SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
LEITURA 5 – Resumo (04 de Abril)
CARLOS, Ana Fani Alessandri. Os caminhos da geografia humana no Brasil.
Boletim Paulista de Geografia, 1993, nº 71, p. 129-142.
O saber geográfico veio com o decorrer das décadas, uma serie de mudanças e
vertentes, causando uma discussão sobre o que é o objeto de estudo da geografia.
A geografia tradicional, que abordava a perspectiva possibilista, aproximava o ser
humano a natureza como um ser passivo. A partir desta, após a segunda Guerra
Mundial, a geografia avança para uma corrente quantitativa (neopositivista), devido a
grande mudança no mundo com a economia e a politica, principalmente em relaçãoa
formação e a crise do regime socialista.
A Geografia Critica (marxista) entra em contraposição ao positivismo. Coloca-se a
compreensão do espaço na perspectiva ao movimento das coisas com base nas matrizes
de ciência física e quântica.
A Geografia Comportamental (fenomenologia) aborda a relação do homem e paisagem.
O homem não é mais um ser passivo, mas o agente da mudança do espaço, porém, com
reciprocidade entre eles, abordando as temáticas das ciências naturais.
No Brasil, a Geografia ao Rio de Janeiro na sua perspectiva quantitativa com a criação
do IBGE, que cartografa o espaço relativo, levando em consideração, não só o espaço
concreto, mas do ponto de vista de valores relacionais. Ou seja, leva em consideração os
aspectos sociais.
Já em São Paulo, a Geografia chega com influencia da Geografia Tradicional,
desenvolvendo-se em pesquisas da chamada Geografia Ativa, dando inicio ao que viria
ser a geografia brasileira.
Deste modo, observa-se que a Geografia teve que se transformar na tentativa de abordar
todas as tentativas da Geografia. Assiste-se hoje a reabilitação do empirismo, a
descrição do lugar, o retorno ao individuo para abolir o pensamento critico e a
reabilitação da evidencia positivista e com isso o retorno ao senso comum.
A discussão da teoria metodologia ainda entra em conflito nessa temática, pois a
Geografia, como área que estuda o comportamento homem-natureza, estará em
constante construção.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Introdução à Ciência Geográfica
Introdução à Ciência GeográficaIntrodução à Ciência Geográfica
Introdução à Ciência GeográficaIvanilson Lima
 
Introdução à Geografia
Introdução à GeografiaIntrodução à Geografia
Introdução à GeografiaCarlos Rico
 
A CiÊncia GeogrÁfica
A CiÊncia GeogrÁficaA CiÊncia GeogrÁfica
A CiÊncia GeogrÁficaguest36d66b7
 
A ciência geográfica -1 ano -
A ciência geográfica -1 ano - A ciência geográfica -1 ano -
A ciência geográfica -1 ano - leila Cardoso
 
Introdução ao estudo da geografia
Introdução ao estudo da geografiaIntrodução ao estudo da geografia
Introdução ao estudo da geografiaDaniel Montarroyos
 
Massimo quaine a construção da geografia humana - introdução ao pensamento ...
Massimo quaine   a construção da geografia humana - introdução ao pensamento ...Massimo quaine   a construção da geografia humana - introdução ao pensamento ...
Massimo quaine a construção da geografia humana - introdução ao pensamento ...Rodrigo Sousa
 
1 a aula geo cpvem introdução-à-geografia-aula-1
1 a aula geo cpvem   introdução-à-geografia-aula-11 a aula geo cpvem   introdução-à-geografia-aula-1
1 a aula geo cpvem introdução-à-geografia-aula-1Wellington Moreira
 
Região: um conceito geografico
Região: um conceito geograficoRegião: um conceito geografico
Região: um conceito geograficoJoel Neto Pereira
 
Corrêa, roberto lobato regi o e organizaç-o espacial
Corrêa, roberto lobato   regi o e organizaç-o espacialCorrêa, roberto lobato   regi o e organizaç-o espacial
Corrêa, roberto lobato regi o e organizaç-o espacialpedro vergasta
 
Geografia pequena historia critica antonio carlos robert moraes
Geografia pequena historia critica antonio carlos robert moraesGeografia pequena historia critica antonio carlos robert moraes
Geografia pequena historia critica antonio carlos robert moraesGildecelle Araujo Silva
 
Geo aula01 - história da geografia
Geo   aula01 - história da geografiaGeo   aula01 - história da geografia
Geo aula01 - história da geografiamissaodiplomatica
 
O que é geografia
O que é geografiaO que é geografia
O que é geografiaeunamahcado
 
Aula 1 - geografia 1
Aula 1 - geografia 1Aula 1 - geografia 1
Aula 1 - geografia 1Palloma Luana
 
Geografia - noções conceituais para a contemporaneidade
Geografia - noções conceituais para a contemporaneidadeGeografia - noções conceituais para a contemporaneidade
Geografia - noções conceituais para a contemporaneidadePatrícia Éderson Dias
 
Geografia humanística teoria e método em geografia
Geografia humanística   teoria e método em geografiaGeografia humanística   teoria e método em geografia
Geografia humanística teoria e método em geografiaRodrigo Sousa
 

Mais procurados (20)

Introdução à Ciência Geográfica
Introdução à Ciência GeográficaIntrodução à Ciência Geográfica
Introdução à Ciência Geográfica
 
Introdução à Geografia
Introdução à GeografiaIntrodução à Geografia
Introdução à Geografia
 
A CiÊncia GeogrÁfica
A CiÊncia GeogrÁficaA CiÊncia GeogrÁfica
A CiÊncia GeogrÁfica
 
A ciência geográfica -1 ano -
A ciência geográfica -1 ano - A ciência geográfica -1 ano -
A ciência geográfica -1 ano -
 
Geografia humanísitca
Geografia humanísitcaGeografia humanísitca
Geografia humanísitca
 
Rodrigoao
RodrigoaoRodrigoao
Rodrigoao
 
Introdução ao estudo da geografia
Introdução ao estudo da geografiaIntrodução ao estudo da geografia
Introdução ao estudo da geografia
 
Massimo quaine a construção da geografia humana - introdução ao pensamento ...
Massimo quaine   a construção da geografia humana - introdução ao pensamento ...Massimo quaine   a construção da geografia humana - introdução ao pensamento ...
Massimo quaine a construção da geografia humana - introdução ao pensamento ...
 
1 a aula geo cpvem introdução-à-geografia-aula-1
1 a aula geo cpvem   introdução-à-geografia-aula-11 a aula geo cpvem   introdução-à-geografia-aula-1
1 a aula geo cpvem introdução-à-geografia-aula-1
 
Região: um conceito geografico
Região: um conceito geograficoRegião: um conceito geografico
Região: um conceito geografico
 
Corrêa, roberto lobato regi o e organizaç-o espacial
Corrêa, roberto lobato   regi o e organizaç-o espacialCorrêa, roberto lobato   regi o e organizaç-o espacial
Corrêa, roberto lobato regi o e organizaç-o espacial
 
Geografia pequena historia critica antonio carlos robert moraes
Geografia pequena historia critica antonio carlos robert moraesGeografia pequena historia critica antonio carlos robert moraes
Geografia pequena historia critica antonio carlos robert moraes
 
Geo aula01 - história da geografia
Geo   aula01 - história da geografiaGeo   aula01 - história da geografia
Geo aula01 - história da geografia
 
Introdução A Geografia
Introdução A GeografiaIntrodução A Geografia
Introdução A Geografia
 
O que é geografia
O que é geografiaO que é geografia
O que é geografia
 
Aula 1 - geografia 1
Aula 1 - geografia 1Aula 1 - geografia 1
Aula 1 - geografia 1
 
Geografia - noções conceituais para a contemporaneidade
Geografia - noções conceituais para a contemporaneidadeGeografia - noções conceituais para a contemporaneidade
Geografia - noções conceituais para a contemporaneidade
 
Geografia humanística teoria e método em geografia
Geografia humanística   teoria e método em geografiaGeografia humanística   teoria e método em geografia
Geografia humanística teoria e método em geografia
 
Região
RegiãoRegião
Região
 
Geografia cultural
Geografia culturalGeografia cultural
Geografia cultural
 

Destaque

Gografia do Brasil - 5. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século X...
Gografia do Brasil - 5. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século X...Gografia do Brasil - 5. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século X...
Gografia do Brasil - 5. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século X...Jessica Amaral
 
Geografia do Brasil - 4. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século ...
Geografia do Brasil - 4. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século ...Geografia do Brasil - 4. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século ...
Geografia do Brasil - 4. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século ...Jessica Amaral
 
Geografia do Brasil - 1. O Continente Brasileiro, Jean Demageot. Capitulo III...
Geografia do Brasil - 1. O Continente Brasileiro, Jean Demageot. Capitulo III...Geografia do Brasil - 1. O Continente Brasileiro, Jean Demageot. Capitulo III...
Geografia do Brasil - 1. O Continente Brasileiro, Jean Demageot. Capitulo III...Jessica Amaral
 
Geografia Humana - 8. RESUMO -ELZA BERQUÓ. “Evolução Demográfica” (Capitulo ...
Geografia Humana - 8. RESUMO  -ELZA BERQUÓ. “Evolução Demográfica” (Capitulo ...Geografia Humana - 8. RESUMO  -ELZA BERQUÓ. “Evolução Demográfica” (Capitulo ...
Geografia Humana - 8. RESUMO -ELZA BERQUÓ. “Evolução Demográfica” (Capitulo ...Jessica Amaral
 
Geografia Humana - 2. MORAES, A. C. R. Geografia: Pequena Historia Critica. P...
Geografia Humana - 2. MORAES, A. C. R. Geografia: Pequena Historia Critica. P...Geografia Humana - 2. MORAES, A. C. R. Geografia: Pequena Historia Critica. P...
Geografia Humana - 2. MORAES, A. C. R. Geografia: Pequena Historia Critica. P...Jessica Amaral
 
Geografia do Brasil - 3. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...
Geografia do Brasil - 3. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...Geografia do Brasil - 3. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...
Geografia do Brasil - 3. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...Jessica Amaral
 
Geografia do Brasil - 2. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...
Geografia do Brasil - 2. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...Geografia do Brasil - 2. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...
Geografia do Brasil - 2. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...Jessica Amaral
 
Regionalizar-professor.josecarlos
Regionalizar-professor.josecarlosRegionalizar-professor.josecarlos
Regionalizar-professor.josecarloszecarlos fernandes
 
Geografia Humana - 10. RESUMO - PATARRA, Neide. “Tendências e Modalidades R...
Geografia Humana - 10. RESUMO   - PATARRA, Neide. “Tendências e Modalidades R...Geografia Humana - 10. RESUMO   - PATARRA, Neide. “Tendências e Modalidades R...
Geografia Humana - 10. RESUMO - PATARRA, Neide. “Tendências e Modalidades R...Jessica Amaral
 
7 população, meio ambiente e desenvolvimento
7   população, meio ambiente e desenvolvimento7   população, meio ambiente e desenvolvimento
7 população, meio ambiente e desenvolvimentoJessica Amaral
 
Sociologia - Relatorio ASSENTAMENTOS PRIMAVERA E TUPÃCIRETÃ. Unesp, 2012.
Sociologia - Relatorio ASSENTAMENTOS PRIMAVERA E TUPÃCIRETÃ. Unesp, 2012.Sociologia - Relatorio ASSENTAMENTOS PRIMAVERA E TUPÃCIRETÃ. Unesp, 2012.
Sociologia - Relatorio ASSENTAMENTOS PRIMAVERA E TUPÃCIRETÃ. Unesp, 2012.Jessica Amaral
 
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia. Resumo do livro
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia.  Resumo do livroGeografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia.  Resumo do livro
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia. Resumo do livroJessica Amaral
 
Relatorio regras e normas de segurança
Relatorio   regras e normas de segurançaRelatorio   regras e normas de segurança
Relatorio regras e normas de segurançaJessica Amaral
 
Sociologia - MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. “A ideologia em geral e particula...
Sociologia - MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. “A ideologia em geral e particula...Sociologia - MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. “A ideologia em geral e particula...
Sociologia - MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. “A ideologia em geral e particula...Jessica Amaral
 
Sociologia - Fichamento MARX, Karl. “A Mercadoria” (Capitulo I). IN: O Capital
Sociologia - Fichamento MARX, Karl. “A Mercadoria” (Capitulo I). IN: O CapitalSociologia - Fichamento MARX, Karl. “A Mercadoria” (Capitulo I). IN: O Capital
Sociologia - Fichamento MARX, Karl. “A Mercadoria” (Capitulo I). IN: O CapitalJessica Amaral
 
A regionalização e as divisões regionais no brasil
A regionalização e as divisões regionais no brasilA regionalização e as divisões regionais no brasil
A regionalização e as divisões regionais no brasilProfessor
 

Destaque (17)

Gografia do Brasil - 5. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século X...
Gografia do Brasil - 5. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século X...Gografia do Brasil - 5. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século X...
Gografia do Brasil - 5. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século X...
 
Geografia do Brasil - 4. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século ...
Geografia do Brasil - 4. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século ...Geografia do Brasil - 4. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século ...
Geografia do Brasil - 4. Brasil – Território e Sociedade no Inicio do Século ...
 
Geografia do Brasil - 1. O Continente Brasileiro, Jean Demageot. Capitulo III...
Geografia do Brasil - 1. O Continente Brasileiro, Jean Demageot. Capitulo III...Geografia do Brasil - 1. O Continente Brasileiro, Jean Demageot. Capitulo III...
Geografia do Brasil - 1. O Continente Brasileiro, Jean Demageot. Capitulo III...
 
Geografia Humana - 8. RESUMO -ELZA BERQUÓ. “Evolução Demográfica” (Capitulo ...
Geografia Humana - 8. RESUMO  -ELZA BERQUÓ. “Evolução Demográfica” (Capitulo ...Geografia Humana - 8. RESUMO  -ELZA BERQUÓ. “Evolução Demográfica” (Capitulo ...
Geografia Humana - 8. RESUMO -ELZA BERQUÓ. “Evolução Demográfica” (Capitulo ...
 
Geografia Humana - 2. MORAES, A. C. R. Geografia: Pequena Historia Critica. P...
Geografia Humana - 2. MORAES, A. C. R. Geografia: Pequena Historia Critica. P...Geografia Humana - 2. MORAES, A. C. R. Geografia: Pequena Historia Critica. P...
Geografia Humana - 2. MORAES, A. C. R. Geografia: Pequena Historia Critica. P...
 
Geografia do Brasil - 3. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...
Geografia do Brasil - 3. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...Geografia do Brasil - 3. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...
Geografia do Brasil - 3. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...
 
Geografia do Brasil - 2. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...
Geografia do Brasil - 2. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...Geografia do Brasil - 2. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...
Geografia do Brasil - 2. Território e Historia no Brasil, Antônio Carlos Robe...
 
Regionalizar-professor.josecarlos
Regionalizar-professor.josecarlosRegionalizar-professor.josecarlos
Regionalizar-professor.josecarlos
 
9 somos um pais jovem
9   somos um pais jovem9   somos um pais jovem
9 somos um pais jovem
 
Geografia Humana - 10. RESUMO - PATARRA, Neide. “Tendências e Modalidades R...
Geografia Humana - 10. RESUMO   - PATARRA, Neide. “Tendências e Modalidades R...Geografia Humana - 10. RESUMO   - PATARRA, Neide. “Tendências e Modalidades R...
Geografia Humana - 10. RESUMO - PATARRA, Neide. “Tendências e Modalidades R...
 
7 população, meio ambiente e desenvolvimento
7   população, meio ambiente e desenvolvimento7   população, meio ambiente e desenvolvimento
7 população, meio ambiente e desenvolvimento
 
Sociologia - Relatorio ASSENTAMENTOS PRIMAVERA E TUPÃCIRETÃ. Unesp, 2012.
Sociologia - Relatorio ASSENTAMENTOS PRIMAVERA E TUPÃCIRETÃ. Unesp, 2012.Sociologia - Relatorio ASSENTAMENTOS PRIMAVERA E TUPÃCIRETÃ. Unesp, 2012.
Sociologia - Relatorio ASSENTAMENTOS PRIMAVERA E TUPÃCIRETÃ. Unesp, 2012.
 
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia. Resumo do livro
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia.  Resumo do livroGeografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia.  Resumo do livro
Geografia Humana - 6. DAMIANI, Amélia. População e Geografia. Resumo do livro
 
Relatorio regras e normas de segurança
Relatorio   regras e normas de segurançaRelatorio   regras e normas de segurança
Relatorio regras e normas de segurança
 
Sociologia - MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. “A ideologia em geral e particula...
Sociologia - MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. “A ideologia em geral e particula...Sociologia - MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. “A ideologia em geral e particula...
Sociologia - MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. “A ideologia em geral e particula...
 
Sociologia - Fichamento MARX, Karl. “A Mercadoria” (Capitulo I). IN: O Capital
Sociologia - Fichamento MARX, Karl. “A Mercadoria” (Capitulo I). IN: O CapitalSociologia - Fichamento MARX, Karl. “A Mercadoria” (Capitulo I). IN: O Capital
Sociologia - Fichamento MARX, Karl. “A Mercadoria” (Capitulo I). IN: O Capital
 
A regionalização e as divisões regionais no brasil
A regionalização e as divisões regionais no brasilA regionalização e as divisões regionais no brasil
A regionalização e as divisões regionais no brasil
 

Semelhante a Geografia Humana - 5. CARLOS, Ana Fani Alessandri. Os caminhos da geografia humana no Brasil. Boletim Paulista de Geografia, 1993, nº 71, p. 129-142

Resenha de georgragia em andamento
Resenha  de georgragia em andamentoResenha  de georgragia em andamento
Resenha de georgragia em andamentoFrancisco de Sousa
 
Fichamento do livro Para ensinar e aprender geografia.
Fichamento do livro Para ensinar e aprender geografia.Fichamento do livro Para ensinar e aprender geografia.
Fichamento do livro Para ensinar e aprender geografia.readna ribeiro
 
O pensamento geográfico brasileiro: matrizes clássicas originais.
O pensamento geográfico brasileiro: matrizes clássicas originais.O pensamento geográfico brasileiro: matrizes clássicas originais.
O pensamento geográfico brasileiro: matrizes clássicas originais.Larissa Silva
 
1_Teoria e método na geografia humana.pptx
1_Teoria e método na geografia humana.pptx1_Teoria e método na geografia humana.pptx
1_Teoria e método na geografia humana.pptxssuserfa333d
 
Livro05 2-historia-geografia (30 fls 6 reais)
Livro05 2-historia-geografia (30 fls 6 reais)Livro05 2-historia-geografia (30 fls 6 reais)
Livro05 2-historia-geografia (30 fls 6 reais)Manim Edições
 
05.2 história e geografia
05.2 história e geografia05.2 história e geografia
05.2 história e geografiacelikennedy
 
05.2 história e geografia
05.2 história e geografia05.2 história e geografia
05.2 história e geografiacelikennedy
 
Introdução a Ciência Geográfica
Introdução a Ciência GeográficaIntrodução a Ciência Geográfica
Introdução a Ciência GeográficaIvanilson Lima
 
A evolução do conceito de espaço geográfico
A evolução do conceito de espaço geográficoA evolução do conceito de espaço geográfico
A evolução do conceito de espaço geográficoLadislau Reis
 
PROVA PMSP 2010 TIPO 1 - Geografia
PROVA PMSP 2010 TIPO 1 - GeografiaPROVA PMSP 2010 TIPO 1 - Geografia
PROVA PMSP 2010 TIPO 1 - Geografiaoposicaopravaler
 

Semelhante a Geografia Humana - 5. CARLOS, Ana Fani Alessandri. Os caminhos da geografia humana no Brasil. Boletim Paulista de Geografia, 1993, nº 71, p. 129-142 (20)

Regiao
RegiaoRegiao
Regiao
 
Resenha de georgragia em andamento
Resenha  de georgragia em andamentoResenha  de georgragia em andamento
Resenha de georgragia em andamento
 
Ciencia geografica
Ciencia geograficaCiencia geografica
Ciencia geografica
 
Fichamento do livro Para ensinar e aprender geografia.
Fichamento do livro Para ensinar e aprender geografia.Fichamento do livro Para ensinar e aprender geografia.
Fichamento do livro Para ensinar e aprender geografia.
 
O pensamento geográfico brasileiro: matrizes clássicas originais.
O pensamento geográfico brasileiro: matrizes clássicas originais.O pensamento geográfico brasileiro: matrizes clássicas originais.
O pensamento geográfico brasileiro: matrizes clássicas originais.
 
1_Teoria e método na geografia humana.pptx
1_Teoria e método na geografia humana.pptx1_Teoria e método na geografia humana.pptx
1_Teoria e método na geografia humana.pptx
 
5199 (1) henri
5199 (1) henri5199 (1) henri
5199 (1) henri
 
unisuam_geo_geral2.ppt
unisuam_geo_geral2.pptunisuam_geo_geral2.ppt
unisuam_geo_geral2.ppt
 
Livro05 2-historia-geografia (30 fls 6 reais)
Livro05 2-historia-geografia (30 fls 6 reais)Livro05 2-historia-geografia (30 fls 6 reais)
Livro05 2-historia-geografia (30 fls 6 reais)
 
Eu
EuEu
Eu
 
Pcn 1997 livro052
Pcn 1997 livro052Pcn 1997 livro052
Pcn 1997 livro052
 
05.2 história e geografia
05.2 história e geografia05.2 história e geografia
05.2 história e geografia
 
05.2 história e geografia
05.2 história e geografia05.2 história e geografia
05.2 história e geografia
 
Pcn de geografia 1997
Pcn de geografia 1997Pcn de geografia 1997
Pcn de geografia 1997
 
Introdução a Ciência Geográfica
Introdução a Ciência GeográficaIntrodução a Ciência Geográfica
Introdução a Ciência Geográfica
 
Metodos na geo fisica
Metodos na geo fisicaMetodos na geo fisica
Metodos na geo fisica
 
Geografia aula 1
Geografia   aula 1Geografia   aula 1
Geografia aula 1
 
Materialismo Histórico Dialético
Materialismo Histórico DialéticoMaterialismo Histórico Dialético
Materialismo Histórico Dialético
 
A evolução do conceito de espaço geográfico
A evolução do conceito de espaço geográficoA evolução do conceito de espaço geográfico
A evolução do conceito de espaço geográfico
 
PROVA PMSP 2010 TIPO 1 - Geografia
PROVA PMSP 2010 TIPO 1 - GeografiaPROVA PMSP 2010 TIPO 1 - Geografia
PROVA PMSP 2010 TIPO 1 - Geografia
 

Mais de Jessica Amaral

Sociologia - Fichamento DURKHEIM, Émile. “As Regras do Método Sociológico” (p...
Sociologia - Fichamento DURKHEIM, Émile. “As Regras do Método Sociológico” (p...Sociologia - Fichamento DURKHEIM, Émile. “As Regras do Método Sociológico” (p...
Sociologia - Fichamento DURKHEIM, Émile. “As Regras do Método Sociológico” (p...Jessica Amaral
 
Sociologia - Fichamento de artigo - MARX, Karl Heinrich; ENGELS, Friedrich. ...
Sociologia - Fichamento de artigo  - MARX, Karl Heinrich; ENGELS, Friedrich. ...Sociologia - Fichamento de artigo  - MARX, Karl Heinrich; ENGELS, Friedrich. ...
Sociologia - Fichamento de artigo - MARX, Karl Heinrich; ENGELS, Friedrich. ...Jessica Amaral
 
Quimica Experimental - Relatorio TRANSFORMAÇÕES QUIMÍCAS E FÍSICAS
Quimica Experimental - Relatorio TRANSFORMAÇÕES  QUIMÍCAS E FÍSICASQuimica Experimental - Relatorio TRANSFORMAÇÕES  QUIMÍCAS E FÍSICAS
Quimica Experimental - Relatorio TRANSFORMAÇÕES QUIMÍCAS E FÍSICASJessica Amaral
 
Quimica Experimental - Relatorio REAÇÕES COM METAIS
Quimica Experimental - Relatorio REAÇÕES COM METAISQuimica Experimental - Relatorio REAÇÕES COM METAIS
Quimica Experimental - Relatorio REAÇÕES COM METAISJessica Amaral
 
Quimica experimental - Relatorio PREPARAÇÃO E PADRONIZAÇÃO DE SOLUÇÕES
Quimica experimental - Relatorio PREPARAÇÃO  E PADRONIZAÇÃO  DE SOLUÇÕESQuimica experimental - Relatorio PREPARAÇÃO  E PADRONIZAÇÃO  DE SOLUÇÕES
Quimica experimental - Relatorio PREPARAÇÃO E PADRONIZAÇÃO DE SOLUÇÕESJessica Amaral
 
Antropologia - Relatorio RELAÇÕES ENTRE ANTROPOLOGIA E BIOLOGIA
Antropologia - Relatorio RELAÇÕES ENTRE ANTROPOLOGIA  E BIOLOGIAAntropologia - Relatorio RELAÇÕES ENTRE ANTROPOLOGIA  E BIOLOGIA
Antropologia - Relatorio RELAÇÕES ENTRE ANTROPOLOGIA E BIOLOGIAJessica Amaral
 
Pesquisas arqueológicas
Pesquisas arqueológicasPesquisas arqueológicas
Pesquisas arqueológicasJessica Amaral
 
Antropologia - Relatorio HABITAÇÕES DO PRÉ-HISTORICO AO CONTEMPORÂNEO
Antropologia - Relatorio HABITAÇÕES  DO PRÉ-HISTORICO  AO CONTEMPORÂNEOAntropologia - Relatorio HABITAÇÕES  DO PRÉ-HISTORICO  AO CONTEMPORÂNEO
Antropologia - Relatorio HABITAÇÕES DO PRÉ-HISTORICO AO CONTEMPORÂNEOJessica Amaral
 
Antropologia - Relatório CHARLES ROBERT DARWIN: BIOGRAFIA E A SELEÇÃO NATURAL
Antropologia - Relatório CHARLES ROBERT DARWIN: BIOGRAFIA E A SELEÇÃO NATURALAntropologia - Relatório CHARLES ROBERT DARWIN: BIOGRAFIA E A SELEÇÃO NATURAL
Antropologia - Relatório CHARLES ROBERT DARWIN: BIOGRAFIA E A SELEÇÃO NATURALJessica Amaral
 
CENTRO DE MUSEOLOGIA, ANTROPOLOGIA E ARQUEOLOGIA / CEMAARQ DA FCT/UNESP DE PR...
CENTRO DE MUSEOLOGIA, ANTROPOLOGIA E ARQUEOLOGIA / CEMAARQ DA FCT/UNESP DE PR...CENTRO DE MUSEOLOGIA, ANTROPOLOGIA E ARQUEOLOGIA / CEMAARQ DA FCT/UNESP DE PR...
CENTRO DE MUSEOLOGIA, ANTROPOLOGIA E ARQUEOLOGIA / CEMAARQ DA FCT/UNESP DE PR...Jessica Amaral
 
Antropologia - Relatorio XIII SEMANA DA GEOGRAFIA E VIII ENCONTRO DE ESTUDAN...
Antropologia - Relatorio XIII SEMANA DA GEOGRAFIA E  VIII ENCONTRO DE ESTUDAN...Antropologia - Relatorio XIII SEMANA DA GEOGRAFIA E  VIII ENCONTRO DE ESTUDAN...
Antropologia - Relatorio XIII SEMANA DA GEOGRAFIA E VIII ENCONTRO DE ESTUDAN...Jessica Amaral
 
Geografia do Brasil - Aula - Brasil integração do território e a articulação ...
Geografia do Brasil - Aula - Brasil integração do território e a articulação ...Geografia do Brasil - Aula - Brasil integração do território e a articulação ...
Geografia do Brasil - Aula - Brasil integração do território e a articulação ...Jessica Amaral
 

Mais de Jessica Amaral (12)

Sociologia - Fichamento DURKHEIM, Émile. “As Regras do Método Sociológico” (p...
Sociologia - Fichamento DURKHEIM, Émile. “As Regras do Método Sociológico” (p...Sociologia - Fichamento DURKHEIM, Émile. “As Regras do Método Sociológico” (p...
Sociologia - Fichamento DURKHEIM, Émile. “As Regras do Método Sociológico” (p...
 
Sociologia - Fichamento de artigo - MARX, Karl Heinrich; ENGELS, Friedrich. ...
Sociologia - Fichamento de artigo  - MARX, Karl Heinrich; ENGELS, Friedrich. ...Sociologia - Fichamento de artigo  - MARX, Karl Heinrich; ENGELS, Friedrich. ...
Sociologia - Fichamento de artigo - MARX, Karl Heinrich; ENGELS, Friedrich. ...
 
Quimica Experimental - Relatorio TRANSFORMAÇÕES QUIMÍCAS E FÍSICAS
Quimica Experimental - Relatorio TRANSFORMAÇÕES  QUIMÍCAS E FÍSICASQuimica Experimental - Relatorio TRANSFORMAÇÕES  QUIMÍCAS E FÍSICAS
Quimica Experimental - Relatorio TRANSFORMAÇÕES QUIMÍCAS E FÍSICAS
 
Quimica Experimental - Relatorio REAÇÕES COM METAIS
Quimica Experimental - Relatorio REAÇÕES COM METAISQuimica Experimental - Relatorio REAÇÕES COM METAIS
Quimica Experimental - Relatorio REAÇÕES COM METAIS
 
Quimica experimental - Relatorio PREPARAÇÃO E PADRONIZAÇÃO DE SOLUÇÕES
Quimica experimental - Relatorio PREPARAÇÃO  E PADRONIZAÇÃO  DE SOLUÇÕESQuimica experimental - Relatorio PREPARAÇÃO  E PADRONIZAÇÃO  DE SOLUÇÕES
Quimica experimental - Relatorio PREPARAÇÃO E PADRONIZAÇÃO DE SOLUÇÕES
 
Antropologia - Relatorio RELAÇÕES ENTRE ANTROPOLOGIA E BIOLOGIA
Antropologia - Relatorio RELAÇÕES ENTRE ANTROPOLOGIA  E BIOLOGIAAntropologia - Relatorio RELAÇÕES ENTRE ANTROPOLOGIA  E BIOLOGIA
Antropologia - Relatorio RELAÇÕES ENTRE ANTROPOLOGIA E BIOLOGIA
 
Pesquisas arqueológicas
Pesquisas arqueológicasPesquisas arqueológicas
Pesquisas arqueológicas
 
Antropologia - Relatorio HABITAÇÕES DO PRÉ-HISTORICO AO CONTEMPORÂNEO
Antropologia - Relatorio HABITAÇÕES  DO PRÉ-HISTORICO  AO CONTEMPORÂNEOAntropologia - Relatorio HABITAÇÕES  DO PRÉ-HISTORICO  AO CONTEMPORÂNEO
Antropologia - Relatorio HABITAÇÕES DO PRÉ-HISTORICO AO CONTEMPORÂNEO
 
Antropologia - Relatório CHARLES ROBERT DARWIN: BIOGRAFIA E A SELEÇÃO NATURAL
Antropologia - Relatório CHARLES ROBERT DARWIN: BIOGRAFIA E A SELEÇÃO NATURALAntropologia - Relatório CHARLES ROBERT DARWIN: BIOGRAFIA E A SELEÇÃO NATURAL
Antropologia - Relatório CHARLES ROBERT DARWIN: BIOGRAFIA E A SELEÇÃO NATURAL
 
CENTRO DE MUSEOLOGIA, ANTROPOLOGIA E ARQUEOLOGIA / CEMAARQ DA FCT/UNESP DE PR...
CENTRO DE MUSEOLOGIA, ANTROPOLOGIA E ARQUEOLOGIA / CEMAARQ DA FCT/UNESP DE PR...CENTRO DE MUSEOLOGIA, ANTROPOLOGIA E ARQUEOLOGIA / CEMAARQ DA FCT/UNESP DE PR...
CENTRO DE MUSEOLOGIA, ANTROPOLOGIA E ARQUEOLOGIA / CEMAARQ DA FCT/UNESP DE PR...
 
Antropologia - Relatorio XIII SEMANA DA GEOGRAFIA E VIII ENCONTRO DE ESTUDAN...
Antropologia - Relatorio XIII SEMANA DA GEOGRAFIA E  VIII ENCONTRO DE ESTUDAN...Antropologia - Relatorio XIII SEMANA DA GEOGRAFIA E  VIII ENCONTRO DE ESTUDAN...
Antropologia - Relatorio XIII SEMANA DA GEOGRAFIA E VIII ENCONTRO DE ESTUDAN...
 
Geografia do Brasil - Aula - Brasil integração do território e a articulação ...
Geografia do Brasil - Aula - Brasil integração do território e a articulação ...Geografia do Brasil - Aula - Brasil integração do território e a articulação ...
Geografia do Brasil - Aula - Brasil integração do território e a articulação ...
 

Último

Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....LuizHenriquedeAlmeid6
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfcarloseduardogonalve36
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdfARIANAMENDES11
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxMartin M Flynn
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaIlda Bicacro
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.pptAula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.pptParticular
 
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdf
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdfDiálogo Crátilo de Platão sócrates daspdf
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdfEversonFerreira20
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfssuserbb4ac2
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosFernanda Ledesma
 
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
Atividade com a música Xote  da  Alegria    -   FalamansaAtividade com a música Xote  da  Alegria    -   Falamansa
Atividade com a música Xote da Alegria - FalamansaMary Alvarenga
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptxlucioalmeida2702
 
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdfRespostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdfssuser06ee57
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdfdanielagracia9
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.HandersonFabio
 
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docxUnidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docxRaquelMartins389880
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisIlda Bicacro
 

Último (20)

Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
 
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
 
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptxSão Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
São Filipe Neri, fundador da a Congregação do Oratório 1515-1595.pptx
 
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-NovaNós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
Nós Propomos! Infraestruturas em Proença-a-Nova
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.pptAula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
 
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdf
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdfDiálogo Crátilo de Platão sócrates daspdf
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdf
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
Atividade com a música Xote  da  Alegria    -   FalamansaAtividade com a música Xote  da  Alegria    -   Falamansa
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdfRespostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
Respostas prova do exame nacional Port. 2008 - 1ª fase - Criterios.pdf
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docxUnidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 

Geografia Humana - 5. CARLOS, Ana Fani Alessandri. Os caminhos da geografia humana no Brasil. Boletim Paulista de Geografia, 1993, nº 71, p. 129-142

  • 1. LEITURA 5 – Resumo (04 de Abril) CARLOS, Ana Fani Alessandri. Os caminhos da geografia humana no Brasil. Boletim Paulista de Geografia, 1993, nº 71, p. 129-142. O saber geográfico veio com o decorrer das décadas, uma serie de mudanças e vertentes, causando uma discussão sobre o que é o objeto de estudo da geografia. A geografia tradicional, que abordava a perspectiva possibilista, aproximava o ser humano a natureza como um ser passivo. A partir desta, após a segunda Guerra Mundial, a geografia avança para uma corrente quantitativa (neopositivista), devido a grande mudança no mundo com a economia e a politica, principalmente em relaçãoa formação e a crise do regime socialista. A Geografia Critica (marxista) entra em contraposição ao positivismo. Coloca-se a compreensão do espaço na perspectiva ao movimento das coisas com base nas matrizes de ciência física e quântica. A Geografia Comportamental (fenomenologia) aborda a relação do homem e paisagem. O homem não é mais um ser passivo, mas o agente da mudança do espaço, porém, com reciprocidade entre eles, abordando as temáticas das ciências naturais. No Brasil, a Geografia ao Rio de Janeiro na sua perspectiva quantitativa com a criação do IBGE, que cartografa o espaço relativo, levando em consideração, não só o espaço concreto, mas do ponto de vista de valores relacionais. Ou seja, leva em consideração os aspectos sociais. Já em São Paulo, a Geografia chega com influencia da Geografia Tradicional, desenvolvendo-se em pesquisas da chamada Geografia Ativa, dando inicio ao que viria ser a geografia brasileira. Deste modo, observa-se que a Geografia teve que se transformar na tentativa de abordar todas as tentativas da Geografia. Assiste-se hoje a reabilitação do empirismo, a descrição do lugar, o retorno ao individuo para abolir o pensamento critico e a reabilitação da evidencia positivista e com isso o retorno ao senso comum. A discussão da teoria metodologia ainda entra em conflito nessa temática, pois a Geografia, como área que estuda o comportamento homem-natureza, estará em constante construção.