SlideShare uma empresa Scribd logo
Considere uma carga elétrica puntiforme, ou seja, um corpo eletrizado cujas
dimensões são desprezíveis em relação à distância que o separa de um outro
corpo eletrizado.
Essa carga pode ao interagir com outra eletricamente carregada, verificando-se
uma força de atração ou repulsão entre elas!!!
𝐹 = 𝑘.
𝑄1 . 𝑄2
𝑑2
Onde:
 k é a constante eletrostática. No vácuo ela vale 9.109 N.m²/C²
 Q1 e Q2 são as cargas elétricas (Coulumb - C)
 d é a distância entre as cargas (metros - m)
Essa força de interação foi estudada por Charles Coulomb, que estabeleceu a
seguinte lei:
O módulo da força de interação elétrica é diretamente proporcional aos
módulos das cargas e inversamente proporcional ao quadrado da distância
entre elas.
O gráfico da Lei de Coulomb estabelece como Força e distância se relacionam:
Perceba que a força diminui
com o quadrado da distância
que separa as cargas!!!!
Veja o exemplo: Duas cargas puntiformes idênticas, mas de sinais opostos,
possuem cargas de 2.10-4 C, cada, e estão separadas por uma distância de 1m.
Dada a constante eletrostática ko = 9.109 N.m²/C², determine a força de
interação entre essas duas cargas.
Mas o que ocorre se eu afastar
as cargas? A força de interação
aumenta ou diminui? De
quanto?
No mesmo exemplo anterior.
F (N) d (m)
360 1
2
3
4
X 2÷ 4
No mesmo exemplo anterior.
F (N) d (m)
360 1
90 2
3
4
X 3÷ 9
No mesmo exemplo anterior.
F (N) d (m)
360 1
90 2
40 3
4
X 3÷ 9
R.4 Determine a intensidade da força de repulsão entre duas cargas elétricas
iguais a 1 C, situadas no vácuo e a 1 m de distância. É dada a constante
eletrostática ko = 9.10
9
N.m²/C².
R.5 Um corpo inicialmente neutro é eletrizado com carga 32μC. Qual é o
número de elétrons retirados do corpo?
R.7 Duas cargas elétricas puntiformes positivas e iguais a Q estão situadas no
vácuo a 2 m de distância. Sabe-se que a força de repulsão mútua tem
intensidade de 0,1 N. Calcule Q. dada a constante eletrostática ko = 9.10
9
N.m²/C².
R.8 Duas pequenas esferas idênticas, positivamente eletrizadas com carga Q e
3Q, são colocadas a uma distância d, no vácuo, originando-se entre elas uma
força de intensidade Fe. Em seguida, as esferas são postas em contato e
afastadas a uma distância 2d. Determine, em função de Fe, a nova intensidade da
força elétrica de repulsão.
R.9 Três pequenas esferas, A, B e C, com cargas elétricas respectivamente iguais a
2Q , Q e Q estão localizadas como mostra a figura:
A intensidade da força elétrica exercida por C sobre B é de 8.10
-2
N. Qual é a
intensidade da força elétrica resultante que A e C exercem sobre B?
R.11 Duas cargas puntiformes Q1 = 10-6 C e Q2 = 4.10-6 C estão fixas nos
pontos A e B e separadas pela distância 30 cm no vácuo. Sendo a constante
eletrostática do vácuo 9.109 N.m²/C² determine:
a) a intensidade da força elétrica de repulsão;
b) a intensidade da força elétrica resultante sobre uma terceira carga, também
puntiforme, Q3 = 2.10-6 C colocada no ponto médio do segmento que
une Q 1 a Q 2.
Exercícios:
• Página 42: P4-P5-P6-P9-P11(somente a e b)
• Página 44/45: P14-P16
• Página 46/47: T2-T3-T4-T7-T10-T11-T12
1. Temos duas pequenas esferas metálicas eletrizadas, respectivamente, de
cargas QA = 8 µC e QB = -4 µC, atraindo-se mutuamente com força de
intensidade 1,8 N, no vácuo. Elas são colocadas em contato e depois ficam
separadas a uma distância de 30 cm. Considere a constante eletrostática k0 =
9.109N . m2/C2.
a) Qual é a distância que as separava antes do contato?
b) Que tipo de força de interação existe entre as cargas após o contato? Qual é
a nova intensidade?
2. O gráfico abaixo representa o módulo da força com que duas cargas
pontuais iguais se repelem, em função da distância d entre elas.
a) Determine as intensidades das forças F1 e F2.
b) Calcule o módulo das cargas.
3. (FEI-SP) Duas cargas, q1 e q2, de mesmo sinal, estão fixas sobre um reta e
distantes 4,0 m. Entre q1 e q2 é colocada uma outra carga, q3, distante 1,0 m de
q1. Sabendo-se que q1 = 5,0µC e que q3 permanece em equilíbrio, determine o
valor de q2.
4. (U.F.JUIZ DE FORA) Duas esferas igualmente carregadas no vácuo, repelem-se
mutuamente quando separadas a uma certa distância. Triplicando a distância
entre as esferas, a força de repulsão entre elas torna-se:
a) 3 vezes menor. b) 6 vezes menor.
c) 9 vezes menor. d) 12 vezes menor.
e) 9 vezes maior.
5. (UFPB) O gráfico abaixo representa o módulo da força com que duas cargas
pontuais q1 eq2 se repelem, em função da distância d entre elas. É dada a constante
eletrostática do vácuo: k0 = 9.109 N.m2/C2.
Usando a Lei de Coulomb, determine o valor:
a) de F1
b) do produto q1.q2
(Vunesp-SP) Ao retirar o copinho de um porta-copos, um jovem deixa-o escapar de
suas mãos quando ele já se encontrava a 3 cm da borda do porta-copos.
Misteriosamente, o copo permanece por alguns instantes pairando no ar. Analisando
o fato, concluiu que o atrito entre o copo extraído e o que ficara exposto havia
gerado uma força de atração de origem eletrostática. Suponha que:
– a massa de um copo seja de 1 g;
– a interação eletrostática ocorra apenas entre o copo extraído e o que ficou
exposto, sendo que os demais copos não participam da interação;
– os copos, o extraído e o que ficou exposto, possam ser associados a cargas
pontuais, de mesma intensidade.
Nessas condições, dados g = 10 m/s² e K = 9.109Nm²/C², o módulo da carga elétrica
excedente no copinho, momentos após sua retirada do
porta-copos, foi, em coulombs, aproximadamente:
a) 6.10-5 d) 3.10-8
b) 5.10-6 e) 2.10-9
c) 4.10-7
Força elétrica

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Eletrização
EletrizaçãoEletrização
Eletrização
Vlamir Gama Rocha
 
Eletromagnetismo
EletromagnetismoEletromagnetismo
Eletromagnetismo
Vlamir Gama Rocha
 
Trabalho e potência
Trabalho e potênciaTrabalho e potência
Trabalho e potência
Marco Antonio Sanches
 
Cinemática Vetorial
Cinemática VetorialCinemática Vetorial
Cinemática Vetorial
Marco Antonio Sanches
 
Campo elétrico
Campo elétricoCampo elétrico
Campo elétrico
fisicaatual
 
Força elétrica parte 1
Força elétrica parte 1Força elétrica parte 1
Força elétrica parte 1
Paulo Victor
 
Aulão pré prova enem física ciências da natureza
Aulão pré prova enem física ciências da naturezaAulão pré prova enem física ciências da natureza
Aulão pré prova enem física ciências da natureza
Fabricio Scheffer
 
Eletrostática fundamentos
Eletrostática   fundamentosEletrostática   fundamentos
Eletrostática fundamentos
Marco Antonio Sanches
 
Princípios da Óptica Geométrica
Princípios da Óptica GeométricaPrincípios da Óptica Geométrica
Princípios da Óptica Geométrica
laizdiniz
 
Cinemática introdução
Cinemática introduçãoCinemática introdução
Cinemática introdução
O mundo da FÍSICA
 
Leis de ohm
Leis de ohmLeis de ohm
Leis de ohm
O mundo da FÍSICA
 
Movimento uniforme
Movimento uniformeMovimento uniforme
Movimento uniforme
fisicaatual
 
Leis De Newton
Leis De NewtonLeis De Newton
Leis De Newton
Miky Mine
 
Força magnética
Força magnéticaForça magnética
Força magnética
Marco Antonio Sanches
 
TERMOLOGIA
TERMOLOGIATERMOLOGIA
Eletrodinâmica
EletrodinâmicaEletrodinâmica
Eletrodinâmica
Paulo Filho
 
Campo magnético
Campo magnéticoCampo magnético
Campo magnético
fisicaatual
 
3º Ano Eletrostática
3º Ano Eletrostática3º Ano Eletrostática
3º Ano Eletrostática
FÍSICA PROFESSOR TELMO
 
Processos de eletrização
Processos de eletrizaçãoProcessos de eletrização
Processos de eletrização
O mundo da FÍSICA
 
Trabalho e Energia Slide
Trabalho e Energia SlideTrabalho e Energia Slide
Trabalho e Energia Slide
Vlamir Gama Rocha
 

Mais procurados (20)

Eletrização
EletrizaçãoEletrização
Eletrização
 
Eletromagnetismo
EletromagnetismoEletromagnetismo
Eletromagnetismo
 
Trabalho e potência
Trabalho e potênciaTrabalho e potência
Trabalho e potência
 
Cinemática Vetorial
Cinemática VetorialCinemática Vetorial
Cinemática Vetorial
 
Campo elétrico
Campo elétricoCampo elétrico
Campo elétrico
 
Força elétrica parte 1
Força elétrica parte 1Força elétrica parte 1
Força elétrica parte 1
 
Aulão pré prova enem física ciências da natureza
Aulão pré prova enem física ciências da naturezaAulão pré prova enem física ciências da natureza
Aulão pré prova enem física ciências da natureza
 
Eletrostática fundamentos
Eletrostática   fundamentosEletrostática   fundamentos
Eletrostática fundamentos
 
Princípios da Óptica Geométrica
Princípios da Óptica GeométricaPrincípios da Óptica Geométrica
Princípios da Óptica Geométrica
 
Cinemática introdução
Cinemática introduçãoCinemática introdução
Cinemática introdução
 
Leis de ohm
Leis de ohmLeis de ohm
Leis de ohm
 
Movimento uniforme
Movimento uniformeMovimento uniforme
Movimento uniforme
 
Leis De Newton
Leis De NewtonLeis De Newton
Leis De Newton
 
Força magnética
Força magnéticaForça magnética
Força magnética
 
TERMOLOGIA
TERMOLOGIATERMOLOGIA
TERMOLOGIA
 
Eletrodinâmica
EletrodinâmicaEletrodinâmica
Eletrodinâmica
 
Campo magnético
Campo magnéticoCampo magnético
Campo magnético
 
3º Ano Eletrostática
3º Ano Eletrostática3º Ano Eletrostática
3º Ano Eletrostática
 
Processos de eletrização
Processos de eletrizaçãoProcessos de eletrização
Processos de eletrização
 
Trabalho e Energia Slide
Trabalho e Energia SlideTrabalho e Energia Slide
Trabalho e Energia Slide
 

Destaque

Trabalho de fisica
Trabalho de fisicaTrabalho de fisica
Trabalho de fisica
Nayane Santos
 
Campo elétrico
Campo elétricoCampo elétrico
Campo elétrico
Marco Antonio Sanches
 
Carga elétrica e eletrização
Carga elétrica e eletrizaçãoCarga elétrica e eletrização
Carga elétrica e eletrização
Prof. JC
 
Aula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
Aula Força Elétrica, cap 4 2º AnoAula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
Aula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
Daniel Japiassú
 
Questões Corrigidas, em Word: Eletrostática - Conteúdo vinculado ao blog ...
Questões Corrigidas, em Word:  Eletrostática  - Conteúdo vinculado ao blog   ...Questões Corrigidas, em Word:  Eletrostática  - Conteúdo vinculado ao blog   ...
Questões Corrigidas, em Word: Eletrostática - Conteúdo vinculado ao blog ...
Rodrigo Penna
 
Campo Elétrico
Campo ElétricoCampo Elétrico
Campo Elétrico
Jerônimo Medina Madruga
 
Questao lei de_coulomb_e_potencial_el_atrico
Questao lei de_coulomb_e_potencial_el_atricoQuestao lei de_coulomb_e_potencial_el_atrico
Questao lei de_coulomb_e_potencial_el_atrico
Betine Rost
 
Cargas elétricas
Cargas elétricasCargas elétricas
Cargas elétricas
Kátia Cilene Suptitz
 
Questões Corrigidas, em Word: Campo Elétrico - Conteúdo vinculado ao blog ...
Questões Corrigidas, em Word:  Campo Elétrico  - Conteúdo vinculado ao blog  ...Questões Corrigidas, em Word:  Campo Elétrico  - Conteúdo vinculado ao blog  ...
Questões Corrigidas, em Word: Campo Elétrico - Conteúdo vinculado ao blog ...
Rodrigo Penna
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
Paulo Filho
 
www.aulasdefisicaapoio.com - Física – Potencial Elétrico
www.aulasdefisicaapoio.com - Física – Potencial Elétricowww.aulasdefisicaapoio.com - Física – Potencial Elétrico
www.aulasdefisicaapoio.com - Física – Potencial Elétrico
Videoaulas De Física Apoio
 
corrente eletrica
corrente eletricacorrente eletrica
corrente eletrica
Ricardo Sousa Alves
 
Carga Elé..
Carga Elé..Carga Elé..
Carga Elé..
bruninhablc
 
Corrente elétrica
Corrente elétricaCorrente elétrica
Corrente elétrica
Marco Antonio Sanches
 
ELETRICIDADE BASICA T- Aula 1 eletrostática
ELETRICIDADE BASICA T- Aula 1   eletrostáticaELETRICIDADE BASICA T- Aula 1   eletrostática
ELETRICIDADE BASICA T- Aula 1 eletrostática
engciviluniplan14
 
Exercícios resolvidos eletro
Exercícios resolvidos eletroExercícios resolvidos eletro
Exercícios resolvidos eletro
zeu1507
 
Apresentação de slides pronto
Apresentação de slides prontoApresentação de slides pronto
Apresentação de slides pronto
candidacbertao
 
Força eletrostática
Força eletrostáticaForça eletrostática
Força eletrostática
Lilian Siqueira
 
3 ano mod 30 e 31 potencial e propriedades do campo elétrico
3 ano   mod 30 e 31 potencial e propriedades do campo elétrico3 ano   mod 30 e 31 potencial e propriedades do campo elétrico
3 ano mod 30 e 31 potencial e propriedades do campo elétrico
eduardorsilva
 
3 ano mod 26 e 27 - força eletrostática e campo elétrico
3 ano   mod 26 e 27 - força eletrostática e campo elétrico3 ano   mod 26 e 27 - força eletrostática e campo elétrico
3 ano mod 26 e 27 - força eletrostática e campo elétrico
eduardorsilva
 

Destaque (20)

Trabalho de fisica
Trabalho de fisicaTrabalho de fisica
Trabalho de fisica
 
Campo elétrico
Campo elétricoCampo elétrico
Campo elétrico
 
Carga elétrica e eletrização
Carga elétrica e eletrizaçãoCarga elétrica e eletrização
Carga elétrica e eletrização
 
Aula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
Aula Força Elétrica, cap 4 2º AnoAula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
Aula Força Elétrica, cap 4 2º Ano
 
Questões Corrigidas, em Word: Eletrostática - Conteúdo vinculado ao blog ...
Questões Corrigidas, em Word:  Eletrostática  - Conteúdo vinculado ao blog   ...Questões Corrigidas, em Word:  Eletrostática  - Conteúdo vinculado ao blog   ...
Questões Corrigidas, em Word: Eletrostática - Conteúdo vinculado ao blog ...
 
Campo Elétrico
Campo ElétricoCampo Elétrico
Campo Elétrico
 
Questao lei de_coulomb_e_potencial_el_atrico
Questao lei de_coulomb_e_potencial_el_atricoQuestao lei de_coulomb_e_potencial_el_atrico
Questao lei de_coulomb_e_potencial_el_atrico
 
Cargas elétricas
Cargas elétricasCargas elétricas
Cargas elétricas
 
Questões Corrigidas, em Word: Campo Elétrico - Conteúdo vinculado ao blog ...
Questões Corrigidas, em Word:  Campo Elétrico  - Conteúdo vinculado ao blog  ...Questões Corrigidas, em Word:  Campo Elétrico  - Conteúdo vinculado ao blog  ...
Questões Corrigidas, em Word: Campo Elétrico - Conteúdo vinculado ao blog ...
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
 
www.aulasdefisicaapoio.com - Física – Potencial Elétrico
www.aulasdefisicaapoio.com - Física – Potencial Elétricowww.aulasdefisicaapoio.com - Física – Potencial Elétrico
www.aulasdefisicaapoio.com - Física – Potencial Elétrico
 
corrente eletrica
corrente eletricacorrente eletrica
corrente eletrica
 
Carga Elé..
Carga Elé..Carga Elé..
Carga Elé..
 
Corrente elétrica
Corrente elétricaCorrente elétrica
Corrente elétrica
 
ELETRICIDADE BASICA T- Aula 1 eletrostática
ELETRICIDADE BASICA T- Aula 1   eletrostáticaELETRICIDADE BASICA T- Aula 1   eletrostática
ELETRICIDADE BASICA T- Aula 1 eletrostática
 
Exercícios resolvidos eletro
Exercícios resolvidos eletroExercícios resolvidos eletro
Exercícios resolvidos eletro
 
Apresentação de slides pronto
Apresentação de slides prontoApresentação de slides pronto
Apresentação de slides pronto
 
Força eletrostática
Força eletrostáticaForça eletrostática
Força eletrostática
 
3 ano mod 30 e 31 potencial e propriedades do campo elétrico
3 ano   mod 30 e 31 potencial e propriedades do campo elétrico3 ano   mod 30 e 31 potencial e propriedades do campo elétrico
3 ano mod 30 e 31 potencial e propriedades do campo elétrico
 
3 ano mod 26 e 27 - força eletrostática e campo elétrico
3 ano   mod 26 e 27 - força eletrostática e campo elétrico3 ano   mod 26 e 27 - força eletrostática e campo elétrico
3 ano mod 26 e 27 - força eletrostática e campo elétrico
 

Semelhante a Força elétrica

012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
JURANDIRBENTES
 
012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
JURANDIRBENTES
 
1 lista de_exercicios_do_1_bim_do_3_ano_do_em_eletr_e_forca_de_coulomb
1 lista de_exercicios_do_1_bim_do_3_ano_do_em_eletr_e_forca_de_coulomb1 lista de_exercicios_do_1_bim_do_3_ano_do_em_eletr_e_forca_de_coulomb
1 lista de_exercicios_do_1_bim_do_3_ano_do_em_eletr_e_forca_de_coulomb
Waldir Montenegro
 
Exercicios forca eletrica
Exercicios forca eletricaExercicios forca eletrica
Exercicios forca eletrica
Gabriel Valle
 
Exercícios forca eletrica
Exercícios forca eletricaExercícios forca eletrica
Exercícios forca eletrica
Gabriel Valle
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
Marco Antonio Sanches
 
Eletrostática - Carga Elétrica
Eletrostática - Carga ElétricaEletrostática - Carga Elétrica
Eletrostática - Carga Elétrica
Adna Myrella
 
Lei de coulomb slides atividades
Lei de coulomb slides atividadesLei de coulomb slides atividades
Lei de coulomb slides atividades
Autônoma e Contratada
 
Atividades de física
Atividades de físicaAtividades de física
Atividades de física
profliviagoncalves
 
1ª lei de coulomb2
1ª lei de coulomb21ª lei de coulomb2
1ª lei de coulomb2
Fabiana Gonçalves
 
Força Eletromagnética
Força EletromagnéticaForça Eletromagnética
Força Eletromagnética
Killer Max
 
Eletrostática jodafi
Eletrostática jodafiEletrostática jodafi
Eletrostática jodafi
josé Augusto Dias
 
aula-2-lei-de-coulomb.ppt
aula-2-lei-de-coulomb.pptaula-2-lei-de-coulomb.ppt
aula-2-lei-de-coulomb.ppt
Vanderley Costa
 
Fisica eletrostatica potencial_eletrico_energia_potencial_eletrica_exercicios
Fisica eletrostatica potencial_eletrico_energia_potencial_eletrica_exerciciosFisica eletrostatica potencial_eletrico_energia_potencial_eletrica_exercicios
Fisica eletrostatica potencial_eletrico_energia_potencial_eletrica_exercicios
Abmael Silva
 
Questões sobre força elétrica.pptx
Questões sobre força elétrica.pptxQuestões sobre força elétrica.pptx
Questões sobre força elétrica.pptx
glalberRocha
 
Atividades de física 3 ano prof waldir montenegro 2014
Atividades de física 3 ano prof waldir  montenegro 2014Atividades de física 3 ano prof waldir  montenegro 2014
Atividades de física 3 ano prof waldir montenegro 2014
Waldir Montenegro
 
Exercicios propostos sobre electrostatica
Exercicios propostos sobre electrostaticaExercicios propostos sobre electrostatica
Exercicios propostos sobre electrostatica
Lucamariop
 
Física – eletricidade força elétrica 01 – 2013
Física – eletricidade força elétrica 01 – 2013Física – eletricidade força elétrica 01 – 2013
Física – eletricidade força elétrica 01 – 2013
Jakson Raphael Pereira Barbosa
 
Lista 2 - Campo Elétrico
Lista 2 - Campo ElétricoLista 2 - Campo Elétrico
Lista 2 - Campo Elétrico
Gustavo Mendonça
 
Lei de Coulomb - 3º Ano EM
Lei de Coulomb - 3º Ano EMLei de Coulomb - 3º Ano EM
Lei de Coulomb - 3º Ano EM
Antonio Pinto Pereira
 

Semelhante a Força elétrica (20)

012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
 
012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
012 fisica eletrostatica_forca_de_coulomb
 
1 lista de_exercicios_do_1_bim_do_3_ano_do_em_eletr_e_forca_de_coulomb
1 lista de_exercicios_do_1_bim_do_3_ano_do_em_eletr_e_forca_de_coulomb1 lista de_exercicios_do_1_bim_do_3_ano_do_em_eletr_e_forca_de_coulomb
1 lista de_exercicios_do_1_bim_do_3_ano_do_em_eletr_e_forca_de_coulomb
 
Exercicios forca eletrica
Exercicios forca eletricaExercicios forca eletrica
Exercicios forca eletrica
 
Exercícios forca eletrica
Exercícios forca eletricaExercícios forca eletrica
Exercícios forca eletrica
 
Eletrostática
EletrostáticaEletrostática
Eletrostática
 
Eletrostática - Carga Elétrica
Eletrostática - Carga ElétricaEletrostática - Carga Elétrica
Eletrostática - Carga Elétrica
 
Lei de coulomb slides atividades
Lei de coulomb slides atividadesLei de coulomb slides atividades
Lei de coulomb slides atividades
 
Atividades de física
Atividades de físicaAtividades de física
Atividades de física
 
1ª lei de coulomb2
1ª lei de coulomb21ª lei de coulomb2
1ª lei de coulomb2
 
Força Eletromagnética
Força EletromagnéticaForça Eletromagnética
Força Eletromagnética
 
Eletrostática jodafi
Eletrostática jodafiEletrostática jodafi
Eletrostática jodafi
 
aula-2-lei-de-coulomb.ppt
aula-2-lei-de-coulomb.pptaula-2-lei-de-coulomb.ppt
aula-2-lei-de-coulomb.ppt
 
Fisica eletrostatica potencial_eletrico_energia_potencial_eletrica_exercicios
Fisica eletrostatica potencial_eletrico_energia_potencial_eletrica_exerciciosFisica eletrostatica potencial_eletrico_energia_potencial_eletrica_exercicios
Fisica eletrostatica potencial_eletrico_energia_potencial_eletrica_exercicios
 
Questões sobre força elétrica.pptx
Questões sobre força elétrica.pptxQuestões sobre força elétrica.pptx
Questões sobre força elétrica.pptx
 
Atividades de física 3 ano prof waldir montenegro 2014
Atividades de física 3 ano prof waldir  montenegro 2014Atividades de física 3 ano prof waldir  montenegro 2014
Atividades de física 3 ano prof waldir montenegro 2014
 
Exercicios propostos sobre electrostatica
Exercicios propostos sobre electrostaticaExercicios propostos sobre electrostatica
Exercicios propostos sobre electrostatica
 
Física – eletricidade força elétrica 01 – 2013
Física – eletricidade força elétrica 01 – 2013Física – eletricidade força elétrica 01 – 2013
Física – eletricidade força elétrica 01 – 2013
 
Lista 2 - Campo Elétrico
Lista 2 - Campo ElétricoLista 2 - Campo Elétrico
Lista 2 - Campo Elétrico
 
Lei de Coulomb - 3º Ano EM
Lei de Coulomb - 3º Ano EMLei de Coulomb - 3º Ano EM
Lei de Coulomb - 3º Ano EM
 

Mais de Marco Antonio Sanches

Hidrostática (versão 2018)
Hidrostática (versão 2018)Hidrostática (versão 2018)
Hidrostática (versão 2018)
Marco Antonio Sanches
 
Refração da luz e espelhos planos (versão 2018)
Refração da luz e espelhos planos (versão 2018)Refração da luz e espelhos planos (versão 2018)
Refração da luz e espelhos planos (versão 2018)
Marco Antonio Sanches
 
Mecânica - Série ENEM
Mecânica - Série ENEMMecânica - Série ENEM
Mecânica - Série ENEM
Marco Antonio Sanches
 
Estudo dos receptores (2017)
Estudo dos receptores (2017)Estudo dos receptores (2017)
Estudo dos receptores (2017)
Marco Antonio Sanches
 
Óptica geométrica (2017)
Óptica geométrica (2017)Óptica geométrica (2017)
Óptica geométrica (2017)
Marco Antonio Sanches
 
Estudo dos Geradores (2017)
Estudo dos Geradores (2017)Estudo dos Geradores (2017)
Estudo dos Geradores (2017)
Marco Antonio Sanches
 
Termodinâmica (2017)
Termodinâmica (2017)Termodinâmica (2017)
Termodinâmica (2017)
Marco Antonio Sanches
 
Primeira Lei da Termodinâmica
Primeira Lei da TermodinâmicaPrimeira Lei da Termodinâmica
Primeira Lei da Termodinâmica
Marco Antonio Sanches
 
Associação de resistores
Associação de resistoresAssociação de resistores
Associação de resistores
Marco Antonio Sanches
 
Diagrama de fases
Diagrama de fasesDiagrama de fases
Diagrama de fases
Marco Antonio Sanches
 
Ondulatória
OndulatóriaOndulatória
Ondulatória
Marco Antonio Sanches
 
Mudança de fase (2017)
Mudança de fase (2017)Mudança de fase (2017)
Mudança de fase (2017)
Marco Antonio Sanches
 
Calorimetria (2017)
Calorimetria (2017)Calorimetria (2017)
Calorimetria (2017)
Marco Antonio Sanches
 
Óptica geométrica - Revisão 3º EM (2017)
Óptica geométrica - Revisão 3º EM (2017)Óptica geométrica - Revisão 3º EM (2017)
Óptica geométrica - Revisão 3º EM (2017)
Marco Antonio Sanches
 
Hidrostática - revisão 2º EM (2017)
Hidrostática - revisão 2º EM (2017)Hidrostática - revisão 2º EM (2017)
Hidrostática - revisão 2º EM (2017)
Marco Antonio Sanches
 
Eletromagnetismo
EletromagnetismoEletromagnetismo
Eletromagnetismo
Marco Antonio Sanches
 
Estudo dos gases
Estudo dos gasesEstudo dos gases
Estudo dos gases
Marco Antonio Sanches
 
Apostila eletrostática
Apostila eletrostáticaApostila eletrostática
Apostila eletrostática
Marco Antonio Sanches
 
Oficina App Inventor
Oficina App InventorOficina App Inventor
Oficina App Inventor
Marco Antonio Sanches
 
Termodinâmica
TermodinâmicaTermodinâmica
Termodinâmica
Marco Antonio Sanches
 

Mais de Marco Antonio Sanches (20)

Hidrostática (versão 2018)
Hidrostática (versão 2018)Hidrostática (versão 2018)
Hidrostática (versão 2018)
 
Refração da luz e espelhos planos (versão 2018)
Refração da luz e espelhos planos (versão 2018)Refração da luz e espelhos planos (versão 2018)
Refração da luz e espelhos planos (versão 2018)
 
Mecânica - Série ENEM
Mecânica - Série ENEMMecânica - Série ENEM
Mecânica - Série ENEM
 
Estudo dos receptores (2017)
Estudo dos receptores (2017)Estudo dos receptores (2017)
Estudo dos receptores (2017)
 
Óptica geométrica (2017)
Óptica geométrica (2017)Óptica geométrica (2017)
Óptica geométrica (2017)
 
Estudo dos Geradores (2017)
Estudo dos Geradores (2017)Estudo dos Geradores (2017)
Estudo dos Geradores (2017)
 
Termodinâmica (2017)
Termodinâmica (2017)Termodinâmica (2017)
Termodinâmica (2017)
 
Primeira Lei da Termodinâmica
Primeira Lei da TermodinâmicaPrimeira Lei da Termodinâmica
Primeira Lei da Termodinâmica
 
Associação de resistores
Associação de resistoresAssociação de resistores
Associação de resistores
 
Diagrama de fases
Diagrama de fasesDiagrama de fases
Diagrama de fases
 
Ondulatória
OndulatóriaOndulatória
Ondulatória
 
Mudança de fase (2017)
Mudança de fase (2017)Mudança de fase (2017)
Mudança de fase (2017)
 
Calorimetria (2017)
Calorimetria (2017)Calorimetria (2017)
Calorimetria (2017)
 
Óptica geométrica - Revisão 3º EM (2017)
Óptica geométrica - Revisão 3º EM (2017)Óptica geométrica - Revisão 3º EM (2017)
Óptica geométrica - Revisão 3º EM (2017)
 
Hidrostática - revisão 2º EM (2017)
Hidrostática - revisão 2º EM (2017)Hidrostática - revisão 2º EM (2017)
Hidrostática - revisão 2º EM (2017)
 
Eletromagnetismo
EletromagnetismoEletromagnetismo
Eletromagnetismo
 
Estudo dos gases
Estudo dos gasesEstudo dos gases
Estudo dos gases
 
Apostila eletrostática
Apostila eletrostáticaApostila eletrostática
Apostila eletrostática
 
Oficina App Inventor
Oficina App InventorOficina App Inventor
Oficina App Inventor
 
Termodinâmica
TermodinâmicaTermodinâmica
Termodinâmica
 

Último

APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIAAPRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
karinenobre2033
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Pedro Luis Moraes
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
ClaudiaMainoth
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 

Último (20)

APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIAAPRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 

Força elétrica

  • 1.
  • 2. Considere uma carga elétrica puntiforme, ou seja, um corpo eletrizado cujas dimensões são desprezíveis em relação à distância que o separa de um outro corpo eletrizado. Essa carga pode ao interagir com outra eletricamente carregada, verificando-se uma força de atração ou repulsão entre elas!!!
  • 3. 𝐹 = 𝑘. 𝑄1 . 𝑄2 𝑑2 Onde:  k é a constante eletrostática. No vácuo ela vale 9.109 N.m²/C²  Q1 e Q2 são as cargas elétricas (Coulumb - C)  d é a distância entre as cargas (metros - m) Essa força de interação foi estudada por Charles Coulomb, que estabeleceu a seguinte lei: O módulo da força de interação elétrica é diretamente proporcional aos módulos das cargas e inversamente proporcional ao quadrado da distância entre elas.
  • 4. O gráfico da Lei de Coulomb estabelece como Força e distância se relacionam: Perceba que a força diminui com o quadrado da distância que separa as cargas!!!!
  • 5. Veja o exemplo: Duas cargas puntiformes idênticas, mas de sinais opostos, possuem cargas de 2.10-4 C, cada, e estão separadas por uma distância de 1m. Dada a constante eletrostática ko = 9.109 N.m²/C², determine a força de interação entre essas duas cargas. Mas o que ocorre se eu afastar as cargas? A força de interação aumenta ou diminui? De quanto?
  • 6. No mesmo exemplo anterior. F (N) d (m) 360 1 2 3 4 X 2÷ 4
  • 7. No mesmo exemplo anterior. F (N) d (m) 360 1 90 2 3 4 X 3÷ 9
  • 8. No mesmo exemplo anterior. F (N) d (m) 360 1 90 2 40 3 4 X 3÷ 9
  • 9. R.4 Determine a intensidade da força de repulsão entre duas cargas elétricas iguais a 1 C, situadas no vácuo e a 1 m de distância. É dada a constante eletrostática ko = 9.10 9 N.m²/C². R.5 Um corpo inicialmente neutro é eletrizado com carga 32μC. Qual é o número de elétrons retirados do corpo? R.7 Duas cargas elétricas puntiformes positivas e iguais a Q estão situadas no vácuo a 2 m de distância. Sabe-se que a força de repulsão mútua tem intensidade de 0,1 N. Calcule Q. dada a constante eletrostática ko = 9.10 9 N.m²/C².
  • 10. R.8 Duas pequenas esferas idênticas, positivamente eletrizadas com carga Q e 3Q, são colocadas a uma distância d, no vácuo, originando-se entre elas uma força de intensidade Fe. Em seguida, as esferas são postas em contato e afastadas a uma distância 2d. Determine, em função de Fe, a nova intensidade da força elétrica de repulsão. R.9 Três pequenas esferas, A, B e C, com cargas elétricas respectivamente iguais a 2Q , Q e Q estão localizadas como mostra a figura: A intensidade da força elétrica exercida por C sobre B é de 8.10 -2 N. Qual é a intensidade da força elétrica resultante que A e C exercem sobre B?
  • 11. R.11 Duas cargas puntiformes Q1 = 10-6 C e Q2 = 4.10-6 C estão fixas nos pontos A e B e separadas pela distância 30 cm no vácuo. Sendo a constante eletrostática do vácuo 9.109 N.m²/C² determine: a) a intensidade da força elétrica de repulsão; b) a intensidade da força elétrica resultante sobre uma terceira carga, também puntiforme, Q3 = 2.10-6 C colocada no ponto médio do segmento que une Q 1 a Q 2. Exercícios: • Página 42: P4-P5-P6-P9-P11(somente a e b) • Página 44/45: P14-P16 • Página 46/47: T2-T3-T4-T7-T10-T11-T12
  • 12. 1. Temos duas pequenas esferas metálicas eletrizadas, respectivamente, de cargas QA = 8 µC e QB = -4 µC, atraindo-se mutuamente com força de intensidade 1,8 N, no vácuo. Elas são colocadas em contato e depois ficam separadas a uma distância de 30 cm. Considere a constante eletrostática k0 = 9.109N . m2/C2. a) Qual é a distância que as separava antes do contato? b) Que tipo de força de interação existe entre as cargas após o contato? Qual é a nova intensidade?
  • 13. 2. O gráfico abaixo representa o módulo da força com que duas cargas pontuais iguais se repelem, em função da distância d entre elas. a) Determine as intensidades das forças F1 e F2. b) Calcule o módulo das cargas.
  • 14. 3. (FEI-SP) Duas cargas, q1 e q2, de mesmo sinal, estão fixas sobre um reta e distantes 4,0 m. Entre q1 e q2 é colocada uma outra carga, q3, distante 1,0 m de q1. Sabendo-se que q1 = 5,0µC e que q3 permanece em equilíbrio, determine o valor de q2. 4. (U.F.JUIZ DE FORA) Duas esferas igualmente carregadas no vácuo, repelem-se mutuamente quando separadas a uma certa distância. Triplicando a distância entre as esferas, a força de repulsão entre elas torna-se: a) 3 vezes menor. b) 6 vezes menor. c) 9 vezes menor. d) 12 vezes menor. e) 9 vezes maior.
  • 15. 5. (UFPB) O gráfico abaixo representa o módulo da força com que duas cargas pontuais q1 eq2 se repelem, em função da distância d entre elas. É dada a constante eletrostática do vácuo: k0 = 9.109 N.m2/C2. Usando a Lei de Coulomb, determine o valor: a) de F1 b) do produto q1.q2
  • 16. (Vunesp-SP) Ao retirar o copinho de um porta-copos, um jovem deixa-o escapar de suas mãos quando ele já se encontrava a 3 cm da borda do porta-copos. Misteriosamente, o copo permanece por alguns instantes pairando no ar. Analisando o fato, concluiu que o atrito entre o copo extraído e o que ficara exposto havia gerado uma força de atração de origem eletrostática. Suponha que: – a massa de um copo seja de 1 g; – a interação eletrostática ocorra apenas entre o copo extraído e o que ficou exposto, sendo que os demais copos não participam da interação; – os copos, o extraído e o que ficou exposto, possam ser associados a cargas pontuais, de mesma intensidade. Nessas condições, dados g = 10 m/s² e K = 9.109Nm²/C², o módulo da carga elétrica excedente no copinho, momentos após sua retirada do porta-copos, foi, em coulombs, aproximadamente: a) 6.10-5 d) 3.10-8 b) 5.10-6 e) 2.10-9 c) 4.10-7