SlideShare uma empresa Scribd logo
Beringela 6ªs  Séries A,B,C,D.  POIE LEONICE PESQUISA REALIZADA COM OBJETIVO  CONHECER A IMPORTANCIA DOS LEGUMES e  EMEF PLINIO AYROSA / DRE  FÓ
Classificação científica Reino : Plantae Divisão : Magnoliophyta Classe : Magnoliopsida Ordem : Solanales Família : Solanaceae Género : Solanum Espécie : S. melongena Nome binomial Solanum melongena A  beringela  ou  berinjela  é o fruto da planta  Solanum melongena , uma  solanaceae  arbustiva, anual, originária da  Índia , considerada de fácil cultivo nos trópicos, e que pertence à mesma família do  pimentão  que em Portugal é chamado de  pimento , da  batata  e do  tomate . É sensível ao frio, a  geadas  e ao excesso de chuva na altura da floração. A época de plantio, no  hemisfério norte , é de Setembro a Fevereiro e, em regiões de clima quente, o ano todo. Beringela
História Segundo alguns historiadores, seu cultivo começou como  planta ornamental  na  Índia  há cerca de quatro mil anos tendo chegado à  Europa  no  século XIII  através dos  árabes  da  Península Ibérica , pois eram e são grandes apreciadores desse fruto. Tipos Existem vários tipos desse fruto que diferenciam-se pela sua cores as mais comuns são o vermelho escuro ou roxo, mas pode também ser branca, embora esta seja rara. De polpa macia e flexível, tem uma película lisa e lustrosa que a envolve. No mercado português as variedades mais comuns são a híbrida, grande e roxa, a híbrida super F-100, no tom vermelho escuro brilhante e a embu, de cor roxa avermelhada, todas com pedúnculo verde. A berinjela: os naturalistas recomendam o seu consumo para prevenir alguns males referentes ao fluxo sanguíneo
Uso medicinal       A berinjela: os naturalistas recomendam o seu consumo para prevenir alguns males referentes ao fluxo sanguíneo A eficácia da berinjela no tratamento de  hipercolesterolémia  e no controle do  colesterol  é controversa. Uma pesquisa realizada no  Instituto de Biociências  da  UNESP  de  Botucatu  -  São Paulo  teria mostrado que a berinjela pode reduzir até 30% as taxas do colesterol[ carece de fontes ?]. Um estudo clínico do Instituto do Coração de São Paulo não confirmou tais resultados; o trabalho publicado afirma que a berinjela não deve ser encarada como substituto de estatina. [2] . Ainda não se sabe qual o princípio ativo responsável pela redução das taxas de colesterol, mas os cientistas suspeitam de um alcalóide existente na berinjela. Por ser essa  fruta  rica em  proteínas ,  vitaminas  (A, B1, B2, B5, C),  minerais  (cálcio, fósforo, ferro, potássio, magnésio) e  alcalóides , que actuam diminuindo a pressão sanguínea, prevenindo a  arterosclerose , os naturalistas recomendam o seu consumo para prevenir alguns males referentes ao fluxo sanguíneo. Também é recomendada nos casos de  artrite , apresentando bons resultados na  gota  e no  reumatismo , bem como na  diabetes  e nas inflamações da pele em geral. É também muito digestiva, nutritiva e laxante, por esse motivo é indicada nos casos de desnutrição, indigestão e prisão de ventre. O consumo da berinjela está também indicado para problemas do  fígado  e do  estômago . DICA: Para efeito medicinal, também pode ser usada cortada em pedacinhos com casca e colocado em um vasilhame de água na geladeira e beber 200 ml 3 vezes ao dia (nos casos de crise: diabete alta, hipertensão) e para manutenção diminuir a dose. Não deve ser usada com frequência, para que não haja hipoglicemia ou outros problemas de saúde. Usar 15 dias e descansar uma semana e continuar se precisar após os exames. Não deve ser usado para perda de peso, pois se a pessoa não tiver nenhum desses problemas de saúde como diabetes, hipertensão e outros, pode ser danoso para a mesma, podendo causar, inclusive, baixa da hemoglobina, causando anemia. DICA: As melhores berinjelas são as de estrutura firme e cascas bem brilhantes. As opacas e amolecidas já estão velhas e perderam um pouco suas propriedades nutricionais.
Uso culinário Pode ser usada no preparo de pratos como o  cuscuz ,  suflê , torta, salada, recheada, entre outras várias formas na cozinha. Também é muito boa para fazer  lasanha . Curiosidades   Este artigo ou secção não  cita  nenhuma  fonte ou referência Ajude a melhorar este artigo providenciando  fontes fiáveis  e independentes, inserindo-as no corpo do texto ou em  notas de rodapé . Com a berinjela é possível fazer tortas de sabor agradável. É vendida em pó como legume medicinal.  Cozida, frita, assada ou grelhada, a berinjela combina bem com  pimento ,  tomate ,  cebolas  e  azeitonas , tornando-se um ótimo acompanhamento para carnes grelhadas e assadas. Também se podem fazer gostosas porções com vinagre com sabor característico.  Se guardada dentro do  frigorífico , num saco  plástico , dura de uma a duas semanas.  Para retirar o gosto amargo que a caracteriza, corte-a ao meio, esfregue com  sal  e escorra, ou deixe-a aberta coberta com água e sal,  limão  ou  vinagre , durante, pelos menos, 15 minutos. Escorra em seguida e seque com papel absorvente.  Uma boa maneira de aproveitar todas as suas propriedades sem sentir o sabor amargo do fruto é cortá-lo em cubos e misturá-la ainda cru ao alimento, no momento da refeição.
Brócolos   Classificação científica Reino : Plantae Divisão : Magnoliophyta Classe : Magnoliopsida Ordem : Brassicales Família : Brassicel Género : Brassica Espécie : B. oleracea Cultivar Brassica oleracea , grupo Italica Os  brócolis  ( português brasileiro ) ou  brócolos  ( português europeu ), também chamados de  brocos  (do  italiano   broccolo , no plural  broccoli ) são  vegetais  da família  Brassicaceae  ( crucíferas ), uma das formas cultivadas de  couve ,  Brassica oleracea , tal como a  couve-flor , o  repolho ,  couve de bruxelas ,  couve-nabo  entre outros. As folhas, as flores e os pedúnculos florais são comestíveis. Originário da Europa, o brócolis também têm seu uso na medicina, graças ao seu elevado teor de cálcio que é - dependendo da variedade e da forma de preparo do brócolis - em média 47 mg por cada 100 gramas de flores e 51 miligramas em cada 100 gramas de folhas, o que representa cerca de cinco vezes a dose existente no  leite . Por isso, esse vegetal é um bom construtor e formador dos  ossos  e dos  dentes . De acordo com pesquisas publicadas recentemente, os brócolos e o repolho ajudam a evitar o câncer de próstata se consumirmos pelo menos três porções diárias desses vegetais, assim como podem reduzir até metade o risco de câncer de próstata.  Brócolos
SUCO DE BETERRABA PODE AUMENTAR RESISTÊNCIA A EXERCÍCIOS    Segundo estudo recente da Universidade de Exeter, no Reino Unido, o  suco de beterraba pode aumentar a resistência e ajudar as pessoas a  se exercitarem por 16% mais tempo.  Publicado no Journal of Applied Physiology, o estudo é o primeiro a  mostrar como o nitrato contido na bebida leva à redução no consumo  de oxigênio – em uma extensão que não pode ser alcançada por nenhum outro meio conhecido – fazendo com que o exercício seja menos cansativo.  De acordo com os autores, os resultados podem ser de interesse não só de  atletas de resistência, mas também de idosos e de pessoas com doenças  cardiovasculares, respiratórias ou metabólicas.  O estudo avaliou oito homens com idades entre 19 e 38 anos, os quais ingeriram 500 ml diários de suco de beterraba orgânica durante seis dias seguidos, antes de completar uma série de testes de ciclismo. Em outra ocasião, eles ingeriram um placebo de suco concentrado de cassis pelo mesmo período e tiveram de realizar a mesma rotina de exercícios.  Após beber o suco de beterraba, o grupo conseguiu pedalar uma média de 11,25 minutos, 92 segundos a mais do que quando tomaram o placebo. Isso representa uma redução de aproximadamente 2% no tempo levado para percorrer uma determinada distância. A ingestão do suco de beterraba também fez com que o g   rupo apresentasse pressão arterial mais baixa durante o período de repouso. Os pesquisadores ainda não tem certeza dos mecanismos exatos que fazem com que o nitrato do suco aumente a resistência. Mas eles acreditam que isso pode ser um resultado da transformação do nitrato em óxido nítrico no corpo, reduzindo o consumo de oxigênio no exercício. Os especialistas destacam que mais estudos devem ser feitos para entender melhor esses efeitos.   Fonte:  University  of  Exeter   Outras Fontes: http://www.vitaminasecia.hpg.ig.com.br/beterrabaorientacao.htm http://www2.petrobras.com.br/meio_ambiente/portugues/posters/posters/verduras/beterraba.htm saiba mais  http://www.infoescola.com/plantas/beterraba/
Seguem com outros legumes e frutos
http://planetavegetariano.blogspot.com/2010/06/legumes-frutos-e-vegetais-e-suas.html Visitem também este blog Planeta vegetariano    Mousse  de limão     Ingredientes: 1 lata de leite condensado de soja (SoyMilk) 1 caixinha de creme de soja 1/2 xícara de açúcar 300 a 500 gramas de tofu (quantidade que desejar) 1/2 copo de suco de limão (se preferir mais azedo, coloque mais) raspas de limão Preparo: Bata tudo no liquidificador, coloque em uma travessa ou taças, acrescente as raspas de limão e sirva bem gelado.
Molhos para Salada  Ingredientes 150 ml da tahine (pasta de gergelim) 150 ml de água 80 ml de suco de limão 2 dentes de alho 1/2 colher (sobremesa) de sal Preparo Ponha todos os ingredientes no liquidificador e bata até formar um creme.  Se o molho ainda estiver grosso demais, acrescente um pouco de água.  O molho deve estar cremoso mas não líquido. Molho de Ervas Ingredientes 1 caixinha de creme de soja 2 colheres (sopa) de azeite extra-virgem 1 copo de salsinha 2 colheres (sopa) de manjericão 1 colher (sopa) cebolinha Sal e pimenta a gosto Tabasco a gosto Preparo Ponha todos os ingredientes no liquidificador e triture bem,  até que não fique mais pedaços de folhas. Vinagrete de Mostarda Ingredientes 1 colher (sopa) de mostarda  1 1/2 colher (sopa) de vinagre de vinho tinto 1 colher (sopa) de suco de limão 3/4 de copo de azeite de oliva extra-virgem Sal e pimenta do reino moída na hora, a gosto Preparo Misture numa vasilha a mostarda, o vinagre, o suco de limão, e o sal. Com um garfo, adicione o azeite aos poucos, quase no gota a gota, batendo sem parar para criar um molho bem cremoso. Vai demorar um pouquinho mas não deixe de ir pingando o azeite e batendo sem parar, para criar uma emulsão. Dica  - Os molhos podem ser conservados em geladeira, em recipiente fechado, por vários dias. Fonte: Adaptada de  Simplesmente Delícia Poderá também gostar de:  Salada de feijão branco ou grão-de-bico (vegana)  Falafel de Lentilhas (vegana)  Salada quente de feijão-fradinho (vegana)  Esfiha (Vegana)  LinkWithin   Os nossos leitores gostaram igualmente de  Emagreça! (uma série de dicas e dietas vegetarianas sobre como perder peso com saúde)   Frases Famosas:   Planeta Vegetariano: Cálcio na dieta  vegana   Inseto no meu lanche? Onde? | Marcadores:  Receitas    
Como  aproveitar talos e cascas Doce da casca da melancia Tire a parte vermelha e a verde ,corte a parte branca, como gostar,em cubos ou tirinhas, Faça uma calda de açúcar com cravos da índia, canela se gostar,e suco da melancia. Cozinhe até que fique bem macia. Sirva gelado
Doce da casca de maracujá Retire a poupa e bata ligeiramente passe pela peneira. Numa panela,coloque para cada litro de água 1 copo de suco de maracujá,cravo e canela a gosto ,cozinhe as casas até ficarem macias,acrescente  o açúcar e ¹/2 kg de açúcar para cada litro de água, cozinhe até ficar do seu gosto, como geléia ou em pedaços
Farofa com cascas de banana Coloque numa frigideira margarina,e refogue as cascas de banana nanica até ficarem macias , junte talos de couve refogado ,lingüiça refogada , beico, junte farinha de mandioca e de milho como gostar. Milk shake com casca de banana Cozinhe as cascas com água , quando estiverem macias,junte a uma calda caramelada ,açúcar e canela, bata no liquidificador com leite http://fitosaude.blogspot.com/2010/04/banana.html
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Vitaminas  Vitamina A   Vitamina A   Vitamina  B1   Vitamina  B2   Vitamina  B3   Vitamina  B5   Vitamina  B6   Vitamina  B9   Vitamina C   Vitamina E

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Reino Plantae Power Point
Reino Plantae Power PointReino Plantae Power Point
Reino Plantae Power Point
infoeducp2
 
Apostila reprodução bovina final
Apostila reprodução bovina finalApostila reprodução bovina final
Apostila reprodução bovina final
Portal Canal Rural
 
Aula tecidos vegetais
Aula tecidos vegetaisAula tecidos vegetais
Aula tecidos vegetais
Ronaldo Professorr
 
Cana de-açucar
Cana de-açucarCana de-açucar
Cana de-açucar
Philipe Assunção
 
Genética
GenéticaGenética
Genética
thiagorirocha
 
Divisão celular mitose e meiose
Divisão celular  mitose e meioseDivisão celular  mitose e meiose
Divisão celular mitose e meiose
César Milani
 
Splicing Alternativo
Splicing AlternativoSplicing Alternativo
Splicing Alternativo
BIOGERALDO
 
Cultura da Mandioca.pptx
Cultura da Mandioca.pptxCultura da Mandioca.pptx
Cultura da Mandioca.pptx
ValderlandiaOliveira1
 
Leguminosas nativas: o uso da biodiversidade do Cerrado na produção pecuária
Leguminosas nativas: o uso da biodiversidade do Cerrado na produção pecuáriaLeguminosas nativas: o uso da biodiversidade do Cerrado na produção pecuária
Leguminosas nativas: o uso da biodiversidade do Cerrado na produção pecuária
Daniel Staciarini Corrêa
 
Genética quantitativa 2010 2v1
Genética quantitativa 2010 2v1Genética quantitativa 2010 2v1
Genética quantitativa 2010 2v1
UERGS
 
Apostila fruticultura
Apostila fruticulturaApostila fruticultura
Apostila fruticultura
Rogger Wins
 
Bactérias simples
Bactérias simplesBactérias simples
Bactérias simples
Marcos Santos
 
Nutricao Animal
Nutricao AnimalNutricao Animal
A cultura da manga
A cultura da mangaA cultura da manga
A cultura da manga
Nevio Carlos de Alarcão
 
Citocininas
CitocininasCitocininas
Citocininas
Joseanny Pereira
 
Suínocultura
SuínoculturaSuínocultura
Suínocultura
Med. Veterinária 2011
 
Reprodução assexuada
Reprodução assexuadaReprodução assexuada
Reprodução assexuada
DiasPereira2001
 
Metabolismo energético
Metabolismo energéticoMetabolismo energético
Metabolismo energético
Carla Nascimento
 
Resistência de plantas a insetos
Resistência de plantas a insetosResistência de plantas a insetos
Resistência de plantas a insetos
Adriana Fachim
 
Caracteres qualitativos e quantitativos
Caracteres qualitativos e quantitativosCaracteres qualitativos e quantitativos
Caracteres qualitativos e quantitativos
Vanessa Holanda
 

Mais procurados (20)

Reino Plantae Power Point
Reino Plantae Power PointReino Plantae Power Point
Reino Plantae Power Point
 
Apostila reprodução bovina final
Apostila reprodução bovina finalApostila reprodução bovina final
Apostila reprodução bovina final
 
Aula tecidos vegetais
Aula tecidos vegetaisAula tecidos vegetais
Aula tecidos vegetais
 
Cana de-açucar
Cana de-açucarCana de-açucar
Cana de-açucar
 
Genética
GenéticaGenética
Genética
 
Divisão celular mitose e meiose
Divisão celular  mitose e meioseDivisão celular  mitose e meiose
Divisão celular mitose e meiose
 
Splicing Alternativo
Splicing AlternativoSplicing Alternativo
Splicing Alternativo
 
Cultura da Mandioca.pptx
Cultura da Mandioca.pptxCultura da Mandioca.pptx
Cultura da Mandioca.pptx
 
Leguminosas nativas: o uso da biodiversidade do Cerrado na produção pecuária
Leguminosas nativas: o uso da biodiversidade do Cerrado na produção pecuáriaLeguminosas nativas: o uso da biodiversidade do Cerrado na produção pecuária
Leguminosas nativas: o uso da biodiversidade do Cerrado na produção pecuária
 
Genética quantitativa 2010 2v1
Genética quantitativa 2010 2v1Genética quantitativa 2010 2v1
Genética quantitativa 2010 2v1
 
Apostila fruticultura
Apostila fruticulturaApostila fruticultura
Apostila fruticultura
 
Bactérias simples
Bactérias simplesBactérias simples
Bactérias simples
 
Nutricao Animal
Nutricao AnimalNutricao Animal
Nutricao Animal
 
A cultura da manga
A cultura da mangaA cultura da manga
A cultura da manga
 
Citocininas
CitocininasCitocininas
Citocininas
 
Suínocultura
SuínoculturaSuínocultura
Suínocultura
 
Reprodução assexuada
Reprodução assexuadaReprodução assexuada
Reprodução assexuada
 
Metabolismo energético
Metabolismo energéticoMetabolismo energético
Metabolismo energético
 
Resistência de plantas a insetos
Resistência de plantas a insetosResistência de plantas a insetos
Resistência de plantas a insetos
 
Caracteres qualitativos e quantitativos
Caracteres qualitativos e quantitativosCaracteres qualitativos e quantitativos
Caracteres qualitativos e quantitativos
 

Destaque

Abracoterapiareuniao
AbracoterapiareuniaoAbracoterapiareuniao
Abracoterapiareuniao
edublogntem
 
Curso de gl
Curso de glCurso de gl
Curso de gl
jdeacosta2010
 
Aula 5
Aula 5Aula 5
Aula 5
gsbq
 
Conscientização da Coleta Seletiva
Conscientização da Coleta SeletivaConscientização da Coleta Seletiva
Conscientização da Coleta Seletiva
ayanne9945
 
Contaminacion auditiva
Contaminacion auditivaContaminacion auditiva
Contaminacion auditiva
Dayna Torres Sanchez
 
Como utilizar power point
Como utilizar power pointComo utilizar power point
Como utilizar power point
Analia Diez
 
Oateu
OateuOateu
Oateu
jeane
 
III Encontro de Portos da CPLP – Vieira dos Santos – Comunidade Portuária do ...
III Encontro de Portos da CPLP – Vieira dos Santos – Comunidade Portuária do ...III Encontro de Portos da CPLP – Vieira dos Santos – Comunidade Portuária do ...
III Encontro de Portos da CPLP – Vieira dos Santos – Comunidade Portuária do ...
Portos de Portugal
 
Ser pai
 Ser pai Ser pai
composicion tipografica
composicion tipograficacomposicion tipografica
composicion tipografica
danielperz
 
Hair accessories australia
Hair accessories australiaHair accessories australia
Hair accessories australia
cassidyjazmine
 
Aula 7
Aula 7Aula 7
Aula 7
gsbq
 
El Chollo de ser político en España
El Chollo de ser político en EspañaEl Chollo de ser político en España
El Chollo de ser político en España
Pere Pérez
 
Marketing 1to1
Marketing 1to1Marketing 1to1
Marketing 1to1
CompanyWeb
 

Destaque (20)

Abracoterapiareuniao
AbracoterapiareuniaoAbracoterapiareuniao
Abracoterapiareuniao
 
Deber n9
Deber n9Deber n9
Deber n9
 
Curso de gl
Curso de glCurso de gl
Curso de gl
 
Aula 5
Aula 5Aula 5
Aula 5
 
Conscientização da Coleta Seletiva
Conscientização da Coleta SeletivaConscientização da Coleta Seletiva
Conscientização da Coleta Seletiva
 
Deber n1
Deber n1Deber n1
Deber n1
 
Querido maestro!!
Querido maestro!!Querido maestro!!
Querido maestro!!
 
Contaminacion auditiva
Contaminacion auditivaContaminacion auditiva
Contaminacion auditiva
 
Como utilizar power point
Como utilizar power pointComo utilizar power point
Como utilizar power point
 
Oateu
OateuOateu
Oateu
 
III Encontro de Portos da CPLP – Vieira dos Santos – Comunidade Portuária do ...
III Encontro de Portos da CPLP – Vieira dos Santos – Comunidade Portuária do ...III Encontro de Portos da CPLP – Vieira dos Santos – Comunidade Portuária do ...
III Encontro de Portos da CPLP – Vieira dos Santos – Comunidade Portuária do ...
 
Ser pai
 Ser pai Ser pai
Ser pai
 
Deber n2
Deber n2Deber n2
Deber n2
 
Bfma
BfmaBfma
Bfma
 
1.MBChB
1.MBChB1.MBChB
1.MBChB
 
composicion tipografica
composicion tipograficacomposicion tipografica
composicion tipografica
 
Hair accessories australia
Hair accessories australiaHair accessories australia
Hair accessories australia
 
Aula 7
Aula 7Aula 7
Aula 7
 
El Chollo de ser político en España
El Chollo de ser político en EspañaEl Chollo de ser político en España
El Chollo de ser político en España
 
Marketing 1to1
Marketing 1to1Marketing 1to1
Marketing 1to1
 

Semelhante a Pesquisas beringela

Suco Do Animo
Suco Do AnimoSuco Do Animo
Suco Do Animo
MaisVitamina
 
Baixar o Colesterol
Baixar o ColesterolBaixar o Colesterol
Baixar o Colesterol
BiaEsteves
 
Livro De Receitas Sucos 2
Livro De Receitas Sucos 2Livro De Receitas Sucos 2
Livro De Receitas Sucos 2
Medusa Fabula
 
Alimentos Funcionais - Equipe de Nutrição do Externato Santo Antonio
Alimentos Funcionais - Equipe de Nutrição do Externato Santo AntonioAlimentos Funcionais - Equipe de Nutrição do Externato Santo Antonio
Alimentos Funcionais - Equipe de Nutrição do Externato Santo Antonio
Externato Santo Antonio
 
Orientacao uso suco frutas
Orientacao uso suco frutasOrientacao uso suco frutas
Orientacao uso suco frutas
Heraldo Gouveia
 
Receitas Banana Verde
Receitas  Banana  VerdeReceitas  Banana  Verde
Receitas Banana Verde
frutadiferente
 
Receitas Banana Verde
Receitas Banana VerdeReceitas Banana Verde
Receitas Banana Verde
frutadiferente
 
Especiarias para uma alimentação saudável
Especiarias para uma alimentação saudávelEspeciarias para uma alimentação saudável
Especiarias para uma alimentação saudável
Teresa Batista
 
Receitas De Sucos Para Emagrecer
Receitas De Sucos Para EmagrecerReceitas De Sucos Para Emagrecer
Receitas De Sucos Para Emagrecer
Culinaria Fabula
 
Trabalho Ciências
Trabalho CiênciasTrabalho Ciências
Trabalho Ciências
Estela Mittelstadt
 
-Lista de plantas medicinais - nordeste
 -Lista de plantas medicinais - nordeste -Lista de plantas medicinais - nordeste
-Lista de plantas medicinais - nordeste
internet
 
Centenarios
CentenariosCentenarios
Centenarios
Aftto
 
28911780 a-cura-saude-alimentos-volume-02
28911780 a-cura-saude-alimentos-volume-0228911780 a-cura-saude-alimentos-volume-02
28911780 a-cura-saude-alimentos-volume-02
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
Sucos SaúDe E Sabor
Sucos SaúDe E SaborSucos SaúDe E Sabor
Sucos SaúDe E Sabor
frutadiferente
 
Receitias detox
Receitias detoxReceitias detox
Receitias detox
jesualalvesdossantos
 
Sopa de agrião que seca
Sopa de agrião que secaSopa de agrião que seca
Sopa de agrião que seca
Jackeline Guimaraes
 
Tabela de alimentos funcionais
Tabela de alimentos funcionaisTabela de alimentos funcionais
Tabela de alimentos funcionais
Misael Rabelo de Martins Custódio
 
Ervas e plantas aromáticas
Ervas e plantas aromáticasErvas e plantas aromáticas
Ervas e plantas aromáticas
ebsdlavitor
 
Alimentos que curam
Alimentos que curamAlimentos que curam
Alimentos que curam
Omnes Angeli
 
A L I M E N T O S Q U E C U R A M
A L I M E N T O S  Q U E  C U R A MA L I M E N T O S  Q U E  C U R A M
A L I M E N T O S Q U E C U R A M
guestf6d6bb
 

Semelhante a Pesquisas beringela (20)

Suco Do Animo
Suco Do AnimoSuco Do Animo
Suco Do Animo
 
Baixar o Colesterol
Baixar o ColesterolBaixar o Colesterol
Baixar o Colesterol
 
Livro De Receitas Sucos 2
Livro De Receitas Sucos 2Livro De Receitas Sucos 2
Livro De Receitas Sucos 2
 
Alimentos Funcionais - Equipe de Nutrição do Externato Santo Antonio
Alimentos Funcionais - Equipe de Nutrição do Externato Santo AntonioAlimentos Funcionais - Equipe de Nutrição do Externato Santo Antonio
Alimentos Funcionais - Equipe de Nutrição do Externato Santo Antonio
 
Orientacao uso suco frutas
Orientacao uso suco frutasOrientacao uso suco frutas
Orientacao uso suco frutas
 
Receitas Banana Verde
Receitas  Banana  VerdeReceitas  Banana  Verde
Receitas Banana Verde
 
Receitas Banana Verde
Receitas Banana VerdeReceitas Banana Verde
Receitas Banana Verde
 
Especiarias para uma alimentação saudável
Especiarias para uma alimentação saudávelEspeciarias para uma alimentação saudável
Especiarias para uma alimentação saudável
 
Receitas De Sucos Para Emagrecer
Receitas De Sucos Para EmagrecerReceitas De Sucos Para Emagrecer
Receitas De Sucos Para Emagrecer
 
Trabalho Ciências
Trabalho CiênciasTrabalho Ciências
Trabalho Ciências
 
-Lista de plantas medicinais - nordeste
 -Lista de plantas medicinais - nordeste -Lista de plantas medicinais - nordeste
-Lista de plantas medicinais - nordeste
 
Centenarios
CentenariosCentenarios
Centenarios
 
28911780 a-cura-saude-alimentos-volume-02
28911780 a-cura-saude-alimentos-volume-0228911780 a-cura-saude-alimentos-volume-02
28911780 a-cura-saude-alimentos-volume-02
 
Sucos SaúDe E Sabor
Sucos SaúDe E SaborSucos SaúDe E Sabor
Sucos SaúDe E Sabor
 
Receitias detox
Receitias detoxReceitias detox
Receitias detox
 
Sopa de agrião que seca
Sopa de agrião que secaSopa de agrião que seca
Sopa de agrião que seca
 
Tabela de alimentos funcionais
Tabela de alimentos funcionaisTabela de alimentos funcionais
Tabela de alimentos funcionais
 
Ervas e plantas aromáticas
Ervas e plantas aromáticasErvas e plantas aromáticas
Ervas e plantas aromáticas
 
Alimentos que curam
Alimentos que curamAlimentos que curam
Alimentos que curam
 
A L I M E N T O S Q U E C U R A M
A L I M E N T O S  Q U E  C U R A MA L I M E N T O S  Q U E  C U R A M
A L I M E N T O S Q U E C U R A M
 

Mais de leoaguiar46

Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
leoaguiar46
 
Boas maneiras 7ª series
Boas maneiras  7ª  seriesBoas maneiras  7ª  series
Boas maneiras 7ª series
leoaguiar46
 
Pesquisas beringela,....etc
Pesquisas beringela,....etcPesquisas beringela,....etc
Pesquisas beringela,....etc
leoaguiar46
 
Terremoto no haiti
Terremoto no haiti Terremoto no haiti
Terremoto no haiti
leoaguiar46
 
Gravidez na adolescencia gabi e bia
Gravidez na adolescencia   gabi e biaGravidez na adolescencia   gabi e bia
Gravidez na adolescencia gabi e bia
leoaguiar46
 
Trabalho de informatica gravides
Trabalho de informatica gravidesTrabalho de informatica gravides
Trabalho de informatica gravides
leoaguiar46
 
Hist em quadrinhos qualidade de vida
Hist em quadrinhos qualidade de vidaHist em quadrinhos qualidade de vida
Hist em quadrinhos qualidade de vida
leoaguiar46
 
Receitas suplencia na inclusão digital prof.j.carlos
Receitas  suplencia na inclusão digital                    prof.j.carlosReceitas  suplencia na inclusão digital                    prof.j.carlos
Receitas suplencia na inclusão digital prof.j.carlos
leoaguiar46
 
QUALIDADE DE VIDA ENTREVISTA EM INGLES
QUALIDADE DE VIDA  ENTREVISTA EM INGLESQUALIDADE DE VIDA  ENTREVISTA EM INGLES
QUALIDADE DE VIDA ENTREVISTA EM INGLES
leoaguiar46
 
Aconteceu comigo
Aconteceu comigoAconteceu comigo
Aconteceu comigo
leoaguiar46
 
Suplencia mª cristina
Suplencia  mª cristinaSuplencia  mª cristina
Suplencia mª cristina
leoaguiar46
 
Fontes de Energia parte 2
Fontes de Energia parte 2Fontes de Energia parte 2
Fontes de Energia parte 2
leoaguiar46
 
Fontes de Energia
Fontes de EnergiaFontes de Energia
Fontes de Energia
leoaguiar46
 
Retratos da leitura no brasil 2003
Retratos da leitura no brasil 2003Retratos da leitura no brasil 2003
Retratos da leitura no brasil 2003
leoaguiar46
 
Passarinhos e a gripe suina
Passarinhos e a gripe suinaPassarinhos e a gripe suina
Passarinhos e a gripe suina
leoaguiar46
 

Mais de leoaguiar46 (15)

Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Boas maneiras 7ª series
Boas maneiras  7ª  seriesBoas maneiras  7ª  series
Boas maneiras 7ª series
 
Pesquisas beringela,....etc
Pesquisas beringela,....etcPesquisas beringela,....etc
Pesquisas beringela,....etc
 
Terremoto no haiti
Terremoto no haiti Terremoto no haiti
Terremoto no haiti
 
Gravidez na adolescencia gabi e bia
Gravidez na adolescencia   gabi e biaGravidez na adolescencia   gabi e bia
Gravidez na adolescencia gabi e bia
 
Trabalho de informatica gravides
Trabalho de informatica gravidesTrabalho de informatica gravides
Trabalho de informatica gravides
 
Hist em quadrinhos qualidade de vida
Hist em quadrinhos qualidade de vidaHist em quadrinhos qualidade de vida
Hist em quadrinhos qualidade de vida
 
Receitas suplencia na inclusão digital prof.j.carlos
Receitas  suplencia na inclusão digital                    prof.j.carlosReceitas  suplencia na inclusão digital                    prof.j.carlos
Receitas suplencia na inclusão digital prof.j.carlos
 
QUALIDADE DE VIDA ENTREVISTA EM INGLES
QUALIDADE DE VIDA  ENTREVISTA EM INGLESQUALIDADE DE VIDA  ENTREVISTA EM INGLES
QUALIDADE DE VIDA ENTREVISTA EM INGLES
 
Aconteceu comigo
Aconteceu comigoAconteceu comigo
Aconteceu comigo
 
Suplencia mª cristina
Suplencia  mª cristinaSuplencia  mª cristina
Suplencia mª cristina
 
Fontes de Energia parte 2
Fontes de Energia parte 2Fontes de Energia parte 2
Fontes de Energia parte 2
 
Fontes de Energia
Fontes de EnergiaFontes de Energia
Fontes de Energia
 
Retratos da leitura no brasil 2003
Retratos da leitura no brasil 2003Retratos da leitura no brasil 2003
Retratos da leitura no brasil 2003
 
Passarinhos e a gripe suina
Passarinhos e a gripe suinaPassarinhos e a gripe suina
Passarinhos e a gripe suina
 

Último

Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
ElinarioCosta
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
SidneySilva523387
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
MARCELARUBIAGAVA
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Maurício Bratz
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Demetrio Ccesa Rayme
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
KarollayneRodriguesV1
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Nertan Dias
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdfCopia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
davidreyes364666
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
JakiraCosta
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 

Último (20)

Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
 
Atividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docxAtividade Bio evolução e especiação .docx
Atividade Bio evolução e especiação .docx
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdfCopia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
Copia de cartilla de portugués 1 2024.pdf
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
 
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 

Pesquisas beringela

  • 1. Beringela 6ªs Séries A,B,C,D. POIE LEONICE PESQUISA REALIZADA COM OBJETIVO CONHECER A IMPORTANCIA DOS LEGUMES e EMEF PLINIO AYROSA / DRE FÓ
  • 2. Classificação científica Reino : Plantae Divisão : Magnoliophyta Classe : Magnoliopsida Ordem : Solanales Família : Solanaceae Género : Solanum Espécie : S. melongena Nome binomial Solanum melongena A beringela ou berinjela é o fruto da planta Solanum melongena , uma solanaceae arbustiva, anual, originária da Índia , considerada de fácil cultivo nos trópicos, e que pertence à mesma família do pimentão que em Portugal é chamado de pimento , da batata e do tomate . É sensível ao frio, a geadas e ao excesso de chuva na altura da floração. A época de plantio, no hemisfério norte , é de Setembro a Fevereiro e, em regiões de clima quente, o ano todo. Beringela
  • 3. História Segundo alguns historiadores, seu cultivo começou como planta ornamental na Índia há cerca de quatro mil anos tendo chegado à Europa no século XIII através dos árabes da Península Ibérica , pois eram e são grandes apreciadores desse fruto. Tipos Existem vários tipos desse fruto que diferenciam-se pela sua cores as mais comuns são o vermelho escuro ou roxo, mas pode também ser branca, embora esta seja rara. De polpa macia e flexível, tem uma película lisa e lustrosa que a envolve. No mercado português as variedades mais comuns são a híbrida, grande e roxa, a híbrida super F-100, no tom vermelho escuro brilhante e a embu, de cor roxa avermelhada, todas com pedúnculo verde. A berinjela: os naturalistas recomendam o seu consumo para prevenir alguns males referentes ao fluxo sanguíneo
  • 4. Uso medicinal A berinjela: os naturalistas recomendam o seu consumo para prevenir alguns males referentes ao fluxo sanguíneo A eficácia da berinjela no tratamento de hipercolesterolémia e no controle do colesterol é controversa. Uma pesquisa realizada no Instituto de Biociências da UNESP de Botucatu - São Paulo teria mostrado que a berinjela pode reduzir até 30% as taxas do colesterol[ carece de fontes ?]. Um estudo clínico do Instituto do Coração de São Paulo não confirmou tais resultados; o trabalho publicado afirma que a berinjela não deve ser encarada como substituto de estatina. [2] . Ainda não se sabe qual o princípio ativo responsável pela redução das taxas de colesterol, mas os cientistas suspeitam de um alcalóide existente na berinjela. Por ser essa fruta rica em proteínas , vitaminas (A, B1, B2, B5, C), minerais (cálcio, fósforo, ferro, potássio, magnésio) e alcalóides , que actuam diminuindo a pressão sanguínea, prevenindo a arterosclerose , os naturalistas recomendam o seu consumo para prevenir alguns males referentes ao fluxo sanguíneo. Também é recomendada nos casos de artrite , apresentando bons resultados na gota e no reumatismo , bem como na diabetes e nas inflamações da pele em geral. É também muito digestiva, nutritiva e laxante, por esse motivo é indicada nos casos de desnutrição, indigestão e prisão de ventre. O consumo da berinjela está também indicado para problemas do fígado e do estômago . DICA: Para efeito medicinal, também pode ser usada cortada em pedacinhos com casca e colocado em um vasilhame de água na geladeira e beber 200 ml 3 vezes ao dia (nos casos de crise: diabete alta, hipertensão) e para manutenção diminuir a dose. Não deve ser usada com frequência, para que não haja hipoglicemia ou outros problemas de saúde. Usar 15 dias e descansar uma semana e continuar se precisar após os exames. Não deve ser usado para perda de peso, pois se a pessoa não tiver nenhum desses problemas de saúde como diabetes, hipertensão e outros, pode ser danoso para a mesma, podendo causar, inclusive, baixa da hemoglobina, causando anemia. DICA: As melhores berinjelas são as de estrutura firme e cascas bem brilhantes. As opacas e amolecidas já estão velhas e perderam um pouco suas propriedades nutricionais.
  • 5. Uso culinário Pode ser usada no preparo de pratos como o cuscuz , suflê , torta, salada, recheada, entre outras várias formas na cozinha. Também é muito boa para fazer lasanha . Curiosidades Este artigo ou secção não cita nenhuma fonte ou referência Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto ou em notas de rodapé . Com a berinjela é possível fazer tortas de sabor agradável. É vendida em pó como legume medicinal. Cozida, frita, assada ou grelhada, a berinjela combina bem com pimento , tomate , cebolas e azeitonas , tornando-se um ótimo acompanhamento para carnes grelhadas e assadas. Também se podem fazer gostosas porções com vinagre com sabor característico. Se guardada dentro do frigorífico , num saco plástico , dura de uma a duas semanas. Para retirar o gosto amargo que a caracteriza, corte-a ao meio, esfregue com sal e escorra, ou deixe-a aberta coberta com água e sal, limão ou vinagre , durante, pelos menos, 15 minutos. Escorra em seguida e seque com papel absorvente. Uma boa maneira de aproveitar todas as suas propriedades sem sentir o sabor amargo do fruto é cortá-lo em cubos e misturá-la ainda cru ao alimento, no momento da refeição.
  • 6. Brócolos Classificação científica Reino : Plantae Divisão : Magnoliophyta Classe : Magnoliopsida Ordem : Brassicales Família : Brassicel Género : Brassica Espécie : B. oleracea Cultivar Brassica oleracea , grupo Italica Os brócolis ( português brasileiro ) ou brócolos ( português europeu ), também chamados de brocos (do italiano broccolo , no plural broccoli ) são vegetais da família Brassicaceae ( crucíferas ), uma das formas cultivadas de couve , Brassica oleracea , tal como a couve-flor , o repolho , couve de bruxelas , couve-nabo entre outros. As folhas, as flores e os pedúnculos florais são comestíveis. Originário da Europa, o brócolis também têm seu uso na medicina, graças ao seu elevado teor de cálcio que é - dependendo da variedade e da forma de preparo do brócolis - em média 47 mg por cada 100 gramas de flores e 51 miligramas em cada 100 gramas de folhas, o que representa cerca de cinco vezes a dose existente no leite . Por isso, esse vegetal é um bom construtor e formador dos ossos e dos dentes . De acordo com pesquisas publicadas recentemente, os brócolos e o repolho ajudam a evitar o câncer de próstata se consumirmos pelo menos três porções diárias desses vegetais, assim como podem reduzir até metade o risco de câncer de próstata. Brócolos
  • 7. SUCO DE BETERRABA PODE AUMENTAR RESISTÊNCIA A EXERCÍCIOS Segundo estudo recente da Universidade de Exeter, no Reino Unido, o suco de beterraba pode aumentar a resistência e ajudar as pessoas a se exercitarem por 16% mais tempo. Publicado no Journal of Applied Physiology, o estudo é o primeiro a mostrar como o nitrato contido na bebida leva à redução no consumo de oxigênio – em uma extensão que não pode ser alcançada por nenhum outro meio conhecido – fazendo com que o exercício seja menos cansativo. De acordo com os autores, os resultados podem ser de interesse não só de atletas de resistência, mas também de idosos e de pessoas com doenças cardiovasculares, respiratórias ou metabólicas. O estudo avaliou oito homens com idades entre 19 e 38 anos, os quais ingeriram 500 ml diários de suco de beterraba orgânica durante seis dias seguidos, antes de completar uma série de testes de ciclismo. Em outra ocasião, eles ingeriram um placebo de suco concentrado de cassis pelo mesmo período e tiveram de realizar a mesma rotina de exercícios. Após beber o suco de beterraba, o grupo conseguiu pedalar uma média de 11,25 minutos, 92 segundos a mais do que quando tomaram o placebo. Isso representa uma redução de aproximadamente 2% no tempo levado para percorrer uma determinada distância. A ingestão do suco de beterraba também fez com que o g rupo apresentasse pressão arterial mais baixa durante o período de repouso. Os pesquisadores ainda não tem certeza dos mecanismos exatos que fazem com que o nitrato do suco aumente a resistência. Mas eles acreditam que isso pode ser um resultado da transformação do nitrato em óxido nítrico no corpo, reduzindo o consumo de oxigênio no exercício. Os especialistas destacam que mais estudos devem ser feitos para entender melhor esses efeitos. Fonte: University of Exeter Outras Fontes: http://www.vitaminasecia.hpg.ig.com.br/beterrabaorientacao.htm http://www2.petrobras.com.br/meio_ambiente/portugues/posters/posters/verduras/beterraba.htm saiba mais http://www.infoescola.com/plantas/beterraba/
  • 8. Seguem com outros legumes e frutos
  • 9. http://planetavegetariano.blogspot.com/2010/06/legumes-frutos-e-vegetais-e-suas.html Visitem também este blog Planeta vegetariano    Mousse de limão   Ingredientes: 1 lata de leite condensado de soja (SoyMilk) 1 caixinha de creme de soja 1/2 xícara de açúcar 300 a 500 gramas de tofu (quantidade que desejar) 1/2 copo de suco de limão (se preferir mais azedo, coloque mais) raspas de limão Preparo: Bata tudo no liquidificador, coloque em uma travessa ou taças, acrescente as raspas de limão e sirva bem gelado.
  • 10. Molhos para Salada Ingredientes 150 ml da tahine (pasta de gergelim) 150 ml de água 80 ml de suco de limão 2 dentes de alho 1/2 colher (sobremesa) de sal Preparo Ponha todos os ingredientes no liquidificador e bata até formar um creme. Se o molho ainda estiver grosso demais, acrescente um pouco de água. O molho deve estar cremoso mas não líquido. Molho de Ervas Ingredientes 1 caixinha de creme de soja 2 colheres (sopa) de azeite extra-virgem 1 copo de salsinha 2 colheres (sopa) de manjericão 1 colher (sopa) cebolinha Sal e pimenta a gosto Tabasco a gosto Preparo Ponha todos os ingredientes no liquidificador e triture bem, até que não fique mais pedaços de folhas. Vinagrete de Mostarda Ingredientes 1 colher (sopa) de mostarda 1 1/2 colher (sopa) de vinagre de vinho tinto 1 colher (sopa) de suco de limão 3/4 de copo de azeite de oliva extra-virgem Sal e pimenta do reino moída na hora, a gosto Preparo Misture numa vasilha a mostarda, o vinagre, o suco de limão, e o sal. Com um garfo, adicione o azeite aos poucos, quase no gota a gota, batendo sem parar para criar um molho bem cremoso. Vai demorar um pouquinho mas não deixe de ir pingando o azeite e batendo sem parar, para criar uma emulsão. Dica  - Os molhos podem ser conservados em geladeira, em recipiente fechado, por vários dias. Fonte: Adaptada de  Simplesmente Delícia Poderá também gostar de: Salada de feijão branco ou grão-de-bico (vegana) Falafel de Lentilhas (vegana) Salada quente de feijão-fradinho (vegana) Esfiha (Vegana) LinkWithin Os nossos leitores gostaram igualmente de Emagreça! (uma série de dicas e dietas vegetarianas sobre como perder peso com saúde) Frases Famosas: Planeta Vegetariano: Cálcio na dieta vegana Inseto no meu lanche? Onde? | Marcadores: Receitas  
  • 11. Como aproveitar talos e cascas Doce da casca da melancia Tire a parte vermelha e a verde ,corte a parte branca, como gostar,em cubos ou tirinhas, Faça uma calda de açúcar com cravos da índia, canela se gostar,e suco da melancia. Cozinhe até que fique bem macia. Sirva gelado
  • 12. Doce da casca de maracujá Retire a poupa e bata ligeiramente passe pela peneira. Numa panela,coloque para cada litro de água 1 copo de suco de maracujá,cravo e canela a gosto ,cozinhe as casas até ficarem macias,acrescente o açúcar e ¹/2 kg de açúcar para cada litro de água, cozinhe até ficar do seu gosto, como geléia ou em pedaços
  • 13. Farofa com cascas de banana Coloque numa frigideira margarina,e refogue as cascas de banana nanica até ficarem macias , junte talos de couve refogado ,lingüiça refogada , beico, junte farinha de mandioca e de milho como gostar. Milk shake com casca de banana Cozinhe as cascas com água , quando estiverem macias,junte a uma calda caramelada ,açúcar e canela, bata no liquidificador com leite http://fitosaude.blogspot.com/2010/04/banana.html
  • 14.