SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 18
LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS
Profa. Me. Míriam Navarro de Castro
Nunes
EMENTA
• Estudo das teorias sobre educação de surdos, cultura surda,
linguística da língua brasileira de sinais e ensino da língua portuguesa
como segunda língua para surdos.
• Discussão de temas relevantes para o exercício da função do
professor em diferentes instituições de ensino na promoção da
educação inclusiva do aluno surdo.
OBJETIVOS GERAIS
• Compreender princípios teóricos - metodológicos relacionados a
educação de surdos no ensino regular e na escola bilíngue ao ensino
conceitos e práticas relacionados à educação da pessoa surda.
• Conhecer as idiossincrasias da comunidade e da cultura surda
contribuindo para a inclusão social e educacional do surdo.
• Analisar de forma reflexiva as mudanças que ocorrem nas instituições
e na sociedade a partir da inclusão da LIBRAS na educação dos
surdos.
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
UNIDADE I: História da educação dos surdos
UNIDADE II: Cultura surda
UNIDADE III: Linguística da língua brasileira de sinais
AVALIAÇÃO
• NP1 = 24/09 a 02/10
• NP2 = 14/11 a 24/11
BIBLIOGRAFIA
Em breve no grupo do Facebook!
MÚSICA AQUARELA EM LIBRAS
https://youtu.be/WhZU2y6CE6k
QUEM SÃO OS SURDOS?
• Ser surdo NÃO é apenas “não ouvir”. É aprender/significar a si e ao
mundo através da VISÃO.
• Os membros de uma cultura usam a LÍNGUA para produzirem
significado. A pessoa surda o faz em LÍNGUA DE SINAIS.
SURDO X DEFICIENTE AUDITIVO
• SURDO: Identidade sócio-política-cultural, pessoa que possui perda
auditiva e utiliza a LÍNGUA DE SINAIS para se comunicar.
• DEFICIENTE AUDITIVO: pessoa com perda auditiva que não utiliza a
LÍNGUA DE SINAIS. Sua forma de comunicação é oral (condicionada
ao uso de prótese auditiva).
• Os surdos têm como PRIMEIRA LÍNGUA a LÍNGUA DE SINAIS e como
SEGUNDA LÍNGUA a língua oficial de seu país.
• BRASIL:
• 1ª LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS (LIBRAS)
• 2ª LÍNGUA PORTUGUESA
ERRO COMUM
• Não é correto dizer que alguém é SURDO-MUDO.
• O aparelho fonador do surdo é exatamente igual ao dos ouvintes.
• Em geral, a pessoa que não ouve também não fala porque é
impossível reproduzir sons que ela não conhece.
ACESSIBILIDADE
A acessibilidade é um direito, não um privilégio
• ANTES: Significava a eliminação de barreiras arquitetônicas.
• HOJE: Significa equiparação de oportunidades.
• 1981: Ano Internacional das Pessoas Portadoras de Deficiência (ONU).
• Acessibilidade é um direito humano pois:
• promove a inclusão social.
• torna a sociedade um lugar viável para a convivência entre pessoas de todos
os tipos e condições.
CONCEITOS E CONCEPÇÕES
• DESENHO UNIVERSAL: tudo deve ser utilizado por todos, o maior
tempo possível, sem necessidade de adaptação.
• VIDA INDEPENDENTE: autonomia, poder de decisão.
• MODELO MÉDICO (período entre guerras): o problema estava no
indivíduo portanto ele deveria se adaptar à sociedade por meio de
reabilitação.
• MODELO SOCIAL: a sociedade deve se adaptar ao indivíduo,
eliminando barreiras como o preconceito, a discriminação e
ambientes inacessíveis.
• SOCIEDADE ACESSÍVEL: garante qualidade de vida para todos.
O QUE É LIBRAS?
• LEI 10436/2002: Reconhece a LIBRAS como língua.
• DECRETO 5626/2005: Regulamenta a LIBRAS, estabelece orientações,
recomendações e obrigações.
LIBRAS
• Possui estrutura gramatical própria.
• Não é a Língua Portuguesa sinalizada.
• Não é universal, cada país possui a sua Língua de Sinais (EUA-LSA;
FRANÇA-LSF etc.)
• Sua modalidade é “viso-espacial”/”gesto-visual”, diferente da “oral-
auditiva”.
• É uma língua natural.
• Não é somente alfabeto, para cada coisa existe um sinal. O alfabeto
é usado na soletração de nomes próprios ou palavras que não
possuem um sinal.
INTERAÇÃO COM O SURDO
Se não souber LIBRAS...
• Falar de maneira clara com velocidade normal, sem exageros.
• Usar tom de voz normal – NÃO GRITAR.
• Falar de frente com a pessoa.
• Preferir locais iluminados.
• Ser expressivo, usar gestos.
• Manter contato visual.
• Dirigir-se ao surdo e não ao intérprete.
• Aprenda LIBRAS!
COMO APRENDER LIBRAS
SEM GASTAR
• Aulas no YouTube https://bit.ly/2nlBZ8P
• Cursos Online https://bit.ly/2vToX6q
• Dicionário Interativo https://bit.ly/2KET5rz
• Aplicativos https://bit.ly/2KE6pMD
REFLEXÃO
https://bit.ly/2Mxc5dg

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Gabarito instrutor de libras
Gabarito   instrutor de librasGabarito   instrutor de libras
Gabarito instrutor de librassecseduc
 
5 Parâmetros da libras
5 Parâmetros da libras5 Parâmetros da libras
5 Parâmetros da librasNelinha Soares
 
3o slide linha do tempo na historia da educacao de surdos
3o slide   linha do tempo na historia da educacao de surdos3o slide   linha do tempo na historia da educacao de surdos
3o slide linha do tempo na historia da educacao de surdosJean Rodrigo
 
LIBRAS AULA 2: As línguas de sinais: sua importância para os Surdos
LIBRAS AULA 2: As línguas de sinais: sua importância para os SurdosLIBRAS AULA 2: As línguas de sinais: sua importância para os Surdos
LIBRAS AULA 2: As línguas de sinais: sua importância para os Surdosprofamiriamnavarro
 
Aspectos Gramaticas da Libras
Aspectos Gramaticas da LibrasAspectos Gramaticas da Libras
Aspectos Gramaticas da LibrasNelinha Soares
 
LIBRAS AULA 11: Aspectos Linguísticos da língua de sinais - Aspectos fonológicos
LIBRAS AULA 11: Aspectos Linguísticos da língua de sinais - Aspectos fonológicosLIBRAS AULA 11: Aspectos Linguísticos da língua de sinais - Aspectos fonológicos
LIBRAS AULA 11: Aspectos Linguísticos da língua de sinais - Aspectos fonológicosprofamiriamnavarro
 
introdução a língua de sinais LIBRAS
introdução a língua de sinais LIBRASintrodução a língua de sinais LIBRAS
introdução a língua de sinais LIBRASSuenia Souza
 
Fonologia de libras - andrea
Fonologia de libras - andreaFonologia de libras - andrea
Fonologia de libras - andreaandrea giovanella
 
História da educação de surdos e educação de
História da educação de surdos e educação deHistória da educação de surdos e educação de
História da educação de surdos e educação deMaísa Allana
 
HISTORIA DA LIBRAS( LINHA DO TEMPO)
HISTORIA DA LIBRAS( LINHA DO TEMPO)HISTORIA DA LIBRAS( LINHA DO TEMPO)
HISTORIA DA LIBRAS( LINHA DO TEMPO)CarolSanses
 

Mais procurados (20)

Gabarito instrutor de libras
Gabarito   instrutor de librasGabarito   instrutor de libras
Gabarito instrutor de libras
 
5 Parâmetros da libras
5 Parâmetros da libras5 Parâmetros da libras
5 Parâmetros da libras
 
3o slide linha do tempo na historia da educacao de surdos
3o slide   linha do tempo na historia da educacao de surdos3o slide   linha do tempo na historia da educacao de surdos
3o slide linha do tempo na historia da educacao de surdos
 
Parâmetros da libras
Parâmetros da librasParâmetros da libras
Parâmetros da libras
 
LIBRAS AULA 2: As línguas de sinais: sua importância para os Surdos
LIBRAS AULA 2: As línguas de sinais: sua importância para os SurdosLIBRAS AULA 2: As línguas de sinais: sua importância para os Surdos
LIBRAS AULA 2: As línguas de sinais: sua importância para os Surdos
 
Aspectos Gramaticas da Libras
Aspectos Gramaticas da LibrasAspectos Gramaticas da Libras
Aspectos Gramaticas da Libras
 
LIBRAS AULA 7: Cultura Surda
LIBRAS AULA 7: Cultura SurdaLIBRAS AULA 7: Cultura Surda
LIBRAS AULA 7: Cultura Surda
 
Sintaxe da libras
Sintaxe da librasSintaxe da libras
Sintaxe da libras
 
LIBRAS Calendario
LIBRAS CalendarioLIBRAS Calendario
LIBRAS Calendario
 
Plano de Aula - Libras
Plano de Aula - LibrasPlano de Aula - Libras
Plano de Aula - Libras
 
LIBRAS AULA 11: Aspectos Linguísticos da língua de sinais - Aspectos fonológicos
LIBRAS AULA 11: Aspectos Linguísticos da língua de sinais - Aspectos fonológicosLIBRAS AULA 11: Aspectos Linguísticos da língua de sinais - Aspectos fonológicos
LIBRAS AULA 11: Aspectos Linguísticos da língua de sinais - Aspectos fonológicos
 
Historia da Educação dos Surdos.
Historia da Educação dos Surdos. Historia da Educação dos Surdos.
Historia da Educação dos Surdos.
 
Slide libras (1)
Slide libras (1)Slide libras (1)
Slide libras (1)
 
introdução a língua de sinais LIBRAS
introdução a língua de sinais LIBRASintrodução a língua de sinais LIBRAS
introdução a língua de sinais LIBRAS
 
História dos surdos e oralismo
História dos surdos e oralismoHistória dos surdos e oralismo
História dos surdos e oralismo
 
Libras
LibrasLibras
Libras
 
Libras basico
Libras basicoLibras basico
Libras basico
 
Fonologia de libras - andrea
Fonologia de libras - andreaFonologia de libras - andrea
Fonologia de libras - andrea
 
História da educação de surdos e educação de
História da educação de surdos e educação deHistória da educação de surdos e educação de
História da educação de surdos e educação de
 
HISTORIA DA LIBRAS( LINHA DO TEMPO)
HISTORIA DA LIBRAS( LINHA DO TEMPO)HISTORIA DA LIBRAS( LINHA DO TEMPO)
HISTORIA DA LIBRAS( LINHA DO TEMPO)
 

Semelhante a LIBRAS AULA 1: Apresentação da disciplina

Slides_-_Bilinguiiiiiiismo_e_Libras.pptx
Slides_-_Bilinguiiiiiiismo_e_Libras.pptxSlides_-_Bilinguiiiiiiismo_e_Libras.pptx
Slides_-_Bilinguiiiiiiismo_e_Libras.pptxLucasBrando77
 
Pessoas Surdas, bilingüismo e educação bilíngüe
Pessoas Surdas, bilingüismo e educação bilíngüePessoas Surdas, bilingüismo e educação bilíngüe
Pessoas Surdas, bilingüismo e educação bilíngüeVanessa Dagostim
 
Parte 4 linguística geral apresentação 2012
Parte 4   linguística geral apresentação 2012Parte 4   linguística geral apresentação 2012
Parte 4 linguística geral apresentação 2012Mariana Correia
 
Variedades linguisticas
Variedades linguisticasVariedades linguisticas
Variedades linguisticasuesleii
 
Aula_1___L_ngua__linguagem_e_variedades_lingu_sticas.pdf
Aula_1___L_ngua__linguagem_e_variedades_lingu_sticas.pdfAula_1___L_ngua__linguagem_e_variedades_lingu_sticas.pdf
Aula_1___L_ngua__linguagem_e_variedades_lingu_sticas.pdflucasicm
 
Apresentação pafc 2013 slideshare
Apresentação pafc 2013 slideshareApresentação pafc 2013 slideshare
Apresentação pafc 2013 slideshareLeilaFajardo
 
História dos surdos no Brasil.PDF
História dos surdos no Brasil.PDFHistória dos surdos no Brasil.PDF
História dos surdos no Brasil.PDFFernandaDoMateus
 
Lingua brasileira de sinais
Lingua brasileira de sinaisLingua brasileira de sinais
Lingua brasileira de sinaisColegio Éthicos
 
1ª Oficina Para Professores Cap V&L
1ª Oficina Para Professores Cap V&L1ª Oficina Para Professores Cap V&L
1ª Oficina Para Professores Cap V&LVanessa Dagostim
 
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.ppt
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.pptaspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.ppt
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.pptprofzacviana
 

Semelhante a LIBRAS AULA 1: Apresentação da disciplina (20)

Libras .pptx
Libras .pptxLibras .pptx
Libras .pptx
 
Quem será o modelo da Educação Bilíngue?
Quem será o modelo da Educação Bilíngue? Quem será o modelo da Educação Bilíngue?
Quem será o modelo da Educação Bilíngue?
 
Slides_-_Bilinguiiiiiiismo_e_Libras.pptx
Slides_-_Bilinguiiiiiiismo_e_Libras.pptxSlides_-_Bilinguiiiiiiismo_e_Libras.pptx
Slides_-_Bilinguiiiiiiismo_e_Libras.pptx
 
3 encontro - Pnaic 2015
3 encontro - Pnaic 20153 encontro - Pnaic 2015
3 encontro - Pnaic 2015
 
Pessoas Surdas, bilingüismo e educação bilíngüe
Pessoas Surdas, bilingüismo e educação bilíngüePessoas Surdas, bilingüismo e educação bilíngüe
Pessoas Surdas, bilingüismo e educação bilíngüe
 
Parte 4 linguística geral apresentação 2012
Parte 4   linguística geral apresentação 2012Parte 4   linguística geral apresentação 2012
Parte 4 linguística geral apresentação 2012
 
Aula 1 - Libras.pptx
Aula 1 - Libras.pptxAula 1 - Libras.pptx
Aula 1 - Libras.pptx
 
Eliane EducaçãO BilingüE
Eliane EducaçãO BilingüEEliane EducaçãO BilingüE
Eliane EducaçãO BilingüE
 
LIBRAS
LIBRAS LIBRAS
LIBRAS
 
Variedades linguisticas
Variedades linguisticasVariedades linguisticas
Variedades linguisticas
 
Aula_1___L_ngua__linguagem_e_variedades_lingu_sticas.pdf
Aula_1___L_ngua__linguagem_e_variedades_lingu_sticas.pdfAula_1___L_ngua__linguagem_e_variedades_lingu_sticas.pdf
Aula_1___L_ngua__linguagem_e_variedades_lingu_sticas.pdf
 
Surdez
SurdezSurdez
Surdez
 
Arquivo 1
Arquivo 1Arquivo 1
Arquivo 1
 
Libras
LibrasLibras
Libras
 
Apresentação pafc 2013 slideshare
Apresentação pafc 2013 slideshareApresentação pafc 2013 slideshare
Apresentação pafc 2013 slideshare
 
História dos surdos no Brasil.PDF
História dos surdos no Brasil.PDFHistória dos surdos no Brasil.PDF
História dos surdos no Brasil.PDF
 
Lingua brasileira de sinais
Lingua brasileira de sinaisLingua brasileira de sinais
Lingua brasileira de sinais
 
1ª Oficina Para Professores Cap V&L
1ª Oficina Para Professores Cap V&L1ª Oficina Para Professores Cap V&L
1ª Oficina Para Professores Cap V&L
 
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.ppt
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.pptaspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.ppt
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.ppt
 
aula 2 ufsb 2022.2.pptx
aula 2 ufsb 2022.2.pptxaula 2 ufsb 2022.2.pptx
aula 2 ufsb 2022.2.pptx
 

Mais de profamiriamnavarro

Como ganhar dinheiro em casa: ideias para professores
Como ganhar dinheiro em casa: ideias para professoresComo ganhar dinheiro em casa: ideias para professores
Como ganhar dinheiro em casa: ideias para professoresprofamiriamnavarro
 
MPEHG ALFABETO CARTOGRÁFICO E LEGENDA
MPEHG ALFABETO CARTOGRÁFICO E LEGENDAMPEHG ALFABETO CARTOGRÁFICO E LEGENDA
MPEHG ALFABETO CARTOGRÁFICO E LEGENDAprofamiriamnavarro
 
MPEHG AULA 13: Teoria e Prática do ensino de Geografia
MPEHG AULA 13: Teoria e Prática do ensino de GeografiaMPEHG AULA 13: Teoria e Prática do ensino de Geografia
MPEHG AULA 13: Teoria e Prática do ensino de Geografiaprofamiriamnavarro
 
MPEHG ALFABETIZAÇÃO CARTOGRÁFICA
MPEHG ALFABETIZAÇÃO CARTOGRÁFICAMPEHG ALFABETIZAÇÃO CARTOGRÁFICA
MPEHG ALFABETIZAÇÃO CARTOGRÁFICAprofamiriamnavarro
 
MPEHG AULA 12: Ciências Humanas, Geografia e BNCC
MPEHG AULA 12: Ciências Humanas, Geografia e BNCC MPEHG AULA 12: Ciências Humanas, Geografia e BNCC
MPEHG AULA 12: Ciências Humanas, Geografia e BNCC profamiriamnavarro
 
MPEHG AULA 11: Geografia na BNCC: unidades temáticas, objetos de conhecimento...
MPEHG AULA 11: Geografia na BNCC: unidades temáticas, objetos de conhecimento...MPEHG AULA 11: Geografia na BNCC: unidades temáticas, objetos de conhecimento...
MPEHG AULA 11: Geografia na BNCC: unidades temáticas, objetos de conhecimento...profamiriamnavarro
 
MPEHG AULA 10: Aula 10: Geografia na BNCC: introdução + competências específicas
MPEHG AULA 10: Aula 10: Geografia na BNCC: introdução + competências específicasMPEHG AULA 10: Aula 10: Geografia na BNCC: introdução + competências específicas
MPEHG AULA 10: Aula 10: Geografia na BNCC: introdução + competências específicasprofamiriamnavarro
 
MPEHG AULA 7: A formação do professor de História/ A atuação do aluno-mestre
MPEHG AULA 7: A formação do professor de História/ A atuação do aluno-mestre MPEHG AULA 7: A formação do professor de História/ A atuação do aluno-mestre
MPEHG AULA 7: A formação do professor de História/ A atuação do aluno-mestre profamiriamnavarro
 
MPEHG AULA 6: Eixos geradores do conhecimento / Metodologia do ensino de Hist...
MPEHG AULA 6: Eixos geradores do conhecimento / Metodologia do ensino de Hist...MPEHG AULA 6: Eixos geradores do conhecimento / Metodologia do ensino de Hist...
MPEHG AULA 6: Eixos geradores do conhecimento / Metodologia do ensino de Hist...profamiriamnavarro
 
MPEHG AULA 5: Planejamento e avaliação em História
MPEHG AULA 5: Planejamento e avaliação em História  MPEHG AULA 5: Planejamento e avaliação em História
MPEHG AULA 5: Planejamento e avaliação em História profamiriamnavarro
 
MPEHG AULA 4: Usos didáticos de documentos Documentos escritos/não escritos ...
MPEHG AULA 4: Usos didáticos de documentos  Documentos escritos/não escritos ...MPEHG AULA 4: Usos didáticos de documentos  Documentos escritos/não escritos ...
MPEHG AULA 4: Usos didáticos de documentos Documentos escritos/não escritos ...profamiriamnavarro
 
MPEHG AULA 3: Conteúdos Históricos: como selecionar? Aprendizagens em História
MPEHG AULA 3: Conteúdos Históricos: como selecionar?  Aprendizagens em História MPEHG AULA 3: Conteúdos Históricos: como selecionar?  Aprendizagens em História
MPEHG AULA 3: Conteúdos Históricos: como selecionar? Aprendizagens em História profamiriamnavarro
 
MPEHG AULA 2: História no Ensino Fundamental – Anos Iniciais Unidades temátic...
MPEHG AULA 2: História no Ensino Fundamental – Anos Iniciais Unidades temátic...MPEHG AULA 2: História no Ensino Fundamental – Anos Iniciais Unidades temátic...
MPEHG AULA 2: História no Ensino Fundamental – Anos Iniciais Unidades temátic...profamiriamnavarro
 
MPEHG AULA 1: Visão geral da BNCC
MPEHG AULA 1: Visão geral da BNCC MPEHG AULA 1: Visão geral da BNCC
MPEHG AULA 1: Visão geral da BNCC profamiriamnavarro
 
MPEMC AULA 11 e 12: Ensino de Ciências na sala de aula / Práticas científicas...
MPEMC AULA 11 e 12: Ensino de Ciências na sala de aula / Práticas científicas...MPEMC AULA 11 e 12: Ensino de Ciências na sala de aula / Práticas científicas...
MPEMC AULA 11 e 12: Ensino de Ciências na sala de aula / Práticas científicas...profamiriamnavarro
 
MPEMC AULA 10: Alfabetização Científica
MPEMC AULA 10: Alfabetização CientíficaMPEMC AULA 10: Alfabetização Científica
MPEMC AULA 10: Alfabetização Científicaprofamiriamnavarro
 
MPEMC AULA 9: Ciências na BNCC
MPEMC AULA 9: Ciências na BNCCMPEMC AULA 9: Ciências na BNCC
MPEMC AULA 9: Ciências na BNCCprofamiriamnavarro
 
MPEMC AULA 8: Álgebra, Probabilidade e Estatística
MPEMC AULA 8: Álgebra, Probabilidade e EstatísticaMPEMC AULA 8: Álgebra, Probabilidade e Estatística
MPEMC AULA 8: Álgebra, Probabilidade e Estatísticaprofamiriamnavarro
 
MPEMC AULA 7: Grandezas e Medidas
MPEMC AULA 7: Grandezas e MedidasMPEMC AULA 7: Grandezas e Medidas
MPEMC AULA 7: Grandezas e Medidasprofamiriamnavarro
 

Mais de profamiriamnavarro (20)

Como ganhar dinheiro em casa: ideias para professores
Como ganhar dinheiro em casa: ideias para professoresComo ganhar dinheiro em casa: ideias para professores
Como ganhar dinheiro em casa: ideias para professores
 
Aplicativos para aula ao vivo
Aplicativos para aula ao vivoAplicativos para aula ao vivo
Aplicativos para aula ao vivo
 
MPEHG ALFABETO CARTOGRÁFICO E LEGENDA
MPEHG ALFABETO CARTOGRÁFICO E LEGENDAMPEHG ALFABETO CARTOGRÁFICO E LEGENDA
MPEHG ALFABETO CARTOGRÁFICO E LEGENDA
 
MPEHG AULA 13: Teoria e Prática do ensino de Geografia
MPEHG AULA 13: Teoria e Prática do ensino de GeografiaMPEHG AULA 13: Teoria e Prática do ensino de Geografia
MPEHG AULA 13: Teoria e Prática do ensino de Geografia
 
MPEHG ALFABETIZAÇÃO CARTOGRÁFICA
MPEHG ALFABETIZAÇÃO CARTOGRÁFICAMPEHG ALFABETIZAÇÃO CARTOGRÁFICA
MPEHG ALFABETIZAÇÃO CARTOGRÁFICA
 
MPEHG AULA 12: Ciências Humanas, Geografia e BNCC
MPEHG AULA 12: Ciências Humanas, Geografia e BNCC MPEHG AULA 12: Ciências Humanas, Geografia e BNCC
MPEHG AULA 12: Ciências Humanas, Geografia e BNCC
 
MPEHG AULA 11: Geografia na BNCC: unidades temáticas, objetos de conhecimento...
MPEHG AULA 11: Geografia na BNCC: unidades temáticas, objetos de conhecimento...MPEHG AULA 11: Geografia na BNCC: unidades temáticas, objetos de conhecimento...
MPEHG AULA 11: Geografia na BNCC: unidades temáticas, objetos de conhecimento...
 
MPEHG AULA 10: Aula 10: Geografia na BNCC: introdução + competências específicas
MPEHG AULA 10: Aula 10: Geografia na BNCC: introdução + competências específicasMPEHG AULA 10: Aula 10: Geografia na BNCC: introdução + competências específicas
MPEHG AULA 10: Aula 10: Geografia na BNCC: introdução + competências específicas
 
MPEHG AULA 7: A formação do professor de História/ A atuação do aluno-mestre
MPEHG AULA 7: A formação do professor de História/ A atuação do aluno-mestre MPEHG AULA 7: A formação do professor de História/ A atuação do aluno-mestre
MPEHG AULA 7: A formação do professor de História/ A atuação do aluno-mestre
 
MPEHG AULA 6: Eixos geradores do conhecimento / Metodologia do ensino de Hist...
MPEHG AULA 6: Eixos geradores do conhecimento / Metodologia do ensino de Hist...MPEHG AULA 6: Eixos geradores do conhecimento / Metodologia do ensino de Hist...
MPEHG AULA 6: Eixos geradores do conhecimento / Metodologia do ensino de Hist...
 
MPEHG AULA 5: Planejamento e avaliação em História
MPEHG AULA 5: Planejamento e avaliação em História  MPEHG AULA 5: Planejamento e avaliação em História
MPEHG AULA 5: Planejamento e avaliação em História
 
MPEHG AULA 4: Usos didáticos de documentos Documentos escritos/não escritos ...
MPEHG AULA 4: Usos didáticos de documentos  Documentos escritos/não escritos ...MPEHG AULA 4: Usos didáticos de documentos  Documentos escritos/não escritos ...
MPEHG AULA 4: Usos didáticos de documentos Documentos escritos/não escritos ...
 
MPEHG AULA 3: Conteúdos Históricos: como selecionar? Aprendizagens em História
MPEHG AULA 3: Conteúdos Históricos: como selecionar?  Aprendizagens em História MPEHG AULA 3: Conteúdos Históricos: como selecionar?  Aprendizagens em História
MPEHG AULA 3: Conteúdos Históricos: como selecionar? Aprendizagens em História
 
MPEHG AULA 2: História no Ensino Fundamental – Anos Iniciais Unidades temátic...
MPEHG AULA 2: História no Ensino Fundamental – Anos Iniciais Unidades temátic...MPEHG AULA 2: História no Ensino Fundamental – Anos Iniciais Unidades temátic...
MPEHG AULA 2: História no Ensino Fundamental – Anos Iniciais Unidades temátic...
 
MPEHG AULA 1: Visão geral da BNCC
MPEHG AULA 1: Visão geral da BNCC MPEHG AULA 1: Visão geral da BNCC
MPEHG AULA 1: Visão geral da BNCC
 
MPEMC AULA 11 e 12: Ensino de Ciências na sala de aula / Práticas científicas...
MPEMC AULA 11 e 12: Ensino de Ciências na sala de aula / Práticas científicas...MPEMC AULA 11 e 12: Ensino de Ciências na sala de aula / Práticas científicas...
MPEMC AULA 11 e 12: Ensino de Ciências na sala de aula / Práticas científicas...
 
MPEMC AULA 10: Alfabetização Científica
MPEMC AULA 10: Alfabetização CientíficaMPEMC AULA 10: Alfabetização Científica
MPEMC AULA 10: Alfabetização Científica
 
MPEMC AULA 9: Ciências na BNCC
MPEMC AULA 9: Ciências na BNCCMPEMC AULA 9: Ciências na BNCC
MPEMC AULA 9: Ciências na BNCC
 
MPEMC AULA 8: Álgebra, Probabilidade e Estatística
MPEMC AULA 8: Álgebra, Probabilidade e EstatísticaMPEMC AULA 8: Álgebra, Probabilidade e Estatística
MPEMC AULA 8: Álgebra, Probabilidade e Estatística
 
MPEMC AULA 7: Grandezas e Medidas
MPEMC AULA 7: Grandezas e MedidasMPEMC AULA 7: Grandezas e Medidas
MPEMC AULA 7: Grandezas e Medidas
 

Último

Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosFernanda Ledesma
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdfCarinaSofiaDiasBoteq
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdflbgsouza
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................mariagrave
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...WelitaDiaz1
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoIlda Bicacro
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja Mary Alvarenga
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfCsarBaltazar1
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na Áfricajuekfuek
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024azulassessoria9
 

Último (20)

Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdfTestes de avaliação português 6º ano .pdf
Testes de avaliação português 6º ano .pdf
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 

LIBRAS AULA 1: Apresentação da disciplina

  • 1. LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS Profa. Me. Míriam Navarro de Castro Nunes
  • 2. EMENTA • Estudo das teorias sobre educação de surdos, cultura surda, linguística da língua brasileira de sinais e ensino da língua portuguesa como segunda língua para surdos. • Discussão de temas relevantes para o exercício da função do professor em diferentes instituições de ensino na promoção da educação inclusiva do aluno surdo.
  • 3. OBJETIVOS GERAIS • Compreender princípios teóricos - metodológicos relacionados a educação de surdos no ensino regular e na escola bilíngue ao ensino conceitos e práticas relacionados à educação da pessoa surda. • Conhecer as idiossincrasias da comunidade e da cultura surda contribuindo para a inclusão social e educacional do surdo. • Analisar de forma reflexiva as mudanças que ocorrem nas instituições e na sociedade a partir da inclusão da LIBRAS na educação dos surdos.
  • 4. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO UNIDADE I: História da educação dos surdos UNIDADE II: Cultura surda UNIDADE III: Linguística da língua brasileira de sinais
  • 5. AVALIAÇÃO • NP1 = 24/09 a 02/10 • NP2 = 14/11 a 24/11
  • 6. BIBLIOGRAFIA Em breve no grupo do Facebook!
  • 7. MÚSICA AQUARELA EM LIBRAS https://youtu.be/WhZU2y6CE6k
  • 8. QUEM SÃO OS SURDOS? • Ser surdo NÃO é apenas “não ouvir”. É aprender/significar a si e ao mundo através da VISÃO. • Os membros de uma cultura usam a LÍNGUA para produzirem significado. A pessoa surda o faz em LÍNGUA DE SINAIS.
  • 9. SURDO X DEFICIENTE AUDITIVO • SURDO: Identidade sócio-política-cultural, pessoa que possui perda auditiva e utiliza a LÍNGUA DE SINAIS para se comunicar. • DEFICIENTE AUDITIVO: pessoa com perda auditiva que não utiliza a LÍNGUA DE SINAIS. Sua forma de comunicação é oral (condicionada ao uso de prótese auditiva).
  • 10. • Os surdos têm como PRIMEIRA LÍNGUA a LÍNGUA DE SINAIS e como SEGUNDA LÍNGUA a língua oficial de seu país. • BRASIL: • 1ª LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS (LIBRAS) • 2ª LÍNGUA PORTUGUESA
  • 11. ERRO COMUM • Não é correto dizer que alguém é SURDO-MUDO. • O aparelho fonador do surdo é exatamente igual ao dos ouvintes. • Em geral, a pessoa que não ouve também não fala porque é impossível reproduzir sons que ela não conhece.
  • 12. ACESSIBILIDADE A acessibilidade é um direito, não um privilégio • ANTES: Significava a eliminação de barreiras arquitetônicas. • HOJE: Significa equiparação de oportunidades. • 1981: Ano Internacional das Pessoas Portadoras de Deficiência (ONU). • Acessibilidade é um direito humano pois: • promove a inclusão social. • torna a sociedade um lugar viável para a convivência entre pessoas de todos os tipos e condições.
  • 13. CONCEITOS E CONCEPÇÕES • DESENHO UNIVERSAL: tudo deve ser utilizado por todos, o maior tempo possível, sem necessidade de adaptação. • VIDA INDEPENDENTE: autonomia, poder de decisão. • MODELO MÉDICO (período entre guerras): o problema estava no indivíduo portanto ele deveria se adaptar à sociedade por meio de reabilitação. • MODELO SOCIAL: a sociedade deve se adaptar ao indivíduo, eliminando barreiras como o preconceito, a discriminação e ambientes inacessíveis. • SOCIEDADE ACESSÍVEL: garante qualidade de vida para todos.
  • 14. O QUE É LIBRAS? • LEI 10436/2002: Reconhece a LIBRAS como língua. • DECRETO 5626/2005: Regulamenta a LIBRAS, estabelece orientações, recomendações e obrigações.
  • 15. LIBRAS • Possui estrutura gramatical própria. • Não é a Língua Portuguesa sinalizada. • Não é universal, cada país possui a sua Língua de Sinais (EUA-LSA; FRANÇA-LSF etc.) • Sua modalidade é “viso-espacial”/”gesto-visual”, diferente da “oral- auditiva”. • É uma língua natural. • Não é somente alfabeto, para cada coisa existe um sinal. O alfabeto é usado na soletração de nomes próprios ou palavras que não possuem um sinal.
  • 16. INTERAÇÃO COM O SURDO Se não souber LIBRAS... • Falar de maneira clara com velocidade normal, sem exageros. • Usar tom de voz normal – NÃO GRITAR. • Falar de frente com a pessoa. • Preferir locais iluminados. • Ser expressivo, usar gestos. • Manter contato visual. • Dirigir-se ao surdo e não ao intérprete. • Aprenda LIBRAS!
  • 17. COMO APRENDER LIBRAS SEM GASTAR • Aulas no YouTube https://bit.ly/2nlBZ8P • Cursos Online https://bit.ly/2vToX6q • Dicionário Interativo https://bit.ly/2KET5rz • Aplicativos https://bit.ly/2KE6pMD