SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 26
Baixar para ler offline
Saúde Coletiva 
Universidade Federal do Rio de Janeiro 
Disciplina: Saúde Coletiva 
Saúde Coletiva: 
Introdução à disciplina e 
Conceitos Fundamentais 
Mario Gandra
Saúde Coletiva 
O que veremos hoje? 
● Cronograma 
● Notas e cálculo da média 
● Bibliografia 
--------------------------------------------------------------------- 
● Epidemiologia e SC no currículo da Farmácia 
● Conceitos de saúde e doença 
● História da Epidemiologia
Saúde Coletiva 
Condições para aprovação 
a) MÉDIA: (Prova 1 + Prova 2 + Roda de artigos);2,5 >= 7,0 
b) (Média + Prova final)/2 >= 5,0 
A tal da ajuda... 
a) Se, e somente se, o aluno teve nota maior na prova 2 e teve 
boa participação nas aulas e exercícios. Máx. 0,2. 
b) NUNCA. Em hipóstese alguma! 50% já é medíocre demais...
Saúde Coletiva 
Como nos falamos? 
Horário da aula: 
● 1o bim. - quando vocês chegarem ou 20:15. O que ocorrer 
antes; 
● Sala 1, bloco B, subsolo 
Contatos: 
● ???? @pharma.ufrj.br 
● Bloco A, 2o andar, sala 16 
● Mural ??????? 
● http://pt.slideshare.net/mariogandra
Saúde Coletiva 
Saúde Coletiva: o que é e como vamos estudá-la?
Saúde Coletiva 
Epidemiologia/Saúde coletiva/saúde pública no currículo 
4o período 
5o período 
9o período
Saúde Coletiva 
O que é Epidemiologia? 
Epidemiologia 
● Ocorrência de doenças em populações humanas 
● Fatores determinantes 
● Identificação de grupos de risco 
● Indicação das medidas de saúde coletiva 
● Entender para prevenir!
Saúde Coletiva 
Saúde x doença 
O que é um estado sadio, saudável? 
O que é um estado doente? 
O que causa a doença a partir da saúde?
Saúde Coletiva 
Saúde-doença: uma concepção popular da etiologia 
Monografia de Maria Cecília de Souza Minayo 
"Tenho muita dor na coluna, que me vem com a lua.“ 
"O pessoal diz que essa coceira que deu na gente vem do vento. É 
um andaço que anda com o vento.“ 
"Minha perna incha e dói por causa do calor. Mas essa doença minha 
eu peguei porque trabalhava num lugar muito frio e úmido.“ 
"Eu tenho essa quantidade de caroço na pele que coça muito. Foi 
provocado por uma anestesia que eu tomei quando fui operado." 
"Remédio de médico é danado pra provocar problema na gente." 
"Eu comecei a ter um ódio muito grande porque minha vizinha, ela 
era minha melhor amiga, começou a dar em cima de meu marido. 
Ele, pra mostrar que é homem, começou a corresponder . Eu fiquei 
desesperada, comecei a perseguir ele. Uma manhã eu amanheci 
cega e sem poder andar. Foi trabalho que ela fez para mim. Mas 
como minha mãe é mãe de santo ela tirou, mas não devolveu 
porque eu não quis. Só aí eu enxerguei e andei outra vez."
Saúde Coletiva 
Saúde x doença 
Teoria mística 
● Estado de saúde e doenças causados pelos deuses 
● (Des)equilíbrio do espírito 
● Não se pode prever quando acontecerá 
● Controle e cura não depende (só) do Homem
Saúde Coletiva
Saúde Coletiva 
Saúde x doença 
Teoria hipocrática ou dos humores 
● 4 elementos fundamentais: fogo, ar, água e terra 
● Relação com condições climáticas 
● Relação com fluidos corporais 
● (Des)equilíbrio dos fluidos
Saúde Coletiva 
Saúde x doença 
Teoria dos miasmas 
● A causa das doenças são gases, ares e odores nocivos 
● Do grego antigo, significa “poluição” 
● Deu origem à “malária”: “mau ar” (italiano). Moradores de 
proximidades de pântanos pegavam malária. 
● Originados na putrefação 
● Gerou medidas de saúde pública: 
enterro de mortos e dejetos; coleta de lixo.
Saúde Coletiva 
Saúde x doença 
Teoria da unicausalidade 
● Estudos de Pasteur 
● Teoria dos germes 
● Biologia experimental para apontar a etiologia
Saúde Coletiva 
Saúde x doença 
Teoria da multicausalidade 
● Vários fatores 
● Agentes externos e desequilíbrio interno 
Desajuste ou falha em adaptação do organismo ou ausência de 
reação aos estímulos externos.
Saúde Coletiva 
Saúde x doença
Saúde Coletiva 
Saúde x doença 
Definições 
● Christopher Boorse (1977): a saúde é a simples ausência de 
doença; 
● Lennart Nordenfelt (2001): estado físico e mental em que é 
possível alcançar as metas vitais, dadas as circunstâncias; 
● Estado relativo de equilíbrio de forma e função do organismo, o 
que resulta de seu ajustamento dinâmico satisfatório às forças 
que tendem a perturbá-lo. 
● OMS: estado de completo bem-estar físico, mental e social.
Saúde Coletiva 
História natural das doenças 
Definição 
● Processos do desenrolar da doença 
● Desde as relações entre agente, suscetível e ambiente... 
● … até recuperação, invalidez ou morte
Saúde Coletiva 
História natural das doenças 
Etapas 
● Pré-patogênese: 
Meio ambiente 
Pré-condições 
Assintomático 
● Patogênese: 
Organismo humano 
Desenvolvimento patológico da doença 
Sintomas
Saúde Coletiva 
História natural das doenças
Saúde Coletiva 
História natural das doenças 
Pré-patogênese 
● Agente etiológico; suscetível; meio ambiente 
● Relação entre agente e suscetível: desenvolvimento da doença 
● Fatores socioeconomico-culturais que permitem essa relação
Saúde Coletiva 
História natural das doenças 
Pré-patogênese 
● Fatores socioeconômicos; 
● Fatores sociopolíticos; 
● Fatores socioculturais; 
● Fatores psicossociais. 
● Fatores ambientais (comuns, raros, catástrofes).
Saúde Coletiva 
História natural das doenças
Saúde Coletiva
Saúde Coletiva 
O Farmaceutico na promoção da saúde 
● Planejamento de 
medicamentos 
por região. 
● Controle de 
armazenamento 
de medicamentos 
● Controle 
toxicológico 
● Programas de 
saúde da 
comunidade 
● Estudo utilização 
de medicamento 
● Desenvolvimento 
de vacinas 
● Manipulação de 
fórmulas 
farmaceuticas 
● Acompanhamento 
de doenças 
infecciosas 
● Treinamento de 
pessoal de saúde 
● Levantamento 
epidemiológico de 
resultados dos 
exames 
laboratoriais. 
● 
● Controle de 
medicamentos 
● Adm. Farmácia 
hospitalar 
● Descontaminação 
de objetos e 
ambientes 
● Vigilância 
farmacológica 
● Assessoramento 
no emprego de 
rádio-fármacos 
● Pesquisa em 
saúde 
●
Saúde Coletiva 
Fim

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Vigilância Sanitária
Vigilância SanitáriaVigilância Sanitária
Vigilância Sanitária
 
Atenção Primária à Saúde
Atenção Primária à SaúdeAtenção Primária à Saúde
Atenção Primária à Saúde
 
SISTEMA UNICO DE SAUDE - RESUMAO
SISTEMA UNICO DE SAUDE - RESUMAOSISTEMA UNICO DE SAUDE - RESUMAO
SISTEMA UNICO DE SAUDE - RESUMAO
 
POLÍTICAS PÚBLICAS DE SAÚDE
POLÍTICAS PÚBLICAS DE SAÚDE  POLÍTICAS PÚBLICAS DE SAÚDE
POLÍTICAS PÚBLICAS DE SAÚDE
 
Processo saúde doença
Processo saúde doençaProcesso saúde doença
Processo saúde doença
 
SUS - Aula
SUS - AulaSUS - Aula
SUS - Aula
 
Saúde Pública aula 1
Saúde Pública aula 1Saúde Pública aula 1
Saúde Pública aula 1
 
EPIDEMIOLOGIA
EPIDEMIOLOGIAEPIDEMIOLOGIA
EPIDEMIOLOGIA
 
Vigilancia em saude
Vigilancia em saude Vigilancia em saude
Vigilancia em saude
 
Saúde pública no Brasil
Saúde pública no BrasilSaúde pública no Brasil
Saúde pública no Brasil
 
Saúde do Adulto: enfermagem
Saúde do Adulto: enfermagemSaúde do Adulto: enfermagem
Saúde do Adulto: enfermagem
 
Saúde Coletica - 5. vigilância epidemiológica
Saúde Coletica - 5. vigilância epidemiológicaSaúde Coletica - 5. vigilância epidemiológica
Saúde Coletica - 5. vigilância epidemiológica
 
1.1 determinantes sociais-da-saude
1.1 determinantes sociais-da-saude1.1 determinantes sociais-da-saude
1.1 determinantes sociais-da-saude
 
Redes de atenção à saúde
Redes de atenção à saúdeRedes de atenção à saúde
Redes de atenção à saúde
 
Pnab -programa nacional da Atenção básica
Pnab -programa nacional da Atenção básicaPnab -programa nacional da Atenção básica
Pnab -programa nacional da Atenção básica
 
Lei 8080.90
Lei 8080.90Lei 8080.90
Lei 8080.90
 
Slides sus
Slides susSlides sus
Slides sus
 
Aula 3 - SUS
Aula 3 - SUSAula 3 - SUS
Aula 3 - SUS
 
ORGANIZAÇÃO HOSPITALAR
ORGANIZAÇÃO HOSPITALARORGANIZAÇÃO HOSPITALAR
ORGANIZAÇÃO HOSPITALAR
 
Estratégia saúde da família
Estratégia saúde da famíliaEstratégia saúde da família
Estratégia saúde da família
 

Semelhante a Introdução Saúde Coletiva UFRJ

aula-processo-saude-doenca.pdf
aula-processo-saude-doenca.pdfaula-processo-saude-doenca.pdf
aula-processo-saude-doenca.pdfcarlasuzane2
 
Aula 3 hist.natural_doenca
Aula 3 hist.natural_doencaAula 3 hist.natural_doenca
Aula 3 hist.natural_doencaCleber Lima
 
Aula 5- ser biopsicossocial.pptx
Aula 5- ser biopsicossocial.pptxAula 5- ser biopsicossocial.pptx
Aula 5- ser biopsicossocial.pptxCarlaAlves362153
 
Resumo de saude publica
Resumo de saude publicaResumo de saude publica
Resumo de saude publicaAraujoAvelino
 
SAUDE E DOENÇA.pptx
SAUDE E DOENÇA.pptxSAUDE E DOENÇA.pptx
SAUDE E DOENÇA.pptxSobeMaria1
 
Como tratar doencas autoimunes - Tom O'Bryan.pdf
Como tratar doencas autoimunes - Tom O'Bryan.pdfComo tratar doencas autoimunes - Tom O'Bryan.pdf
Como tratar doencas autoimunes - Tom O'Bryan.pdfPatricia Lourenço
 
AULA 1 - Saúde Coletiva T27 333343443444
AULA 1 - Saúde Coletiva T27 333343443444AULA 1 - Saúde Coletiva T27 333343443444
AULA 1 - Saúde Coletiva T27 333343443444AriltonGomes
 
01-Aula_Introducao_Epidemiologia-2020 (4).pdf
01-Aula_Introducao_Epidemiologia-2020 (4).pdf01-Aula_Introducao_Epidemiologia-2020 (4).pdf
01-Aula_Introducao_Epidemiologia-2020 (4).pdfNaiaraMendes13
 
IntroduçãO (Open Office) Odp
IntroduçãO (Open Office) OdpIntroduçãO (Open Office) Odp
IntroduçãO (Open Office) Odpguest4c3db4
 
Aula 01 Semiologia.pptx
Aula 01 Semiologia.pptxAula 01 Semiologia.pptx
Aula 01 Semiologia.pptxlvaroCosta22
 
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptx
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptxAULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptx
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptxAlefySantos2
 
Saúde Coletica - 4. pesquisa epidemiológica
Saúde Coletica - 4. pesquisa epidemiológicaSaúde Coletica - 4. pesquisa epidemiológica
Saúde Coletica - 4. pesquisa epidemiológicaMario Gandra
 
Psico-oncologia
Psico-oncologiaPsico-oncologia
Psico-oncologiaAndressawm
 
Psico-oncologia
Psico-oncologiaPsico-oncologia
Psico-oncologiaAndressawm
 
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptx
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptxAULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptx
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptxAlefyLima1
 

Semelhante a Introdução Saúde Coletiva UFRJ (20)

aula-processo-saude-doenca.pdf
aula-processo-saude-doenca.pdfaula-processo-saude-doenca.pdf
aula-processo-saude-doenca.pdf
 
Aula 3 hist.natural_doenca
Aula 3 hist.natural_doencaAula 3 hist.natural_doenca
Aula 3 hist.natural_doenca
 
Aula 5- ser biopsicossocial.pptx
Aula 5- ser biopsicossocial.pptxAula 5- ser biopsicossocial.pptx
Aula 5- ser biopsicossocial.pptx
 
Resumo de saude publica
Resumo de saude publicaResumo de saude publica
Resumo de saude publica
 
SAUDE E DOENÇA.pptx
SAUDE E DOENÇA.pptxSAUDE E DOENÇA.pptx
SAUDE E DOENÇA.pptx
 
Epidemiologia
EpidemiologiaEpidemiologia
Epidemiologia
 
Como tratar doencas autoimunes - Tom O'Bryan.pdf
Como tratar doencas autoimunes - Tom O'Bryan.pdfComo tratar doencas autoimunes - Tom O'Bryan.pdf
Como tratar doencas autoimunes - Tom O'Bryan.pdf
 
AULA 1 - Saúde Coletiva T27 333343443444
AULA 1 - Saúde Coletiva T27 333343443444AULA 1 - Saúde Coletiva T27 333343443444
AULA 1 - Saúde Coletiva T27 333343443444
 
01-Aula_Introducao_Epidemiologia-2020 (4).pdf
01-Aula_Introducao_Epidemiologia-2020 (4).pdf01-Aula_Introducao_Epidemiologia-2020 (4).pdf
01-Aula_Introducao_Epidemiologia-2020 (4).pdf
 
IntroduçãO (Open Office) Odp
IntroduçãO (Open Office) OdpIntroduçãO (Open Office) Odp
IntroduçãO (Open Office) Odp
 
Sub m1j moreno
Sub m1j morenoSub m1j moreno
Sub m1j moreno
 
Aula 01 Semiologia.pptx
Aula 01 Semiologia.pptxAula 01 Semiologia.pptx
Aula 01 Semiologia.pptx
 
Conceito de Saúde 2
Conceito de Saúde 2Conceito de Saúde 2
Conceito de Saúde 2
 
Aula31 07 2014
Aula31 07 2014Aula31 07 2014
Aula31 07 2014
 
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptx
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptxAULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptx
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptx
 
Saúde Coletica - 4. pesquisa epidemiológica
Saúde Coletica - 4. pesquisa epidemiológicaSaúde Coletica - 4. pesquisa epidemiológica
Saúde Coletica - 4. pesquisa epidemiológica
 
Psico-oncologia
Psico-oncologiaPsico-oncologia
Psico-oncologia
 
Psico-oncologia
Psico-oncologiaPsico-oncologia
Psico-oncologia
 
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptx
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptxAULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptx
AULA 1 - Introdução Geral a Saúde Coletiva – Princípios e Conceitos.pptx
 
Obesidade uma Epidemia
Obesidade uma EpidemiaObesidade uma Epidemia
Obesidade uma Epidemia
 

Mais de Mario Gandra

Epidemiologia e saúde do trabalhador
Epidemiologia e saúde do trabalhadorEpidemiologia e saúde do trabalhador
Epidemiologia e saúde do trabalhadorMario Gandra
 
Aula 8 epidemiologia das doenças e agravos não transmissíveis
Aula 8   epidemiologia das doenças e agravos não transmissíveisAula 8   epidemiologia das doenças e agravos não transmissíveis
Aula 8 epidemiologia das doenças e agravos não transmissíveisMario Gandra
 
Análises de Elementos Anormais e Sedimentos
Análises de Elementos Anormais e SedimentosAnálises de Elementos Anormais e Sedimentos
Análises de Elementos Anormais e SedimentosMario Gandra
 
Carboidratos e correlações clínicas
Carboidratos e correlações clínicasCarboidratos e correlações clínicas
Carboidratos e correlações clínicasMario Gandra
 
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetores
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetoresSaúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetores
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetoresMario Gandra
 
Aula 7 endemias brasileiras e controle de vetores
Aula 7   endemias brasileiras e controle de vetoresAula 7   endemias brasileiras e controle de vetores
Aula 7 endemias brasileiras e controle de vetoresMario Gandra
 
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetores
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetoresSaúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetores
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetoresMario Gandra
 
Saúde Coletiva - Aula 6 epidemiologia das doenças transmitidas por via aérea
Saúde Coletiva - Aula 6   epidemiologia das doenças transmitidas por via aéreaSaúde Coletiva - Aula 6   epidemiologia das doenças transmitidas por via aérea
Saúde Coletiva - Aula 6 epidemiologia das doenças transmitidas por via aéreaMario Gandra
 
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveis
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveisSaúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveis
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveisMario Gandra
 
Saúde Coletiva - 2. história da epidemiologia e seus indicadores
Saúde Coletiva - 2. história da epidemiologia e seus indicadoresSaúde Coletiva - 2. história da epidemiologia e seus indicadores
Saúde Coletiva - 2. história da epidemiologia e seus indicadoresMario Gandra
 

Mais de Mario Gandra (11)

Epidemiologia e saúde do trabalhador
Epidemiologia e saúde do trabalhadorEpidemiologia e saúde do trabalhador
Epidemiologia e saúde do trabalhador
 
Aula 8 epidemiologia das doenças e agravos não transmissíveis
Aula 8   epidemiologia das doenças e agravos não transmissíveisAula 8   epidemiologia das doenças e agravos não transmissíveis
Aula 8 epidemiologia das doenças e agravos não transmissíveis
 
Análises de Elementos Anormais e Sedimentos
Análises de Elementos Anormais e SedimentosAnálises de Elementos Anormais e Sedimentos
Análises de Elementos Anormais e Sedimentos
 
Carboidratos e correlações clínicas
Carboidratos e correlações clínicasCarboidratos e correlações clínicas
Carboidratos e correlações clínicas
 
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetores
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetoresSaúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetores
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetores
 
Aula 7 endemias brasileiras e controle de vetores
Aula 7   endemias brasileiras e controle de vetoresAula 7   endemias brasileiras e controle de vetores
Aula 7 endemias brasileiras e controle de vetores
 
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetores
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetoresSaúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetores
Saúde Coletiva - 7. endemias brasileiras e controle de vetores
 
Saúde Coletiva - Aula 6 epidemiologia das doenças transmitidas por via aérea
Saúde Coletiva - Aula 6   epidemiologia das doenças transmitidas por via aéreaSaúde Coletiva - Aula 6   epidemiologia das doenças transmitidas por via aérea
Saúde Coletiva - Aula 6 epidemiologia das doenças transmitidas por via aérea
 
Cronograma 2014.2
Cronograma 2014.2Cronograma 2014.2
Cronograma 2014.2
 
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveis
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveisSaúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveis
Saúde Coletiva - 3. doenças sexualmente transmissíveis
 
Saúde Coletiva - 2. história da epidemiologia e seus indicadores
Saúde Coletiva - 2. história da epidemiologia e seus indicadoresSaúde Coletiva - 2. história da epidemiologia e seus indicadores
Saúde Coletiva - 2. história da epidemiologia e seus indicadores
 

Último

Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdf
Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdfManual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdf
Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdfClivyFache
 
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástrico
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástricoAnatomopatologico HU UFGD sobre CA gástrico
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástricoMarianaAnglicaMirand
 
Aula Saúde da Criança e do Adolescente.pptx
Aula Saúde da Criança e do Adolescente.pptxAula Saúde da Criança e do Adolescente.pptx
Aula Saúde da Criança e do Adolescente.pptxIgrejaBblica1
 
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfGustavoWallaceAlvesd
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgeryCarlos D A Bersot
 
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptx
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptxENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptx
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptxcontatofelipearaujos
 
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOeMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOMayaraDayube
 
TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASER
TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASERTERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASER
TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASERCarlaDaniela33
 
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjdMedicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjdClivyFache
 
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaPrimeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaCristianodaRosa5
 
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASAULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASArtthurPereira2
 
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.pptPSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.pptAlberto205764
 

Último (13)

Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdf
Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdfManual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdf
Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdf
 
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástrico
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástricoAnatomopatologico HU UFGD sobre CA gástrico
Anatomopatologico HU UFGD sobre CA gástrico
 
Aula Saúde da Criança e do Adolescente.pptx
Aula Saúde da Criança e do Adolescente.pptxAula Saúde da Criança e do Adolescente.pptx
Aula Saúde da Criança e do Adolescente.pptx
 
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
 
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptx
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptxENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptx
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptx
 
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOeMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
 
TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASER
TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASERTERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASER
TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASER
 
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjdMedicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
 
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaPrimeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
 
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASAULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
 
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãosAplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
 
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.pptPSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
 

Introdução Saúde Coletiva UFRJ

  • 1. Saúde Coletiva Universidade Federal do Rio de Janeiro Disciplina: Saúde Coletiva Saúde Coletiva: Introdução à disciplina e Conceitos Fundamentais Mario Gandra
  • 2. Saúde Coletiva O que veremos hoje? ● Cronograma ● Notas e cálculo da média ● Bibliografia --------------------------------------------------------------------- ● Epidemiologia e SC no currículo da Farmácia ● Conceitos de saúde e doença ● História da Epidemiologia
  • 3. Saúde Coletiva Condições para aprovação a) MÉDIA: (Prova 1 + Prova 2 + Roda de artigos);2,5 >= 7,0 b) (Média + Prova final)/2 >= 5,0 A tal da ajuda... a) Se, e somente se, o aluno teve nota maior na prova 2 e teve boa participação nas aulas e exercícios. Máx. 0,2. b) NUNCA. Em hipóstese alguma! 50% já é medíocre demais...
  • 4. Saúde Coletiva Como nos falamos? Horário da aula: ● 1o bim. - quando vocês chegarem ou 20:15. O que ocorrer antes; ● Sala 1, bloco B, subsolo Contatos: ● ???? @pharma.ufrj.br ● Bloco A, 2o andar, sala 16 ● Mural ??????? ● http://pt.slideshare.net/mariogandra
  • 5. Saúde Coletiva Saúde Coletiva: o que é e como vamos estudá-la?
  • 6. Saúde Coletiva Epidemiologia/Saúde coletiva/saúde pública no currículo 4o período 5o período 9o período
  • 7. Saúde Coletiva O que é Epidemiologia? Epidemiologia ● Ocorrência de doenças em populações humanas ● Fatores determinantes ● Identificação de grupos de risco ● Indicação das medidas de saúde coletiva ● Entender para prevenir!
  • 8. Saúde Coletiva Saúde x doença O que é um estado sadio, saudável? O que é um estado doente? O que causa a doença a partir da saúde?
  • 9. Saúde Coletiva Saúde-doença: uma concepção popular da etiologia Monografia de Maria Cecília de Souza Minayo "Tenho muita dor na coluna, que me vem com a lua.“ "O pessoal diz que essa coceira que deu na gente vem do vento. É um andaço que anda com o vento.“ "Minha perna incha e dói por causa do calor. Mas essa doença minha eu peguei porque trabalhava num lugar muito frio e úmido.“ "Eu tenho essa quantidade de caroço na pele que coça muito. Foi provocado por uma anestesia que eu tomei quando fui operado." "Remédio de médico é danado pra provocar problema na gente." "Eu comecei a ter um ódio muito grande porque minha vizinha, ela era minha melhor amiga, começou a dar em cima de meu marido. Ele, pra mostrar que é homem, começou a corresponder . Eu fiquei desesperada, comecei a perseguir ele. Uma manhã eu amanheci cega e sem poder andar. Foi trabalho que ela fez para mim. Mas como minha mãe é mãe de santo ela tirou, mas não devolveu porque eu não quis. Só aí eu enxerguei e andei outra vez."
  • 10. Saúde Coletiva Saúde x doença Teoria mística ● Estado de saúde e doenças causados pelos deuses ● (Des)equilíbrio do espírito ● Não se pode prever quando acontecerá ● Controle e cura não depende (só) do Homem
  • 12. Saúde Coletiva Saúde x doença Teoria hipocrática ou dos humores ● 4 elementos fundamentais: fogo, ar, água e terra ● Relação com condições climáticas ● Relação com fluidos corporais ● (Des)equilíbrio dos fluidos
  • 13. Saúde Coletiva Saúde x doença Teoria dos miasmas ● A causa das doenças são gases, ares e odores nocivos ● Do grego antigo, significa “poluição” ● Deu origem à “malária”: “mau ar” (italiano). Moradores de proximidades de pântanos pegavam malária. ● Originados na putrefação ● Gerou medidas de saúde pública: enterro de mortos e dejetos; coleta de lixo.
  • 14. Saúde Coletiva Saúde x doença Teoria da unicausalidade ● Estudos de Pasteur ● Teoria dos germes ● Biologia experimental para apontar a etiologia
  • 15. Saúde Coletiva Saúde x doença Teoria da multicausalidade ● Vários fatores ● Agentes externos e desequilíbrio interno Desajuste ou falha em adaptação do organismo ou ausência de reação aos estímulos externos.
  • 17. Saúde Coletiva Saúde x doença Definições ● Christopher Boorse (1977): a saúde é a simples ausência de doença; ● Lennart Nordenfelt (2001): estado físico e mental em que é possível alcançar as metas vitais, dadas as circunstâncias; ● Estado relativo de equilíbrio de forma e função do organismo, o que resulta de seu ajustamento dinâmico satisfatório às forças que tendem a perturbá-lo. ● OMS: estado de completo bem-estar físico, mental e social.
  • 18. Saúde Coletiva História natural das doenças Definição ● Processos do desenrolar da doença ● Desde as relações entre agente, suscetível e ambiente... ● … até recuperação, invalidez ou morte
  • 19. Saúde Coletiva História natural das doenças Etapas ● Pré-patogênese: Meio ambiente Pré-condições Assintomático ● Patogênese: Organismo humano Desenvolvimento patológico da doença Sintomas
  • 20. Saúde Coletiva História natural das doenças
  • 21. Saúde Coletiva História natural das doenças Pré-patogênese ● Agente etiológico; suscetível; meio ambiente ● Relação entre agente e suscetível: desenvolvimento da doença ● Fatores socioeconomico-culturais que permitem essa relação
  • 22. Saúde Coletiva História natural das doenças Pré-patogênese ● Fatores socioeconômicos; ● Fatores sociopolíticos; ● Fatores socioculturais; ● Fatores psicossociais. ● Fatores ambientais (comuns, raros, catástrofes).
  • 23. Saúde Coletiva História natural das doenças
  • 25. Saúde Coletiva O Farmaceutico na promoção da saúde ● Planejamento de medicamentos por região. ● Controle de armazenamento de medicamentos ● Controle toxicológico ● Programas de saúde da comunidade ● Estudo utilização de medicamento ● Desenvolvimento de vacinas ● Manipulação de fórmulas farmaceuticas ● Acompanhamento de doenças infecciosas ● Treinamento de pessoal de saúde ● Levantamento epidemiológico de resultados dos exames laboratoriais. ● ● Controle de medicamentos ● Adm. Farmácia hospitalar ● Descontaminação de objetos e ambientes ● Vigilância farmacológica ● Assessoramento no emprego de rádio-fármacos ● Pesquisa em saúde ●