SlideShare uma empresa Scribd logo
Fracasso escolarRodrigo  de S. GadiniThiago de Almeida(www.thiagodealmeida.com.br)
Fracasso EscolarO Fracasso escolar é hoje, o assunto mais estudado e discutido por profissionais da área da pedagogia e psicopedagogia.O assunto vem em função da procura de quem vem a ser quem seriam os culpados pelo efeito do fracasso alguém que possa assumir sozinho esta situação, pela qual o pais vivência no contexto escolar.
O que é fracasso escolar?“Fracasso escolar é difícil de ser definido e compreendido por se tratar de um fenômeno que não é natural, mas resultado das condições de interação entre a proposta de ensino, a assimilação do aprendizado por parte dos alunos, os modelos de ensino e de avaliação, além do contexto escolar e familiar”(Giúdice*, 2009)*Fonte: http://www.educarede.org.br/educa/index.cfm?pg=revista_educarede.especiais&id_especial=405
Conceitualmente, o fracasso escolar é entendido como um desajuste produzido em algum ponto do sistema educativo, exemplos: na formação do docente, na exigência dos conteúdos, na fragmentação curricular ou, ainda, nas possibilidades oferecidas aos alunos para o aprendizado.Temos momentos em que profissionais culpa a criança, ora a família, em outros uma determinada classe social, ora todo um sistema econômico, político e social. Segundo Sales e Silva (2008), em busca de respostas, os educadores voltam ao cenário brasileiro da década de 60, cujos princípios estavam alicerçados em teorias da escola nova desenvolvidas nos EUA e Europa. Em contraste ao ensino tradicional. Já na década de 70 preocupou-se pela qualidade do ensino como forma de minimizar a questão do fracasso escolar. Em todavia na metade da década de 80, pesquisas atribuíam aos professores a responsabilidade pelo insucesso dos educandos.Mas será que existe mesmo um culpado para a não- aprendizagem?“A culpa, o considerar-se culpado, em geral, está no nível imaginário” (FERNANDEZ, 1994) e coloca que o contrário da culpa é a responsabilidade.Podemos dizer que ao redor do contexto escolar, são varias forças que circulam ao redor de uma influência sobre os alunos e professores.Forças estas que encontramos no convívio das pessoas em meio a sociedade. O contato particular de cada um, com sua rede social.
Para Meira (2002); Sales e Silva (2008); Costa (2009) os exemplos de forças influenciadoras são:Pais que não ligam para o desenvolvimento do ensino para com seus filhos;Crianças com má estruturação familiar;Crianças que trabalham para auxiliar nas despesas de casa;Professores com má formação;Escolas com estrutura precária, para o desenvolvimento do ensino;Dificuldade de relacionamento com o corpo da direção de escolas(entre professor , psicopedagogos e direção).
Costa ainda menciona que outro fator que contribui com o fracasso escolar, é a iniciação sexual dos adolescentes/jovens.Que cada vez estão iniciando mais cedo sua vida sexual  e acabam se tornando pais e mães muito jovens,  sem uma boa orientação.O que acabam tendo que assumir responsabilidades de pessoas adultas antes do tempo.Ainda existem aqueles que se prostituem para ganhar dinheiro de forma fácil, iludidos com a promessa uma vida melhor que nunca chega, e por estes motivos acabam abandonando a escola.
Envolvimentos positivosA família, por sua vez, é responsável pela aprendizagem da criança, já que os pais são os primeiros ensinantes e as “atitudes destes frente às emergências de autoria do aprendente, se repetidas constantemente, irão determinar a modalidade de aprendizagem dos filhos”(FERNÁNDEZ, 2001 citado por MEIRA, 2008).
Entendemos que uma boa formação dos professores é indispensável na educação, para melhorar o rendimento na aprendizagem;Para buscar uma eficiência maior em relação a informação a ser passada;Possibilitando uma maior compreensão dos jovens com determinados assuntos.Sendo que a aprendizagem é um processo vincular, ou seja, que se dá no vínculo entre ensinante e aprendente.
APRENDIZAGEM X FRACASSO ESCOLARAo falarmos de fracasso escolar, além de tentarmos analisar os fatores que contribuem para seu surgimento, é necessário conceituar aquilo que viria a ser seu oposto: a aprendizagem.Já mencionamos que a aprendizagem é um processo vincular, ocorrendo portanto entre subjetividades.Para aprender, o ser humano coloca em jogo seu organismo herdado, seu corpo e sua inteligência construídos em interação e a dimensão inconsciente (MEIRA, 2008).
O aprender passa pela observação do objeto, pela ação sobre ele e pelo desejo.O conhecimento é o resultado de uma construção do sujeito na interação com os objetos (PIAGET).E o saber é a apropriação desses conhecimentos pelo sujeito de forma particular, própria dele, pois implica no inconsciente.
A partir disso, podemos definir aprendizagem como uma construção singular que o sujeito vai fazendo a partir de sua interação com o meio e com os objetos.E assim ele vai transformando as informações em conhecimento, deixando sua marca como autor e vivenciando a alegria que acompanha a aprendizagem.
Este processo se difere bastante do fracasso escolar que pode evidenciar uma falha nesta relação vincular ensinante- aprendente.No fracasso escolar “a criança não tem um problema de aprendizagem, mas eu, como docente, tenho um problema de ensinagem com ele”(FERNANDEZ*, 1994 citado por Meira, 2008).Competência em psicologia os traços de personalidade que permitem ao indivíduo atingir determinada realização ou desempenho. A habilidade não deve, no entanto, ser confundida com o desempenho em si, que pode variar com a motivação.*Fonte:http://pt.wikipedia.org/wiki/Compet%C3%AAncia_(psicologia)
A busca de competênciaPara Meira (2002); A sociedade busca cada vez mais o êxito profissional, a competência a qualquer custo e a escola também segue esta concepção. Podendo aqueles que não conseguem responder às exigências da instituição sofrer com um problema de aprendizagem. A busca incansável e imediata pela perfeição leva à rotulação daqueles que não se encaixam nos parâmetros impostos.
Para Meira (2002), quando falamos em fracasso escolar, é definido por ela como um mal êxito.Mas, mal êxito em que? Com quais parâmetros vemos o desenvolvimento escolar ser classificado como um fracasso? E o que nossa sociedade defini como sucesso?Ver vídeo
IDEB- O Índice de Desenvolvimento da Educação BásicaFoi criado pelo Inep em 2007 e representa a iniciativa pioneira de reunir num só indicador dois conceitos igualmente importantes para a qualidade da educação: fluxo escolar e médias de desempenho nas avaliações. Ele agrega ao enfoque pedagógico dos resultados das avaliações em larga escala do Inep a possibilidade de resultados sintéticos, facilmente assimiláveis, e que permitem traçar metas de qualidade educacional para os sistemas. O indicador é calculado a partir dos dados sobre aprovação escolar, obtidos no Censo Escolar, e médias de desempenho nas avaliações do Inep, o Saeb – para as unidades da federação e para o país, e a Prova Brasil – para os municípios.http://www.publicacoes.inep.gov.br/arquivos/%7B9C976990-7D8D-4610-AA7C-FF0B82DBAE97%7D_Texto_para_discussão26.pdf
Atuação atual de professores e profissionais da área em relação ao ensino“Entendemos que uma boa formação dos professores é indispensável na educação, para melhorar o rendimento na aprendizagem... pois,  sabemos também que não existem caminhos certos, mas, podemos melhorar nossa postura como educador, nos adequando ao novo,  mesmo nas situações mais conflituosas  e que devemos refletir sobre  os erros, e juntos sem culpar ninguém,devemos  buscar no seio da escola e da sociedade, ações que tornem o ensino acessível a todos” (COSTA,2009). Fonte: http://www.webartigos.com/articles/23750/1/O-Fracasso-Escolar-e-as-Deficiencias-na-Formacao-do-Professor/pagina1.html#ixzz1Kq9O9oTrSegundo Sales e Silva(2008), as atividades que podem serem desenvolvidas em sala de aula em busca de melhores resultados são:Atividades abertas e diversificadas através de pesquisas, registros escritos, falados e debatidos.Onde todas estas atividades possibilitem os jovens poder desenvolver melhor um raciocínio e um conhecimento dentro de um contexto, que possivelmente ele venha á se deparar em sua vida.
A INTERVENÇÃO PSICOPEDAGÓGICAA atuação do psicopedagogo deve buscar o que significa o aprender para esse sujeito e sua família, tentando descobrir a função do não aprender.Segundo Fernández(2001 citado por Meira, 2008), um visão clínica que se preocupa com o desenvolver do problema do fracasso escolar, esta vinculado a observação feita dos psicopedagogos, em buscar fazer uma escuta particular do sujeito, possibilitando entrar causas do não- aprender e organizar metodologias que busquem facilitar uma aprendizagem e um melhor desenvolvimento escolar do aluno.
As escolas atualmente desenvolvem projetos, onde visão aproximar pais, professores, psicopedagogos e direção escolar tudo em busca de melhorar o desenvolvimento do ensino;Propondo aos pais, uma maior participação do desenvolvimento imposto a seus filhos;De forma que venha a auxiliar os professores, no desenvolvimento da tarefa do ensinar;Procurando ter uma maior participação, com atuação mais eficaz na cobrança com seus filhos mediante as tarefas impostas pelo educando.
Possibilitando desta forma mais conjunta entre escola, professores, pais e alunos, tendo objetivos mais concluídos e alcançados por meio de uma aprendizagem mais eficaz.  Portanto, buscar soluções para o fracasso escolar não consiste em patologizar o aprendente mas em ampliar este foco, abrindo espaço para outras variáveis que também influenciam no processo da aprendizagem.Como a instituição, o método de ensino, as relações ensinante- aprendente, os aspectos sócio-culturais, a história de vida do sujeito, entre outras (MEIRA, 2008).
Fim!
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÀFICAS COSTA, Francisco. O Fracasso Escolar e as Deficiências na Formação do Professor; publicado em: http://www.webartigos.com 24/08/09, disponível em: <www.webartigos.com/articles/23750/1/O-Fracasso-Escolar-e-as-Deficiencias-na-Formacao-do-Professor/pagina1.html>acessado em: 24 de abril de 2011.INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisa Educacionais Anísio Teixeira.   O que é IDEB? Disponível em: <portalideb.inep.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=45&Itemid=5>Acesso em: 26 de abril de 2011.MEIRA, Michelle de Castro. Fracasso escolar: De quem é a culpa? Publicado pela INESP- Instituto de Ensino Superior de Pesquisa/UEMG- Universidade do Estado de Minas Gerais. Junho 2002; Disponível em: <www2.funedi.edu.br/revista/revista-eletronica3/artigo12-3.htm> acessado: 24 de abril de 2011.SALES, A. M. B., & SILVA, T. L. da, As causas e consequências do fracasso escolar. Publicado pela Faculdade de Rolim de Moura – Farol Centro de Pós- graduação Lato Sensu. Paraná, 2008 disponível em: <sergioetatiane.blogspot.com/2009/01/as-causas-e-consequncias-do-fracasso.html> Acessado em 24 de abril de 2011.http://www.educarede.org.br/educa/index.cfm?pg=revista_educarede.especiais&id_especial=405
Fracasso escolar: o que é e como combatê-lo?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Competencias socioemocionais--nova-escola
Competencias socioemocionais--nova-escolaCompetencias socioemocionais--nova-escola
Competencias socioemocionais--nova-escola
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
Sucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolarSucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolar
Tania Alexandra Martins
 
A relação família-escola
A relação família-escolaA relação família-escola
A relação família-escola
Thiago de Almeida
 
Projeto de Intervenção
Projeto de IntervençãoProjeto de Intervenção
Projeto de Intervenção
moniquests
 
Reunião de pais
Reunião de paisReunião de pais
Reunião de pais
Rosangela Moreira
 
Modelo de-relatorio-neuropsicopedagogico (1)
Modelo de-relatorio-neuropsicopedagogico (1)Modelo de-relatorio-neuropsicopedagogico (1)
Modelo de-relatorio-neuropsicopedagogico (1)
lucianacarvalho
 
Estagio regencia de sala
Estagio regencia de salaEstagio regencia de sala
Estagio regencia de sala
Alessandra Alves
 
Estágio Educação Infantil
Estágio Educação InfantilEstágio Educação Infantil
Estágio Educação Infantil
Luúh Reis
 
Dificuldades De Aprendizagem
Dificuldades De AprendizagemDificuldades De Aprendizagem
Dificuldades De Aprendizagem
Maristela Couto
 
inclusão escolar
inclusão escolarinclusão escolar
inclusão escolar
Ulisses Vakirtzis
 
A INCLUSÃO ESCOLAR
A  INCLUSÃO ESCOLAR A  INCLUSÃO ESCOLAR
A INCLUSÃO ESCOLAR
Zélia Cordeiro
 
Indisciplina escolar
Indisciplina escolarIndisciplina escolar
Indisciplina escolar
Carla Choffe
 
Indisciplina na sala de aula
Indisciplina na sala de aulaIndisciplina na sala de aula
Indisciplina na sala de aula
Natália Lopes
 
Vygotsky
VygotskyVygotsky
Pedagogia Histórico-Crítica de Dermeval Saviani
Pedagogia Histórico-Crítica de Dermeval SavianiPedagogia Histórico-Crítica de Dermeval Saviani
Pedagogia Histórico-Crítica de Dermeval Saviani
Natalia Ribeiro
 
Palestra Inclusão
Palestra InclusãoPalestra Inclusão
Palestra Inclusão
Paty Almada
 
Psicologia escolar e educacional
Psicologia escolar e educacionalPsicologia escolar e educacional
Psicologia escolar e educacional
Thiago de Almeida
 
Estudo de caso
Estudo de caso Estudo de caso
Estudo de caso
cefaprodematupa
 
Reflexões sobre a relação família escola
Reflexões sobre a relação família escolaReflexões sobre a relação família escola
Reflexões sobre a relação família escola
Sonia Piaya
 
Indisciplina Na Sala de aula - Powerpoint
Indisciplina Na Sala de aula - PowerpointIndisciplina Na Sala de aula - Powerpoint
Indisciplina Na Sala de aula - Powerpoint
davidqwerty
 

Mais procurados (20)

Competencias socioemocionais--nova-escola
Competencias socioemocionais--nova-escolaCompetencias socioemocionais--nova-escola
Competencias socioemocionais--nova-escola
 
Sucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolarSucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolar
 
A relação família-escola
A relação família-escolaA relação família-escola
A relação família-escola
 
Projeto de Intervenção
Projeto de IntervençãoProjeto de Intervenção
Projeto de Intervenção
 
Reunião de pais
Reunião de paisReunião de pais
Reunião de pais
 
Modelo de-relatorio-neuropsicopedagogico (1)
Modelo de-relatorio-neuropsicopedagogico (1)Modelo de-relatorio-neuropsicopedagogico (1)
Modelo de-relatorio-neuropsicopedagogico (1)
 
Estagio regencia de sala
Estagio regencia de salaEstagio regencia de sala
Estagio regencia de sala
 
Estágio Educação Infantil
Estágio Educação InfantilEstágio Educação Infantil
Estágio Educação Infantil
 
Dificuldades De Aprendizagem
Dificuldades De AprendizagemDificuldades De Aprendizagem
Dificuldades De Aprendizagem
 
inclusão escolar
inclusão escolarinclusão escolar
inclusão escolar
 
A INCLUSÃO ESCOLAR
A  INCLUSÃO ESCOLAR A  INCLUSÃO ESCOLAR
A INCLUSÃO ESCOLAR
 
Indisciplina escolar
Indisciplina escolarIndisciplina escolar
Indisciplina escolar
 
Indisciplina na sala de aula
Indisciplina na sala de aulaIndisciplina na sala de aula
Indisciplina na sala de aula
 
Vygotsky
VygotskyVygotsky
Vygotsky
 
Pedagogia Histórico-Crítica de Dermeval Saviani
Pedagogia Histórico-Crítica de Dermeval SavianiPedagogia Histórico-Crítica de Dermeval Saviani
Pedagogia Histórico-Crítica de Dermeval Saviani
 
Palestra Inclusão
Palestra InclusãoPalestra Inclusão
Palestra Inclusão
 
Psicologia escolar e educacional
Psicologia escolar e educacionalPsicologia escolar e educacional
Psicologia escolar e educacional
 
Estudo de caso
Estudo de caso Estudo de caso
Estudo de caso
 
Reflexões sobre a relação família escola
Reflexões sobre a relação família escolaReflexões sobre a relação família escola
Reflexões sobre a relação família escola
 
Indisciplina Na Sala de aula - Powerpoint
Indisciplina Na Sala de aula - PowerpointIndisciplina Na Sala de aula - Powerpoint
Indisciplina Na Sala de aula - Powerpoint
 

Destaque

Trabalho insucesso escolar
Trabalho insucesso escolar Trabalho insucesso escolar
Trabalho insucesso escolar
Raquel Camacho
 
Fracasso Escolar
Fracasso EscolarFracasso Escolar
Fracasso Escolar
Daniel Rocha
 
Slide 10 - Para além do fracasso escolar: uma redefinição das práticas avalia...
Slide 10 - Para além do fracasso escolar: uma redefinição das práticas avalia...Slide 10 - Para além do fracasso escolar: uma redefinição das práticas avalia...
Slide 10 - Para além do fracasso escolar: uma redefinição das práticas avalia...
rafaelly04
 
Fracasso escolar
Fracasso escolarFracasso escolar
Fracasso escolar
Vera Lúcia Casteleins
 
O Insucesso Escolar
O Insucesso EscolarO Insucesso Escolar
O Insucesso Escolar
MARISE VON FRUHAUF HUBLARD
 
Perrenoud
PerrenoudPerrenoud
Perrenoud
Lígia Azevedo
 
Slide 08 - Fracasso escolar
Slide 08 - Fracasso escolarSlide 08 - Fracasso escolar
Slide 08 - Fracasso escolar
rafaelly04
 
Slide 12 - Avaliação como espaço de aprendizagem em sofrwares educativos.
Slide 12 - Avaliação como espaço de aprendizagem em sofrwares educativos.Slide 12 - Avaliação como espaço de aprendizagem em sofrwares educativos.
Slide 12 - Avaliação como espaço de aprendizagem em sofrwares educativos.
rafaelly04
 
A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES NO SÉCULO XXI
A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES NO SÉCULO XXIA FORMAÇÃO DOS PROFESSORES NO SÉCULO XXI
A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES NO SÉCULO XXI
Julhinha Camara
 

Destaque (9)

Trabalho insucesso escolar
Trabalho insucesso escolar Trabalho insucesso escolar
Trabalho insucesso escolar
 
Fracasso Escolar
Fracasso EscolarFracasso Escolar
Fracasso Escolar
 
Slide 10 - Para além do fracasso escolar: uma redefinição das práticas avalia...
Slide 10 - Para além do fracasso escolar: uma redefinição das práticas avalia...Slide 10 - Para além do fracasso escolar: uma redefinição das práticas avalia...
Slide 10 - Para além do fracasso escolar: uma redefinição das práticas avalia...
 
Fracasso escolar
Fracasso escolarFracasso escolar
Fracasso escolar
 
O Insucesso Escolar
O Insucesso EscolarO Insucesso Escolar
O Insucesso Escolar
 
Perrenoud
PerrenoudPerrenoud
Perrenoud
 
Slide 08 - Fracasso escolar
Slide 08 - Fracasso escolarSlide 08 - Fracasso escolar
Slide 08 - Fracasso escolar
 
Slide 12 - Avaliação como espaço de aprendizagem em sofrwares educativos.
Slide 12 - Avaliação como espaço de aprendizagem em sofrwares educativos.Slide 12 - Avaliação como espaço de aprendizagem em sofrwares educativos.
Slide 12 - Avaliação como espaço de aprendizagem em sofrwares educativos.
 
A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES NO SÉCULO XXI
A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES NO SÉCULO XXIA FORMAÇÃO DOS PROFESSORES NO SÉCULO XXI
A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES NO SÉCULO XXI
 

Semelhante a Fracasso escolar: o que é e como combatê-lo?

Influência da família no ensino aprendizagem 3 2015
Influência da família no ensino aprendizagem 3  2015Influência da família no ensino aprendizagem 3  2015
Influência da família no ensino aprendizagem 3 2015
cefaprodematupa
 
O que são realmente as dificuldades de aprendizagem
O que são realmente as dificuldades de aprendizagemO que são realmente as dificuldades de aprendizagem
O que são realmente as dificuldades de aprendizagem
Maria Masarela Passos
 
(In)disci..
(In)disci..(In)disci..
(In)disci..
Luciana
 
(In)disci..
(In)disci..(In)disci..
(In)disci..
Luciana
 
Ana Picanco. ee e escola tese de mestrado
Ana Picanco. ee e escola  tese de mestradoAna Picanco. ee e escola  tese de mestrado
Ana Picanco. ee e escola tese de mestrado
Maria Pedro Pinho
 
Projeto mestrado educação concluído
Projeto mestrado educação concluídoProjeto mestrado educação concluído
Projeto mestrado educação concluído
Liliane da Silva
 
Monografia Cione Pedagogia 2008
Monografia Cione Pedagogia 2008Monografia Cione Pedagogia 2008
Monografia Cione Pedagogia 2008
Biblioteca Campus VII
 
Monografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcine
Monografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcineMonografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcine
Monografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcine
Jimyson Ferreira Naascimento
 
Ética na escola.ppt
Ética na escola.pptÉtica na escola.ppt
Ética na escola.ppt
WennerPinheiro1
 
9519_e6d6a7f684e83522576f345076ccfe74.pdf
9519_e6d6a7f684e83522576f345076ccfe74.pdf9519_e6d6a7f684e83522576f345076ccfe74.pdf
9519_e6d6a7f684e83522576f345076ccfe74.pdf
lucianolima928764
 
Sucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolarSucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolar
Tânia Martins
 
Sucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolarSucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolar
Tânia Martins
 
Indisciplina na sala de aula
Indisciplina na sala de aulaIndisciplina na sala de aula
Indisciplina na sala de aula
oficinadeaprendizagemace
 
A familia e a dificuldades de aprendizagem
A familia e a dificuldades de aprendizagemA familia e a dificuldades de aprendizagem
A familia e a dificuldades de aprendizagem
Miria Silva
 
É Tempo de dizer bem dos professores
É Tempo de dizer bem dos professoresÉ Tempo de dizer bem dos professores
É Tempo de dizer bem dos professores
Do outro lado da barricada
 
Meu pré projeto joiara nara
Meu pré projeto joiara naraMeu pré projeto joiara nara
Meu pré projeto joiara nara
joiramara
 
Reprogramando @S InformaçõEs
Reprogramando @S InformaçõEsReprogramando @S InformaçõEs
Reprogramando @S InformaçõEs
gueste81dc3
 
Família x Escola
Família x EscolaFamília x Escola
Família x Escola
estercotrim
 
Slide da apresentação
Slide da apresentaçãoSlide da apresentação
Slide da apresentação
Teresa Cristina Gonçalves Leopoldo
 
Sala ppp
Sala pppSala ppp
Sala ppp
ryldonjohnson
 

Semelhante a Fracasso escolar: o que é e como combatê-lo? (20)

Influência da família no ensino aprendizagem 3 2015
Influência da família no ensino aprendizagem 3  2015Influência da família no ensino aprendizagem 3  2015
Influência da família no ensino aprendizagem 3 2015
 
O que são realmente as dificuldades de aprendizagem
O que são realmente as dificuldades de aprendizagemO que são realmente as dificuldades de aprendizagem
O que são realmente as dificuldades de aprendizagem
 
(In)disci..
(In)disci..(In)disci..
(In)disci..
 
(In)disci..
(In)disci..(In)disci..
(In)disci..
 
Ana Picanco. ee e escola tese de mestrado
Ana Picanco. ee e escola  tese de mestradoAna Picanco. ee e escola  tese de mestrado
Ana Picanco. ee e escola tese de mestrado
 
Projeto mestrado educação concluído
Projeto mestrado educação concluídoProjeto mestrado educação concluído
Projeto mestrado educação concluído
 
Monografia Cione Pedagogia 2008
Monografia Cione Pedagogia 2008Monografia Cione Pedagogia 2008
Monografia Cione Pedagogia 2008
 
Monografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcine
Monografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcineMonografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcine
Monografia esea, pronta, mur jrdim e mª dulcine
 
Ética na escola.ppt
Ética na escola.pptÉtica na escola.ppt
Ética na escola.ppt
 
9519_e6d6a7f684e83522576f345076ccfe74.pdf
9519_e6d6a7f684e83522576f345076ccfe74.pdf9519_e6d6a7f684e83522576f345076ccfe74.pdf
9519_e6d6a7f684e83522576f345076ccfe74.pdf
 
Sucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolarSucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolar
 
Sucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolarSucesso e insucesso escolar
Sucesso e insucesso escolar
 
Indisciplina na sala de aula
Indisciplina na sala de aulaIndisciplina na sala de aula
Indisciplina na sala de aula
 
A familia e a dificuldades de aprendizagem
A familia e a dificuldades de aprendizagemA familia e a dificuldades de aprendizagem
A familia e a dificuldades de aprendizagem
 
É Tempo de dizer bem dos professores
É Tempo de dizer bem dos professoresÉ Tempo de dizer bem dos professores
É Tempo de dizer bem dos professores
 
Meu pré projeto joiara nara
Meu pré projeto joiara naraMeu pré projeto joiara nara
Meu pré projeto joiara nara
 
Reprogramando @S InformaçõEs
Reprogramando @S InformaçõEsReprogramando @S InformaçõEs
Reprogramando @S InformaçõEs
 
Família x Escola
Família x EscolaFamília x Escola
Família x Escola
 
Slide da apresentação
Slide da apresentaçãoSlide da apresentação
Slide da apresentação
 
Sala ppp
Sala pppSala ppp
Sala ppp
 

Mais de Thiago de Almeida

Infidelidade amorosa - como superá-la?
Infidelidade amorosa - como superá-la?Infidelidade amorosa - como superá-la?
Infidelidade amorosa - como superá-la?
Thiago de Almeida
 
Gamofobia : o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
Gamofobia :  o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorososGamofobia :  o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
Gamofobia : o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
Thiago de Almeida
 
Gamofobia o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
Gamofobia   o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorososGamofobia   o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
Gamofobia o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
Thiago de Almeida
 
Ciúme e inveja
Ciúme e inveja Ciúme e inveja
Ciúme e inveja
Thiago de Almeida
 
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
Thiago de Almeida
 
Educação inclusiva: feitos e efeitos
Educação inclusiva: feitos e efeitosEducação inclusiva: feitos e efeitos
Educação inclusiva: feitos e efeitos
Thiago de Almeida
 
Violência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-la
Violência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-laViolência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-la
Violência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-la
Thiago de Almeida
 
Henri Wallon e sua teoria
Henri Wallon e sua teoriaHenri Wallon e sua teoria
Henri Wallon e sua teoria
Thiago de Almeida
 
Vaginismo o que é como superar
Vaginismo  o que é como superarVaginismo  o que é como superar
Vaginismo o que é como superar
Thiago de Almeida
 
John Bowlby e a Teoria do Apego
John Bowlby e a Teoria do ApegoJohn Bowlby e a Teoria do Apego
John Bowlby e a Teoria do Apego
Thiago de Almeida
 
Teoria psicossexual do desenvolvimento humano
Teoria psicossexual do desenvolvimento humanoTeoria psicossexual do desenvolvimento humano
Teoria psicossexual do desenvolvimento humano
Thiago de Almeida
 
Piaget e a teoria psicogenética
Piaget e a teoria psicogenéticaPiaget e a teoria psicogenética
Piaget e a teoria psicogenética
Thiago de Almeida
 
Modelo bioecológico do desenvolvimento de Bronfenbrenner
Modelo bioecológico do desenvolvimento de BronfenbrennerModelo bioecológico do desenvolvimento de Bronfenbrenner
Modelo bioecológico do desenvolvimento de Bronfenbrenner
Thiago de Almeida
 
Psicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimentoPsicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimento
Thiago de Almeida
 
Vygotsky e a teoria sociohistórica
Vygotsky e a teoria sociohistóricaVygotsky e a teoria sociohistórica
Vygotsky e a teoria sociohistórica
Thiago de Almeida
 
A teoria do desenvolvimento humano segundo Erik Erikson
A teoria do desenvolvimento humano segundo Erik EriksonA teoria do desenvolvimento humano segundo Erik Erikson
A teoria do desenvolvimento humano segundo Erik Erikson
Thiago de Almeida
 
Bullying: o que é e como combatê-lo?
Bullying: o que é e como combatê-lo?Bullying: o que é e como combatê-lo?
Bullying: o que é e como combatê-lo?
Thiago de Almeida
 
Relacionamentos Amorosos Para Homens E Mulheres De Terceiro
Relacionamentos Amorosos Para Homens E Mulheres De TerceiroRelacionamentos Amorosos Para Homens E Mulheres De Terceiro
Relacionamentos Amorosos Para Homens E Mulheres De Terceiro
Thiago de Almeida
 
Amor, Qualidade De Vida E Produtividade No Ambiente De Trabalho
Amor, Qualidade De Vida E Produtividade No Ambiente De TrabalhoAmor, Qualidade De Vida E Produtividade No Ambiente De Trabalho
Amor, Qualidade De Vida E Produtividade No Ambiente De Trabalho
Thiago de Almeida
 
CiúMe E Inveja Palestra Na Poli
CiúMe E Inveja    Palestra Na  PoliCiúMe E Inveja    Palestra Na  Poli
CiúMe E Inveja Palestra Na Poli
Thiago de Almeida
 

Mais de Thiago de Almeida (20)

Infidelidade amorosa - como superá-la?
Infidelidade amorosa - como superá-la?Infidelidade amorosa - como superá-la?
Infidelidade amorosa - como superá-la?
 
Gamofobia : o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
Gamofobia :  o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorososGamofobia :  o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
Gamofobia : o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
 
Gamofobia o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
Gamofobia   o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorososGamofobia   o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
Gamofobia o medo persistente de entrar de cabeça nos relacionamentos amorosos
 
Ciúme e inveja
Ciúme e inveja Ciúme e inveja
Ciúme e inveja
 
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
Como ensinar os conceitos de Sexo e de Sexualidade na escola?
 
Educação inclusiva: feitos e efeitos
Educação inclusiva: feitos e efeitosEducação inclusiva: feitos e efeitos
Educação inclusiva: feitos e efeitos
 
Violência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-la
Violência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-laViolência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-la
Violência Doméstica Contra Crianças e Adolescentes: o que é e como combatê-la
 
Henri Wallon e sua teoria
Henri Wallon e sua teoriaHenri Wallon e sua teoria
Henri Wallon e sua teoria
 
Vaginismo o que é como superar
Vaginismo  o que é como superarVaginismo  o que é como superar
Vaginismo o que é como superar
 
John Bowlby e a Teoria do Apego
John Bowlby e a Teoria do ApegoJohn Bowlby e a Teoria do Apego
John Bowlby e a Teoria do Apego
 
Teoria psicossexual do desenvolvimento humano
Teoria psicossexual do desenvolvimento humanoTeoria psicossexual do desenvolvimento humano
Teoria psicossexual do desenvolvimento humano
 
Piaget e a teoria psicogenética
Piaget e a teoria psicogenéticaPiaget e a teoria psicogenética
Piaget e a teoria psicogenética
 
Modelo bioecológico do desenvolvimento de Bronfenbrenner
Modelo bioecológico do desenvolvimento de BronfenbrennerModelo bioecológico do desenvolvimento de Bronfenbrenner
Modelo bioecológico do desenvolvimento de Bronfenbrenner
 
Psicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimentoPsicologia do desenvolvimento
Psicologia do desenvolvimento
 
Vygotsky e a teoria sociohistórica
Vygotsky e a teoria sociohistóricaVygotsky e a teoria sociohistórica
Vygotsky e a teoria sociohistórica
 
A teoria do desenvolvimento humano segundo Erik Erikson
A teoria do desenvolvimento humano segundo Erik EriksonA teoria do desenvolvimento humano segundo Erik Erikson
A teoria do desenvolvimento humano segundo Erik Erikson
 
Bullying: o que é e como combatê-lo?
Bullying: o que é e como combatê-lo?Bullying: o que é e como combatê-lo?
Bullying: o que é e como combatê-lo?
 
Relacionamentos Amorosos Para Homens E Mulheres De Terceiro
Relacionamentos Amorosos Para Homens E Mulheres De TerceiroRelacionamentos Amorosos Para Homens E Mulheres De Terceiro
Relacionamentos Amorosos Para Homens E Mulheres De Terceiro
 
Amor, Qualidade De Vida E Produtividade No Ambiente De Trabalho
Amor, Qualidade De Vida E Produtividade No Ambiente De TrabalhoAmor, Qualidade De Vida E Produtividade No Ambiente De Trabalho
Amor, Qualidade De Vida E Produtividade No Ambiente De Trabalho
 
CiúMe E Inveja Palestra Na Poli
CiúMe E Inveja    Palestra Na  PoliCiúMe E Inveja    Palestra Na  Poli
CiúMe E Inveja Palestra Na Poli
 

Último

Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docxPlanejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
marcos oliveira
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 

Último (20)

Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docxPlanejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 

Fracasso escolar: o que é e como combatê-lo?

  • 1. Fracasso escolarRodrigo de S. GadiniThiago de Almeida(www.thiagodealmeida.com.br)
  • 2. Fracasso EscolarO Fracasso escolar é hoje, o assunto mais estudado e discutido por profissionais da área da pedagogia e psicopedagogia.O assunto vem em função da procura de quem vem a ser quem seriam os culpados pelo efeito do fracasso alguém que possa assumir sozinho esta situação, pela qual o pais vivência no contexto escolar.
  • 3. O que é fracasso escolar?“Fracasso escolar é difícil de ser definido e compreendido por se tratar de um fenômeno que não é natural, mas resultado das condições de interação entre a proposta de ensino, a assimilação do aprendizado por parte dos alunos, os modelos de ensino e de avaliação, além do contexto escolar e familiar”(Giúdice*, 2009)*Fonte: http://www.educarede.org.br/educa/index.cfm?pg=revista_educarede.especiais&id_especial=405
  • 4. Conceitualmente, o fracasso escolar é entendido como um desajuste produzido em algum ponto do sistema educativo, exemplos: na formação do docente, na exigência dos conteúdos, na fragmentação curricular ou, ainda, nas possibilidades oferecidas aos alunos para o aprendizado.Temos momentos em que profissionais culpa a criança, ora a família, em outros uma determinada classe social, ora todo um sistema econômico, político e social. Segundo Sales e Silva (2008), em busca de respostas, os educadores voltam ao cenário brasileiro da década de 60, cujos princípios estavam alicerçados em teorias da escola nova desenvolvidas nos EUA e Europa. Em contraste ao ensino tradicional. Já na década de 70 preocupou-se pela qualidade do ensino como forma de minimizar a questão do fracasso escolar. Em todavia na metade da década de 80, pesquisas atribuíam aos professores a responsabilidade pelo insucesso dos educandos.Mas será que existe mesmo um culpado para a não- aprendizagem?“A culpa, o considerar-se culpado, em geral, está no nível imaginário” (FERNANDEZ, 1994) e coloca que o contrário da culpa é a responsabilidade.Podemos dizer que ao redor do contexto escolar, são varias forças que circulam ao redor de uma influência sobre os alunos e professores.Forças estas que encontramos no convívio das pessoas em meio a sociedade. O contato particular de cada um, com sua rede social.
  • 5. Para Meira (2002); Sales e Silva (2008); Costa (2009) os exemplos de forças influenciadoras são:Pais que não ligam para o desenvolvimento do ensino para com seus filhos;Crianças com má estruturação familiar;Crianças que trabalham para auxiliar nas despesas de casa;Professores com má formação;Escolas com estrutura precária, para o desenvolvimento do ensino;Dificuldade de relacionamento com o corpo da direção de escolas(entre professor , psicopedagogos e direção).
  • 6. Costa ainda menciona que outro fator que contribui com o fracasso escolar, é a iniciação sexual dos adolescentes/jovens.Que cada vez estão iniciando mais cedo sua vida sexual  e acabam se tornando pais e mães muito jovens,  sem uma boa orientação.O que acabam tendo que assumir responsabilidades de pessoas adultas antes do tempo.Ainda existem aqueles que se prostituem para ganhar dinheiro de forma fácil, iludidos com a promessa uma vida melhor que nunca chega, e por estes motivos acabam abandonando a escola.
  • 7. Envolvimentos positivosA família, por sua vez, é responsável pela aprendizagem da criança, já que os pais são os primeiros ensinantes e as “atitudes destes frente às emergências de autoria do aprendente, se repetidas constantemente, irão determinar a modalidade de aprendizagem dos filhos”(FERNÁNDEZ, 2001 citado por MEIRA, 2008).
  • 8. Entendemos que uma boa formação dos professores é indispensável na educação, para melhorar o rendimento na aprendizagem;Para buscar uma eficiência maior em relação a informação a ser passada;Possibilitando uma maior compreensão dos jovens com determinados assuntos.Sendo que a aprendizagem é um processo vincular, ou seja, que se dá no vínculo entre ensinante e aprendente.
  • 9. APRENDIZAGEM X FRACASSO ESCOLARAo falarmos de fracasso escolar, além de tentarmos analisar os fatores que contribuem para seu surgimento, é necessário conceituar aquilo que viria a ser seu oposto: a aprendizagem.Já mencionamos que a aprendizagem é um processo vincular, ocorrendo portanto entre subjetividades.Para aprender, o ser humano coloca em jogo seu organismo herdado, seu corpo e sua inteligência construídos em interação e a dimensão inconsciente (MEIRA, 2008).
  • 10. O aprender passa pela observação do objeto, pela ação sobre ele e pelo desejo.O conhecimento é o resultado de uma construção do sujeito na interação com os objetos (PIAGET).E o saber é a apropriação desses conhecimentos pelo sujeito de forma particular, própria dele, pois implica no inconsciente.
  • 11. A partir disso, podemos definir aprendizagem como uma construção singular que o sujeito vai fazendo a partir de sua interação com o meio e com os objetos.E assim ele vai transformando as informações em conhecimento, deixando sua marca como autor e vivenciando a alegria que acompanha a aprendizagem.
  • 12. Este processo se difere bastante do fracasso escolar que pode evidenciar uma falha nesta relação vincular ensinante- aprendente.No fracasso escolar “a criança não tem um problema de aprendizagem, mas eu, como docente, tenho um problema de ensinagem com ele”(FERNANDEZ*, 1994 citado por Meira, 2008).Competência em psicologia os traços de personalidade que permitem ao indivíduo atingir determinada realização ou desempenho. A habilidade não deve, no entanto, ser confundida com o desempenho em si, que pode variar com a motivação.*Fonte:http://pt.wikipedia.org/wiki/Compet%C3%AAncia_(psicologia)
  • 13. A busca de competênciaPara Meira (2002); A sociedade busca cada vez mais o êxito profissional, a competência a qualquer custo e a escola também segue esta concepção. Podendo aqueles que não conseguem responder às exigências da instituição sofrer com um problema de aprendizagem. A busca incansável e imediata pela perfeição leva à rotulação daqueles que não se encaixam nos parâmetros impostos.
  • 14. Para Meira (2002), quando falamos em fracasso escolar, é definido por ela como um mal êxito.Mas, mal êxito em que? Com quais parâmetros vemos o desenvolvimento escolar ser classificado como um fracasso? E o que nossa sociedade defini como sucesso?Ver vídeo
  • 15. IDEB- O Índice de Desenvolvimento da Educação BásicaFoi criado pelo Inep em 2007 e representa a iniciativa pioneira de reunir num só indicador dois conceitos igualmente importantes para a qualidade da educação: fluxo escolar e médias de desempenho nas avaliações. Ele agrega ao enfoque pedagógico dos resultados das avaliações em larga escala do Inep a possibilidade de resultados sintéticos, facilmente assimiláveis, e que permitem traçar metas de qualidade educacional para os sistemas. O indicador é calculado a partir dos dados sobre aprovação escolar, obtidos no Censo Escolar, e médias de desempenho nas avaliações do Inep, o Saeb – para as unidades da federação e para o país, e a Prova Brasil – para os municípios.http://www.publicacoes.inep.gov.br/arquivos/%7B9C976990-7D8D-4610-AA7C-FF0B82DBAE97%7D_Texto_para_discussão26.pdf
  • 16. Atuação atual de professores e profissionais da área em relação ao ensino“Entendemos que uma boa formação dos professores é indispensável na educação, para melhorar o rendimento na aprendizagem... pois,  sabemos também que não existem caminhos certos, mas, podemos melhorar nossa postura como educador, nos adequando ao novo,  mesmo nas situações mais conflituosas  e que devemos refletir sobre  os erros, e juntos sem culpar ninguém,devemos  buscar no seio da escola e da sociedade, ações que tornem o ensino acessível a todos” (COSTA,2009). Fonte: http://www.webartigos.com/articles/23750/1/O-Fracasso-Escolar-e-as-Deficiencias-na-Formacao-do-Professor/pagina1.html#ixzz1Kq9O9oTrSegundo Sales e Silva(2008), as atividades que podem serem desenvolvidas em sala de aula em busca de melhores resultados são:Atividades abertas e diversificadas através de pesquisas, registros escritos, falados e debatidos.Onde todas estas atividades possibilitem os jovens poder desenvolver melhor um raciocínio e um conhecimento dentro de um contexto, que possivelmente ele venha á se deparar em sua vida.
  • 17. A INTERVENÇÃO PSICOPEDAGÓGICAA atuação do psicopedagogo deve buscar o que significa o aprender para esse sujeito e sua família, tentando descobrir a função do não aprender.Segundo Fernández(2001 citado por Meira, 2008), um visão clínica que se preocupa com o desenvolver do problema do fracasso escolar, esta vinculado a observação feita dos psicopedagogos, em buscar fazer uma escuta particular do sujeito, possibilitando entrar causas do não- aprender e organizar metodologias que busquem facilitar uma aprendizagem e um melhor desenvolvimento escolar do aluno.
  • 18. As escolas atualmente desenvolvem projetos, onde visão aproximar pais, professores, psicopedagogos e direção escolar tudo em busca de melhorar o desenvolvimento do ensino;Propondo aos pais, uma maior participação do desenvolvimento imposto a seus filhos;De forma que venha a auxiliar os professores, no desenvolvimento da tarefa do ensinar;Procurando ter uma maior participação, com atuação mais eficaz na cobrança com seus filhos mediante as tarefas impostas pelo educando.
  • 19. Possibilitando desta forma mais conjunta entre escola, professores, pais e alunos, tendo objetivos mais concluídos e alcançados por meio de uma aprendizagem mais eficaz. Portanto, buscar soluções para o fracasso escolar não consiste em patologizar o aprendente mas em ampliar este foco, abrindo espaço para outras variáveis que também influenciam no processo da aprendizagem.Como a instituição, o método de ensino, as relações ensinante- aprendente, os aspectos sócio-culturais, a história de vida do sujeito, entre outras (MEIRA, 2008).
  • 20. Fim!
  • 21. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÀFICAS COSTA, Francisco. O Fracasso Escolar e as Deficiências na Formação do Professor; publicado em: http://www.webartigos.com 24/08/09, disponível em: <www.webartigos.com/articles/23750/1/O-Fracasso-Escolar-e-as-Deficiencias-na-Formacao-do-Professor/pagina1.html>acessado em: 24 de abril de 2011.INEP – Instituto Nacional de Estudos e Pesquisa Educacionais Anísio Teixeira. O que é IDEB? Disponível em: <portalideb.inep.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=45&Itemid=5>Acesso em: 26 de abril de 2011.MEIRA, Michelle de Castro. Fracasso escolar: De quem é a culpa? Publicado pela INESP- Instituto de Ensino Superior de Pesquisa/UEMG- Universidade do Estado de Minas Gerais. Junho 2002; Disponível em: <www2.funedi.edu.br/revista/revista-eletronica3/artigo12-3.htm> acessado: 24 de abril de 2011.SALES, A. M. B., & SILVA, T. L. da, As causas e consequências do fracasso escolar. Publicado pela Faculdade de Rolim de Moura – Farol Centro de Pós- graduação Lato Sensu. Paraná, 2008 disponível em: <sergioetatiane.blogspot.com/2009/01/as-causas-e-consequncias-do-fracasso.html> Acessado em 24 de abril de 2011.http://www.educarede.org.br/educa/index.cfm?pg=revista_educarede.especiais&id_especial=405