes1
 
Luta contra o trabalho infantil
Luta contra o trabalho infantilLuta contra o trabalho infantil
Luta contra o trabalho infantil
leidianelopes1
 
Projeto: Eu - Romero Britto
Projeto: Eu - Romero BrittoProjeto: Eu - Romero Britto
Projeto: Eu - Romero Britto
leidianelopes1
 
Semana do trânsito
Semana do trânsitoSemana do trânsito
Semana do trânsito
leidianelopes1
 
Semana do trânsito
Semana do trânsitoSemana do trânsito
Semana do trânsito
leidianelopes1
 
Ilusão de ótica - Novos desafios
Ilusão de ótica - Novos desafiosIlusão de ótica - Novos desafios
Ilusão de ótica - Novos desafios
leidianelopes1
 
Trabalhando com reciclagem "TARTARUGA"
Trabalhando com reciclagem "TARTARUGA"Trabalhando com reciclagem "TARTARUGA"
Trabalhando com reciclagem "TARTARUGA"
leidianelopes1
 
Folclore
FolcloreFolclore
Folclore
leidianelopes1
 
Projeto Procel
Projeto   ProcelProjeto   Procel
Projeto Procel
leidianelopes1
 
O lixo nosso de cada dia!
O lixo nosso de cada dia!O lixo nosso de cada dia!
O lixo nosso de cada dia!
leidianelopes1
 
Semana Indígena e Afro
Semana Indígena e AfroSemana Indígena e Afro
Semana Indígena e Afro
leidianelopes1
 
Tarsila do amaral
Tarsila do amaralTarsila do amaral
Tarsila do amaral
leidianelopes1
 

Mais de leidianelopes1 (18)

Projeto poesia - 2015
Projeto poesia - 2015Projeto poesia - 2015
Projeto poesia - 2015
 
Beleléu e os números - Apresentação das atividades.
Beleléu e os números - Apresentação das atividades.Beleléu e os números - Apresentação das atividades.
Beleléu e os números - Apresentação das atividades.
 
A arvore dos_amigos
A arvore dos_amigosA arvore dos_amigos
A arvore dos_amigos
 
O livro da vida
O livro da vidaO livro da vida
O livro da vida
 
Poluição
PoluiçãoPoluição
Poluição
 
Fórum uft uca
Fórum uft  ucaFórum uft  uca
Fórum uft uca
 
Maquete – sala de aula
Maquete – sala de aulaMaquete – sala de aula
Maquete – sala de aula
 
Luta contra o trabalho infantil
Luta contra o trabalho infantilLuta contra o trabalho infantil
Luta contra o trabalho infantil
 
Projeto: Eu - Romero Britto
Projeto: Eu - Romero BrittoProjeto: Eu - Romero Britto
Projeto: Eu - Romero Britto
 
Semana do trânsito
Semana do trânsitoSemana do trânsito
Semana do trânsito
 
Semana do trânsito
Semana do trânsitoSemana do trânsito
Semana do trânsito
 
Ilusão de ótica - Novos desafios
Ilusão de ótica - Novos desafiosIlusão de ótica - Novos desafios
Ilusão de ótica - Novos desafios
 
Trabalhando com reciclagem "TARTARUGA"
Trabalhando com reciclagem "TARTARUGA"Trabalhando com reciclagem "TARTARUGA"
Trabalhando com reciclagem "TARTARUGA"
 
Folclore
FolcloreFolclore
Folclore
 
Projeto Procel
Projeto   ProcelProjeto   Procel
Projeto Procel
 
O lixo nosso de cada dia!
O lixo nosso de cada dia!O lixo nosso de cada dia!
O lixo nosso de cada dia!
 
Semana Indígena e Afro
Semana Indígena e AfroSemana Indígena e Afro
Semana Indígena e Afro
 
Tarsila do amaral
Tarsila do amaralTarsila do amaral
Tarsila do amaral
 

Pequenos leitores

  • 2.  Identificação: Tema: Dia Nacional do Livro Infantil Público alvo: 3º ano I e II Data: 18/04/2013. Pedagogas: Leidiane Lopes e Maria Elcilene Gomes  Coordenadora da Biblioteca e Historiadora: Professora Ilária
  • 3. Justificativa: O “Dia do Livro” foi intitulado no dia 18 de abril homenageando o grande escritor Monteiro Lobato, por a sua contribuição cultural na literatura brasileira. Diante desta perspectiva foram apresentas aos alunos as obras deste autor dentre outras, como forma de aumentar o contato das crianças com diversidades de leitura e escrita , incentivando o gosto pelo livro, o hábito pela leitura, proporcionando aos mesmos uma viagem pela imaginação, viajando pelo mundo da fantasia . Objetivo Geral: • Explorar a literatura infantil e a importância de escritores como Monteiro Lobato, suas obras, entre outros autores.
  • 4. Objetivo Específico: • Conhecer a história do autor, os principais personagens que o tornaram famoso dentro da literatura infantil. • Manusear e folhear materiais diversificados; • Trabalhar conteúdos específicos do livro didático; • Desenvolver o gosto pela leitura, valorizando – a como fonte de informação; • Vivenciar através da história contada, emoções, estabelecendo identificações exercitando a fantasia e a imaginação, conhecendo outros lugares e tempos. • Começar a compreender o funcionamento comunicativo da escrita, que se escreve para ser lido, reconhecendo a sua necessidade em diferentes situações; • Participar de situações de intercambio oral, falando em turnos e escutando a fala de outras pessoas. • Promover o “Letramento” como princípio norteador dentro do trabalho. • Produzir fichas de leitura, ainda que não de forma convencional, utilizando a escrita com as concepções que possui no momento; • Exercitar a escrita;
  • 5.  Metodologia:  Utilização de ambiente previamente preparado para realização das atividades;  Palestra sobre a vida e a obra de Monteiro Lobato e sua importância para literatura infantil;  Hora da história: Reconto de história, realizada por aluna;  Utilização do livro didático para exploração de conteúdo;  Debate sobre o tema estudado;  Reconhecer através de roda de conversa quais os personagens da história ,quantos são, quais sentimentos expressam, onde se passa a história e os recursos gráficos utilizados;  Escolha de livros literários para realização de leitura individual;  Registro em ficha de leitura: autor, obra, personagens da história, ilustração e opinião pessoal a respeito do livro.
  • 6.  Os alunos foram avaliados de duas maneiras: Coletiva – Participação e interesse pela leitura. Individual – Reconto da história e preenchimento das fichas de leitura.
  • 7. • Livros Literários; • Livros Didáticos; • Cartazes; • Fichas de Leitura; • Lápis e borracha; • Colchonetes;
  • 8. Divulgação no site Surgiu 19/04/2013
  • 10. Este projeto leva a refletir sobre a prática pedagógica, utilizando a literatura infantil no cotidiano escolar, levando-nos a constatar que o aluno se encanta ao ouvir o professor contar uma história a partir do objeto livro. E esse encantamento fica mais nítido quando os elementos constituintes da história escolhida guarda relação com a criança. A literatura infantil promove outras habilidades e desenvolvimentos quando modifica o pensamento da criança e trabalha diretamente com sua emoção. É importante que o professor tome consciência da importância da literatura na vida da criança e desenvolva o hábito da literatura na sala de aula, como momento agradável e de reflexão. A leitura não deve ser feita só pelo professor, mas também pelos alunos, pois é essencial que todos manipulem exemplares para que a criança sinta o gosto pela literatura. É nesta situação que sugerimos recorrer à literatura infantil, considerando-a não apenas capaz de ampliar o nível de letramento das crianças e de estimulá-las a aprender a ler e a escrever, mas, sobretudo, de revestir de ludicidade as práticas pedagógicas que envolvem esses dois processos. Consideramos, finalmente, que essa orientação faz ligação com as reflexões promovidas por Maia (2007) acerca da formação de leitores. Para ela “[...] a literatura possibilita à criança uma apropriação lúdica do real, a convivência com um mundo ficcional, a descoberta do prazer proporcionado pelo texto literário e a apreensão do potencial lingüístico que esse texto expressa” (MAIA, 2007, p. 67).
  • 23. “Meus filhos terão computadores, sim, mas antes terão livros. Sem livros, sem leitura, os nossos filhos serão incapazes de escrever - inclusive a sua própria história”. Bill Gates Professoras: Leidiane Lopes Maria Elcilene Gomes