SlideShare uma empresa Scribd logo
DIRETORIA DE ENSINO LESTE 4
           Núcleo Pedagógico




Várias mãos tecem idéias,constroem propostas,
concretizam projetos,diferentes olhares abrem
       portas, escancaram janelas,descortinam
                                  horizontes...
Pensar um projeto de Arte na escola e, especialmente um
  projeto que contemple o ensinar e aprender arte nas séries
  iniciais do Ensino Fundamental, requer a clareza de dois
  pontos fundamentais:

* Arte é área do conhecimento humano, patrimônio histórico
  e cultural da humanidade;
*Arte é linguagem, portanto, um sistema simbólico de
  representação.
O professor que leciona nas séries iniciais, tendo como foco
 principal o desenvolvimento das competências da leitura e
 escrita, tem o dever de possibilitar às crianças o acesso
 também à leitura e produção de textos nas linguagens não
 verbais, matéria prima do universo da arte. Manipular,
 organizar, compor, significar, decodificar,interpretar,
 produzir, conhecer imagens visuais, sonoras e
 gestuais/corporais são requisitos indispensáveis ao cidadão
 contemporâneo.A leitura de mundo,vão além do texto
 escrito...
De acordo com as Propostas Curriculares para o ensino de
  Arte-SEE/CENP e os Parâmetros Curriculares Nacionais –
  MEC, são três os eixos articuladores do processo de ensino
  e aprendizagem em Arte:
* Produção em Arte: o fazer artístico
 É o próprio ato de criar, construir, produzir.
 São os momentos em que a criança desenha,pinta,
  esculpe,modela,recorta,cola,canta,toca
  instrumento,compõe,atua,dança,representa,         constrói
  personagens, simboliza...
*Fruição: apreciação significativa da Arte e do universo a ela
  relacionado.
Arte é linguagem. A apreciação estética é o próprio ato de
  perceber, ler, analisar, interpretar, criar, refletir sobre um
  texto sonoro, pictórico, visual, corporal.
 O professor deverá proporcionar a seus alunos a leitura das
  mais diversas obras de Arte e produtos artísticos, de todas
  as épocas, povos, países, culturas, gêneros, estilos,
  movimentos, técnicas, autores, artistas..., assim como as
  produções da própria classe envolvida.
*Reflexão: a Arte é produto da história e da multiplicidade
  das culturas humanas.
  Além do fazer e do apreciara a arte, é de fundamental
  importância a contextualização da obra de arte; todo o
  panorama social, político, histórico cultural em que foi
  produzida; como ela se insere no momento de sua
  produção e como esse momento se reflete nela.
ARTE E CRIANÇA
Toda criança, antes de entrar na escola, “faz arte” ...desenha,
        pinta, faz esculturas de areia, canta, dança, toca
     instrumentos(ainda batendo tampas de panelas), cria
                          personagens...
                    O PROFESSOR DE ARTE
 Arte se ensina e se aprende.Para tanto o papel do professor
  enquanto mediador entre Arte e criança é de fundamental
                           importância.
Um professor que saiba do real significado da Arte na
 educação, tenha clareza de seus objetivos, que conheça
 Arte, que conheça a criança...Um professor investigador,
 que instigue, alimente, desvele,amplie e aprofunde o
 repertório artístico e estético de suas crianças. Alguém que
 saiba Arte e saiba SER professor de Arte, como dizia
 Mariazinha Fuzari.
CONTEÚDOS

Como recomendam os parâmetros Curriculares nacionais,
as aulas de Arte devem contemplar as linguagens: Dança,
Teatro,Música e Artes Visuais, dentro de três *eixos
articuladores citados anteriormente.dessa forma,em linhas
gerais, alguns conteúdos a serem contemplados:
               *(fazer,apreciar,reconhecer)
Artes Visuais:
 *O          fazer       artístico:       desenho        pintura,colagem,
  escultura,gravura,modelagem,instalação, vídeo, fotografia, história em
  quadrinhos, etc.

*Apreciação significativa: convivência com produções visuais(originais e
 reproduzidas)e suas concepções estéticas nas diferentes culturas (regional,
 nacional e internacional); identificação de significados expressivos;
 reconhecimento e experimentação de leitura dos elementos básicos da
 linguagem visual; identificação de algumas técnicas e procedimentos
 artísticos presentes...

*Produção cultural e histórica: observação, estudo e compreensão de
  diferentes obras de Artes Visuais, artistas e movimentos artísticos produzidos
  em diversas culturas e em diferentes tempos da história;leitura e discussão
  de textos simples,imagens e informações orais sobre artistas, suas biografias
  e     suas      produções;       freqüência       a     museus,        galerias,
  exposições,mostras,atelier,oficinas.
MÚSICA
O fazer artístico: interpretações,arranjos, improvisações e composições dos
  próprios alunos (individual e grupal) baseados nos elementos da linguagem
  musical experimentação, seleção e utilização de instrumentos, materiais
  sonoros, equipamentos e tecnologias; canto, notação musical, criação de letras
  de canções...

Apreciação significativa: percepção e identificação dos elementos da linguagem
  ;identificação de instrumentos e materiais sonoros...

Produção cultural e histórica: movimentos musicais e obras de diferentes épocas
  e culturas associados a contextos históricos e sociais, geográficos observados
  na sua diversidade; fontes de registro e preservação (partituras, discos); a
  música e sua importância na sociedade e na vida dos indivíduos; os sons
  ambientais,naturais e outros, de diferentes épocas e lugares e sua influência na
  música e vida das pessoas...
DANÇA
O fazer artístico: interpretações, arranjos,improvisações e composições
  dos próprios alunos (individual e grupal) baseados nos elementos da
  linguagem de dança; criação de pequenas coreografias...
Apreciação significativa: reconhecimento e distinção das diversas
  modalidades de movimentos e suas combinações como são
  apresentadas nos vários estilos de dança; identificação de formas,
  volume,peso, formas de locomoção, deslocamento, direções, planos,
  velocidade, tempo...
Produção cultural e histórica: identificação e reconhecimento da dança
  e suas concepções estéticas nas diversas culturas, considerando as
  criações regionais, nacionais e internacionais;pesquisa e freqüência às
  fontes de informação e comunicação presentes em sua localidade(
  livros, revistas,vídeos, filmes e outros tipos de registros em dança)...
TEATRO
O   Fazer Artístico: jogos de atenção, observação, improvisação, ,
  reconhecimento e utilização dos elementos da linguagem cênica: espaço
  cênico, personagem e ação dramática;experimentação e articulação entre as
  expressões corporal, plástica e sonora: pesquisa, elaboração e utilização de
  cenário, figurino, maquiagem, adereços, objetos de cena, iluminação e som...
Apreciação significativa: compreensão dos significados expressivos
  corporais,textuais, visuais, sonoros da criação teatral; observação, apreciação
  e análise das diversas manifestações de teatro...

Produção cultural e histórica: identificação das manifestações e produções em
  teatro nas diferentes culturas e épocas, pesquisa e leitura de textos
  dramáticos e de fatos da história de teatro, freqüência junto aos grupos de
  teatro e às fontes de informação, documentação e comunicação presentes
  em sua região...
“ Gatinho Chesbire, começou Alice, podes me dizer que
                     caminho tomar?
   Isso depende de onde queres chegar, disse o gato”
                     Lewis Carrol – “ Alice no Pais das Maravilhas”

 Se não sabemos aonde queremos ir, qualquer caminho
                           serve...
 Sabemos que não é qualquer caminho que nos serve e
  sabemos aonde queremos chegar: à construção de um
             caminho significativo em Arte.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Planejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCCPlanejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCC
ThalesSantos36
 
Planejamento pedagógico
Planejamento pedagógicoPlanejamento pedagógico
Planejamento pedagógico
SMEdeItabaianinha
 
Fundamentos teóricos e metodológicos do ensino da Artes
Fundamentos teóricos e metodológicos do ensino da ArtesFundamentos teóricos e metodológicos do ensino da Artes
Fundamentos teóricos e metodológicos do ensino da Artes
Susanne Messias
 
Saberes e práticas na ed. infantil
Saberes e práticas na ed. infantilSaberes e práticas na ed. infantil
Saberes e práticas na ed. infantil
VIROUCLIPTAQ
 
Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2
Joao Balbi
 
Plano de trabalho series iniciais artes
Plano de trabalho series iniciais artesPlano de trabalho series iniciais artes
Plano de trabalho series iniciais artes
Patricia Storch
 
Competências e habilidades
Competências e habilidadesCompetências e habilidades
Competências e habilidades
Mari_Saracchini
 
Literatura infantil-juvenil
Literatura infantil-juvenilLiteratura infantil-juvenil
Literatura infantil-juvenil
Susanne Messias
 
Currículo escolar
Currículo escolarCurrículo escolar
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicasSlides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Marily Oliveira
 
AULO 1 - METODOLOGIA DO ENSINO DE ARTE (1).pptx
AULO 1 - METODOLOGIA DO ENSINO  DE ARTE (1).pptxAULO 1 - METODOLOGIA DO ENSINO  DE ARTE (1).pptx
AULO 1 - METODOLOGIA DO ENSINO DE ARTE (1).pptx
Raquel Vasconcelos
 
História da educação
História da educação História da educação
História da educação
Valéria Poubell
 
Aula De Literatura Infantil
Aula De Literatura InfantilAula De Literatura Infantil
Aula De Literatura Infantil
roessencia
 
Slides sobre planejamento
Slides sobre planejamentoSlides sobre planejamento
Slides sobre planejamento
familiaestagio
 
Conhecendo a didática
Conhecendo a didáticaConhecendo a didática
03 dimensões da gestão escolar
03 dimensões da gestão escolar03 dimensões da gestão escolar
03 dimensões da gestão escolar
Joao Balbi
 
Oficinas pedagógicas
Oficinas pedagógicasOficinas pedagógicas
Componente curricular de arte
Componente curricular de arteComponente curricular de arte
Componente curricular de arte
Rosely Pinto Padilha
 
Avaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagemAvaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagem
Gerdian Teixeira
 
Curriculo
CurriculoCurriculo

Mais procurados (20)

Planejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCCPlanejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCC
 
Planejamento pedagógico
Planejamento pedagógicoPlanejamento pedagógico
Planejamento pedagógico
 
Fundamentos teóricos e metodológicos do ensino da Artes
Fundamentos teóricos e metodológicos do ensino da ArtesFundamentos teóricos e metodológicos do ensino da Artes
Fundamentos teóricos e metodológicos do ensino da Artes
 
Saberes e práticas na ed. infantil
Saberes e práticas na ed. infantilSaberes e práticas na ed. infantil
Saberes e práticas na ed. infantil
 
Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2Planejamento e ação docente 2
Planejamento e ação docente 2
 
Plano de trabalho series iniciais artes
Plano de trabalho series iniciais artesPlano de trabalho series iniciais artes
Plano de trabalho series iniciais artes
 
Competências e habilidades
Competências e habilidadesCompetências e habilidades
Competências e habilidades
 
Literatura infantil-juvenil
Literatura infantil-juvenilLiteratura infantil-juvenil
Literatura infantil-juvenil
 
Currículo escolar
Currículo escolarCurrículo escolar
Currículo escolar
 
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicasSlides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
Slides Sextas inclusivas- práticas pedagógicas
 
AULO 1 - METODOLOGIA DO ENSINO DE ARTE (1).pptx
AULO 1 - METODOLOGIA DO ENSINO  DE ARTE (1).pptxAULO 1 - METODOLOGIA DO ENSINO  DE ARTE (1).pptx
AULO 1 - METODOLOGIA DO ENSINO DE ARTE (1).pptx
 
História da educação
História da educação História da educação
História da educação
 
Aula De Literatura Infantil
Aula De Literatura InfantilAula De Literatura Infantil
Aula De Literatura Infantil
 
Slides sobre planejamento
Slides sobre planejamentoSlides sobre planejamento
Slides sobre planejamento
 
Conhecendo a didática
Conhecendo a didáticaConhecendo a didática
Conhecendo a didática
 
03 dimensões da gestão escolar
03 dimensões da gestão escolar03 dimensões da gestão escolar
03 dimensões da gestão escolar
 
Oficinas pedagógicas
Oficinas pedagógicasOficinas pedagógicas
Oficinas pedagógicas
 
Componente curricular de arte
Componente curricular de arteComponente curricular de arte
Componente curricular de arte
 
Avaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagemAvaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagem
 
Curriculo
CurriculoCurriculo
Curriculo
 

Destaque

DEFINIÇÕES DE ARTE
DEFINIÇÕES DE ARTEDEFINIÇÕES DE ARTE
DEFINIÇÕES DE ARTE
Aclecio Dantas
 
Pcn Arte
Pcn ArtePcn Arte
Pcn Arte
Beatriz
 
O que é arte?
O que é arte?O que é arte?
O que é arte?
IF - Baiano
 
O ensino de arte e educação
O ensino de arte e educaçãoO ensino de arte e educação
O ensino de arte e educação
Fladia
 
A IMPORTANCIA DO ENSINO DA ARTE PARA OS ALUNOS DA PRIMEIRA SÉRIE DO ENSINO MÉ...
A IMPORTANCIA DO ENSINO DA ARTE PARA OS ALUNOS DA PRIMEIRA SÉRIE DO ENSINO MÉ...A IMPORTANCIA DO ENSINO DA ARTE PARA OS ALUNOS DA PRIMEIRA SÉRIE DO ENSINO MÉ...
A IMPORTANCIA DO ENSINO DA ARTE PARA OS ALUNOS DA PRIMEIRA SÉRIE DO ENSINO MÉ...
Vis-UAB
 
O que é a arte
O que é a arteO que é a arte
O que é a arte
Ana Barreiros
 
A função da arte slide
A função da arte   slideA função da arte   slide
A função da arte slide
2011saletekm
 
Introdução a Arte
Introdução a ArteIntrodução a Arte
Introdução a Arte
www.historiadasartes.com
 
Arte
ArteArte
Metodologia do ensino das artes visuais
Metodologia do ensino das artes visuais   Metodologia do ensino das artes visuais
Metodologia do ensino das artes visuais
HENRIQUE GOMES DE LIMA
 
A arte no processo de alfabetização e letramento
A arte no processo de alfabetização e letramentoA arte no processo de alfabetização e letramento
A arte no processo de alfabetização e letramento
Professoratete
 
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamentalConteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
josivaldopassos
 
Unidade 7 arte (4)
Unidade 7   arte (4)Unidade 7   arte (4)
Unidade 7 arte (4)
Naysa Taboada
 
Projeto interdisciplinar artes
Projeto interdisciplinar artesProjeto interdisciplinar artes
Projeto interdisciplinar artes
Júlia Gama
 
Artes 2º ano
Artes 2º anoArtes 2º ano
Artes 2º ano
GERALDOGOMESDEBARROS
 
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
Ana Beatriz Cargnin
 
Planejamento ArtesVisuais
Planejamento  ArtesVisuaisPlanejamento  ArtesVisuais
Planejamento ArtesVisuais
Dulcinea Lisboa Passos
 
Planejamento anual de artes ensino fundamental
Planejamento anual de artes ensino fundamentalPlanejamento anual de artes ensino fundamental
Planejamento anual de artes ensino fundamental
Marcia Alves de Oliveira
 
Ensino arte ciclo1
Ensino arte ciclo1Ensino arte ciclo1
Ensino arte ciclo1
Lucianaornellas
 
Pnaic caderno 6
Pnaic caderno 6Pnaic caderno 6
Pnaic caderno 6
Daniela Menezes
 

Destaque (20)

DEFINIÇÕES DE ARTE
DEFINIÇÕES DE ARTEDEFINIÇÕES DE ARTE
DEFINIÇÕES DE ARTE
 
Pcn Arte
Pcn ArtePcn Arte
Pcn Arte
 
O que é arte?
O que é arte?O que é arte?
O que é arte?
 
O ensino de arte e educação
O ensino de arte e educaçãoO ensino de arte e educação
O ensino de arte e educação
 
A IMPORTANCIA DO ENSINO DA ARTE PARA OS ALUNOS DA PRIMEIRA SÉRIE DO ENSINO MÉ...
A IMPORTANCIA DO ENSINO DA ARTE PARA OS ALUNOS DA PRIMEIRA SÉRIE DO ENSINO MÉ...A IMPORTANCIA DO ENSINO DA ARTE PARA OS ALUNOS DA PRIMEIRA SÉRIE DO ENSINO MÉ...
A IMPORTANCIA DO ENSINO DA ARTE PARA OS ALUNOS DA PRIMEIRA SÉRIE DO ENSINO MÉ...
 
O que é a arte
O que é a arteO que é a arte
O que é a arte
 
A função da arte slide
A função da arte   slideA função da arte   slide
A função da arte slide
 
Introdução a Arte
Introdução a ArteIntrodução a Arte
Introdução a Arte
 
Arte
ArteArte
Arte
 
Metodologia do ensino das artes visuais
Metodologia do ensino das artes visuais   Metodologia do ensino das artes visuais
Metodologia do ensino das artes visuais
 
A arte no processo de alfabetização e letramento
A arte no processo de alfabetização e letramentoA arte no processo de alfabetização e letramento
A arte no processo de alfabetização e letramento
 
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamentalConteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
 
Unidade 7 arte (4)
Unidade 7   arte (4)Unidade 7   arte (4)
Unidade 7 arte (4)
 
Projeto interdisciplinar artes
Projeto interdisciplinar artesProjeto interdisciplinar artes
Projeto interdisciplinar artes
 
Artes 2º ano
Artes 2º anoArtes 2º ano
Artes 2º ano
 
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
Plano de aula 1: Pinturas que Contam Histórias I: Arte Rupestre, Arte Egípcia...
 
Planejamento ArtesVisuais
Planejamento  ArtesVisuaisPlanejamento  ArtesVisuais
Planejamento ArtesVisuais
 
Planejamento anual de artes ensino fundamental
Planejamento anual de artes ensino fundamentalPlanejamento anual de artes ensino fundamental
Planejamento anual de artes ensino fundamental
 
Ensino arte ciclo1
Ensino arte ciclo1Ensino arte ciclo1
Ensino arte ciclo1
 
Pnaic caderno 6
Pnaic caderno 6Pnaic caderno 6
Pnaic caderno 6
 

Semelhante a OT O Ensino de Arte nas Series Iniciais

Orientacoes Curriculares Ensino Fundamental-series iniciais
Orientacoes Curriculares  Ensino Fundamental-series iniciaisOrientacoes Curriculares  Ensino Fundamental-series iniciais
Orientacoes Curriculares Ensino Fundamental-series iniciais
corescolar
 
5ª Reunião
5ª Reunião5ª Reunião
3ª etapa 1° ciclo.docx
3ª etapa 1° ciclo.docx3ª etapa 1° ciclo.docx
3ª etapa 1° ciclo.docx
Ivete Diniz
 
PLANEJAMENTO DE ARTE 2023.docx
PLANEJAMENTO DE ARTE 2023.docxPLANEJAMENTO DE ARTE 2023.docx
PLANEJAMENTO DE ARTE 2023.docx
WeslleyDias8
 
4ª etapa 2° ciclo.docx
4ª etapa 2° ciclo.docx4ª etapa 2° ciclo.docx
4ª etapa 2° ciclo.docx
Ivete Diniz
 
Eja.docx
Eja.docxEja.docx
Eja.docx
Ivete Diniz
 
ARTES - 3° ANO - ALINHADO A BNCC.docx
ARTES - 3° ANO - ALINHADO A BNCC.docxARTES - 3° ANO - ALINHADO A BNCC.docx
ARTES - 3° ANO - ALINHADO A BNCC.docx
BRENDAMAYLASOARES
 
Orientacoes Curriculares Ensino Fundamental -series finais
Orientacoes Curriculares  Ensino Fundamental -series finaisOrientacoes Curriculares  Ensino Fundamental -series finais
Orientacoes Curriculares Ensino Fundamental -series finais
corescolar
 
ARTE.pdf
ARTE.pdfARTE.pdf
Orientações Curriculares Ensino Médio
Orientações Curriculares Ensino MédioOrientações Curriculares Ensino Médio
Orientações Curriculares Ensino Médio
corescolar
 
Planejamento anual
Planejamento anualPlanejamento anual
Planejamento anual
Kátia Moreira
 
ensino_arte_ciclo1.pdf
ensino_arte_ciclo1.pdfensino_arte_ciclo1.pdf
ensino_arte_ciclo1.pdf
EscolaEstadualCesec
 
PdfFile(22).PDF
PdfFile(22).PDFPdfFile(22).PDF
PdfFile(22).PDF
JoaoAlves319493
 
Arte - plano de curso-2016
Arte  - plano de curso-2016Arte  - plano de curso-2016
Arte - plano de curso-2016
Mary Alvarenga
 
Artes
ArtesArtes
GUIA DE APRENDIZAGEM arte.docx
GUIA DE APRENDIZAGEM arte.docxGUIA DE APRENDIZAGEM arte.docx
GUIA DE APRENDIZAGEM arte.docx
rosani borralho
 
PLANEJAMENTO ANUAL REDE ARTE 2022 corrigido-convertido.docx
PLANEJAMENTO ANUAL REDE ARTE 2022 corrigido-convertido.docxPLANEJAMENTO ANUAL REDE ARTE 2022 corrigido-convertido.docx
PLANEJAMENTO ANUAL REDE ARTE 2022 corrigido-convertido.docx
WeslleyDias8
 
Ot música 2012
Ot música 2012Ot música 2012
Ot música 2012
Marilia.torres
 
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.docx
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.docxarte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.docx
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.docx
JoaoAlves319493
 
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.pdf
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.pdfarte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.pdf
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.pdf
JohnArislandaSilva
 

Semelhante a OT O Ensino de Arte nas Series Iniciais (20)

Orientacoes Curriculares Ensino Fundamental-series iniciais
Orientacoes Curriculares  Ensino Fundamental-series iniciaisOrientacoes Curriculares  Ensino Fundamental-series iniciais
Orientacoes Curriculares Ensino Fundamental-series iniciais
 
5ª Reunião
5ª Reunião5ª Reunião
5ª Reunião
 
3ª etapa 1° ciclo.docx
3ª etapa 1° ciclo.docx3ª etapa 1° ciclo.docx
3ª etapa 1° ciclo.docx
 
PLANEJAMENTO DE ARTE 2023.docx
PLANEJAMENTO DE ARTE 2023.docxPLANEJAMENTO DE ARTE 2023.docx
PLANEJAMENTO DE ARTE 2023.docx
 
4ª etapa 2° ciclo.docx
4ª etapa 2° ciclo.docx4ª etapa 2° ciclo.docx
4ª etapa 2° ciclo.docx
 
Eja.docx
Eja.docxEja.docx
Eja.docx
 
ARTES - 3° ANO - ALINHADO A BNCC.docx
ARTES - 3° ANO - ALINHADO A BNCC.docxARTES - 3° ANO - ALINHADO A BNCC.docx
ARTES - 3° ANO - ALINHADO A BNCC.docx
 
Orientacoes Curriculares Ensino Fundamental -series finais
Orientacoes Curriculares  Ensino Fundamental -series finaisOrientacoes Curriculares  Ensino Fundamental -series finais
Orientacoes Curriculares Ensino Fundamental -series finais
 
ARTE.pdf
ARTE.pdfARTE.pdf
ARTE.pdf
 
Orientações Curriculares Ensino Médio
Orientações Curriculares Ensino MédioOrientações Curriculares Ensino Médio
Orientações Curriculares Ensino Médio
 
Planejamento anual
Planejamento anualPlanejamento anual
Planejamento anual
 
ensino_arte_ciclo1.pdf
ensino_arte_ciclo1.pdfensino_arte_ciclo1.pdf
ensino_arte_ciclo1.pdf
 
PdfFile(22).PDF
PdfFile(22).PDFPdfFile(22).PDF
PdfFile(22).PDF
 
Arte - plano de curso-2016
Arte  - plano de curso-2016Arte  - plano de curso-2016
Arte - plano de curso-2016
 
Artes
ArtesArtes
Artes
 
GUIA DE APRENDIZAGEM arte.docx
GUIA DE APRENDIZAGEM arte.docxGUIA DE APRENDIZAGEM arte.docx
GUIA DE APRENDIZAGEM arte.docx
 
PLANEJAMENTO ANUAL REDE ARTE 2022 corrigido-convertido.docx
PLANEJAMENTO ANUAL REDE ARTE 2022 corrigido-convertido.docxPLANEJAMENTO ANUAL REDE ARTE 2022 corrigido-convertido.docx
PLANEJAMENTO ANUAL REDE ARTE 2022 corrigido-convertido.docx
 
Ot música 2012
Ot música 2012Ot música 2012
Ot música 2012
 
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.docx
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.docxarte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.docx
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.docx
 
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.pdf
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.pdfarte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.pdf
arte-planejamento-6-ano-www.leonardoportal.com-.pdf
 

Mais de Claudia Elisabete Silva

DE Leste 4 - Cultura é Currículo - Maio 2014
DE Leste 4 - Cultura é Currículo - Maio 2014DE Leste 4 - Cultura é Currículo - Maio 2014
DE Leste 4 - Cultura é Currículo - Maio 2014
Claudia Elisabete Silva
 
ATPC Como Espaço de Formação - Gestão da Sala de Aula
ATPC Como Espaço de Formação - Gestão da Sala de AulaATPC Como Espaço de Formação - Gestão da Sala de Aula
ATPC Como Espaço de Formação - Gestão da Sala de Aula
Claudia Elisabete Silva
 
Cultura é Currículo - abril 2014
Cultura é Currículo - abril 2014Cultura é Currículo - abril 2014
Cultura é Currículo - abril 2014
Claudia Elisabete Silva
 
OT Sala de Leitura 15abril
OT Sala de Leitura 15abrilOT Sala de Leitura 15abril
OT Sala de Leitura 15abril
Claudia Elisabete Silva
 
OT Mediação e Linguagem - II Encontro 13mar
OT Mediação e Linguagem - II Encontro 13marOT Mediação e Linguagem - II Encontro 13mar
OT Mediação e Linguagem - II Encontro 13mar
Claudia Elisabete Silva
 
OT Mediação e Linguagem 11fev
OT Mediação e Linguagem 11fevOT Mediação e Linguagem 11fev
OT Mediação e Linguagem 11fev
Claudia Elisabete Silva
 
OT Sabores da Leitura 25fev
OT Sabores da Leitura 25fevOT Sabores da Leitura 25fev
OT Sabores da Leitura 25fev
Claudia Elisabete Silva
 
Reset Tablet (DE Leste 4)
Reset Tablet (DE Leste 4)Reset Tablet (DE Leste 4)
Reset Tablet (DE Leste 4)
Claudia Elisabete Silva
 
Tablet Educacional
Tablet EducacionalTablet Educacional
Tablet Educacional
Claudia Elisabete Silva
 
ATPC Como Espaço de Formação - Avaliação
ATPC Como Espaço de Formação - AvaliaçãoATPC Como Espaço de Formação - Avaliação
ATPC Como Espaço de Formação - Avaliação
Claudia Elisabete Silva
 
Porque vacinar contra o HPV
Porque vacinar contra o HPVPorque vacinar contra o HPV
Porque vacinar contra o HPV
Claudia Elisabete Silva
 
Informe Técnico - Campanha de Vacinação HPV_Autorização
Informe Técnico - Campanha de Vacinação HPV_AutorizaçãoInforme Técnico - Campanha de Vacinação HPV_Autorização
Informe Técnico - Campanha de Vacinação HPV_Autorização
Claudia Elisabete Silva
 
Guia Prático HPV - perguntas e respostas
Guia Prático HPV - perguntas e respostasGuia Prático HPV - perguntas e respostas
Guia Prático HPV - perguntas e respostas
Claudia Elisabete Silva
 
Educação Especial: OT Planejamento 2014 EF-Anos Finais e Ensino Médio
Educação Especial: OT Planejamento 2014 EF-Anos Finais e Ensino MédioEducação Especial: OT Planejamento 2014 EF-Anos Finais e Ensino Médio
Educação Especial: OT Planejamento 2014 EF-Anos Finais e Ensino Médio
Claudia Elisabete Silva
 
Planejamento Escolar 2014
Planejamento Escolar 2014Planejamento Escolar 2014
Planejamento Escolar 2014
Claudia Elisabete Silva
 
Ciencias da Natureza 2014
Ciencias da Natureza 2014Ciencias da Natureza 2014
Ciencias da Natureza 2014
Claudia Elisabete Silva
 
OT Currículo e histórias indígena, africana e afro-brasileira
OT Currículo e histórias indígena, africana e afro-brasileiraOT Currículo e histórias indígena, africana e afro-brasileira
OT Currículo e histórias indígena, africana e afro-brasileira
Claudia Elisabete Silva
 
OT Múltiplas histórias na sala de aula: história africana, afro-brasileira e ...
OT Múltiplas histórias na sala de aula: história africana, afro-brasileira e ...OT Múltiplas histórias na sala de aula: história africana, afro-brasileira e ...
OT Múltiplas histórias na sala de aula: história africana, afro-brasileira e ...
Claudia Elisabete Silva
 
1a Exposição de Boas Práticas da Diretoria de Ensino Leste 4
1a Exposição de Boas Práticas da Diretoria de Ensino Leste 41a Exposição de Boas Práticas da Diretoria de Ensino Leste 4
1a Exposição de Boas Práticas da Diretoria de Ensino Leste 4
Claudia Elisabete Silva
 
Cronograma Cultura é Currículo - Outubro de 2013
Cronograma Cultura é Currículo - Outubro de 2013Cronograma Cultura é Currículo - Outubro de 2013
Cronograma Cultura é Currículo - Outubro de 2013
Claudia Elisabete Silva
 

Mais de Claudia Elisabete Silva (20)

DE Leste 4 - Cultura é Currículo - Maio 2014
DE Leste 4 - Cultura é Currículo - Maio 2014DE Leste 4 - Cultura é Currículo - Maio 2014
DE Leste 4 - Cultura é Currículo - Maio 2014
 
ATPC Como Espaço de Formação - Gestão da Sala de Aula
ATPC Como Espaço de Formação - Gestão da Sala de AulaATPC Como Espaço de Formação - Gestão da Sala de Aula
ATPC Como Espaço de Formação - Gestão da Sala de Aula
 
Cultura é Currículo - abril 2014
Cultura é Currículo - abril 2014Cultura é Currículo - abril 2014
Cultura é Currículo - abril 2014
 
OT Sala de Leitura 15abril
OT Sala de Leitura 15abrilOT Sala de Leitura 15abril
OT Sala de Leitura 15abril
 
OT Mediação e Linguagem - II Encontro 13mar
OT Mediação e Linguagem - II Encontro 13marOT Mediação e Linguagem - II Encontro 13mar
OT Mediação e Linguagem - II Encontro 13mar
 
OT Mediação e Linguagem 11fev
OT Mediação e Linguagem 11fevOT Mediação e Linguagem 11fev
OT Mediação e Linguagem 11fev
 
OT Sabores da Leitura 25fev
OT Sabores da Leitura 25fevOT Sabores da Leitura 25fev
OT Sabores da Leitura 25fev
 
Reset Tablet (DE Leste 4)
Reset Tablet (DE Leste 4)Reset Tablet (DE Leste 4)
Reset Tablet (DE Leste 4)
 
Tablet Educacional
Tablet EducacionalTablet Educacional
Tablet Educacional
 
ATPC Como Espaço de Formação - Avaliação
ATPC Como Espaço de Formação - AvaliaçãoATPC Como Espaço de Formação - Avaliação
ATPC Como Espaço de Formação - Avaliação
 
Porque vacinar contra o HPV
Porque vacinar contra o HPVPorque vacinar contra o HPV
Porque vacinar contra o HPV
 
Informe Técnico - Campanha de Vacinação HPV_Autorização
Informe Técnico - Campanha de Vacinação HPV_AutorizaçãoInforme Técnico - Campanha de Vacinação HPV_Autorização
Informe Técnico - Campanha de Vacinação HPV_Autorização
 
Guia Prático HPV - perguntas e respostas
Guia Prático HPV - perguntas e respostasGuia Prático HPV - perguntas e respostas
Guia Prático HPV - perguntas e respostas
 
Educação Especial: OT Planejamento 2014 EF-Anos Finais e Ensino Médio
Educação Especial: OT Planejamento 2014 EF-Anos Finais e Ensino MédioEducação Especial: OT Planejamento 2014 EF-Anos Finais e Ensino Médio
Educação Especial: OT Planejamento 2014 EF-Anos Finais e Ensino Médio
 
Planejamento Escolar 2014
Planejamento Escolar 2014Planejamento Escolar 2014
Planejamento Escolar 2014
 
Ciencias da Natureza 2014
Ciencias da Natureza 2014Ciencias da Natureza 2014
Ciencias da Natureza 2014
 
OT Currículo e histórias indígena, africana e afro-brasileira
OT Currículo e histórias indígena, africana e afro-brasileiraOT Currículo e histórias indígena, africana e afro-brasileira
OT Currículo e histórias indígena, africana e afro-brasileira
 
OT Múltiplas histórias na sala de aula: história africana, afro-brasileira e ...
OT Múltiplas histórias na sala de aula: história africana, afro-brasileira e ...OT Múltiplas histórias na sala de aula: história africana, afro-brasileira e ...
OT Múltiplas histórias na sala de aula: história africana, afro-brasileira e ...
 
1a Exposição de Boas Práticas da Diretoria de Ensino Leste 4
1a Exposição de Boas Práticas da Diretoria de Ensino Leste 41a Exposição de Boas Práticas da Diretoria de Ensino Leste 4
1a Exposição de Boas Práticas da Diretoria de Ensino Leste 4
 
Cronograma Cultura é Currículo - Outubro de 2013
Cronograma Cultura é Currículo - Outubro de 2013Cronograma Cultura é Currículo - Outubro de 2013
Cronograma Cultura é Currículo - Outubro de 2013
 

Último

Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
JocelynNavarroBonta
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 

Último (20)

Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 

OT O Ensino de Arte nas Series Iniciais

  • 1. DIRETORIA DE ENSINO LESTE 4 Núcleo Pedagógico Várias mãos tecem idéias,constroem propostas, concretizam projetos,diferentes olhares abrem portas, escancaram janelas,descortinam horizontes...
  • 2. Pensar um projeto de Arte na escola e, especialmente um projeto que contemple o ensinar e aprender arte nas séries iniciais do Ensino Fundamental, requer a clareza de dois pontos fundamentais: * Arte é área do conhecimento humano, patrimônio histórico e cultural da humanidade; *Arte é linguagem, portanto, um sistema simbólico de representação.
  • 3. O professor que leciona nas séries iniciais, tendo como foco principal o desenvolvimento das competências da leitura e escrita, tem o dever de possibilitar às crianças o acesso também à leitura e produção de textos nas linguagens não verbais, matéria prima do universo da arte. Manipular, organizar, compor, significar, decodificar,interpretar, produzir, conhecer imagens visuais, sonoras e gestuais/corporais são requisitos indispensáveis ao cidadão contemporâneo.A leitura de mundo,vão além do texto escrito...
  • 4. De acordo com as Propostas Curriculares para o ensino de Arte-SEE/CENP e os Parâmetros Curriculares Nacionais – MEC, são três os eixos articuladores do processo de ensino e aprendizagem em Arte: * Produção em Arte: o fazer artístico É o próprio ato de criar, construir, produzir. São os momentos em que a criança desenha,pinta, esculpe,modela,recorta,cola,canta,toca instrumento,compõe,atua,dança,representa, constrói personagens, simboliza...
  • 5. *Fruição: apreciação significativa da Arte e do universo a ela relacionado. Arte é linguagem. A apreciação estética é o próprio ato de perceber, ler, analisar, interpretar, criar, refletir sobre um texto sonoro, pictórico, visual, corporal. O professor deverá proporcionar a seus alunos a leitura das mais diversas obras de Arte e produtos artísticos, de todas as épocas, povos, países, culturas, gêneros, estilos, movimentos, técnicas, autores, artistas..., assim como as produções da própria classe envolvida.
  • 6. *Reflexão: a Arte é produto da história e da multiplicidade das culturas humanas. Além do fazer e do apreciara a arte, é de fundamental importância a contextualização da obra de arte; todo o panorama social, político, histórico cultural em que foi produzida; como ela se insere no momento de sua produção e como esse momento se reflete nela.
  • 7. ARTE E CRIANÇA Toda criança, antes de entrar na escola, “faz arte” ...desenha, pinta, faz esculturas de areia, canta, dança, toca instrumentos(ainda batendo tampas de panelas), cria personagens... O PROFESSOR DE ARTE Arte se ensina e se aprende.Para tanto o papel do professor enquanto mediador entre Arte e criança é de fundamental importância.
  • 8. Um professor que saiba do real significado da Arte na educação, tenha clareza de seus objetivos, que conheça Arte, que conheça a criança...Um professor investigador, que instigue, alimente, desvele,amplie e aprofunde o repertório artístico e estético de suas crianças. Alguém que saiba Arte e saiba SER professor de Arte, como dizia Mariazinha Fuzari.
  • 9. CONTEÚDOS Como recomendam os parâmetros Curriculares nacionais, as aulas de Arte devem contemplar as linguagens: Dança, Teatro,Música e Artes Visuais, dentro de três *eixos articuladores citados anteriormente.dessa forma,em linhas gerais, alguns conteúdos a serem contemplados: *(fazer,apreciar,reconhecer)
  • 10. Artes Visuais: *O fazer artístico: desenho pintura,colagem, escultura,gravura,modelagem,instalação, vídeo, fotografia, história em quadrinhos, etc. *Apreciação significativa: convivência com produções visuais(originais e reproduzidas)e suas concepções estéticas nas diferentes culturas (regional, nacional e internacional); identificação de significados expressivos; reconhecimento e experimentação de leitura dos elementos básicos da linguagem visual; identificação de algumas técnicas e procedimentos artísticos presentes... *Produção cultural e histórica: observação, estudo e compreensão de diferentes obras de Artes Visuais, artistas e movimentos artísticos produzidos em diversas culturas e em diferentes tempos da história;leitura e discussão de textos simples,imagens e informações orais sobre artistas, suas biografias e suas produções; freqüência a museus, galerias, exposições,mostras,atelier,oficinas.
  • 11. MÚSICA O fazer artístico: interpretações,arranjos, improvisações e composições dos próprios alunos (individual e grupal) baseados nos elementos da linguagem musical experimentação, seleção e utilização de instrumentos, materiais sonoros, equipamentos e tecnologias; canto, notação musical, criação de letras de canções... Apreciação significativa: percepção e identificação dos elementos da linguagem ;identificação de instrumentos e materiais sonoros... Produção cultural e histórica: movimentos musicais e obras de diferentes épocas e culturas associados a contextos históricos e sociais, geográficos observados na sua diversidade; fontes de registro e preservação (partituras, discos); a música e sua importância na sociedade e na vida dos indivíduos; os sons ambientais,naturais e outros, de diferentes épocas e lugares e sua influência na música e vida das pessoas...
  • 12. DANÇA O fazer artístico: interpretações, arranjos,improvisações e composições dos próprios alunos (individual e grupal) baseados nos elementos da linguagem de dança; criação de pequenas coreografias... Apreciação significativa: reconhecimento e distinção das diversas modalidades de movimentos e suas combinações como são apresentadas nos vários estilos de dança; identificação de formas, volume,peso, formas de locomoção, deslocamento, direções, planos, velocidade, tempo... Produção cultural e histórica: identificação e reconhecimento da dança e suas concepções estéticas nas diversas culturas, considerando as criações regionais, nacionais e internacionais;pesquisa e freqüência às fontes de informação e comunicação presentes em sua localidade( livros, revistas,vídeos, filmes e outros tipos de registros em dança)...
  • 13. TEATRO O Fazer Artístico: jogos de atenção, observação, improvisação, , reconhecimento e utilização dos elementos da linguagem cênica: espaço cênico, personagem e ação dramática;experimentação e articulação entre as expressões corporal, plástica e sonora: pesquisa, elaboração e utilização de cenário, figurino, maquiagem, adereços, objetos de cena, iluminação e som... Apreciação significativa: compreensão dos significados expressivos corporais,textuais, visuais, sonoros da criação teatral; observação, apreciação e análise das diversas manifestações de teatro... Produção cultural e histórica: identificação das manifestações e produções em teatro nas diferentes culturas e épocas, pesquisa e leitura de textos dramáticos e de fatos da história de teatro, freqüência junto aos grupos de teatro e às fontes de informação, documentação e comunicação presentes em sua região...
  • 14. “ Gatinho Chesbire, começou Alice, podes me dizer que caminho tomar? Isso depende de onde queres chegar, disse o gato” Lewis Carrol – “ Alice no Pais das Maravilhas” Se não sabemos aonde queremos ir, qualquer caminho serve... Sabemos que não é qualquer caminho que nos serve e sabemos aonde queremos chegar: à construção de um caminho significativo em Arte.