Educação da Nova Era      Mediador:   Silvânio Barcelos
A Nova Era
• “O professor, entre os jovens, é  sempre um centro de irradiação  espiritual. Qualquer coisa que ele  diga é sempre um d...
A Educação da “nova era”• concepção de educação que vai  além das bases da educação  formal, visando a educação dos  senti...
NEUROCIÊNCIAS: tipos de             inteligências•   .
Inteligência Intelectual• QI (Quociente de Inteligência), ao  qual se deu tanta importância em  todo o século XX. É a inte...
Inteligência Emocional• Psicólogo e neurocientista de Harvard  David Goleman (livro A Inteligência  Emocional):• A estrutu...
Inteligência Espiritual (física e         filósofa Dana Zohar)• O “ponto de Deus” no cérebro:  responsável pela experiênci...
• INTELIGÊNCIA ESPIRITUAL•   coloca nossos atos e experiências num contexto    mais amplo de sentido e valor, tornando-os ...
Dana Zohar identificou dez qualidades comuns    às pessoas espiritualmente inteligentes• 1. Praticam e estimulam o autocon...
• Se assim é, podemos dizer em termos do  processo evolucionário: o universo evoluiu,  em bilhões de anos, até produzir no...
Os educadores•   John Amos Comenius•   Jean-Jacques Rousseau•   Johann Heinrich Pestalozzi•    Allan Kardec•    J. Hercula...
Didactica Magna (1621-1657)   Iohannis Amos Comenius (1592-1670)Moravia,RepúblicaTcheca
Comenius: “Educação para cada um     e para todos os povos”.   Defendia a criação de uma Organização Internacional    de ...
O educador e a Espiritualidade Comenius: psicografia de Dora Incontri “Educar na verdadeira acepção da  palavra envolve o...
Rousseau: Pai da Pedagogia       Contemporânea Respeito à criança, educação ativa e  estimuladora, reconhecimento da cria...
Princípios Pedagógicos em        Rousseau Não há mais hierarquia essencial do adulto sobre a  criança A criança tem dire...
Johann Heinrich Pestalozzi                             Pestalozzi com os órfãos em                             Stans (1879...
Pestalozzi: vida e obra• nasceu em Zurique, Suíça, em 1746.  Faleceu em 1827• Seguidor de Rousseau (com a obra Emílio  pas...
Pestalozzi: vida e obra• Perdeu seu pai com apenas 5 anos.• Bulling: na escola foi apelidado de “esquisito da  terra dos t...
Pestalozzi: vida e obra• Fracasso como advogado.• Mais uma derrota (falta de experiência)• Falência (experimenta a pobreza...
Pestalozzi: a escola• O lar era para ele a melhor instituição de  educação.• Base para a formação política, moral e  relig...
Pestalozzi: rotina escolar das 8 às                 17 horas•    Meninos e jovens, mestres e alunos permaneciam    juntos ...
Pestalozzi: a pedagogia   Condenava punições e recompensas.   Poderes infantis brotam de dentro para    fora.   Poderes...
Princípios educacionais de Pestalozzi   Educação: aperfeiçoamento individual e social.   Psicologia na educação (vanguar...
•   .
• 3/Outubro/1804 em Lion, antiga colônia  romana, França:• Nasceu Rivail, que mais tarde se tornaria  Allan Kardec.• Filho...
• 1814: Rivail foi transferido para Suíça• Completou estudos no Instituto Pestalozzi de  Yverdon, fundado por Johann  Hein...
• “Pestalozzi pode ser considerado  como pai espiritual de Rivail, da  mesma forma de Jean Jacques  Rousseau foi o pai esp...
•Pestalozzi:• “A intuição é o fundamento da instrução”• “A época de ensinar não é a de julgar e  criticar”• “A individuali...
• “Emílio” de Rousseau (a grande revolução  pedagógica de todos os séculos: Dora Incontri):• “Tudo é certo saindo das mãos...
• 1824: Lança primeiro livro pedagógico “Curso de  Aritmética”• Lança plano para melhoria da educação pública  na França. ...
• Final Século XVIII Pestalozzi escreve ao  Ministro da Educação na Prússia:• “Eu sou uma voz que clama no deserto,  prepa...
• 1826: Funda o Instituto Técnico  (modelado de acordo com a filosofia de  Pestalozzi)• 1832: Casa-se com Amélie Boudet.
Allan Kardec: a ideologia• Burguês-liberal e socialista utópico.• “Para se criar uma nova humanidade,  pensava ele, seria ...
1869 – Allan Kardec desencarna, aos 65 anos, vítima da ruptura natural de um aneurisma.
• O Espiritismo é uma proposta cultural, filosófica  e pedagógica.• Encara o homem como um ser em permanente  evolução.• N...
• “Se o educador Rivail propunha uma  educação para a criança aqui e agora, o  educador Allan Kardec propõe uma  educação ...
Devemos nos opor ao ensino do espiritismo aos filhos? (Dora Incontri)• “O espiritismo não é um amontoado de domas  nos qua...
Princípios da pedagogia do Prof. Rivail  herdada de seu mestre Pestalozzi• Cultivar o espírito natural de observação  das ...
Continuação...• Evitar toda a atitude mecânica, fazendo  com que a criança compreenda o alvo e a  razão de tudo que faz.• ...
•   .
O espiritismo chega à “Pátria do             Evangelho”• A novidade do Espiritismo encanta a  Corte de D. Pedro II.• Bezer...
• 1880-1918 (uma breve vida terrena, uma  grandiosa obra):• Funda o Colégio Allan Kardec (baseado  nos princípios do Insti...
A pedagogia espírita em   J. Herculano Pires
O mistério do serCada indivíduo é únicoPersonalidade: Já nasce com suacomplicada estrutura já formada.Desenvolve-se no cre...
Educação e RegeneraçãoEspiritismo é educação: individual e demassaMissão do espiritismo: Alargar oconhecimento humano. Col...
Educação e Religião: 3 causaspara o equívoco da Escola LaicaMaterialismo: Laicismo objetivava umaeducação liberta de super...
Educação e Religião: mudança de          paradigmasReligião nas Escolas:“Não podemos ter educação semreligião. O sonho da ...
Nascimento da Educação EspíritaJ. Herculano Pires:“Para negar que estamos na Era doEspírito seria preciso negar todosesses...
Formação do Novo HomemA Educação Clássica formou o cidadão.A Educação Medieval formou o cristão.A Educação Renascentista f...
Joana de Angelise a Educação Integral   Educar é canalizar valores latentes no indivíduo    para o seu progresso, fornece...
Joana de Angelise a Educação Integral   A verdadeira educação ocorre no íntimo    do indivíduo, sendo um processo    tran...
Joana de Angelise a Educação Integral   A educação facilita a germinação da    semente divina que todo ser    carrega em ...
Leon Denis
Leon Denis: os problemas da          educação laica É pela educação que as gerações se transformam e  aperfeiçoam. Para u...
A arte de ensinar Uma boa educação é, raras vezes, obra de um mestre. Para despertar na criança as primeiras aspirações ...
Criança ou espírito milenar? “Sobretudo, é preciso nos lembrarmos de que esses Espíritos vêm coabitar conosco para que os...
Educar para a eternidade “O corpo consumir-se-á em breve e será sepultado; no entanto, a alma imortal, resplandecendo pel...
NeyLobo
Concepção de educação à partirda Doutrina Espírita“Existe entre os seres humanos uma igualdade essencial e uma desigualda...
Pedagogia da espiritualidade Espinha  dorsal da educação. Educação voltada para a alma do  educando: fraternidade, a es...
Base do projeto educacionalem Ney Lobo Educação  é o conjunto de hábitos  adquiridos. “Allan Kardec”. (este é o cerne  da...
Mensagem aos educadores Sejam  realmente educadores. Isto quer dizer, se preocupem com a alma do seu filho e não só com a...
Dora   incontri
   .
Salvação ou Evolução?O espiritismo não entende odevir humano, como umahistória de salvação, segundo oconceito do cristian...
ReencarnacionismoO homem foi criado simples eignorante e está destinado aconquistar a perfeição, atravésdo aprendizado de...
A experiência humanaA  humanidade está em processo educativo, aprendendo, através da ação livre no mundo, a crescer espir...
Livre-arbítrio Todomal e todo desvio de rota estão por nossa conta, mas são males e desvios passageiros, porque a imanênc...
Redenção universalde nós depende quando e como vamos aderir a esse projeto de perfeição e felicidade, para o qual fomos c...
Parâmetros da pedagogia divina: Liberdade, Ação, Amor.Respeitar a liberdade e a individualidade dacriança, que deve agir p...
"Embora   ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim." (Chico ...
ALeiDeAmor
A educação da nova era silvânio barcelos
A educação da nova era silvânio barcelos
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A educação da nova era silvânio barcelos

911 visualizações

Publicada em

2 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • @Fatima Carvalho Muito obrigado pela sugestão. Conheço a vida e obra de Eurípedes Barsanulfo. Com certeza farei os devidos acréscimos. Obrigado à você!
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Parabéns pelo belo trabalho mas não fez menção ao precursor da Pedagogia Espírita no Brasil, Eurípedes Barsanulfo, um dos maiores educadores e desconhecido no Brasil. Veja a Biografia dele. Tem vários vídeos no youtube e até Dori Incontri e Herculano Pires o usam como referência. Sugiro acrescentar esse extraordinário espírito que ao longo das eras contribuiu e tem contribuido para esclarecer, orientar e modelar nossa maneira de ser. Obrigada
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
911
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
44
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
24
Comentários
2
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A educação da nova era silvânio barcelos

  1. 1. Educação da Nova Era Mediador: Silvânio Barcelos
  2. 2. A Nova Era
  3. 3. • “O professor, entre os jovens, é sempre um centro de irradiação espiritual. Qualquer coisa que ele diga é sempre um discurso íntimo e substancial entre docente e discípulos e atinge a profundeza do eu”.• (Fragmentos de Pensamento e de Paixão, Pietro Ubaldi, página 128).
  4. 4. A Educação da “nova era”• concepção de educação que vai além das bases da educação formal, visando a educação dos sentimentos, a formação intelectual, moral e espiritual, preparando-o para o equilíbrio da vida do terceiro milênio.
  5. 5. NEUROCIÊNCIAS: tipos de inteligências• .
  6. 6. Inteligência Intelectual• QI (Quociente de Inteligência), ao qual se deu tanta importância em todo o século XX. É a inteligência analítica pela qual elaboramos conceitos e fazemos ciência. Com ela organizamos o mundo e solucionamos problemas objetivos.
  7. 7. Inteligência Emocional• Psicólogo e neurocientista de Harvard David Goleman (livro A Inteligência Emocional):• A estrutura de base do ser humano não é razão (logos) mas é emoção (pathos) = Platão, Santo Agostinho, Freud.• Somos, primariamente, seres de paixão, empatia e compaixão, e só em seguida, de razão.
  8. 8. Inteligência Espiritual (física e filósofa Dana Zohar)• O “ponto de Deus” no cérebro: responsável pela experiência espiritual• “Aumenta os horizontes e a criatividade em busca de um significado para a vida”• Dana: “A Inteligência Espiritual Coletiva” é baixa na sociedade moderna. Vivemos em uma cultura espiritualmente estúpida, mas podemos agir para elevar o nosso quociente espiritual” (Newsweek review)
  9. 9. • INTELIGÊNCIA ESPIRITUAL• coloca nossos atos e experiências num contexto mais amplo de sentido e valor, tornando-os mais efetivos.• Ter alto quociente espiritual (QS) implica ter uma vida mais rica e cheia de sentido, adequado senso de finalidade e direção pessoal.• O QS aumenta nossos horizontes e nos torna mais criativos.• É uma inteligência que nos impulsiona.• É com ela que abordamos e solucionamos problemas de sentido e valor.• O QS está ligado à necessidade humana de ter propósito na vida.• É ele que usamos para desenvolver valores éticos e crenças que vão nortear nossas ações.
  10. 10. Dana Zohar identificou dez qualidades comuns às pessoas espiritualmente inteligentes• 1. Praticam e estimulam o autoconhecimento profundo• 2. São levadas por valores. São idealistas• 3. Têm capacidade de encarar e utilizar a adversidade• 4. São holísticas• 5. Celebram a diversidade• 6. Têm independência• 7. Perguntam sempre "por quê?"• 8. Têm capacidade de colocar as coisas num contexto mais amplo• 9. Têm espontaneidade• 10.Têm compaixão
  11. 11. • Se assim é, podemos dizer em termos do processo evolucionário: o universo evoluiu, em bilhões de anos, até produzir no cérebro o instrumento que capacita o ser humano perceber a Presença de Deus, que sempre esteve lá embora não perceptível conscientemente. A existência desse ponto Deus representa uma vantagem evolutiva de nossa espécie humana. Ela constitui uma referência de sentido para a nossa vida. A espiritualidade pertence ao humano e não é monopólio das religiões. Antes, as religiões são uma das expressões desse ponto Deus. Leonardo Boff
  12. 12. Os educadores• John Amos Comenius• Jean-Jacques Rousseau• Johann Heinrich Pestalozzi• Allan Kardec• J. Herculano Pires• Eurípedes Barsanulfo• Joanna de Ângelis• León Denis• Ney Lobo• Dora Incontri
  13. 13. Didactica Magna (1621-1657) Iohannis Amos Comenius (1592-1670)Moravia,RepúblicaTcheca
  14. 14. Comenius: “Educação para cada um e para todos os povos”. Defendia a criação de uma Organização Internacional de Educação Pública Fundador do Sistema de Instrução Progressiva Criou a didática moderna, lançando o primeiro livro didático e ilustrado para crianças. Princípios Pedagógicos: Respeitar em tudo a natureza; Abolir punições, métodos coercitivos e autoritários; Tornar o ensino ativo, sensorial e concreto; Apelar para a racionalidade humana; Educar para a tolerância religiosa (Paz Mundial).
  15. 15. O educador e a Espiritualidade Comenius: psicografia de Dora Incontri “Educar na verdadeira acepção da palavra envolve o despertar das forças divinas da alma e a conseqüente realização de Deus em si mesmo. Portanto, o educador é aquele que favorece e pastoreia esse caminhar do educando na busca de sua transcendência.”
  16. 16. Rousseau: Pai da Pedagogia Contemporânea Respeito à criança, educação ativa e estimuladora, reconhecimento da criança como um ser em desenvolvimento Cristianismo sem Igreja Religiosidade natural e imanente no homem Concepção da Natureza Humana livre do pecado hereditário.
  17. 17. Princípios Pedagógicos em Rousseau Não há mais hierarquia essencial do adulto sobre a criança A criança tem direitos e está em posição de dependência física (e não submissão à tirania moral) Liberdade Humana desde sua primeira infância Evolução Humana se deve unicamente ao homem, à sua vontade e ao seu trabalho O homem é essencialmente bom.
  18. 18. Johann Heinrich Pestalozzi Pestalozzi com os órfãos em Stans (1879) Konrad Grob -
  19. 19. Pestalozzi: vida e obra• nasceu em Zurique, Suíça, em 1746. Faleceu em 1827• Seguidor de Rousseau (com a obra Emílio passa a acreditar no poder na educação para elevar o homem)• “Todo está bien al salir de manos del autor de la naturaleza; todo degenera em manos del hombre” (Emílio, Rousseau, p. 8)
  20. 20. Pestalozzi: vida e obra• Perdeu seu pai com apenas 5 anos.• Bulling: na escola foi apelidado de “esquisito da terra dos tolos”• 1755 (terremoto em Zurique) foi obrigado a buscar os bonés e materiais dos colegas• Aos 9 anos passou a freqüentar a casa do avô, o Pastor André Pestalozzi: contato com a natureza, visita à órfãos e enfermos (piedade).• Fracasso no primeiro sermão.
  21. 21. Pestalozzi: vida e obra• Fracasso como advogado.• Mais uma derrota (falta de experiência)• Falência (experimenta a pobreza)• Utiliza os últimos recursos para abrigar órfãos da guerra.• Livro Gertrudes, pretendia ser um tratado sobre a educação. Mais um fracasso.• Decide ser “mestre-escola”
  22. 22. Pestalozzi: a escola• O lar era para ele a melhor instituição de educação.• Base para a formação política, moral e religiosa.• Instituição educacional deveria se aproximar de uma casa bem organizada.
  23. 23. Pestalozzi: rotina escolar das 8 às 17 horas• Meninos e jovens, mestres e alunos permaneciam juntos o dia inteiro, dormindo em quartos comuns.• Rezavam, tomavam banho e faziam o desjejum, faziam as primeiras lições, havendo sempre um curto intervalo entre as mesmas.• Almoçavam, brincavam e recomeçavam as aulas.• Atividades organizadas de maneira flexível.• Duas tardes livres:excursões.• Turmas: a) menos de oito anos b) oito a onze anos, c) onze a dezoito anos.
  24. 24. Pestalozzi: a pedagogia Condenava punições e recompensas. Poderes infantis brotam de dentro para fora. Poderes inatos, despertados, lutam para se desenvolverem até a maturidade. A gradação deve ser respeitada Método deve seguir a natureza (professor é o jardineiro) Educação sensorial é fundamental.
  25. 25. Princípios educacionais de Pestalozzi Educação: aperfeiçoamento individual e social. Psicologia na educação (vanguarda) Desenvolvimento orgânico (mais que pura transmissão de idéias) Desenvolvimento do ser. Percepção de objetos concretos: ações concretas e respostas emocionais Desenvolvimento lento e gradativo Sentimentos religiosos em primeiro plano. Cooperação entre aluno e professor. Educação como ciência: aperfeiçoamento do professor.
  26. 26. • .
  27. 27. • 3/Outubro/1804 em Lion, antiga colônia romana, França:• Nasceu Rivail, que mais tarde se tornaria Allan Kardec.• Filho de Jean Baptiste Antoine Rivail, magistrado, juiz, e Jeanne Duhamel, sua esposa.
  28. 28. • 1814: Rivail foi transferido para Suíça• Completou estudos no Instituto Pestalozzi de Yverdon, fundado por Johann Heinrich Pestalozzi.• Pestalozzi: de família protestante, estudou teologia, direito e filosofia. Foi Jornalista e escritor. Seu grande ideal: ser educador. Foi influenciado pela obra Emílio, de Rousseau (Contrato Social)• Método de ensino heurístico: o aluno é levado a desenvolver suas próprias capacidades inatas.
  29. 29. • “Pestalozzi pode ser considerado como pai espiritual de Rivail, da mesma forma de Jean Jacques Rousseau foi o pai espiritual de Pestalozzi.” • Herculano Pires
  30. 30. •Pestalozzi:• “A intuição é o fundamento da instrução”• “A época de ensinar não é a de julgar e criticar”• “A individualidade do aluno deve ser sagrada para o professor”
  31. 31. • “Emílio” de Rousseau (a grande revolução pedagógica de todos os séculos: Dora Incontri):• “Tudo é certo saindo das mãos do criador, tudo degenera nas mãos do homem”• Comenius: Didática Magna. O escritor se converte no primeiro educador ocidental a privilegiar a interação entre instrução/aprendizagem. Sua teoria era, sem dúvida, inovadora para a época, o século XVII.
  32. 32. • 1824: Lança primeiro livro pedagógico “Curso de Aritmética”• Lança plano para melhoria da educação pública na França. Propostas:• Formação continuada para professores• Educação pública e gratuita• Democratização da educação• Ideais da Revolução Francesa e de Pestalozzi
  33. 33. • Final Século XVIII Pestalozzi escreve ao Ministro da Educação na Prússia:• “Eu sou uma voz que clama no deserto, preparando a vinda de alguém”• “Ele entrevia a verdade, mas não conseguia alcançá-la inteira”• Um rasgo profético...
  34. 34. • 1826: Funda o Instituto Técnico (modelado de acordo com a filosofia de Pestalozzi)• 1832: Casa-se com Amélie Boudet.
  35. 35. Allan Kardec: a ideologia• Burguês-liberal e socialista utópico.• “Para se criar uma nova humanidade, pensava ele, seria necessário criar uma nova criança. E, para isso teremos que confiar na ciência.”• “Apliquei à essa nova ciência, o espiritismo. Um método experimental. Pelos efeitos busquei explicar as causas”• “O sobrenatural se desfaz à luz da razão”
  36. 36. 1869 – Allan Kardec desencarna, aos 65 anos, vítima da ruptura natural de um aneurisma.
  37. 37. • O Espiritismo é uma proposta cultural, filosófica e pedagógica.• Encara o homem como um ser em permanente evolução.• Não é herdeiro de um pecado e nem está precisando de uma salvação ou intermediação no processo de salvação.• Ao contrário: Está engajado num projeto de educação.• Dá ao ser humano a jurisdição de si mesmo.• Autonomia espiritual plena nas sucessivas reencarnações. (Não depende da intermediação divina no processo)
  38. 38. • “Se o educador Rivail propunha uma educação para a criança aqui e agora, o educador Allan Kardec propõe uma educação para o espírito para o aqui e também para o além, para o infinito, como um projeto de educação para toda a humanidade, em busca da perfeição”• “O homem assume a condição de co- criador de sua própria evolução espiritual”
  39. 39. Devemos nos opor ao ensino do espiritismo aos filhos? (Dora Incontri)• “O espiritismo não é um amontoado de domas nos quais se acredita cegamente a ser impostos às crianças.”• É um modo de enxergar a vida. Uma resposta científica, filosófica e moral às dúvidas existenciais do ser!• Como esconder esse tesouro das crianças?• Como não livrá-las do medo da dor e da morte?• (A Educação da Nova Era, Dora Incontri, p. 82.)
  40. 40. Princípios da pedagogia do Prof. Rivail herdada de seu mestre Pestalozzi• Cultivar o espírito natural de observação das crianças, chamando-lhes a atenção para os objetos que as rodeiam.• Cultivar-lhes a inteligência, seguindo uma marcha que possibilite ao aluno descobrir por si próprio as regras.• Proceder sempre do conhecido ao desconhecido, do simples ao composto.
  41. 41. Continuação...• Evitar toda a atitude mecânica, fazendo com que a criança compreenda o alvo e a razão de tudo que faz.• Fazer com que a criança “apalpe” com os dedos e a vista, todas as verdades. (Anschauung).• Confiar à memória somente aquilo que já foi captado pela inteligência.
  42. 42. • .
  43. 43. O espiritismo chega à “Pátria do Evangelho”• A novidade do Espiritismo encanta a Corte de D. Pedro II.• Bezerra de Menezes: foi o maior propagandista da “Boa Nova”• Foi no Brasil que se pensou no Espiritismo como uma nova forma de Educação (não no sentido catequético, mas sim pedagógico e holístico)
  44. 44. • 1880-1918 (uma breve vida terrena, uma grandiosa obra):• Funda o Colégio Allan Kardec (baseado nos princípios do Instituto de Yverdon de Pestalozzi)• Militante pela educação igualitária e pública
  45. 45. A pedagogia espírita em J. Herculano Pires
  46. 46. O mistério do serCada indivíduo é únicoPersonalidade: Já nasce com suacomplicada estrutura já formada.Desenvolve-se no crescimento e nasrelações sociais.Educar: Decifrar o enigma do ser emgeral e de cada educando emparticular.
  47. 47. Educação e RegeneraçãoEspiritismo é educação: individual e demassaMissão do espiritismo: Alargar oconhecimento humano. Colocar os homensdiante da realidade integral da vida praregenerá-los.“A educação cristã substituiu a educaçãopagã e modificou a terra. A EducaçãoEspírita renovará a Educação Cristã, e comela o mundo.”Mundo de “provas e expiações” à “Mundode Regeneração”
  48. 48. Educação e Religião: 3 causaspara o equívoco da Escola LaicaMaterialismo: Laicismo objetivava umaeducação liberta de superstições epreconceitos.Espiritualismo: Teologias, teogonias edogmáticas = superstições e preconceitos.Filosofia: “Ciências = se somente háconhecimento à partir da razão, não sejustificaria o ensino religioso”. A Escola setornava instrumento da ciência.
  49. 49. Educação e Religião: mudança de paradigmasReligião nas Escolas:“Não podemos ter educação semreligião. O sonho da educação laicanão passou de resposta aosequívocos do passado.”“Educação sem religião é atualmenteabsurda, como absurda é também aeducação materialista quecontinuamos aplicar” (Herculano)
  50. 50. Nascimento da Educação EspíritaJ. Herculano Pires:“Para negar que estamos na Era doEspírito seria preciso negar todosesses avanços da Ciência, o queevidentemente ninguém pode fazer.”Comentários mediadores: A FísicaQuântica revela uma novacosmovisão do mundo (somos parteindivisível do todo que é Deus)
  51. 51. Formação do Novo HomemA Educação Clássica formou o cidadão.A Educação Medieval formou o cristão.A Educação Renascentista formou o gentil-homem, sujeitoà cultura mundana.A Educação Moderna formou o homem esclarecido, amantedas Ciências e das Artes.A Educação Nova formou o homem psicológico,substituindo o confessionário pelo consultório psiquiátrico epsicanalítico.A Educação Espírita: formar o homemconsciente do futuro, que já começa a aparecer na Terra,senhor de si, responsável direto e único pelos seus atos,mas ao mesmo tempo reverente a Deus, no qual reconhecea Inteligência Suprema do Universo, causa primária detodas as coisas.
  52. 52. Joana de Angelise a Educação Integral Educar é canalizar valores latentes no indivíduo para o seu progresso, fornecendo os recursos que facultam a germinação dessas potências que dormem no cerne do ser. Educar é libertar a consciência em relação ao educando, a si mesmo, ao próximo e à Humanidade. Repressão gera violência e revolta. Educar é iluminar consciências. Quem educa evita a manifestação da delinqüência e do desequilíbrio social, estabelecendo metas de promoção da vida. A punição significa falência na área educativa. A repressão representa insegurança educacional. A reprovação demonstra fracasso metodológico
  53. 53. Joana de Angelise a Educação Integral A verdadeira educação ocorre no íntimo do indivíduo, sendo um processo transformador. Educação é mecanismo da vida a serviço da Vida. É certo que o homem se apresenta imperfeito, por enquanto, todavia é, potencialmente, perfeito, e, à educação, compete o papel de o desenvolver.
  54. 54. Joana de Angelise a Educação Integral A educação facilita a germinação da semente divina que todo ser carrega em si. Todos somos educadores e educandos, conscientemente ou não. A educação, porém, há que ser integral, do homem total.
  55. 55. Leon Denis
  56. 56. Leon Denis: os problemas da educação laica É pela educação que as gerações se transformam e aperfeiçoam. Para uma sociedade nova é necessário homens novos. Por isso, a educação desde a infância é de Importância capital. Não basta ensinar à criança os elementos da Ciência. É necessário o desenvolvimento da moral. ALERTA: Desenvolver virtudes é tão importante quanto desenvolver faculdades intelectuais. Desprovida de princípios elevados, ela, no dia em que entra na vida pública, entrega-se a todas as ciladas, a todos os arrebatamentos da paixão, num meio sensual e corrompido.
  57. 57. A arte de ensinar Uma boa educação é, raras vezes, obra de um mestre. Para despertar na criança as primeiras aspirações ao bem, para corrigir um caráter difícil, é preciso às vezes a perseverança, a firmeza, uma ternura de que somente o coração de um pai ou de uma mãe pode ser suscetível. Se os pais não conseguem corrigir os filhos, como é que poderia fazê-lo o mestre? Essa tarefa não exige uma ciência profunda. Pequenos e grandes podem preenchê-la, desde que se compenetrem do alvo elevado e das conseqüências da educação.
  58. 58. Criança ou espírito milenar? “Sobretudo, é preciso nos lembrarmos de que esses Espíritos vêm coabitar conosco para que os ajudemos a vencer os seus defeitos e os preparemos para os deveres da vida.” (Leon Denis, Depois da Morte, p. 191)
  59. 59. Educar para a eternidade “O corpo consumir-se-á em breve e será sepultado; no entanto, a alma imortal, resplandecendo pelos cuidados com que foi tratada, pelos méritos adquiridos, pelos progressos realizados, viverá através dos tempos para vos abençoar e amar.” (Idem, p. 192)
  60. 60. NeyLobo
  61. 61. Concepção de educação à partirda Doutrina Espírita“Existe entre os seres humanos uma igualdade essencial e uma desigualdade relativa causada pelos diferentes graus evolutivos em que nos encontramos”“Cada ser é uma individualidade única que deve ser respeitada pelo educador.”
  62. 62. Pedagogia da espiritualidade Espinha dorsal da educação. Educação voltada para a alma do educando: fraternidade, a esperança, a justiça, a honestidade, a lealdade, a indulgência, a caridade, a simplicidade. Torna-se essencial ao educador espiritualizar-se
  63. 63. Base do projeto educacionalem Ney Lobo Educação é o conjunto de hábitos adquiridos. “Allan Kardec”. (este é o cerne da pedagogia da espiritualidade) “criar hábitos salutares”: Caridade, indulgência, justiça, lealdade, esperança, fraternidade, etc. “Nunca é tarde para se criar um bom hábito” (Ney Lobo)
  64. 64. Mensagem aos educadores Sejam realmente educadores. Isto quer dizer, se preocupem com a alma do seu filho e não só com a sua mente. Lembrem- se que a instrução pode, às vezes,não ser compreendida, mas o afeto todos entendem. E não se esqueçam de que a tolerância para com o diferente é o único caminho para a evolução. “Ney Lobo”
  65. 65. Dora incontri
  66. 66.  .
  67. 67. Salvação ou Evolução?O espiritismo não entende odevir humano, como umahistória de salvação, segundo oconceito do cristianismotradicional, mas como umahistória de evolução.
  68. 68. ReencarnacionismoO homem foi criado simples eignorante e está destinado aconquistar a perfeição, atravésdo aprendizado de múltiplasvidas sucessivas
  69. 69. A experiência humanaA humanidade está em processo educativo, aprendendo, através da ação livre no mundo, a crescer espiritualmente, a fazer desabrochar as virtudes e a sabedoria que serão suas, quando atingir o alvo evolutivo a que Deus nos destinou.
  70. 70. Livre-arbítrio Todomal e todo desvio de rota estão por nossa conta, mas são males e desvios passageiros, porque a imanência de Deus em nós garante mais dia, menos dia, a volta ao caminho da perfeição
  71. 71. Redenção universalde nós depende quando e como vamos aderir a esse projeto de perfeição e felicidade, para o qual fomos criados.
  72. 72. Parâmetros da pedagogia divina: Liberdade, Ação, Amor.Respeitar a liberdade e a individualidade dacriança, que deve agir para aprender (e issovai desde a aplicação prática de fórmulasmatemáticas até o exercício das virtudes),mas essa ação livre deve ser acompanhadapelo amor dos educadores, empenhados emincentivar e cultivar o lado bom doseducandos, com atenção, diálogo,observação e autoridade moral.
  73. 73. "Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim." (Chico Xavier)
  74. 74. ALeiDeAmor

×