SlideShare uma empresa Scribd logo
ESCOLA SECUNDÁRIA DR. AUGUSTO CÉSAR DA SILVA FERREIRA


Em que situações se utilizam determinadas técnicas de REPRODUÇÃO
ASSISTIDA?




I.A.- Inseminação artificial                    Oligospermia no homem
Esperma lavado colocado na vagina ou            Quando o homem é infértil ou
colo do útero                                   pode transmitir doença genética
                                                – esperma de dador
                                                Mulheres sem companheiro

Fecundação in vitro- FIV                        Mulher com bloqueio nas
                                                trompas de Falópio
                                                Um dos membros do casal tem
                                                uma doença de transmissão
                                                sexual incurável

Fecundação in vitro por                         O homem tem oligospermia ou %
microinjecção (ICSI)                            elevada de espermatozóides
                                                anormais (aumenta a taxa de
                                                sucesso)
                                                -Pode utilizar espermatozóides
                                                imaturos
                                                -Permite escolher o sexo

GIFT – transferência                            Mulher com bloqueio de trompas
intrafalopiana de gâmetas                       -Mais económico e com maior
Gâmetas depositados em conjunto nas             sucesso que a FIV
trompas, num local que ultrapassa a
obstrução

ZIFT - transferência intrafalopiana             Mulher com bloqueio de trompas
de zigoto                                       -Aumenta a taxa de sucesso da
Zigoto por fec. in vitro é colocado nas         nidação
trompas, num local que ultrapassa a
obstrução



DGPI - Implantação de embriões               Prevenção de nascimentos de
após diagnóstico genético pré-               crianças com doenças hereditárias
implantação                                  – fibrose quística, por ex.
Biopsia a um blastómero

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

FERTILIZAÇÃO IN VITRO
FERTILIZAÇÃO IN VITROFERTILIZAÇÃO IN VITRO
FERTILIZAÇÃO IN VITRO
Ceição Oliveira
 
Reprodução assisitida
Reprodução assisitidaReprodução assisitida
Reprodução assisitida
Rogério Oliveira
 
Reprodução assistida lar1
Reprodução assistida lar1Reprodução assistida lar1
Reprodução assistida lar1
Thales Simao
 
Gestação gemelar e anomalias gabi
Gestação gemelar e anomalias gabiGestação gemelar e anomalias gabi
Gestação gemelar e anomalias gabi
anessantoss
 
Reprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistidaReprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistida
Helena Sousa
 
infertilidade masculina
infertilidade masculinainfertilidade masculina
infertilidade masculina
grupoc1
 
Gemelaridade
GemelaridadeGemelaridade
Gemelaridade
Marina Sousa
 
Biologia Fernando 14 1 GêMeos
Biologia Fernando 14 1 GêMeosBiologia Fernando 14 1 GêMeos
Biologia Fernando 14 1 GêMeos
estevan_andrade
 
Inseminação artificial
Inseminação artificialInseminação artificial
Inseminação artificial
Robson Oliveira
 
Infertilidade humana
Infertilidade humanaInfertilidade humana
Infertilidade humana
Elisangela Candamba
 
Fertilização in vitro
Fertilização in vitroFertilização in vitro
Fertilização in vitro
Leonardo Ribeiro
 
FIV- 2
FIV- 2FIV- 2
FIV- 2
bcst12A
 
Gêmeos.4.4ºbim
Gêmeos.4.4ºbimGêmeos.4.4ºbim
Revisao8ano
Revisao8anoRevisao8ano
Revisao8ano
arvoredenoz
 
Fertilização in vitro
Fertilização in vitro Fertilização in vitro
Fertilização in vitro
Yara Vanessa Sousa da Silva
 
Técnicas de reprodução assistida icsi, gift e zift
Técnicas de reprodução assistida icsi, gift e ziftTécnicas de reprodução assistida icsi, gift e zift
Técnicas de reprodução assistida icsi, gift e zift
zeopas
 
Infertilidade Masculina
Infertilidade MasculinaInfertilidade Masculina
Infertilidade Masculina
Gijasilvelitz 2
 
Apresentação 2
Apresentação 2Apresentação 2
Apresentação 2
Michelee Nascimento
 
Infertilidade masculina (2) final
Infertilidade masculina (2) finalInfertilidade masculina (2) final
Infertilidade masculina (2) final
Cláudia Sofia
 

Mais procurados (19)

FERTILIZAÇÃO IN VITRO
FERTILIZAÇÃO IN VITROFERTILIZAÇÃO IN VITRO
FERTILIZAÇÃO IN VITRO
 
Reprodução assisitida
Reprodução assisitidaReprodução assisitida
Reprodução assisitida
 
Reprodução assistida lar1
Reprodução assistida lar1Reprodução assistida lar1
Reprodução assistida lar1
 
Gestação gemelar e anomalias gabi
Gestação gemelar e anomalias gabiGestação gemelar e anomalias gabi
Gestação gemelar e anomalias gabi
 
Reprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistidaReprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistida
 
infertilidade masculina
infertilidade masculinainfertilidade masculina
infertilidade masculina
 
Gemelaridade
GemelaridadeGemelaridade
Gemelaridade
 
Biologia Fernando 14 1 GêMeos
Biologia Fernando 14 1 GêMeosBiologia Fernando 14 1 GêMeos
Biologia Fernando 14 1 GêMeos
 
Inseminação artificial
Inseminação artificialInseminação artificial
Inseminação artificial
 
Infertilidade humana
Infertilidade humanaInfertilidade humana
Infertilidade humana
 
Fertilização in vitro
Fertilização in vitroFertilização in vitro
Fertilização in vitro
 
FIV- 2
FIV- 2FIV- 2
FIV- 2
 
Gêmeos.4.4ºbim
Gêmeos.4.4ºbimGêmeos.4.4ºbim
Gêmeos.4.4ºbim
 
Revisao8ano
Revisao8anoRevisao8ano
Revisao8ano
 
Fertilização in vitro
Fertilização in vitro Fertilização in vitro
Fertilização in vitro
 
Técnicas de reprodução assistida icsi, gift e zift
Técnicas de reprodução assistida icsi, gift e ziftTécnicas de reprodução assistida icsi, gift e zift
Técnicas de reprodução assistida icsi, gift e zift
 
Infertilidade Masculina
Infertilidade MasculinaInfertilidade Masculina
Infertilidade Masculina
 
Apresentação 2
Apresentação 2Apresentação 2
Apresentação 2
 
Infertilidade masculina (2) final
Infertilidade masculina (2) finalInfertilidade masculina (2) final
Infertilidade masculina (2) final
 

Destaque

Tarde Outubro 2010
Tarde Outubro 2010Tarde Outubro 2010
Tarde Outubro 2010joelmaelucio
 
Jovem guarda vol 3 ultra-comunicação
Jovem guarda vol 3   ultra-comunicaçãoJovem guarda vol 3   ultra-comunicação
Jovem guarda vol 3 ultra-comunicação
coletaneajovem
 
Carta aos Encarregados de Educação sobre AP
Carta aos Encarregados de Educação sobre APCarta aos Encarregados de Educação sobre AP
Carta aos Encarregados de Educação sobre AP
Area23
 
Capa OM
Capa OMCapa OM
Elizabeth palomeque palacios
Elizabeth palomeque palaciosElizabeth palomeque palacios
Elizabeth palomeque palacios
UrielMM
 
Tabela 2ºexercicio
Tabela 2ºexercicioTabela 2ºexercicio
Tabela 2ºexercicio
jorgeisantos
 
Sinalética de correção_textual_regras_vf
Sinalética de correção_textual_regras_vfSinalética de correção_textual_regras_vf
Sinalética de correção_textual_regras_vf
BE ESGN
 
Função exponencial
Função exponencialFunção exponencial
Função exponencial
alunosderoberto
 
Leida economizar agua
Leida economizar aguaLeida economizar agua
Leida economizar agua
Professoraleida
 
Proteção do consumidor nas compras eletrônicas
Proteção do consumidor nas compras eletrônicasProteção do consumidor nas compras eletrônicas
Proteção do consumidor nas compras eletrônicas
Ana Amelia Menna Barreto
 
A educação financeira dos filhos
A educação financeira dos filhosA educação financeira dos filhos
A educação financeira dos filhosConsumidor Racional
 
Infinito network presentación oficial v.1.0
Infinito network presentación oficial v.1.0Infinito network presentación oficial v.1.0
Infinito network presentación oficial v.1.0
Carlos Albuquerque
 
Ata de reunião n ¦ 003 - dia 06 de outubro de 2010
Ata de reunião n ¦ 003 - dia 06 de outubro de 2010Ata de reunião n ¦ 003 - dia 06 de outubro de 2010
Ata de reunião n ¦ 003 - dia 06 de outubro de 2010
Empresa Jr. Universidade Estácio de Sá
 
Programa de radio
Programa de radioPrograma de radio
Programa de radiosilsosa
 
E4P_PúblicoPrivadoBrasil_Bro_V31
E4P_PúblicoPrivadoBrasil_Bro_V31E4P_PúblicoPrivadoBrasil_Bro_V31
E4P_PúblicoPrivadoBrasil_Bro_V31
Giselle Quartin
 
Cesta 1
Cesta 1Cesta 1
Cesta 1
João Eduardo
 
Súmula jogo 12 amanhece 3 x 1 ceará
Súmula jogo 12   amanhece 3 x 1 cearáSúmula jogo 12   amanhece 3 x 1 ceará
Súmula jogo 12 amanhece 3 x 1 ceará
Semente Estratégica Consultoria Ltda
 

Destaque (20)

Tarde Outubro 2010
Tarde Outubro 2010Tarde Outubro 2010
Tarde Outubro 2010
 
B 003
B 003B 003
B 003
 
Jovem guarda vol 3 ultra-comunicação
Jovem guarda vol 3   ultra-comunicaçãoJovem guarda vol 3   ultra-comunicação
Jovem guarda vol 3 ultra-comunicação
 
Carta aos Encarregados de Educação sobre AP
Carta aos Encarregados de Educação sobre APCarta aos Encarregados de Educação sobre AP
Carta aos Encarregados de Educação sobre AP
 
Capa OM
Capa OMCapa OM
Capa OM
 
Elizabeth palomeque palacios
Elizabeth palomeque palaciosElizabeth palomeque palacios
Elizabeth palomeque palacios
 
Tabela 2ºexercicio
Tabela 2ºexercicioTabela 2ºexercicio
Tabela 2ºexercicio
 
Sinalética de correção_textual_regras_vf
Sinalética de correção_textual_regras_vfSinalética de correção_textual_regras_vf
Sinalética de correção_textual_regras_vf
 
Alberto salgado photo-1
Alberto salgado photo-1Alberto salgado photo-1
Alberto salgado photo-1
 
Função exponencial
Função exponencialFunção exponencial
Função exponencial
 
Leida economizar agua
Leida economizar aguaLeida economizar agua
Leida economizar agua
 
Proteção do consumidor nas compras eletrônicas
Proteção do consumidor nas compras eletrônicasProteção do consumidor nas compras eletrônicas
Proteção do consumidor nas compras eletrônicas
 
A educação financeira dos filhos
A educação financeira dos filhosA educação financeira dos filhos
A educação financeira dos filhos
 
Infinito network presentación oficial v.1.0
Infinito network presentación oficial v.1.0Infinito network presentación oficial v.1.0
Infinito network presentación oficial v.1.0
 
Final
FinalFinal
Final
 
Ata de reunião n ¦ 003 - dia 06 de outubro de 2010
Ata de reunião n ¦ 003 - dia 06 de outubro de 2010Ata de reunião n ¦ 003 - dia 06 de outubro de 2010
Ata de reunião n ¦ 003 - dia 06 de outubro de 2010
 
Programa de radio
Programa de radioPrograma de radio
Programa de radio
 
E4P_PúblicoPrivadoBrasil_Bro_V31
E4P_PúblicoPrivadoBrasil_Bro_V31E4P_PúblicoPrivadoBrasil_Bro_V31
E4P_PúblicoPrivadoBrasil_Bro_V31
 
Cesta 1
Cesta 1Cesta 1
Cesta 1
 
Súmula jogo 12 amanhece 3 x 1 ceará
Súmula jogo 12   amanhece 3 x 1 cearáSúmula jogo 12   amanhece 3 x 1 ceará
Súmula jogo 12 amanhece 3 x 1 ceará
 

Semelhante a Acetato reprodução assistida

Reproduo medicamente-assistida-1199534861961760-4
Reproduo medicamente-assistida-1199534861961760-4Reproduo medicamente-assistida-1199534861961760-4
Reproduo medicamente-assistida-1199534861961760-4
Paulo Botica
 
2.7.ManipulaçãO Da Fertilidade
2.7.ManipulaçãO Da Fertilidade2.7.ManipulaçãO Da Fertilidade
2.7.ManipulaçãO Da Fertilidade
Cidalia Aguiar
 
Técnicas de Reprodução Medicamente Assistida
Técnicas de Reprodução Medicamente AssistidaTécnicas de Reprodução Medicamente Assistida
Técnicas de Reprodução Medicamente Assistida
André Tinoco
 
Reprodução assistida lar2
Reprodução assistida lar2Reprodução assistida lar2
Reprodução assistida lar2
infertilidade
 
Póster Reprodução Medicamente Assistida
Póster Reprodução Medicamente AssistidaPóster Reprodução Medicamente Assistida
Póster Reprodução Medicamente Assistida
João Parracho
 
7 Rep assistida.ppt
7 Rep assistida.ppt7 Rep assistida.ppt
7 Rep assistida.ppt
ssuser2120c7
 
Produção in vivo de embrioes de peq ruminantes
Produção in vivo de embrioes de peq ruminantesProdução in vivo de embrioes de peq ruminantes
Produção in vivo de embrioes de peq ruminantes
Gláucia Luna
 
Reprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistidaReprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistida
Telma Carvalho
 
ICSI - 1
ICSI - 1ICSI - 1
ICSI - 1
bcst12A
 
Aula 18 e19
Aula 18 e19Aula 18 e19
Aula 18 e19
Maria Pires
 
R. assistida
R. assistidaR. assistida
R. assistida
mrthiagosilva
 
reprodução assistida
reprodução assistidareprodução assistida
reprodução assistida
guestee6d9a
 
Fertilizacao in vitro - Perguntas frequentes
Fertilizacao in vitro - Perguntas frequentesFertilizacao in vitro - Perguntas frequentes
Fertilizacao in vitro - Perguntas frequentes
Malo Clinic - Ginemed
 
ICSI - 2
ICSI - 2ICSI - 2
ICSI - 2
bcst12A
 
Interssexualidade (2)
Interssexualidade (2)Interssexualidade (2)
Interssexualidade (2)
Marco Fábio Prata Lima
 
Infertilidade humana
Infertilidade humanaInfertilidade humana
Infertilidade humana
Beatriz Matos
 
Aula 04 semana 1 do desenvolvimento fecundacao 001
Aula 04 semana 1 do desenvolvimento fecundacao   001Aula 04 semana 1 do desenvolvimento fecundacao   001
Aula 04 semana 1 do desenvolvimento fecundacao 001
Felipe Beijamini
 
Avaliação genética do homem infértil
Avaliação genética do homem infértilAvaliação genética do homem infértil
Avaliação genética do homem infértil
Sandro Esteves
 
Abordagem das infecções congênitas na gravidez
Abordagem das infecções congênitas na gravidezAbordagem das infecções congênitas na gravidez
Abordagem das infecções congênitas na gravidez
chirlei ferreira
 

Semelhante a Acetato reprodução assistida (19)

Reproduo medicamente-assistida-1199534861961760-4
Reproduo medicamente-assistida-1199534861961760-4Reproduo medicamente-assistida-1199534861961760-4
Reproduo medicamente-assistida-1199534861961760-4
 
2.7.ManipulaçãO Da Fertilidade
2.7.ManipulaçãO Da Fertilidade2.7.ManipulaçãO Da Fertilidade
2.7.ManipulaçãO Da Fertilidade
 
Técnicas de Reprodução Medicamente Assistida
Técnicas de Reprodução Medicamente AssistidaTécnicas de Reprodução Medicamente Assistida
Técnicas de Reprodução Medicamente Assistida
 
Reprodução assistida lar2
Reprodução assistida lar2Reprodução assistida lar2
Reprodução assistida lar2
 
Póster Reprodução Medicamente Assistida
Póster Reprodução Medicamente AssistidaPóster Reprodução Medicamente Assistida
Póster Reprodução Medicamente Assistida
 
7 Rep assistida.ppt
7 Rep assistida.ppt7 Rep assistida.ppt
7 Rep assistida.ppt
 
Produção in vivo de embrioes de peq ruminantes
Produção in vivo de embrioes de peq ruminantesProdução in vivo de embrioes de peq ruminantes
Produção in vivo de embrioes de peq ruminantes
 
Reprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistidaReprodução medicamente assistida
Reprodução medicamente assistida
 
ICSI - 1
ICSI - 1ICSI - 1
ICSI - 1
 
Aula 18 e19
Aula 18 e19Aula 18 e19
Aula 18 e19
 
R. assistida
R. assistidaR. assistida
R. assistida
 
reprodução assistida
reprodução assistidareprodução assistida
reprodução assistida
 
Fertilizacao in vitro - Perguntas frequentes
Fertilizacao in vitro - Perguntas frequentesFertilizacao in vitro - Perguntas frequentes
Fertilizacao in vitro - Perguntas frequentes
 
ICSI - 2
ICSI - 2ICSI - 2
ICSI - 2
 
Interssexualidade (2)
Interssexualidade (2)Interssexualidade (2)
Interssexualidade (2)
 
Infertilidade humana
Infertilidade humanaInfertilidade humana
Infertilidade humana
 
Aula 04 semana 1 do desenvolvimento fecundacao 001
Aula 04 semana 1 do desenvolvimento fecundacao   001Aula 04 semana 1 do desenvolvimento fecundacao   001
Aula 04 semana 1 do desenvolvimento fecundacao 001
 
Avaliação genética do homem infértil
Avaliação genética do homem infértilAvaliação genética do homem infértil
Avaliação genética do homem infértil
 
Abordagem das infecções congênitas na gravidez
Abordagem das infecções congênitas na gravidezAbordagem das infecções congênitas na gravidez
Abordagem das infecções congênitas na gravidez
 

Mais de Cidalia Aguiar

Qual a relação entre grupos sanguíneos do sistema
Qual a relação entre grupos sanguíneos do sistemaQual a relação entre grupos sanguíneos do sistema
Qual a relação entre grupos sanguíneos do sistema
Cidalia Aguiar
 
Grupo sanguíneo abo
Grupo sanguíneo aboGrupo sanguíneo abo
Grupo sanguíneo abo
Cidalia Aguiar
 
Ex biotecnologia no diagnóstico e terapêutica de doenças-actividades manual
Ex biotecnologia no diagnóstico e terapêutica de doenças-actividades manualEx biotecnologia no diagnóstico e terapêutica de doenças-actividades manual
Ex biotecnologia no diagnóstico e terapêutica de doenças-actividades manual
Cidalia Aguiar
 
1 power-point 12º sistema imunitário-doenças e desequilíbrios [modo de compat...
1 power-point 12º sistema imunitário-doenças e desequilíbrios [modo de compat...1 power-point 12º sistema imunitário-doenças e desequilíbrios [modo de compat...
1 power-point 12º sistema imunitário-doenças e desequilíbrios [modo de compat...
Cidalia Aguiar
 
1.1. reacção alérgicas hipersensibilidade [modo de compatibilidade]
1.1. reacção alérgicas hipersensibilidade [modo de compatibilidade]1.1. reacção alérgicas hipersensibilidade [modo de compatibilidade]
1.1. reacção alérgicas hipersensibilidade [modo de compatibilidade]
Cidalia Aguiar
 
.Apresentação 12º sistema imunitário
.Apresentação 12º sistema imunitário.Apresentação 12º sistema imunitário
.Apresentação 12º sistema imunitário
Cidalia Aguiar
 
Trabalho de grupo sistema solar
Trabalho de grupo sistema solarTrabalho de grupo sistema solar
Trabalho de grupo sistema solar
Cidalia Aguiar
 
Trabalho de grupo sistema solar
Trabalho de grupo sistema solarTrabalho de grupo sistema solar
Trabalho de grupo sistema solar
Cidalia Aguiar
 
Hiv
HivHiv
Hiv
HivHiv
Hiv
HivHiv
Aula teórico pratica les
Aula teórico pratica lesAula teórico pratica les
Aula teórico pratica les
Cidalia Aguiar
 
Correcção de fichas da aula sobre regulação genica
Correcção de fichas da aula sobre regulação genicaCorrecção de fichas da aula sobre regulação genica
Correcção de fichas da aula sobre regulação genica
Cidalia Aguiar
 
Correcção dos exercícios de hereditariedade
Correcção dos exercícios de hereditariedadeCorrecção dos exercícios de hereditariedade
Correcção dos exercícios de hereditariedade
Cidalia Aguiar
 
Doador receptor-quadro
Doador receptor-quadroDoador receptor-quadro
Doador receptor-quadroCidalia Aguiar
 
2.5.1. d mecanismos do parto e lactação d
2.5.1. d mecanismos do parto e lactação d2.5.1. d mecanismos do parto e lactação d
2.5.1. d mecanismos do parto e lactação d
Cidalia Aguiar
 
Acetato mét. contraceptivos
Acetato mét. contraceptivosAcetato mét. contraceptivos
Acetato mét. contraceptivos
Cidalia Aguiar
 
Causas de infertilidade
Causas de infertilidadeCausas de infertilidade
Causas de infertilidade
Cidalia Aguiar
 
Acetato reprodução assistida
Acetato reprodução assistidaAcetato reprodução assistida
Acetato reprodução assistida
Cidalia Aguiar
 
Causas de infertilidade
Causas de infertilidadeCausas de infertilidade
Causas de infertilidade
Cidalia Aguiar
 

Mais de Cidalia Aguiar (20)

Qual a relação entre grupos sanguíneos do sistema
Qual a relação entre grupos sanguíneos do sistemaQual a relação entre grupos sanguíneos do sistema
Qual a relação entre grupos sanguíneos do sistema
 
Grupo sanguíneo abo
Grupo sanguíneo aboGrupo sanguíneo abo
Grupo sanguíneo abo
 
Ex biotecnologia no diagnóstico e terapêutica de doenças-actividades manual
Ex biotecnologia no diagnóstico e terapêutica de doenças-actividades manualEx biotecnologia no diagnóstico e terapêutica de doenças-actividades manual
Ex biotecnologia no diagnóstico e terapêutica de doenças-actividades manual
 
1 power-point 12º sistema imunitário-doenças e desequilíbrios [modo de compat...
1 power-point 12º sistema imunitário-doenças e desequilíbrios [modo de compat...1 power-point 12º sistema imunitário-doenças e desequilíbrios [modo de compat...
1 power-point 12º sistema imunitário-doenças e desequilíbrios [modo de compat...
 
1.1. reacção alérgicas hipersensibilidade [modo de compatibilidade]
1.1. reacção alérgicas hipersensibilidade [modo de compatibilidade]1.1. reacção alérgicas hipersensibilidade [modo de compatibilidade]
1.1. reacção alérgicas hipersensibilidade [modo de compatibilidade]
 
.Apresentação 12º sistema imunitário
.Apresentação 12º sistema imunitário.Apresentação 12º sistema imunitário
.Apresentação 12º sistema imunitário
 
Trabalho de grupo sistema solar
Trabalho de grupo sistema solarTrabalho de grupo sistema solar
Trabalho de grupo sistema solar
 
Trabalho de grupo sistema solar
Trabalho de grupo sistema solarTrabalho de grupo sistema solar
Trabalho de grupo sistema solar
 
Hiv
HivHiv
Hiv
 
Hiv
HivHiv
Hiv
 
Hiv
HivHiv
Hiv
 
Aula teórico pratica les
Aula teórico pratica lesAula teórico pratica les
Aula teórico pratica les
 
Correcção de fichas da aula sobre regulação genica
Correcção de fichas da aula sobre regulação genicaCorrecção de fichas da aula sobre regulação genica
Correcção de fichas da aula sobre regulação genica
 
Correcção dos exercícios de hereditariedade
Correcção dos exercícios de hereditariedadeCorrecção dos exercícios de hereditariedade
Correcção dos exercícios de hereditariedade
 
Doador receptor-quadro
Doador receptor-quadroDoador receptor-quadro
Doador receptor-quadro
 
2.5.1. d mecanismos do parto e lactação d
2.5.1. d mecanismos do parto e lactação d2.5.1. d mecanismos do parto e lactação d
2.5.1. d mecanismos do parto e lactação d
 
Acetato mét. contraceptivos
Acetato mét. contraceptivosAcetato mét. contraceptivos
Acetato mét. contraceptivos
 
Causas de infertilidade
Causas de infertilidadeCausas de infertilidade
Causas de infertilidade
 
Acetato reprodução assistida
Acetato reprodução assistidaAcetato reprodução assistida
Acetato reprodução assistida
 
Causas de infertilidade
Causas de infertilidadeCausas de infertilidade
Causas de infertilidade
 

Último

As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
KleginaldoPaz2
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
ClaudiaMainoth
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 

Último (20)

As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 

Acetato reprodução assistida

  • 1. ESCOLA SECUNDÁRIA DR. AUGUSTO CÉSAR DA SILVA FERREIRA Em que situações se utilizam determinadas técnicas de REPRODUÇÃO ASSISTIDA? I.A.- Inseminação artificial Oligospermia no homem Esperma lavado colocado na vagina ou Quando o homem é infértil ou colo do útero pode transmitir doença genética – esperma de dador Mulheres sem companheiro Fecundação in vitro- FIV Mulher com bloqueio nas trompas de Falópio Um dos membros do casal tem uma doença de transmissão sexual incurável Fecundação in vitro por O homem tem oligospermia ou % microinjecção (ICSI) elevada de espermatozóides anormais (aumenta a taxa de sucesso) -Pode utilizar espermatozóides imaturos -Permite escolher o sexo GIFT – transferência Mulher com bloqueio de trompas intrafalopiana de gâmetas -Mais económico e com maior Gâmetas depositados em conjunto nas sucesso que a FIV trompas, num local que ultrapassa a obstrução ZIFT - transferência intrafalopiana Mulher com bloqueio de trompas de zigoto -Aumenta a taxa de sucesso da Zigoto por fec. in vitro é colocado nas nidação trompas, num local que ultrapassa a obstrução DGPI - Implantação de embriões Prevenção de nascimentos de após diagnóstico genético pré- crianças com doenças hereditárias implantação – fibrose quística, por ex. Biopsia a um blastómero