SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 15
Alimentos
Diet
Alimentos
Light
Componentes
Andressa Dantas de Morais
Francianderson dos Santos
Fr. Claudio da Silva Pinto
Luís Carlos Castro Ferreira
Maria das Graças Brito
Rayssa Hellen ferreira Costa
Yramara de Araújo Silva
Alimentos
 É toda substância ou mistura de substâncias naturais
ou elaboradas que ingerida pelo homem fornecem ao
seu organismo a energia necessária para o
desenvolvimento de seus processos biológicos.
 A nova condição da sociedade fez com que novos
alimentos fossem criados.
 São divididos em: Diet e Light.
Alimentos diet
 É qualquer alimento produzido industrialmente, que
apresente ausência de determinado nutriente.
 A palavra diet em inglês significa “dieta”.
 São criados para indivíduos que devem seguir uma
dieta baseada na restrição ou redução de um
determinado nutriente.
 Eles devem conter uma tabela nutricional onde
apresentam os ingredientes que compõe o alimento.
Exemplo de alimentos diet
Alimentos light
 O termo Light é utilizado para designar alimentos que
possuem baixos teores ou teores reduzidos de calorias,
açúcares, gorduras totais, colesterol, sódio, etc.
 Nesses alimentos estes nutrientes não são eliminados como
no caso dos alimentos Diet, pois não são produzidos com a
finalidade de atender as necessidades de dietas
dietoterápicas.
 Para que um alimento seja considerado Light, pelo menos
25% das calorias e nutrientes envolvidos devem ser
reduzidos. Alimentos Light que sejam sólidos devem
fornecer no máximo 40Kcal por 100g e alimentos que
sejam líquidos 20Kcal por mL.
Alimentos light
 Os alimentos Light são os produtos mais indicados para
dietas de emagrecimento ou de manutenção do peso.
 Nestes casos, devem ser consumidos com bom senso,
avaliando-se principalmente o valor calórico, pois mesmo
os alimentos Light quando consumidos de forma
exagerada podem contribuir para o ganho de peso.
 As pessoas diabéticas também devem ficar atentas, pois
estes alimentos podem conter açúcar.
 Quanto à rotulagem, as principais informações que
devem estar presentes para designar um produto
Light são:
Apresentar quais
nutrientes foram
reduzidos
Apresentar tabela
de composição
nutricional
destacando os
nutrientes
reduzidos,
comparando o
produto com sua
própria versão
tradicional ou com
um produto
similar
Apresentar
redução de pelo
menos 25% nos
valores de
gorduras, açúcares
ou calorias em
relação ao produto
tradicional ou
similar
Alimentos light
Exemplo de alimentos light
Cuidados na hora da compra
 Na hora da compra é sempre bom verificar a rotulagem e a
finalidade para qual o produto foi desenvolvido. Para isso
não economize tempo: leia os rótulos cuidadosamente
 Procure também sempre comprar
produtos de empresas idôneas e que
trazem as informações necessárias de
maneira clara e completa
 Quanto mais informados e orientados
estivermos, maiores serão os controles de
nossa alimentação e de nossa saúde,
e menores serão os riscos de equívocos e desperdício de
dinheiro.
Culinária diet e light: dicas e truques
 Ao contrário do açúcar, quando utilizamos o adoçante
em doses maiores do que o recomendado pelo
fabricante, a receita ganha sabor amargo. Assim,
atente-se sempre à quantidade indicada.
 Os doces feitos com adoçante (sem açúcar) podem
estragar-se mais facilmente. Assim, procure mantê-los
sob refrigeração e consumi-los em 1-2 dias.
 Para reduzir o teor de gordura de suas receitas, utilize
sempre leite ou laticínios desnatados, margarina Light,
etc.
Alimentos diet Alimentos light
Do inglês “dieta” Do inglês “leve”
Ausência de nutrientes Redução de nutrientes
Necessidades nutricionais Bem-estar e manutenção da saúde
Questionamentos
 Os alimentos Diet e Light são saudáveis?
 Quem pode consumir esses alimentos?
 Esses alimentos ajudam a emagrecer?
Referências
 Faria MG, Caldeira FVND, Assis EM, Rodrigues FC, Fujii JB.
Avaliação do nível de conhecimento dos consumidores de
Ipatinga/MG, sobre as características e propriedades de
produtos diet e light e a diferença entre ambos. Hig.
Aliment. 2007; 21(153):34-38
 Gonçalves JA, Zucchi ND, Abreu TC, Caldart S, Batista SMM, Fiates
GMR. Alimentos diet e light: consumo e conhecimento por
frequentadores de supermercados de Florianópolis/SC.
Hig. Aliment. 2013; 27(216):124-128
 Lucchese T, Batalha MO, Lambert JL. Marketing de alimentos
e o comportamento de consumo: proposição de uma
tipologia do consumo de produtos light e diet.
Organizações Rurais &Agroindustriais 2009; 8(2):227-239
Obrigado!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Piramide alimentar
Piramide alimentarPiramide alimentar
Piramide alimentarYeda Silva
 
Educação Alimentar
Educação AlimentarEducação Alimentar
Educação Alimentarguestf1aa8e3
 
01 noções básicas de nutrição e dietética
01 noções básicas de nutrição e dietética01 noções básicas de nutrição e dietética
01 noções básicas de nutrição e dietéticaEliane Cristina
 
Obesidade - Tipos e Causas
Obesidade - Tipos e CausasObesidade - Tipos e Causas
Obesidade - Tipos e CausasLucash Martins
 
Alimentação saudável trabalho de saúde infantil
Alimentação saudável trabalho de saúde infantilAlimentação saudável trabalho de saúde infantil
Alimentação saudável trabalho de saúde infantilGaby Veloso
 
Slides alimentação saudável profª engracia.pptx abc
Slides alimentação saudável   profª engracia.pptx abcSlides alimentação saudável   profª engracia.pptx abc
Slides alimentação saudável profª engracia.pptx abcengraciam
 
Alimentos, nutrientes e saúde
Alimentos, nutrientes e saúdeAlimentos, nutrientes e saúde
Alimentos, nutrientes e saúdeCristiane Koch
 
NutriçãO E Qualidade De Vida
NutriçãO E Qualidade De VidaNutriçãO E Qualidade De Vida
NutriçãO E Qualidade De Vidapenacozinha
 
Alimentação Saudável
Alimentação SaudávelAlimentação Saudável
Alimentação SaudávelLiraIngrid
 

Mais procurados (20)

Palestra educação nutricional
Palestra educação nutricionalPalestra educação nutricional
Palestra educação nutricional
 
Piramide alimentar
Piramide alimentarPiramide alimentar
Piramide alimentar
 
Educação Alimentar
Educação AlimentarEducação Alimentar
Educação Alimentar
 
01 noções básicas de nutrição e dietética
01 noções básicas de nutrição e dietética01 noções básicas de nutrição e dietética
01 noções básicas de nutrição e dietética
 
Alimentação e Saúde
Alimentação e SaúdeAlimentação e Saúde
Alimentação e Saúde
 
Obesidade - Tipos e Causas
Obesidade - Tipos e CausasObesidade - Tipos e Causas
Obesidade - Tipos e Causas
 
Alimentação saudável trabalho de saúde infantil
Alimentação saudável trabalho de saúde infantilAlimentação saudável trabalho de saúde infantil
Alimentação saudável trabalho de saúde infantil
 
Cartilha ORIENTAÇÃO NUTRICIONAL INFANTIL - UFMG
Cartilha ORIENTAÇÃO NUTRICIONAL INFANTIL - UFMG Cartilha ORIENTAÇÃO NUTRICIONAL INFANTIL - UFMG
Cartilha ORIENTAÇÃO NUTRICIONAL INFANTIL - UFMG
 
Slides alimentação saudável profª engracia.pptx abc
Slides alimentação saudável   profª engracia.pptx abcSlides alimentação saudável   profª engracia.pptx abc
Slides alimentação saudável profª engracia.pptx abc
 
Alimentos, nutrientes e saúde
Alimentos, nutrientes e saúdeAlimentos, nutrientes e saúde
Alimentos, nutrientes e saúde
 
Alimentação e nutrientes
Alimentação e nutrientesAlimentação e nutrientes
Alimentação e nutrientes
 
NutriçãO E Qualidade De Vida
NutriçãO E Qualidade De VidaNutriçãO E Qualidade De Vida
NutriçãO E Qualidade De Vida
 
Nutriçao
NutriçaoNutriçao
Nutriçao
 
Tipos de dietas
Tipos de dietasTipos de dietas
Tipos de dietas
 
Alimentação saudável
Alimentação saudávelAlimentação saudável
Alimentação saudável
 
Alimentação Saudável
Alimentação SaudávelAlimentação Saudável
Alimentação Saudável
 
Alimentação saudável
Alimentação saudávelAlimentação saudável
Alimentação saudável
 
Obesidade infantil
Obesidade infantilObesidade infantil
Obesidade infantil
 
Açúcar
AçúcarAçúcar
Açúcar
 
Light e diet
Light e dietLight e diet
Light e diet
 

Semelhante a Alimentos diet e light (SLIDE)

Semelhante a Alimentos diet e light (SLIDE) (20)

Momento Nutrir Diet e Light
Momento Nutrir   Diet e LightMomento Nutrir   Diet e Light
Momento Nutrir Diet e Light
 
2015 06 catalogo herbalife consultora alphaville evs araguaia
2015 06 catalogo herbalife consultora alphaville evs araguaia2015 06 catalogo herbalife consultora alphaville evs araguaia
2015 06 catalogo herbalife consultora alphaville evs araguaia
 
Diet x light
Diet x lightDiet x light
Diet x light
 
Rotulagem codeagro2
Rotulagem codeagro2Rotulagem codeagro2
Rotulagem codeagro2
 
Guiadebolso
GuiadebolsoGuiadebolso
Guiadebolso
 
Guia de bolso compras apn
Guia de bolso compras apnGuia de bolso compras apn
Guia de bolso compras apn
 
Nossa Alimentação e o Shale Herbalife
Nossa Alimentação e o Shale HerbalifeNossa Alimentação e o Shale Herbalife
Nossa Alimentação e o Shale Herbalife
 
Nossa Alimentação e o Shake Herbalife
Nossa Alimentação e o Shake HerbalifeNossa Alimentação e o Shake Herbalife
Nossa Alimentação e o Shake Herbalife
 
Semaforo nutricional
Semaforo nutricionalSemaforo nutricional
Semaforo nutricional
 
Diet E Light
Diet E LightDiet E Light
Diet E Light
 
Alimentação
AlimentaçãoAlimentação
Alimentação
 
Adoçantes
AdoçantesAdoçantes
Adoçantes
 
AlimentaçãO
AlimentaçãOAlimentaçãO
AlimentaçãO
 
Os produtos light são mesmo light?
Os produtos light são mesmo light?Os produtos light são mesmo light?
Os produtos light são mesmo light?
 
DIABETES E ABACATES: COMO ELES AFETAM A SUA GLICEMIA!
DIABETES E ABACATES: COMO ELES AFETAM A SUA GLICEMIA!DIABETES E ABACATES: COMO ELES AFETAM A SUA GLICEMIA!
DIABETES E ABACATES: COMO ELES AFETAM A SUA GLICEMIA!
 
03 apresentacao produto
03 apresentacao produto03 apresentacao produto
03 apresentacao produto
 
LIGHT X DIET!
LIGHT X DIET!LIGHT X DIET!
LIGHT X DIET!
 
07 Dicas Práticas Para Se Perder peso
07 Dicas Práticas Para Se Perder peso07 Dicas Práticas Para Se Perder peso
07 Dicas Práticas Para Se Perder peso
 
Ebook semaforo nutricional
Ebook semaforo nutricionalEbook semaforo nutricional
Ebook semaforo nutricional
 
Aula Guias alimentares população brasileira e idosos.pptx
Aula Guias alimentares população brasileira e idosos.pptxAula Guias alimentares população brasileira e idosos.pptx
Aula Guias alimentares população brasileira e idosos.pptx
 

Último

HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalJacqueline Cerqueira
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOBiatrizGomes1
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasRicardo Diniz campos
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundonialb
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxThye Oliver
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfEyshilaKelly1
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxIsabelaRafael2
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresLilianPiola
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOColégio Santa Teresinha
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 

Último (20)

HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 

Alimentos diet e light (SLIDE)

  • 2. Componentes Andressa Dantas de Morais Francianderson dos Santos Fr. Claudio da Silva Pinto Luís Carlos Castro Ferreira Maria das Graças Brito Rayssa Hellen ferreira Costa Yramara de Araújo Silva
  • 3. Alimentos  É toda substância ou mistura de substâncias naturais ou elaboradas que ingerida pelo homem fornecem ao seu organismo a energia necessária para o desenvolvimento de seus processos biológicos.  A nova condição da sociedade fez com que novos alimentos fossem criados.  São divididos em: Diet e Light.
  • 4. Alimentos diet  É qualquer alimento produzido industrialmente, que apresente ausência de determinado nutriente.  A palavra diet em inglês significa “dieta”.  São criados para indivíduos que devem seguir uma dieta baseada na restrição ou redução de um determinado nutriente.  Eles devem conter uma tabela nutricional onde apresentam os ingredientes que compõe o alimento.
  • 6. Alimentos light  O termo Light é utilizado para designar alimentos que possuem baixos teores ou teores reduzidos de calorias, açúcares, gorduras totais, colesterol, sódio, etc.  Nesses alimentos estes nutrientes não são eliminados como no caso dos alimentos Diet, pois não são produzidos com a finalidade de atender as necessidades de dietas dietoterápicas.  Para que um alimento seja considerado Light, pelo menos 25% das calorias e nutrientes envolvidos devem ser reduzidos. Alimentos Light que sejam sólidos devem fornecer no máximo 40Kcal por 100g e alimentos que sejam líquidos 20Kcal por mL.
  • 7. Alimentos light  Os alimentos Light são os produtos mais indicados para dietas de emagrecimento ou de manutenção do peso.  Nestes casos, devem ser consumidos com bom senso, avaliando-se principalmente o valor calórico, pois mesmo os alimentos Light quando consumidos de forma exagerada podem contribuir para o ganho de peso.  As pessoas diabéticas também devem ficar atentas, pois estes alimentos podem conter açúcar.
  • 8.  Quanto à rotulagem, as principais informações que devem estar presentes para designar um produto Light são: Apresentar quais nutrientes foram reduzidos Apresentar tabela de composição nutricional destacando os nutrientes reduzidos, comparando o produto com sua própria versão tradicional ou com um produto similar Apresentar redução de pelo menos 25% nos valores de gorduras, açúcares ou calorias em relação ao produto tradicional ou similar Alimentos light
  • 10. Cuidados na hora da compra  Na hora da compra é sempre bom verificar a rotulagem e a finalidade para qual o produto foi desenvolvido. Para isso não economize tempo: leia os rótulos cuidadosamente  Procure também sempre comprar produtos de empresas idôneas e que trazem as informações necessárias de maneira clara e completa  Quanto mais informados e orientados estivermos, maiores serão os controles de nossa alimentação e de nossa saúde, e menores serão os riscos de equívocos e desperdício de dinheiro.
  • 11. Culinária diet e light: dicas e truques  Ao contrário do açúcar, quando utilizamos o adoçante em doses maiores do que o recomendado pelo fabricante, a receita ganha sabor amargo. Assim, atente-se sempre à quantidade indicada.  Os doces feitos com adoçante (sem açúcar) podem estragar-se mais facilmente. Assim, procure mantê-los sob refrigeração e consumi-los em 1-2 dias.  Para reduzir o teor de gordura de suas receitas, utilize sempre leite ou laticínios desnatados, margarina Light, etc.
  • 12. Alimentos diet Alimentos light Do inglês “dieta” Do inglês “leve” Ausência de nutrientes Redução de nutrientes Necessidades nutricionais Bem-estar e manutenção da saúde
  • 13. Questionamentos  Os alimentos Diet e Light são saudáveis?  Quem pode consumir esses alimentos?  Esses alimentos ajudam a emagrecer?
  • 14. Referências  Faria MG, Caldeira FVND, Assis EM, Rodrigues FC, Fujii JB. Avaliação do nível de conhecimento dos consumidores de Ipatinga/MG, sobre as características e propriedades de produtos diet e light e a diferença entre ambos. Hig. Aliment. 2007; 21(153):34-38  Gonçalves JA, Zucchi ND, Abreu TC, Caldart S, Batista SMM, Fiates GMR. Alimentos diet e light: consumo e conhecimento por frequentadores de supermercados de Florianópolis/SC. Hig. Aliment. 2013; 27(216):124-128  Lucchese T, Batalha MO, Lambert JL. Marketing de alimentos e o comportamento de consumo: proposição de uma tipologia do consumo de produtos light e diet. Organizações Rurais &Agroindustriais 2009; 8(2):227-239