SlideShare uma empresa Scribd logo
Capítulo VII
Código Penal da Vida Futura
Itens 1 a 8
Estudo nos Grupos
Grupo 1 – Lei do Progresso
Grupo 2 – A Justiça
Grupo 3 – O Bem e o Mal
Tarefa cada grupo
1)Resumo do estudo
2)Representação lúdica
3)Apresentação do resumo e da representação
Grupo 1 - 1º ao 4º
A Lei do Progresso
O que significa atingir a perfeição?
Como reconhecer tal estágio espiritual?
Como opera a lei do progresso?
Lei do Progresso
A cada um segundo suas obras
Imperfeições
Perfeições
Funestas
Boas
Tanto tem consequências …
No … Plano Material
Plano Espiritual
Impureza
Pureza
Sofrimento
Felicidade
A leva a …
1º ao 4º
...
A sucessão das existências apresenta-se-nos, pois, como uma obra de capitalização e aperfeiçoamento.
Depois de cada vida terrestre, a alma ceifa e recolhe, em seu corpo fluídico, as experiências e os
frutos da existência decorrida.
…
Assim, o ser psíquico, em todas as fases de sua ascensão, encontra-se tal qual a si mesmo se fez. ... E na
obra imensa todos são colaboradores, desde a alma mais obscura até o gênio mais radioso. Uma
cadeia sem fim liga os seres na majestosa unidade do Cosmo. É uma efusão de luz e amor que, das
cumeadas divinas, jorra e se derrama sobre todos, para regenerá-los e fecundá-los.
…
A alma deve conquistar, um por um, todos os elementos, todos os atributos de sua grandeza, de seu
poder, de sua felicidade, e para isso precisa do obstáculo, da natureza resistente, hostil mesmo, da
matéria adversa, cujas exigências e rudes lições provocam seus esforços e formam sua experiência.
Daí, também, nos estádios inferiores da vida, a necessidade das provações e da dor, a fim de que
se inicie sua sensibilidade e ao mesmo tempo se exerça sua livre escolha e cresçam sua vontade e
sua consciência.
Cumpre que haja o sofrimento físico e a angústia moral para que o espírito seja depurado, limpe-se das
partículas grosseiras, para que a débil centelha, que se está elaborando nas profundezas da
inconsciência, se converta em chama pura e ardente, em consciência radiosa, centro de vontade,
energia e virtude.
Grupo 2 - 5º e 7º
A Justiça
O que é a justiça?
Como se opera a justiça?
Quem julga?
Existe um juiz?
5º - ... a alma traz consigo o próprio castigo ou
prêmio, onde quer que se encontre, ...
7º - O Espírito sofre ... sua atenção está
constantemente dirigida para as
conseqüências desse mal ... e trata de corrigir-
se.
...
E essa lei de justiça imanente que governa os mundos foi inscrita por Deus no âmago das coisas e na
consciência humana.
…
Esta noção está gravada em nós, é a lei da alma e do universo.
...
A doutrina das reencarnações aproxima os homens mais que qualquer outra crença, ensinando-lhes a
comunidade de origens e fins, mostrando-lhes a solidariedade que os liga a todos no passado, no
presente, no futuro.
...
Então a justiça patenteia-se no universo; deixa de haver eleitos e réprobos; sofrem todos as
conseqüências de seus atos, mas todos reparam, resgatam e, cedo ou tarde, se regeneram para
evolverem desde os mundos obscuros e materiais até a luz divina; todas as almas amantes tornam
a encontrar-se, reúnem-se em sua ascensão para cooperarem juntas na grande obra, para
tomarem parte na comunhão universal.
...
Deixa, portanto, de ser possível desconhecermos as nossas obrigações e esquivarmo-nos às nossas
responsabilidades. Nisso, como em tudo o mais, o dia seguinte vem a ser o produto da véspera;
por baixo da aparente confusão dos fatos descobrimos as relações que os ligam. Em vez de
estarmos escravizados a um destino inflexível, cuja causa está fora de si, tornamo-nos senhores e
autores desse destino.
Grupo 3 - 6º e 8º
O Bem e o Mal
O que é o bem? O que é o mal?
Todo ato tem consequências?
O que é bem e mal sofrer?
6º - Não fazer o bem quando podemos é o
resultado de uma imperfeição. ... toda
imperfeição é fonte de sofrimento ...
8º - Sendo infinita a justiça de Deus, o bem e o mal
são rigorosamente considerados, não havendo
uma só ação, um só pensamento mau que não
tenha conseqüências fatais, como não na uma
única ação meritória, um só bom movimento da
alma que se perca, mesmo para os mais
perversos, por isso que constituem tais ações um
começo de progresso.
...
O mal não tem, pois, existência real, não há mal absoluto no universo,
mas em toda parte a realização vagarosa e progressiva de um ideal
superior; em toda parte se exerce a ação de uma força, de um
poder, de uma causa que, conquanto nos deixe livres, nos atrai e
arrasta para um estado melhor. Por toda parte, a grande lida dos
seres trabalhando para desenvolver em si, à custa de imensos
esforços, a sensibilidade, o sentimento, a vontade, o amor!
...
Com a lei dos destinos, a questão muda logo de face; não somente o
mal que tivermos feito recairá sobre nós e teremos de pagar as
nossas dívidas até o último ceitil, como o estado social que
tivermos contribuído para perpetuar com seus vícios, com as suas
iniqüidades, apanhar-nos-á na sua férrea engrenagem, quando
voltarmos à Terra, e sofreremos por todas as suas imperfeições.
Essa sociedade, à qual teremos pedido muito e dado pouco, virá a
ser outra vez “nossa” sociedade, sociedade madrasta para seus
filhos, egoístas e ingratos.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O esquecimento do passado - justificativas da sua necessidade.pdf
O esquecimento do passado - justificativas da sua necessidade.pdfO esquecimento do passado - justificativas da sua necessidade.pdf
O esquecimento do passado - justificativas da sua necessidade.pdf
Rosimeire Alves
 
Bem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coraçãoBem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coração
Henrique Vieira
 
Doenças da alma
Doenças da almaDoenças da alma
Doenças da alma
João Lister Pereira
 
LIMITES DA REENCARNAÇÃO
LIMITES DA REENCARNAÇÃOLIMITES DA REENCARNAÇÃO
LIMITES DA REENCARNAÇÃO
Francisco de Assis Alencar
 
Evangeliza - A Vida Futura
Evangeliza - A Vida FuturaEvangeliza - A Vida Futura
Evangeliza - A Vida Futura
Antonino Silva
 
Meu reino não é deste mundo
Meu reino não é deste mundoMeu reino não é deste mundo
Meu reino não é deste mundo
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Perfeição moral: as virtudes e os vícios . ...
Perfeição moral: as virtudes e os vícios  .                                  ...Perfeição moral: as virtudes e os vícios  .                                  ...
Perfeição moral: as virtudes e os vícios . ...
Therezinha Dinelli
 
Missionários da luz resumo de consolidação
Missionários da luz resumo de consolidaçãoMissionários da luz resumo de consolidação
Missionários da luz resumo de consolidação
Sergio Rodriguez
 
A Prece
A PreceA Prece
Palestra a reencarnacao
Palestra   a reencarnacaoPalestra   a reencarnacao
Palestra a reencarnacao
Victor Passos
 
Palestra lei destruição
Palestra lei destruiçãoPalestra lei destruição
Palestra lei destruição
Izabel Cristina Fonseca
 
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros Apresentação da obra
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros  Apresentação da obraEstudando com Andre Luiz - Os Mensageiros  Apresentação da obra
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros Apresentação da obra
Jose Luiz Maio
 
Trabalhadores Da úLtima Hora
Trabalhadores Da úLtima HoraTrabalhadores Da úLtima Hora
Trabalhadores Da úLtima Hora
Sergio Menezes
 
Vida no mundo espiritual - O fenômeno da morte
Vida no mundo espiritual   - O fenômeno da morteVida no mundo espiritual   - O fenômeno da morte
Vida no mundo espiritual - O fenômeno da morte
Denise Aguiar
 
O compromisso com a tarefa
O compromisso com a tarefaO compromisso com a tarefa
O compromisso com a tarefa
umecamaqua
 
Evangeliza - Terra - Planeta de Provas e Expiações
Evangeliza - Terra - Planeta de Provas e ExpiaçõesEvangeliza - Terra - Planeta de Provas e Expiações
Evangeliza - Terra - Planeta de Provas e Expiações
Antonino Silva
 
Palestra Espírita - Bem e mal sofrer
Palestra Espírita - Bem e mal sofrerPalestra Espírita - Bem e mal sofrer
Palestra Espírita - Bem e mal sofrer
Divulgador do Espiritismo
 
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educaçãoPalestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
Divulgador do Espiritismo
 
Quarto Módulo - 2ª aula - Tipo de mediunidade
Quarto Módulo - 2ª  aula - Tipo de mediunidadeQuarto Módulo - 2ª  aula - Tipo de mediunidade
Quarto Módulo - 2ª aula - Tipo de mediunidade
CeiClarencio
 
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritualCapitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Marta Gomes
 

Mais procurados (20)

O esquecimento do passado - justificativas da sua necessidade.pdf
O esquecimento do passado - justificativas da sua necessidade.pdfO esquecimento do passado - justificativas da sua necessidade.pdf
O esquecimento do passado - justificativas da sua necessidade.pdf
 
Bem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coraçãoBem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coração
 
Doenças da alma
Doenças da almaDoenças da alma
Doenças da alma
 
LIMITES DA REENCARNAÇÃO
LIMITES DA REENCARNAÇÃOLIMITES DA REENCARNAÇÃO
LIMITES DA REENCARNAÇÃO
 
Evangeliza - A Vida Futura
Evangeliza - A Vida FuturaEvangeliza - A Vida Futura
Evangeliza - A Vida Futura
 
Meu reino não é deste mundo
Meu reino não é deste mundoMeu reino não é deste mundo
Meu reino não é deste mundo
 
Perfeição moral: as virtudes e os vícios . ...
Perfeição moral: as virtudes e os vícios  .                                  ...Perfeição moral: as virtudes e os vícios  .                                  ...
Perfeição moral: as virtudes e os vícios . ...
 
Missionários da luz resumo de consolidação
Missionários da luz resumo de consolidaçãoMissionários da luz resumo de consolidação
Missionários da luz resumo de consolidação
 
A Prece
A PreceA Prece
A Prece
 
Palestra a reencarnacao
Palestra   a reencarnacaoPalestra   a reencarnacao
Palestra a reencarnacao
 
Palestra lei destruição
Palestra lei destruiçãoPalestra lei destruição
Palestra lei destruição
 
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros Apresentação da obra
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros  Apresentação da obraEstudando com Andre Luiz - Os Mensageiros  Apresentação da obra
Estudando com Andre Luiz - Os Mensageiros Apresentação da obra
 
Trabalhadores Da úLtima Hora
Trabalhadores Da úLtima HoraTrabalhadores Da úLtima Hora
Trabalhadores Da úLtima Hora
 
Vida no mundo espiritual - O fenômeno da morte
Vida no mundo espiritual   - O fenômeno da morteVida no mundo espiritual   - O fenômeno da morte
Vida no mundo espiritual - O fenômeno da morte
 
O compromisso com a tarefa
O compromisso com a tarefaO compromisso com a tarefa
O compromisso com a tarefa
 
Evangeliza - Terra - Planeta de Provas e Expiações
Evangeliza - Terra - Planeta de Provas e ExpiaçõesEvangeliza - Terra - Planeta de Provas e Expiações
Evangeliza - Terra - Planeta de Provas e Expiações
 
Palestra Espírita - Bem e mal sofrer
Palestra Espírita - Bem e mal sofrerPalestra Espírita - Bem e mal sofrer
Palestra Espírita - Bem e mal sofrer
 
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educaçãoPalestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
 
Quarto Módulo - 2ª aula - Tipo de mediunidade
Quarto Módulo - 2ª  aula - Tipo de mediunidadeQuarto Módulo - 2ª  aula - Tipo de mediunidade
Quarto Módulo - 2ª aula - Tipo de mediunidade
 
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritualCapitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
Capitulo III Retorno da vida corporea a vida espiritual
 

Semelhante a O Céu e o Inferno - capítulo VII - Código penal da vida futura 1 a 8

Dinâmica - capitulo VII de: O céu e o inferno
Dinâmica - capitulo VII  de: O céu e o infernoDinâmica - capitulo VII  de: O céu e o inferno
Dinâmica - capitulo VII de: O céu e o inferno
Eduardo Manoel Araujo
 
Reencarnação instrumento pedagógico
Reencarnação instrumento pedagógicoReencarnação instrumento pedagógico
Reencarnação instrumento pedagógico
Helio Cruz
 
codigo penal da vida futura.pptx
codigo penal da vida futura.pptxcodigo penal da vida futura.pptx
codigo penal da vida futura.pptx
M.R.L
 
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provasReencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Como funciona a justiça de Deus
Como funciona a justiça de DeusComo funciona a justiça de Deus
Como funciona a justiça de Deus
Helio Cruz
 
Como funciona a justiça de deus
Como funciona a justiça de deusComo funciona a justiça de deus
Como funciona a justiça de deus
Helio Cruz
 
Bem aventurados os aflitos
Bem aventurados os aflitosBem aventurados os aflitos
Bem aventurados os aflitos
CEENA_SS
 
Livro dos Espíritos Q.366 ESE cap28 item26
Livro dos Espíritos Q.366 ESE cap28 item26Livro dos Espíritos Q.366 ESE cap28 item26
Livro dos Espíritos Q.366 ESE cap28 item26
Patricia Farias
 
Tomada de consciência
Tomada de consciênciaTomada de consciência
Tomada de consciência
Helio Cruz
 
Codigo penal da vida futura
Codigo penal da vida futuraCodigo penal da vida futura
Codigo penal da vida futura
Marcelo Bomfim de Aguiar
 
Trecho: O Céu e o Inferno
Trecho: O Céu e o InfernoTrecho: O Céu e o Inferno
Trecho: O Céu e o Inferno
Darlene Cesar
 
Palestra espirita escolha das provas
Palestra espirita escolha das provasPalestra espirita escolha das provas
Palestra espirita escolha das provas
Felipe Guedes
 
Apostila 02 doc
Apostila 02 docApostila 02 doc
A carta magna da paz - Cap II - regiões de reequilíbrio na terra
A carta magna da paz - Cap II - regiões de reequilíbrio na terraA carta magna da paz - Cap II - regiões de reequilíbrio na terra
A carta magna da paz - Cap II - regiões de reequilíbrio na terra
Eduardo Manoel Araujo
 
CapíTulo 10 Livro
CapíTulo 10 LivroCapíTulo 10 Livro
CapíTulo 10 Livro
jmeirelles
 
CapíTulo 10 Livro
CapíTulo 10 LivroCapíTulo 10 Livro
CapíTulo 10 Livro
jmeirelles
 
CapíTulo 5 Livrro
CapíTulo 5   LivrroCapíTulo 5   Livrro
CapíTulo 5 Livrro
jmeirelles
 
Da encarnação dos Espíritos
Da encarnação dos EspíritosDa encarnação dos Espíritos
Da encarnação dos Espíritos
home
 
LE - Questao175 e Evangelho Capitulo12:10
LE - Questao175 e Evangelho Capitulo12:10LE - Questao175 e Evangelho Capitulo12:10
LE - Questao175 e Evangelho Capitulo12:10
Patricia Farias
 
CapíTulo 8 Livro
CapíTulo 8 LivroCapíTulo 8 Livro
CapíTulo 8 Livro
jmeirelles
 

Semelhante a O Céu e o Inferno - capítulo VII - Código penal da vida futura 1 a 8 (20)

Dinâmica - capitulo VII de: O céu e o inferno
Dinâmica - capitulo VII  de: O céu e o infernoDinâmica - capitulo VII  de: O céu e o inferno
Dinâmica - capitulo VII de: O céu e o inferno
 
Reencarnação instrumento pedagógico
Reencarnação instrumento pedagógicoReencarnação instrumento pedagógico
Reencarnação instrumento pedagógico
 
codigo penal da vida futura.pptx
codigo penal da vida futura.pptxcodigo penal da vida futura.pptx
codigo penal da vida futura.pptx
 
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provasReencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
 
Como funciona a justiça de Deus
Como funciona a justiça de DeusComo funciona a justiça de Deus
Como funciona a justiça de Deus
 
Como funciona a justiça de deus
Como funciona a justiça de deusComo funciona a justiça de deus
Como funciona a justiça de deus
 
Bem aventurados os aflitos
Bem aventurados os aflitosBem aventurados os aflitos
Bem aventurados os aflitos
 
Livro dos Espíritos Q.366 ESE cap28 item26
Livro dos Espíritos Q.366 ESE cap28 item26Livro dos Espíritos Q.366 ESE cap28 item26
Livro dos Espíritos Q.366 ESE cap28 item26
 
Tomada de consciência
Tomada de consciênciaTomada de consciência
Tomada de consciência
 
Codigo penal da vida futura
Codigo penal da vida futuraCodigo penal da vida futura
Codigo penal da vida futura
 
Trecho: O Céu e o Inferno
Trecho: O Céu e o InfernoTrecho: O Céu e o Inferno
Trecho: O Céu e o Inferno
 
Palestra espirita escolha das provas
Palestra espirita escolha das provasPalestra espirita escolha das provas
Palestra espirita escolha das provas
 
Apostila 02 doc
Apostila 02 docApostila 02 doc
Apostila 02 doc
 
A carta magna da paz - Cap II - regiões de reequilíbrio na terra
A carta magna da paz - Cap II - regiões de reequilíbrio na terraA carta magna da paz - Cap II - regiões de reequilíbrio na terra
A carta magna da paz - Cap II - regiões de reequilíbrio na terra
 
CapíTulo 10 Livro
CapíTulo 10 LivroCapíTulo 10 Livro
CapíTulo 10 Livro
 
CapíTulo 10 Livro
CapíTulo 10 LivroCapíTulo 10 Livro
CapíTulo 10 Livro
 
CapíTulo 5 Livrro
CapíTulo 5   LivrroCapíTulo 5   Livrro
CapíTulo 5 Livrro
 
Da encarnação dos Espíritos
Da encarnação dos EspíritosDa encarnação dos Espíritos
Da encarnação dos Espíritos
 
LE - Questao175 e Evangelho Capitulo12:10
LE - Questao175 e Evangelho Capitulo12:10LE - Questao175 e Evangelho Capitulo12:10
LE - Questao175 e Evangelho Capitulo12:10
 
CapíTulo 8 Livro
CapíTulo 8 LivroCapíTulo 8 Livro
CapíTulo 8 Livro
 

Mais de Eduardo Manoel Araujo

Queremos realmente evitar 80% das mortes por Covid19?
Queremos realmente evitar 80% das mortes por Covid19?Queremos realmente evitar 80% das mortes por Covid19?
Queremos realmente evitar 80% das mortes por Covid19?
Eduardo Manoel Araujo
 
O que mata hoje no brasil
O que mata hoje no brasilO que mata hoje no brasil
O que mata hoje no brasil
Eduardo Manoel Araujo
 
Pureza
PurezaPureza
Eh possivel ser feliz na terra slideshare
Eh possivel ser feliz na terra    slideshareEh possivel ser feliz na terra    slideshare
Eh possivel ser feliz na terra slideshare
Eduardo Manoel Araujo
 
Ecologia integral enciclica do papa francisco
Ecologia integral   enciclica do papa franciscoEcologia integral   enciclica do papa francisco
Ecologia integral enciclica do papa francisco
Eduardo Manoel Araujo
 
Termo de referencia vivendo com jesus
Termo de referencia   vivendo com jesusTermo de referencia   vivendo com jesus
Termo de referencia vivendo com jesus
Eduardo Manoel Araujo
 
Teses da encíclica Laudato Si do Papa Francisco
Teses da encíclica Laudato Si do Papa FranciscoTeses da encíclica Laudato Si do Papa Francisco
Teses da encíclica Laudato Si do Papa Francisco
Eduardo Manoel Araujo
 
Extrato resumo da enciclica Laudato Si do Papa Francisco
Extrato resumo da enciclica Laudato Si do Papa FranciscoExtrato resumo da enciclica Laudato Si do Papa Francisco
Extrato resumo da enciclica Laudato Si do Papa Francisco
Eduardo Manoel Araujo
 
Conduta evangelica
Conduta evangelicaConduta evangelica
Conduta evangelica
Eduardo Manoel Araujo
 
Esperanca - sementeira de coragem no solo do espirito
Esperanca - sementeira de coragem no solo do espiritoEsperanca - sementeira de coragem no solo do espirito
Esperanca - sementeira de coragem no solo do espirito
Eduardo Manoel Araujo
 
Quadro comparativo dos espiritos em expiacao o ceu e o inferno - viii
Quadro comparativo dos espiritos em expiacao   o ceu e o inferno - viiiQuadro comparativo dos espiritos em expiacao   o ceu e o inferno - viii
Quadro comparativo dos espiritos em expiacao o ceu e o inferno - viii
Eduardo Manoel Araujo
 
O céu e o inferno - cap VIII - expiacoes terrestres
O céu e o inferno - cap VIII - expiacoes terrestresO céu e o inferno - cap VIII - expiacoes terrestres
O céu e o inferno - cap VIII - expiacoes terrestres
Eduardo Manoel Araujo
 
Convite ao valor
Convite ao valorConvite ao valor
Convite ao valor
Eduardo Manoel Araujo
 
Vivência com consciência espírita
Vivência com consciência espíritaVivência com consciência espírita
Vivência com consciência espírita
Eduardo Manoel Araujo
 
Bem aventurados os mansos
Bem aventurados os mansosBem aventurados os mansos
Bem aventurados os mansos
Eduardo Manoel Araujo
 
Atitude Espírita
Atitude EspíritaAtitude Espírita
Atitude Espírita
Eduardo Manoel Araujo
 
Nossos filhos
Nossos filhosNossos filhos
Nossos filhos
Eduardo Manoel Araujo
 
Orgulho e humildade
Orgulho e humildadeOrgulho e humildade
Orgulho e humildade
Eduardo Manoel Araujo
 
Caridade e amor ao próximo
Caridade e amor ao próximoCaridade e amor ao próximo
Caridade e amor ao próximo
Eduardo Manoel Araujo
 
A alegria de servir
A alegria de servirA alegria de servir
A alegria de servir
Eduardo Manoel Araujo
 

Mais de Eduardo Manoel Araujo (20)

Queremos realmente evitar 80% das mortes por Covid19?
Queremos realmente evitar 80% das mortes por Covid19?Queremos realmente evitar 80% das mortes por Covid19?
Queremos realmente evitar 80% das mortes por Covid19?
 
O que mata hoje no brasil
O que mata hoje no brasilO que mata hoje no brasil
O que mata hoje no brasil
 
Pureza
PurezaPureza
Pureza
 
Eh possivel ser feliz na terra slideshare
Eh possivel ser feliz na terra    slideshareEh possivel ser feliz na terra    slideshare
Eh possivel ser feliz na terra slideshare
 
Ecologia integral enciclica do papa francisco
Ecologia integral   enciclica do papa franciscoEcologia integral   enciclica do papa francisco
Ecologia integral enciclica do papa francisco
 
Termo de referencia vivendo com jesus
Termo de referencia   vivendo com jesusTermo de referencia   vivendo com jesus
Termo de referencia vivendo com jesus
 
Teses da encíclica Laudato Si do Papa Francisco
Teses da encíclica Laudato Si do Papa FranciscoTeses da encíclica Laudato Si do Papa Francisco
Teses da encíclica Laudato Si do Papa Francisco
 
Extrato resumo da enciclica Laudato Si do Papa Francisco
Extrato resumo da enciclica Laudato Si do Papa FranciscoExtrato resumo da enciclica Laudato Si do Papa Francisco
Extrato resumo da enciclica Laudato Si do Papa Francisco
 
Conduta evangelica
Conduta evangelicaConduta evangelica
Conduta evangelica
 
Esperanca - sementeira de coragem no solo do espirito
Esperanca - sementeira de coragem no solo do espiritoEsperanca - sementeira de coragem no solo do espirito
Esperanca - sementeira de coragem no solo do espirito
 
Quadro comparativo dos espiritos em expiacao o ceu e o inferno - viii
Quadro comparativo dos espiritos em expiacao   o ceu e o inferno - viiiQuadro comparativo dos espiritos em expiacao   o ceu e o inferno - viii
Quadro comparativo dos espiritos em expiacao o ceu e o inferno - viii
 
O céu e o inferno - cap VIII - expiacoes terrestres
O céu e o inferno - cap VIII - expiacoes terrestresO céu e o inferno - cap VIII - expiacoes terrestres
O céu e o inferno - cap VIII - expiacoes terrestres
 
Convite ao valor
Convite ao valorConvite ao valor
Convite ao valor
 
Vivência com consciência espírita
Vivência com consciência espíritaVivência com consciência espírita
Vivência com consciência espírita
 
Bem aventurados os mansos
Bem aventurados os mansosBem aventurados os mansos
Bem aventurados os mansos
 
Atitude Espírita
Atitude EspíritaAtitude Espírita
Atitude Espírita
 
Nossos filhos
Nossos filhosNossos filhos
Nossos filhos
 
Orgulho e humildade
Orgulho e humildadeOrgulho e humildade
Orgulho e humildade
 
Caridade e amor ao próximo
Caridade e amor ao próximoCaridade e amor ao próximo
Caridade e amor ao próximo
 
A alegria de servir
A alegria de servirA alegria de servir
A alegria de servir
 

Último

Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Nilson Almeida
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Nilson Almeida
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
marcobueno2024
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Celso Napoleon
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
JaquelineSantosBasto
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
REFORMADOR PROTESTANTE
 
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
Oziete SS
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
GABRIELADIASDUTRA1
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Celso Napoleon
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Elton Zanoni
 

Último (10)

Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (3)
 
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
Oração Ao Sagrado Coração De Jesus E Maria (2)
 
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdfde volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
de volta as estrelas - Erich von Däniken.pdf
 
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptxLição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
Lição 12 - A Bendita Esperança: A Marca do Cristão.pptx
 
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptxLição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
Lição 13 Estudo Biblico para alimento da alma.pptx
 
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
O que está oculto na Maçonaria? Livro cristão.
 
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.docORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
ORGANIZAÇÃO ABERTURA EBF 2024.pdf-1.doc
 
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livroA VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
A VOZ DO SILÊNCIO - Helena Blavatsky livro
 
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptxLição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
Lição 13 – A Cidade Celestial - CPAD.pptx
 
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
Teresa Gerhardinger - corajosa mulher de fé e de visão mundial (1989)
 

O Céu e o Inferno - capítulo VII - Código penal da vida futura 1 a 8

  • 1. Capítulo VII Código Penal da Vida Futura Itens 1 a 8
  • 2. Estudo nos Grupos Grupo 1 – Lei do Progresso Grupo 2 – A Justiça Grupo 3 – O Bem e o Mal Tarefa cada grupo 1)Resumo do estudo 2)Representação lúdica 3)Apresentação do resumo e da representação
  • 3. Grupo 1 - 1º ao 4º A Lei do Progresso O que significa atingir a perfeição? Como reconhecer tal estágio espiritual? Como opera a lei do progresso?
  • 4. Lei do Progresso A cada um segundo suas obras Imperfeições Perfeições Funestas Boas Tanto tem consequências … No … Plano Material Plano Espiritual Impureza Pureza Sofrimento Felicidade A leva a … 1º ao 4º
  • 5. ... A sucessão das existências apresenta-se-nos, pois, como uma obra de capitalização e aperfeiçoamento. Depois de cada vida terrestre, a alma ceifa e recolhe, em seu corpo fluídico, as experiências e os frutos da existência decorrida. … Assim, o ser psíquico, em todas as fases de sua ascensão, encontra-se tal qual a si mesmo se fez. ... E na obra imensa todos são colaboradores, desde a alma mais obscura até o gênio mais radioso. Uma cadeia sem fim liga os seres na majestosa unidade do Cosmo. É uma efusão de luz e amor que, das cumeadas divinas, jorra e se derrama sobre todos, para regenerá-los e fecundá-los. … A alma deve conquistar, um por um, todos os elementos, todos os atributos de sua grandeza, de seu poder, de sua felicidade, e para isso precisa do obstáculo, da natureza resistente, hostil mesmo, da matéria adversa, cujas exigências e rudes lições provocam seus esforços e formam sua experiência. Daí, também, nos estádios inferiores da vida, a necessidade das provações e da dor, a fim de que se inicie sua sensibilidade e ao mesmo tempo se exerça sua livre escolha e cresçam sua vontade e sua consciência. Cumpre que haja o sofrimento físico e a angústia moral para que o espírito seja depurado, limpe-se das partículas grosseiras, para que a débil centelha, que se está elaborando nas profundezas da inconsciência, se converta em chama pura e ardente, em consciência radiosa, centro de vontade, energia e virtude.
  • 6. Grupo 2 - 5º e 7º A Justiça O que é a justiça? Como se opera a justiça? Quem julga? Existe um juiz?
  • 7. 5º - ... a alma traz consigo o próprio castigo ou prêmio, onde quer que se encontre, ... 7º - O Espírito sofre ... sua atenção está constantemente dirigida para as conseqüências desse mal ... e trata de corrigir- se.
  • 8. ... E essa lei de justiça imanente que governa os mundos foi inscrita por Deus no âmago das coisas e na consciência humana. … Esta noção está gravada em nós, é a lei da alma e do universo. ... A doutrina das reencarnações aproxima os homens mais que qualquer outra crença, ensinando-lhes a comunidade de origens e fins, mostrando-lhes a solidariedade que os liga a todos no passado, no presente, no futuro. ... Então a justiça patenteia-se no universo; deixa de haver eleitos e réprobos; sofrem todos as conseqüências de seus atos, mas todos reparam, resgatam e, cedo ou tarde, se regeneram para evolverem desde os mundos obscuros e materiais até a luz divina; todas as almas amantes tornam a encontrar-se, reúnem-se em sua ascensão para cooperarem juntas na grande obra, para tomarem parte na comunhão universal. ... Deixa, portanto, de ser possível desconhecermos as nossas obrigações e esquivarmo-nos às nossas responsabilidades. Nisso, como em tudo o mais, o dia seguinte vem a ser o produto da véspera; por baixo da aparente confusão dos fatos descobrimos as relações que os ligam. Em vez de estarmos escravizados a um destino inflexível, cuja causa está fora de si, tornamo-nos senhores e autores desse destino.
  • 9. Grupo 3 - 6º e 8º O Bem e o Mal O que é o bem? O que é o mal? Todo ato tem consequências? O que é bem e mal sofrer?
  • 10. 6º - Não fazer o bem quando podemos é o resultado de uma imperfeição. ... toda imperfeição é fonte de sofrimento ... 8º - Sendo infinita a justiça de Deus, o bem e o mal são rigorosamente considerados, não havendo uma só ação, um só pensamento mau que não tenha conseqüências fatais, como não na uma única ação meritória, um só bom movimento da alma que se perca, mesmo para os mais perversos, por isso que constituem tais ações um começo de progresso.
  • 11. ... O mal não tem, pois, existência real, não há mal absoluto no universo, mas em toda parte a realização vagarosa e progressiva de um ideal superior; em toda parte se exerce a ação de uma força, de um poder, de uma causa que, conquanto nos deixe livres, nos atrai e arrasta para um estado melhor. Por toda parte, a grande lida dos seres trabalhando para desenvolver em si, à custa de imensos esforços, a sensibilidade, o sentimento, a vontade, o amor! ... Com a lei dos destinos, a questão muda logo de face; não somente o mal que tivermos feito recairá sobre nós e teremos de pagar as nossas dívidas até o último ceitil, como o estado social que tivermos contribuído para perpetuar com seus vícios, com as suas iniqüidades, apanhar-nos-á na sua férrea engrenagem, quando voltarmos à Terra, e sofreremos por todas as suas imperfeições. Essa sociedade, à qual teremos pedido muito e dado pouco, virá a ser outra vez “nossa” sociedade, sociedade madrasta para seus filhos, egoístas e ingratos.