Fundamentos da psicopedagogia

19.074 visualizações

Publicada em

1 comentário
10 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
19.074
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
628
Comentários
1
Gostaram
10
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fundamentos da psicopedagogia

  1. 1. FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIAJuliana Zantut Nutti Síntese elaborada pela com base no capítulo 2 de “A Psicopedagogia no Brasil – contribuições a partir da prática”, de Nadia A. Bossa, ed. Artmed, 2000, contendo trechos de “Psicopedagogia: em busca de uma fundamentação teórica”, de Maria Cecília Almeida e Silva, Ed. Nova Fronteira, 1998
  2. 2.  Psicopedagogia  nasceu da necessidade de uma melhor compreensão da gênese de aprendizagem, do processo de aprendizagem e do sujeito cognoscente. Ênfase no caráter interdisciplinar  busca conhecimentos em várias áreas para criar o seu próprio objeto de estudo. Área emergente  recorre aos conhecimentos da Psicologia, Pedagogia, Psicanálise, Lingüística, Fonoaudiologia, Medicina, Neurologia, Antropologia, Sociologia  apesar disso, procura um corpo teórico próprio para compreender e atuar sobre o seu objeto de estudo.
  3. 3.  Etapas de evolução da utilização do termo Psicopedagogia: - adjetivo  “atitude psicopedagógica” - substantivo  polissemia aplicada ao conceito e à prática Atualmente  a Psicopedagogia passa de uma perspectiva puramente clínica e individual para uma compreensão mais integradora do processo de aprendizagem e para uma atuação mais preventiva.
  4. 4. OBJETO DE ESTUDO DA PSICOPEDAGOGIA Para Kiguel  processo de aprendizagem humana, seus padrões evolutivos normais e patológicos e a influência do meio (família, escola e sociedade) em seu desenvolvimento. Para Scoz  processo de aprendizagem e suas dificuldades, englobando e integrando vários conhecimentos em sua ação profissional.
  5. 5.  Para Golbert  o objeto de estudo da Psicopedagogia deve ser entendido a partir dos enfoques preventivo e terapêutico. Enfoque preventivo  tem como objeto a pessoa a ser educada, seus processos de desenvolvimento e as alterações destes processos; não se restringe apenas à escola, mas também à família e à comunidade; tem como objetivo esclarecer pais, professores e gestores sobre as diferentes etapas do desenvolvimento humano, o processo de aprendizagem e suas dificuldades. Enfoque terapêutico  considera o objeto de estudo da Psicopedagogia a identificação, análise, diagnóstico e tratamento de dificuldades de aprendizagem.
  6. 6.  Para Rubinstein  em um primeiro momento a Psicopedagogia voltou-se para a busca de métodos que melhor atendessem aos portadores de dificuldades de aprendizagem  remediação/reeducação  desaparecimento do sintoma. Posteriormente, deslocou a atenção para a compreensão do processo de aprendizagem e a sua relação com o sujeito  o principal objetivo passa a ser a investigação da etiologia da dificuldade de aprendizagem e a compreensão do processo de aprendizagem em todas as suas variáveis.
  7. 7.  Uma das linhas teóricas da Psicopedagogia é a chamada “linha Argentina”, composta pelo pensamento de autores como Alicia Fernandez, Sara Pain e Jorge Visca  esta linha contempla os estudos da epistemologia genética de J. Piaget, da Psicanálise de S. Freud e da Psicologia Social de Pichon-Riviere.
  8. 8. A linha Argentina compartilha uma concepção de aprendizagem que vê o ser cognoscente em três dimensões: Dimensão racional  compreendida pelos pressupostos da epistemologia genética de J. Piaget; Dimensão desiderativa  compreendida pelos pressupostos da Psicanálise de S. Freud; Dimensão relacional  compreendida pelos pressupostos da Psicologia Social A linha Argentina vê a não - aprendizagem como um sintoma que precisa ser desvendado.
  9. 9. Consenso O objeto de estudo da Psicopedagogia é a aprendizagem humana, apesar de sua complexidade. A Psicopedagogia estuda as características da aprendizagem humana: como se aprende; como a aprendizagem se desenvolve; como está condicionada; como se produzem as alterações; como reconhecer as alterações, tratá-las e preveni-las.
  10. 10. TIPOS DE ATUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA Atuação clínica ou trabalho clínico  se dá na relação entre um sujeito com sua história pessoal e modalidade de aprendizagem e outro sujeito cujo sintoma é o não – aprender. O psicopedagogo deve reconhecer sua própria subjetividade na relação (suas características, dificuldades e potencialidades enquanto pessoa/psicopedagogo). Deve conhecer a constituição do sujeito, como ele se transforma nas várias etapas de sua vida, os recursos de conhecimento de que dispõe, a forma como produz conhecimento e aprende.
  11. 11. Procedimentos de avaliação e intervenção psicopedagógica clínica 1. entrevista com a família → é vital observar bem o motivo de consulta → “queixa” → muitos fatores importantes são revelados nesse momento; 2. Anamnese → retrospectiva da história de vida da criança, desde a gestação até os dias atuais → permite pesquisar a aprendizagem desde as mais precoces e informais (controle de esfíncteres) até as aprendizagens acadêmicas; 3. entrevistas com o sujeito → escutar também a “queixa” na visão do sujeito. 4. Aplicação de diversas técnicas de caráter diagóstico como provas piagetianas, desenhos, escritas livres ou dirigidas, leituras, jogos pedagógicos, simbólicos e de regras, observação do material escolar, etc 5. Contato com a escola → pode ocorrer antes da entrevista com a criança ou depois. 6. Devolução do que foi encontrado para o sujeito, família e quem o encaminhou (escola, outros profissionais) → esclarecendo a linha de trabalho que deverá ser adotada pela escola e pela professora; 7. Encaminhamento: se o psicopedagogo achar necessário a intervenção de outros profissionais deve realizar o encaminhamento do sujeito para outros profissionais
  12. 12. Intervenção psicopedagógica Intervenção → processo intimamente relacionado ao diagnósticoIntervenção = mediação Intervir = colocar-se no meioIntervenção num sentido amplo: interferência que um profissional (educador ou terapeuta) realiza sobre o processo de desenvolvimento cognitivo ou do processo de aprendizagem da criança → objetivos: compreender/explicitar/corrigir → introduzir novos elementos para quebrar um determinado padrão de relacionamento com o mundo das idéias e das pessoas.
  13. 13. Atuação preventiva ou trabalho preventivo  a Instituição (geralmente, escola), espaço físico e psíquico da aprendizagem, é o objeto de estudo da Psicopedagogia  avaliam-se os processos didático- metodológicos e a dinâmica institucional que interferem no processo de aprendizagem. Níveis de prevenção 1º nível: a atuação se dá nos processos educativos a fim de diminuir a freqüência dos problemas de aprendizagem  o foco são as questões didático- metodológicas, a formação e orientação de professores e aconselhamentos de pais e responsáveis;
  14. 14.  2º nível: o objetivo é diminuir e tratar os problemas de aprendizagem já existentes  cria-se um plano diagnóstico da realidade institucional e planos de intervenção a partir dos resultados do diagnóstico  avaliam-se e modifica-se o projeto pedagógico, o currículo e a metodologia a fim de se evitar transtornos futuros; 3º nível: eliminar os transtornos já instalados através de procedimentos clínicos  ao se eliminar um problema existente previne-se o aparecimento de outros semelhantes.
  15. 15. TEORIAS E CONHECIMENTOSESPECÍFICOS QUE EMBASAM OTRABALHO PSICOPEDAGÓGICO Psicanálise  trata do Inconsciente e suas manifestações através de sintomas e símbolos  dimensão desejante ou desiderativa do homem; Psicologia Social  trata da constituição dos sujeitos em suas relações familiares, grupais e institucionais, em um contexto sociocultural e econômico e um contexto educacional específico; Psicologia Genética  analisa e descreve o processo de construção do conhecimento pelo sujeito através da interação com os outros e os objetos;
  16. 16.  Lingüística  contribui com a compreensão da linguagem como mediador da cultura que constitui o homem; Pedagogia  analisa as diversas abordagens do processo de ensino-aprendizagem do ponto de vista didático-metodológico; Neuropsicologia  possibilita a compreensão dos mecanismos cerebrais que estão presentes nos processos psíquicos e suas possíveis alterações. Todo psicopedagogo, como qualquer profissional, pode fundamentar a sua prática em fundamentos diversos e até distintos, de acordo com sua identificação pessoal e profissional...

×