Falácias

1.352 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.352
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
55
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Falácias

  1. 1. OS SOFISMAS DA ATUALIDADE Professora: Hélia Coelho Mello Cunha 2014 1
  2. 2. OS SOFISMAS DA ATUALIDADE • O sofisma decorre de uma falha de quem argumenta e tem como objetivo induzir a audiência ao engano. • Os sofismas podem ter validade emocional, íntima, psicológica ou emotiva, mas não validade lógica. 2
  3. 3. Sofismas da dispersão Falso Dilema: (Falsa dicotomia) são dadas duas alternativas, mas de fato há mais. Apelo à Ignorância: conclui-se que uma proposição é falsa (ou verdadeira) porque não se sabe se é verdadeira (ou falsa). Derrapagem: (Bola de neve ou Declive ardiloso) consequências cada vez mais inaceitáveis são derivadas em série. Pergunta Complexa: Duas proposições são ligadas no que aparenta ser uma só pergunta. 3
  4. 4. Derrapagem (ladeira escorregadia) "Se nós legalizarmos a maconha, então mais pessoas iriam começar a tomar crack e heroína, e nós teríamos que legalizar eles também. Bem antes nós teríamos uma nação cheia de viciados em drogas na assistência social. Portanto nós não podemos legalizar a maconha." 4
  5. 5. Falso dilema ISTOE.13/08/08 5
  6. 6. Pergunta Complexa “- Você já deixou de roubar no mercado onde trabalha?” Apelo à Ignorância Como os cientistas não podem provar que o planeta sofrerá por falta de água, ela provavelmente não ocorrerá; então por que economizar? 6
  7. 7. Apelo a motivos Apelo à Força: o auditório é persuadido pela força Apelo ao medo Apelo à Piedade: apela-se à compaixão do auditório Apelo às Consequências: o auditório é prevenido contra consequências ameaçadoras Linguagem Preconceituosa: associam-se valores morais positivos à causa defendida pelo autor  Apelo ao Povo: defende-se que uma proposição é verdadeira porque segundo a voz corrente ela é verdadeira Apelo à tradição:quanto mais antigo, melhor 7
  8. 8. Apelo às consequências e ao medo Dia 3 de maio. Dia Mundial da Liberdade de Imprensa. Dia de alerta para que isso não volte a acontecer. 8
  9. 9. Apelo à força e à consequência 9
  10. 10. Apelo à consequência "É preciso alguém dizer para ele [o consumidor] que ele vai perder o emprego exatamente por não comprar. Na hora em que ele não compra, a indústria não produz, o comércio não vende e em algum lugar vai estourar. E vai estourar exatamente na produção industrial". (O presidente Lula ressaltando o quanto a decisão dos consumidores de evitarem as compras pode agravar a situação financeira do país -05/12/2008) 10
  11. 11. Linguagem preconceituosa a 11
  12. 12. Linguagem preconceituosa e apelo ao preconceito "Mexicanos dotados de grande dignidade, força de vontade e capacidade de trabalho estão executando tarefas que nem os pretos querem fazer nos Estados Unidos". Vicente Fox, presidente do México (maio-2005) 12
  13. 13. Apelo ao medo VEJA 08/08 13
  14. 14. Apelo à piedade Esperamos que aceite as nossas recomendações. Passamos os últimos três meses trabalhando desalmadamente nesse relatório. 14
  15. 15. Apelo à tradição 15
  16. 16. Fugir ao assunto Ataques Pessoais: 16
  17. 17. Apelo à autoridade: VEJA,11/10/06 17
  18. 18. Apelo à novidade Saiu a nova geladeira Pólo Sul. Com design moderno, arrojado, ela é perfeita para sua família, sintonizada com o futuro. 18
  19. 19. Generalização precipitada a 19
  20. 20. Falsa analogia VEJA , 2006 20
  21. 21. Falsa analogia VEJA O8/O8 21
  22. 22. Falsa analogia Revista Época, 9/07/2008 22
  23. 23. Ambiguidade VEJA 13/08/08 23
  24. 24. Omissão de Provas e Generalização Apressada: VEJA,22/11/06 24
  25. 25. Depois do fato, portanto devido a ele O GLOBO, 29/07/08 25
  26. 26. Petição de princípio "Se não tivermos sucesso, corremos o risco de fracassarmos”. Luiz Inácio Lula da Silva 26
  27. 27. Petição de Princípio ou Raciocínio Circular Homossexuais não devem exercer cargos públicos. Ou seja, qualquer funcionário público que se revele um homossexual deve ser despedido. Por isso, eles farão qualquer coisa para esconder seu segredo, e assim ficarão totalmente sujeitos a vantagens. Consequentemente, não se deve permitir homossexuais em cargos públicos 27
  28. 28. Falácias da ambiguidade Veja 08/08 28
  29. 29. Falácias da ambiguidade - Ênfase ISTOE 06/04/08 29
  30. 30. Inventando Fatos A razão da timidez da maioria solteira reside no caráter possessivo das mães. (Uma tentativa de explicar porque é que a maioria dos solteiros é tímida. No entanto, não sucede que a maioria dos solteiros sejam pessoas tímidas) 30
  31. 31. Torcendo os fatos A razão pela qual obtenho boas classificações é que os meus alunos me apreciam. (Isto é uma falácia quando as questões das avaliações com menos de 70% de acerto são eliminadas com a justificativa de que os alunos não as compreenderam.) 31
  32. 32. Contradição “Nós não temos censura. O que temos é uma limitação do que os jornais podem publicar”. (Louis Net, ex-vice-ministro da Informação da África do Sul). 32
  33. 33. Auto-contradição Apesar de os aumentos em nossa firma serem atribuídos por merecimento, o senhor deve aumentar o meu salário, mesmo que meu trabalho seja inadequado. Afinal de contas, faço parte da firma há muito tempo, e o senhor sabe que eu sempre fiz o melhor que pude 33
  34. 34. Generalização apressada 34
  35. 35. Generalização apressada 35
  36. 36. Generalização apressada “No país da fofoca, opinião é tabu". Lobão - Janeiro 2010 36
  37. 37. Ladeira escorregadia VEJA 02/07/08 37
  38. 38. Falácia de números grandes “Dez milhões de pessoas sofrem de doenças mentais no Brasil. Esse é o nosso principal problema social”. (do mundo jornalístico) 38
  39. 39. Definição Demasiado Restrita Veja 08/08 39
  40. 40. Definição Demasiado Restrita ISTOE 13/08/08 40
  41. 41. Citação fora do contexto O crítico literário escreve: “Eu leria este livro com prazer apenas se fosse o único livro no mundo, ou se eu estivesse numa ilha deserta e não tivesse mais nada para ler”. Na sua publicidade, a editora cita o crítico: “Eu leria este livro com prazer se eu estivesse numa ilha deserta”. 41
  42. 42. Falácias de estatística 42
  43. 43. Falácia da afirmação do consequente Se as estradas têm gelo, o correio está atrasado. O correio está atrasado.  Logo, as estradas têm gelo. 43
  44. 44. Estereótipos “Ah, você sabe como é....meninos são sempre desorganizados!” 44
  45. 45. SOFISMA DA EXPLICAÇÃO ÂMBITO LIMITADO (AD-HOC) O autor só explica um fenômeno e nada mais. Fernando Henrique VEJA 07/10/2010 45
  46. 46. DEPOIS DO FATO, PORTANTO DEVIDO A ELE É o erro de acreditar que porque um evento precede outro, o primeiro deve causar o segundo. • Veja, 17/12/2008 46
  47. 47. DEPOIS DO FATO, PORTANTO DEVIDO A ELE Reverendo anglicano Joabe Cavalcanti, brasileiro, morador de Londres.2010. 47
  48. 48. ATAQUE PESSOAL 48
  49. 49. APELO A PRECONCEITO 49
  50. 50. APELO À AUTORIDADE A pessoa que vende o produto não está qualificada para ter uma opinião de perito no assunto. 50
  51. 51. APELO À TRADIÇÃO O argumento fundamental é “quanto mais antigo, melhor”. BOHEMIA – A 1ª CERVEJA DO BRASIL 51
  52. 52. 52

×