SlideShare uma empresa Scribd logo

Prova concurso professor de português

1 de 5
Baixar para ler offline
PROVA CONCURSO PROFESSOR DE PORTUGUÊS
CONHECIMENTOS DIDÁTICO-PEDAGÓGICOS
11) De acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – Lei n°. 9394/96 estão corretas as
alternativas abaixo, EXCETO:
A) O sistema federal de ensino compreende as instituições de ensino mantidas pela União; as instituições
de educação superior criadas e mantidas pela iniciativa privada; os órgãos federais de educação.
B) O acesso ao Ensino Fundamental é direito público subjetivo, podendo qualquer cidadão, grupos de cidadãos,
associação comunitária, organização sindical, entidade de classe ou outra legalmente constituída e, ainda, o
Ministério Público, acionar o Poder Público para exigi-lo.
C) A União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios organizarão, em regime de colaboração,
os respectivos sistemas de ensino.
D) A educação escolar compõe-se apenas de educação básica, formada pela Educação Infantil, Ensino
Fundamental e Ensino Médio.
E) A educação básica poderá organizar-se em séries anuais, períodos semestrais, ciclos, alternância regular de
períodos de estudos, grupos não-seriados, com base na idade, na competência e em outros critérios, ou por
forma diversa de organização, sempre que o interesse do processo de aprendizagem assim o recomendar.
12) Os projetos pedagógicos devem ter como resultado a elaboração de um produto final dentro ou fora da escola e
possuir objetivos de trabalho compartilhados por todo o grupo. Considerando o papel do professor e do
aluno nos projetos de trabalho, assinale V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas:
( ) O professor tem o papel de coordenar o trabalho, devendo sua participação ser direta e, ao mesmo tempo,
flexível.
( ) Os alunos são co-participantes no planejamento e na definição do trabalho que será realizado.
( ) A elaboração de questões mais complexas, que permitam que os alunos reflitam e busquem soluções é
função exclusiva do professor.
( ) Os alunos devem participar ativamente de todas as etapas do trabalho, tendo sempre muita clareza sobre o que
estão fazendo e por quê.
( )A avaliação deve ser feita ao longo do processo, cabendo realizar no fim, um balanço sobre todas as etapas
percorridas e os resultados alcançados.
A seqüência está correta em:
A) V, F, V, F, V B) F, V, F, V, F C) V, V, F, V, V D) F, V, V, V, F E) V, V, F, V, F
13) Trabalhar na concepção do Projeto Político Pedagógico significa aguçar a sensibilidade para o
desenvolvimento das novas relações a serem estabelecidas, um caminho complexo, mas indicativo
de fortalecimento da escola junto à comunidade, ao sistema e à proposta que pretende desenvolver. Para a
consecução do Projeto Político – Pedagógico da escola é preciso garantir:
I. A divisão do trabalho previamente definida, evitando confusões entre os papéis exercidos no processo educativo.
II. A realização de reuniões obrigatórias, garantindo a participação dos profissionais envolvidos na ação
educativa.
III. A estruturação de uma pauta de discussão, possibilitando a expressão dos grupos envolvidos no trabalho
escolar.
IV. A apresentação do projeto da direção, que distribui as tarefas relacionadas à execução do trabalho escolar.
V. A formação de grupos de trabalho, ampliando a participação dos diferentes segmentos nas decisões sobre a
escola.
Estão corretas apenas as alternativas:
A) I, II e IV B) III e V C) I, III e V D) II e IV E) II e V
14) A relação pedagógica se estabelece numa dinâmica interativa em que os conhecimentos são comunicados e
elaborados pelos envolvidos, permitindo movimentos mútuos e complementares de ensino e
aprendizagem. Assinale a alternativa que NÃO está relacionada ao autoritarismo da concepção
tradicional de relação pedagógica:
A) Os exames têm por objetivo medir a capacidade do aluno de apreensão dos conteúdos.
B) O vínculo de ensino é linear: o professor é quem ensina e o aluno é quem aprende.
C) A disciplina em sala de aula deve levar em conta o contexto em que os alunos vivem.
D) O conteúdo escolar é externo aos indivíduos, que devem incorporá-lo conforme regras e valores.
E) Os professores devem seguir criteriosamente os conteúdos programáticos oficiais.
15) O tempo escolar faz parte dos ritos que, segundo estudos inspirados por Foucault (1987),aprisionam
os sujeitos instituindo formas de controle sobre suas subjetividades e sobre seus discursos. Analise as afirmativas
que complementam o enunciado corretamente, na abordagem que concebe o tempo escolar em uma perspectiva
transformadora. Compreender o tempo escolar em uma perspectiva transformadora significa:
I. Valorizar a diversidade cultural como aspecto positivo e levá-la em conta, de modo a calcar o ensino dentro
dessa realidade.
II. Procurar ministrar o conteúdo de modo que, no final do ano, todas as unidades tenham sido abarcadas.
III. Levar em conta uma concepção do tempo, que supere a visão do mesmo como único, imutável.
IV. Garantir que todos sejam bem sucedidos nos exames e provas, realizados nas épocas previstas.
V. Cumprir um programa previsto dentro do prazo correspondente à série cursada pelo aluno.
VI. Concebê-lo como construção efetuada na interação dos indivíduos com seus universos culturais.
VII. Adaptar o tempo escolar aos contextos e experiências dos alunos.
Estão corretas apenas as afirmativas:
A) I, III, V, VI B) II, IV, V, VII C) III, V, VII D) I, II, IV, VI E) I, III, VI, VII
16) De acordo com a LDB – Lei nº. 9394/96 e a Lei n°. 11.274, de 06 de fevereiro de 2006, estão corretas as
afirmativas abaixo, EXCETO:
A) O ensino fundamental obrigatório, com duração de nove anos, gratuito na escola pública, iniciando-se aos
seis anos deidade, terá como objetivo a formação básica do cidadão.
B) O ensino fundamental será presencial, sendo o ensino à distância utilizado como complementação da
aprendizagem ou em situações emergenciais.
C) É facultado aos sistemas de ensino desdobrem o ensino fundamental em ciclos.
D) O ensino fundamental será ministrado progressivamente em tempo integral,a critério dos sistemas de ensino.
E) É facultado aos sistemas de ensino desdobrem apenas as séries iniciais em ciclos, mantendo o regime seriado
nas demais séries.

17) A discussão dos ciclos e dos processos de progressão continuada envolvem sempre o debate sobre uma
reordenação do ensino e da escola. Neste contexto, os educadores defendem os seguintes pontos, EXCETO:
A) Planejar e desenvolver práticas escolares capazes de acolher a todos sem distinção.
B) Estabelecer sistemas de acompanhamento da aprendizagem dos alunos.
C) Estimular remanejamentos de alunos para constituir grupos com a mesma capacidade de aprendizagem.
D) Instrumentalizar os professores para trabalhar com grupos heterogêneos.
E) Organizar as classes de alunos tomando como critério a idade biológica.
18) A história do currículo tem mostrado as disputas em torno da seleção dos conteúdos curriculares – ou seja, do
conhecimento escolar, dos saberes e do saber-fazer que devem fazer parte do currículo – que variam de acordo
com interesses de diversas ordens. Os currículos integrados, aqueles que buscam trabalhar deforma
interdisciplinar,são estimulados e defendidos porque:
I. Permitem o trabalho com conteúdos culturais relevantes, englobando discussão de questões que não poderiam
ser trabalhadas no limite de uma única disciplina.
II. Privilegiam o ensino, com base em questões reais e práticas, que estimulam o interesse e a curiosidade dos
alunos e a formação de respostas criativas e inovadoras.
III. Sua forma de organização tem similaridade com a maneira de como enfrentamos/solucionamos problemas
reais de ordem pessoal e profissional.
IV. Favorecem o trabalho coletivo entre os professores, eliminando as hierarquias entre as disciplinas e facilitando a
troca de experiências entre os docentes.
V. Privilegiam o conhecimento científico em relação aos outros saberes.
Estão corretas apenas as afirmativas:
A) I, II, IV, V B) II, III, IV C) III, IV, V D) I, II, III, IV E) II, III, V
19) Os PCN’s foram publicados em 1997 com o intuito de constituírem um referencial de qualidade para a educação
no Ensino Fundamental de todo o país. São um conjunto de sugestões de conteúdos e procedimentos metodológicos
para cada ciclo ou conjunto de séries, com os respectivos objetivos e competências. Os PCN’s não têm
caráter de obrigatoriedade. Estabeleça relações entre a descrição de conceitos abordados nos Parâmetros
Curriculares Nacionais (PCN’s) e conceitos, numerando a 2ª coluna de acordo com a 1ª:
1.Objetivo.
2.Conteúdo.
3.Metodologia.
4. Avaliação.
( ) Propõe-se que seja um meio para o desenvolvimento de determinadas capacidades.
( ) Pressupõe aprendizagem significativa, conceito central para o construtivismo.Resgata a unidade entre
aprendizagem e ensino, partindo do pressuposto de que o ensino só se efetiva na medida em que se promove a
aprendizagem.
( ) Define-se em termos de capacidade cognitiva, física, afetiva, de relação interpessoal, ética e/ou estética.
( ) Constitui um processo permanente e qualitativo de interpretação da aprendizagem construída.
( ) Pode ser de ordem conceitual, procedimental ou atitudinal.
( ) Passa a ser um recurso orientador da ação docente.
A seqüência está correta em:
A) 2, 3, 1, 4, 2, 4 B) 1, 2, 3, 4, 1, 2 C) 2, 3, 2, 1, 4, 3 D) 3, 3, 4, 1, 2, 4 E) 4, 2, 1,4, 3, 1
20) Com relação ao processo educativo e à avaliação escolar é correto afirmar que:
I. Para que o processo de avaliação assuma uma nova configuração e desempenhe um novo papel é necessário
romper com o estereótipo da avaliação que reprova, pune e exclui e buscar seu real significado e função na educação
escolar.
II. Não há distinção entre a aprendizagem que a criança realiza na escola e a que ocorre em outras instâncias de
sua vida.Por isso, os parâmetros de avaliação podem ser os mesmos em qualquer situação de aprendizagem.
III. Como processo intencional, a avaliação deve ser planejada e conduzida deforma sistemática, sem no
entanto, desprezar os aspectos informais que emergem no cotidiano escolar.
IV. A avaliação, é um instrumento que contribui para abrir novos caminhos,novas buscas na construção de uma
proposta pedagógica comprometida com a democratização quantitativa e qualitativa da educação e do ensino.
Está(ão) correta(s) apenas a(s) afirmativa(s):
A) I B) I, III e IV C) IV D) I, II e III E) I, II, III e IV
                                           CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS
TEXTO IV: A Cartomante (excertos)
Vilela, Camilo e Rita, três nomes, uma aventura, e nenhuma explicação das origens. Vamos a ela. Os dois
primeiros eram amigos de infância. Vilela seguiu a carreira de magistrado. Camilo entrou no funcionalismo,
contra a vontade do pai, que queria vê-lo médico; mas o pai morreu, e Camilo preferiu não ser nada, até que a
mãe lhe arranjou um emprego público. No princípio de 1869, voltou Vilela da província, onde casara com uma
dama formosa e tonta; abandonou a magistratura e veio abrir banca de advogado. Camilo arranjou-lhe casa para
os lados de Botafogo, e foi a bordo recebê-lo.− É o senhor? exclamou Rita, estendendo-lhe a mão. Não imagina
como meu marido é seu amigo; falava sempre do senhor. Camilo e Vilela olharam-se com ternura. Eram amigos
deveras. Depois, Camilo confessou de si para si que a mulher do Vilela não desmentia as cartas do marido.
Realmente, era graciosa e viva nos gestos, olhos cálidos, boca fina e interrogativa.Era um pouco mais velha que
ambos: contava trinta anos, Vilela vinte e nove e Camilo vinte e seis. Entretanto, o porte grave de Vilela fazia-o
parecer mais velho que a mulher, enquanto Camilo era um ingênuo na vida moral e prática. Faltava-lhe tanto a
ação do tempo, como os óculos de cristal, que a natureza põe no berço de alguns para adiantar os anos.
Nem experiência, nem intuição.Uniram-se os três. Convivência trouxe intimidade. Pouco depois morreu a mãe
de Camilo e, nesse desastre, que o foi, os dois mostraram-se grandes amigos dele. Vilela cuidou do enterro, dos
sufrágio se do inventário; Rita tratou especialmente do coração, e ninguém o faria melhor.Como daí chegaram
ao amor, não o soube ele nunca. A verdade é que gostava de passar as horas ao lado dela; era sua enfermeira
moral, quase uma irmã, mas principalmente era mulher e bonita. Odor di femina: eis o que ele aspirava nela,
e em volta dela, para incorporá-lo em si próprio. Liam os mesmos livros, iam juntos a teatros e passeios.
Camilo ensinou-lhe as damas e o xadrez e jogavam às noites; − ela mal, − ele, para lhe ser agradável,pouco
menos mal. Até aí as cousas. Agora a ação da pessoa, os olhos teimosos de Rita, que procuravam muita vez os
dele,que os consultavam antes de o fazer ao marido,as mãos frias, as atitudes insólitas. Um dia, fazendo ele
anos, recebeu de Vilela uma rica bengala de presente, e de Rita apenas um cartão com um vulgar cumprimento
a lápis, e foi então que ele pôde ler no próprio coração; não conseguia arrancar os olhos do bilhetinho. Palavras
vulgares; mas há vulgaridades sublimes, ou, pelo menos,deleitosas. A velha caleça de praça, em que pela
primeira vez passeaste com a mulher amada, fechadinhos ambos, vale o carro de Apolo. Assim é o homem,
assim são as cousas que o cercam. (ASSIS, Machado de, 1839-1908.)
21) A correspondência entre a oração sublinhada e a circunstância que expressa está correta em:
A) “... abandonou a magistratura e veio abrir banca de advogado”. – tempo
B) “ Entretanto, o porte grave de Vilela fazia-o parecer mais velho que a mulher ...” – causa
C) “... que a natureza põe no berço de alguns para adiantar os anos” –finalidade
D) “Como daí chegaram ao amor, não o soube ele nunca.” –proporcionalidade
E) “Um dia,fazendo ele anos, recebeu de Vilela uma rica bengala de presente...” – conseqüência
22) “... que os consultavam antes de o fazer ao marido, as mãos frias, as atitudes insólitas”. Assinale a
alternativa abaixo que contém o antônimo da palavra sublinhada na frase anterior:
A) raras              B) grosseiras C) anormais D) habituais E) extraordinárias
23) Leia as afirmações abaixo, retiradas do texto, e, a seguir, responda o que se pede:
I.“ ...que queria vê-lo médico” – A palavra sublinhada é um pronome relativo.
II. Em “ ... arranjou-lhe casa...” e “ ... foi a bordo recebê-lo”– As palavras sublinhadas têm a mesma função
sintática.
III. “...e nesse desastre, que o foi...” – O pronome o se refere a Camilo.
IV. “... mas há vulgaridades sublimes.” – A palavra sublinhada é uma conjunção adversativa.
Estão corretas apenas as afirmativas:
A) I e II B) II e IV C) II e III D) I e III E) I e IV
24) Considere o seguinte trecho: “Vilela seguiu a carreira de magistrado.” (1º§) Em qual das alternativas abaixo
o termo destacado NÃO apresenta a mesma função sintática do termo sublinhado anteriormente?
A) “abandonou a magistratura e veio abrir banca de advogado”
B) “− É o senhor? Exclamou Rita, estendendo-lhe a mão.”
C) “...o porte grave de Vilela fazia – o parecer mais velho...”
D) “Liam os mesmos livros...”
E) “Camilo ensinou-lhe as damas...”
25) As palavras três, médico e daí são acentuadas por serem, respectivamente:
A) monossílabo tônico terminado em e(s) ; proparoxítona; a letra i como segunda vogal do hiato.
B) monossílabo tônico terminado em e; proparoxítona terminada em o; paroxítona terminada em ditongo.
C) oxítona terminada em e; proparoxítona; oxítona terminada em i.
D) monossílabo tônico terminado em e(s); oxítona terminada em o; a letra i como segunda vogal do hiato.
E) oxítona terminada em e(s); proparoxítona terminada em o; paroxítona terminada em ditongo.
26) Pela leitura do texto é correto afirmar que:
A) Rita fazia uso de um perfume com fragrância muito agradável.
B) Camilo sentia-se atraído por Rita.
C) Vilela sentia-se traído por Rita.
D) O bilhetinho foi uma atitude vulgar de Rita.
E) O bilhetinho foi o motivo do ciúme de Vilela.
27) A frase que admite transposição para voz passiva é:
A) “Vilela seguiu a carreira de magistrado.”B) “Não imaginava como meu marido é seu amigo.”C) “...enquanto
Camilo era um ingênuo na vida moral e prática.”D) “Pouco depois morreu a mãe de Camilo...”E) “...eis o que ele
aspirava nela...”
28) Passando-se o verbo do trecho: “...que de natureza põe no berço...” para o pretérito perfeito composto do subjuntivo,
obtém-se a forma verbal:
A) tinha posto B) teria posto C) tem posto D) tivesse posto E) tenha posto
29) Compete ao município de Santa Maria, no exercício de sua autonomia, dentre outras, as seguintes
atribuições:
A) Organizar-se administrativamente, observadas as legislações federal e estadual.
B) Organizar-se juridicamente, decretar suas leis, expedir decretos, atos e medidas, relativas aos assuntos
de interesse local.
C) Suplementar a legislação federal e a estadual, no que couber.
D) Instituir e arrecadar os tributos de sua competência e aplicar suas rendas, na forma da lei.
E) Todas as alternativas anteriores completam o enunciado.
30) Ao município de Santa Maria é vedado cobrar tributos:
A) Em relação a fatos geradores ocorridos antes do início da vigência da lei que os houver instituído ou
aumentado.
B) No mesmo exercício financeiro em que haja sido publicada a lei que os instituir ou aumentar.
C) Com efeito de confisco no caso de autarquias e fundações.
D) A publicação de livros e periódicos.
E) As alternativas A e B estão corretas.



                                            CONHECIMENTOS GERAIS
31) Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), o número de refugiados e deslocados internos no
mundo bateu recorde em 2007, atingindo 37,4 milhões de pessoas. Sobre este assunto no Brasil, é correto
afirmar que:
I. Dos 3.800 refugiados que vivem no Brasil, 80% vêm de países africanos, como Angola, República
Democrática do Congo, Libéria e Serra Leoa.
II. A grande maioria pede asilo político e, após a liberação, saem regularizados de seus países, através de
navios cargueiros.
III. Recentemente, tem havido um aumento no número de colombianos que refugiam no Brasil, fugindo do
conflito entre governo, grupos paramilitares e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).
IV. A ONU chegou a abrir um posto, em Santos, para atender aos imigrantes forçados que chegam de navio.
Estão corretas apenas as afirmativas:
A) I e II B) I, II, III C) II e IV D) I, III e IV E) II e IV
32) O Brasil possui a segunda maior área de floresta do mundo, com 210,7 milhões de hectares de florestas públicas, de
acordo com o Cadastro Nacional de Florestas Públicas (CNFP) divulgado pelo Serviço Florestal
Brasileiro. Desse total, 185 milhões de hectares são florestas protegidas em unidades de conservação
federais e terras indígenas. Outros 25 milhões são de florestas localizadas em terras sem destinação, ou
seja, em áreas que não tiveram nenhuma destinação pública ou privada estabelecida oficialmente. Que
país possui a maior área de floresta do mundo?
A) Rússia. B) Canadá. C) EUA. D) Indonésia. E) China.
33) No final do mês de junho deste ano, o país foi surpreendido com a morte súbita da ex-primeira-
dama Ruth Cardoso,esposa do ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso. Antropóloga de formação, já
tendo lecionado em universidades de grande prestígio, como a Universidade de São Paulo (USP), a
Universidade do Chile e as norte americanas Berkeley e Colúmbia, “Dona Ruth” – como era nacionalmente
chamada – também já publicou vários livros e, em 1995, durante o mandato de Fernando Henrique, foi fundadora do
programa:
A) Fome Zero.
B) Bolsa Família.
C) Voluntários da Pátria.
D) Comunidade Solidária.
E) Bolsa Escola.
34) Um dos empresários mais ricos e cultuados do planeta, Bill Gates, aposentou-se este mêsaos 52 anos
de idade,deixando de ser presidente de uma das maiores organizações privadas do planeta que fundounos EUA. Sobre
este excêntrico empreendedor NÃO é correto afirmar que:
A) Fundou com a esposa em 2000, a Fundação Bill e Melinda Gates que atua na área de saúde e educação
dos menos favorecidos.
B) A partir da aposentadoria, o empresário se desvincula completamente da Microsoft, passando apenas à
condição de acionista majoritário.
C) No último ranking da revista “Forbes”, perdeu o posto de homem mais rico do mundo para o investidor
norte-americano Warren Buffet, que tem uma fortuna de US$ 62 bilhões.
D) Fundou a Microsoft em meados da década de 1970 em parceria com Paul Allen.
E) Sua fortuna é considerada a terceira maior do planeta, segundo a revista “Forbes” chegando a US$58 bilhões em
2008,US$2 bilhões a mais que em 2007.
35) A Lei nº11.705, que alterou o Código de Trânsito Brasileiro está provocando mudanças de hábitos na população. O
consumo de qualquer quantidade de bebidas alcoólicas por condutores de veículos está proibido. Antes, era permitida a
ingestão de até seis decigramas de álcool por litro de sangue (o equivalente a dois copos de cerveja). As
punições previstas nesta Lei para quem for pego dirigindo depois de tomar bebida alcoólica são:
A) Detenção por flagrante com soltura só mediante a fiança de R$1.500,00 e apreensão da carteira de
habilitação por cinco anos.
B) Cancelamento da carteira de habilitação obrigando o motorista a reiniciar todo o processo para habilitação
e multa de R$1.500,00.
C) Multa de R$955,00 e a suspensão do direito de dirigir por doze meses.
D) Apreensão do veículo que será liberado somente após o pagamento de uma multa de R$1.500,00.
E) Prisão temporária, condenação imediata a pagamento de penas alternativas,além de multa de R$955,00.

Recomendados

Conhecimentospedaggicos 500questescomentadas
Conhecimentospedaggicos 500questescomentadasConhecimentospedaggicos 500questescomentadas
Conhecimentospedaggicos 500questescomentadasGiovani Felipe
 
Apostila nº 1 questões peb i - see - sp
Apostila nº 1   questões peb i - see - spApostila nº 1   questões peb i - see - sp
Apostila nº 1 questões peb i - see - splulu Lujogaja
 
500 questões de conhecimentos pedagógicos
500 questões de conhecimentos pedagógicos500 questões de conhecimentos pedagógicos
500 questões de conhecimentos pedagógicosFrancilene Mourão
 
Caderno de-exercicios-conhecimentos-pedagogicos
Caderno de-exercicios-conhecimentos-pedagogicosCaderno de-exercicios-conhecimentos-pedagogicos
Caderno de-exercicios-conhecimentos-pedagogicosarcg9
 
Conteudos com livros especificos (concurso)
Conteudos com livros especificos (concurso)Conteudos com livros especificos (concurso)
Conteudos com livros especificos (concurso)familiaestagio
 
Apostiila cursinho primeiro_semestre
Apostiila cursinho primeiro_semestreApostiila cursinho primeiro_semestre
Apostiila cursinho primeiro_semestreJuliana de Oliveira
 
504 conhecimentos pedagógicos 500 questões comentadas -amostra
504 conhecimentos pedagógicos  500 questões comentadas -amostra504 conhecimentos pedagógicos  500 questões comentadas -amostra
504 conhecimentos pedagógicos 500 questões comentadas -amostraElisangela Godoi
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

1758 conhecimentos pedagógicos 500 questões comentadas
1758 conhecimentos pedagógicos  500 questões comentadas1758 conhecimentos pedagógicos  500 questões comentadas
1758 conhecimentos pedagógicos 500 questões comentadasVanesa Silva
 
Apostila síntese autores de concursos
Apostila síntese autores de concursosApostila síntese autores de concursos
Apostila síntese autores de concursosEduardo Lopes
 
PEB I - SME/OSASCO - 2017 - APOSTILA PARA CONCURSO PÚBLICO
PEB I  - SME/OSASCO - 2017  -  APOSTILA PARA CONCURSO PÚBLICOPEB I  - SME/OSASCO - 2017  -  APOSTILA PARA CONCURSO PÚBLICO
PEB I - SME/OSASCO - 2017 - APOSTILA PARA CONCURSO PÚBLICOValdeci Correia
 
PROFESSOR-PEDAGOGO - SME/FORTALEZA/CE 2015
PROFESSOR-PEDAGOGO - SME/FORTALEZA/CE 2015PROFESSOR-PEDAGOGO - SME/FORTALEZA/CE 2015
PROFESSOR-PEDAGOGO - SME/FORTALEZA/CE 2015Valdeci Correia
 
APOSTILA TIANGUÁ/CE - PROFESSORES - DIDÁTICA E LEGISLAÇÃO
APOSTILA TIANGUÁ/CE - PROFESSORES - DIDÁTICA E LEGISLAÇÃOAPOSTILA TIANGUÁ/CE - PROFESSORES - DIDÁTICA E LEGISLAÇÃO
APOSTILA TIANGUÁ/CE - PROFESSORES - DIDÁTICA E LEGISLAÇÃOValdeci Correia
 
Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas
  Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas  Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas
Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadasEduardo Lopes
 
CURRÍCULO ESCOLAR - SIMULADO COM 50 QUESTÕES
CURRÍCULO ESCOLAR - SIMULADO COM 50 QUESTÕESCURRÍCULO ESCOLAR - SIMULADO COM 50 QUESTÕES
CURRÍCULO ESCOLAR - SIMULADO COM 50 QUESTÕESValdeci Correia
 
28678406 prova-pedagogia-concurso-pedagogo-gratis
28678406 prova-pedagogia-concurso-pedagogo-gratis28678406 prova-pedagogia-concurso-pedagogo-gratis
28678406 prova-pedagogia-concurso-pedagogo-gratisEduardo Lopes
 
1736 conh. ped 1.000 questoes de provas - apostila amostra
1736 conh. ped  1.000 questoes de provas - apostila amostra1736 conh. ped  1.000 questoes de provas - apostila amostra
1736 conh. ped 1.000 questoes de provas - apostila amostraRobson Bueno
 
PROFESSOR PEB I - CONCURSO PÚBLICO FIEB 2015
PROFESSOR PEB I - CONCURSO PÚBLICO FIEB 2015PROFESSOR PEB I - CONCURSO PÚBLICO FIEB 2015
PROFESSOR PEB I - CONCURSO PÚBLICO FIEB 2015Valdeci Correia
 
6. Coll. CéSar. Aprender ConteúDos. Paulo Deloroso
6. Coll. CéSar. Aprender ConteúDos. Paulo Deloroso6. Coll. CéSar. Aprender ConteúDos. Paulo Deloroso
6. Coll. CéSar. Aprender ConteúDos. Paulo DelorosoAndrea Cortelazzi
 
Questoes da ldb para imprimir
Questoes da ldb para imprimirQuestoes da ldb para imprimir
Questoes da ldb para imprimirandreiabruno
 
Conhecimentos pedagógicos 500 questões comentadas
Conhecimentos pedagógicos  500 questões comentadasConhecimentos pedagógicos  500 questões comentadas
Conhecimentos pedagógicos 500 questões comentadasreboferrari
 
PEB II - INGLÊS - SME/OSASCO - 2017 - APOSTILA DIGITAL PARA O CONCURSO PÚB...
PEB II - INGLÊS  -  SME/OSASCO - 2017  - APOSTILA DIGITAL PARA O CONCURSO PÚB...PEB II - INGLÊS  -  SME/OSASCO - 2017  - APOSTILA DIGITAL PARA O CONCURSO PÚB...
PEB II - INGLÊS - SME/OSASCO - 2017 - APOSTILA DIGITAL PARA O CONCURSO PÚB...Valdeci Correia
 
Os professores e a gestão do currículo
Os professores e a gestão do currículoOs professores e a gestão do currículo
Os professores e a gestão do currículoGydyzany Pires
 
Apostila vm simulados
Apostila vm simuladosApostila vm simulados
Apostila vm simuladoskeli morais
 
Formação permanente
Formação permanenteFormação permanente
Formação permanenteEduardo Lopes
 

Mais procurados (20)

1758 conhecimentos pedagógicos 500 questões comentadas
1758 conhecimentos pedagógicos  500 questões comentadas1758 conhecimentos pedagógicos  500 questões comentadas
1758 conhecimentos pedagógicos 500 questões comentadas
 
Apostila síntese autores de concursos
Apostila síntese autores de concursosApostila síntese autores de concursos
Apostila síntese autores de concursos
 
PEB I - SME/OSASCO - 2017 - APOSTILA PARA CONCURSO PÚBLICO
PEB I  - SME/OSASCO - 2017  -  APOSTILA PARA CONCURSO PÚBLICOPEB I  - SME/OSASCO - 2017  -  APOSTILA PARA CONCURSO PÚBLICO
PEB I - SME/OSASCO - 2017 - APOSTILA PARA CONCURSO PÚBLICO
 
PROFESSOR-PEDAGOGO - SME/FORTALEZA/CE 2015
PROFESSOR-PEDAGOGO - SME/FORTALEZA/CE 2015PROFESSOR-PEDAGOGO - SME/FORTALEZA/CE 2015
PROFESSOR-PEDAGOGO - SME/FORTALEZA/CE 2015
 
APOSTILA TIANGUÁ/CE - PROFESSORES - DIDÁTICA E LEGISLAÇÃO
APOSTILA TIANGUÁ/CE - PROFESSORES - DIDÁTICA E LEGISLAÇÃOAPOSTILA TIANGUÁ/CE - PROFESSORES - DIDÁTICA E LEGISLAÇÃO
APOSTILA TIANGUÁ/CE - PROFESSORES - DIDÁTICA E LEGISLAÇÃO
 
Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas
  Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas  Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas
Conhecimentos pedagógicos- 500 questões comentadas
 
CURRÍCULO ESCOLAR - SIMULADO COM 50 QUESTÕES
CURRÍCULO ESCOLAR - SIMULADO COM 50 QUESTÕESCURRÍCULO ESCOLAR - SIMULADO COM 50 QUESTÕES
CURRÍCULO ESCOLAR - SIMULADO COM 50 QUESTÕES
 
28678406 prova-pedagogia-concurso-pedagogo-gratis
28678406 prova-pedagogia-concurso-pedagogo-gratis28678406 prova-pedagogia-concurso-pedagogo-gratis
28678406 prova-pedagogia-concurso-pedagogo-gratis
 
1736 conh. ped 1.000 questoes de provas - apostila amostra
1736 conh. ped  1.000 questoes de provas - apostila amostra1736 conh. ped  1.000 questoes de provas - apostila amostra
1736 conh. ped 1.000 questoes de provas - apostila amostra
 
PROFESSOR PEB I - CONCURSO PÚBLICO FIEB 2015
PROFESSOR PEB I - CONCURSO PÚBLICO FIEB 2015PROFESSOR PEB I - CONCURSO PÚBLICO FIEB 2015
PROFESSOR PEB I - CONCURSO PÚBLICO FIEB 2015
 
6. Coll. CéSar. Aprender ConteúDos. Paulo Deloroso
6. Coll. CéSar. Aprender ConteúDos. Paulo Deloroso6. Coll. CéSar. Aprender ConteúDos. Paulo Deloroso
6. Coll. CéSar. Aprender ConteúDos. Paulo Deloroso
 
Questoes da ldb para imprimir
Questoes da ldb para imprimirQuestoes da ldb para imprimir
Questoes da ldb para imprimir
 
Didática
DidáticaDidática
Didática
 
Prova eletronica 8.1 js
Prova eletronica 8.1 jsProva eletronica 8.1 js
Prova eletronica 8.1 js
 
Conhecimentos pedagógicos 500 questões comentadas
Conhecimentos pedagógicos  500 questões comentadasConhecimentos pedagógicos  500 questões comentadas
Conhecimentos pedagógicos 500 questões comentadas
 
PEB II - INGLÊS - SME/OSASCO - 2017 - APOSTILA DIGITAL PARA O CONCURSO PÚB...
PEB II - INGLÊS  -  SME/OSASCO - 2017  - APOSTILA DIGITAL PARA O CONCURSO PÚB...PEB II - INGLÊS  -  SME/OSASCO - 2017  - APOSTILA DIGITAL PARA O CONCURSO PÚB...
PEB II - INGLÊS - SME/OSASCO - 2017 - APOSTILA DIGITAL PARA O CONCURSO PÚB...
 
Os professores e a gestão do currículo
Os professores e a gestão do currículoOs professores e a gestão do currículo
Os professores e a gestão do currículo
 
Apostila vm simulados
Apostila vm simuladosApostila vm simulados
Apostila vm simulados
 
Formação permanente
Formação permanenteFormação permanente
Formação permanente
 
Prova objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fcc
Prova objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fccProva objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fcc
Prova objetiva-professor-ii-sociologia-see-sp-2011-fcc
 

Destaque

EDITAL CONCURSO PÚBLICO EDUCAÇÃO M.G. 2015.
EDITAL CONCURSO PÚBLICO EDUCAÇÃO M.G. 2015.EDITAL CONCURSO PÚBLICO EDUCAÇÃO M.G. 2015.
EDITAL CONCURSO PÚBLICO EDUCAÇÃO M.G. 2015.Antônio Fernandes
 
DIRETOR DE ESCOLA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
DIRETOR DE ESCOLA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSDIRETOR DE ESCOLA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
DIRETOR DE ESCOLA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSValdeci Correia
 
Planejamento escolar
Planejamento escolarPlanejamento escolar
Planejamento escolarJoao Balbi
 
Planejamento Escolar
Planejamento EscolarPlanejamento Escolar
Planejamento Escolarfolilim
 
Planejamento de Ensino
Planejamento de EnsinoPlanejamento de Ensino
Planejamento de EnsinoLene Reis
 
Planejamento pedagogico
Planejamento pedagogicoPlanejamento pedagogico
Planejamento pedagogicostraraposa
 
Slides planejamento escolar
Slides planejamento escolarSlides planejamento escolar
Slides planejamento escolarAnanda Lima
 
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)Plano de aula e de ensino ( 1 aula)
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)leisiv
 
Plano de ensino como elaborar
Plano de ensino como elaborarPlano de ensino como elaborar
Plano de ensino como elaborarafavaliacao
 
Slides sobre planejamento
Slides sobre planejamentoSlides sobre planejamento
Slides sobre planejamentofamiliaestagio
 

Destaque (12)

Organização escolar
Organização escolarOrganização escolar
Organização escolar
 
Organização Escolar
Organização EscolarOrganização Escolar
Organização Escolar
 
EDITAL CONCURSO PÚBLICO EDUCAÇÃO M.G. 2015.
EDITAL CONCURSO PÚBLICO EDUCAÇÃO M.G. 2015.EDITAL CONCURSO PÚBLICO EDUCAÇÃO M.G. 2015.
EDITAL CONCURSO PÚBLICO EDUCAÇÃO M.G. 2015.
 
DIRETOR DE ESCOLA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
DIRETOR DE ESCOLA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOSDIRETOR DE ESCOLA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
DIRETOR DE ESCOLA - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSOS PÚBLICOS
 
Planejamento escolar
Planejamento escolarPlanejamento escolar
Planejamento escolar
 
Planejamento Escolar
Planejamento EscolarPlanejamento Escolar
Planejamento Escolar
 
Planejamento de Ensino
Planejamento de EnsinoPlanejamento de Ensino
Planejamento de Ensino
 
Planejamento pedagogico
Planejamento pedagogicoPlanejamento pedagogico
Planejamento pedagogico
 
Slides planejamento escolar
Slides planejamento escolarSlides planejamento escolar
Slides planejamento escolar
 
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)Plano de aula e de ensino ( 1 aula)
Plano de aula e de ensino ( 1 aula)
 
Plano de ensino como elaborar
Plano de ensino como elaborarPlano de ensino como elaborar
Plano de ensino como elaborar
 
Slides sobre planejamento
Slides sobre planejamentoSlides sobre planejamento
Slides sobre planejamento
 

Semelhante a Prova concurso professor de português

14. simulado conhec. ped. e legislação.docx (1)
14. simulado conhec. ped. e legislação.docx (1)14. simulado conhec. ped. e legislação.docx (1)
14. simulado conhec. ped. e legislação.docx (1)AlineMelo123
 
C:\Fakepath\Anfope Et Al 2005
C:\Fakepath\Anfope Et Al 2005C:\Fakepath\Anfope Et Al 2005
C:\Fakepath\Anfope Et Al 2005Solange Soares
 
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes LimaPaulo Lima
 
Apoio aos professores candidatos à meritocracia Prova do merito 2013
Apoio aos professores candidatos à meritocracia Prova do merito 2013Apoio aos professores candidatos à meritocracia Prova do merito 2013
Apoio aos professores candidatos à meritocracia Prova do merito 2013Anna Servelhere
 
1. programa mais educação sp
1. programa mais educação sp1. programa mais educação sp
1. programa mais educação spUlisses Vakirtzis
 
1. programa mais educação sp
1. programa mais educação sp1. programa mais educação sp
1. programa mais educação spUlisses Vakirtzis
 
12. simulado planejamento .docx
12. simulado planejamento .docx12. simulado planejamento .docx
12. simulado planejamento .docxAlineMelo123
 
Simulado Conhecimentos Pedagógicos e Legislação
Simulado Conhecimentos Pedagógicos e LegislaçãoSimulado Conhecimentos Pedagógicos e Legislação
Simulado Conhecimentos Pedagógicos e LegislaçãoLuiz C. Melo
 
Parâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares NacionaisParâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares NacionaisMarcelo Assis
 
RESUMO PARECER DCNEM Nº: 5/2011 PÁGINA 39 A 52
RESUMO PARECER DCNEM Nº: 5/2011 PÁGINA 39 A 52RESUMO PARECER DCNEM Nº: 5/2011 PÁGINA 39 A 52
RESUMO PARECER DCNEM Nº: 5/2011 PÁGINA 39 A 52IRACI SARTORI
 
QUESTÕES DE TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)
QUESTÕES DE  TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)QUESTÕES DE  TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)
QUESTÕES DE TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)Suellen Melo
 
10.Autonomia, ética e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
10.Autonomia, ética e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima10.Autonomia, ética e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
10.Autonomia, ética e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes LimaPaulo Lima
 
Didática e Simulado
Didática e SimuladoDidática e Simulado
Didática e SimuladoLuiz C. Melo
 

Semelhante a Prova concurso professor de português (20)

14. simulado conhec. ped. e legislação.docx (1)
14. simulado conhec. ped. e legislação.docx (1)14. simulado conhec. ped. e legislação.docx (1)
14. simulado conhec. ped. e legislação.docx (1)
 
C:\Fakepath\Anfope Et Al 2005
C:\Fakepath\Anfope Et Al 2005C:\Fakepath\Anfope Et Al 2005
C:\Fakepath\Anfope Et Al 2005
 
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
 
CURRÍCULO ESCOLAR
CURRÍCULO ESCOLARCURRÍCULO ESCOLAR
CURRÍCULO ESCOLAR
 
Apoio aos professores candidatos à meritocracia Prova do merito 2013
Apoio aos professores candidatos à meritocracia Prova do merito 2013Apoio aos professores candidatos à meritocracia Prova do merito 2013
Apoio aos professores candidatos à meritocracia Prova do merito 2013
 
Simulado tend. ped.
Simulado tend. ped.Simulado tend. ped.
Simulado tend. ped.
 
1. programa mais educação sp
1. programa mais educação sp1. programa mais educação sp
1. programa mais educação sp
 
Didática aula 03 01 10 2013
Didática aula 03 01 10 2013Didática aula 03 01 10 2013
Didática aula 03 01 10 2013
 
1. programa mais educação sp
1. programa mais educação sp1. programa mais educação sp
1. programa mais educação sp
 
12. simulado planejamento .docx
12. simulado planejamento .docx12. simulado planejamento .docx
12. simulado planejamento .docx
 
Simulado Conhecimentos Pedagógicos e Legislação
Simulado Conhecimentos Pedagógicos e LegislaçãoSimulado Conhecimentos Pedagógicos e Legislação
Simulado Conhecimentos Pedagógicos e Legislação
 
1
11
1
 
Parâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares NacionaisParâmetros Curriculares Nacionais
Parâmetros Curriculares Nacionais
 
RESUMO PARECER DCNEM Nº: 5/2011 PÁGINA 39 A 52
RESUMO PARECER DCNEM Nº: 5/2011 PÁGINA 39 A 52RESUMO PARECER DCNEM Nº: 5/2011 PÁGINA 39 A 52
RESUMO PARECER DCNEM Nº: 5/2011 PÁGINA 39 A 52
 
programa mais educação sp
programa mais educação spprograma mais educação sp
programa mais educação sp
 
QUESTÕES DE TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)
QUESTÕES DE  TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)QUESTÕES DE  TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)
QUESTÕES DE TEORIAS DE APRENDIZAGEM - PEDAGOGOS E PROFESSORES (DIVERSAS BANCAS)
 
As didatica
As didaticaAs didatica
As didatica
 
Saeb10 cb 004_01
Saeb10 cb 004_01Saeb10 cb 004_01
Saeb10 cb 004_01
 
10.Autonomia, ética e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
10.Autonomia, ética e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima10.Autonomia, ética e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
10.Autonomia, ética e gestão escolar - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
 
Didática e Simulado
Didática e SimuladoDidática e Simulado
Didática e Simulado
 

Mais de Secretaria Municipal de Educação dew Gentio do Ouro

Mais de Secretaria Municipal de Educação dew Gentio do Ouro (20)

Projeto Didático
Projeto DidáticoProjeto Didático
Projeto Didático
 
2º ano física
2º ano   física2º ano   física
2º ano física
 
Avaliação de biologia 1° ano
Avaliação de biologia 1° anoAvaliação de biologia 1° ano
Avaliação de biologia 1° ano
 
Avaliação 1º ano biologia
Avaliação 1º ano   biologiaAvaliação 1º ano   biologia
Avaliação 1º ano biologia
 
1º ano avaliação de biologia
1º ano   avaliação de biologia1º ano   avaliação de biologia
1º ano avaliação de biologia
 
Tecidos
TecidosTecidos
Tecidos
 
Ossos
OssosOssos
Ossos
 
Células
CélulasCélulas
Células
 
Organelas
OrganelasOrganelas
Organelas
 
Organelas 3
Organelas 3Organelas 3
Organelas 3
 
Organelas 2
Organelas 2Organelas 2
Organelas 2
 
Membrana plasmatica
Membrana plasmaticaMembrana plasmatica
Membrana plasmatica
 
Taxionomia
TaxionomiaTaxionomia
Taxionomia
 
Prova portugues com gabarito 2
Prova portugues com gabarito 2Prova portugues com gabarito 2
Prova portugues com gabarito 2
 
Os ciclos da escola plural
Os ciclos da escola pluralOs ciclos da escola plural
Os ciclos da escola plural
 
Lei ensino fundamental
Lei ensino fundamentalLei ensino fundamental
Lei ensino fundamental
 
Importancia do projeto politico pedagogico
Importancia do projeto politico pedagogicoImportancia do projeto politico pedagogico
Importancia do projeto politico pedagogico
 
Gabarito de prova 2
Gabarito de prova 2Gabarito de prova 2
Gabarito de prova 2
 
Formação da escola plural
Formação da escola pluralFormação da escola plural
Formação da escola plural
 
Educação e sustentabilidade
Educação e sustentabilidadeEducação e sustentabilidade
Educação e sustentabilidade
 

Último

Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...azulassessoriaacadem3
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Mary Alvarenga
 
Vários modelos foram propostos para estudar os determinantes sociais e a tram...
Vários modelos foram propostos para estudar os determinantes sociais e a tram...Vários modelos foram propostos para estudar os determinantes sociais e a tram...
Vários modelos foram propostos para estudar os determinantes sociais e a tram...Prime Assessoria
 
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...apoioacademicoead
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...excellenceeducaciona
 
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...azulassessoriaacadem3
 
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...azulassessoriaacadem3
 
Planejamento Anual Matemática para o ENEM - 1º ano 1, 2 e 3 anos-.pdf
Planejamento Anual Matemática para o ENEM -  1º ano 1, 2 e 3  anos-.pdfPlanejamento Anual Matemática para o ENEM -  1º ano 1, 2 e 3  anos-.pdf
Planejamento Anual Matemática para o ENEM - 1º ano 1, 2 e 3 anos-.pdfCludiaFrancklim
 
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...apoioacademicoead
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...azulassessoriaacadem3
 
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...apoioacademicoead
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...excellenceeducaciona
 
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...Prime Assessoria
 
08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da MulherMary Alvarenga
 
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...azulassessoriaacadem3
 
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptx
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptxUm círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptx
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptxColmeias
 
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...excellenceeducaciona
 
Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º ano
Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º anoReprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º ano
Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º anoMariaJoão Agualuza
 

Último (20)

Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
Tendo em vista estes aspectos, a proposta dessa atividade é a elaboração de u...
 
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
Letra da música Maria, Maria de Milton Nascimento
 
Vários modelos foram propostos para estudar os determinantes sociais e a tram...
Vários modelos foram propostos para estudar os determinantes sociais e a tram...Vários modelos foram propostos para estudar os determinantes sociais e a tram...
Vários modelos foram propostos para estudar os determinantes sociais e a tram...
 
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...
Considerando a Teoria da Autodeterminação abordada no livro da disciplina, de...
 
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoriaAtividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
 
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
 
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...Considere a imagem abaixo:  Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
Considere a imagem abaixo: Fonte: ROSA, Tomás Amado. No âmbito do Direito, a...
 
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
Desenvolva um texto dissertativo sobre como a experiência de Deus pode ser re...
 
Planejamento Anual Matemática para o ENEM - 1º ano 1, 2 e 3 anos-.pdf
Planejamento Anual Matemática para o ENEM -  1º ano 1, 2 e 3  anos-.pdfPlanejamento Anual Matemática para o ENEM -  1º ano 1, 2 e 3  anos-.pdf
Planejamento Anual Matemática para o ENEM - 1º ano 1, 2 e 3 anos-.pdf
 
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
 
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
 
08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher
 
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...
a) Como você pode utilizar plataformas digitais, como o Canva e o Book Creato...
 
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptx
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptxUm círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptx
Um círculo de Leitura Fada Oriana. Colmeias.pptx
 
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
Explique o modelo de determinação social da saúde proposto por Dahlgren e Whi...
 
Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º ano
Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º anoReprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º ano
Reprodução nos Animais - 2.º ciclo 5.º ano
 

Prova concurso professor de português

  • 1. PROVA CONCURSO PROFESSOR DE PORTUGUÊS CONHECIMENTOS DIDÁTICO-PEDAGÓGICOS 11) De acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – Lei n°. 9394/96 estão corretas as alternativas abaixo, EXCETO: A) O sistema federal de ensino compreende as instituições de ensino mantidas pela União; as instituições de educação superior criadas e mantidas pela iniciativa privada; os órgãos federais de educação. B) O acesso ao Ensino Fundamental é direito público subjetivo, podendo qualquer cidadão, grupos de cidadãos, associação comunitária, organização sindical, entidade de classe ou outra legalmente constituída e, ainda, o Ministério Público, acionar o Poder Público para exigi-lo. C) A União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios organizarão, em regime de colaboração, os respectivos sistemas de ensino. D) A educação escolar compõe-se apenas de educação básica, formada pela Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. E) A educação básica poderá organizar-se em séries anuais, períodos semestrais, ciclos, alternância regular de períodos de estudos, grupos não-seriados, com base na idade, na competência e em outros critérios, ou por forma diversa de organização, sempre que o interesse do processo de aprendizagem assim o recomendar. 12) Os projetos pedagógicos devem ter como resultado a elaboração de um produto final dentro ou fora da escola e possuir objetivos de trabalho compartilhados por todo o grupo. Considerando o papel do professor e do aluno nos projetos de trabalho, assinale V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas: ( ) O professor tem o papel de coordenar o trabalho, devendo sua participação ser direta e, ao mesmo tempo, flexível. ( ) Os alunos são co-participantes no planejamento e na definição do trabalho que será realizado. ( ) A elaboração de questões mais complexas, que permitam que os alunos reflitam e busquem soluções é função exclusiva do professor. ( ) Os alunos devem participar ativamente de todas as etapas do trabalho, tendo sempre muita clareza sobre o que estão fazendo e por quê. ( )A avaliação deve ser feita ao longo do processo, cabendo realizar no fim, um balanço sobre todas as etapas percorridas e os resultados alcançados. A seqüência está correta em: A) V, F, V, F, V B) F, V, F, V, F C) V, V, F, V, V D) F, V, V, V, F E) V, V, F, V, F 13) Trabalhar na concepção do Projeto Político Pedagógico significa aguçar a sensibilidade para o desenvolvimento das novas relações a serem estabelecidas, um caminho complexo, mas indicativo de fortalecimento da escola junto à comunidade, ao sistema e à proposta que pretende desenvolver. Para a consecução do Projeto Político – Pedagógico da escola é preciso garantir: I. A divisão do trabalho previamente definida, evitando confusões entre os papéis exercidos no processo educativo. II. A realização de reuniões obrigatórias, garantindo a participação dos profissionais envolvidos na ação educativa. III. A estruturação de uma pauta de discussão, possibilitando a expressão dos grupos envolvidos no trabalho escolar. IV. A apresentação do projeto da direção, que distribui as tarefas relacionadas à execução do trabalho escolar. V. A formação de grupos de trabalho, ampliando a participação dos diferentes segmentos nas decisões sobre a escola. Estão corretas apenas as alternativas: A) I, II e IV B) III e V C) I, III e V D) II e IV E) II e V 14) A relação pedagógica se estabelece numa dinâmica interativa em que os conhecimentos são comunicados e elaborados pelos envolvidos, permitindo movimentos mútuos e complementares de ensino e aprendizagem. Assinale a alternativa que NÃO está relacionada ao autoritarismo da concepção tradicional de relação pedagógica: A) Os exames têm por objetivo medir a capacidade do aluno de apreensão dos conteúdos. B) O vínculo de ensino é linear: o professor é quem ensina e o aluno é quem aprende. C) A disciplina em sala de aula deve levar em conta o contexto em que os alunos vivem. D) O conteúdo escolar é externo aos indivíduos, que devem incorporá-lo conforme regras e valores. E) Os professores devem seguir criteriosamente os conteúdos programáticos oficiais. 15) O tempo escolar faz parte dos ritos que, segundo estudos inspirados por Foucault (1987),aprisionam os sujeitos instituindo formas de controle sobre suas subjetividades e sobre seus discursos. Analise as afirmativas
  • 2. que complementam o enunciado corretamente, na abordagem que concebe o tempo escolar em uma perspectiva transformadora. Compreender o tempo escolar em uma perspectiva transformadora significa: I. Valorizar a diversidade cultural como aspecto positivo e levá-la em conta, de modo a calcar o ensino dentro dessa realidade. II. Procurar ministrar o conteúdo de modo que, no final do ano, todas as unidades tenham sido abarcadas. III. Levar em conta uma concepção do tempo, que supere a visão do mesmo como único, imutável. IV. Garantir que todos sejam bem sucedidos nos exames e provas, realizados nas épocas previstas. V. Cumprir um programa previsto dentro do prazo correspondente à série cursada pelo aluno. VI. Concebê-lo como construção efetuada na interação dos indivíduos com seus universos culturais. VII. Adaptar o tempo escolar aos contextos e experiências dos alunos. Estão corretas apenas as afirmativas: A) I, III, V, VI B) II, IV, V, VII C) III, V, VII D) I, II, IV, VI E) I, III, VI, VII 16) De acordo com a LDB – Lei nº. 9394/96 e a Lei n°. 11.274, de 06 de fevereiro de 2006, estão corretas as afirmativas abaixo, EXCETO: A) O ensino fundamental obrigatório, com duração de nove anos, gratuito na escola pública, iniciando-se aos seis anos deidade, terá como objetivo a formação básica do cidadão. B) O ensino fundamental será presencial, sendo o ensino à distância utilizado como complementação da aprendizagem ou em situações emergenciais. C) É facultado aos sistemas de ensino desdobrem o ensino fundamental em ciclos. D) O ensino fundamental será ministrado progressivamente em tempo integral,a critério dos sistemas de ensino. E) É facultado aos sistemas de ensino desdobrem apenas as séries iniciais em ciclos, mantendo o regime seriado nas demais séries. 17) A discussão dos ciclos e dos processos de progressão continuada envolvem sempre o debate sobre uma reordenação do ensino e da escola. Neste contexto, os educadores defendem os seguintes pontos, EXCETO: A) Planejar e desenvolver práticas escolares capazes de acolher a todos sem distinção. B) Estabelecer sistemas de acompanhamento da aprendizagem dos alunos. C) Estimular remanejamentos de alunos para constituir grupos com a mesma capacidade de aprendizagem. D) Instrumentalizar os professores para trabalhar com grupos heterogêneos. E) Organizar as classes de alunos tomando como critério a idade biológica. 18) A história do currículo tem mostrado as disputas em torno da seleção dos conteúdos curriculares – ou seja, do conhecimento escolar, dos saberes e do saber-fazer que devem fazer parte do currículo – que variam de acordo com interesses de diversas ordens. Os currículos integrados, aqueles que buscam trabalhar deforma interdisciplinar,são estimulados e defendidos porque: I. Permitem o trabalho com conteúdos culturais relevantes, englobando discussão de questões que não poderiam ser trabalhadas no limite de uma única disciplina. II. Privilegiam o ensino, com base em questões reais e práticas, que estimulam o interesse e a curiosidade dos alunos e a formação de respostas criativas e inovadoras. III. Sua forma de organização tem similaridade com a maneira de como enfrentamos/solucionamos problemas reais de ordem pessoal e profissional. IV. Favorecem o trabalho coletivo entre os professores, eliminando as hierarquias entre as disciplinas e facilitando a troca de experiências entre os docentes. V. Privilegiam o conhecimento científico em relação aos outros saberes. Estão corretas apenas as afirmativas: A) I, II, IV, V B) II, III, IV C) III, IV, V D) I, II, III, IV E) II, III, V 19) Os PCN’s foram publicados em 1997 com o intuito de constituírem um referencial de qualidade para a educação no Ensino Fundamental de todo o país. São um conjunto de sugestões de conteúdos e procedimentos metodológicos para cada ciclo ou conjunto de séries, com os respectivos objetivos e competências. Os PCN’s não têm caráter de obrigatoriedade. Estabeleça relações entre a descrição de conceitos abordados nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN’s) e conceitos, numerando a 2ª coluna de acordo com a 1ª: 1.Objetivo. 2.Conteúdo. 3.Metodologia. 4. Avaliação.
  • 3. ( ) Propõe-se que seja um meio para o desenvolvimento de determinadas capacidades. ( ) Pressupõe aprendizagem significativa, conceito central para o construtivismo.Resgata a unidade entre aprendizagem e ensino, partindo do pressuposto de que o ensino só se efetiva na medida em que se promove a aprendizagem. ( ) Define-se em termos de capacidade cognitiva, física, afetiva, de relação interpessoal, ética e/ou estética. ( ) Constitui um processo permanente e qualitativo de interpretação da aprendizagem construída. ( ) Pode ser de ordem conceitual, procedimental ou atitudinal. ( ) Passa a ser um recurso orientador da ação docente. A seqüência está correta em: A) 2, 3, 1, 4, 2, 4 B) 1, 2, 3, 4, 1, 2 C) 2, 3, 2, 1, 4, 3 D) 3, 3, 4, 1, 2, 4 E) 4, 2, 1,4, 3, 1 20) Com relação ao processo educativo e à avaliação escolar é correto afirmar que: I. Para que o processo de avaliação assuma uma nova configuração e desempenhe um novo papel é necessário romper com o estereótipo da avaliação que reprova, pune e exclui e buscar seu real significado e função na educação escolar. II. Não há distinção entre a aprendizagem que a criança realiza na escola e a que ocorre em outras instâncias de sua vida.Por isso, os parâmetros de avaliação podem ser os mesmos em qualquer situação de aprendizagem. III. Como processo intencional, a avaliação deve ser planejada e conduzida deforma sistemática, sem no entanto, desprezar os aspectos informais que emergem no cotidiano escolar. IV. A avaliação, é um instrumento que contribui para abrir novos caminhos,novas buscas na construção de uma proposta pedagógica comprometida com a democratização quantitativa e qualitativa da educação e do ensino. Está(ão) correta(s) apenas a(s) afirmativa(s): A) I B) I, III e IV C) IV D) I, II e III E) I, II, III e IV CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS TEXTO IV: A Cartomante (excertos) Vilela, Camilo e Rita, três nomes, uma aventura, e nenhuma explicação das origens. Vamos a ela. Os dois primeiros eram amigos de infância. Vilela seguiu a carreira de magistrado. Camilo entrou no funcionalismo, contra a vontade do pai, que queria vê-lo médico; mas o pai morreu, e Camilo preferiu não ser nada, até que a mãe lhe arranjou um emprego público. No princípio de 1869, voltou Vilela da província, onde casara com uma dama formosa e tonta; abandonou a magistratura e veio abrir banca de advogado. Camilo arranjou-lhe casa para os lados de Botafogo, e foi a bordo recebê-lo.− É o senhor? exclamou Rita, estendendo-lhe a mão. Não imagina como meu marido é seu amigo; falava sempre do senhor. Camilo e Vilela olharam-se com ternura. Eram amigos deveras. Depois, Camilo confessou de si para si que a mulher do Vilela não desmentia as cartas do marido. Realmente, era graciosa e viva nos gestos, olhos cálidos, boca fina e interrogativa.Era um pouco mais velha que ambos: contava trinta anos, Vilela vinte e nove e Camilo vinte e seis. Entretanto, o porte grave de Vilela fazia-o parecer mais velho que a mulher, enquanto Camilo era um ingênuo na vida moral e prática. Faltava-lhe tanto a ação do tempo, como os óculos de cristal, que a natureza põe no berço de alguns para adiantar os anos. Nem experiência, nem intuição.Uniram-se os três. Convivência trouxe intimidade. Pouco depois morreu a mãe de Camilo e, nesse desastre, que o foi, os dois mostraram-se grandes amigos dele. Vilela cuidou do enterro, dos sufrágio se do inventário; Rita tratou especialmente do coração, e ninguém o faria melhor.Como daí chegaram ao amor, não o soube ele nunca. A verdade é que gostava de passar as horas ao lado dela; era sua enfermeira moral, quase uma irmã, mas principalmente era mulher e bonita. Odor di femina: eis o que ele aspirava nela, e em volta dela, para incorporá-lo em si próprio. Liam os mesmos livros, iam juntos a teatros e passeios. Camilo ensinou-lhe as damas e o xadrez e jogavam às noites; − ela mal, − ele, para lhe ser agradável,pouco menos mal. Até aí as cousas. Agora a ação da pessoa, os olhos teimosos de Rita, que procuravam muita vez os dele,que os consultavam antes de o fazer ao marido,as mãos frias, as atitudes insólitas. Um dia, fazendo ele anos, recebeu de Vilela uma rica bengala de presente, e de Rita apenas um cartão com um vulgar cumprimento a lápis, e foi então que ele pôde ler no próprio coração; não conseguia arrancar os olhos do bilhetinho. Palavras vulgares; mas há vulgaridades sublimes, ou, pelo menos,deleitosas. A velha caleça de praça, em que pela primeira vez passeaste com a mulher amada, fechadinhos ambos, vale o carro de Apolo. Assim é o homem, assim são as cousas que o cercam. (ASSIS, Machado de, 1839-1908.) 21) A correspondência entre a oração sublinhada e a circunstância que expressa está correta em: A) “... abandonou a magistratura e veio abrir banca de advogado”. – tempo B) “ Entretanto, o porte grave de Vilela fazia-o parecer mais velho que a mulher ...” – causa C) “... que a natureza põe no berço de alguns para adiantar os anos” –finalidade D) “Como daí chegaram ao amor, não o soube ele nunca.” –proporcionalidade E) “Um dia,fazendo ele anos, recebeu de Vilela uma rica bengala de presente...” – conseqüência
  • 4. 22) “... que os consultavam antes de o fazer ao marido, as mãos frias, as atitudes insólitas”. Assinale a alternativa abaixo que contém o antônimo da palavra sublinhada na frase anterior: A) raras B) grosseiras C) anormais D) habituais E) extraordinárias 23) Leia as afirmações abaixo, retiradas do texto, e, a seguir, responda o que se pede: I.“ ...que queria vê-lo médico” – A palavra sublinhada é um pronome relativo. II. Em “ ... arranjou-lhe casa...” e “ ... foi a bordo recebê-lo”– As palavras sublinhadas têm a mesma função sintática. III. “...e nesse desastre, que o foi...” – O pronome o se refere a Camilo. IV. “... mas há vulgaridades sublimes.” – A palavra sublinhada é uma conjunção adversativa. Estão corretas apenas as afirmativas: A) I e II B) II e IV C) II e III D) I e III E) I e IV 24) Considere o seguinte trecho: “Vilela seguiu a carreira de magistrado.” (1º§) Em qual das alternativas abaixo o termo destacado NÃO apresenta a mesma função sintática do termo sublinhado anteriormente? A) “abandonou a magistratura e veio abrir banca de advogado” B) “− É o senhor? Exclamou Rita, estendendo-lhe a mão.” C) “...o porte grave de Vilela fazia – o parecer mais velho...” D) “Liam os mesmos livros...” E) “Camilo ensinou-lhe as damas...” 25) As palavras três, médico e daí são acentuadas por serem, respectivamente: A) monossílabo tônico terminado em e(s) ; proparoxítona; a letra i como segunda vogal do hiato. B) monossílabo tônico terminado em e; proparoxítona terminada em o; paroxítona terminada em ditongo. C) oxítona terminada em e; proparoxítona; oxítona terminada em i. D) monossílabo tônico terminado em e(s); oxítona terminada em o; a letra i como segunda vogal do hiato. E) oxítona terminada em e(s); proparoxítona terminada em o; paroxítona terminada em ditongo. 26) Pela leitura do texto é correto afirmar que: A) Rita fazia uso de um perfume com fragrância muito agradável. B) Camilo sentia-se atraído por Rita. C) Vilela sentia-se traído por Rita. D) O bilhetinho foi uma atitude vulgar de Rita. E) O bilhetinho foi o motivo do ciúme de Vilela. 27) A frase que admite transposição para voz passiva é: A) “Vilela seguiu a carreira de magistrado.”B) “Não imaginava como meu marido é seu amigo.”C) “...enquanto Camilo era um ingênuo na vida moral e prática.”D) “Pouco depois morreu a mãe de Camilo...”E) “...eis o que ele aspirava nela...” 28) Passando-se o verbo do trecho: “...que de natureza põe no berço...” para o pretérito perfeito composto do subjuntivo, obtém-se a forma verbal: A) tinha posto B) teria posto C) tem posto D) tivesse posto E) tenha posto 29) Compete ao município de Santa Maria, no exercício de sua autonomia, dentre outras, as seguintes atribuições: A) Organizar-se administrativamente, observadas as legislações federal e estadual. B) Organizar-se juridicamente, decretar suas leis, expedir decretos, atos e medidas, relativas aos assuntos de interesse local. C) Suplementar a legislação federal e a estadual, no que couber. D) Instituir e arrecadar os tributos de sua competência e aplicar suas rendas, na forma da lei. E) Todas as alternativas anteriores completam o enunciado. 30) Ao município de Santa Maria é vedado cobrar tributos: A) Em relação a fatos geradores ocorridos antes do início da vigência da lei que os houver instituído ou aumentado. B) No mesmo exercício financeiro em que haja sido publicada a lei que os instituir ou aumentar. C) Com efeito de confisco no caso de autarquias e fundações. D) A publicação de livros e periódicos. E) As alternativas A e B estão corretas. CONHECIMENTOS GERAIS
  • 5. 31) Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), o número de refugiados e deslocados internos no mundo bateu recorde em 2007, atingindo 37,4 milhões de pessoas. Sobre este assunto no Brasil, é correto afirmar que: I. Dos 3.800 refugiados que vivem no Brasil, 80% vêm de países africanos, como Angola, República Democrática do Congo, Libéria e Serra Leoa. II. A grande maioria pede asilo político e, após a liberação, saem regularizados de seus países, através de navios cargueiros. III. Recentemente, tem havido um aumento no número de colombianos que refugiam no Brasil, fugindo do conflito entre governo, grupos paramilitares e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). IV. A ONU chegou a abrir um posto, em Santos, para atender aos imigrantes forçados que chegam de navio. Estão corretas apenas as afirmativas: A) I e II B) I, II, III C) II e IV D) I, III e IV E) II e IV 32) O Brasil possui a segunda maior área de floresta do mundo, com 210,7 milhões de hectares de florestas públicas, de acordo com o Cadastro Nacional de Florestas Públicas (CNFP) divulgado pelo Serviço Florestal Brasileiro. Desse total, 185 milhões de hectares são florestas protegidas em unidades de conservação federais e terras indígenas. Outros 25 milhões são de florestas localizadas em terras sem destinação, ou seja, em áreas que não tiveram nenhuma destinação pública ou privada estabelecida oficialmente. Que país possui a maior área de floresta do mundo? A) Rússia. B) Canadá. C) EUA. D) Indonésia. E) China. 33) No final do mês de junho deste ano, o país foi surpreendido com a morte súbita da ex-primeira- dama Ruth Cardoso,esposa do ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso. Antropóloga de formação, já tendo lecionado em universidades de grande prestígio, como a Universidade de São Paulo (USP), a Universidade do Chile e as norte americanas Berkeley e Colúmbia, “Dona Ruth” – como era nacionalmente chamada – também já publicou vários livros e, em 1995, durante o mandato de Fernando Henrique, foi fundadora do programa: A) Fome Zero. B) Bolsa Família. C) Voluntários da Pátria. D) Comunidade Solidária. E) Bolsa Escola. 34) Um dos empresários mais ricos e cultuados do planeta, Bill Gates, aposentou-se este mêsaos 52 anos de idade,deixando de ser presidente de uma das maiores organizações privadas do planeta que fundounos EUA. Sobre este excêntrico empreendedor NÃO é correto afirmar que: A) Fundou com a esposa em 2000, a Fundação Bill e Melinda Gates que atua na área de saúde e educação dos menos favorecidos. B) A partir da aposentadoria, o empresário se desvincula completamente da Microsoft, passando apenas à condição de acionista majoritário. C) No último ranking da revista “Forbes”, perdeu o posto de homem mais rico do mundo para o investidor norte-americano Warren Buffet, que tem uma fortuna de US$ 62 bilhões. D) Fundou a Microsoft em meados da década de 1970 em parceria com Paul Allen. E) Sua fortuna é considerada a terceira maior do planeta, segundo a revista “Forbes” chegando a US$58 bilhões em 2008,US$2 bilhões a mais que em 2007. 35) A Lei nº11.705, que alterou o Código de Trânsito Brasileiro está provocando mudanças de hábitos na população. O consumo de qualquer quantidade de bebidas alcoólicas por condutores de veículos está proibido. Antes, era permitida a ingestão de até seis decigramas de álcool por litro de sangue (o equivalente a dois copos de cerveja). As punições previstas nesta Lei para quem for pego dirigindo depois de tomar bebida alcoólica são: A) Detenção por flagrante com soltura só mediante a fiança de R$1.500,00 e apreensão da carteira de habilitação por cinco anos. B) Cancelamento da carteira de habilitação obrigando o motorista a reiniciar todo o processo para habilitação e multa de R$1.500,00. C) Multa de R$955,00 e a suspensão do direito de dirigir por doze meses. D) Apreensão do veículo que será liberado somente após o pagamento de uma multa de R$1.500,00. E) Prisão temporária, condenação imediata a pagamento de penas alternativas,além de multa de R$955,00.