SlideShare uma empresa Scribd logo
As pessoas procuram uma Instituição Espírita por vários motivos. Umas
vão por curiosidade; vão pelo convívio social; vão porque estão sofrendo, e
esse sofrimento varia de grau, varia de tipo; tem também aquelas pessoas
que vão pelo desespero, diante de uma urgência, buscando um pronto-
socorro espiritual, para determinada necessidade íntima, que pode ser uma
depressão ou um desejo de autoextermínio; vão por uma crise de uma
enfermidade ou de uma dor emocional muito intensa. Então, o espaço
dentro da Casa Espírita atende as pessoas que vão em busca de uma
informação ou de alguma necessidade; e o Centro Espírita acolhe essas
pessoas nas suas dúvidas, nas suas dores, no seu esforço de autossuperação;
e esse acolhimento pressupõe várias iniciativas e várias frentes de
integração.
E integrar é fazer aquele que chega à Casa Espírita sentir-se parte daquela
comunidade, sentir-se acolhido.
Ouvi, não sem grande surpresa, uma pessoa afirmar: Não havia mais razão
para ela ir a um Centro Espírita, porque era um bom pai, um bom esposo,
um bom filho, um bom amigo. Ora, mesmo que essa criatura fosse boa em
tudo, na realidade, não era justificativa para não frequentar uma instituição
espírita. Se Jesus disse que não era bom, bom era o Pai, vamos imaginar
nós querermos esse rótulo de bom pai, bom filho, etc. Será que nós somos
tão bons assim, a ponto de não precisarmos ir à Casa Espírita? Eu acho que
não! Pelo contrário, nós devemos ir, sim, ao Centro Espírita por várias
razões, que vamos colocar aqui.
O papel da Casa Espírita.
O papel da Casa Espírita é acolher, consolar, esclarecer e orientar.
O que encontramos numa Casa Espírita bem orientada?
A prática da caridade e do amor, em todas as suas atividades, pois, o
Espiritismo tem, entre as suas máximas, “Que fora da caridade não há
salvação”, ou seja na casa espírita, em especial, devemos aplicar e exercitar
a Lei de Amor. Isso se manifesta especialmente nas atividades de promoção
social, de atendimento fraterno, na recepção fraterna aos que chegam à
casa.
Atendimento fraterno.
Esse trabalho visa orientar a ajudar espiritualmente pessoas detentoras de
problemas mais graves e, quando necessário, submetê-las a um ...
Tratamento espiritual.
A primeira vantagem é a energização.
A criatura passa a semana inteira trabalhando; tem um desgaste físico,
psicológico e espiritual; a sua energia mental foi exaurida, e ir ao Centro
Espírita é uma oportunidade de refazer essa energia. Quando nós
adentramos numa Casa Espírita, nós somos contagiados por uma vibração
que os Espíritos criaram, desde muito antes do início dos trabalhos, para
nos envolver perispiriticamente, mesmo que não queiramos. Portanto, essa
vibração vai adentrar no nosso perispírito e depois vai passar para o nosso
corpo físico. Por isto, só de ir à Casa Espírita, já recebemos uma energia
especial, criada pelos Benfeitores da casa.
Tratamento espiritual.
Todo aquele em que foi diagnosticada uma influência espiritual (obsessão)
deverá passar por um tratamento espiritual. Esse tratamento consiste na
aplicação de passes, ingestão de água fluidificada e o acompanhamento das
palestras, buscando a análise constante dos motivos que possibilitaram a
má influência instalar-se ao seu lado. Esse tratamento será complementado
nas reuniões mediúnicas, onde a entidade perturbadora será evocada, no
sentido de orientá-la a seguir outro caminho. Assim, atua-se nos dois
campos que geram o problema obsessivo; o obsedado, auxiliando-o
fluidicamente; e o obsessor, alertando-o de seu estado e encaminhando-o
para um melhor estágio espiritual.
Ouvir palestras.
A palestra sempre procura esclarecer. Ela é muito importante para
esclarecer as nossas mentes. Quanto mais a gente escuta, mais aprendemos.
E, por mais que achemos que estamos sabendo tudo, ainda falta muito,
porque, mesmo que uma palestra seja repetitiva num determinado assunto,
podemos ter certeza que o palestrante vai falar de uma forma bem diferente
dos outros. A palestra é uma ferramenta de trabalho, e o ser humano só
consegue libertar-se de seus vícios morais ou materiais quando se esclarece
dos malefícios que os mesmos trazem para sua existência. É através das
palestras que os oradores conseguem levar o conhecimento espiritual
existente na Doutrina Espírita. Então, ouvir palestra é sempre bom para
despertar a nossa consciência, e fazer com que mudemos ...
Os nossos comportamentos.
Oportunidades de estudos.
O estudo é muito importante. E a Casa Espírita abre suas portas para aquele
que deseja se beneficiar dos cursos que são oferecidos. É um estudo
constante, pois o Espiritismo segue o ensino do Espírito de Verdade que,
através de Kardec, nos disse: “Espíritas, amai-vos e instruí-vos”. A Casa
Espírita realiza reuniões de estudo sério, disciplinado e de qualidade. E,
com esses cursos, vamos ter a oportunidade de melhor aproveitar as
oportunidades que a vida nos dá, para a nossa transformação moral, para
que possamos ser melhores amanhã.
Oportunidade de trabalho voluntário.
Estudar é ótimo; desperta a nossa consciência. Mas é fundamental que
trabalhemos. O trabalho traz grandes benefícios, como por exemplo, ocupar
a nossa mente, quando ela está fixada em coisas negativas. O trabalho
absorve essa negatividade, facilitando a fluência de energia positiva.
Conhecer a Doutrina Espírita enriquece a nossa mente, mas para enriquecer
a nossa alma é importante o trabalho, principalmente o trabalho voluntário.
Então, nós precisamos trabalhar.
A Doutrina Espírita enfatiza muito a fraternidade, porque nós somos
irmãos, filhos do mesmo Pai. Portanto, não há espaço para preconceitos,
que ainda existe na casta da sociedade humana. Nós somos irmãos, filhos
de Deus. Ponto final. E Kardec enfatizou muito bem isso.
Quando nós temos esse conhecimento de fraternidade e passamos a vivê-la,
encontramos o verdadeiro sentido de igualdade. E, é, aí, que vamos
trabalhar dentro de nós, a potencialidade que já existe na nossa consciência,
para nos igualarmos. A fraternidade mais a igualdade vai fazer com que o
homem tenha o verdadeiro sentido da liberdade, porque, nós só seremos
livres no dia em que nos sentirmos verdadeiramente fraternos, nos
sentirmos iguais.
Evangelização de crianças.
É muito importante cuidar das crianças; trabalhar as suas mentes em idade
bem precoce, formando muito cedo as suas respectivas personalidades.
Passe – O trabalho de cura.
Vai desde um abraço, desde uma orientação, um ouvido às lamúrias, muitas
oportunidades, para que possamos ajudar a pessoa a se curar. Mas o
trabalho de passe talvez seja aquele que mais conduz a energia diretamente
para as áreas de falência do nosso corpo e do nosso perispírito. A imposição
das mãos sobre uma criatura é uma forma de auxiliar, afastar dela as más
influências espirituais; aliviar seu sofrimento, curá-la de algum mal, ou
simplesmente fortalecê-la, pois isso faz parte da “terapêutica espírita”,
permitindo aos frequentadores receberem o reforço da transmissão de
energias pelo passe, e pela água fluidificada. A água fluidificada
complementa o tratamento energético, possibilitando a ingestão de energias
específicas.
Quanto ao passe, cabe ressaltar, que durante as reuniões nas Casas
Espíritas, publicas ou não, há uma forma muito especial de doação de
fluidos, aquela que provêm diretamente dos espíritos, o chamado “passe
espiritual”. Este é oferecido a todos, embora somente aqueles que se
colocam em atitude mental propícia estarão aptos a usufruir dessa benesse.
Daí a importância de elevarmos o pensamento a Deus, a Jesus e à
Espiritualidade Superior durante as reuniões nas Casas Espíritas.
A partir da compreensão do que é uma Casa Espírita, a criatura passa a
entender que tipos de lições ela pode buscar neste recinto. A Casa Espírita,
entre outras atividades e utilidades que tem para a vida de todos nós, ela
tem duas funções primordiais: a função hospital e a função escola.
Enquanto função hospital, nós temos o atendimento aos necessitados do
corpo e do espírito. Claro que é um hospital espiritual, no qual a criatura
vai expor as suas necessidades, que pode ser uma necessidade da alma ou
uma necessidade material. Funciona também como escola, porque é um
local de aprendizado para todos aqueles que ali buscam cumprir
determinadas tarefas. Quando falamos em escola, não é apenas para
aqueles que frequentam cursos, mas, também, para aqueles que engajam
em algumas tarefas da casa, buscando o aprendizado espiritual para o seu
crescimento. Então, dentro da Casa Espírita nós vamos encontrar o
medicamento para os necessitados e a lição para aqueles que querem
aprender e doar um pouco do seu tempo, em benefício dos nossos irmãos
de caminhada.
Quando Kardec fala que fora da caridade não há salvação, é porque a
caridade é o elo que liga esse medicamento aos irmãos necessitados.
Então, por tudo isso, nós podemos entender o porquê de uma Casa Espírita
ser um hospital, uma escola, e um templo.
Muita Paz!
Meu Blog: http://espiritual-espiritual.blogspot.com.br
Com estudos comentados de O Livro dos Espíritos e de O Evangelho
Segundo o Espiritismo.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Reencarnação
ReencarnaçãoReencarnação
Reencarnação
paikachambi
 
A felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundoA felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundo
Izabel Cristina Fonseca
 
Lei de causa e efeito
Lei de causa e efeitoLei de causa e efeito
Lei de causa e efeito
Ronaldo Pereira Rodrigues
 
Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitos
Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitosCap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitos
Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitos
Eduardo Ottonelli Pithan
 
O Centro Espírita - ESDE
O Centro Espírita - ESDEO Centro Espírita - ESDE
Aula 06 - Introdução do Livro dos Espíritos
Aula 06 - Introdução do Livro dos EspíritosAula 06 - Introdução do Livro dos Espíritos
Aula 06 - Introdução do Livro dos Espíritos
contatodoutrina2013
 
Palestra Natal e Espiritismo
Palestra Natal e EspiritismoPalestra Natal e Espiritismo
Palestra Natal e Espiritismo
Victor Passos
 
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismo
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismoSono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismo
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismo
Deborah Oliver
 
Por que ir a casa espirita
Por que ir a casa espiritaPor que ir a casa espirita
Por que ir a casa espirita
Ponte de Luz ASEC
 
Retorno à vida corporal 1,5h
Retorno à vida corporal 1,5hRetorno à vida corporal 1,5h
Retorno à vida corporal 1,5h
home
 
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdadeSegundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
CeiClarencio
 
Moradas na casa do pai
Moradas na casa do paiMoradas na casa do pai
Moradas na casa do pai
Fatoze
 
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educaçãoPalestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
Divulgador do Espiritismo
 
Dia De Finados
Dia De FinadosDia De Finados
Dia De Finados
Semente de Esperança
 
Fé pela ótica espírita
Fé pela ótica espíritaFé pela ótica espírita
Fé pela ótica espírita
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Visão espírita da atualidade
Visão espírita da atualidadeVisão espírita da atualidade
Visão espírita da atualidade
Izabel Cristina Fonseca
 
O centro espírita
O centro espíritaO centro espírita
O centro espírita
nelmarvoc
 
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptxRetorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Rosimeire Alves
 
Palestra reforma íntima
Palestra   reforma íntimaPalestra   reforma íntima
Palestra reforma íntima
KATIA MARIA FARAH V DA SILVA
 
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Fatima Carvalho
 

Mais procurados (20)

Reencarnação
ReencarnaçãoReencarnação
Reencarnação
 
A felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundoA felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundo
 
Lei de causa e efeito
Lei de causa e efeitoLei de causa e efeito
Lei de causa e efeito
 
Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitos
Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitosCap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitos
Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitos
 
O Centro Espírita - ESDE
O Centro Espírita - ESDEO Centro Espírita - ESDE
O Centro Espírita - ESDE
 
Aula 06 - Introdução do Livro dos Espíritos
Aula 06 - Introdução do Livro dos EspíritosAula 06 - Introdução do Livro dos Espíritos
Aula 06 - Introdução do Livro dos Espíritos
 
Palestra Natal e Espiritismo
Palestra Natal e EspiritismoPalestra Natal e Espiritismo
Palestra Natal e Espiritismo
 
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismo
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismoSono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismo
Sono & sonhos ; sonhos; ESDE; espiritismo
 
Por que ir a casa espirita
Por que ir a casa espiritaPor que ir a casa espirita
Por que ir a casa espirita
 
Retorno à vida corporal 1,5h
Retorno à vida corporal 1,5hRetorno à vida corporal 1,5h
Retorno à vida corporal 1,5h
 
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdadeSegundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
Segundo Módulo - Aula 11 - Lei de liberdade
 
Moradas na casa do pai
Moradas na casa do paiMoradas na casa do pai
Moradas na casa do pai
 
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educaçãoPalestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
 
Dia De Finados
Dia De FinadosDia De Finados
Dia De Finados
 
Fé pela ótica espírita
Fé pela ótica espíritaFé pela ótica espírita
Fé pela ótica espírita
 
Visão espírita da atualidade
Visão espírita da atualidadeVisão espírita da atualidade
Visão espírita da atualidade
 
O centro espírita
O centro espíritaO centro espírita
O centro espírita
 
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptxRetorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
Retorno à Vida Corporal - planejamento reencarnatório.pptx
 
Palestra reforma íntima
Palestra   reforma íntimaPalestra   reforma íntima
Palestra reforma íntima
 
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
Libertação da sombra (Joanna de Ângelis)
 

Semelhante a O valor do acolhimento na casa espírita

20/09/2103 POR QUE IR À CASA ESPÍRITA?
20/09/2103 POR QUE IR À CASA ESPÍRITA?20/09/2103 POR QUE IR À CASA ESPÍRITA?
20/09/2103 POR QUE IR À CASA ESPÍRITA?
Lar Irmã Zarabatana
 
20/09/2013 Porque ir à Casa Espírita?
20/09/2013 Porque ir à Casa Espírita?20/09/2013 Porque ir à Casa Espírita?
20/09/2013 Porque ir à Casa Espírita?
Lar Irmã Zarabatana
 
Apostila obsessão lar rubataiana -2009 .doc - 11 doc
Apostila obsessão   lar rubataiana -2009 .doc - 11 docApostila obsessão   lar rubataiana -2009 .doc - 11 doc
Apostila obsessão lar rubataiana -2009 .doc - 11 doc
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
Apostila obsessão lar rubataiana -doc - 11 doc
Apostila obsessão   lar rubataiana -doc - 11 docApostila obsessão   lar rubataiana -doc - 11 doc
Apostila obsessão lar rubataiana -doc - 11 doc
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
A casa espírita
A casa espírita A casa espírita
A casa espírita
telmacorte
 
Resumo 06 a_casa_espirita
Resumo 06 a_casa_espiritaResumo 06 a_casa_espirita
Resumo 06 a_casa_espirita
Robson R. Marcidelli
 
Resumo 06 a_casa_espirita
Resumo 06 a_casa_espiritaResumo 06 a_casa_espirita
Resumo 06 a_casa_espirita
Robson R. Marcidelli
 
Resumo a casa_espirita
Resumo a casa_espiritaResumo a casa_espirita
Resumo a casa_espirita
Robson R. Marcidelli
 
Resumo a casa_espirita
Resumo a casa_espiritaResumo a casa_espirita
Resumo a casa_espirita
Robson R. Marcidelli
 
Apostila obsessão lar rubataiana -2009 .doc - 09 doc
Apostila obsessão   lar rubataiana -2009 .doc - 09 docApostila obsessão   lar rubataiana -2009 .doc - 09 doc
Apostila obsessão lar rubataiana -2009 .doc - 09 doc
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
04 casa espírta
04 casa espírta04 casa espírta
A CASA ESPIRITA- Organização e estrutura NA ATUALIDADE.pptx
A CASA ESPIRITA- Organização e estrutura NA ATUALIDADE.pptxA CASA ESPIRITA- Organização e estrutura NA ATUALIDADE.pptx
A CASA ESPIRITA- Organização e estrutura NA ATUALIDADE.pptx
msdbiasi
 
( Espiritismo) # - amag ramgis - a casa espirita
( Espiritismo)   # - amag ramgis - a casa espirita( Espiritismo)   # - amag ramgis - a casa espirita
( Espiritismo) # - amag ramgis - a casa espirita
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
Eae 1 aula inaugural rev01
Eae 1   aula inaugural rev01Eae 1   aula inaugural rev01
Eae 1 aula inaugural rev01
Norberto Scavone Augusto
 
( Espiritismo) # - andre l alencar - o trabalho social na casa espirita
( Espiritismo)   # - andre l alencar - o trabalho social na casa espirita( Espiritismo)   # - andre l alencar - o trabalho social na casa espirita
( Espiritismo) # - andre l alencar - o trabalho social na casa espirita
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
Palestra ESE cap17 Sede perfeitos
Palestra ESE cap17 Sede perfeitosPalestra ESE cap17 Sede perfeitos
Palestra ESE cap17 Sede perfeitos
Tiburcio Santos
 
A casa espírita
A casa espírita A casa espírita
A casa espírita
Cleverson Costa
 
Xxv encontro educação do espirito - 01
Xxv encontro   educação do espirito - 01Xxv encontro   educação do espirito - 01
Xxv encontro educação do espirito - 01
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
Xxv encontro educação do espirito
Xxv encontro   educação do espiritoXxv encontro   educação do espirito
Xxv encontro educação do espirito
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
Xxv encontro educação do espirito - 01
Xxv encontro   educação do espirito - 01Xxv encontro   educação do espirito - 01
Xxv encontro educação do espirito - 01
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 

Semelhante a O valor do acolhimento na casa espírita (20)

20/09/2103 POR QUE IR À CASA ESPÍRITA?
20/09/2103 POR QUE IR À CASA ESPÍRITA?20/09/2103 POR QUE IR À CASA ESPÍRITA?
20/09/2103 POR QUE IR À CASA ESPÍRITA?
 
20/09/2013 Porque ir à Casa Espírita?
20/09/2013 Porque ir à Casa Espírita?20/09/2013 Porque ir à Casa Espírita?
20/09/2013 Porque ir à Casa Espírita?
 
Apostila obsessão lar rubataiana -2009 .doc - 11 doc
Apostila obsessão   lar rubataiana -2009 .doc - 11 docApostila obsessão   lar rubataiana -2009 .doc - 11 doc
Apostila obsessão lar rubataiana -2009 .doc - 11 doc
 
Apostila obsessão lar rubataiana -doc - 11 doc
Apostila obsessão   lar rubataiana -doc - 11 docApostila obsessão   lar rubataiana -doc - 11 doc
Apostila obsessão lar rubataiana -doc - 11 doc
 
A casa espírita
A casa espírita A casa espírita
A casa espírita
 
Resumo 06 a_casa_espirita
Resumo 06 a_casa_espiritaResumo 06 a_casa_espirita
Resumo 06 a_casa_espirita
 
Resumo 06 a_casa_espirita
Resumo 06 a_casa_espiritaResumo 06 a_casa_espirita
Resumo 06 a_casa_espirita
 
Resumo a casa_espirita
Resumo a casa_espiritaResumo a casa_espirita
Resumo a casa_espirita
 
Resumo a casa_espirita
Resumo a casa_espiritaResumo a casa_espirita
Resumo a casa_espirita
 
Apostila obsessão lar rubataiana -2009 .doc - 09 doc
Apostila obsessão   lar rubataiana -2009 .doc - 09 docApostila obsessão   lar rubataiana -2009 .doc - 09 doc
Apostila obsessão lar rubataiana -2009 .doc - 09 doc
 
04 casa espírta
04 casa espírta04 casa espírta
04 casa espírta
 
A CASA ESPIRITA- Organização e estrutura NA ATUALIDADE.pptx
A CASA ESPIRITA- Organização e estrutura NA ATUALIDADE.pptxA CASA ESPIRITA- Organização e estrutura NA ATUALIDADE.pptx
A CASA ESPIRITA- Organização e estrutura NA ATUALIDADE.pptx
 
( Espiritismo) # - amag ramgis - a casa espirita
( Espiritismo)   # - amag ramgis - a casa espirita( Espiritismo)   # - amag ramgis - a casa espirita
( Espiritismo) # - amag ramgis - a casa espirita
 
Eae 1 aula inaugural rev01
Eae 1   aula inaugural rev01Eae 1   aula inaugural rev01
Eae 1 aula inaugural rev01
 
( Espiritismo) # - andre l alencar - o trabalho social na casa espirita
( Espiritismo)   # - andre l alencar - o trabalho social na casa espirita( Espiritismo)   # - andre l alencar - o trabalho social na casa espirita
( Espiritismo) # - andre l alencar - o trabalho social na casa espirita
 
Palestra ESE cap17 Sede perfeitos
Palestra ESE cap17 Sede perfeitosPalestra ESE cap17 Sede perfeitos
Palestra ESE cap17 Sede perfeitos
 
A casa espírita
A casa espírita A casa espírita
A casa espírita
 
Xxv encontro educação do espirito - 01
Xxv encontro   educação do espirito - 01Xxv encontro   educação do espirito - 01
Xxv encontro educação do espirito - 01
 
Xxv encontro educação do espirito
Xxv encontro   educação do espiritoXxv encontro   educação do espirito
Xxv encontro educação do espirito
 
Xxv encontro educação do espirito - 01
Xxv encontro   educação do espirito - 01Xxv encontro   educação do espirito - 01
Xxv encontro educação do espirito - 01
 

Mais de Helio Cruz

O pior inimigo
O pior inimigoO pior inimigo
O pior inimigo
Helio Cruz
 
Entusiasmo e responsabilidade
Entusiasmo e responsabilidadeEntusiasmo e responsabilidade
Entusiasmo e responsabilidade
Helio Cruz
 
A candeia debaixo do alqueire
A candeia debaixo do alqueireA candeia debaixo do alqueire
A candeia debaixo do alqueire
Helio Cruz
 
O credor incompassivo
O credor incompassivoO credor incompassivo
O credor incompassivo
Helio Cruz
 
O poder das palavras
O poder das palavrasO poder das palavras
O poder das palavras
Helio Cruz
 
Pedir e obter
Pedir e obterPedir e obter
Pedir e obter
Helio Cruz
 
A virtude os superiores e os inferiores
A virtude   os superiores e os inferioresA virtude   os superiores e os inferiores
A virtude os superiores e os inferiores
Helio Cruz
 
O peso da luz
O peso da luzO peso da luz
O peso da luz
Helio Cruz
 
Universidade de amor
Universidade de amorUniversidade de amor
Universidade de amor
Helio Cruz
 
A parentela corporal e espiritual
A parentela corporal e espiritualA parentela corporal e espiritual
A parentela corporal e espiritual
Helio Cruz
 
O homem e a vida espiritual
O homem e a vida espiritualO homem e a vida espiritual
O homem e a vida espiritual
Helio Cruz
 
O dom esquecido
O dom esquecidoO dom esquecido
O dom esquecido
Helio Cruz
 
Dia nacional da caridade
Dia nacional da caridadeDia nacional da caridade
Dia nacional da caridade
Helio Cruz
 
Marta e maria
Marta e mariaMarta e maria
Marta e maria
Helio Cruz
 
O progresso espiritual
O progresso espiritualO progresso espiritual
O progresso espiritual
Helio Cruz
 
Viver para deus
Viver para deusViver para deus
Viver para deus
Helio Cruz
 
O Marco inicial do Espiritismo
O Marco inicial do EspiritismoO Marco inicial do Espiritismo
O Marco inicial do Espiritismo
Helio Cruz
 
A quaresma e o espiritismo
A quaresma e o espiritismoA quaresma e o espiritismo
A quaresma e o espiritismo
Helio Cruz
 
Os nossos julgamentos
Os nossos julgamentosOs nossos julgamentos
Os nossos julgamentos
Helio Cruz
 
Sal da terra e luz do mundo
Sal da terra e luz do mundoSal da terra e luz do mundo
Sal da terra e luz do mundo
Helio Cruz
 

Mais de Helio Cruz (20)

O pior inimigo
O pior inimigoO pior inimigo
O pior inimigo
 
Entusiasmo e responsabilidade
Entusiasmo e responsabilidadeEntusiasmo e responsabilidade
Entusiasmo e responsabilidade
 
A candeia debaixo do alqueire
A candeia debaixo do alqueireA candeia debaixo do alqueire
A candeia debaixo do alqueire
 
O credor incompassivo
O credor incompassivoO credor incompassivo
O credor incompassivo
 
O poder das palavras
O poder das palavrasO poder das palavras
O poder das palavras
 
Pedir e obter
Pedir e obterPedir e obter
Pedir e obter
 
A virtude os superiores e os inferiores
A virtude   os superiores e os inferioresA virtude   os superiores e os inferiores
A virtude os superiores e os inferiores
 
O peso da luz
O peso da luzO peso da luz
O peso da luz
 
Universidade de amor
Universidade de amorUniversidade de amor
Universidade de amor
 
A parentela corporal e espiritual
A parentela corporal e espiritualA parentela corporal e espiritual
A parentela corporal e espiritual
 
O homem e a vida espiritual
O homem e a vida espiritualO homem e a vida espiritual
O homem e a vida espiritual
 
O dom esquecido
O dom esquecidoO dom esquecido
O dom esquecido
 
Dia nacional da caridade
Dia nacional da caridadeDia nacional da caridade
Dia nacional da caridade
 
Marta e maria
Marta e mariaMarta e maria
Marta e maria
 
O progresso espiritual
O progresso espiritualO progresso espiritual
O progresso espiritual
 
Viver para deus
Viver para deusViver para deus
Viver para deus
 
O Marco inicial do Espiritismo
O Marco inicial do EspiritismoO Marco inicial do Espiritismo
O Marco inicial do Espiritismo
 
A quaresma e o espiritismo
A quaresma e o espiritismoA quaresma e o espiritismo
A quaresma e o espiritismo
 
Os nossos julgamentos
Os nossos julgamentosOs nossos julgamentos
Os nossos julgamentos
 
Sal da terra e luz do mundo
Sal da terra e luz do mundoSal da terra e luz do mundo
Sal da terra e luz do mundo
 

Último

Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Nilson Almeida
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Celso Napoleon
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
AlessandroSanches8
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
ESCRIBA DE CRISTO
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
ESCRIBA DE CRISTO
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Celso Napoleon
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
JonasRibeiro61
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
André Ricardo Marcondes
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
ESCRIBA DE CRISTO
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
ayronleonardo
 

Último (16)

Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
 

O valor do acolhimento na casa espírita

  • 1.
  • 2. As pessoas procuram uma Instituição Espírita por vários motivos. Umas vão por curiosidade; vão pelo convívio social; vão porque estão sofrendo, e esse sofrimento varia de grau, varia de tipo; tem também aquelas pessoas que vão pelo desespero, diante de uma urgência, buscando um pronto- socorro espiritual, para determinada necessidade íntima, que pode ser uma depressão ou um desejo de autoextermínio; vão por uma crise de uma enfermidade ou de uma dor emocional muito intensa. Então, o espaço dentro da Casa Espírita atende as pessoas que vão em busca de uma informação ou de alguma necessidade; e o Centro Espírita acolhe essas pessoas nas suas dúvidas, nas suas dores, no seu esforço de autossuperação; e esse acolhimento pressupõe várias iniciativas e várias frentes de integração.
  • 3. E integrar é fazer aquele que chega à Casa Espírita sentir-se parte daquela comunidade, sentir-se acolhido. Ouvi, não sem grande surpresa, uma pessoa afirmar: Não havia mais razão para ela ir a um Centro Espírita, porque era um bom pai, um bom esposo, um bom filho, um bom amigo. Ora, mesmo que essa criatura fosse boa em tudo, na realidade, não era justificativa para não frequentar uma instituição espírita. Se Jesus disse que não era bom, bom era o Pai, vamos imaginar nós querermos esse rótulo de bom pai, bom filho, etc. Será que nós somos tão bons assim, a ponto de não precisarmos ir à Casa Espírita? Eu acho que não! Pelo contrário, nós devemos ir, sim, ao Centro Espírita por várias razões, que vamos colocar aqui.
  • 4. O papel da Casa Espírita. O papel da Casa Espírita é acolher, consolar, esclarecer e orientar. O que encontramos numa Casa Espírita bem orientada? A prática da caridade e do amor, em todas as suas atividades, pois, o Espiritismo tem, entre as suas máximas, “Que fora da caridade não há salvação”, ou seja na casa espírita, em especial, devemos aplicar e exercitar a Lei de Amor. Isso se manifesta especialmente nas atividades de promoção social, de atendimento fraterno, na recepção fraterna aos que chegam à casa. Atendimento fraterno. Esse trabalho visa orientar a ajudar espiritualmente pessoas detentoras de problemas mais graves e, quando necessário, submetê-las a um ...
  • 5. Tratamento espiritual. A primeira vantagem é a energização. A criatura passa a semana inteira trabalhando; tem um desgaste físico, psicológico e espiritual; a sua energia mental foi exaurida, e ir ao Centro Espírita é uma oportunidade de refazer essa energia. Quando nós adentramos numa Casa Espírita, nós somos contagiados por uma vibração que os Espíritos criaram, desde muito antes do início dos trabalhos, para nos envolver perispiriticamente, mesmo que não queiramos. Portanto, essa vibração vai adentrar no nosso perispírito e depois vai passar para o nosso corpo físico. Por isto, só de ir à Casa Espírita, já recebemos uma energia especial, criada pelos Benfeitores da casa.
  • 6. Tratamento espiritual. Todo aquele em que foi diagnosticada uma influência espiritual (obsessão) deverá passar por um tratamento espiritual. Esse tratamento consiste na aplicação de passes, ingestão de água fluidificada e o acompanhamento das palestras, buscando a análise constante dos motivos que possibilitaram a má influência instalar-se ao seu lado. Esse tratamento será complementado nas reuniões mediúnicas, onde a entidade perturbadora será evocada, no sentido de orientá-la a seguir outro caminho. Assim, atua-se nos dois campos que geram o problema obsessivo; o obsedado, auxiliando-o fluidicamente; e o obsessor, alertando-o de seu estado e encaminhando-o para um melhor estágio espiritual.
  • 7. Ouvir palestras. A palestra sempre procura esclarecer. Ela é muito importante para esclarecer as nossas mentes. Quanto mais a gente escuta, mais aprendemos. E, por mais que achemos que estamos sabendo tudo, ainda falta muito, porque, mesmo que uma palestra seja repetitiva num determinado assunto, podemos ter certeza que o palestrante vai falar de uma forma bem diferente dos outros. A palestra é uma ferramenta de trabalho, e o ser humano só consegue libertar-se de seus vícios morais ou materiais quando se esclarece dos malefícios que os mesmos trazem para sua existência. É através das palestras que os oradores conseguem levar o conhecimento espiritual existente na Doutrina Espírita. Então, ouvir palestra é sempre bom para despertar a nossa consciência, e fazer com que mudemos ...
  • 8. Os nossos comportamentos. Oportunidades de estudos. O estudo é muito importante. E a Casa Espírita abre suas portas para aquele que deseja se beneficiar dos cursos que são oferecidos. É um estudo constante, pois o Espiritismo segue o ensino do Espírito de Verdade que, através de Kardec, nos disse: “Espíritas, amai-vos e instruí-vos”. A Casa Espírita realiza reuniões de estudo sério, disciplinado e de qualidade. E, com esses cursos, vamos ter a oportunidade de melhor aproveitar as oportunidades que a vida nos dá, para a nossa transformação moral, para que possamos ser melhores amanhã.
  • 9. Oportunidade de trabalho voluntário. Estudar é ótimo; desperta a nossa consciência. Mas é fundamental que trabalhemos. O trabalho traz grandes benefícios, como por exemplo, ocupar a nossa mente, quando ela está fixada em coisas negativas. O trabalho absorve essa negatividade, facilitando a fluência de energia positiva. Conhecer a Doutrina Espírita enriquece a nossa mente, mas para enriquecer a nossa alma é importante o trabalho, principalmente o trabalho voluntário. Então, nós precisamos trabalhar. A Doutrina Espírita enfatiza muito a fraternidade, porque nós somos irmãos, filhos do mesmo Pai. Portanto, não há espaço para preconceitos, que ainda existe na casta da sociedade humana. Nós somos irmãos, filhos de Deus. Ponto final. E Kardec enfatizou muito bem isso.
  • 10. Quando nós temos esse conhecimento de fraternidade e passamos a vivê-la, encontramos o verdadeiro sentido de igualdade. E, é, aí, que vamos trabalhar dentro de nós, a potencialidade que já existe na nossa consciência, para nos igualarmos. A fraternidade mais a igualdade vai fazer com que o homem tenha o verdadeiro sentido da liberdade, porque, nós só seremos livres no dia em que nos sentirmos verdadeiramente fraternos, nos sentirmos iguais. Evangelização de crianças. É muito importante cuidar das crianças; trabalhar as suas mentes em idade bem precoce, formando muito cedo as suas respectivas personalidades.
  • 11. Passe – O trabalho de cura. Vai desde um abraço, desde uma orientação, um ouvido às lamúrias, muitas oportunidades, para que possamos ajudar a pessoa a se curar. Mas o trabalho de passe talvez seja aquele que mais conduz a energia diretamente para as áreas de falência do nosso corpo e do nosso perispírito. A imposição das mãos sobre uma criatura é uma forma de auxiliar, afastar dela as más influências espirituais; aliviar seu sofrimento, curá-la de algum mal, ou simplesmente fortalecê-la, pois isso faz parte da “terapêutica espírita”, permitindo aos frequentadores receberem o reforço da transmissão de energias pelo passe, e pela água fluidificada. A água fluidificada complementa o tratamento energético, possibilitando a ingestão de energias específicas.
  • 12. Quanto ao passe, cabe ressaltar, que durante as reuniões nas Casas Espíritas, publicas ou não, há uma forma muito especial de doação de fluidos, aquela que provêm diretamente dos espíritos, o chamado “passe espiritual”. Este é oferecido a todos, embora somente aqueles que se colocam em atitude mental propícia estarão aptos a usufruir dessa benesse. Daí a importância de elevarmos o pensamento a Deus, a Jesus e à Espiritualidade Superior durante as reuniões nas Casas Espíritas. A partir da compreensão do que é uma Casa Espírita, a criatura passa a entender que tipos de lições ela pode buscar neste recinto. A Casa Espírita, entre outras atividades e utilidades que tem para a vida de todos nós, ela tem duas funções primordiais: a função hospital e a função escola.
  • 13. Enquanto função hospital, nós temos o atendimento aos necessitados do corpo e do espírito. Claro que é um hospital espiritual, no qual a criatura vai expor as suas necessidades, que pode ser uma necessidade da alma ou uma necessidade material. Funciona também como escola, porque é um local de aprendizado para todos aqueles que ali buscam cumprir determinadas tarefas. Quando falamos em escola, não é apenas para aqueles que frequentam cursos, mas, também, para aqueles que engajam em algumas tarefas da casa, buscando o aprendizado espiritual para o seu crescimento. Então, dentro da Casa Espírita nós vamos encontrar o medicamento para os necessitados e a lição para aqueles que querem aprender e doar um pouco do seu tempo, em benefício dos nossos irmãos de caminhada.
  • 14. Quando Kardec fala que fora da caridade não há salvação, é porque a caridade é o elo que liga esse medicamento aos irmãos necessitados. Então, por tudo isso, nós podemos entender o porquê de uma Casa Espírita ser um hospital, uma escola, e um templo. Muita Paz! Meu Blog: http://espiritual-espiritual.blogspot.com.br Com estudos comentados de O Livro dos Espíritos e de O Evangelho Segundo o Espiritismo.