Norbert Elias E Pierre Bourdieu

64.030 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia
5 comentários
11 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
64.030
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
64
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
795
Comentários
5
Gostaram
11
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Norbert Elias E Pierre Bourdieu

  1. 1. Norbert Elias e Pierre Bourdieu: a sociedade dos indivíduos Roberto Mosca Jr Sociologia
  2. 2. Análises Clássicas sobre a relação indivíduo sociedade. <ul><li>Marx: indivíduos inseridos em classes sociais, por um fator econômico. </li></ul><ul><li>Durkheim: o fundamental é a sociedade e a integração do indivíduos nela. </li></ul><ul><li>Weber: indivíduos e suas ações sociais são os elementos constitutivos da sociedade. </li></ul>
  3. 3. Sociologia contemporânea <ul><li>Autores como Bourdieu e Elias , procuram analisar a relação indivíduo e sociedade, e procuram integrar ações e instituições fundamentais. </li></ul>
  4. 4. Conceito de configuração <ul><li>Distanciamento indivíduo/sociedade </li></ul><ul><li>Discute a impossibilidade do bem-estar e felicidade individual e uma sociedade livre de conflitos. </li></ul><ul><li>Instituições (Família, Escola e Estado) - estão a serviço da felicidade e do bem-estar. </li></ul><ul><li>Unidade social acima da vida individual. </li></ul>
  5. 5. Conceito de configuração <ul><li>Indivíduo e sociedade: “os indivíduos podem possuir características humanas, como falar, pensar e amar”. (Elias). </li></ul><ul><li>Só é possível trabalhar, estudar e divertir-se em uma sociedade que tenha história, cultura e educação, e não isoladamente. </li></ul>
  6. 6. Conceito de configuração(figuração) <ul><li>Pensar a relação de forma dinâmica. </li></ul><ul><li>Ex: Mesa de Baralho. (participantes e regras, estratégias) </li></ul><ul><li>EX: Jogo de Futebol. (“eus”, “eles”, “nós”) - Jogadores, regras, juiz, bandeirinhas e torcida. </li></ul><ul><li>Idéia de fluxo contínuo, que permite o entendimento dentro deste contexto e configuração. </li></ul>
  7. 7. Conceito de configuração <ul><li>Relação entre : </li></ul><ul><li>Jogadores. </li></ul><ul><li>Jogadores e torcida. </li></ul><ul><li>Jogadores e técnico. </li></ul><ul><li>Torcedores. </li></ul><ul><li>Todos e a regra. </li></ul><ul><li>Fora deste contexto não há jogo de futebol. </li></ul>
  8. 8. Conceito de configuração <ul><li>No grupo social é assim: não há separação entre indivíduo e sociedade, tudo deve ser entendido de acordo com o contexto ; caso contrário, perde-se a dinâmica da realidade e o poder de entendimento. </li></ul>
  9. 9. Conceito de configuração <ul><li>Pode ser aplicado em: </li></ul><ul><li>Pequenos grupos. </li></ul><ul><li>A sociedades inteiras. </li></ul><ul><li>Enfim pessoas que se relacionam, chama a atenção para interdependência entre as pessoas. </li></ul><ul><li>Sociedade dos indivíduos , realçando a unidade, e não a divisão. </li></ul>
  10. 10. Conceito de Habitus <ul><li>Habitus, em Elias é segunda natureza , saber social incorporado durante nossa vida em sociedade. </li></ul><ul><li>O destino de uma nação fica sedimentado no habitus de seus membros. </li></ul>
  11. 11. Conceito de Habitus <ul><li>O conceito de habitus foi desenvolvido pelo sociólogo francês Pierre Bourdieu com o objetivo de pôr fim à antinomia indivíduo/sociedade dentro da sociologia estruturalista. </li></ul><ul><li>Relaciona-se à capacidade de uma determinada estrutura social ser incorporada pelos agentes por meio de disposições para sentir, pensar e agir. </li></ul>
  12. 12. Conceito de Habitus <ul><li>Para Bourdieu habitus liga o indivíduo a sociedade. </li></ul><ul><li>Para Bourdieu, o habitus se apresenta como social e individual ao mesmo tempo, e refere-se tanto a um grupo quanto a uma classe e, obrigatoriamente ao indivíduo. </li></ul>
  13. 13. Conceito de Habitus <ul><li>Condições de existência do indivíduo e suas formas de ação e percepção , dentro ou fora dos grupos. </li></ul><ul><li>Habitus, é o que articula práticas cotidianas - vida concreta dos indivíduos - com as condições de classe de determinada sociedade , ou seja a conduta dos indivíduo a e as estruturas mais amplas. (ex: livro) </li></ul><ul><li>Fundem-se condições objetivas e subjetivas . </li></ul>
  14. 14. O Conceito de Habitus <ul><li>Habitus é estruturado por meio das instituições sociais dos agentes (família e escola). </li></ul><ul><li>Habitus primário - mais duradouro, mas não congelado. </li></ul><ul><li>Habitus secundário - contato com pessoas de outros universos de vida. Não contrário,mas indissociável daquele. </li></ul>
  15. 15. Conceito Habitus <ul><li>Habitus individual, conforme agrega experiências continuamente.. </li></ul><ul><li>Modifica-se, mantendo características da origem. (grupo familiar/ classe social). </li></ul><ul><li>Conceitos e valores (subjetividade), lugar onde ocupam na sociedade. </li></ul><ul><li>Não há igualdade deposições. (sociedade desigual). </li></ul><ul><li>EX. Ingresso na Universidade. </li></ul>

×