SlideShare uma empresa Scribd logo
ELETROSTÁTICA
Fundamentos da eletrostática
Modelo de Dalton
                             1.   “Toda matéria é composta por
                                  minúsculas partículas
                                  chamadas átomos”.
                             2.   “Os átomos de um
                                  determinado elemento são
                                  idênticos em massa e
                                  apresentam as mesmas
John Dalton (06/09/1766 =>        propriedades químicas”.
27/07/1844)
                             3.   “Átomos de diferentes
                                  elementos apresentam massa
                                  e propriedades diferentes”.
Modelo de Dalton
                             4.   “Átomos são permanentes e
                                  indivisíveis, não podendo ser
                                  criados e nem destruídos”.
                             5.   “As reações químicas
                                  correspondem a uma
                                  reorganização de átomos”.
                             6.   “Os compostos são formados
John Dalton (06/09/1766 =>        pela combinação de átomos
27/07/1844)
                                  de elementos diferentes em
                                  proporções fixas”.
Modelo de Thomson
                                É conhecido como ‘‘pudim de
                                 passas’’.
                                Enuncia que o átomo é uma
                                 esfera de carga positiva, não
                                 maciça e que nela se encontram
                                 cargas negativas distribuídas
                                 uniformemente, de modo que
                                 sua carga elétrica total seja nula.
Joseph John Thomson
(18/12/1856 => 30/08/1940)
Modelo de Rutherford
                                Núcleo central, dotado de
                                 cargas elétricas
                                 positiva(prótons), envolvido
                                 por uma nuvem de cargas
                                 elétricas negativas (elétrons).



Rutherford Birchard Hayes
(04/10/1822 => 17/01/1893)
O termo ‘‘átomo’’ é uma expressão errada?


   A palavra átomo deriva do Grego a to m o s que
    significa indivisível.
   O átomo se divide em duas partes:


Núcleo

                                      Eletrosfer
                                      a
Constituição do átomo
   O núcleo do átomo é constituído de prótons e
    nêutrons.
       Prótons: Partículas que apresentam carga
        elétrica positiva.
       Nêutrons: Partículas que não apresentam cargas
        elétricas.

   A eletrosfera é constituída de elétrons.
       Elétrons: Partículas   que   apresentam   carga
        elétrica negativa.
Eletrostática
   A palavra eletrostática deriva do grego:
elektro         elétro + statiko       estacionári
n               n          s           o
   É a parte da física que
    estuda as propriedades e
    a ação mútuas das cargas
    elétricas em repouso em
    relação a um sistema
    inercial de referência.
Carga elétrica
   A carga elétrica é considerada como sendo
    uma propriedade que se manifesta em
    algumas      das     chamadas               partículas
    elementares; por exemplo, nos prótons e
    elétrons.
   Um próton e um elétron têm valores absolutos
    iguais embora tenham sinais opostos.
   O valor da carga de um próton ou de um
    elétrons é chamado c a rg a e lé tric a e le m e nta r e
    simbolizado por e.
                     e = 1,6 . 10 -19 C.
                     e = 1,6 . 10 -19 C.
Carga elétrica
   Para calcular a carga elétrica de um corpo
    usaremos a seguinte fórmula:
                        Q = carga elétrica
      Q = n .. e
      Q= n e            n = número de partículas
                         elementares
                        e = carga elementar

   No SI a unidade de carga elétrica é o coulomb
    (C).
Princípios da eletrostática
   Princípio das ações elétricas : cargas elétricas
    de sinais iguais se repelem e de sinais
    contrários se atraem.

                  +                 +

                  –                 –

                  +                 –
Princípios da eletrostática
   Princípio da conservação das cargas elétricas:
    num sistema eletricamente isolado, a soma
    algébrica das cargas positivas e negativas é
    constante.

              Q1+ Q2 = Q1’’ + Q2’’
              Q1+ Q2 = Q1 + Q2
         Q1 = carga elétrica 1 antes do
          contato
         Q2 = carga elétrica 2 antes do
          contato
         Q1’ = carga elétrica 1 após do
Acesse o blog e divirta!!!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Slides eletrostatica
Slides eletrostaticaSlides eletrostatica
Slides eletrostatica
Warlle1992
 
Lei de coulomb
Lei de coulombLei de coulomb
Lei de coulomb
Betine Rost
 
07 potencia elétrica
07  potencia elétrica07  potencia elétrica
07 potencia elétrica
Bruno De Siqueira Costa
 
Processos de eletrização
Processos de eletrizaçãoProcessos de eletrização
Processos de eletrização
O mundo da FÍSICA
 
Cicuito elétrico
Cicuito elétricoCicuito elétrico
Cicuito elétrico
O mundo da FÍSICA
 
9 eletrostática
9 eletrostática9 eletrostática
9 eletrostática
Paulo Franca
 
Eletrostática aula
Eletrostática   aulaEletrostática   aula
Eletrostática aula
Roberto Bagatini
 
Eletricidade
EletricidadeEletricidade
Eletricidade
Wellington Sampaio
 
Aula 11 associação de resistores
Aula 11   associação de resistoresAula 11   associação de resistores
Aula 11 associação de resistores
Montenegro Física
 
Potencial elétrico
Potencial elétricoPotencial elétrico
Potencial elétrico
O mundo da FÍSICA
 
Energia Cinética e Potencial
Energia Cinética e PotencialEnergia Cinética e Potencial
Energia Cinética e Potencial
Denise Marinho
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
Paulo Filho
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
Tiago Gomes da Silva
 
Força elétrica
Força elétricaForça elétrica
Força elétrica
Marco Antonio Sanches
 
A energia e sua conservação
A energia e sua conservaçãoA energia e sua conservação
A energia e sua conservação
Arthur Borges
 
Força magnética
Força magnéticaForça magnética
Força magnética
Marco Antonio Sanches
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
Marcos Júnior
 
Eletricidade 9º ano
Eletricidade 9º anoEletricidade 9º ano
Eletricidade 9º ano
Rildo Borges
 
Escalas termométricas
Escalas termométricasEscalas termométricas
Escalas termométricas
O mundo da FÍSICA
 
Gravitação Universal
Gravitação UniversalGravitação Universal
Gravitação Universal
Pibid Física
 

Mais procurados (20)

Slides eletrostatica
Slides eletrostaticaSlides eletrostatica
Slides eletrostatica
 
Lei de coulomb
Lei de coulombLei de coulomb
Lei de coulomb
 
07 potencia elétrica
07  potencia elétrica07  potencia elétrica
07 potencia elétrica
 
Processos de eletrização
Processos de eletrizaçãoProcessos de eletrização
Processos de eletrização
 
Cicuito elétrico
Cicuito elétricoCicuito elétrico
Cicuito elétrico
 
9 eletrostática
9 eletrostática9 eletrostática
9 eletrostática
 
Eletrostática aula
Eletrostática   aulaEletrostática   aula
Eletrostática aula
 
Eletricidade
EletricidadeEletricidade
Eletricidade
 
Aula 11 associação de resistores
Aula 11   associação de resistoresAula 11   associação de resistores
Aula 11 associação de resistores
 
Potencial elétrico
Potencial elétricoPotencial elétrico
Potencial elétrico
 
Energia Cinética e Potencial
Energia Cinética e PotencialEnergia Cinética e Potencial
Energia Cinética e Potencial
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
 
Força elétrica
Força elétricaForça elétrica
Força elétrica
 
A energia e sua conservação
A energia e sua conservaçãoA energia e sua conservação
A energia e sua conservação
 
Força magnética
Força magnéticaForça magnética
Força magnética
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
 
Eletricidade 9º ano
Eletricidade 9º anoEletricidade 9º ano
Eletricidade 9º ano
 
Escalas termométricas
Escalas termométricasEscalas termométricas
Escalas termométricas
 
Gravitação Universal
Gravitação UniversalGravitação Universal
Gravitação Universal
 

Destaque

Cargas elétricas
Cargas elétricasCargas elétricas
Cargas elétricas
Kátia Cilene Suptitz
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
Ricardo Bonaldo
 
Processos de Eletrização
Processos de EletrizaçãoProcessos de Eletrização
Processos de Eletrização
Cristiane Tavolaro
 
Processos de eletrizacao
Processos de eletrizacaoProcessos de eletrizacao
Processos de eletrizacao
Escolas
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
joaberb
 
Eletrização de corpos (cap 1)
Eletrização de corpos (cap 1)Eletrização de corpos (cap 1)
Eletrização de corpos (cap 1)
Romualdo Caetano Barros
 
Fisica: Processos de Eletrização: Eletrização por atrito.
Fisica: Processos de Eletrização: Eletrização por atrito.Fisica: Processos de Eletrização: Eletrização por atrito.
Fisica: Processos de Eletrização: Eletrização por atrito.
Petterson Castro
 
Cargas e processos de eletrização
Cargas e processos de eletrizaçãoCargas e processos de eletrização
Cargas e processos de eletrização
viriginia
 
3 ano mod 24 e 25 - eletrização por atrito, contato e indução
3 ano   mod 24 e 25 - eletrização por atrito, contato e indução3 ano   mod 24 e 25 - eletrização por atrito, contato e indução
3 ano mod 24 e 25 - eletrização por atrito, contato e indução
eduardorsilva
 
Processo de Eletrização [Aula 01]
Processo de Eletrização [Aula 01]Processo de Eletrização [Aula 01]
Processo de Eletrização [Aula 01]
Escola Modelo de Iguatu
 
Aula eletrostática prof waldir montenegro
Aula  eletrostática prof waldir montenegroAula  eletrostática prof waldir montenegro
Aula eletrostática prof waldir montenegro
Waldir Montenegro
 
01 eletrização
01  eletrização01  eletrização
01 eletrização
Bruno De Siqueira Costa
 
3º EM-FÍSICA
3º EM-FÍSICA3º EM-FÍSICA
3º EM-FÍSICA
Ana Paula C. Sousa
 
Aula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
Aula Força Elétrica, cap 4 2º AnoAula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
Aula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
Daniel Japiassú
 
Eletrização 2
Eletrização 2Eletrização 2
Eletrização 2
fisicaatual
 
Força elétrica parte 1
Força elétrica parte 1Força elétrica parte 1
Força elétrica parte 1
Paulo Victor
 
Eletrostática - Carga Elétrica
Eletrostática - Carga ElétricaEletrostática - Carga Elétrica
Eletrostática - Carga Elétrica
Adna Myrella
 
3ºano
3ºano3ºano
Eletrização - Explicações mais detalhadas
Eletrização - Explicações mais detalhadasEletrização - Explicações mais detalhadas
Eletrização - Explicações mais detalhadas
André Aleixo
 
Eletrização por Atrito
Eletrização por AtritoEletrização por Atrito
Eletrização por Atrito
André Aleixo
 

Destaque (20)

Cargas elétricas
Cargas elétricasCargas elétricas
Cargas elétricas
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
 
Processos de Eletrização
Processos de EletrizaçãoProcessos de Eletrização
Processos de Eletrização
 
Processos de eletrizacao
Processos de eletrizacaoProcessos de eletrizacao
Processos de eletrizacao
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
 
Eletrização de corpos (cap 1)
Eletrização de corpos (cap 1)Eletrização de corpos (cap 1)
Eletrização de corpos (cap 1)
 
Fisica: Processos de Eletrização: Eletrização por atrito.
Fisica: Processos de Eletrização: Eletrização por atrito.Fisica: Processos de Eletrização: Eletrização por atrito.
Fisica: Processos de Eletrização: Eletrização por atrito.
 
Cargas e processos de eletrização
Cargas e processos de eletrizaçãoCargas e processos de eletrização
Cargas e processos de eletrização
 
3 ano mod 24 e 25 - eletrização por atrito, contato e indução
3 ano   mod 24 e 25 - eletrização por atrito, contato e indução3 ano   mod 24 e 25 - eletrização por atrito, contato e indução
3 ano mod 24 e 25 - eletrização por atrito, contato e indução
 
Processo de Eletrização [Aula 01]
Processo de Eletrização [Aula 01]Processo de Eletrização [Aula 01]
Processo de Eletrização [Aula 01]
 
Aula eletrostática prof waldir montenegro
Aula  eletrostática prof waldir montenegroAula  eletrostática prof waldir montenegro
Aula eletrostática prof waldir montenegro
 
01 eletrização
01  eletrização01  eletrização
01 eletrização
 
3º EM-FÍSICA
3º EM-FÍSICA3º EM-FÍSICA
3º EM-FÍSICA
 
Aula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
Aula Força Elétrica, cap 4 2º AnoAula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
Aula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
 
Eletrização 2
Eletrização 2Eletrização 2
Eletrização 2
 
Força elétrica parte 1
Força elétrica parte 1Força elétrica parte 1
Força elétrica parte 1
 
Eletrostática - Carga Elétrica
Eletrostática - Carga ElétricaEletrostática - Carga Elétrica
Eletrostática - Carga Elétrica
 
3ºano
3ºano3ºano
3ºano
 
Eletrização - Explicações mais detalhadas
Eletrização - Explicações mais detalhadasEletrização - Explicações mais detalhadas
Eletrização - Explicações mais detalhadas
 
Eletrização por Atrito
Eletrização por AtritoEletrização por Atrito
Eletrização por Atrito
 

Semelhante a Introdução à eletrostática

Fisica 003 eletrização e lei de coulomb
Fisica   003 eletrização e lei de coulombFisica   003 eletrização e lei de coulomb
Fisica 003 eletrização e lei de coulomb
con_seguir
 
Apostila eletricidade vol 1
Apostila eletricidade vol 1Apostila eletricidade vol 1
Apostila eletricidade vol 1
erickfurtado
 
Fundamentos eletroeletronica
Fundamentos eletroeletronicaFundamentos eletroeletronica
Fundamentos eletroeletronica
luizmavinier
 
Apostila eletricidade vol 1
Apostila eletricidade vol 1Apostila eletricidade vol 1
Apostila eletricidade vol 1
secretaria da educação de PE
 
Eletricidade ii unid.
Eletricidade ii unid.Eletricidade ii unid.
Eletricidade ii unid.
Rebeca Conceição da Silva Reis
 
Apostila eletrostática
Apostila eletrostáticaApostila eletrostática
Apostila eletrostática
Marco Antonio Sanches
 
Eletrostatica
EletrostaticaEletrostatica
Eletrostatica
Carol Higa
 
Aula 01 e 02 eletroestática
Aula 01 e 02 eletroestáticaAula 01 e 02 eletroestática
Aula 01 e 02 eletroestática
Geraldo Júnior
 
Aula 2 – modelos atômicos
Aula 2 – modelos atômicosAula 2 – modelos atômicos
Aula 2 – modelos atômicos
alicyatalves
 
Aula 1 física terceiro ano
Aula 1 física terceiro anoAula 1 física terceiro ano
Aula 1 física terceiro ano
Flávia Freitas Morais
 
Eletronica
EletronicaEletronica
Eletronica
Gilberto Andrade
 
Aula de eletrostática - eletrodinamica - eletricidade - magnetismo e eletroma...
Aula de eletrostática - eletrodinamica - eletricidade - magnetismo e eletroma...Aula de eletrostática - eletrodinamica - eletricidade - magnetismo e eletroma...
Aula de eletrostática - eletrodinamica - eletricidade - magnetismo e eletroma...
leandro50276492
 
Modelos atômicos jaque
Modelos atômicos jaqueModelos atômicos jaque
Modelos atômicos jaque
quimica_prefederal
 
Aula 3 - Carga Elétrica e Eletrização.pptx
Aula 3 - Carga Elétrica e Eletrização.pptxAula 3 - Carga Elétrica e Eletrização.pptx
Aula 3 - Carga Elétrica e Eletrização.pptx
RafaelRocha658505
 
aula1-eletrosttica-150210200346-conversion-gate02.pdf
aula1-eletrosttica-150210200346-conversion-gate02.pdfaula1-eletrosttica-150210200346-conversion-gate02.pdf
aula1-eletrosttica-150210200346-conversion-gate02.pdf
Emerson Assis
 
Modelos atômicos
Modelos atômicosModelos atômicos
Modelos atômicos
Marilena Meira
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
iris_bezerra
 
Atomistica
Atomistica Atomistica
Atomistica
Diogo Britodias
 
Modelos atômicos
Modelos atômicosModelos atômicos
Modelos atômicos
Leonardo Carneiro
 
Modelos atômicos
Modelos atômicosModelos atômicos
Modelos atômicos
Leonardo Carneiro
 

Semelhante a Introdução à eletrostática (20)

Fisica 003 eletrização e lei de coulomb
Fisica   003 eletrização e lei de coulombFisica   003 eletrização e lei de coulomb
Fisica 003 eletrização e lei de coulomb
 
Apostila eletricidade vol 1
Apostila eletricidade vol 1Apostila eletricidade vol 1
Apostila eletricidade vol 1
 
Fundamentos eletroeletronica
Fundamentos eletroeletronicaFundamentos eletroeletronica
Fundamentos eletroeletronica
 
Apostila eletricidade vol 1
Apostila eletricidade vol 1Apostila eletricidade vol 1
Apostila eletricidade vol 1
 
Eletricidade ii unid.
Eletricidade ii unid.Eletricidade ii unid.
Eletricidade ii unid.
 
Apostila eletrostática
Apostila eletrostáticaApostila eletrostática
Apostila eletrostática
 
Eletrostatica
EletrostaticaEletrostatica
Eletrostatica
 
Aula 01 e 02 eletroestática
Aula 01 e 02 eletroestáticaAula 01 e 02 eletroestática
Aula 01 e 02 eletroestática
 
Aula 2 – modelos atômicos
Aula 2 – modelos atômicosAula 2 – modelos atômicos
Aula 2 – modelos atômicos
 
Aula 1 física terceiro ano
Aula 1 física terceiro anoAula 1 física terceiro ano
Aula 1 física terceiro ano
 
Eletronica
EletronicaEletronica
Eletronica
 
Aula de eletrostática - eletrodinamica - eletricidade - magnetismo e eletroma...
Aula de eletrostática - eletrodinamica - eletricidade - magnetismo e eletroma...Aula de eletrostática - eletrodinamica - eletricidade - magnetismo e eletroma...
Aula de eletrostática - eletrodinamica - eletricidade - magnetismo e eletroma...
 
Modelos atômicos jaque
Modelos atômicos jaqueModelos atômicos jaque
Modelos atômicos jaque
 
Aula 3 - Carga Elétrica e Eletrização.pptx
Aula 3 - Carga Elétrica e Eletrização.pptxAula 3 - Carga Elétrica e Eletrização.pptx
Aula 3 - Carga Elétrica e Eletrização.pptx
 
aula1-eletrosttica-150210200346-conversion-gate02.pdf
aula1-eletrosttica-150210200346-conversion-gate02.pdfaula1-eletrosttica-150210200346-conversion-gate02.pdf
aula1-eletrosttica-150210200346-conversion-gate02.pdf
 
Modelos atômicos
Modelos atômicosModelos atômicos
Modelos atômicos
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
 
Atomistica
Atomistica Atomistica
Atomistica
 
Modelos atômicos
Modelos atômicosModelos atômicos
Modelos atômicos
 
Modelos atômicos
Modelos atômicosModelos atômicos
Modelos atômicos
 

Mais de O mundo da FÍSICA

3° etapa_3° avaliação_Tipo II_3° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo II_3° ano3° etapa_3° avaliação_Tipo II_3° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo II_3° ano
O mundo da FÍSICA
 
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_3° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_3° ano3° etapa_3° avaliação_Tipo I_3° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_3° ano
O mundo da FÍSICA
 
3° etapa_3° avaliaçã_Tipo II_2° ano
3° etapa_3° avaliaçã_Tipo II_2° ano3° etapa_3° avaliaçã_Tipo II_2° ano
3° etapa_3° avaliaçã_Tipo II_2° ano
O mundo da FÍSICA
 
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_2° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_2° ano3° etapa_3° avaliação_Tipo I_2° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_2° ano
O mundo da FÍSICA
 
Potência e energia
Potência e energiaPotência e energia
Potência e energia
O mundo da FÍSICA
 
Espelho planos
Espelho planosEspelho planos
Espelho planos
O mundo da FÍSICA
 
Reflexão da luz
Reflexão da luzReflexão da luz
Reflexão da luz
O mundo da FÍSICA
 
Óptica introdução
Óptica introduçãoÓptica introdução
Óptica introdução
O mundo da FÍSICA
 
3° Etapa_2° Avaliação Simulado_3° Ano
3° Etapa_2° Avaliação Simulado_3° Ano3° Etapa_2° Avaliação Simulado_3° Ano
3° Etapa_2° Avaliação Simulado_3° Ano
O mundo da FÍSICA
 
3° Etapa_2° Avaliação_Simulado_2° Ano
3° Etapa_2° Avaliação_Simulado_2° Ano3° Etapa_2° Avaliação_Simulado_2° Ano
3° Etapa_2° Avaliação_Simulado_2° Ano
O mundo da FÍSICA
 
Associação de resistores
Associação de resistoresAssociação de resistores
Associação de resistores
O mundo da FÍSICA
 
Exercícios extras_calorimetria
Exercícios extras_calorimetriaExercícios extras_calorimetria
Exercícios extras_calorimetria
O mundo da FÍSICA
 
3° Bimestre_2° Avaliação_1° ano_A_B_C
3° Bimestre_2° Avaliação_1° ano_A_B_C3° Bimestre_2° Avaliação_1° ano_A_B_C
3° Bimestre_2° Avaliação_1° ano_A_B_C
O mundo da FÍSICA
 
3° Bimestre_2° Avaliação_2° ano EJA_AM
3° Bimestre_2° Avaliação_2° ano EJA_AM3° Bimestre_2° Avaliação_2° ano EJA_AM
3° Bimestre_2° Avaliação_2° ano EJA_AM
O mundo da FÍSICA
 
3° Bimestre_2° Avaliação_3° ano_A_B
3° Bimestre_2° Avaliação_3° ano_A_B3° Bimestre_2° Avaliação_3° ano_A_B
3° Bimestre_2° Avaliação_3° ano_A_B
O mundo da FÍSICA
 
3° Bimestre_2° Avaliação_3° Ano EJA_AM_BM
3° Bimestre_2° Avaliação_3° Ano EJA_AM_BM3° Bimestre_2° Avaliação_3° Ano EJA_AM_BM
3° Bimestre_2° Avaliação_3° Ano EJA_AM_BM
O mundo da FÍSICA
 
Óptica introdução
Óptica introduçãoÓptica introdução
Óptica introdução
O mundo da FÍSICA
 
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo II_3° Ano
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo II_3° Ano3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo II_3° Ano
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo II_3° Ano
O mundo da FÍSICA
 
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo I_3° Ano
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo I_3° Ano3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo I_3° Ano
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo I_3° Ano
O mundo da FÍSICA
 
3° Etapa_1° Avaliação_Tipo II_2° Ano
3° Etapa_1° Avaliação_Tipo II_2° Ano3° Etapa_1° Avaliação_Tipo II_2° Ano
3° Etapa_1° Avaliação_Tipo II_2° Ano
O mundo da FÍSICA
 

Mais de O mundo da FÍSICA (20)

3° etapa_3° avaliação_Tipo II_3° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo II_3° ano3° etapa_3° avaliação_Tipo II_3° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo II_3° ano
 
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_3° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_3° ano3° etapa_3° avaliação_Tipo I_3° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_3° ano
 
3° etapa_3° avaliaçã_Tipo II_2° ano
3° etapa_3° avaliaçã_Tipo II_2° ano3° etapa_3° avaliaçã_Tipo II_2° ano
3° etapa_3° avaliaçã_Tipo II_2° ano
 
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_2° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_2° ano3° etapa_3° avaliação_Tipo I_2° ano
3° etapa_3° avaliação_Tipo I_2° ano
 
Potência e energia
Potência e energiaPotência e energia
Potência e energia
 
Espelho planos
Espelho planosEspelho planos
Espelho planos
 
Reflexão da luz
Reflexão da luzReflexão da luz
Reflexão da luz
 
Óptica introdução
Óptica introduçãoÓptica introdução
Óptica introdução
 
3° Etapa_2° Avaliação Simulado_3° Ano
3° Etapa_2° Avaliação Simulado_3° Ano3° Etapa_2° Avaliação Simulado_3° Ano
3° Etapa_2° Avaliação Simulado_3° Ano
 
3° Etapa_2° Avaliação_Simulado_2° Ano
3° Etapa_2° Avaliação_Simulado_2° Ano3° Etapa_2° Avaliação_Simulado_2° Ano
3° Etapa_2° Avaliação_Simulado_2° Ano
 
Associação de resistores
Associação de resistoresAssociação de resistores
Associação de resistores
 
Exercícios extras_calorimetria
Exercícios extras_calorimetriaExercícios extras_calorimetria
Exercícios extras_calorimetria
 
3° Bimestre_2° Avaliação_1° ano_A_B_C
3° Bimestre_2° Avaliação_1° ano_A_B_C3° Bimestre_2° Avaliação_1° ano_A_B_C
3° Bimestre_2° Avaliação_1° ano_A_B_C
 
3° Bimestre_2° Avaliação_2° ano EJA_AM
3° Bimestre_2° Avaliação_2° ano EJA_AM3° Bimestre_2° Avaliação_2° ano EJA_AM
3° Bimestre_2° Avaliação_2° ano EJA_AM
 
3° Bimestre_2° Avaliação_3° ano_A_B
3° Bimestre_2° Avaliação_3° ano_A_B3° Bimestre_2° Avaliação_3° ano_A_B
3° Bimestre_2° Avaliação_3° ano_A_B
 
3° Bimestre_2° Avaliação_3° Ano EJA_AM_BM
3° Bimestre_2° Avaliação_3° Ano EJA_AM_BM3° Bimestre_2° Avaliação_3° Ano EJA_AM_BM
3° Bimestre_2° Avaliação_3° Ano EJA_AM_BM
 
Óptica introdução
Óptica introduçãoÓptica introdução
Óptica introdução
 
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo II_3° Ano
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo II_3° Ano3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo II_3° Ano
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo II_3° Ano
 
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo I_3° Ano
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo I_3° Ano3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo I_3° Ano
3° Eetapa_1° Avaliação_Tipo I_3° Ano
 
3° Etapa_1° Avaliação_Tipo II_2° Ano
3° Etapa_1° Avaliação_Tipo II_2° Ano3° Etapa_1° Avaliação_Tipo II_2° Ano
3° Etapa_1° Avaliação_Tipo II_2° Ano
 

Último

apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
shirleisousa9166
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
JocelynNavarroBonta
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 

Último (20)

apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 

Introdução à eletrostática

  • 2. Modelo de Dalton 1. “Toda matéria é composta por minúsculas partículas chamadas átomos”. 2. “Os átomos de um determinado elemento são idênticos em massa e apresentam as mesmas John Dalton (06/09/1766 => propriedades químicas”. 27/07/1844) 3. “Átomos de diferentes elementos apresentam massa e propriedades diferentes”.
  • 3. Modelo de Dalton 4. “Átomos são permanentes e indivisíveis, não podendo ser criados e nem destruídos”. 5. “As reações químicas correspondem a uma reorganização de átomos”. 6. “Os compostos são formados John Dalton (06/09/1766 => pela combinação de átomos 27/07/1844) de elementos diferentes em proporções fixas”.
  • 4. Modelo de Thomson  É conhecido como ‘‘pudim de passas’’.  Enuncia que o átomo é uma esfera de carga positiva, não maciça e que nela se encontram cargas negativas distribuídas uniformemente, de modo que sua carga elétrica total seja nula. Joseph John Thomson (18/12/1856 => 30/08/1940)
  • 5. Modelo de Rutherford  Núcleo central, dotado de cargas elétricas positiva(prótons), envolvido por uma nuvem de cargas elétricas negativas (elétrons). Rutherford Birchard Hayes (04/10/1822 => 17/01/1893)
  • 6. O termo ‘‘átomo’’ é uma expressão errada?  A palavra átomo deriva do Grego a to m o s que significa indivisível.  O átomo se divide em duas partes: Núcleo Eletrosfer a
  • 7. Constituição do átomo  O núcleo do átomo é constituído de prótons e nêutrons.  Prótons: Partículas que apresentam carga elétrica positiva.  Nêutrons: Partículas que não apresentam cargas elétricas.  A eletrosfera é constituída de elétrons.  Elétrons: Partículas que apresentam carga elétrica negativa.
  • 8. Eletrostática  A palavra eletrostática deriva do grego: elektro elétro + statiko estacionári n n s o  É a parte da física que estuda as propriedades e a ação mútuas das cargas elétricas em repouso em relação a um sistema inercial de referência.
  • 9. Carga elétrica  A carga elétrica é considerada como sendo uma propriedade que se manifesta em algumas das chamadas partículas elementares; por exemplo, nos prótons e elétrons.  Um próton e um elétron têm valores absolutos iguais embora tenham sinais opostos.  O valor da carga de um próton ou de um elétrons é chamado c a rg a e lé tric a e le m e nta r e simbolizado por e. e = 1,6 . 10 -19 C. e = 1,6 . 10 -19 C.
  • 10. Carga elétrica  Para calcular a carga elétrica de um corpo usaremos a seguinte fórmula:  Q = carga elétrica Q = n .. e Q= n e  n = número de partículas elementares  e = carga elementar  No SI a unidade de carga elétrica é o coulomb (C).
  • 11. Princípios da eletrostática  Princípio das ações elétricas : cargas elétricas de sinais iguais se repelem e de sinais contrários se atraem. + + – – + –
  • 12. Princípios da eletrostática  Princípio da conservação das cargas elétricas: num sistema eletricamente isolado, a soma algébrica das cargas positivas e negativas é constante. Q1+ Q2 = Q1’’ + Q2’’ Q1+ Q2 = Q1 + Q2  Q1 = carga elétrica 1 antes do contato  Q2 = carga elétrica 2 antes do contato  Q1’ = carga elétrica 1 após do
  • 13. Acesse o blog e divirta!!!