SlideShare uma empresa Scribd logo
Prof. Me
Janderson Soares
ESTRUTURA E
FUNÇÃO DA
MEDULA ESPINHAL
 Conhecer a anatomia macroscópica da medula e sua
relação com a coluna vertebral
 Conhecer a anatomia microscópica da medula,
incluindo os componentes de substância cinzenta
(colunas) e substância branca (funículos),
 e as diferenças entre os níveis cervical, torácico e
lombar
 Entender a função dos principais tractos e fascículos
 Entender as síndromes medulares, decorrentes de
lesões na medula
OBJETIVOS DE DA AULA NA ABRODAGEM
MEDULA ESPINHAL
- Sistema Nervoso Central
 Medula espinhal
 Tronco encefálico
 Cerebelo,
 Encéfalo)
- Sistema Nervoso Periférico
 (nervos e terminações nervosas)
ORGANIZAÇÃO DO SN
- Medula = miolo/o que está dentro
medula espinhal = “miolo” do canal vertebral
- Começamos o estudo do SN pela medula
porque é o órgão mais simples e onde o tubo
neural foi menos modificado durante o
desenvolvimento.
- 45 cm - Cranialmente – Inicialmente Bulbo
- Cone terminal L1-L2 – Inicio Lombar
- Filamento terminal – Lombosacro.
Medula Espinhal
 cilíndrica, ligeiramente achatada no sentido antero-
posterior
 calibre: intumescências cervical e lombar >
quantidade de neurônios
 Substância cinzenta
 Substância branca
ESTRUTURA DA MEDULA ESPINHAL
ESTRUTURA DA MEDULA
ESTRUTURA E INTUMESCÊNCIAS
 Apresenta as mesmas curvaturas que a Coluna Vertebral
 Apresenta 6 sulcos longitudinais:
 Sulco Mediano Anterior
 Sulco Mediano Posterior
 Sulcos Laterais Anteriores (raízes ventrais dos Nervos Espinhais)
 Sulcos Laterais Posteriores (raízes dorsais dos Nervos Espinhais)
 Sulcos Intermédios Posteriores (Medula Cervical)
ESTRUTURA E GENERALIDADES
 Inicio dos NERVOS ESPINHAIS!!!
 Filamentos radiculares  raiz nervosa
 Raiz ventral
 Raiz dorsal
 Segmentação medular – 31 pares de nervos
PRA QUE SERVEM SULCOS...?
SULCOS OFERECEM...ATRAVÉS DA RAIZ
nervo espinhal
(saindo pelo
forame
intervertebral)
O RESULTADO DOS SULCOS...
 Comissura cinzenta apresenta:
Coluna anterior – (Cornos)
Coluna posterior – (Cornos)
Coluna lateral – torácica – (Cornos)
Canal central da medula (Canal Ependimário)
A SUBSTÂNCIA CINZENTA LOCALIZA-SE
POR DENTRO DA SUBSTÂNCIA BRANCA.
 Formada por fibras (maioritariamente mielínicas),
que se organizam em:
Funículo anterior (Cordões)
Funículo lateral – (Cordões)
Funículo posterior – (Cordões)
Fascículo grácil - Fascículo cuneiforme
ESTRUTURA DA MEDULA ESPINHAL - SB
FUNICULOSDA MEDULA ESPINHAL
FASCÍCULOS MEDULARES - MOTOR
IMPORTÂNCIA RELATIVA DA SUBSTÂNCIA BRANCA E
CINZENTA
Segmentos Cervicais
Segmentos
Torácicos
Segmentos Lombares
Segmento
Sagrados
Topografia vertebro medular:
- Até o 4º mês IU, o crescimento
medular acompanha o crescimento
vertebral
(alongamento das raízes nervosas)
- Cauda equina – L1/L2
Macroscopia da Medula
DERMATÓMOS
ENVOLTORIOS MEDULARES
 Envoltórios medulares:
Meninges
- Dura-máter – fibras colágenas (dura e
espessa)  saco dural – fundo de saco
- Aracnóide (folheto justaposto a dura-máter)
- Pia-máter- filamento terminal – filamento da
dura-máter – ligamento coccígeo
Ligamento denticulado
Macroscópia da Medula
Espinhal…
ENVOLVIMENTO MEDULAR - PROTEÇÃO
 Envoltórios medulares
Espaço extradural – tecido adiposo + plexo
venoso vertebral interno
Espaço subdural – virtual (peq qtde de
liquido)
Espaço subaracnódeo - liquor
Macroscopia da Medula
 VIAS ASCENDENTES  VIAS DESCENDENTES
VIAS MEDULARES
VIAS SENSITIVAS E MOTORAS
COMO ACONTECE ISSO MEU DEUS...
VIAS ASCENDENTES OU SENSITIVAS
• Postero lateral
• Espinocerebeloso anterior e posterior Informação proprioceptiva e de recptores
• Espinotalâmico anterior Tacto protopático
• Feixes grácil e cuneiforme Sensibil. proprioceptiva e vibratória; tacto epicritico
• Espinotalâmico lateral Temperatura e dor
• Espino-tectal Reflexos espinovisuais
• Espino-olivar Órgãos cutâneos e proprioceptivos
• Espino-reticular Pele, músculos e articulações
VIAS DESCENDENTES OU MOTORAS
• Reticulo-espinhal Movimentos voluntários e actividade reflexa
• Rubro-espinhal Motilidade e facilita flexores
• Olivo-espinhal Actividade muscular
• Vegetativos descendentes Funções viscerais
• Tecto-espinhal Reflexos relacionados com visão
• Vestibulo-espinhal Equilibrio e facilitia extensores
• Feixes cortico-espinhais Movimentos voluntários (distais)Piramidais
Extra
Piramidais
RESUMÃO
PRÁTICAS – FASCÍCULOS E VIAS

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Nucleos da base
Nucleos da baseNucleos da base
Nucleos da base
Natha Fisioterapia
 
Distúrbios do movimento
Distúrbios do movimentoDistúrbios do movimento
Distúrbios do movimento
Marcus César Petindá Fonseca
 
Reflexos
ReflexosReflexos
Reflexos
pauloalambert
 
Aula 7 Sistema Nervoso
Aula 7 Sistema NervosoAula 7 Sistema Nervoso
Aula 7 Sistema Nervoso
Marco Antonio
 
Aula Medula Espinhal
Aula Medula EspinhalAula Medula Espinhal
Aula Medula Espinhal
Michelle Alves
 
Tronco encefálico - SNC
Tronco encefálico - SNCTronco encefálico - SNC
Tronco encefálico - SNC
Adriana Mércia
 
Sistema Nervoso - fisiopatologia do neurônio motor superior e periférico - A...
Sistema Nervoso -  fisiopatologia do neurônio motor superior e periférico - A...Sistema Nervoso -  fisiopatologia do neurônio motor superior e periférico - A...
Sistema Nervoso - fisiopatologia do neurônio motor superior e periférico - A...
Cleanto Santos Vieira
 
Aula 03 sitema nervoso
Aula 03 sitema nervosoAula 03 sitema nervoso
Aula 03 sitema nervoso
Glorinha E David
 
Anatomia do telencéfalo
Anatomia do telencéfaloAnatomia do telencéfalo
Anatomia do telencéfalo
Caio Maximino
 
FORMAÇÃO DO SISTEMA NERVOSO
FORMAÇÃO DO SISTEMA NERVOSO FORMAÇÃO DO SISTEMA NERVOSO
FORMAÇÃO DO SISTEMA NERVOSO
Laiz Cristina
 
Fisiologia cardiaca 2015
Fisiologia cardiaca 2015Fisiologia cardiaca 2015
Fisiologia cardiaca 2015
resenfe2013
 
Plexo Lombar
Plexo LombarPlexo Lombar
Sistema Nervoso
Sistema NervosoSistema Nervoso
Sistema Nervoso
Solange Ferreira de Paula
 
Telencéfalo
Telencéfalo Telencéfalo
Telencéfalo
M3Direciona
 
Exame neurológico
Exame neurológicoExame neurológico
Exame neurológico
pauloalambert
 
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia HumanaFisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
Herbert Santana
 
Sistema nervoso
Sistema nervoso Sistema nervoso
Sistema nervoso
Profissão Professor
 
Sistema nervoso periférico
Sistema nervoso periféricoSistema nervoso periférico
Sistema nervoso periférico
Ewerton Marinho
 
Medula Espinhal
Medula EspinhalMedula Espinhal
Medula Espinhal
Olavo Valente
 
Sistema nervoso
Sistema nervosoSistema nervoso
Sistema nervoso
Andreza Campos
 

Mais procurados (20)

Nucleos da base
Nucleos da baseNucleos da base
Nucleos da base
 
Distúrbios do movimento
Distúrbios do movimentoDistúrbios do movimento
Distúrbios do movimento
 
Reflexos
ReflexosReflexos
Reflexos
 
Aula 7 Sistema Nervoso
Aula 7 Sistema NervosoAula 7 Sistema Nervoso
Aula 7 Sistema Nervoso
 
Aula Medula Espinhal
Aula Medula EspinhalAula Medula Espinhal
Aula Medula Espinhal
 
Tronco encefálico - SNC
Tronco encefálico - SNCTronco encefálico - SNC
Tronco encefálico - SNC
 
Sistema Nervoso - fisiopatologia do neurônio motor superior e periférico - A...
Sistema Nervoso -  fisiopatologia do neurônio motor superior e periférico - A...Sistema Nervoso -  fisiopatologia do neurônio motor superior e periférico - A...
Sistema Nervoso - fisiopatologia do neurônio motor superior e periférico - A...
 
Aula 03 sitema nervoso
Aula 03 sitema nervosoAula 03 sitema nervoso
Aula 03 sitema nervoso
 
Anatomia do telencéfalo
Anatomia do telencéfaloAnatomia do telencéfalo
Anatomia do telencéfalo
 
FORMAÇÃO DO SISTEMA NERVOSO
FORMAÇÃO DO SISTEMA NERVOSO FORMAÇÃO DO SISTEMA NERVOSO
FORMAÇÃO DO SISTEMA NERVOSO
 
Fisiologia cardiaca 2015
Fisiologia cardiaca 2015Fisiologia cardiaca 2015
Fisiologia cardiaca 2015
 
Plexo Lombar
Plexo LombarPlexo Lombar
Plexo Lombar
 
Sistema Nervoso
Sistema NervosoSistema Nervoso
Sistema Nervoso
 
Telencéfalo
Telencéfalo Telencéfalo
Telencéfalo
 
Exame neurológico
Exame neurológicoExame neurológico
Exame neurológico
 
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia HumanaFisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
Fisiologia Humana 1 - Introdução à Fisiologia Humana
 
Sistema nervoso
Sistema nervoso Sistema nervoso
Sistema nervoso
 
Sistema nervoso periférico
Sistema nervoso periféricoSistema nervoso periférico
Sistema nervoso periférico
 
Medula Espinhal
Medula EspinhalMedula Espinhal
Medula Espinhal
 
Sistema nervoso
Sistema nervosoSistema nervoso
Sistema nervoso
 

Destaque

SEMIOLOGIA CARDIOVASCULAR
SEMIOLOGIA CARDIOVASCULARSEMIOLOGIA CARDIOVASCULAR
SEMIOLOGIA CARDIOVASCULAR
Janderson Physios
 
OTJ - JANDERSON SOARES
OTJ - JANDERSON SOARESOTJ - JANDERSON SOARES
OTJ - JANDERSON SOARES
Janderson Physios
 
IMPORTANCIA CLÍNICA - SINAIS VITAIS IDOSO
IMPORTANCIA CLÍNICA - SINAIS VITAIS IDOSOIMPORTANCIA CLÍNICA - SINAIS VITAIS IDOSO
IMPORTANCIA CLÍNICA - SINAIS VITAIS IDOSO
Janderson Physios
 
Neuroanatomia Inicial
Neuroanatomia Inicial Neuroanatomia Inicial
Neuroanatomia Inicial
Janderson Physios
 
AVALIAÇÃO E MONITORIZAÇÃO - FISIOTERAPEUTICA
AVALIAÇÃO E MONITORIZAÇÃO - FISIOTERAPEUTICAAVALIAÇÃO E MONITORIZAÇÃO - FISIOTERAPEUTICA
AVALIAÇÃO E MONITORIZAÇÃO - FISIOTERAPEUTICA
Janderson Physios
 
ELETROCARDIOGRAMA BASICO - JANDERSON SOARES
ELETROCARDIOGRAMA BASICO - JANDERSON SOARESELETROCARDIOGRAMA BASICO - JANDERSON SOARES
ELETROCARDIOGRAMA BASICO - JANDERSON SOARES
Janderson Physios
 
KAFO - ANDERSON SOARES
KAFO - ANDERSON SOARESKAFO - ANDERSON SOARES
KAFO - ANDERSON SOARES
Janderson Physios
 
Manejo da via aerea - Fisioterapeuta
Manejo da via aerea - FisioterapeutaManejo da via aerea - Fisioterapeuta
Manejo da via aerea - Fisioterapeuta
Janderson Physios
 
Peculiaridades do hemograma - Inicial
Peculiaridades do hemograma  - InicialPeculiaridades do hemograma  - Inicial
Peculiaridades do hemograma - Inicial
Janderson Physios
 
Fisiologia pulmonar aula inicial
Fisiologia pulmonar   aula inicialFisiologia pulmonar   aula inicial
Fisiologia pulmonar aula inicial
Janderson Physios
 
Alterações Envelhecimento
Alterações EnvelhecimentoAlterações Envelhecimento
Alterações Envelhecimento
Janderson Physios
 
Anatomia Cardiovascular
Anatomia CardiovascularAnatomia Cardiovascular
Anatomia Cardiovascular
Janderson Physios
 
Peep no grafico
Peep no graficoPeep no grafico
Peep no grafico
Janderson Physios
 
Tecido nervoso aula 2
Tecido nervoso   aula 2Tecido nervoso   aula 2
Tecido nervoso aula 2
Janderson Physios
 
PEEP
PEEPPEEP
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONARDescomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
Janderson Physios
 
Descomplicando a Fisiologia Pulmonar
Descomplicando a Fisiologia PulmonarDescomplicando a Fisiologia Pulmonar
Descomplicando a Fisiologia Pulmonar
Janderson Physios
 
ORTESES E PROTESES INICIAL
ORTESES E PROTESES INICIALORTESES E PROTESES INICIAL
ORTESES E PROTESES INICIAL
Janderson Physios
 
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONARDescomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
Janderson Physios
 
Medula espinhal
Medula espinhalMedula espinhal

Destaque (20)

SEMIOLOGIA CARDIOVASCULAR
SEMIOLOGIA CARDIOVASCULARSEMIOLOGIA CARDIOVASCULAR
SEMIOLOGIA CARDIOVASCULAR
 
OTJ - JANDERSON SOARES
OTJ - JANDERSON SOARESOTJ - JANDERSON SOARES
OTJ - JANDERSON SOARES
 
IMPORTANCIA CLÍNICA - SINAIS VITAIS IDOSO
IMPORTANCIA CLÍNICA - SINAIS VITAIS IDOSOIMPORTANCIA CLÍNICA - SINAIS VITAIS IDOSO
IMPORTANCIA CLÍNICA - SINAIS VITAIS IDOSO
 
Neuroanatomia Inicial
Neuroanatomia Inicial Neuroanatomia Inicial
Neuroanatomia Inicial
 
AVALIAÇÃO E MONITORIZAÇÃO - FISIOTERAPEUTICA
AVALIAÇÃO E MONITORIZAÇÃO - FISIOTERAPEUTICAAVALIAÇÃO E MONITORIZAÇÃO - FISIOTERAPEUTICA
AVALIAÇÃO E MONITORIZAÇÃO - FISIOTERAPEUTICA
 
ELETROCARDIOGRAMA BASICO - JANDERSON SOARES
ELETROCARDIOGRAMA BASICO - JANDERSON SOARESELETROCARDIOGRAMA BASICO - JANDERSON SOARES
ELETROCARDIOGRAMA BASICO - JANDERSON SOARES
 
KAFO - ANDERSON SOARES
KAFO - ANDERSON SOARESKAFO - ANDERSON SOARES
KAFO - ANDERSON SOARES
 
Manejo da via aerea - Fisioterapeuta
Manejo da via aerea - FisioterapeutaManejo da via aerea - Fisioterapeuta
Manejo da via aerea - Fisioterapeuta
 
Peculiaridades do hemograma - Inicial
Peculiaridades do hemograma  - InicialPeculiaridades do hemograma  - Inicial
Peculiaridades do hemograma - Inicial
 
Fisiologia pulmonar aula inicial
Fisiologia pulmonar   aula inicialFisiologia pulmonar   aula inicial
Fisiologia pulmonar aula inicial
 
Alterações Envelhecimento
Alterações EnvelhecimentoAlterações Envelhecimento
Alterações Envelhecimento
 
Anatomia Cardiovascular
Anatomia CardiovascularAnatomia Cardiovascular
Anatomia Cardiovascular
 
Peep no grafico
Peep no graficoPeep no grafico
Peep no grafico
 
Tecido nervoso aula 2
Tecido nervoso   aula 2Tecido nervoso   aula 2
Tecido nervoso aula 2
 
PEEP
PEEPPEEP
PEEP
 
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONARDescomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
 
Descomplicando a Fisiologia Pulmonar
Descomplicando a Fisiologia PulmonarDescomplicando a Fisiologia Pulmonar
Descomplicando a Fisiologia Pulmonar
 
ORTESES E PROTESES INICIAL
ORTESES E PROTESES INICIALORTESES E PROTESES INICIAL
ORTESES E PROTESES INICIAL
 
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONARDescomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
Descomplicando a FISIOLOGIA PULMONAR
 
Medula espinhal
Medula espinhalMedula espinhal
Medula espinhal
 

Semelhante a MEDULA ESPINHAL JANDERSON SOARES

Medresumos 2016 neuroanatomia 02 - macroscopia da medula espinhal
Medresumos 2016   neuroanatomia 02 - macroscopia da medula espinhalMedresumos 2016   neuroanatomia 02 - macroscopia da medula espinhal
Medresumos 2016 neuroanatomia 02 - macroscopia da medula espinhal
Jucie Vasconcelos
 
Neuroanatomia medula espinhal
Neuroanatomia   medula espinhalNeuroanatomia   medula espinhal
Neuroanatomia medula espinhal
neuroliga-nortemineira
 
aulasnc-131229090727-phpapp01.pdf
aulasnc-131229090727-phpapp01.pdfaulasnc-131229090727-phpapp01.pdf
aulasnc-131229090727-phpapp01.pdf
AyrttonAnacleto2
 
Anatomia%20do%20sistema%20nervoso%20central_parte%201.pdf
Anatomia%20do%20sistema%20nervoso%20central_parte%201.pdfAnatomia%20do%20sistema%20nervoso%20central_parte%201.pdf
Anatomia%20do%20sistema%20nervoso%20central_parte%201.pdf
FlorminoSalato
 
Medresumos 2016 neuroanatomia 06 - microscopia da ponte
Medresumos 2016   neuroanatomia 06 - microscopia da ponteMedresumos 2016   neuroanatomia 06 - microscopia da ponte
Medresumos 2016 neuroanatomia 06 - microscopia da ponte
Jucie Vasconcelos
 
Medula espinhal profunda
Medula espinhal profundaMedula espinhal profunda
Medula espinhal profunda
Carlos Frederico Almeida Rodrigues
 
Sistema nervoso-2014-
Sistema nervoso-2014-Sistema nervoso-2014-
Sistema nervoso-2014-
Ana Loren
 
Macroscopia do snc
Macroscopia do sncMacroscopia do snc
Macroscopia do snc
Macroscopia do sncMacroscopia do snc
Sistema nervoso2
Sistema nervoso2Sistema nervoso2
Sistema nervoso2
mariabraz
 
3 medula espinhal
3 medula espinhal3 medula espinhal
3 medula espinhal
José Ribamar Costa Júnior
 
Medula espinal.pdf
Medula espinal.pdfMedula espinal.pdf
Medula espinal.pdf
VagnerRodrigues68
 
04 EMBRIOLOGIA SN.ppt
04 EMBRIOLOGIA SN.ppt04 EMBRIOLOGIA SN.ppt
04 EMBRIOLOGIA SN.ppt
Joao Luiz Macedo
 
SIST. NERV. PERIF..pptx
SIST. NERV. PERIF..pptxSIST. NERV. PERIF..pptx
SIST. NERV. PERIF..pptx
MayaraKaroliny1
 
#Sistema Nervoso Central - Dr. Eduardo.pdf
#Sistema Nervoso Central - Dr. Eduardo.pdf#Sistema Nervoso Central - Dr. Eduardo.pdf
#Sistema Nervoso Central - Dr. Eduardo.pdf
Ussene5
 
Aula Microscopia Da Ponte E MesencéFalo
Aula Microscopia Da Ponte E MesencéFaloAula Microscopia Da Ponte E MesencéFalo
Aula Microscopia Da Ponte E MesencéFalo
kazumialexandre
 
01 SN Constituição do sistema Nervoso Tc 0809
01 SN Constituição do sistema Nervoso Tc 080901 SN Constituição do sistema Nervoso Tc 0809
01 SN Constituição do sistema Nervoso Tc 0809
Teresa Monteiro
 
Anatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção iiAnatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção ii
Francismara Carreira
 
Resumo Medula Espinhal
Resumo Medula EspinhalResumo Medula Espinhal
Resumo Medula Espinhal
guest96d46e1
 
Neuroanatomia
NeuroanatomiaNeuroanatomia

Semelhante a MEDULA ESPINHAL JANDERSON SOARES (20)

Medresumos 2016 neuroanatomia 02 - macroscopia da medula espinhal
Medresumos 2016   neuroanatomia 02 - macroscopia da medula espinhalMedresumos 2016   neuroanatomia 02 - macroscopia da medula espinhal
Medresumos 2016 neuroanatomia 02 - macroscopia da medula espinhal
 
Neuroanatomia medula espinhal
Neuroanatomia   medula espinhalNeuroanatomia   medula espinhal
Neuroanatomia medula espinhal
 
aulasnc-131229090727-phpapp01.pdf
aulasnc-131229090727-phpapp01.pdfaulasnc-131229090727-phpapp01.pdf
aulasnc-131229090727-phpapp01.pdf
 
Anatomia%20do%20sistema%20nervoso%20central_parte%201.pdf
Anatomia%20do%20sistema%20nervoso%20central_parte%201.pdfAnatomia%20do%20sistema%20nervoso%20central_parte%201.pdf
Anatomia%20do%20sistema%20nervoso%20central_parte%201.pdf
 
Medresumos 2016 neuroanatomia 06 - microscopia da ponte
Medresumos 2016   neuroanatomia 06 - microscopia da ponteMedresumos 2016   neuroanatomia 06 - microscopia da ponte
Medresumos 2016 neuroanatomia 06 - microscopia da ponte
 
Medula espinhal profunda
Medula espinhal profundaMedula espinhal profunda
Medula espinhal profunda
 
Sistema nervoso-2014-
Sistema nervoso-2014-Sistema nervoso-2014-
Sistema nervoso-2014-
 
Macroscopia do snc
Macroscopia do sncMacroscopia do snc
Macroscopia do snc
 
Macroscopia do snc
Macroscopia do sncMacroscopia do snc
Macroscopia do snc
 
Sistema nervoso2
Sistema nervoso2Sistema nervoso2
Sistema nervoso2
 
3 medula espinhal
3 medula espinhal3 medula espinhal
3 medula espinhal
 
Medula espinal.pdf
Medula espinal.pdfMedula espinal.pdf
Medula espinal.pdf
 
04 EMBRIOLOGIA SN.ppt
04 EMBRIOLOGIA SN.ppt04 EMBRIOLOGIA SN.ppt
04 EMBRIOLOGIA SN.ppt
 
SIST. NERV. PERIF..pptx
SIST. NERV. PERIF..pptxSIST. NERV. PERIF..pptx
SIST. NERV. PERIF..pptx
 
#Sistema Nervoso Central - Dr. Eduardo.pdf
#Sistema Nervoso Central - Dr. Eduardo.pdf#Sistema Nervoso Central - Dr. Eduardo.pdf
#Sistema Nervoso Central - Dr. Eduardo.pdf
 
Aula Microscopia Da Ponte E MesencéFalo
Aula Microscopia Da Ponte E MesencéFaloAula Microscopia Da Ponte E MesencéFalo
Aula Microscopia Da Ponte E MesencéFalo
 
01 SN Constituição do sistema Nervoso Tc 0809
01 SN Constituição do sistema Nervoso Tc 080901 SN Constituição do sistema Nervoso Tc 0809
01 SN Constituição do sistema Nervoso Tc 0809
 
Anatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção iiAnatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção ii
 
Resumo Medula Espinhal
Resumo Medula EspinhalResumo Medula Espinhal
Resumo Medula Espinhal
 
Neuroanatomia
NeuroanatomiaNeuroanatomia
Neuroanatomia
 

Último

Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdfVacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
rickriordan
 
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptxSíndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
marjoguedes1
 
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
sula31
 
Tipos de pontos e suturas técnicas de sutura
Tipos de pontos e suturas técnicas de suturaTipos de pontos e suturas técnicas de sutura
Tipos de pontos e suturas técnicas de sutura
DelcioVumbuca
 
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
Luiz Henrique Pimentel Novais Silva
 
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
AmaroAlmeidaChimbala
 
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do TrabalhoApostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
CatieleAlmeida1
 

Último (8)

Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdfVacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
Vacina, conceito, tipos, produção, aplicaçãopdf
 
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptxSíndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
Síndrome do Desconforto Respiratório do Recém-Nascido (SDR).pptx
 
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
Livro do Instituto da Saúde: amplia visões e direitos no ciclo gravídico-puer...
 
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
Programa de Saúde do Adolescente( PROSAD)
 
Tipos de pontos e suturas técnicas de sutura
Tipos de pontos e suturas técnicas de suturaTipos de pontos e suturas técnicas de sutura
Tipos de pontos e suturas técnicas de sutura
 
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
A DISSOLUÇÃO DO COMPLEXO DE ÉDIPO (1924)
 
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
5. SISTEMA ENDOCRINO-- (2).pptx florentino
 
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do TrabalhoApostila Gerência de Riscos PDF   voltado para Segurança do Trabalho
Apostila Gerência de Riscos PDF voltado para Segurança do Trabalho
 

MEDULA ESPINHAL JANDERSON SOARES

  • 1. Prof. Me Janderson Soares ESTRUTURA E FUNÇÃO DA MEDULA ESPINHAL
  • 2.  Conhecer a anatomia macroscópica da medula e sua relação com a coluna vertebral  Conhecer a anatomia microscópica da medula, incluindo os componentes de substância cinzenta (colunas) e substância branca (funículos),  e as diferenças entre os níveis cervical, torácico e lombar  Entender a função dos principais tractos e fascículos  Entender as síndromes medulares, decorrentes de lesões na medula OBJETIVOS DE DA AULA NA ABRODAGEM MEDULA ESPINHAL
  • 3. - Sistema Nervoso Central  Medula espinhal  Tronco encefálico  Cerebelo,  Encéfalo) - Sistema Nervoso Periférico  (nervos e terminações nervosas) ORGANIZAÇÃO DO SN
  • 4. - Medula = miolo/o que está dentro medula espinhal = “miolo” do canal vertebral - Começamos o estudo do SN pela medula porque é o órgão mais simples e onde o tubo neural foi menos modificado durante o desenvolvimento. - 45 cm - Cranialmente – Inicialmente Bulbo - Cone terminal L1-L2 – Inicio Lombar - Filamento terminal – Lombosacro. Medula Espinhal
  • 5.  cilíndrica, ligeiramente achatada no sentido antero- posterior  calibre: intumescências cervical e lombar > quantidade de neurônios  Substância cinzenta  Substância branca ESTRUTURA DA MEDULA ESPINHAL
  • 8.  Apresenta as mesmas curvaturas que a Coluna Vertebral  Apresenta 6 sulcos longitudinais:  Sulco Mediano Anterior  Sulco Mediano Posterior  Sulcos Laterais Anteriores (raízes ventrais dos Nervos Espinhais)  Sulcos Laterais Posteriores (raízes dorsais dos Nervos Espinhais)  Sulcos Intermédios Posteriores (Medula Cervical) ESTRUTURA E GENERALIDADES
  • 9.  Inicio dos NERVOS ESPINHAIS!!!  Filamentos radiculares  raiz nervosa  Raiz ventral  Raiz dorsal  Segmentação medular – 31 pares de nervos PRA QUE SERVEM SULCOS...?
  • 12. O RESULTADO DOS SULCOS...
  • 13.  Comissura cinzenta apresenta: Coluna anterior – (Cornos) Coluna posterior – (Cornos) Coluna lateral – torácica – (Cornos) Canal central da medula (Canal Ependimário) A SUBSTÂNCIA CINZENTA LOCALIZA-SE POR DENTRO DA SUBSTÂNCIA BRANCA.
  • 14.  Formada por fibras (maioritariamente mielínicas), que se organizam em: Funículo anterior (Cordões) Funículo lateral – (Cordões) Funículo posterior – (Cordões) Fascículo grácil - Fascículo cuneiforme ESTRUTURA DA MEDULA ESPINHAL - SB
  • 17. IMPORTÂNCIA RELATIVA DA SUBSTÂNCIA BRANCA E CINZENTA Segmentos Cervicais Segmentos Torácicos Segmentos Lombares Segmento Sagrados
  • 18. Topografia vertebro medular: - Até o 4º mês IU, o crescimento medular acompanha o crescimento vertebral (alongamento das raízes nervosas) - Cauda equina – L1/L2 Macroscopia da Medula
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22.
  • 23.
  • 26.
  • 27.
  • 28.  Envoltórios medulares: Meninges - Dura-máter – fibras colágenas (dura e espessa)  saco dural – fundo de saco - Aracnóide (folheto justaposto a dura-máter) - Pia-máter- filamento terminal – filamento da dura-máter – ligamento coccígeo Ligamento denticulado Macroscópia da Medula Espinhal…
  • 30.  Envoltórios medulares Espaço extradural – tecido adiposo + plexo venoso vertebral interno Espaço subdural – virtual (peq qtde de liquido) Espaço subaracnódeo - liquor Macroscopia da Medula
  • 31.
  • 32.
  • 33.  VIAS ASCENDENTES  VIAS DESCENDENTES VIAS MEDULARES
  • 34. VIAS SENSITIVAS E MOTORAS
  • 35. COMO ACONTECE ISSO MEU DEUS...
  • 36. VIAS ASCENDENTES OU SENSITIVAS • Postero lateral • Espinocerebeloso anterior e posterior Informação proprioceptiva e de recptores • Espinotalâmico anterior Tacto protopático • Feixes grácil e cuneiforme Sensibil. proprioceptiva e vibratória; tacto epicritico • Espinotalâmico lateral Temperatura e dor • Espino-tectal Reflexos espinovisuais • Espino-olivar Órgãos cutâneos e proprioceptivos • Espino-reticular Pele, músculos e articulações
  • 37. VIAS DESCENDENTES OU MOTORAS • Reticulo-espinhal Movimentos voluntários e actividade reflexa • Rubro-espinhal Motilidade e facilita flexores • Olivo-espinhal Actividade muscular • Vegetativos descendentes Funções viscerais • Tecto-espinhal Reflexos relacionados com visão • Vestibulo-espinhal Equilibrio e facilitia extensores • Feixes cortico-espinhais Movimentos voluntários (distais)Piramidais Extra Piramidais
  • 38.
  • 39.
  • 40.
  • 41.
  • 42.
  • 43.
  • 44.
  • 45.
  • 46.
  • 47.
  • 48.
  • 49.
  • 50.
  • 51.
  • 52.
  • 54.