SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
EDUCAÇÃO E ERA DIGITAL:
ESCOLA BRASILEIRA NA BUSCA A PRÁTICA DO M-
                LEARNING

                              Elisabeth Gomes Pereira
                  Secretaria da Educação do Estado do Ceará – SEDUC/Br
                                    Raquel Gondim
                            EEFM Estado do Paraná – SEDUC/Br



                  Out./2012
Introdução
Socialmente imersos na cultura digital novos processos de ensino e aprendizagem se
possibilitam Para cada inovação tecnológica criada, novos fazeres, novas produções,
novas formas de pensar e agir.

Com as tecnologias digitais de comunicação, o mundo entra na escola de forma mais rápida e ampla do
que entrava antes. Mas, ainda mais importante, a escola, cada escola, vai ao mundo e mostra a sua cara, o
que produz, mostra e troca o que realiza. (TORNAGHI, 2010, p.9).

Pressuposto: a escola necessita preparar-se para oferecer uma educação adequada
às novas demandas da sociedade digital. Pesquisar, produzir, publicar, interagir e
comunicar-se digitalmente são habilidades indispensáveis ao cidadão da era digital. A
escola deve incitar o desenvolvimento de práticas pedagógicas e aprendizagens que
resultem em saberes inovadores e relevantes a época vivida.
Era digital na educação brasileira


Atualmente vivemos uma experiência ímpar na educação brasileira através do Programa Um
Computador por Aluno – UCA. De acordo com o Gtuca (2012):



O UCA pretende criar e socializar novas formas de utilização das tecnologias digitais nas escolas públicas
brasileiras, para ampliar o processo de inclusão digital escolar. A ideia do laptop conectado [...] gera novas
dimensões de acesso à informação e novas relações com o saber que podem resultar em tendências educacionais
inovadoras, descortinando novos e promissores horizontes de trabalho do conhecimento nas escolas. [...]
Possibilita a criação de redes em interação aluno com aluno, aluno com professor, professor com especialista e um
tanto outro número de enlaces numa experiência de inteligência coletiva, rica, inovadora e multiplicadora do
conhecimento. (GTUCA, 2012, p.1)




Neste trabalho descrevemos sobre o uso dos netbooks do Programa UCA na escola de
Ensino Fundamental e Médio Estado do Paraná localizada em Fortaleza no estado do
Ceará.
Escola brasileira na busca ao m-learning

No Ceará apenas 10 escolas da rede pública do Estado participam do programa. As
experiências apresentadas pelas escolas estão sendo riquíssimas, demonstrando a
expansão da inclusão digital e o maior conhecimento sobre m-learning.

A EEFM Estado do Paraná, contando com 353 alunos (turnos manhã e tarde) e 35
professores, vem trabalhando com o UCA desde junho de 2010. Nestes dois anos desafios
diversos têm sido enfrentados.

Ações da escola em destaque:

* O uso intenso dos netbooks em todas as disciplinas explorando pedagogicamente o
aplicativo KOffice (kword, kspread, kpresenter) e outras ferramentas como Tux e Squeak
Etoys.

* Na área de formação através da universidade os professores têm realizado estudos sobre
elaboração de projetos, uso da Web 2.0, currículo e convergência de mídias, uso de
ambientes virtuais de aprendizagem - AVA, e-Proinfo e Sócrates.
Experimento prático
Trocas de experiências didáticas tem sido um ponto forte vivido na escola.

Experiência prática do Grupo de Pesquisa Interdidática com seis meses em
desenvolvimento, o qual é parte integrante na nossa investigação de doutoramento
(TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NA ESCOLA: estudo
de caso em escolas do Ensino Básico, no Brasil e em Portugal), podendo responder
parte da seguinte questão de pesquisa: Como os professores envolvidos nos
programas governamentais (brasileiro e português) UCA e e-Escola criam e
desenvolvem, na escola, as estratégias didáticas apoiadas pelas TIC?

O experimento vem apoiando a troca de estratégias didáticas entre os professores da
Escola Estado do Paraná e professores da Escola Secundária Carlos Amarante -
ESCA (Braga/Portugal). Caracteriza-se como um espaço de formação continuada
não estruturada e autônoma para as escolas envolvidas. A vivência tem
incentivado os professores a descobertas de ferramentas possivelmente
didáticas do Google+ (stream e hangout), ferramentas para produção de vídeos
como Animoto e Movie Maker online, ferramentas da Web 2.0 como o QUIZ
para prática e aprofundamento do m-learning com netbooks e celulares e,
incentivado a utilização dos AVA Moodle e Sócrates como espaço propiciador
de aprendizagem continua para os alunos.
Videoconferências realizadas
no Hangout - Experimento do
     GP Interdidática.
Resultado em destaque

Projetos nascem a cada novo conhecimento possibilitados pelas trocas de
experiências.

DESTAQUE:

Projeto Sem Fronteiras: Ponte Atlântica Brasil e Portugal, o qual “visa através
da aprendizagem colaborativa colocar os alunos envolvidos na busca,
compreensão e interpretação de informações das duas comunidades de modo
que eles possam contribuir com seus conhecimentos” (PARANÁ, 2012).

Aprender no contexto digital significa poder aprender de diferentes formas com
objetos inerentes a cultura digital. E aprender “é pensar, colocar a inteligência em
contato com a informação para transformá-la em conhecimento” (BLÁSIS e
ESTIMA, 2011, p.16).




                                                  Videoconferência Hangout
                                    Projeto Sem Fronteiras: Ponte Atlântica Brasil e Portugal
Conclusões

   1. As ações desenvolvidas pela escola
   brasileira configuram a busca pela inserção
                                                   2. Aderir a autoformação faz parte
   da cultura digital ao seu cotidiano.
                                                   do novo perfil do professor da era
                                                   digital.
3. Utilizar a pedagogia de projetos torna o
ensino e a aprendizagem um processo flexível
                                                 4. A prática da interdisciplinaridade
e de troca, onde se constrói e, não apenas se
                                                 supõe concordar com um currículo
reproduz conhecimentos.
                                                 dinâmico e múltiplo.

  5. A colaboração de parceiros é elemento
                                                 6. O uso de equipamentos digitais e
  enriquecedor, garantindo a troca de
                                                 recursos da Web 2.0 apoiando as
  saberes inerente à cibercultura.
                                                 ações pedagógicas sugerem a adesão
                                                 ao Web Currículo.
7. O netbook utilizado para pesquisas,
gravação de vídeos e videoconferência
confirma a facilidade que trás a convergência      8. A ubiquidade praticada através
de tecnologias e mídias em um único                dos netbooks pode intensificar a
dispositivo, além de proporcionar qualidade e      interação, a produção e a partilhada
quantidade de opções para as interações entre      de saberes.
parceiros.
Portanto, fica notório que a escola brasileira mesmo
diante de dificuldades e carências luta com
consciência por um ensinar e aprender
diferenciados, contextualizados e prazerosos, onde a
inclusão digital e o m-learning são os principais
coadjuvantes no seu pensar contemporâneo.
Referências
Almeida, M. E. B. (2010). Web Currículo, caminhos e narrativas. In Anais do II Seminário Web
Currículo [online]. São Paulo: PUC-SP.
Blásis, E. & Estima, R. I.V.B. (orgs.). (2011). Ensinar e Aprender no Mundo Digital:
Fundamentos para a prática pedagógica na cultura digital. São Paulo: Cenpec.
Brandão, C. R. (1995). O que é educação. 33ª ed. São Paulo: Brasiliense.
GTUCA. Módulo de apresentação. (2012).
http://www.virtual.ufc.br/cursouca/modulo_apresentacao/creditos.html (Acessível em 25 de Maio
de 2012).
Mendonça, R. H. (2009). Tecnologias digitais na educação. In Ministério da Educação Secretaria
de Educação a Distância Brasil, TV Escola - Boletim Salto para o Futuro: Tecnologias Digitais na
Educação. Brasília, DF: MEC/SEED.
Paraná, E. E. F. M. E. (2012). Projeto Sem Fronteiras: Ponte Atlântica Brasil e Portugal.
Fortaleza-Ce: Escola de Ensino Fundamental e Médio Estado do Paraná.
Santaella, L. (2010). A aprendizagem ubíqua substitui a educação formal? In ReCeT - Revista de
Computação e Tecnologia da PUC-SP, Ano II, Nº 1. São Paulo: Departamento de Computação -
FCET – PUC.
Taurion, C. A era pós PC. ComputerWorld. (2011).
http://computerworld.uol.com.br/blog/tecnologia/2011/12/12/a-era-pos-pc/ (Acessível em 17 de
Maio de 2012).
Tornaghi, A. (2010). Cultura digital e escola: apresentação da série. In Ministério da Educação
Secretaria de Educação a Distância Brasil, TV Escola - Boletim Salto para o Futuro: Cultura digital
e escola. Brasília, DF: MEC/SEED.
Ceará: 184 municípios e
806 distritos.

População: ≈ 8 milhões de
habitantes. Áreas urbanas
comportando     75%    da
população.

Área total: 148.825,6 km²,
equivalente a 9,57% a
região Nordeste e 1,74% da
área total do Brasil. Sendo
a 4ª maior extensão
territorial  da       região
Nordeste e 17º entre os
estados brasileiros.

Rede Pública Estadual de
Ensino:
Nº de escolas - 720
Nº escolas de EM - 294
Nº alunos de EM - 307.000
Nº Profs.- ≈ 27.000
CONTATOS:

                 Elisabeth Gomes Pereira
                 (doutoranda da UMINHO)
                  bethgomesp@gmail.com

                       Raquel Gondim
      (Profª Especialista do Laboratório de Informática)
                raquel.gondim80@gmail.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...
O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...
O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...Wilker Bueno de Freitas Rosa
 
Aprendizagem Colaborativa para dinamizar o Ensino Remoto
Aprendizagem Colaborativa para dinamizar o Ensino RemotoAprendizagem Colaborativa para dinamizar o Ensino Remoto
Aprendizagem Colaborativa para dinamizar o Ensino RemotoMariano Pimentel
 
Tdic na prática docente i
Tdic na prática docente   iTdic na prática docente   i
Tdic na prática docente iEduardo Lima
 
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...rosemaralopes
 
Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação Katia Tavares
 
Vantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaVantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaumburaconaparede
 
As novas tecnologias aplicadas à educação
As novas tecnologias aplicadas à educaçãoAs novas tecnologias aplicadas à educação
As novas tecnologias aplicadas à educaçãogeorginalopes
 
Recursos e projetos educativos digitais [uma busca na rede...]
Recursos e projetos educativos digitais [uma busca na rede...]Recursos e projetos educativos digitais [uma busca na rede...]
Recursos e projetos educativos digitais [uma busca na rede...]Ana Loureiro
 
Tecnófilo: Educação e Tecnologia
Tecnófilo: Educação e TecnologiaTecnófilo: Educação e Tecnologia
Tecnófilo: Educação e TecnologiaAlanJonatas
 
Sobradinho - Luciano Machado
Sobradinho - Luciano MachadoSobradinho - Luciano Machado
Sobradinho - Luciano MachadoCursoTICs
 
As vantagens do computador na educação
As vantagens do computador na educaçãoAs vantagens do computador na educação
As vantagens do computador na educaçãolilianarmondes21
 
Formação de professores adaptabilidade dos profissionais da educação e a util...
Formação de professores adaptabilidade dos profissionais da educação e a util...Formação de professores adaptabilidade dos profissionais da educação e a util...
Formação de professores adaptabilidade dos profissionais da educação e a util...Carla Michelle Silva
 

Mais procurados (19)

Apostila de Tecnologia de Educação
Apostila de Tecnologia de EducaçãoApostila de Tecnologia de Educação
Apostila de Tecnologia de Educação
 
O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...
O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...
O USO PEDAGÓGICO DAS TDIC PARA O FORTALECIMENTO DE ESTRATÉGIAS QUE BUSCAM A M...
 
Tics na Educação
Tics na EducaçãoTics na Educação
Tics na Educação
 
Projeto inclusão digital em pdf
Projeto inclusão digital em pdfProjeto inclusão digital em pdf
Projeto inclusão digital em pdf
 
Aprendizagem Colaborativa para dinamizar o Ensino Remoto
Aprendizagem Colaborativa para dinamizar o Ensino RemotoAprendizagem Colaborativa para dinamizar o Ensino Remoto
Aprendizagem Colaborativa para dinamizar o Ensino Remoto
 
Tdic na prática docente i
Tdic na prática docente   iTdic na prática docente   i
Tdic na prática docente i
 
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...
Possibilidades e Dificuldades de Integração das TDIC à Prática Pedagógica do ...
 
2
22
2
 
Padde be
Padde bePadde be
Padde be
 
Tecnologias que Educam
Tecnologias que EducamTecnologias que Educam
Tecnologias que Educam
 
Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação
 
Vantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaVantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informática
 
17432019 Tecnologias Digitais Edu
17432019 Tecnologias Digitais Edu17432019 Tecnologias Digitais Edu
17432019 Tecnologias Digitais Edu
 
As novas tecnologias aplicadas à educação
As novas tecnologias aplicadas à educaçãoAs novas tecnologias aplicadas à educação
As novas tecnologias aplicadas à educação
 
Recursos e projetos educativos digitais [uma busca na rede...]
Recursos e projetos educativos digitais [uma busca na rede...]Recursos e projetos educativos digitais [uma busca na rede...]
Recursos e projetos educativos digitais [uma busca na rede...]
 
Tecnófilo: Educação e Tecnologia
Tecnófilo: Educação e TecnologiaTecnófilo: Educação e Tecnologia
Tecnófilo: Educação e Tecnologia
 
Sobradinho - Luciano Machado
Sobradinho - Luciano MachadoSobradinho - Luciano Machado
Sobradinho - Luciano Machado
 
As vantagens do computador na educação
As vantagens do computador na educaçãoAs vantagens do computador na educação
As vantagens do computador na educação
 
Formação de professores adaptabilidade dos profissionais da educação e a util...
Formação de professores adaptabilidade dos profissionais da educação e a util...Formação de professores adaptabilidade dos profissionais da educação e a util...
Formação de professores adaptabilidade dos profissionais da educação e a util...
 

Destaque

A era digital ( o contexto do cenário atual da internet no Brasil )
A era digital ( o contexto do cenário atual da internet no Brasil )A era digital ( o contexto do cenário atual da internet no Brasil )
A era digital ( o contexto do cenário atual da internet no Brasil )Fredy Lima
 
Os Jovens na Era Digital
Os Jovens na Era DigitalOs Jovens na Era Digital
Os Jovens na Era Digitalanadirdelai
 
tecnologia x educação
tecnologia x educaçãotecnologia x educação
tecnologia x educaçãorrvidal
 
Reimaginando a Educação na Era Digital
Reimaginando a Educação na Era DigitalReimaginando a Educação na Era Digital
Reimaginando a Educação na Era DigitalRuy De Queiroz
 
Juventude conectada online
Juventude conectada onlineJuventude conectada online
Juventude conectada onlineONGestão
 
La era digital
La era digitalLa era digital
La era digitalzero
 
Aprendizagem na era digital
Aprendizagem na era digitalAprendizagem na era digital
Aprendizagem na era digitalCíntia Rabello
 
Educação e Tecnologia
Educação e TecnologiaEducação e Tecnologia
Educação e Tecnologiafelipecar
 
A comunicação na era digital - Como a internet está mudando o comportamento e...
A comunicação na era digital - Como a internet está mudando o comportamento e...A comunicação na era digital - Como a internet está mudando o comportamento e...
A comunicação na era digital - Como a internet está mudando o comportamento e...In Press Porter Novelli
 
O uso das novas tecnologias em sala de aula
O uso das novas tecnologias em sala de aulaO uso das novas tecnologias em sala de aula
O uso das novas tecnologias em sala de aulacederj
 
A internet e as suas des/vantagens
A internet e as suas des/vantagensA internet e as suas des/vantagens
A internet e as suas des/vantagensinstitutoduartelemos
 
Power point sobre tecnologias e educação
Power point sobre tecnologias e educaçãoPower point sobre tecnologias e educação
Power point sobre tecnologias e educaçãokarlaluiza
 
Uso Da Tecnologias Em Sala De Aula
Uso Da Tecnologias Em Sala De AulaUso Da Tecnologias Em Sala De Aula
Uso Da Tecnologias Em Sala De Aulaandre alcantara
 
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela Melaré
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela MelaréEducação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela Melaré
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela MelaréElizabeth Fantauzzi
 
Uso das novas tecnologias em sala de aula
Uso das novas tecnologias em sala de aulaUso das novas tecnologias em sala de aula
Uso das novas tecnologias em sala de aulaAntonio Barreto
 

Destaque (20)

A era digital ( o contexto do cenário atual da internet no Brasil )
A era digital ( o contexto do cenário atual da internet no Brasil )A era digital ( o contexto do cenário atual da internet no Brasil )
A era digital ( o contexto do cenário atual da internet no Brasil )
 
As transformações na era digital
As transformações na era digitalAs transformações na era digital
As transformações na era digital
 
Os Jovens na Era Digital
Os Jovens na Era DigitalOs Jovens na Era Digital
Os Jovens na Era Digital
 
Era Digital
Era DigitalEra Digital
Era Digital
 
tecnologia x educação
tecnologia x educaçãotecnologia x educação
tecnologia x educação
 
Reimaginando a Educação na Era Digital
Reimaginando a Educação na Era DigitalReimaginando a Educação na Era Digital
Reimaginando a Educação na Era Digital
 
Juventude conectada online
Juventude conectada onlineJuventude conectada online
Juventude conectada online
 
O Uso Da Internet Na EducaçãO
O Uso Da Internet Na EducaçãOO Uso Da Internet Na EducaçãO
O Uso Da Internet Na EducaçãO
 
Era digital
Era digitalEra digital
Era digital
 
Educação e novas tecnologias
Educação e novas tecnologiasEducação e novas tecnologias
Educação e novas tecnologias
 
La era digital
La era digitalLa era digital
La era digital
 
Aprendizagem na era digital
Aprendizagem na era digitalAprendizagem na era digital
Aprendizagem na era digital
 
Educação e Tecnologia
Educação e TecnologiaEducação e Tecnologia
Educação e Tecnologia
 
A comunicação na era digital - Como a internet está mudando o comportamento e...
A comunicação na era digital - Como a internet está mudando o comportamento e...A comunicação na era digital - Como a internet está mudando o comportamento e...
A comunicação na era digital - Como a internet está mudando o comportamento e...
 
O uso das novas tecnologias em sala de aula
O uso das novas tecnologias em sala de aulaO uso das novas tecnologias em sala de aula
O uso das novas tecnologias em sala de aula
 
A internet e as suas des/vantagens
A internet e as suas des/vantagensA internet e as suas des/vantagens
A internet e as suas des/vantagens
 
Power point sobre tecnologias e educação
Power point sobre tecnologias e educaçãoPower point sobre tecnologias e educação
Power point sobre tecnologias e educação
 
Uso Da Tecnologias Em Sala De Aula
Uso Da Tecnologias Em Sala De AulaUso Da Tecnologias Em Sala De Aula
Uso Da Tecnologias Em Sala De Aula
 
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela Melaré
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela MelaréEducação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela Melaré
Educação e tecnologias : reflexão, inovação e práticas - Daniela Melaré
 
Uso das novas tecnologias em sala de aula
Uso das novas tecnologias em sala de aulaUso das novas tecnologias em sala de aula
Uso das novas tecnologias em sala de aula
 

Semelhante a Educação e era digital

Apresentação Web Currículo 1
Apresentação Web Currículo 1Apresentação Web Currículo 1
Apresentação Web Currículo 1Renata Aquino
 
Sobradinho - Helena Maria da Silva Rech
Sobradinho - Helena Maria da Silva RechSobradinho - Helena Maria da Silva Rech
Sobradinho - Helena Maria da Silva RechCursoTICs
 
Relatorio candidatura ideias_merito_rbe
Relatorio candidatura ideias_merito_rbeRelatorio candidatura ideias_merito_rbe
Relatorio candidatura ideias_merito_rbeSaoLivrosSenhor
 
Cibercultura - A utilização das tecnologia na educação
Cibercultura - A utilização das tecnologia na educaçãoCibercultura - A utilização das tecnologia na educação
Cibercultura - A utilização das tecnologia na educaçãoKiara Brites
 
Atividade4 2 relatório-Beatrizalves
Atividade4 2 relatório-BeatrizalvesAtividade4 2 relatório-Beatrizalves
Atividade4 2 relatório-Beatrizalvesbeatrizproinfo100hs
 
Vantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaVantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaumburaconaparede
 
Vantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaVantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaumburaconaparede
 
A formação de professores com os usos potenciais das tecnologias digitais.
A formação de professores com os usos potenciais das tecnologias digitais.  A formação de professores com os usos potenciais das tecnologias digitais.
A formação de professores com os usos potenciais das tecnologias digitais. Ana Carolina Castro
 
Programa Supervisao 08 09 Sobre Tic
Programa Supervisao 08 09 Sobre TicPrograma Supervisao 08 09 Sobre Tic
Programa Supervisao 08 09 Sobre TicTEODORO SOARES
 
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologia
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologiaTríplice convergência digital, mídias, tecnologia
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologiaSirlene Sena
 
Literacia Digital – desenvolvendo competência para atuar com e no mundo media...
Literacia Digital – desenvolvendo competência para atuar com e no mundo media...Literacia Digital – desenvolvendo competência para atuar com e no mundo media...
Literacia Digital – desenvolvendo competência para atuar com e no mundo media...Daniela Azevedo
 
Novas tecnologias no ensino
Novas tecnologias no ensinoNovas tecnologias no ensino
Novas tecnologias no ensinoPtR2011
 
Artigo: ensaio de b-learning num curso profissional do sector do turismo, TIC...
Artigo: ensaio de b-learning num curso profissional do sector do turismo, TIC...Artigo: ensaio de b-learning num curso profissional do sector do turismo, TIC...
Artigo: ensaio de b-learning num curso profissional do sector do turismo, TIC...Fernanda Ledesma
 
Texto 3 currículo tecnologia e cultura digital
Texto 3   currículo tecnologia e cultura digitalTexto 3   currículo tecnologia e cultura digital
Texto 3 currículo tecnologia e cultura digitalEuzebio Raimundo da Silva
 
Novas tecnologias no ensino
Novas tecnologias no ensino  Novas tecnologias no ensino
Novas tecnologias no ensino PtR2011
 
Relatório crítico final
Relatório crítico finalRelatório crítico final
Relatório crítico finalLuisa1959
 
UM MODELO PARA PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS EDUCACIONAIS INTERATIVOS PARA TVDi COM B...
UM MODELO PARA PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS EDUCACIONAIS INTERATIVOS PARA TVDi COM B...UM MODELO PARA PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS EDUCACIONAIS INTERATIVOS PARA TVDi COM B...
UM MODELO PARA PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS EDUCACIONAIS INTERATIVOS PARA TVDi COM B...José Catunda
 

Semelhante a Educação e era digital (20)

Apresentação Web Currículo 1
Apresentação Web Currículo 1Apresentação Web Currículo 1
Apresentação Web Currículo 1
 
Sobradinho - Helena Maria da Silva Rech
Sobradinho - Helena Maria da Silva RechSobradinho - Helena Maria da Silva Rech
Sobradinho - Helena Maria da Silva Rech
 
Relatorio candidatura ideias_merito_rbe
Relatorio candidatura ideias_merito_rbeRelatorio candidatura ideias_merito_rbe
Relatorio candidatura ideias_merito_rbe
 
Cibercultura - A utilização das tecnologia na educação
Cibercultura - A utilização das tecnologia na educaçãoCibercultura - A utilização das tecnologia na educação
Cibercultura - A utilização das tecnologia na educação
 
Lerescrever1
Lerescrever1Lerescrever1
Lerescrever1
 
Atividade4 2 relatório-Beatrizalves
Atividade4 2 relatório-BeatrizalvesAtividade4 2 relatório-Beatrizalves
Atividade4 2 relatório-Beatrizalves
 
Vantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaVantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informática
 
Vantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaVantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informática
 
A formação de professores com os usos potenciais das tecnologias digitais.
A formação de professores com os usos potenciais das tecnologias digitais.  A formação de professores com os usos potenciais das tecnologias digitais.
A formação de professores com os usos potenciais das tecnologias digitais.
 
Programa Supervisao 08 09 Sobre Tic
Programa Supervisao 08 09 Sobre TicPrograma Supervisao 08 09 Sobre Tic
Programa Supervisao 08 09 Sobre Tic
 
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologia
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologiaTríplice convergência digital, mídias, tecnologia
Tríplice convergência digital, mídias, tecnologia
 
Literacia Digital – desenvolvendo competência para atuar com e no mundo media...
Literacia Digital – desenvolvendo competência para atuar com e no mundo media...Literacia Digital – desenvolvendo competência para atuar com e no mundo media...
Literacia Digital – desenvolvendo competência para atuar com e no mundo media...
 
Novas tecnologias no ensino
Novas tecnologias no ensinoNovas tecnologias no ensino
Novas tecnologias no ensino
 
Artigo: ensaio de b-learning num curso profissional do sector do turismo, TIC...
Artigo: ensaio de b-learning num curso profissional do sector do turismo, TIC...Artigo: ensaio de b-learning num curso profissional do sector do turismo, TIC...
Artigo: ensaio de b-learning num curso profissional do sector do turismo, TIC...
 
Texto 3 currículo tecnologia e cultura digital
Texto 3   currículo tecnologia e cultura digitalTexto 3   currículo tecnologia e cultura digital
Texto 3 currículo tecnologia e cultura digital
 
Novas tecnologias no ensino
Novas tecnologias no ensino  Novas tecnologias no ensino
Novas tecnologias no ensino
 
Orientações - Plano de trabalho de Tecnologia 2014
Orientações - Plano de trabalho de Tecnologia 2014 Orientações - Plano de trabalho de Tecnologia 2014
Orientações - Plano de trabalho de Tecnologia 2014
 
Relatório crítico final
Relatório crítico finalRelatório crítico final
Relatório crítico final
 
UM MODELO PARA PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS EDUCACIONAIS INTERATIVOS PARA TVDi COM B...
UM MODELO PARA PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS EDUCACIONAIS INTERATIVOS PARA TVDi COM B...UM MODELO PARA PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS EDUCACIONAIS INTERATIVOS PARA TVDi COM B...
UM MODELO PARA PRODUÇÃO DE CONTEÚDOS EDUCACIONAIS INTERATIVOS PARA TVDi COM B...
 
Educação com web 2.0?
Educação com web 2.0?Educação com web 2.0?
Educação com web 2.0?
 

Mais de ejml

Aprender para jogar ou jogar para aprender?
Aprender para jogar ou jogar para aprender?Aprender para jogar ou jogar para aprender?
Aprender para jogar ou jogar para aprender?ejml
 
Ars musicalis _plataforma_amb_android
Ars musicalis _plataforma_amb_androidArs musicalis _plataforma_amb_android
Ars musicalis _plataforma_amb_androidejml
 
Bad Quavers from Space_plataformas_em_android
Bad Quavers from Space_plataformas_em_androidBad Quavers from Space_plataformas_em_android
Bad Quavers from Space_plataformas_em_androidejml
 
Aplicação de um jogo educativo digital
Aplicação de um jogo educativo digitalAplicação de um jogo educativo digital
Aplicação de um jogo educativo digitalejml
 
Jogos e mobile: em que nivel estamos?
Jogos e mobile: em que nivel estamos?Jogos e mobile: em que nivel estamos?
Jogos e mobile: em que nivel estamos?ejml
 
Kimera
KimeraKimera
Kimeraejml
 
Gulivrer's
Gulivrer'sGulivrer's
Gulivrer'sejml
 
Jogo da Glória: 7 para 7
 Jogo da Glória: 7 para 7 Jogo da Glória: 7 para 7
Jogo da Glória: 7 para 7ejml
 
Os Jogos na aula de Inglês
Os Jogos na aula de InglêsOs Jogos na aula de Inglês
Os Jogos na aula de Inglêsejml
 
Descobrir Belém georeferrenciando-a...
Descobrir Belém georeferrenciando-a...Descobrir Belém georeferrenciando-a...
Descobrir Belém georeferrenciando-a...ejml
 
Podcast para uma aprendizagem móvel na visita ao museu
Podcast para uma aprendizagem móvel na visita ao museuPodcast para uma aprendizagem móvel na visita ao museu
Podcast para uma aprendizagem móvel na visita ao museuejml
 
Labdap
Labdap Labdap
Labdap ejml
 
Jogos digitais espaço_inaia
Jogos digitais espaço_inaiaJogos digitais espaço_inaia
Jogos digitais espaço_inaiaejml
 
Geo go
Geo goGeo go
Geo goejml
 
Entrexplorer
Entrexplorer Entrexplorer
Entrexplorer ejml
 
Qr code e as bibliotecas escolares
Qr code e as bibliotecas escolaresQr code e as bibliotecas escolares
Qr code e as bibliotecas escolaresejml
 
Implementação de podcasts, suportados por dispositivos móveis, na disciplina ...
Implementação de podcasts, suportados por dispositivos móveis, na disciplina ...Implementação de podcasts, suportados por dispositivos móveis, na disciplina ...
Implementação de podcasts, suportados por dispositivos móveis, na disciplina ...ejml
 
Workshop kodu
Workshop kodu Workshop kodu
Workshop kodu ejml
 
Tocar organizar e criar
Tocar organizar e criar Tocar organizar e criar
Tocar organizar e criar ejml
 
Atividades de Programação de Jogos com o software Scratch no 1º Ciclo do Ensi...
Atividades de Programação de Jogos com o software Scratch no 1º Ciclo do Ensi...Atividades de Programação de Jogos com o software Scratch no 1º Ciclo do Ensi...
Atividades de Programação de Jogos com o software Scratch no 1º Ciclo do Ensi...ejml
 

Mais de ejml (20)

Aprender para jogar ou jogar para aprender?
Aprender para jogar ou jogar para aprender?Aprender para jogar ou jogar para aprender?
Aprender para jogar ou jogar para aprender?
 
Ars musicalis _plataforma_amb_android
Ars musicalis _plataforma_amb_androidArs musicalis _plataforma_amb_android
Ars musicalis _plataforma_amb_android
 
Bad Quavers from Space_plataformas_em_android
Bad Quavers from Space_plataformas_em_androidBad Quavers from Space_plataformas_em_android
Bad Quavers from Space_plataformas_em_android
 
Aplicação de um jogo educativo digital
Aplicação de um jogo educativo digitalAplicação de um jogo educativo digital
Aplicação de um jogo educativo digital
 
Jogos e mobile: em que nivel estamos?
Jogos e mobile: em que nivel estamos?Jogos e mobile: em que nivel estamos?
Jogos e mobile: em que nivel estamos?
 
Kimera
KimeraKimera
Kimera
 
Gulivrer's
Gulivrer'sGulivrer's
Gulivrer's
 
Jogo da Glória: 7 para 7
 Jogo da Glória: 7 para 7 Jogo da Glória: 7 para 7
Jogo da Glória: 7 para 7
 
Os Jogos na aula de Inglês
Os Jogos na aula de InglêsOs Jogos na aula de Inglês
Os Jogos na aula de Inglês
 
Descobrir Belém georeferrenciando-a...
Descobrir Belém georeferrenciando-a...Descobrir Belém georeferrenciando-a...
Descobrir Belém georeferrenciando-a...
 
Podcast para uma aprendizagem móvel na visita ao museu
Podcast para uma aprendizagem móvel na visita ao museuPodcast para uma aprendizagem móvel na visita ao museu
Podcast para uma aprendizagem móvel na visita ao museu
 
Labdap
Labdap Labdap
Labdap
 
Jogos digitais espaço_inaia
Jogos digitais espaço_inaiaJogos digitais espaço_inaia
Jogos digitais espaço_inaia
 
Geo go
Geo goGeo go
Geo go
 
Entrexplorer
Entrexplorer Entrexplorer
Entrexplorer
 
Qr code e as bibliotecas escolares
Qr code e as bibliotecas escolaresQr code e as bibliotecas escolares
Qr code e as bibliotecas escolares
 
Implementação de podcasts, suportados por dispositivos móveis, na disciplina ...
Implementação de podcasts, suportados por dispositivos móveis, na disciplina ...Implementação de podcasts, suportados por dispositivos móveis, na disciplina ...
Implementação de podcasts, suportados por dispositivos móveis, na disciplina ...
 
Workshop kodu
Workshop kodu Workshop kodu
Workshop kodu
 
Tocar organizar e criar
Tocar organizar e criar Tocar organizar e criar
Tocar organizar e criar
 
Atividades de Programação de Jogos com o software Scratch no 1º Ciclo do Ensi...
Atividades de Programação de Jogos com o software Scratch no 1º Ciclo do Ensi...Atividades de Programação de Jogos com o software Scratch no 1º Ciclo do Ensi...
Atividades de Programação de Jogos com o software Scratch no 1º Ciclo do Ensi...
 

Último

Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxSlides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...MANUELJESUSVENTURASA
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do BrasilMary Alvarenga
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsxGilbraz Aragão
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesGilbraz Aragão
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTEJoaquim Colôa
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e Américawilson778875
 
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfWALDIRENEPINTODEMACE
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfRafaela Vieira
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxSlides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
 
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil
19 de abril - Dia dos Povos Indígenas do Brasil
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das Religiões
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e América
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
 
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025Os Ratos  -  Dyonelio Machado  FUVEST 2025
Os Ratos - Dyonelio Machado FUVEST 2025
 
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdfLivro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
Livro de bio celular e molecular Junqueira e Carneiro.pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 

Educação e era digital

  • 1. EDUCAÇÃO E ERA DIGITAL: ESCOLA BRASILEIRA NA BUSCA A PRÁTICA DO M- LEARNING Elisabeth Gomes Pereira Secretaria da Educação do Estado do Ceará – SEDUC/Br Raquel Gondim EEFM Estado do Paraná – SEDUC/Br Out./2012
  • 2. Introdução Socialmente imersos na cultura digital novos processos de ensino e aprendizagem se possibilitam Para cada inovação tecnológica criada, novos fazeres, novas produções, novas formas de pensar e agir. Com as tecnologias digitais de comunicação, o mundo entra na escola de forma mais rápida e ampla do que entrava antes. Mas, ainda mais importante, a escola, cada escola, vai ao mundo e mostra a sua cara, o que produz, mostra e troca o que realiza. (TORNAGHI, 2010, p.9). Pressuposto: a escola necessita preparar-se para oferecer uma educação adequada às novas demandas da sociedade digital. Pesquisar, produzir, publicar, interagir e comunicar-se digitalmente são habilidades indispensáveis ao cidadão da era digital. A escola deve incitar o desenvolvimento de práticas pedagógicas e aprendizagens que resultem em saberes inovadores e relevantes a época vivida.
  • 3. Era digital na educação brasileira Atualmente vivemos uma experiência ímpar na educação brasileira através do Programa Um Computador por Aluno – UCA. De acordo com o Gtuca (2012): O UCA pretende criar e socializar novas formas de utilização das tecnologias digitais nas escolas públicas brasileiras, para ampliar o processo de inclusão digital escolar. A ideia do laptop conectado [...] gera novas dimensões de acesso à informação e novas relações com o saber que podem resultar em tendências educacionais inovadoras, descortinando novos e promissores horizontes de trabalho do conhecimento nas escolas. [...] Possibilita a criação de redes em interação aluno com aluno, aluno com professor, professor com especialista e um tanto outro número de enlaces numa experiência de inteligência coletiva, rica, inovadora e multiplicadora do conhecimento. (GTUCA, 2012, p.1) Neste trabalho descrevemos sobre o uso dos netbooks do Programa UCA na escola de Ensino Fundamental e Médio Estado do Paraná localizada em Fortaleza no estado do Ceará.
  • 4. Escola brasileira na busca ao m-learning No Ceará apenas 10 escolas da rede pública do Estado participam do programa. As experiências apresentadas pelas escolas estão sendo riquíssimas, demonstrando a expansão da inclusão digital e o maior conhecimento sobre m-learning. A EEFM Estado do Paraná, contando com 353 alunos (turnos manhã e tarde) e 35 professores, vem trabalhando com o UCA desde junho de 2010. Nestes dois anos desafios diversos têm sido enfrentados. Ações da escola em destaque: * O uso intenso dos netbooks em todas as disciplinas explorando pedagogicamente o aplicativo KOffice (kword, kspread, kpresenter) e outras ferramentas como Tux e Squeak Etoys. * Na área de formação através da universidade os professores têm realizado estudos sobre elaboração de projetos, uso da Web 2.0, currículo e convergência de mídias, uso de ambientes virtuais de aprendizagem - AVA, e-Proinfo e Sócrates.
  • 5. Experimento prático Trocas de experiências didáticas tem sido um ponto forte vivido na escola. Experiência prática do Grupo de Pesquisa Interdidática com seis meses em desenvolvimento, o qual é parte integrante na nossa investigação de doutoramento (TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NA ESCOLA: estudo de caso em escolas do Ensino Básico, no Brasil e em Portugal), podendo responder parte da seguinte questão de pesquisa: Como os professores envolvidos nos programas governamentais (brasileiro e português) UCA e e-Escola criam e desenvolvem, na escola, as estratégias didáticas apoiadas pelas TIC? O experimento vem apoiando a troca de estratégias didáticas entre os professores da Escola Estado do Paraná e professores da Escola Secundária Carlos Amarante - ESCA (Braga/Portugal). Caracteriza-se como um espaço de formação continuada não estruturada e autônoma para as escolas envolvidas. A vivência tem incentivado os professores a descobertas de ferramentas possivelmente didáticas do Google+ (stream e hangout), ferramentas para produção de vídeos como Animoto e Movie Maker online, ferramentas da Web 2.0 como o QUIZ para prática e aprofundamento do m-learning com netbooks e celulares e, incentivado a utilização dos AVA Moodle e Sócrates como espaço propiciador de aprendizagem continua para os alunos.
  • 6. Videoconferências realizadas no Hangout - Experimento do GP Interdidática.
  • 7. Resultado em destaque Projetos nascem a cada novo conhecimento possibilitados pelas trocas de experiências. DESTAQUE: Projeto Sem Fronteiras: Ponte Atlântica Brasil e Portugal, o qual “visa através da aprendizagem colaborativa colocar os alunos envolvidos na busca, compreensão e interpretação de informações das duas comunidades de modo que eles possam contribuir com seus conhecimentos” (PARANÁ, 2012). Aprender no contexto digital significa poder aprender de diferentes formas com objetos inerentes a cultura digital. E aprender “é pensar, colocar a inteligência em contato com a informação para transformá-la em conhecimento” (BLÁSIS e ESTIMA, 2011, p.16). Videoconferência Hangout Projeto Sem Fronteiras: Ponte Atlântica Brasil e Portugal
  • 8. Conclusões 1. As ações desenvolvidas pela escola brasileira configuram a busca pela inserção 2. Aderir a autoformação faz parte da cultura digital ao seu cotidiano. do novo perfil do professor da era digital. 3. Utilizar a pedagogia de projetos torna o ensino e a aprendizagem um processo flexível 4. A prática da interdisciplinaridade e de troca, onde se constrói e, não apenas se supõe concordar com um currículo reproduz conhecimentos. dinâmico e múltiplo. 5. A colaboração de parceiros é elemento 6. O uso de equipamentos digitais e enriquecedor, garantindo a troca de recursos da Web 2.0 apoiando as saberes inerente à cibercultura. ações pedagógicas sugerem a adesão ao Web Currículo. 7. O netbook utilizado para pesquisas, gravação de vídeos e videoconferência confirma a facilidade que trás a convergência 8. A ubiquidade praticada através de tecnologias e mídias em um único dos netbooks pode intensificar a dispositivo, além de proporcionar qualidade e interação, a produção e a partilhada quantidade de opções para as interações entre de saberes. parceiros.
  • 9. Portanto, fica notório que a escola brasileira mesmo diante de dificuldades e carências luta com consciência por um ensinar e aprender diferenciados, contextualizados e prazerosos, onde a inclusão digital e o m-learning são os principais coadjuvantes no seu pensar contemporâneo.
  • 10. Referências Almeida, M. E. B. (2010). Web Currículo, caminhos e narrativas. In Anais do II Seminário Web Currículo [online]. São Paulo: PUC-SP. Blásis, E. & Estima, R. I.V.B. (orgs.). (2011). Ensinar e Aprender no Mundo Digital: Fundamentos para a prática pedagógica na cultura digital. São Paulo: Cenpec. Brandão, C. R. (1995). O que é educação. 33ª ed. São Paulo: Brasiliense. GTUCA. Módulo de apresentação. (2012). http://www.virtual.ufc.br/cursouca/modulo_apresentacao/creditos.html (Acessível em 25 de Maio de 2012). Mendonça, R. H. (2009). Tecnologias digitais na educação. In Ministério da Educação Secretaria de Educação a Distância Brasil, TV Escola - Boletim Salto para o Futuro: Tecnologias Digitais na Educação. Brasília, DF: MEC/SEED. Paraná, E. E. F. M. E. (2012). Projeto Sem Fronteiras: Ponte Atlântica Brasil e Portugal. Fortaleza-Ce: Escola de Ensino Fundamental e Médio Estado do Paraná. Santaella, L. (2010). A aprendizagem ubíqua substitui a educação formal? In ReCeT - Revista de Computação e Tecnologia da PUC-SP, Ano II, Nº 1. São Paulo: Departamento de Computação - FCET – PUC. Taurion, C. A era pós PC. ComputerWorld. (2011). http://computerworld.uol.com.br/blog/tecnologia/2011/12/12/a-era-pos-pc/ (Acessível em 17 de Maio de 2012). Tornaghi, A. (2010). Cultura digital e escola: apresentação da série. In Ministério da Educação Secretaria de Educação a Distância Brasil, TV Escola - Boletim Salto para o Futuro: Cultura digital e escola. Brasília, DF: MEC/SEED.
  • 11. Ceará: 184 municípios e 806 distritos. População: ≈ 8 milhões de habitantes. Áreas urbanas comportando 75% da população. Área total: 148.825,6 km², equivalente a 9,57% a região Nordeste e 1,74% da área total do Brasil. Sendo a 4ª maior extensão territorial da região Nordeste e 17º entre os estados brasileiros. Rede Pública Estadual de Ensino: Nº de escolas - 720 Nº escolas de EM - 294 Nº alunos de EM - 307.000 Nº Profs.- ≈ 27.000
  • 12. CONTATOS: Elisabeth Gomes Pereira (doutoranda da UMINHO) bethgomesp@gmail.com Raquel Gondim (Profª Especialista do Laboratório de Informática) raquel.gondim80@gmail.com