EC

471 visualizações

Publicada em

Empreendedorismo corporativo e inovação na empresa

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
471
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

EC

  1. 1. Sistematizando a inovação na sua empresa www.empreende.com.br EMPREENDEDORISMO CORPORATIVO
  2. 2. O que é Empreendedorismo Corporativo Corporate Venturing • Criação de novo negócio dentro da organização • Influência das core competences • Aprendizado • Crescimento e spin-off • Associado com indivíduos empreendedores dentro da organização Intrapreneurship • É o empreendedorismo aplicado dentro da organização • Criação de uma cultura e clima inovadores • Executivos agindo como se fossem proprietários • Rearranjo da cadeia de valores do negócio • Realocação dos recursos atuais e competências em novas e diferentes maneiras
  3. 3. Características organizacionais •Suporte gerencial •Tipo de trabalho •Recompensas/incentivos •Disponibilidade de tempo •Limites organizacionais Características individuais •Propensão de assumir riscos •Desejo de autonomia •Necessidade de realização •Orientação a metas •Auto-controle Evento inicial Disponibilidade de recursos Decisão para agir de forma empreendedora Planejamento Viabilidade do negócio Implementação da ideia Habilidade de superar barreiras O que é Empreendedorismo Corporativo
  4. 4. Restrições organizacionais Sistemas Estruturas Direcionamento estratégico Políticas e procedimentos Pessoas Cultura Sistemas de avaliação e recompensa mal dirigidos Muitos níveis hierárquicos Falta de metas de inovação Ciclos de aprovação longos e complexos Medo da falha Valores mal definidos Sistemas de controle opressivos Estrutura de controle estreita Falta de estratégia formal para o empreendedoris mo Muita documentação, excesso de burocracia Resistência à mudança Falta de consenso em relação as prioridades Sistemas inflexíveis de definição de orçamentos Responsabilidade sem autoridade Falta de visão da alta direção Excessiva segurança ou fixação nas regras atuais Complacência Falta de adequação da oportunidade com os valores atuais Sistemas de planejamento exageradamente formais e rígidos Gerenciamento top-down Falta de comprometimento dos executivos sênior Critérios de performance não realistas Orientação ou foco no curto prazo Valores conflitam com os requisitos necessários ao empreendedoris mo Canais de comunicação restritos Falta de referências (pessoas) empreendedoras na direção Talentos e habilidades inapropriados
  5. 5. Uso adequado de recompensas e reconhecimento Suporte gerencial a ações empreendedoras Disponibilidade de recursos e tempo Otimizar estrutura organizacional Assumir riscos calculados O que é Empreendedorismo Corporativo
  6. 6. Sistematizando… 1. Desenvolvimento de uma visão empreendedora 2. Incentivar e aprimorar a percepção da oportunidade 3. Institucionalizar a mudança 4. Alimentar o desejo de ser inovador 5. Investir nas ideias das pessoas 6. Compartilhar riscos e recompensas com os funcionários 7. Reconhecer que o ato de falhar é crítico, mas importante
  7. 7. Empreendedorismo Corporativo no Cliente  O trabalho realizado pela Empreende abrange as Etapas 1 a 4  A sistematização do empreendedorismo corporativo no Cliente inicia-se na Etapa 3  A partir dos resultados da Etapa 3 pode-se definir o que fazer e como agir (Etapa 4) 1. Definição de onde se quer chegar 2. Assessment 3. Identificação de pontos de melhoria 4. Implementação de ações de melhoria (treinamento, frameworks, metodologias, processos, recursos etc.)
  8. 8. Exemplos de projetos realizados (1)  Empresa líder no mercado de cosméticos  A Empreende atuou nas Etapas 2 e 3  Mais de 200 executivos envolvidos 1. Definição de onde se quer chegar 2. Assessment 3. Identificação de pontos de melhoria 4. Implementação de ações de melhoria (treinamento, frameworks, metodologias, processos, recursos etc.)
  9. 9. Exemplos de projeto realizados (2)  Empresa líder mundial na fabricação de jatos comerciais  A Empreende atuou na Etapa 4  Dezenas de executivos high potential envolvidos: 10 encontros presenciais com dinâmicas práticas em 8 meses envolvendo os temas EC, inovação, criatividade, business plan etc., com foco em projeto prático apresentado à diretoria da empresa ao final do programa 1. Definição de onde se quer chegar 2. Assessment 3. Identificação de pontos de melhoria 4. Implementação de ações de melhoria (treinamento, frameworks, metodologias, processos, recursos etc.)
  10. 10. Exemplos de projeto realizados (3)  Maior empresa de mineração do Brasil  A Empreende atuou nas Etapas 3 e 4  +100 executivos e empreendedores envolvidos: 2 anos de projetos nas várias localidades da empresa, envolvendo capacitação e desenvolvimento de business plan (inclusive para negociação com BNDES); temas: empreendedorismo associativo, inovação, criatividade, business plan etc. 1. Definição de onde se quer chegar 2. Assessment 3. Identificação de pontos de melhoria 4. Implementação de ações de melhoria (treinamento, frameworks, metodologias, processos, recursos etc.)
  11. 11. Os 5 fatores analisados no assessment Suporte gerencial a ações empreendedoras Percepção do próprio trabalho no tocante ao empreendedorismo Uso adequado de incentivos, recompensas e reconhecimento Disponibilidade de tempo Limites organizacionais flexíveis e expectativas
  12. 12. EXEMPLOS DE RESULTADOS DO ASSESSMENT
  13. 13. Fator 1: Suporte gerencial ao empreendedorismo corporativo Cliente Outras empresas brasileiras Destaque positivo: Os colaboradores reconhecem a existência dos programas de incentivo a novas ideias. Destaque negativo: Embora os colaboradores saibam que existem incentivos a novas ideias, não têm tempo para levá-las à frente. Como analisar os Gráficos: 1 (menor presença do Fator)   5 (maior presença do Fator)
  14. 14. Fator 2: Percepção do próprio trabalho no tocante ao empreendedorismo Cliente Outras empresas brasileiras Destaque positivo: O Grupo oferece oportunidades para que os colaboradores sintam-se pertencentes e colaborando para o desenvolvimento da organização. Destaque negativo: Os colaboradores ainda sentem insegurança em cometer erros, arriscar ou ter mais autonomia, e precisam, por isso, aprovação do trabalho que realizam.Como analisar os Gráficos: 1 (menor presença do Fator)   5 (maior presença do Fator)
  15. 15. Fator 3: Uso adequado de incentivos, recompensas e reconhecimento Cliente Outras empresas brasileiras Destaque positivo: O trabalho no Grupo é bastante desafiador, algo característico de empresas em constante desenvolvimento e crescimento, atentas às demandas e crescentes mudanças do mercado. Não existiu ponto negativo a se destacar nesse Fator. Como analisar os Gráficos: 1 (menor presença do Fator)   5 (maior presença do Fator)
  16. 16. Fator 4: Disponibilidade de tempo Cliente Outras empresas brasileiras Destaque negativo: Os colaboradores têm demandas excessivas de curto prazo, o que inviabiliza pensar em novas ideias de maneira sistemática. Como analisar os Gráficos: 1 (menor presença do Fator)   5 (maior presença do Fator)
  17. 17. Fator 5: Limites organizacionais flexíveis e expectativas Cliente Outras empresas brasileiras Destaque negativo: Os colaboradores possuem procedimentos padronizados a seguir. Pode ser bom para aumentar a produtividade, mas inibe que pensem em inovações e que “quebrem” regras. Como analisar os Gráficos: 1 (menor presença do Fator)   5 (maior presença do Fator)
  18. 18. Modelo de Empreendedorismo Corporativo proposto pela Empreende Conscientização/ Aprendizagem Treinamentos Workshops Comunicação Geraçãodeideias Workshop de inovação Programa de geração de ideias Times de alto desempenho Redes de inovação aberta Ferramentas de análise de ideias Implementaçãodeideias P&D Programa de implementação de ideias Redes de inovação aberta CorporateVenture (Criar / M&A/ Joint- venture/ Venture Capital) Análise dosresultados, gestão do conhecimento e implementação de melhorias Ambiente de estímulo ao empreendedorismo corporativo
  19. 19. Ano 1 Ano 2 Ano 3 Conscientização e uniformização do conceito Disseminação e consolidação do conceito (continuação) Criação do grupo de estudo (time de empreend e- dorismo) Primeiro ciclo de geração e implementação de ideias Revisões e segundo ciclo Alinhamen to com Alta gestão Discussões sobre iniciativas para gerar ambiente propício ao empreendedorismo corporativo Implementação das primeiras iniciativas 1 2 3 4
  20. 20. Sistematizando a inovação na sua empresa www.empreende.com.br EMPREENDEDORISMO CORPORATIVO

×