6 PASSOS COM TIC PARA @PRENDER
CURSO DE FORMAÇÃO – SESSÃO 5 – 16 ABRIL 2015
H E L E N A F E L I Z A R D O , L U C Í L I A ...
2
Tecnologias na educação
Perspetivas…
3
Tecnologias digitais em contexto educativo, com que finalidade?
Tipos de uso
(Jonassen, 1998)
Aprender SOBRE tecnologia ...
4
As ferramentas tecnológicas assumem o papel de
ferramentas cognitivas, que apoiam o processo de
reflexão e de construção...
5
Integração das tecnologias digitais na metodologias de projeto
(aprender com tecnologias)
Ex: “Seis passos com TIC para ...
6
É importante o enfoque no processo
TRABALHO COLABORATIVO
 Seleção, organização e manipulação
informação
•Análise/reflex...
7
Esquema baseado no Cone da Aprendizagem de Edgar Dale (1900-1985)
Adaptado por Sylvia Duckworth
70% do que dizemos
50% d...
As tecnologias digitais são ferramentas de trabalho
(recursos), ao serviço de uma aprendizagem ativa a)
colaborativa b), e...
9
C o m u n i c a ç ã o
Oferta de escola: Literacia sociodigital
P r o d u ç ã o
I n f o r m a ç ã o
S
E
G
U
R
A
N
Ç
A
Met...
PLANO I - Competências Tecnológicas
Conhecimento técnico/
instrumental das tecnologias
digitais
Capacidade de operar com a...
PLANO III - Competências Transversais Gerais
META-
APRENDIZAGEM
Capacidade de aprender a aprender e aprender a estudar (au...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aprender com Tecnologias

167 visualizações

Publicada em

Sobre o papel das tecnologias digitais, no âmbito do projeto "Seis Passos com TIC para @prender". Curso de Formação Ag. Escolas Rainha Sta Isabel.

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Aprender com Tecnologias

  1. 1. 6 PASSOS COM TIC PARA @PRENDER CURSO DE FORMAÇÃO – SESSÃO 5 – 16 ABRIL 2015 H E L E N A F E L I Z A R D O , L U C Í L I A S A N T O S , V Í T O R J O R G E Aprender com tecnologias
  2. 2. 2 Tecnologias na educação Perspetivas…
  3. 3. 3 Tecnologias digitais em contexto educativo, com que finalidade? Tipos de uso (Jonassen, 1998) Aprender SOBRE tecnologia Saber técnico. Capacidade de manusear as tecnologias digitais e compreender os conceitos envolvidos. Aprender através ou a partir das tecnologias. Ensino assistido por computador Apoio ao ensino nas metodologias tradicionais (centrado ensino ou no professor) Aprender DA tecnologia Aprender COM tecnologia Competências de nível superior: pensar, agir, interagir, organizar e produzir informação. Pensamento crítico. Aprendizagem significativa.
  4. 4. 4 As ferramentas tecnológicas assumem o papel de ferramentas cognitivas, que apoiam o processo de reflexão e de construção do conhecimento. São usadas como estratégia cognitiva de aprendizagem. (Jonassen, 1996) Aprender COM tecnologias
  5. 5. 5 Integração das tecnologias digitais na metodologias de projeto (aprender com tecnologias) Ex: “Seis passos com TIC para @prender”  Planificação /preparação dos projetos  Processo de pesquisa, recolha e organização da informação  Elaboração do produto final Quando? Uma utilização profícua das tecnologias é aquela que permite o enfoque no processo e o trabalho colaborativo
  6. 6. 6 É importante o enfoque no processo TRABALHO COLABORATIVO  Seleção, organização e manipulação informação •Análise/reflexão •Síntese •Contexto/relações  Criar nova informação Porquê?
  7. 7. 7 Esquema baseado no Cone da Aprendizagem de Edgar Dale (1900-1985) Adaptado por Sylvia Duckworth 70% do que dizemos 50% do que ouvimos e vemos 30% do que vemos 20% do que ouvimos 10% do que lemos 90% do que dizemos e fazemos Uma utilização profícua das tecnologias é aquela que permite aprender fazendo Porquê?
  8. 8. As tecnologias digitais são ferramentas de trabalho (recursos), ao serviço de uma aprendizagem ativa a) colaborativa b), e significativa c). Notas: a) Os alunos envolvem-se de maneira ativa na aquisição do conhecimento. b) Os alunos aprendem com os seus pares e contribuem para a aprendizagem uns dos outros. (Construtivismo social; Conectivismo) c) Os alunos constroem significado a partir das suas vivências e da relações que estabelecem entre os novos conceitos e os que já possuem. A expressão “aprendizagem significativa” é de David Ausubel (1928-2008) A nossa VISÃO sobre o uso das tecnologias…
  9. 9. 9 C o m u n i c a ç ã o Oferta de escola: Literacia sociodigital P r o d u ç ã o I n f o r m a ç ã o S E G U R A N Ç A Metas de Aprendizagem na área das TIC (2010), no âmbito das Metas de Aprendizagem. Lisboa: DGIDC/ME (2010) Disponível no URL: http://repositorio.ul.pt/handle/10451/6567
  10. 10. PLANO I - Competências Tecnológicas Conhecimento técnico/ instrumental das tecnologias digitais Capacidade de operar com as tecnologias digitais, demonstrando compreensão dos conceitos envolvidos e das suas potencialidades para a aprendizagem. PLANO II – Competências transversais em TIC ÁREAS Metas Finais INFORMAÇÃO O aluno utiliza recursos digitais para pesquisar, selecionar e tratar informação de acordo com os objetivos concretos e com critérios de qualidade e pertinência. COMUNICAÇÃO O aluno comunica, interage e colabora com outras pessoas, usando ferramentas e ambientes de comunicação em rede como estratégia de aprendizagem individual e coletiva. PRODUÇÃO O aluno concebe e desenvolve trabalhos escolares, recorrendo a diferentes ferramentas digitais, para exprimir e representear conhecimentos, idéias e sentimentos. SEGURANÇA O aluno adota comportamentos seguros, respeita direitos de autor e de propriedade intelectual, e observa normas de conduta na utilização de ambientes on-line.
  11. 11. PLANO III - Competências Transversais Gerais META- APRENDIZAGEM Capacidade de aprender a aprender e aprender a estudar (autodisciplina, gestão do tempo…) AUTOAVALIAÇAO Capacidade de observar e analisar o seu comportamento (tomada de consciência de si e do seu estilo de aprendizagem; tomada de consciência de dificuldades e problemas na aprendizagem…) AUTOREGULAÇÃO Capacidade de compreender os desempenhos esperados nas diferentes áreas de aprendizagem (critérios de excelência, regras…) e de melhorar o seu desempenho escolar. EXPRESSÃO Capacidade de se expressar em diversas linguagens em suporte digital. CRIATIVIDADE Capacidade de pensar de forma criativa com recurso a diferentes tecnologias digitais. ÉTICA Capacidade de usar recursos digitais para otimizar a aprendizagem, no respeito por normas de cidadania e de ética (respeito pelos direitos de autor, conduta para com os outros…)

×