SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 82
Terapia Nutricional em UTI André Lopes  - R2 Clínica Médica   Curso Teórico de Medicina Intensiva UTI- PS / Hospital São Paulo
Avaliação Nutricional   ,[object Object],[object Object],Terapia Nutricional no paciente grave - TENUTI. Revinter 2001. Cap 1, p.1-6.
Variáveis que avaliam risco : ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Regulamento ténico referente a requisitos mínimos exigidos para terapia nutricional. ANVISA. 2000. Triagem de Risco
Avalição do estado nutricional ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],As variações nas concentrações dessas proteínas refletem, inicialmente, a intensidade do estresse e, tardiamente, o estado nutricional. < 7,0 mg/dL < 2,0 mg/dL < 100mg/dL Nutrition metabolism in the criticall patient. Philadelphia  : Lippincott Williams & Wilkins, 2002.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],How valid are our reference standards of nutrition ? Nutrition, v.11,p.731, 1995 .
Requisito Nutricional American College of Chest Physicians ( ACCP )
Fontes de energia ,[object Object],[object Object],[object Object]
Gasto diário de energia ,[object Object],[object Object],Harris JA, Benedict FG.  A biometric study of human basal metabolism .  Proc Natl Acad Sci U S A  1918 ;4:370–373.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Harris JA, Benedict FG. A biometric study  of human basal metabolism.  Proc Natl Acad Sci U S A 1918;4:370–373.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],CHAN, S.; MCCOWEN, K.C. ; Blackburn, G.L. Nutrition manegement in the ICU.  Chest  , v.115, p.145-48,1999.
Equivalente às Equações de Harris-Benedict: ,[object Object],Paauw JD, McCamish MA, Dean RE, et al.  Assessment of caloric needs in stressed patients. J Am Coll Nutr  1984 ;3:51–59.
Ajudes para adequação do Gasto Energético : ,[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Mann S, Westenskow DR, Houtchens BA. Measured and predicted caloricexpenditure in the acutely ill.  Crit Care Med 1985;13:173–177.
Acurácia da correção do GBE : SUPERESTIMATIVA Kan MN, Chang HH, Sheu WF, et al.  Estimation of energy requirements for mechanically ventilated, critically ill patients using nutritional status . Crit Care 2003;7:R108–R115.
Calorimetria Indireta ,[object Object],[object Object],Bursztein S, Saphar P, Singer P, et al. A mathematical analysis of indirect calorimetry  measurements in acutely ill patients. Am J Clin Nutr 1989;50:227–230.
GER  x GET - Calorimetria ,[object Object],[object Object],[object Object],Koea JB, Wolfe RR, Shaw JH. Total energy  expenditure during total parenteral nutrition: ambulatory patients at home versus patients with sepsis in surgical intensive care. Surgery 1995;118:54–62.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],McClave S, Snider H. Use of indirect calorimety in clinical nutrition. Nutr Clin Pract1992;7:207–221
Calorias : como fornecê-las?
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Talpers SS, Romberger DJ, Bunce SB, et al. Nutritionally associated increased carbon dioxide production. Chest 1992;102:551–555.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Jones PJH, Kubow S. Lipids, sterols, and their metabolites. In: Shils ME et al.,eds. Modern nutrition in health and disease. 10th ed. Philadelphia: Lippincott Williams & Wilkins, 2006:92–121.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Matthews DE. Proteins and amino acids. In: Shils ME et al., eds. Modern nutrition in health and disease. 10th ed. Philadelphia:  Lippincott Williams & Wilkins,2006:23–61.
[object Object]
[object Object],[object Object],Burge J, Choban P, McKnight T. Urinary ammonia excretion as an estimate of total urinary nitrogen in patients receiving parenteral nutritional support. J Parenter Enteral Nutr 1993;17:529–531. Equilíbrio do Nitrogênio : ( Ingesta protéica/ 6,25 ) – ( NUU +4 ) Fator 4 = outras perdas diárias de nitrogênio
 
Vitaminas e microelementos : devemos ofertá-los ?
Nutritional support in critically ill patients. Intensive Care Med 1993; 8:16–33.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Boni L, Kieckens L, Hendrikx A. An evaluation of a modified erythrocyte transketolase assay for assessing thiamine nutritional adequacy. J Nutr Sci Vitaminol (Tokyo) 1980;26:507–514.
Nutritional support in critically ill patients. Intensive Care Med 1993; 8:16–33
Hipoferremia : devemos tratá- la? Herbert V, Shaw S, Jayatilleke E, et al.  Most free-radical injury is iron-related : it is promoted by iron, hemin, holoferritin and vitamin C, and inhibited by desferoxamine and apoferritin.  Stem Cells  1994;12:289–303.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],J Parenter Enteral Nutr 2002;26:63–66.
Nutrição Enteral “  If the gut works, use it “
Epitélio = Barreira ,[object Object],Alpers DH.  Enteral feeding and gut atrophy .  Curr Opin Clin Nutr Metab Care 2002;5:679–683.
www.cstr.ufcg.edu.br/histologia/atlas_tec_conj_arquivos/image007.jpg
www.scielo.br/img/fbpe/anp/v60n3b/a28fig03.gif
http://www.scielo.br/img/revistas/rbz/v33n6/a17fig1a.gif
Qual a importância ? ,[object Object],[object Object],Herskowitz K, Souba WW.  Intestinal glutamine metabolism during critical illness . Nutrition 1990;6:199–206.
Translocação Bacteriana ,[object Object],[object Object]
Indicações de nutrição artificial: ,[object Object],[object Object],[object Object],Overview of enteral nutrition. UpToDate
Contra-indicações   da NE: ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Meier R, Ockenga J, Pertkiewicz M,  et al. ESPEN guidelines on enteral nutrition: pancreas. Clin Nutr 2006;25:275–284.
Sonda : gástrica x duodenal   ,[object Object],Meier R, Ockenga J, Pertkiewicz M,  et al.  ESPEN guidelines on enteral nutrition.  Clin Nutr 2006;25:275–284.
[object Object],Acute complications associated with bedside placement of feeding tubes. Nutr Clin Pract 2006;21:40–55.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Pneumothorax following nasogastric feeding tube insertion  in a tracheostomized patient after bilateral lung transplantation. Intensive Care Med 1997;23:440–442.
Fórmulas de Nutrição ,[object Object],[object Object],Enteral Nutrition Formulas (Systemic). 2006  . Available at: http://www.nlm.nih.gov/medlineplus/druginfo/uspdi/202673.html
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Bistrian BR, McCowen KC. Nutritional and  metabolic support in the adult intensive care unit: key controversies. Crit Care Med 2006;34:1525–1531.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Malone A. Enteral formula selection: a review of selected product categories. Pract  Gastroenterol 2005 ; June:44–74.
http://www.nlm.nih.gov/medlineplus/druginfo/uspdi/202673.html
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Malone AM. The use of specialized enteral formulas in pulmonary disease. Nutr Clin Pract 2004;19:557–562.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Bistrian BR, McCowen KC. Nutritional and metabolic support in the adult intensive care unit: key  controversies.  Crit Care Med 2006;34:1525–1531 .
Aditivos dietéticos ,[object Object],[object Object],[object Object],Ziegler TR, Benfell K, Smith RJ, et al. Safety  and metabolic effects of L-glutamine administration in humans. J Parenter Enteral Nutr 1990;14:137S–146S.
Clinical evidence for enteral nutritional support with glutamine:a systematic  review . Nutrition 2003;19:809–811.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Rebouche CJ. Carnitine. In: Shils ME, et al., eds. Modern nutrition in health and disease. 10th ed. Philadelphia: Lippincott Williams & Wilkins, 2006:537–544.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],. Dietary fiber: a brief review and potential application to enteral nutrition. Nutr Clin Pract.
Infusão da dieta enteral ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Mizock BA. Avoiding common errors in nutritional management. J Crit Illness 1993;10:1116–1127.
Complicações ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Eisenberg PG. Causes of diarrhea in tube-fed patients:  a comprehensive approach to diagnosis and management. Nutr Clin Pract 1993;8:119–123.
Cheng EY et al. Unsuspected source of diarrhea in an ICU patient. Clin Intensive Care 1992; 3:33–36.
[object Object],Overview of diagnostic imaging in sepsis. New Horiz 1993
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Eisenberg PG. Causes of diarrhea in tube-fed patients: a comprehensive approach to diagnosis and management. Nutr Clin Pract 1993;8:119–123 .
[object Object],“  If the gut works, use it “
Indicação: Quando há contra-indicação para a nutrição enteral Dudrick SJ. Early developments and clinical applications of total parenteral nutrition. J Parenter Enteral Nutr 2003;27:291–299.
Fórmula ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Mirtallo J, Canada T, Johnson D, et al.  Safe practices for parenteral nutrition . J Parenter Enteral Nutr 2004;28:S39–70.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Driscoll DF. Compounding TPN admixtures: then and now. J Parenter Enteral Nutr 2003;27:433–438.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Borgsdorf LR, Cada DJ, Cirigliano M, et al. Drug  facts and comparisons. 60th ed.St. Louis, MO:  Wolters Kluwer, 2006.
Drug Facts and Comparisons. 60th ed. St. Louis, MO: Wolters Kluwer, 2006.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],De-Souza DA, Greene LJ.  Intestinal permeability and systemic infections in  critically ill patients: effect of glutamine . Crit Care Med 2005;33:1125–1135.
Dechelotte P, Hasselmann M, Cynober L, et al.  L-Alanyl-L-glutamine dipeptide-supplemented total parenteral nutrition reduces infectious complications and glucose intolerance in critically ill patients: the French controlled, randomized, double-blind, multicenter study . Crit Care Med 2006;34:598–604.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Podem ser infundidas separadamente ou adicionadas a misturas de dextrose - aminoácidos. Drug Facts and Comparisons. 60th ed.  St. Louis, MO: Wolters Kluwer, 2006 .
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Carpentier YA, Dupont IE. Advances in  intravenous lipid emulsions. World J Surg 2000;24:1493–1497.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Helphingstine CJ, Bistrian BR. New Food and Drug Administration Requirements for inclusion of vitamin K in adult parenteral  multivitamins. J Parenter Enteral Nutr 2003;27:220–224.
Como prescrevê-la ?
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Complicações   ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Trissel LA. Handbook on injectable drugs. 13th ed. Bethesda, MD: American Society Health System Pharmacists, 2005.
http://www.unifesp.br/dis/produtos/nutwin/images/cadguias.gif
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Nutrição Parenteral
Nutrição ParenteralNutrição Parenteral
Nutrição Parenteral
Safia Naser
 
Aula nutrição enteral e parenteral
Aula nutrição enteral e parenteralAula nutrição enteral e parenteral
Aula nutrição enteral e parenteral
natybortoletto
 
Abordagem inicial ao paciente grave
Abordagem inicial ao paciente graveAbordagem inicial ao paciente grave
Abordagem inicial ao paciente grave
LAEC UNIVAG
 
Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE)
Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE)Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE)
Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE)
Amanda Moura
 
Humanização em Unidade de Terapia Intensiva UTI Slides
Humanização em Unidade de Terapia Intensiva UTI SlidesHumanização em Unidade de Terapia Intensiva UTI Slides
Humanização em Unidade de Terapia Intensiva UTI Slides
Cleiton Ribeiro Alves
 

Mais procurados (20)

Pós-operatório de Cirurgia Cardíaca
Pós-operatório de Cirurgia CardíacaPós-operatório de Cirurgia Cardíaca
Pós-operatório de Cirurgia Cardíaca
 
Nutrição em Cuidados Intensivos
Nutrição em Cuidados IntensivosNutrição em Cuidados Intensivos
Nutrição em Cuidados Intensivos
 
Nutrição Parenteral
Nutrição ParenteralNutrição Parenteral
Nutrição Parenteral
 
Planejamento dos cuidados de enfermagem
Planejamento dos cuidados de enfermagemPlanejamento dos cuidados de enfermagem
Planejamento dos cuidados de enfermagem
 
Mapa - Balanço hídrico e sinais vitais - UTI ADULTO
Mapa - Balanço hídrico e sinais vitais - UTI ADULTOMapa - Balanço hídrico e sinais vitais - UTI ADULTO
Mapa - Balanço hídrico e sinais vitais - UTI ADULTO
 
Aula nutrição enteral e parenteral
Aula nutrição enteral e parenteralAula nutrição enteral e parenteral
Aula nutrição enteral e parenteral
 
Hemodiálise
HemodiáliseHemodiálise
Hemodiálise
 
Hist rico uti
Hist rico utiHist rico uti
Hist rico uti
 
Ventilação Mecânica Básica
Ventilação Mecânica Básica Ventilação Mecânica Básica
Ventilação Mecânica Básica
 
Aula CCIH/CTI
Aula CCIH/CTIAula CCIH/CTI
Aula CCIH/CTI
 
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
Unidade de Terapia Intensiva (parte 1)
 
Abordagem inicial ao paciente grave
Abordagem inicial ao paciente graveAbordagem inicial ao paciente grave
Abordagem inicial ao paciente grave
 
Tipos de dietas
Tipos de dietasTipos de dietas
Tipos de dietas
 
Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE)
Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE)Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE)
Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE)
 
Curso UTI adulto
Curso UTI adulto Curso UTI adulto
Curso UTI adulto
 
Aula 7 cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modular
Aula 7  cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modularAula 7  cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modular
Aula 7 cuidados com alimentacao do utente - curso de enfermagem - modular
 
Monitorização do paciente na UTI
Monitorização do paciente na UTIMonitorização do paciente na UTI
Monitorização do paciente na UTI
 
Humanização em Unidade de Terapia Intensiva UTI Slides
Humanização em Unidade de Terapia Intensiva UTI SlidesHumanização em Unidade de Terapia Intensiva UTI Slides
Humanização em Unidade de Terapia Intensiva UTI Slides
 
Critérios de admissão em Unidade de Terapia Intensiva
Critérios de admissão em Unidade de Terapia IntensivaCritérios de admissão em Unidade de Terapia Intensiva
Critérios de admissão em Unidade de Terapia Intensiva
 
Uti
UtiUti
Uti
 

Destaque (8)

Morte encefálica ii
Morte encefálica iiMorte encefálica ii
Morte encefálica ii
 
Morte encefálica enfermagem farec
Morte encefálica   enfermagem farecMorte encefálica   enfermagem farec
Morte encefálica enfermagem farec
 
Morte cerebral
Morte cerebralMorte cerebral
Morte cerebral
 
MORTE E MORRER
MORTE E MORRERMORTE E MORRER
MORTE E MORRER
 
Morte Encefálica
Morte EncefálicaMorte Encefálica
Morte Encefálica
 
Aula doação de órgãos
Aula doação de órgãosAula doação de órgãos
Aula doação de órgãos
 
Doação de Órgãos entre Parentes - Deontologia
Doação de Órgãos entre Parentes - DeontologiaDoação de Órgãos entre Parentes - Deontologia
Doação de Órgãos entre Parentes - Deontologia
 
transplante de orgãos
transplante de orgãostransplante de orgãos
transplante de orgãos
 

Semelhante a Terapia Nutricional Em Uti Final

Suporte Nutricional No Paciente com Lesão Renal Aguda
Suporte Nutricional No Paciente com Lesão Renal AgudaSuporte Nutricional No Paciente com Lesão Renal Aguda
Suporte Nutricional No Paciente com Lesão Renal Aguda
Federal University of Bahia
 
Cuidados a ter na preparação da Nutrição Artificial (V Curso do GNA)
Cuidados a ter na preparação da Nutrição Artificial (V Curso do GNA)Cuidados a ter na preparação da Nutrição Artificial (V Curso do GNA)
Cuidados a ter na preparação da Nutrição Artificial (V Curso do GNA)
Abilio Cardoso Teixeira
 
Terapia nutricional no paciente criticamente enfermo
Terapia nutricional no paciente criticamente enfermoTerapia nutricional no paciente criticamente enfermo
Terapia nutricional no paciente criticamente enfermo
Larissa Goncalves
 
Nutricia Cares about Training: MALNUTRIÇÃO, crença ou realidade?
Nutricia Cares about Training: MALNUTRIÇÃO, crença ou realidade?Nutricia Cares about Training: MALNUTRIÇÃO, crença ou realidade?
Nutricia Cares about Training: MALNUTRIÇÃO, crença ou realidade?
Nutricia Portugal
 
2.avaliação nutricional e nutrição (no contexto cirúrgico) m27
2.avaliação nutricional e  nutrição (no contexto cirúrgico) m27 2.avaliação nutricional e  nutrição (no contexto cirúrgico) m27
2.avaliação nutricional e nutrição (no contexto cirúrgico) m27
Mickael Gomes
 
46 tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos
46   tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos46   tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos
46 tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos
ONCOcare
 

Semelhante a Terapia Nutricional Em Uti Final (20)

Suporte Nutricional No Paciente com Lesão Renal Aguda
Suporte Nutricional No Paciente com Lesão Renal AgudaSuporte Nutricional No Paciente com Lesão Renal Aguda
Suporte Nutricional No Paciente com Lesão Renal Aguda
 
Guia Paciente Critico
Guia Paciente CriticoGuia Paciente Critico
Guia Paciente Critico
 
Cuidados a ter na preparação da Nutrição Artificial (V Curso do GNA)
Cuidados a ter na preparação da Nutrição Artificial (V Curso do GNA)Cuidados a ter na preparação da Nutrição Artificial (V Curso do GNA)
Cuidados a ter na preparação da Nutrição Artificial (V Curso do GNA)
 
Pedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdf
Pedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdfPedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdf
Pedro Campos-Protocolo Nutricao Parenterica.pdf
 
Estado nutricional
Estado nutricionalEstado nutricional
Estado nutricional
 
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICADESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
DESNUTRIÇÃO PROTEICO CALORICA
 
Consenso Nacional de Nutrição Oncológica
Consenso Nacional de Nutrição OncológicaConsenso Nacional de Nutrição Oncológica
Consenso Nacional de Nutrição Oncológica
 
Terapia nutricional no paciente criticamente enfermo
Terapia nutricional no paciente criticamente enfermoTerapia nutricional no paciente criticamente enfermo
Terapia nutricional no paciente criticamente enfermo
 
Nutricao em cirurgia
Nutricao em cirurgiaNutricao em cirurgia
Nutricao em cirurgia
 
Nutricia Cares about Training: MALNUTRIÇÃO, crença ou realidade?
Nutricia Cares about Training: MALNUTRIÇÃO, crença ou realidade?Nutricia Cares about Training: MALNUTRIÇÃO, crença ou realidade?
Nutricia Cares about Training: MALNUTRIÇÃO, crença ou realidade?
 
2.avaliação nutricional e nutrição (no contexto cirúrgico) m27
2.avaliação nutricional e  nutrição (no contexto cirúrgico) m27 2.avaliação nutricional e  nutrição (no contexto cirúrgico) m27
2.avaliação nutricional e nutrição (no contexto cirúrgico) m27
 
Livro oncologia alta
Livro oncologia altaLivro oncologia alta
Livro oncologia alta
 
suplementacao nutricional.pdf
suplementacao nutricional.pdfsuplementacao nutricional.pdf
suplementacao nutricional.pdf
 
Insuficiência Cardíaca Congestiva - ICC
Insuficiência Cardíaca Congestiva - ICCInsuficiência Cardíaca Congestiva - ICC
Insuficiência Cardíaca Congestiva - ICC
 
pacientes
pacientespacientes
pacientes
 
46 tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos
46   tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos46   tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos
46 tratamento da caquexia no paciente em cuidados paliativos
 
Sindrome metabolica
Sindrome metabolicaSindrome metabolica
Sindrome metabolica
 
1. avaliação estado nutricional
1. avaliação estado nutricional1. avaliação estado nutricional
1. avaliação estado nutricional
 
Celiaco
CeliacoCeliaco
Celiaco
 
Terapeutica nutricional no peri operatório
Terapeutica nutricional no peri operatórioTerapeutica nutricional no peri operatório
Terapeutica nutricional no peri operatório
 

Mais de galegoo

Atualização Sindrome coronariana aguda
Atualização Sindrome coronariana aguda Atualização Sindrome coronariana aguda
Atualização Sindrome coronariana aguda
galegoo
 
Highlights 2010
Highlights 2010Highlights 2010
Highlights 2010
galegoo
 
Acute Kidney Injury
Acute Kidney InjuryAcute Kidney Injury
Acute Kidney Injury
galegoo
 

Mais de galegoo (20)

Manual Cardiologia Cardiopapers
Manual Cardiologia CardiopapersManual Cardiologia Cardiopapers
Manual Cardiologia Cardiopapers
 
Midia kit cardiopapers_2014
Midia kit cardiopapers_2014Midia kit cardiopapers_2014
Midia kit cardiopapers_2014
 
Atualização Sindrome coronariana aguda
Atualização Sindrome coronariana aguda Atualização Sindrome coronariana aguda
Atualização Sindrome coronariana aguda
 
Protocolo trombólise de avci
Protocolo trombólise de avciProtocolo trombólise de avci
Protocolo trombólise de avci
 
Protocolo Atendimento do AVC
Protocolo Atendimento do AVCProtocolo Atendimento do AVC
Protocolo Atendimento do AVC
 
Highlights 2010
Highlights 2010Highlights 2010
Highlights 2010
 
Iam pos cirurgia valvar incor 2009
Iam pos cirurgia valvar incor 2009Iam pos cirurgia valvar incor 2009
Iam pos cirurgia valvar incor 2009
 
1 to 2 duplo passo nodal
1 to 2 duplo passo nodal1 to 2 duplo passo nodal
1 to 2 duplo passo nodal
 
DistúRbios Do Sono No Idoso
DistúRbios Do Sono No IdosoDistúRbios Do Sono No Idoso
DistúRbios Do Sono No Idoso
 
Neurointensivismo
NeurointensivismoNeurointensivismo
Neurointensivismo
 
Cirrose E Suas ComplicaçõEs Aula Curso De Uti 2008
Cirrose E Suas ComplicaçõEs   Aula   Curso De Uti 2008Cirrose E Suas ComplicaçõEs   Aula   Curso De Uti 2008
Cirrose E Suas ComplicaçõEs Aula Curso De Uti 2008
 
Pancreatite Aguda Set 2008
Pancreatite Aguda Set 2008Pancreatite Aguda Set 2008
Pancreatite Aguda Set 2008
 
InsuficiêNcia CardíAca Descompensada
InsuficiêNcia CardíAca DescompensadaInsuficiêNcia CardíAca Descompensada
InsuficiêNcia CardíAca Descompensada
 
Aula Iam C Supra Fabio
Aula Iam C Supra FabioAula Iam C Supra Fabio
Aula Iam C Supra Fabio
 
Guia Para ApresentaçãO Oral
Guia Para ApresentaçãO OralGuia Para ApresentaçãO Oral
Guia Para ApresentaçãO Oral
 
Avc
AvcAvc
Avc
 
Conflitos éTicos Em Uti Colorido Com Marcadores Para CóPia
Conflitos éTicos Em Uti Colorido Com Marcadores Para CóPiaConflitos éTicos Em Uti Colorido Com Marcadores Para CóPia
Conflitos éTicos Em Uti Colorido Com Marcadores Para CóPia
 
Desmame Da VentilaçãO MecâNica
Desmame Da VentilaçãO MecâNicaDesmame Da VentilaçãO MecâNica
Desmame Da VentilaçãO MecâNica
 
Acute Kidney Injury
Acute Kidney InjuryAcute Kidney Injury
Acute Kidney Injury
 
Disturbio Acido Basico Andre Kayano
Disturbio Acido Basico Andre KayanoDisturbio Acido Basico Andre Kayano
Disturbio Acido Basico Andre Kayano
 

Último

relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
HELLEN CRISTINA
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
HELLEN CRISTINA
 
Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................
paulo222341
 
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
HELLEN CRISTINA
 

Último (7)

relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion  ais.pdfrelatorio ciencias morfofuncion  ais.pdf
relatorio ciencias morfofuncion ais.pdf
 
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdfCrianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
Crianças e Adolescentes em Psicoterapia A abordagem psicanalítica-1 (2).pdf
 
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUSHomens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
Homens Trans tem Caderneta de Pré-Natal especial / Programa Transgesta - SUS
 
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdfrelatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
relatorio de estagio de terapia ocupacional.pdf
 
Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................Treinamento NR 18.pdf .......................................
Treinamento NR 18.pdf .......................................
 
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino FelisbertoAltas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
Altas habilidades/superdotação. Adelino Felisberto
 
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdfRELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO I.pdf
 

Terapia Nutricional Em Uti Final