SlideShare uma empresa Scribd logo
Waldinéa Silva
Responsável Técnica do Centro de Informações
Estratégicas e Resposta em Vigilância em Saúde –CIEVS
Superintendência de Vigilãncia em Saúde – SUVISA
waldinea.maria@saude.al.gov.br
notifica-ses.@saude.al.gov.br
Crianças com síndrome congênita associada à infecção
pelo vírus Zika – Alagoas
Experiência de resposta à emergência
Histórico
2015
Novembro:
Primeiros casos notificados em Alagoas;
Técnicos da SES/AL fazem visita à SES/PE;
Notificação ao CIEVS/AL dos RNs que atendiam à
definição de caso.
Dezembro
Elaboração do protocolo de atenção aos casos de
microcefalia;
Implantação de unidades sentinelas para coleta de
sangue das gestantes com exantema;
Início da realização de exame de imagem (TCC);
Reunião com coordenadores de Vigilância
Epidemiológica (VE) e Atenção Básica (AB) com foco na
definição de caso e no fluxo de atendimento aos RNs.
Histórico
2016
Participação da Estratégia de Ação Rápida (EAR).
Participação direta da AB no processo de monitoramento
dos casos (agendamento de exames; orientação aos
NASFs...).
Apresentação do fluxo de atendimento no fórum da Rede
Cegonha.
Monitoramento da puericultura pela AB estadual.
Criação do Grupo: CIRANDA DO CUIDADO – Maceió.
Capacitação de CERs e NASF.
NASF com equipe mínima realiza triagem,
encaminhamento e acompanhamento dos casos no próprio
território.
Histórico
2017
Participação na Estratégia de Qualificação e do Cuidado para a Atenção Integral às Crianças com SCvZ e STORCH, e suas famílias.
Participação na Feira Zika, em Salvador.
Projeto de avaliação in loco dos casos descartados.
Criação do Grupo Micro Estrelinhas – Palmeira dos Índios.
Participação no projeto “Expresso Nana”.
Elaboração do Plano de Ação Estadual baseado em 4 eixos (Saúde Sexual e Reprodutiva, Cuidado Integral à Criança, Cuidado Integral às
Famílias e Educação permanente)
O município de Arapiraca constituiu a Equipe Dedicada (Atenção Básica – Saúde da Criança, Saúde da Mulher, Saúde do Homem e Saúde
Bucal, PSE, CRAS, CREAS e Conselho Tutelar)
Casos confirmados e prováveis de infecção congênita, segundo município de residência, Alagoas, 2015/2017.
Fonte: CIEVS/SUVISA/SES
Aprendizados e avanços
Contribuiu para uma maior atenção e
modificação de estratégias no controle de
vetores (Governo x População x
Organizações não governamentais);
Contribuiu para uma maior atenção à
qualidade da assistência durante o pré-
natal;
 Efetivação de trabalho integrado entre VS e AB;
 Utilização na prática de um Plano de Emergência que atenda
as demandas da VS e da assistência;
 Visibilidade de oportunidades por meio da educação
permanente;
Aprendizados e avanços
Oportunidades para a capacitação de
CERs e NASF.
Oportunidade de conhecimento de
ferramentas para a elaboração de um Plano
de Ação pautado em eixos norteadores.
Criação de uma equipe intersetorial para o
desenvolvimento de ações de
enfrentamento e elaboração do plano de
ação estadual.
Intensificação de Educação em Saúde,
com ações voltadas a educação sexual e
reprodutiva, combate ao Aedes aegypti,
prevenção e proteção individual e
orientações sobre a SCZ;
Perspectivas e desafios
Promover seguimento adequado à gestante.
Promover seguimento adequado aos RNs, em
especial nos casos de qualquer má formação.
Acompanhar as estratégias para a qualificação
da estimulação precoce multiprofissional para
um melhor prognóstico.
Monitorar as redes de apoio e assistência aos
pacientes acometidos.
 Orientar o aperfeiçoamento da rede de laboratórios no estado.
 Estimular o cuidado integral às famílias.
 
Perspectivas e desafios
Propor a formação e qualificação de
profissionais sensíveis e preparados para o
cuidar por meio da Educação formal e a
Educação Permanente ofertada.
Estimular ações intersetoriais no sentido de
ampliar creches e escolas para as crianças,
visando escolas inclusivas e com atendimento
integral.
Multiplicar saberes nos 102 municípios do
estado de Alagoas para a qualificação da gestão
e do cuidado.
Promover a instituição de equipes dedicadas
locais com ênfase nos territórios dos NASFs
Promover a redução do número de ESF
vinculadas a cada NASF, garantindo
acompanhamento longitudinal.
 
Experiência do município de União dos
Palmares
• As equipes multi e interdisciplinares do Núcleo de
Apoio à Saúde da Família fazem as visitas domiciliares
às crianças com Microcefalia após a triagem das
Equipes de Saúde da Família. Na visita inicial são feitas
orientações no âmbito da nutrição, fonoaudiologia,
psicologia e fisioterapia, assim como analisada a
situação geral da família com a assistente social.​
• O encaminhamento dos casos para a equipe do Centro
de Reabilitação é feito para que o acompanhamento
semanal e longitudinal seja integrado entre
fisioterapeuta, fonoaudióloga e terapeuta
ocupacional. Ainda assim há uma contra referência
informal entre NASF e Centro de Reabilitação pois o
diálogo entre estas equipes é constante.​
Experiência do município de Arapiraca
• Espaço Nascer: implantação do
Ambulatório de seguimento do Recém
nascido de alto risco (equipe
multidisciplinar obstetras, neonatologista,
pediatras, Enfermeiro, psicólogo,
nutricionista, fisioterapeuta,
Fonoaudiólogo)
• Reativação Comitê de prevenção e redução
de mortalidade materno infantil
• Educação permanente: treinamento em
teste do pezinho para enfermeiros e
técnicos; Curso AIDPI _ Atenção integrada
as doenças prevalentes na infância para
enfermeiros e médicos da atenção básica;
• Implantação do Projeto Pai Presente
Ações intersetoriais
É fazendo que se aprende a fazer aquilo que se deve
aprender a fazer!
Aristóteles
Obrigada!
notifica@saude.al.gov.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

LTEC - UFF - PROJETO ATITUDE POSITIVA
LTEC - UFF -    PROJETO ATITUDE POSITIVALTEC - UFF -    PROJETO ATITUDE POSITIVA
LTEC - UFF - PROJETO ATITUDE POSITIVA
LATEC - UFF
 
Dente escola 2010
Dente escola 2010Dente escola 2010
Dente escola 2010
Dessa Reis
 
Sintonia da saúde 26-07-17
Sintonia da saúde 26-07-17Sintonia da saúde 26-07-17
Sintonia da saúde 26-07-17
Jornal Correio do Sul
 
Seminário Mais Infância: Josbertini Clementino
Seminário Mais Infância: Josbertini Clementino Seminário Mais Infância: Josbertini Clementino
Seminário Mais Infância: Josbertini Clementino
Governo do Estado do Ceará
 
Ati3.3
Ati3.3Ati3.3
Ati3.3
Ati3.3Ati3.3
Ativ 3.3
Ativ 3.3Ativ 3.3
Ativ 3.3
massamassa
 
ApresentaçãO Ser SaúDavel MarçO 2010
ApresentaçãO Ser SaúDavel MarçO 2010ApresentaçãO Ser SaúDavel MarçO 2010
ApresentaçãO Ser SaúDavel MarçO 2010
Tania Fonseca
 
Acompanhamento frequencia escolar
Acompanhamento frequencia escolarAcompanhamento frequencia escolar
Acompanhamento frequencia escolar
Educacastelo Rede de Sucesso
 
Motivos de baixa frequencia
Motivos de baixa frequenciaMotivos de baixa frequencia
Motivos de baixa frequencia
Mônix Sousa
 
Seminário Mais Infância Ceará: Fabiano piúba cultura
Seminário Mais Infância Ceará: Fabiano piúba culturaSeminário Mais Infância Ceará: Fabiano piúba cultura
Seminário Mais Infância Ceará: Fabiano piúba cultura
Governo do Estado do Ceará
 
Seminário Internacional Mais Infância: Janet leguas
Seminário Internacional Mais Infância: Janet leguasSeminário Internacional Mais Infância: Janet leguas
Seminário Internacional Mais Infância: Janet leguas
Governo do Estado do Ceará
 
TABELA DE MOTIVOS DE BAIXA FREQUÊNCIA - PROJETO PRESENÇA
TABELA DE MOTIVOS DE BAIXA FREQUÊNCIA - PROJETO PRESENÇATABELA DE MOTIVOS DE BAIXA FREQUÊNCIA - PROJETO PRESENÇA
TABELA DE MOTIVOS DE BAIXA FREQUÊNCIA - PROJETO PRESENÇA
Anderson Ramos
 
Dente escola 2010
Dente escola 2010Dente escola 2010
Dente escola 2010
Dessa Reis
 
Rede cegonha 24022011
Rede cegonha 24022011Rede cegonha 24022011
Rede cegonha 24022011
jorge luiz dos santos de souza
 
Isabela Garcia Andrade - 30mai14 1º Congresso A&R SUS
Isabela Garcia Andrade - 30mai14 1º Congresso A&R SUSIsabela Garcia Andrade - 30mai14 1º Congresso A&R SUS
Isabela Garcia Andrade - 30mai14 1º Congresso A&R SUS
Autismo & Realidade
 

Mais procurados (16)

LTEC - UFF - PROJETO ATITUDE POSITIVA
LTEC - UFF -    PROJETO ATITUDE POSITIVALTEC - UFF -    PROJETO ATITUDE POSITIVA
LTEC - UFF - PROJETO ATITUDE POSITIVA
 
Dente escola 2010
Dente escola 2010Dente escola 2010
Dente escola 2010
 
Sintonia da saúde 26-07-17
Sintonia da saúde 26-07-17Sintonia da saúde 26-07-17
Sintonia da saúde 26-07-17
 
Seminário Mais Infância: Josbertini Clementino
Seminário Mais Infância: Josbertini Clementino Seminário Mais Infância: Josbertini Clementino
Seminário Mais Infância: Josbertini Clementino
 
Ati3.3
Ati3.3Ati3.3
Ati3.3
 
Ati3.3
Ati3.3Ati3.3
Ati3.3
 
Ativ 3.3
Ativ 3.3Ativ 3.3
Ativ 3.3
 
ApresentaçãO Ser SaúDavel MarçO 2010
ApresentaçãO Ser SaúDavel MarçO 2010ApresentaçãO Ser SaúDavel MarçO 2010
ApresentaçãO Ser SaúDavel MarçO 2010
 
Acompanhamento frequencia escolar
Acompanhamento frequencia escolarAcompanhamento frequencia escolar
Acompanhamento frequencia escolar
 
Motivos de baixa frequencia
Motivos de baixa frequenciaMotivos de baixa frequencia
Motivos de baixa frequencia
 
Seminário Mais Infância Ceará: Fabiano piúba cultura
Seminário Mais Infância Ceará: Fabiano piúba culturaSeminário Mais Infância Ceará: Fabiano piúba cultura
Seminário Mais Infância Ceará: Fabiano piúba cultura
 
Seminário Internacional Mais Infância: Janet leguas
Seminário Internacional Mais Infância: Janet leguasSeminário Internacional Mais Infância: Janet leguas
Seminário Internacional Mais Infância: Janet leguas
 
TABELA DE MOTIVOS DE BAIXA FREQUÊNCIA - PROJETO PRESENÇA
TABELA DE MOTIVOS DE BAIXA FREQUÊNCIA - PROJETO PRESENÇATABELA DE MOTIVOS DE BAIXA FREQUÊNCIA - PROJETO PRESENÇA
TABELA DE MOTIVOS DE BAIXA FREQUÊNCIA - PROJETO PRESENÇA
 
Dente escola 2010
Dente escola 2010Dente escola 2010
Dente escola 2010
 
Rede cegonha 24022011
Rede cegonha 24022011Rede cegonha 24022011
Rede cegonha 24022011
 
Isabela Garcia Andrade - 30mai14 1º Congresso A&R SUS
Isabela Garcia Andrade - 30mai14 1º Congresso A&R SUSIsabela Garcia Andrade - 30mai14 1º Congresso A&R SUS
Isabela Garcia Andrade - 30mai14 1º Congresso A&R SUS
 

Semelhante a Crianças com síndrome congênita associada à infecção pelo vírus Zika – Alagoas

Assistência a criança com Microcefalia
Assistência  a criança com  MicrocefaliaAssistência  a criança com  Microcefalia
Assistência a criança com Microcefalia
Portal da Inovação em Saúde
 
PROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR
PROJETO TERAPÊUTICO SINGULARPROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR
PROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR
Portal da Inovação em Saúde
 
Seminário..[1]
Seminário..[1]Seminário..[1]
Seminário..[1]
lu4_4lu
 
A experiência do Estado do Ceará no enfrentamento à síndrome congênita do Zik...
A experiência do Estado do Ceará no enfrentamento à síndrome congênita do Zik...A experiência do Estado do Ceará no enfrentamento à síndrome congênita do Zik...
A experiência do Estado do Ceará no enfrentamento à síndrome congênita do Zik...
Governo do Estado do Ceará
 
Seminario nasf revisado 25 03-13
Seminario nasf revisado 25 03-13Seminario nasf revisado 25 03-13
Seminario nasf revisado 25 03-13
Lucas Matos
 
Seminario nasf revisado 25 03-13
Seminario nasf revisado 25 03-13Seminario nasf revisado 25 03-13
Seminario nasf revisado 25 03-13
Lucas Matos
 
Defesa de TCC | Fabiane Rodrigues Bessa
Defesa de TCC | Fabiane Rodrigues BessaDefesa de TCC | Fabiane Rodrigues Bessa
Defesa de TCC | Fabiane Rodrigues Bessa
Especialização em Saúde da Família - EaD - UFPEl
 
Programa de Saúde nas Escolas para Criança e Adolescentes.pptx
Programa de Saúde nas Escolas para Criança e Adolescentes.pptxPrograma de Saúde nas Escolas para Criança e Adolescentes.pptx
Programa de Saúde nas Escolas para Criança e Adolescentes.pptx
Natiele Café
 
Intervenção precoce na infância em portugal
Intervenção precoce na infância em portugal Intervenção precoce na infância em portugal
Intervenção precoce na infância em portugal
Debora_Marques
 
PNAISC.pdf
PNAISC.pdfPNAISC.pdf
PNAISC.pdf
ShesterDamaceno1
 
Seminário Internacional Mais Infância: Henrique javi saúde
Seminário Internacional Mais Infância: Henrique javi saúdeSeminário Internacional Mais Infância: Henrique javi saúde
Seminário Internacional Mais Infância: Henrique javi saúde
Governo do Estado do Ceará
 
Balanço da Emergência de Saúde Pública: avanços e desafios atuais para a vigi...
Balanço da Emergência de Saúde Pública: avanços e desafios atuais para a vigi...Balanço da Emergência de Saúde Pública: avanços e desafios atuais para a vigi...
Balanço da Emergência de Saúde Pública: avanços e desafios atuais para a vigi...
Portal da Inovação em Saúde
 
Apresentaçao PIM - XXI Semana Estadual da Pessoa com Deficiência
Apresentaçao PIM - XXI Semana Estadual da Pessoa com DeficiênciaApresentaçao PIM - XXI Semana Estadual da Pessoa com Deficiência
Apresentaçao PIM - XXI Semana Estadual da Pessoa com Deficiência
Pim Das Ses
 
Ricardo Bordini do Amaral
Ricardo Bordini do AmaralRicardo Bordini do Amaral
Coordenadoria Regional de Saúde Centro - Seminário Desenvolvimento Infantil e...
Coordenadoria Regional de Saúde Centro - Seminário Desenvolvimento Infantil e...Coordenadoria Regional de Saúde Centro - Seminário Desenvolvimento Infantil e...
Coordenadoria Regional de Saúde Centro - Seminário Desenvolvimento Infantil e...
Centro de Desenvolvimento, Ensino e Pesquisa em Saúde - CEDEPS
 
Hq spe guia do professor
Hq spe   guia do professorHq spe   guia do professor
Hq spe guia do professor
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
Aula - Linhas de cuidado na saúde da criança.pptx
Aula - Linhas de cuidado na saúde da criança.pptxAula - Linhas de cuidado na saúde da criança.pptx
Aula - Linhas de cuidado na saúde da criança.pptx
Márcio Cristiano de Melo
 
AMPLIAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA ÀS CRIANÇAS COM SÍNDROME CONGÊNIT...
AMPLIAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA ÀS CRIANÇAS COM SÍNDROME CONGÊNIT...AMPLIAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA ÀS CRIANÇAS COM SÍNDROME CONGÊNIT...
AMPLIAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA ÀS CRIANÇAS COM SÍNDROME CONGÊNIT...
Portal da Inovação em Saúde
 
Curso sobre aleitamento materno
Curso sobre aleitamento maternoCurso sobre aleitamento materno
Curso sobre aleitamento materno
Juninho Spina
 
Anais do XI ENAM - V ENACS - 3rd WBC & 1st WCFC / 2a. parte
Anais do XI ENAM - V ENACS - 3rd WBC & 1st WCFC / 2a. parte Anais do XI ENAM - V ENACS - 3rd WBC & 1st WCFC / 2a. parte
Anais do XI ENAM - V ENACS - 3rd WBC & 1st WCFC / 2a. parte
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 

Semelhante a Crianças com síndrome congênita associada à infecção pelo vírus Zika – Alagoas (20)

Assistência a criança com Microcefalia
Assistência  a criança com  MicrocefaliaAssistência  a criança com  Microcefalia
Assistência a criança com Microcefalia
 
PROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR
PROJETO TERAPÊUTICO SINGULARPROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR
PROJETO TERAPÊUTICO SINGULAR
 
Seminário..[1]
Seminário..[1]Seminário..[1]
Seminário..[1]
 
A experiência do Estado do Ceará no enfrentamento à síndrome congênita do Zik...
A experiência do Estado do Ceará no enfrentamento à síndrome congênita do Zik...A experiência do Estado do Ceará no enfrentamento à síndrome congênita do Zik...
A experiência do Estado do Ceará no enfrentamento à síndrome congênita do Zik...
 
Seminario nasf revisado 25 03-13
Seminario nasf revisado 25 03-13Seminario nasf revisado 25 03-13
Seminario nasf revisado 25 03-13
 
Seminario nasf revisado 25 03-13
Seminario nasf revisado 25 03-13Seminario nasf revisado 25 03-13
Seminario nasf revisado 25 03-13
 
Defesa de TCC | Fabiane Rodrigues Bessa
Defesa de TCC | Fabiane Rodrigues BessaDefesa de TCC | Fabiane Rodrigues Bessa
Defesa de TCC | Fabiane Rodrigues Bessa
 
Programa de Saúde nas Escolas para Criança e Adolescentes.pptx
Programa de Saúde nas Escolas para Criança e Adolescentes.pptxPrograma de Saúde nas Escolas para Criança e Adolescentes.pptx
Programa de Saúde nas Escolas para Criança e Adolescentes.pptx
 
Intervenção precoce na infância em portugal
Intervenção precoce na infância em portugal Intervenção precoce na infância em portugal
Intervenção precoce na infância em portugal
 
PNAISC.pdf
PNAISC.pdfPNAISC.pdf
PNAISC.pdf
 
Seminário Internacional Mais Infância: Henrique javi saúde
Seminário Internacional Mais Infância: Henrique javi saúdeSeminário Internacional Mais Infância: Henrique javi saúde
Seminário Internacional Mais Infância: Henrique javi saúde
 
Balanço da Emergência de Saúde Pública: avanços e desafios atuais para a vigi...
Balanço da Emergência de Saúde Pública: avanços e desafios atuais para a vigi...Balanço da Emergência de Saúde Pública: avanços e desafios atuais para a vigi...
Balanço da Emergência de Saúde Pública: avanços e desafios atuais para a vigi...
 
Apresentaçao PIM - XXI Semana Estadual da Pessoa com Deficiência
Apresentaçao PIM - XXI Semana Estadual da Pessoa com DeficiênciaApresentaçao PIM - XXI Semana Estadual da Pessoa com Deficiência
Apresentaçao PIM - XXI Semana Estadual da Pessoa com Deficiência
 
Ricardo Bordini do Amaral
Ricardo Bordini do AmaralRicardo Bordini do Amaral
Ricardo Bordini do Amaral
 
Coordenadoria Regional de Saúde Centro - Seminário Desenvolvimento Infantil e...
Coordenadoria Regional de Saúde Centro - Seminário Desenvolvimento Infantil e...Coordenadoria Regional de Saúde Centro - Seminário Desenvolvimento Infantil e...
Coordenadoria Regional de Saúde Centro - Seminário Desenvolvimento Infantil e...
 
Hq spe guia do professor
Hq spe   guia do professorHq spe   guia do professor
Hq spe guia do professor
 
Aula - Linhas de cuidado na saúde da criança.pptx
Aula - Linhas de cuidado na saúde da criança.pptxAula - Linhas de cuidado na saúde da criança.pptx
Aula - Linhas de cuidado na saúde da criança.pptx
 
AMPLIAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA ÀS CRIANÇAS COM SÍNDROME CONGÊNIT...
AMPLIAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA ÀS CRIANÇAS COM SÍNDROME CONGÊNIT...AMPLIAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA ÀS CRIANÇAS COM SÍNDROME CONGÊNIT...
AMPLIAÇÃO E DESCENTRALIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA ÀS CRIANÇAS COM SÍNDROME CONGÊNIT...
 
Curso sobre aleitamento materno
Curso sobre aleitamento maternoCurso sobre aleitamento materno
Curso sobre aleitamento materno
 
Anais do XI ENAM - V ENACS - 3rd WBC & 1st WCFC / 2a. parte
Anais do XI ENAM - V ENACS - 3rd WBC & 1st WCFC / 2a. parte Anais do XI ENAM - V ENACS - 3rd WBC & 1st WCFC / 2a. parte
Anais do XI ENAM - V ENACS - 3rd WBC & 1st WCFC / 2a. parte
 

Mais de Portal da Inovação em Saúde

Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil: perspect...
Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil:  perspect...Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil:  perspect...
Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil: perspect...
Portal da Inovação em Saúde
 
Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil: perspect...
Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil:  perspect...Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil:  perspect...
Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil: perspect...
Portal da Inovação em Saúde
 
Caracterização dos casos de MPOX - IIER
Caracterização dos casos de  MPOX - IIERCaracterização dos casos de  MPOX - IIER
Caracterização dos casos de MPOX - IIER
Portal da Inovação em Saúde
 
Perfil clínico-epidemiológico dos casos de Mpox no Amazonas
Perfil clínico-epidemiológico dos casos de Mpox no AmazonasPerfil clínico-epidemiológico dos casos de Mpox no Amazonas
Perfil clínico-epidemiológico dos casos de Mpox no Amazonas
Portal da Inovação em Saúde
 
Resultados da Pesquisa Mpox da Plataforma Clínica Global OMS Goiânia-Goiás
Resultados da Pesquisa Mpox da Plataforma Clínica Global OMS  Goiânia-GoiásResultados da Pesquisa Mpox da Plataforma Clínica Global OMS  Goiânia-Goiás
Resultados da Pesquisa Mpox da Plataforma Clínica Global OMS Goiânia-Goiás
Portal da Inovação em Saúde
 
Hospital São José de Doenças Infecciosas – SES CE
Hospital São José de Doenças Infecciosas – SES CEHospital São José de Doenças Infecciosas – SES CE
Hospital São José de Doenças Infecciosas – SES CE
Portal da Inovação em Saúde
 
Surto de MPX – experiência do Município de Florianópolis.
Surto de MPX – experiência do Município de Florianópolis.Surto de MPX – experiência do Município de Florianópolis.
Surto de MPX – experiência do Município de Florianópolis.
Portal da Inovação em Saúde
 
Projeto Plataforma Clínica Global para Mpox da OMS: experiência do município ...
Projeto Plataforma Clínica Global para Mpox da OMS: experiência do município ...Projeto Plataforma Clínica Global para Mpox da OMS: experiência do município ...
Projeto Plataforma Clínica Global para Mpox da OMS: experiência do município ...
Portal da Inovação em Saúde
 
7 - APRESENTACAO MPOX_POA_Natália Aredes.pptx
7 - APRESENTACAO MPOX_POA_Natália Aredes.pptx7 - APRESENTACAO MPOX_POA_Natália Aredes.pptx
7 - APRESENTACAO MPOX_POA_Natália Aredes.pptx
Portal da Inovação em Saúde
 
ESTUDO DE CoORTE RETROSPECTIVO PÓS-COVID UBS SANTA CECÍLIA / HCPA
ESTUDO DE CoORTE RETROSPECTIVO PÓS-COVID UBS SANTA CECÍLIA / HCPAESTUDO DE CoORTE RETROSPECTIVO PÓS-COVID UBS SANTA CECÍLIA / HCPA
ESTUDO DE CoORTE RETROSPECTIVO PÓS-COVID UBS SANTA CECÍLIA / HCPA
Portal da Inovação em Saúde
 
Hospital da Criança de Brasília José Alencar
Hospital da Criança de Brasília José AlencarHospital da Criança de Brasília José Alencar
Hospital da Criança de Brasília José Alencar
Portal da Inovação em Saúde
 
Identificação de casos de Pós-Covid em Florianópolis-SC: resultados da cooper...
Identificação de casos de Pós-Covid em Florianópolis-SC: resultados da cooper...Identificação de casos de Pós-Covid em Florianópolis-SC: resultados da cooper...
Identificação de casos de Pós-Covid em Florianópolis-SC: resultados da cooper...
Portal da Inovação em Saúde
 
Compartilhando experiências da Rede Colaborativa Brasil - Pesquisa Pós-Covid ...
Compartilhando experiências da Rede Colaborativa Brasil - Pesquisa Pós-Covid ...Compartilhando experiências da Rede Colaborativa Brasil - Pesquisa Pós-Covid ...
Compartilhando experiências da Rede Colaborativa Brasil - Pesquisa Pós-Covid ...
Portal da Inovação em Saúde
 
Pós-Covid no âmbito da Plataforma Clínica Global OMS
Pós-Covid no âmbito da Plataforma Clínica Global OMSPós-Covid no âmbito da Plataforma Clínica Global OMS
Pós-Covid no âmbito da Plataforma Clínica Global OMS
Portal da Inovação em Saúde
 
Estratégia digital para a identificação de casos Pós-Covid
Estratégia digital para a identificação de casos Pós-CovidEstratégia digital para a identificação de casos Pós-Covid
Estratégia digital para a identificação de casos Pós-Covid
Portal da Inovação em Saúde
 
Leitura em voz alta passo a passo
Leitura em voz alta passo a passoLeitura em voz alta passo a passo
Leitura em voz alta passo a passo
Portal da Inovação em Saúde
 
Projeto Epa de Saúde Mental na Atenção Primária em Saúde
Projeto Epa de Saúde Mental na Atenção Primária em SaúdeProjeto Epa de Saúde Mental na Atenção Primária em Saúde
Projeto Epa de Saúde Mental na Atenção Primária em Saúde
Portal da Inovação em Saúde
 
Comunidade de Fala
Comunidade de FalaComunidade de Fala
Comunidade de Fala
Portal da Inovação em Saúde
 
Pré-conferências de caráter territorial como proposta estratégica para potenc...
Pré-conferências de caráter territorial como proposta estratégica para potenc...Pré-conferências de caráter territorial como proposta estratégica para potenc...
Pré-conferências de caráter territorial como proposta estratégica para potenc...
Portal da Inovação em Saúde
 
APRESENTAÇÃO PAULO.pptx
APRESENTAÇÃO PAULO.pptxAPRESENTAÇÃO PAULO.pptx
APRESENTAÇÃO PAULO.pptx
Portal da Inovação em Saúde
 

Mais de Portal da Inovação em Saúde (20)

Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil: perspect...
Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil:  perspect...Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil:  perspect...
Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil: perspect...
 
Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil: perspect...
Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil:  perspect...Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil:  perspect...
Da organização do grupo de pesquisadores à Rede de Pesquisa Brasil: perspect...
 
Caracterização dos casos de MPOX - IIER
Caracterização dos casos de  MPOX - IIERCaracterização dos casos de  MPOX - IIER
Caracterização dos casos de MPOX - IIER
 
Perfil clínico-epidemiológico dos casos de Mpox no Amazonas
Perfil clínico-epidemiológico dos casos de Mpox no AmazonasPerfil clínico-epidemiológico dos casos de Mpox no Amazonas
Perfil clínico-epidemiológico dos casos de Mpox no Amazonas
 
Resultados da Pesquisa Mpox da Plataforma Clínica Global OMS Goiânia-Goiás
Resultados da Pesquisa Mpox da Plataforma Clínica Global OMS  Goiânia-GoiásResultados da Pesquisa Mpox da Plataforma Clínica Global OMS  Goiânia-Goiás
Resultados da Pesquisa Mpox da Plataforma Clínica Global OMS Goiânia-Goiás
 
Hospital São José de Doenças Infecciosas – SES CE
Hospital São José de Doenças Infecciosas – SES CEHospital São José de Doenças Infecciosas – SES CE
Hospital São José de Doenças Infecciosas – SES CE
 
Surto de MPX – experiência do Município de Florianópolis.
Surto de MPX – experiência do Município de Florianópolis.Surto de MPX – experiência do Município de Florianópolis.
Surto de MPX – experiência do Município de Florianópolis.
 
Projeto Plataforma Clínica Global para Mpox da OMS: experiência do município ...
Projeto Plataforma Clínica Global para Mpox da OMS: experiência do município ...Projeto Plataforma Clínica Global para Mpox da OMS: experiência do município ...
Projeto Plataforma Clínica Global para Mpox da OMS: experiência do município ...
 
7 - APRESENTACAO MPOX_POA_Natália Aredes.pptx
7 - APRESENTACAO MPOX_POA_Natália Aredes.pptx7 - APRESENTACAO MPOX_POA_Natália Aredes.pptx
7 - APRESENTACAO MPOX_POA_Natália Aredes.pptx
 
ESTUDO DE CoORTE RETROSPECTIVO PÓS-COVID UBS SANTA CECÍLIA / HCPA
ESTUDO DE CoORTE RETROSPECTIVO PÓS-COVID UBS SANTA CECÍLIA / HCPAESTUDO DE CoORTE RETROSPECTIVO PÓS-COVID UBS SANTA CECÍLIA / HCPA
ESTUDO DE CoORTE RETROSPECTIVO PÓS-COVID UBS SANTA CECÍLIA / HCPA
 
Hospital da Criança de Brasília José Alencar
Hospital da Criança de Brasília José AlencarHospital da Criança de Brasília José Alencar
Hospital da Criança de Brasília José Alencar
 
Identificação de casos de Pós-Covid em Florianópolis-SC: resultados da cooper...
Identificação de casos de Pós-Covid em Florianópolis-SC: resultados da cooper...Identificação de casos de Pós-Covid em Florianópolis-SC: resultados da cooper...
Identificação de casos de Pós-Covid em Florianópolis-SC: resultados da cooper...
 
Compartilhando experiências da Rede Colaborativa Brasil - Pesquisa Pós-Covid ...
Compartilhando experiências da Rede Colaborativa Brasil - Pesquisa Pós-Covid ...Compartilhando experiências da Rede Colaborativa Brasil - Pesquisa Pós-Covid ...
Compartilhando experiências da Rede Colaborativa Brasil - Pesquisa Pós-Covid ...
 
Pós-Covid no âmbito da Plataforma Clínica Global OMS
Pós-Covid no âmbito da Plataforma Clínica Global OMSPós-Covid no âmbito da Plataforma Clínica Global OMS
Pós-Covid no âmbito da Plataforma Clínica Global OMS
 
Estratégia digital para a identificação de casos Pós-Covid
Estratégia digital para a identificação de casos Pós-CovidEstratégia digital para a identificação de casos Pós-Covid
Estratégia digital para a identificação de casos Pós-Covid
 
Leitura em voz alta passo a passo
Leitura em voz alta passo a passoLeitura em voz alta passo a passo
Leitura em voz alta passo a passo
 
Projeto Epa de Saúde Mental na Atenção Primária em Saúde
Projeto Epa de Saúde Mental na Atenção Primária em SaúdeProjeto Epa de Saúde Mental na Atenção Primária em Saúde
Projeto Epa de Saúde Mental na Atenção Primária em Saúde
 
Comunidade de Fala
Comunidade de FalaComunidade de Fala
Comunidade de Fala
 
Pré-conferências de caráter territorial como proposta estratégica para potenc...
Pré-conferências de caráter territorial como proposta estratégica para potenc...Pré-conferências de caráter territorial como proposta estratégica para potenc...
Pré-conferências de caráter territorial como proposta estratégica para potenc...
 
APRESENTAÇÃO PAULO.pptx
APRESENTAÇÃO PAULO.pptxAPRESENTAÇÃO PAULO.pptx
APRESENTAÇÃO PAULO.pptx
 

Último

introdução a psicologia voltada a ASB.pptx
introdução a psicologia  voltada a ASB.pptxintrodução a psicologia  voltada a ASB.pptx
introdução a psicologia voltada a ASB.pptx
profafernandacesa
 
1-A Organização do Sistema de Saúde e a Atenção Primária à Saúde (APS) no Bra...
1-A Organização do Sistema de Saúde e a Atenção Primária à Saúde (APS) no Bra...1-A Organização do Sistema de Saúde e a Atenção Primária à Saúde (APS) no Bra...
1-A Organização do Sistema de Saúde e a Atenção Primária à Saúde (APS) no Bra...
LuFelype
 
mapas-mentais---calculo-de-medicacoes_1-3.pdf
mapas-mentais---calculo-de-medicacoes_1-3.pdfmapas-mentais---calculo-de-medicacoes_1-3.pdf
mapas-mentais---calculo-de-medicacoes_1-3.pdf
AdrianoPompiroCarval
 
Tecnicas-de-Instrumentacao-Cirurgica-Em-Cirurgia-Geral-e-Em-Videolaparoscopia...
Tecnicas-de-Instrumentacao-Cirurgica-Em-Cirurgia-Geral-e-Em-Videolaparoscopia...Tecnicas-de-Instrumentacao-Cirurgica-Em-Cirurgia-Geral-e-Em-Videolaparoscopia...
Tecnicas-de-Instrumentacao-Cirurgica-Em-Cirurgia-Geral-e-Em-Videolaparoscopia...
Fabiano Pessanha
 
Prevenção/tratamento de Intercorrências na estética minimamente invasiva
Prevenção/tratamento de Intercorrências na estética minimamente invasivaPrevenção/tratamento de Intercorrências na estética minimamente invasiva
Prevenção/tratamento de Intercorrências na estética minimamente invasiva
ClarissaNiederuaer
 
Guia completo para secar de maneira saudável
Guia completo para secar de maneira saudávelGuia completo para secar de maneira saudável
Guia completo para secar de maneira saudável
barbosakennedy04
 
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptxA-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
walterjose20
 

Último (7)

introdução a psicologia voltada a ASB.pptx
introdução a psicologia  voltada a ASB.pptxintrodução a psicologia  voltada a ASB.pptx
introdução a psicologia voltada a ASB.pptx
 
1-A Organização do Sistema de Saúde e a Atenção Primária à Saúde (APS) no Bra...
1-A Organização do Sistema de Saúde e a Atenção Primária à Saúde (APS) no Bra...1-A Organização do Sistema de Saúde e a Atenção Primária à Saúde (APS) no Bra...
1-A Organização do Sistema de Saúde e a Atenção Primária à Saúde (APS) no Bra...
 
mapas-mentais---calculo-de-medicacoes_1-3.pdf
mapas-mentais---calculo-de-medicacoes_1-3.pdfmapas-mentais---calculo-de-medicacoes_1-3.pdf
mapas-mentais---calculo-de-medicacoes_1-3.pdf
 
Tecnicas-de-Instrumentacao-Cirurgica-Em-Cirurgia-Geral-e-Em-Videolaparoscopia...
Tecnicas-de-Instrumentacao-Cirurgica-Em-Cirurgia-Geral-e-Em-Videolaparoscopia...Tecnicas-de-Instrumentacao-Cirurgica-Em-Cirurgia-Geral-e-Em-Videolaparoscopia...
Tecnicas-de-Instrumentacao-Cirurgica-Em-Cirurgia-Geral-e-Em-Videolaparoscopia...
 
Prevenção/tratamento de Intercorrências na estética minimamente invasiva
Prevenção/tratamento de Intercorrências na estética minimamente invasivaPrevenção/tratamento de Intercorrências na estética minimamente invasiva
Prevenção/tratamento de Intercorrências na estética minimamente invasiva
 
Guia completo para secar de maneira saudável
Guia completo para secar de maneira saudávelGuia completo para secar de maneira saudável
Guia completo para secar de maneira saudável
 
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptxA-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
A-Importancia-da-Saude-Mental-na-Juventude.pptx
 

Crianças com síndrome congênita associada à infecção pelo vírus Zika – Alagoas

  • 1. Waldinéa Silva Responsável Técnica do Centro de Informações Estratégicas e Resposta em Vigilância em Saúde –CIEVS Superintendência de Vigilãncia em Saúde – SUVISA waldinea.maria@saude.al.gov.br notifica-ses.@saude.al.gov.br Crianças com síndrome congênita associada à infecção pelo vírus Zika – Alagoas Experiência de resposta à emergência
  • 2. Histórico 2015 Novembro: Primeiros casos notificados em Alagoas; Técnicos da SES/AL fazem visita à SES/PE; Notificação ao CIEVS/AL dos RNs que atendiam à definição de caso. Dezembro Elaboração do protocolo de atenção aos casos de microcefalia; Implantação de unidades sentinelas para coleta de sangue das gestantes com exantema; Início da realização de exame de imagem (TCC); Reunião com coordenadores de Vigilância Epidemiológica (VE) e Atenção Básica (AB) com foco na definição de caso e no fluxo de atendimento aos RNs.
  • 3. Histórico 2016 Participação da Estratégia de Ação Rápida (EAR). Participação direta da AB no processo de monitoramento dos casos (agendamento de exames; orientação aos NASFs...). Apresentação do fluxo de atendimento no fórum da Rede Cegonha. Monitoramento da puericultura pela AB estadual. Criação do Grupo: CIRANDA DO CUIDADO – Maceió. Capacitação de CERs e NASF. NASF com equipe mínima realiza triagem, encaminhamento e acompanhamento dos casos no próprio território.
  • 4. Histórico 2017 Participação na Estratégia de Qualificação e do Cuidado para a Atenção Integral às Crianças com SCvZ e STORCH, e suas famílias. Participação na Feira Zika, em Salvador. Projeto de avaliação in loco dos casos descartados. Criação do Grupo Micro Estrelinhas – Palmeira dos Índios. Participação no projeto “Expresso Nana”. Elaboração do Plano de Ação Estadual baseado em 4 eixos (Saúde Sexual e Reprodutiva, Cuidado Integral à Criança, Cuidado Integral às Famílias e Educação permanente) O município de Arapiraca constituiu a Equipe Dedicada (Atenção Básica – Saúde da Criança, Saúde da Mulher, Saúde do Homem e Saúde Bucal, PSE, CRAS, CREAS e Conselho Tutelar)
  • 5. Casos confirmados e prováveis de infecção congênita, segundo município de residência, Alagoas, 2015/2017. Fonte: CIEVS/SUVISA/SES
  • 6. Aprendizados e avanços Contribuiu para uma maior atenção e modificação de estratégias no controle de vetores (Governo x População x Organizações não governamentais); Contribuiu para uma maior atenção à qualidade da assistência durante o pré- natal;  Efetivação de trabalho integrado entre VS e AB;  Utilização na prática de um Plano de Emergência que atenda as demandas da VS e da assistência;  Visibilidade de oportunidades por meio da educação permanente;
  • 7. Aprendizados e avanços Oportunidades para a capacitação de CERs e NASF. Oportunidade de conhecimento de ferramentas para a elaboração de um Plano de Ação pautado em eixos norteadores. Criação de uma equipe intersetorial para o desenvolvimento de ações de enfrentamento e elaboração do plano de ação estadual. Intensificação de Educação em Saúde, com ações voltadas a educação sexual e reprodutiva, combate ao Aedes aegypti, prevenção e proteção individual e orientações sobre a SCZ;
  • 8. Perspectivas e desafios Promover seguimento adequado à gestante. Promover seguimento adequado aos RNs, em especial nos casos de qualquer má formação. Acompanhar as estratégias para a qualificação da estimulação precoce multiprofissional para um melhor prognóstico. Monitorar as redes de apoio e assistência aos pacientes acometidos.  Orientar o aperfeiçoamento da rede de laboratórios no estado.  Estimular o cuidado integral às famílias.  
  • 9. Perspectivas e desafios Propor a formação e qualificação de profissionais sensíveis e preparados para o cuidar por meio da Educação formal e a Educação Permanente ofertada. Estimular ações intersetoriais no sentido de ampliar creches e escolas para as crianças, visando escolas inclusivas e com atendimento integral. Multiplicar saberes nos 102 municípios do estado de Alagoas para a qualificação da gestão e do cuidado. Promover a instituição de equipes dedicadas locais com ênfase nos territórios dos NASFs Promover a redução do número de ESF vinculadas a cada NASF, garantindo acompanhamento longitudinal.  
  • 10. Experiência do município de União dos Palmares • As equipes multi e interdisciplinares do Núcleo de Apoio à Saúde da Família fazem as visitas domiciliares às crianças com Microcefalia após a triagem das Equipes de Saúde da Família. Na visita inicial são feitas orientações no âmbito da nutrição, fonoaudiologia, psicologia e fisioterapia, assim como analisada a situação geral da família com a assistente social.​ • O encaminhamento dos casos para a equipe do Centro de Reabilitação é feito para que o acompanhamento semanal e longitudinal seja integrado entre fisioterapeuta, fonoaudióloga e terapeuta ocupacional. Ainda assim há uma contra referência informal entre NASF e Centro de Reabilitação pois o diálogo entre estas equipes é constante.​
  • 11. Experiência do município de Arapiraca • Espaço Nascer: implantação do Ambulatório de seguimento do Recém nascido de alto risco (equipe multidisciplinar obstetras, neonatologista, pediatras, Enfermeiro, psicólogo, nutricionista, fisioterapeuta, Fonoaudiólogo) • Reativação Comitê de prevenção e redução de mortalidade materno infantil • Educação permanente: treinamento em teste do pezinho para enfermeiros e técnicos; Curso AIDPI _ Atenção integrada as doenças prevalentes na infância para enfermeiros e médicos da atenção básica; • Implantação do Projeto Pai Presente
  • 13. É fazendo que se aprende a fazer aquilo que se deve aprender a fazer! Aristóteles