SlideShare uma empresa Scribd logo
Motores | Automação | Energia | Tintas
O quê é um Inversor deO quê é um Inversor de
Frequência ?Frequência ?
O inversor de freqüênciaO inversor de freqüência
é um equipamento eletrônicoé um equipamento eletrônico
desenvolvido para variar adesenvolvido para variar a
velocidade de motores develocidade de motores de
indução trifásico.indução trifásico.
MÉTODOS UTILIZADOS PARAMÉTODOS UTILIZADOS PARA
VARIAÇÃO DE VELOCIDADEVARIAÇÃO DE VELOCIDADE
 Motor de dupla polaridadeMotor de dupla polaridade
 Variadores mecânicos.Variadores mecânicos.
- Polias fixas- Polias fixas
- Polia variadora- Polia variadora
- Moto Variadores- Moto Variadores
 Variadores eletromagnéticosVariadores eletromagnéticos
 Variadores Eletro EletrônicosVariadores Eletro Eletrônicos
Inversores de FreqüênciaInversores de Freqüência Conversor CA/CCConversor CA/CC
VARIADORES ELETRÔNICOSVARIADORES ELETRÔNICOS
Equacionamento Básico daEquacionamento Básico da
Máquina AssincronaMáquina Assincrona
n = 120 . f . (1-s)
p
C ≈ φ . I2
φ ≈ U
f
Onde :Onde :
C = torque= torque
I2 = corrente rotórica= corrente rotórica
φ = fluxo magnético= fluxo magnético
U = Tensão= Tensão
f = freqüência= freqüência
s = escorregamento= escorregamento
p = número de pólos= número de pólos
n = Velocidade do motor= Velocidade do motor
Existem dois tipos de InversoresExistem dois tipos de Inversores
de Frequência.de Frequência.
Inversores de Frequência controle escalar de velocidadeInversores de Frequência controle escalar de velocidade
Inversores de Frequência controle vetorial de velocidadeInversores de Frequência controle vetorial de velocidade
10
Inversores de Frequência com controleInversores de Frequência com controle
escalar de velocidadeescalar de velocidade
Os inversores de freqüência com controleOs inversores de freqüência com controle
escalar de velocidade, controlam somente a Tensão eescalar de velocidade, controlam somente a Tensão e
a Freqüência aplicadas ao motor, deixando o torquea Freqüência aplicadas ao motor, deixando o torque
do motor proporcional a esta relação ou seja,do motor proporcional a esta relação ou seja,
constante, porem não identificam as alterações naconstante, porem não identificam as alterações na
rotação do motor devido as possíveis variações narotação do motor devido as possíveis variações na
carga.carga.
Curva de Tensão e Freqüência
Inversores de Frequência comInversores de Frequência com
controle vetorial de velocidadecontrole vetorial de velocidade
O inversor de freqüência vetorial, alem de controlar aO inversor de freqüência vetorial, alem de controlar a
Tensão e Freqüência aplicadas ao motor controla também oTensão e Freqüência aplicadas ao motor controla também o
Torque, em função das possíveis variações de carga.Torque, em função das possíveis variações de carga.
Ele detecta as variações de carga através da correnteEle detecta as variações de carga através da corrente
do motor quando trabalha no modo de controle Vetorialdo motor quando trabalha no modo de controle Vetorial
Sensorless ou através de um taco gerador de pulso (Encoder)Sensorless ou através de um taco gerador de pulso (Encoder)
acoplado ao eixo do motor quando trabalha no modo Vetorialacoplado ao eixo do motor quando trabalha no modo Vetorial
com encoder (opcional)com encoder (opcional)
I1 = Corrente total do motor (medida)= Corrente total do motor (medida)
Im = Corrente de Magnetização (medida)= Corrente de Magnetização (medida)
I2 = Corrente Rotórica (Calculada)= Corrente Rotórica (Calculada)
Tabela de comparação entreTabela de comparação entre
tecnologias de controle detecnologias de controle de
velocidade.velocidade.
Item
Inversores
Escalares
Inversores Vetoriais
Sensorless C/ encoder
Conversor C.C.
com
realimentação
Servo
Acionamento
C/realimentação
Faixa ideal
de trabalho
Regulação de
velocidade
Resposta
dinâmica
Controle
de torque
Torque com
velocidade
zero
Depende do
escorregamento
( +/- 1% )
0,5 % 0,01 % 0,5 % 0,005 %
0,5 a 1 s 0,2 s 0,03 s 0,06 s 0,004 s
Não disponível Disponível Disponível DisponívelSomente limite
Não disponível Não disponível Disponível
Disponível
( tempo restrito )
Disponível
De 6Hz a
60Hz
De 3Hz a
60Hz
De 0,5Hz a
60Hz
De 18 rpm
a 1800
rpm
De 0,01Hz
a 60Hz
CFW09 - RegenerativoCFW09 - Regenerativo
Rede de
Alimentação
CFW09 -HDCFW-09 - RB
CFW09 - RegenerativoCFW09 - Regenerativo
MOTORREDE
GERADORREDE
Ponte regenerativa Ponte inversora
Linha WEGLinha WEG
Dados Gerais dos Inversores WEGDados Gerais dos Inversores WEG
Padronização de programação;
Grau de proteção:
CFW08 – NEMA 1 e IP 20
CFW09 – NEMA 1, NEMA 4, IP 20 E IP 56
CFW10 – IP20
CFW11 – NEMA 1, IP 21, IP 54
Faixa de freqüência de saída;
CFW08, CFW10 e CFW11 – 0 – 300 Hz
CFW09 – 0 – 204 Hz
Ponte inversora a transistor IGBT;
IHM Remota para painéis:
Cabos de 1; 2; 3; 5; 7,5 e 10 m (ou mais sob consulta) (***)Cabos de 1; 2; 3; 5; 7,5 e 10 m (ou mais sob consulta) (***)
(***) Exceto CFW10
Rampa Linear e rampa tipo “S”Rampa Linear e rampa tipo “S”
Frenagem CCFrenagem CC
Função de JOGFunção de JOG
Curva U/F ajustávelCurva U/F ajustável
Função Multi-Speed - 8 velocidadesFunção Multi-Speed - 8 velocidades
Rejeição de freqüências críticasRejeição de freqüências críticas
Ride-ThroughRide-Through (***)(***)
Função Flying StartFunção Flying Start (***)(***)
Compensação de escorregamentoCompensação de escorregamento
(***)(***) Exceto CFW10
Dados Gerais dos Inversores WEGDados Gerais dos Inversores WEG
Rede de comunicação nos Inversores WEGRede de comunicação nos Inversores WEG
CFW08 CFW09 CFW10 CFW11
Serial RS-232 KCS KCS - RS-232-01
Serial RS-485 KRS-485 EBA ou EBB - RS-485-01
ModBus RTU Via RS-232 ou
RS-485
Int. RS-232 ou
RS-485
- RS-485-01
ProfiBus DP KCR-485 +
MFW-01/PD
KFB-PD -
ProfiBusDP-01
* Em breve
CANopen OK – Inversor
especial
Placa PLC -
CAN-01
* Em breve
DeviceNet OK – Inversor
especial
KFB-DN ou
Placa PLC
- DeviceNet-05
Ethernet IP - * Em breve -
EtherNet IP-05
* Em breve
Frenagem ReostáticaFrenagem Reostática
CFW08*, CFW09, CFW10**, CFW11CFW08*, CFW09, CFW10**, CFW11
* CFW08 disponível nas mecânicas 2, 3 e 4* CFW08 disponível nas mecânicas 2, 3 e 4
** CFW10 somente nos modelos 4A – 110V e 7,3 e 10A – 220V** CFW10 somente nos modelos 4A – 110V e 7,3 e 10A – 220V
Regulador PID:Regulador PID:
CFW08, CFW09, CFW 10 e CFW11CFW08, CFW09, CFW 10 e CFW11
Dados Gerais dos Inversores WEGDados Gerais dos Inversores WEG
CFW09 Frenagem reostáticaCFW09 Frenagem reostática
Energia dissipada
por efeito Joule
Módulo de frenagem
Resistor de
frenagem
GERADORREDE
Não ocorrerá o bloqueio do
inversor na execução da
rampa.
Fluído
Bomba
Sensor
Entrada da bomba:
3411RPM - 2,83KGFM
Alimentação 220V
Aplicações PID - BombaAplicações PID - Bomba
Multi-SpeedMulti-Speed
Ajuste de até 8 velocidades pré-programadas, via software.
Comandadas por 3 entradas digitais no inversor. Vantagens:
imunidade a ruídos elétricos, simplificação de comando e ajustes.
DI´s
F1
P122
DI 4
DI 5
DI 6
ON
OFF
F2
P123
F8
P129
F7
P128
F6
P127
F5
P126
F4
P125
F3
P124
Para dimensionar um Inversor , é necessário saberPara dimensionar um Inversor , é necessário saber
Aplicação (tipo de carga)Aplicação (tipo de carga)
Corrente do MotorCorrente do Motor
Potência do MotorPotência do Motor
Tensão de AlimentaçãoTensão de Alimentação
A faixa de velocidade de operação:A faixa de velocidade de operação:
( velocidade mínima e máxima )( velocidade mínima e máxima )
Informações básicas para o
dimensionamento
Informações para o
dimensionamento
correto do motor
DimensionamentoDimensionamento
Placa dePlaca de
Identificação doIdentificação do
MotorMotor
DIMENSIONAMENTODIMENSIONAMENTO
CURVA DE CONJUGADO x ROTAÇÃO PARA MOTORESCURVA DE CONJUGADO x ROTAÇÃO PARA MOTORES
AUTOVENTILADOS, ACIONADOS COM INVERSOR DEAUTOVENTILADOS, ACIONADOS COM INVERSOR DE
FREQÜÊNCIA.FREQÜÊNCIA.
0.55
0.60
0.65
0.70
0.75
0.80
0.85
0.90
0.95
1.00
1.05
0.0 0.1 0.2 0.3 0.4 0.5 0.6 0.7 0.8 0.9 1.0 1.1 1.2 1.3 1.4 1.5 1.6
[f/fn] - Freqüência (p.u.)
[TR]-Reduçãonotorque(p.u.)
A
B
C
CURVA DE CONJUGADO x ROTAÇÃO PARA MOTORES COMCURVA DE CONJUGADO x ROTAÇÃO PARA MOTORES COM
VENTILAÇÃO INDEPENDENTE, ACIONADOS COM INVERSORVENTILAÇÃO INDEPENDENTE, ACIONADOS COM INVERSOR
DE FREQÜÊNCIA.DE FREQÜÊNCIA.
0.55
0.60
0.65
0.70
0.75
0.80
0.85
0.90
0.95
1.00
1.05
0.0 0.1 0.2 0.3 0.4 0.5 0.6 0.7 0.8 0.9 1.0 1.1 1.2 1.3 1.4 1.5 1.6
[f/fn] - Freqüência
[TR]-Reduçãonotorque(p.u.)
““AgradecemosAgradecemos
a atenção e aa atenção e a
presença de todos”.presença de todos”.
www.weg.com.br
Contato:
Marcio Rosa
WEG Automação
E-mail: marcior@weg.net
Tel.: 11-5053-2332
Cel.: 11-8181-2995
www.weg.n
et

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

8 transformadores de corrente
8   transformadores de corrente8   transformadores de corrente
8 transformadores de corrente
Cléber Lemos de Lima
 
Aula motores elétricos
Aula motores elétricosAula motores elétricos
Aula motores elétricos
Deyvide de Souza
 
Chave seccionadora, Sensor indutivo e Relé temporizador
Chave seccionadora, Sensor indutivo e Relé temporizadorChave seccionadora, Sensor indutivo e Relé temporizador
Chave seccionadora, Sensor indutivo e Relé temporizador
João Vitor Pereira Mendes
 
Metodos de chaves de partida para motores.ppt
Metodos de chaves de partida para motores.pptMetodos de chaves de partida para motores.ppt
Metodos de chaves de partida para motores.ppt
MauroArthuzo1
 
Comando de uma chave de partida estrela triangulo
Comando de uma chave de partida estrela trianguloComando de uma chave de partida estrela triangulo
Comando de uma chave de partida estrela triangulo
Rochester Da Costa Rodrigues
 
Pdf slides das aulas dispositivos utilizados em comandos elétricos
Pdf slides das aulas dispositivos utilizados em comandos elétricosPdf slides das aulas dispositivos utilizados em comandos elétricos
Pdf slides das aulas dispositivos utilizados em comandos elétricos
Jadson Caetano
 
Sensores na automação industrial o completo
Sensores na automação industrial o completoSensores na automação industrial o completo
Sensores na automação industrial o completo
Luis Varoli
 
5ª aula pratica com inversor de frequencia
5ª aula pratica com inversor de frequencia5ª aula pratica com inversor de frequencia
5ª aula pratica com inversor de frequencia
AnaMacedoeletrical
 
Apostila de automação com clp em linguagem ladder
Apostila de automação com clp em linguagem ladderApostila de automação com clp em linguagem ladder
Apostila de automação com clp em linguagem ladder
marv2
 
Apostila procedimentos para testes e ensaios de motores elétricos franklin
Apostila procedimentos para testes e ensaios de motores elétricos franklinApostila procedimentos para testes e ensaios de motores elétricos franklin
Apostila procedimentos para testes e ensaios de motores elétricos franklin
Franklin Arisson Rodrigues dos Santos
 
Diodo
DiodoDiodo
Comutação de escada
Comutação de escadaComutação de escada
Comutação de escada
Evonaldo Gonçalves Vanny
 
Dispositivos de Comandos elétricos
Dispositivos de Comandos elétricosDispositivos de Comandos elétricos
Dispositivos de Comandos elétricos
Eduardo Sacomano
 
08 quadro de distribuição
08  quadro de distribuição08  quadro de distribuição
08 quadro de distribuição
Bruno De Siqueira Costa
 
Soft starters
Soft startersSoft starters
Soft starters
Angelo Hafner
 
Lista de exercícios potência ca e triângulo de potências
Lista de exercícios potência ca e triângulo de potênciasLista de exercícios potência ca e triângulo de potências
Lista de exercícios potência ca e triângulo de potências
João Marcus Callegari
 
[E-BOOK 1] - Comandos Elétricos 1.pdf
[E-BOOK 1] - Comandos Elétricos 1.pdf[E-BOOK 1] - Comandos Elétricos 1.pdf
[E-BOOK 1] - Comandos Elétricos 1.pdf
LucasEduardoSilva7
 
Apostila sobre controlador lógico programável avançado
Apostila sobre controlador lógico programável avançadoApostila sobre controlador lógico programável avançado
Apostila sobre controlador lógico programável avançado
Claudio Arkan
 
U09 instalacoes para motores eletricos
U09 instalacoes para motores eletricosU09 instalacoes para motores eletricos
U09 instalacoes para motores eletricos
\Renato costa
 
Ce aula 05 máquina cc
Ce aula 05 máquina ccCe aula 05 máquina cc
Ce aula 05 máquina cc
Igor Fortal
 

Mais procurados (20)

8 transformadores de corrente
8   transformadores de corrente8   transformadores de corrente
8 transformadores de corrente
 
Aula motores elétricos
Aula motores elétricosAula motores elétricos
Aula motores elétricos
 
Chave seccionadora, Sensor indutivo e Relé temporizador
Chave seccionadora, Sensor indutivo e Relé temporizadorChave seccionadora, Sensor indutivo e Relé temporizador
Chave seccionadora, Sensor indutivo e Relé temporizador
 
Metodos de chaves de partida para motores.ppt
Metodos de chaves de partida para motores.pptMetodos de chaves de partida para motores.ppt
Metodos de chaves de partida para motores.ppt
 
Comando de uma chave de partida estrela triangulo
Comando de uma chave de partida estrela trianguloComando de uma chave de partida estrela triangulo
Comando de uma chave de partida estrela triangulo
 
Pdf slides das aulas dispositivos utilizados em comandos elétricos
Pdf slides das aulas dispositivos utilizados em comandos elétricosPdf slides das aulas dispositivos utilizados em comandos elétricos
Pdf slides das aulas dispositivos utilizados em comandos elétricos
 
Sensores na automação industrial o completo
Sensores na automação industrial o completoSensores na automação industrial o completo
Sensores na automação industrial o completo
 
5ª aula pratica com inversor de frequencia
5ª aula pratica com inversor de frequencia5ª aula pratica com inversor de frequencia
5ª aula pratica com inversor de frequencia
 
Apostila de automação com clp em linguagem ladder
Apostila de automação com clp em linguagem ladderApostila de automação com clp em linguagem ladder
Apostila de automação com clp em linguagem ladder
 
Apostila procedimentos para testes e ensaios de motores elétricos franklin
Apostila procedimentos para testes e ensaios de motores elétricos franklinApostila procedimentos para testes e ensaios de motores elétricos franklin
Apostila procedimentos para testes e ensaios de motores elétricos franklin
 
Diodo
DiodoDiodo
Diodo
 
Comutação de escada
Comutação de escadaComutação de escada
Comutação de escada
 
Dispositivos de Comandos elétricos
Dispositivos de Comandos elétricosDispositivos de Comandos elétricos
Dispositivos de Comandos elétricos
 
08 quadro de distribuição
08  quadro de distribuição08  quadro de distribuição
08 quadro de distribuição
 
Soft starters
Soft startersSoft starters
Soft starters
 
Lista de exercícios potência ca e triângulo de potências
Lista de exercícios potência ca e triângulo de potênciasLista de exercícios potência ca e triângulo de potências
Lista de exercícios potência ca e triângulo de potências
 
[E-BOOK 1] - Comandos Elétricos 1.pdf
[E-BOOK 1] - Comandos Elétricos 1.pdf[E-BOOK 1] - Comandos Elétricos 1.pdf
[E-BOOK 1] - Comandos Elétricos 1.pdf
 
Apostila sobre controlador lógico programável avançado
Apostila sobre controlador lógico programável avançadoApostila sobre controlador lógico programável avançado
Apostila sobre controlador lógico programável avançado
 
U09 instalacoes para motores eletricos
U09 instalacoes para motores eletricosU09 instalacoes para motores eletricos
U09 instalacoes para motores eletricos
 
Ce aula 05 máquina cc
Ce aula 05 máquina ccCe aula 05 máquina cc
Ce aula 05 máquina cc
 

Destaque

Ssw04
Ssw04Ssw04
Inversores de frequência claiton moro franchi
Inversores de frequência   claiton moro franchiInversores de frequência   claiton moro franchi
Inversores de frequência claiton moro franchi
pauloh909
 
Acionamentos eletricos
Acionamentos eletricosAcionamentos eletricos
Acionamentos eletricos
andydurdem
 
Inversor de frequencia
Inversor de frequenciaInversor de frequencia
Inversor de frequencia
Ademir Santos
 
Apostila eletronica-potencia-ifrn-zona-norte
Apostila eletronica-potencia-ifrn-zona-norteApostila eletronica-potencia-ifrn-zona-norte
Apostila eletronica-potencia-ifrn-zona-norte
Fagner Firmo
 
Apostila instalação e manutenção de motores elétricos weg(excelente)
Apostila   instalação e manutenção de motores elétricos weg(excelente)Apostila   instalação e manutenção de motores elétricos weg(excelente)
Apostila instalação e manutenção de motores elétricos weg(excelente)
Operador10
 
Manual power flex 40 en
Manual power flex 40 enManual power flex 40 en
Manual power flex 40 en
Wederson Campos
 
出来る人は知っている『賢い大学生活の過ごし方』共有用資料
出来る人は知っている『賢い大学生活の過ごし方』共有用資料出来る人は知っている『賢い大学生活の過ごし方』共有用資料
出来る人は知っている『賢い大学生活の過ごし方』共有用資料
Masashi Kamiya
 
SIMULADOR DE CONVERSORES ESTÁTICOS
SIMULADOR DE CONVERSORES ESTÁTICOSSIMULADOR DE CONVERSORES ESTÁTICOS
SIMULADOR DE CONVERSORES ESTÁTICOS
Marco Antônio
 
Motores de Indução - Parte 3
Motores de Indução - Parte 3Motores de Indução - Parte 3
Motores de Indução - Parte 3
Jim Naturesa
 
Guia de aplicacao_de_inversores_de_frequencia
Guia de aplicacao_de_inversores_de_frequenciaGuia de aplicacao_de_inversores_de_frequencia
Guia de aplicacao_de_inversores_de_frequencia
Edilton Neres dos Santos
 
Variador de velocidade
Variador de velocidadeVariador de velocidade
Variador de velocidade
eprm
 
eletrônica de potência
eletrônica de potênciaeletrônica de potência
eletrônica de potência
John Kennedy
 
Esquema De LigaçãO Ll
Esquema De LigaçãO LlEsquema De LigaçãO Ll
Esquema De LigaçãO Ll
Carlos Alberto Bonatto
 
Motores elétricos
Motores elétricosMotores elétricos
Motores elétricos
Eduarts Paineis
 
ISA - Grupo de Normas Técnicas do Distrito 4 - Apresentação
ISA - Grupo de Normas Técnicas do Distrito 4 - ApresentaçãoISA - Grupo de Normas Técnicas do Distrito 4 - Apresentação
ISA - Grupo de Normas Técnicas do Distrito 4 - Apresentação
isad4
 
Guia de aplicação de soft starters
Guia de aplicação de soft startersGuia de aplicação de soft starters
Guia de aplicação de soft starters
confidencial
 
Acionamentos elétricos inversores de frequência
Acionamentos elétricos   inversores de frequênciaAcionamentos elétricos   inversores de frequência
Acionamentos elétricos inversores de frequência
Angelo Hafner
 
Aplicações
AplicaçõesAplicações
Aplicações
confidencial
 
Automação conversor de frequencia- eng alex ferreira - 2008
Automação   conversor de frequencia- eng alex ferreira - 2008Automação   conversor de frequencia- eng alex ferreira - 2008
Automação conversor de frequencia- eng alex ferreira - 2008
Alex Ferreira
 

Destaque (20)

Ssw04
Ssw04Ssw04
Ssw04
 
Inversores de frequência claiton moro franchi
Inversores de frequência   claiton moro franchiInversores de frequência   claiton moro franchi
Inversores de frequência claiton moro franchi
 
Acionamentos eletricos
Acionamentos eletricosAcionamentos eletricos
Acionamentos eletricos
 
Inversor de frequencia
Inversor de frequenciaInversor de frequencia
Inversor de frequencia
 
Apostila eletronica-potencia-ifrn-zona-norte
Apostila eletronica-potencia-ifrn-zona-norteApostila eletronica-potencia-ifrn-zona-norte
Apostila eletronica-potencia-ifrn-zona-norte
 
Apostila instalação e manutenção de motores elétricos weg(excelente)
Apostila   instalação e manutenção de motores elétricos weg(excelente)Apostila   instalação e manutenção de motores elétricos weg(excelente)
Apostila instalação e manutenção de motores elétricos weg(excelente)
 
Manual power flex 40 en
Manual power flex 40 enManual power flex 40 en
Manual power flex 40 en
 
出来る人は知っている『賢い大学生活の過ごし方』共有用資料
出来る人は知っている『賢い大学生活の過ごし方』共有用資料出来る人は知っている『賢い大学生活の過ごし方』共有用資料
出来る人は知っている『賢い大学生活の過ごし方』共有用資料
 
SIMULADOR DE CONVERSORES ESTÁTICOS
SIMULADOR DE CONVERSORES ESTÁTICOSSIMULADOR DE CONVERSORES ESTÁTICOS
SIMULADOR DE CONVERSORES ESTÁTICOS
 
Motores de Indução - Parte 3
Motores de Indução - Parte 3Motores de Indução - Parte 3
Motores de Indução - Parte 3
 
Guia de aplicacao_de_inversores_de_frequencia
Guia de aplicacao_de_inversores_de_frequenciaGuia de aplicacao_de_inversores_de_frequencia
Guia de aplicacao_de_inversores_de_frequencia
 
Variador de velocidade
Variador de velocidadeVariador de velocidade
Variador de velocidade
 
eletrônica de potência
eletrônica de potênciaeletrônica de potência
eletrônica de potência
 
Esquema De LigaçãO Ll
Esquema De LigaçãO LlEsquema De LigaçãO Ll
Esquema De LigaçãO Ll
 
Motores elétricos
Motores elétricosMotores elétricos
Motores elétricos
 
ISA - Grupo de Normas Técnicas do Distrito 4 - Apresentação
ISA - Grupo de Normas Técnicas do Distrito 4 - ApresentaçãoISA - Grupo de Normas Técnicas do Distrito 4 - Apresentação
ISA - Grupo de Normas Técnicas do Distrito 4 - Apresentação
 
Guia de aplicação de soft starters
Guia de aplicação de soft startersGuia de aplicação de soft starters
Guia de aplicação de soft starters
 
Acionamentos elétricos inversores de frequência
Acionamentos elétricos   inversores de frequênciaAcionamentos elétricos   inversores de frequência
Acionamentos elétricos inversores de frequência
 
Aplicações
AplicaçõesAplicações
Aplicações
 
Automação conversor de frequencia- eng alex ferreira - 2008
Automação   conversor de frequencia- eng alex ferreira - 2008Automação   conversor de frequencia- eng alex ferreira - 2008
Automação conversor de frequencia- eng alex ferreira - 2008
 

Semelhante a inversor de frequencia

vdocuments.com.br_inversor-de-frequencia-5584942fc5b72.ppt
vdocuments.com.br_inversor-de-frequencia-5584942fc5b72.pptvdocuments.com.br_inversor-de-frequencia-5584942fc5b72.ppt
vdocuments.com.br_inversor-de-frequencia-5584942fc5b72.ppt
Geraldo Leao Lana
 
289474610-Aula-sobre-Inversor-de-Frequencia.pdf
289474610-Aula-sobre-Inversor-de-Frequencia.pdf289474610-Aula-sobre-Inversor-de-Frequencia.pdf
289474610-Aula-sobre-Inversor-de-Frequencia.pdf
IuryLudeMeloPereira
 
Treinamento – vfs15 pratica
Treinamento – vfs15 praticaTreinamento – vfs15 pratica
Treinamento – vfs15 pratica
confidencial
 
Safety control inversores
Safety control   inversoresSafety control   inversores
Safety control inversores
Gzuisz
 
Apostila informativos técnicos vf-n c3
Apostila informativos técnicos   vf-n c3Apostila informativos técnicos   vf-n c3
Apostila informativos técnicos vf-n c3
confidencial
 
Weg cfw-08-inversor-de-frequencia-10413066-catalogo-portugues-br
Weg cfw-08-inversor-de-frequencia-10413066-catalogo-portugues-brWeg cfw-08-inversor-de-frequencia-10413066-catalogo-portugues-br
Weg cfw-08-inversor-de-frequencia-10413066-catalogo-portugues-br
José Alessandro de Souza
 
Apostila soft inversor
Apostila soft inversorApostila soft inversor
Apostila soft inversor
Ivanir Silva
 
Manual Inversor FC 300
Manual Inversor FC 300Manual Inversor FC 300
Manual Inversor FC 300
Luizb13775
 
Manual fc300 port
Manual fc300 portManual fc300 port
Artigo inversor freq
Artigo inversor freqArtigo inversor freq
Artigo inversor freq
Ana Paula Lima
 
MOTOR VENTILADORES EQUIPAMENTOSINVERTER.pdf
MOTOR VENTILADORES EQUIPAMENTOSINVERTER.pdfMOTOR VENTILADORES EQUIPAMENTOSINVERTER.pdf
MOTOR VENTILADORES EQUIPAMENTOSINVERTER.pdf
Norberto Neto
 
Acionamento 04 conversor_de_frequencia
Acionamento 04 conversor_de_frequenciaAcionamento 04 conversor_de_frequencia
Acionamento 04 conversor_de_frequencia
Douglas Roberto
 
Apostila informativos técnicos s15
Apostila informativos técnicos   s15Apostila informativos técnicos   s15
Apostila informativos técnicos s15
confidencial
 
weg_bc_ualgarve.pdf
weg_bc_ualgarve.pdfweg_bc_ualgarve.pdf
weg_bc_ualgarve.pdf
filipeisep
 
Apostila informativos técnicos ps1-as1
Apostila informativos técnicos   ps1-as1Apostila informativos técnicos   ps1-as1
Apostila informativos técnicos ps1-as1
confidencial
 
Partida eletrônica de inversor de frequencia.pptx
Partida eletrônica de inversor de frequencia.pptxPartida eletrônica de inversor de frequencia.pptx
Partida eletrônica de inversor de frequencia.pptx
ssuserc460cf
 
Inversor
InversorInversor
Inversor
fjcoimbra
 
Manual vlt2800 portugues
Manual vlt2800 portuguesManual vlt2800 portugues
Manual vlt2800 portugues
Jorge Campos
 
Newtoncbraga.inversor de frequencia
Newtoncbraga.inversor de frequenciaNewtoncbraga.inversor de frequencia
Newtoncbraga.inversor de frequencia
Gilvan Veloso
 
Teoria
TeoriaTeoria

Semelhante a inversor de frequencia (20)

vdocuments.com.br_inversor-de-frequencia-5584942fc5b72.ppt
vdocuments.com.br_inversor-de-frequencia-5584942fc5b72.pptvdocuments.com.br_inversor-de-frequencia-5584942fc5b72.ppt
vdocuments.com.br_inversor-de-frequencia-5584942fc5b72.ppt
 
289474610-Aula-sobre-Inversor-de-Frequencia.pdf
289474610-Aula-sobre-Inversor-de-Frequencia.pdf289474610-Aula-sobre-Inversor-de-Frequencia.pdf
289474610-Aula-sobre-Inversor-de-Frequencia.pdf
 
Treinamento – vfs15 pratica
Treinamento – vfs15 praticaTreinamento – vfs15 pratica
Treinamento – vfs15 pratica
 
Safety control inversores
Safety control   inversoresSafety control   inversores
Safety control inversores
 
Apostila informativos técnicos vf-n c3
Apostila informativos técnicos   vf-n c3Apostila informativos técnicos   vf-n c3
Apostila informativos técnicos vf-n c3
 
Weg cfw-08-inversor-de-frequencia-10413066-catalogo-portugues-br
Weg cfw-08-inversor-de-frequencia-10413066-catalogo-portugues-brWeg cfw-08-inversor-de-frequencia-10413066-catalogo-portugues-br
Weg cfw-08-inversor-de-frequencia-10413066-catalogo-portugues-br
 
Apostila soft inversor
Apostila soft inversorApostila soft inversor
Apostila soft inversor
 
Manual Inversor FC 300
Manual Inversor FC 300Manual Inversor FC 300
Manual Inversor FC 300
 
Manual fc300 port
Manual fc300 portManual fc300 port
Manual fc300 port
 
Artigo inversor freq
Artigo inversor freqArtigo inversor freq
Artigo inversor freq
 
MOTOR VENTILADORES EQUIPAMENTOSINVERTER.pdf
MOTOR VENTILADORES EQUIPAMENTOSINVERTER.pdfMOTOR VENTILADORES EQUIPAMENTOSINVERTER.pdf
MOTOR VENTILADORES EQUIPAMENTOSINVERTER.pdf
 
Acionamento 04 conversor_de_frequencia
Acionamento 04 conversor_de_frequenciaAcionamento 04 conversor_de_frequencia
Acionamento 04 conversor_de_frequencia
 
Apostila informativos técnicos s15
Apostila informativos técnicos   s15Apostila informativos técnicos   s15
Apostila informativos técnicos s15
 
weg_bc_ualgarve.pdf
weg_bc_ualgarve.pdfweg_bc_ualgarve.pdf
weg_bc_ualgarve.pdf
 
Apostila informativos técnicos ps1-as1
Apostila informativos técnicos   ps1-as1Apostila informativos técnicos   ps1-as1
Apostila informativos técnicos ps1-as1
 
Partida eletrônica de inversor de frequencia.pptx
Partida eletrônica de inversor de frequencia.pptxPartida eletrônica de inversor de frequencia.pptx
Partida eletrônica de inversor de frequencia.pptx
 
Inversor
InversorInversor
Inversor
 
Manual vlt2800 portugues
Manual vlt2800 portuguesManual vlt2800 portugues
Manual vlt2800 portugues
 
Newtoncbraga.inversor de frequencia
Newtoncbraga.inversor de frequenciaNewtoncbraga.inversor de frequencia
Newtoncbraga.inversor de frequencia
 
Teoria
TeoriaTeoria
Teoria
 

Último

A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Nertan Dias
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
samucajaime015
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
ElinarioCosta
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
erssstcontato
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
TathyLopes1
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 

Último (20)

A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 02.pptx
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica BasicaExercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
Exercicios de Word Básico para a aulas de informatica Basica
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 

inversor de frequencia

  • 1. Motores | Automação | Energia | Tintas
  • 2.
  • 3. O quê é um Inversor deO quê é um Inversor de Frequência ?Frequência ? O inversor de freqüênciaO inversor de freqüência é um equipamento eletrônicoé um equipamento eletrônico desenvolvido para variar adesenvolvido para variar a velocidade de motores develocidade de motores de indução trifásico.indução trifásico.
  • 4. MÉTODOS UTILIZADOS PARAMÉTODOS UTILIZADOS PARA VARIAÇÃO DE VELOCIDADEVARIAÇÃO DE VELOCIDADE  Motor de dupla polaridadeMotor de dupla polaridade  Variadores mecânicos.Variadores mecânicos. - Polias fixas- Polias fixas - Polia variadora- Polia variadora - Moto Variadores- Moto Variadores  Variadores eletromagnéticosVariadores eletromagnéticos  Variadores Eletro EletrônicosVariadores Eletro Eletrônicos
  • 5. Inversores de FreqüênciaInversores de Freqüência Conversor CA/CCConversor CA/CC VARIADORES ELETRÔNICOSVARIADORES ELETRÔNICOS
  • 6. Equacionamento Básico daEquacionamento Básico da Máquina AssincronaMáquina Assincrona n = 120 . f . (1-s) p C ≈ φ . I2 φ ≈ U f Onde :Onde : C = torque= torque I2 = corrente rotórica= corrente rotórica φ = fluxo magnético= fluxo magnético U = Tensão= Tensão f = freqüência= freqüência s = escorregamento= escorregamento p = número de pólos= número de pólos n = Velocidade do motor= Velocidade do motor
  • 7. Existem dois tipos de InversoresExistem dois tipos de Inversores de Frequência.de Frequência. Inversores de Frequência controle escalar de velocidadeInversores de Frequência controle escalar de velocidade Inversores de Frequência controle vetorial de velocidadeInversores de Frequência controle vetorial de velocidade 10
  • 8. Inversores de Frequência com controleInversores de Frequência com controle escalar de velocidadeescalar de velocidade Os inversores de freqüência com controleOs inversores de freqüência com controle escalar de velocidade, controlam somente a Tensão eescalar de velocidade, controlam somente a Tensão e a Freqüência aplicadas ao motor, deixando o torquea Freqüência aplicadas ao motor, deixando o torque do motor proporcional a esta relação ou seja,do motor proporcional a esta relação ou seja, constante, porem não identificam as alterações naconstante, porem não identificam as alterações na rotação do motor devido as possíveis variações narotação do motor devido as possíveis variações na carga.carga. Curva de Tensão e Freqüência
  • 9. Inversores de Frequência comInversores de Frequência com controle vetorial de velocidadecontrole vetorial de velocidade O inversor de freqüência vetorial, alem de controlar aO inversor de freqüência vetorial, alem de controlar a Tensão e Freqüência aplicadas ao motor controla também oTensão e Freqüência aplicadas ao motor controla também o Torque, em função das possíveis variações de carga.Torque, em função das possíveis variações de carga. Ele detecta as variações de carga através da correnteEle detecta as variações de carga através da corrente do motor quando trabalha no modo de controle Vetorialdo motor quando trabalha no modo de controle Vetorial Sensorless ou através de um taco gerador de pulso (Encoder)Sensorless ou através de um taco gerador de pulso (Encoder) acoplado ao eixo do motor quando trabalha no modo Vetorialacoplado ao eixo do motor quando trabalha no modo Vetorial com encoder (opcional)com encoder (opcional) I1 = Corrente total do motor (medida)= Corrente total do motor (medida) Im = Corrente de Magnetização (medida)= Corrente de Magnetização (medida) I2 = Corrente Rotórica (Calculada)= Corrente Rotórica (Calculada)
  • 10. Tabela de comparação entreTabela de comparação entre tecnologias de controle detecnologias de controle de velocidade.velocidade. Item Inversores Escalares Inversores Vetoriais Sensorless C/ encoder Conversor C.C. com realimentação Servo Acionamento C/realimentação Faixa ideal de trabalho Regulação de velocidade Resposta dinâmica Controle de torque Torque com velocidade zero Depende do escorregamento ( +/- 1% ) 0,5 % 0,01 % 0,5 % 0,005 % 0,5 a 1 s 0,2 s 0,03 s 0,06 s 0,004 s Não disponível Disponível Disponível DisponívelSomente limite Não disponível Não disponível Disponível Disponível ( tempo restrito ) Disponível De 6Hz a 60Hz De 3Hz a 60Hz De 0,5Hz a 60Hz De 18 rpm a 1800 rpm De 0,01Hz a 60Hz
  • 11. CFW09 - RegenerativoCFW09 - Regenerativo Rede de Alimentação CFW09 -HDCFW-09 - RB
  • 12. CFW09 - RegenerativoCFW09 - Regenerativo MOTORREDE GERADORREDE Ponte regenerativa Ponte inversora
  • 13.
  • 15. Dados Gerais dos Inversores WEGDados Gerais dos Inversores WEG Padronização de programação; Grau de proteção: CFW08 – NEMA 1 e IP 20 CFW09 – NEMA 1, NEMA 4, IP 20 E IP 56 CFW10 – IP20 CFW11 – NEMA 1, IP 21, IP 54 Faixa de freqüência de saída; CFW08, CFW10 e CFW11 – 0 – 300 Hz CFW09 – 0 – 204 Hz Ponte inversora a transistor IGBT; IHM Remota para painéis: Cabos de 1; 2; 3; 5; 7,5 e 10 m (ou mais sob consulta) (***)Cabos de 1; 2; 3; 5; 7,5 e 10 m (ou mais sob consulta) (***) (***) Exceto CFW10
  • 16. Rampa Linear e rampa tipo “S”Rampa Linear e rampa tipo “S” Frenagem CCFrenagem CC Função de JOGFunção de JOG Curva U/F ajustávelCurva U/F ajustável Função Multi-Speed - 8 velocidadesFunção Multi-Speed - 8 velocidades Rejeição de freqüências críticasRejeição de freqüências críticas Ride-ThroughRide-Through (***)(***) Função Flying StartFunção Flying Start (***)(***) Compensação de escorregamentoCompensação de escorregamento (***)(***) Exceto CFW10 Dados Gerais dos Inversores WEGDados Gerais dos Inversores WEG
  • 17. Rede de comunicação nos Inversores WEGRede de comunicação nos Inversores WEG CFW08 CFW09 CFW10 CFW11 Serial RS-232 KCS KCS - RS-232-01 Serial RS-485 KRS-485 EBA ou EBB - RS-485-01 ModBus RTU Via RS-232 ou RS-485 Int. RS-232 ou RS-485 - RS-485-01 ProfiBus DP KCR-485 + MFW-01/PD KFB-PD - ProfiBusDP-01 * Em breve CANopen OK – Inversor especial Placa PLC - CAN-01 * Em breve DeviceNet OK – Inversor especial KFB-DN ou Placa PLC - DeviceNet-05 Ethernet IP - * Em breve - EtherNet IP-05 * Em breve
  • 18. Frenagem ReostáticaFrenagem Reostática CFW08*, CFW09, CFW10**, CFW11CFW08*, CFW09, CFW10**, CFW11 * CFW08 disponível nas mecânicas 2, 3 e 4* CFW08 disponível nas mecânicas 2, 3 e 4 ** CFW10 somente nos modelos 4A – 110V e 7,3 e 10A – 220V** CFW10 somente nos modelos 4A – 110V e 7,3 e 10A – 220V Regulador PID:Regulador PID: CFW08, CFW09, CFW 10 e CFW11CFW08, CFW09, CFW 10 e CFW11 Dados Gerais dos Inversores WEGDados Gerais dos Inversores WEG
  • 19. CFW09 Frenagem reostáticaCFW09 Frenagem reostática Energia dissipada por efeito Joule Módulo de frenagem Resistor de frenagem GERADORREDE Não ocorrerá o bloqueio do inversor na execução da rampa.
  • 20. Fluído Bomba Sensor Entrada da bomba: 3411RPM - 2,83KGFM Alimentação 220V Aplicações PID - BombaAplicações PID - Bomba
  • 21. Multi-SpeedMulti-Speed Ajuste de até 8 velocidades pré-programadas, via software. Comandadas por 3 entradas digitais no inversor. Vantagens: imunidade a ruídos elétricos, simplificação de comando e ajustes. DI´s F1 P122 DI 4 DI 5 DI 6 ON OFF F2 P123 F8 P129 F7 P128 F6 P127 F5 P126 F4 P125 F3 P124
  • 22.
  • 23. Para dimensionar um Inversor , é necessário saberPara dimensionar um Inversor , é necessário saber Aplicação (tipo de carga)Aplicação (tipo de carga) Corrente do MotorCorrente do Motor Potência do MotorPotência do Motor Tensão de AlimentaçãoTensão de Alimentação A faixa de velocidade de operação:A faixa de velocidade de operação: ( velocidade mínima e máxima )( velocidade mínima e máxima ) Informações básicas para o dimensionamento Informações para o dimensionamento correto do motor DimensionamentoDimensionamento
  • 24. Placa dePlaca de Identificação doIdentificação do MotorMotor DIMENSIONAMENTODIMENSIONAMENTO
  • 25. CURVA DE CONJUGADO x ROTAÇÃO PARA MOTORESCURVA DE CONJUGADO x ROTAÇÃO PARA MOTORES AUTOVENTILADOS, ACIONADOS COM INVERSOR DEAUTOVENTILADOS, ACIONADOS COM INVERSOR DE FREQÜÊNCIA.FREQÜÊNCIA. 0.55 0.60 0.65 0.70 0.75 0.80 0.85 0.90 0.95 1.00 1.05 0.0 0.1 0.2 0.3 0.4 0.5 0.6 0.7 0.8 0.9 1.0 1.1 1.2 1.3 1.4 1.5 1.6 [f/fn] - Freqüência (p.u.) [TR]-Reduçãonotorque(p.u.) A B C
  • 26. CURVA DE CONJUGADO x ROTAÇÃO PARA MOTORES COMCURVA DE CONJUGADO x ROTAÇÃO PARA MOTORES COM VENTILAÇÃO INDEPENDENTE, ACIONADOS COM INVERSORVENTILAÇÃO INDEPENDENTE, ACIONADOS COM INVERSOR DE FREQÜÊNCIA.DE FREQÜÊNCIA. 0.55 0.60 0.65 0.70 0.75 0.80 0.85 0.90 0.95 1.00 1.05 0.0 0.1 0.2 0.3 0.4 0.5 0.6 0.7 0.8 0.9 1.0 1.1 1.2 1.3 1.4 1.5 1.6 [f/fn] - Freqüência [TR]-Reduçãonotorque(p.u.)
  • 27. ““AgradecemosAgradecemos a atenção e aa atenção e a presença de todos”.presença de todos”. www.weg.com.br Contato: Marcio Rosa WEG Automação E-mail: marcior@weg.net Tel.: 11-5053-2332 Cel.: 11-8181-2995 www.weg.n et

Notas do Editor

  1. <number>