SlideShare uma empresa Scribd logo
Alexandre Costa
   A trajetória empreendedora de Alexandre Costa começou vendo
    a mãe, Vilma Costa, na venda de produtos porta a porta, como
    produtos da Avon.

   Em 1984, sua mãe resolve diversificar a atuação com o consumidor
    produzindo bombons, porém sem êxito.

   Três anos depois, Costa retoma a ideia de vender chocolates no
    modelo porta a porta.

   Em 1987, aos 17 anos, o jovem já havia prosperado e distribuía
    ovos artesanais e trufas em padarias, lanchonetes e mercados de
    São Paulo.
   Nos anos 90, o direcionamento passou para grandes varejistas
    e, junto, veio um dos maiores problemas da trajetória do
    empreendedor: a falência de um dos seus maiores clientes, o
    Mappin.

   Após isso, Alexandre Costa precisou reinventar seu modelo de
    negócios e lançou a venda por catálogo.

   Abandonou a faculdade de Administração no terceiro ano para se
    dedicar aos negócios.
   Com o grande sucesso da venda de chocolates por catálogo, Costa
    resolve investir em sua marca, a Cacau Show.

   Em seu início, a fábrica sediada no Bairro Casa Verde, São Paulo, no
    prédio dos negócios da família contava com uma estrutura de 12 m².

   Obteve grande demanda e expandiu a fábrica, chegando ao ponto
    de Costa ter de comprar toda a estrutura predial da empresa de sua
    família e ainda alguns terrenos da vizinhança, totalizando 5 mil m².
2001: Cacau show adquire a primeira máquina para fabricar o próprio
chocolate.
- Abre a primeira loja especializada e padronizada da Cacau Show, no
Shopping de Suzano (SP).



2002: Já são 18 pontos de venda padronizados com a marca Cacau
Show.


2003: O número cresce para 46 lojas e
no ano seguinte a empresa passa a atuar no sistema de franchising.



2004: A empresa passa a atuar no Sistemas de Franquias,

- Passa a atuar com 230 lojas, tornando a Cacau Show a maior rede de
lojas de chocolates finos do Brasil.
   Impossibilitado de expandir a área estrutural de sua industria, em 2006
    Costa compra um terreno com 72 mil m² em Itapevi, São Paulo.

   Constrói inicialmente uma estrutura fabril de 17 mil m².

   Sem a contratação de empreiteira, Costa decide ele mesmo
    supervisionar a expansão da loja para 36 mil m², economizando assim
    mais de 4 milhões de reais.

   Atualmente, a fábrica possui 55 mil m² e produz mais de 14 mil
    toneladas de chocolate por ano.
   Costa percebeu a lacuna no mercado consumidor de
    chocolates, visto o alto preço praticado pelas grandes marcas, tais
    como Kopenhagen.

   A Cacau Show cresceu e se firmou no mercado ao explorar um
    nicho até então esquecido pela concorrência e em grande
    expansão no Brasil, as classes C e D, sendo as lojas e embalagens
    semelhantes às das marcas de primeira linha seu ponto forte.
   Costa aliou um certo ar de sofisticação a um preço mais baixo - em
    média um quarto do que cobra a Kopenhagen.

   A Cacau Show preencheu o vácuo entre a Kopenhagen e as
    marcas artesanais, que até são mais baratas, mas não têm
    apresentação atraente.

   Desde 2005, a Cacau Show consegue atender a maioria dos
    franqueados em dois dias, enquanto os concorrentes levam até
    duas semanas.
   Atualmente, há 23 anos no mercado, a Cacau Show conta com
    mais de 1100 loja, ultrapassando a marca americana Rocky
    Mountain e se torna a maior rede de lojas de chocolates finos do
    mundo.

   A Cacau Show segue trabalhando e investindo para inovar e levar
    aos consumidores muito mais do que um produto, mas também
    uma nova experiência e uma nova forma de presentear e degustar
    o chocolate.
   Em toda a sua história, a Cacau Show nunca contou com capital
    externo. Tudo que existe foi construído com o próprio negócio e
    muita dedicação, sempre com o objetivo de tornar acessível para
    todas as camadas sociais o consumo de um chocolate de
    excelente qualidade.
Cacau Show
   No caso da Cacau Show, garantir o preço baixo é resultado da
    vigilância obsessiva de Alexandre.

   Para lembrar a todos da importância de cortar custos, nas reuniões
    anuais de orçamento Costa mantém sobre a mesa um facão com
    cabo de madeira e lâmina enferrujada, presente de um cortador
    de cacau de Ilhéus.
   Costa não desvia a atenção de seu negócio, sendo que ele cuida
    pessoalmente de cada negociação, desde a compra de
    máquinas até o acerto com agências de publicidade.

   Sua equipe de executivos é um exemplo de seu esforço para
    manter a empresa com uma estrutura enxuta. Abaixo dele há
    apenas dois diretores, um de operações e outro comercial.
   Em 2011, Alexandre Costa foi eleito o Empreendedor do
    Ano, categoria Master, pela empresa de consultoria e auditoria
    Ernst & Young Terco, e representa o Brasil na premiação mundial em
    Mônaco.

   Cacau Show é Top Of Mind em lojas especializadas pelo terceiro
    ano consecutivo, como a marca de chocolates finos mais
    lembrada pelas classes A, B e C, segundo pesquisa realizada pela
    DataFolha.

   A trufa da Cacau Show é considerada a melhor do Brasil, segundo
    pesquisa também realizada pela DataFolha.
Missão da Empresa:

“Ser a maior e melhor rede de chocolates finos do mundo, oferecendo
aos seus clientes e parceiros uma relação duradoura, com foco no
crescimento, rentabilidade e responsabilidade socioambiental.”

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Senai empreendedorismo
Senai   empreendedorismoSenai   empreendedorismo
Senai empreendedorismo
Marcelo Dores
 
Plano de negocios sorveteria artesanal (15 11-14) (1)
Plano de negocios   sorveteria artesanal (15 11-14) (1)Plano de negocios   sorveteria artesanal (15 11-14) (1)
Plano de negocios sorveteria artesanal (15 11-14) (1)
Weverton Abreu
 
Apresentação PePa Doces
Apresentação PePa DocesApresentação PePa Doces
Apresentação PePa Doces
PePa Doces
 
Trabalho TPCP apresentação
Trabalho TPCP apresentaçãoTrabalho TPCP apresentação
Trabalho TPCP apresentação
Erick Barbosa
 
Apresentação de Empresa Simulada
Apresentação de Empresa SimuladaApresentação de Empresa Simulada
Apresentação de Empresa Simulada
Pâmela Nogueira da Silva
 
Marketing da Coca Cola
Marketing da Coca ColaMarketing da Coca Cola
Briefing Trakinas
Briefing TrakinasBriefing Trakinas
Briefing Trakinas
Rodrigo Lima
 
Swot Starbucks CBA36
Swot Starbucks CBA36Swot Starbucks CBA36
Swot Starbucks CBA36
adrianancr
 
Curriculum representante comercial
Curriculum representante comercial Curriculum representante comercial
Curriculum representante comercial
Otoniel Chagas
 
Missão cacau show
Missão cacau showMissão cacau show
Missão cacau show
Ana Karoline Prado
 
Planejamento de Trade Mkt | Coca Cola
Planejamento de Trade Mkt  | Coca ColaPlanejamento de Trade Mkt  | Coca Cola
Planejamento de Trade Mkt | Coca Cola
Jonas Jaeger
 
BEBENDO EMOÇÕES: COCA-COLA E A PSICOLOGIA DO CONSUMIDOR
BEBENDO EMOÇÕES: COCA-COLA E A PSICOLOGIA DO CONSUMIDORBEBENDO EMOÇÕES: COCA-COLA E A PSICOLOGIA DO CONSUMIDOR
BEBENDO EMOÇÕES: COCA-COLA E A PSICOLOGIA DO CONSUMIDOR
josirsch
 
O Boticário: uma forma inovadora de gerenciar o processo de inovação
O Boticário: uma forma inovadora de gerenciar o processo de inovaçãoO Boticário: uma forma inovadora de gerenciar o processo de inovação
O Boticário: uma forma inovadora de gerenciar o processo de inovação
Semente Estratégica Consultoria Ltda
 
4 Ps Coca Cola
4 Ps Coca Cola4 Ps Coca Cola
4 Ps Coca Cola
Edison Torres
 
Adm da produção cacau show
Adm da produção cacau showAdm da produção cacau show
Adm da produção cacau show
juliana goés
 
Marketing - Definições e Tipos
Marketing - Definições e TiposMarketing - Definições e Tipos
Marketing - Definições e Tipos
André Zambon
 
Empreendedorismo Digital
Empreendedorismo DigitalEmpreendedorismo Digital
Empreendedorismo Digital
Lucas Augusto Carvalho
 
Apresentação coca cola
Apresentação   coca colaApresentação   coca cola
Apresentação coca cola
Neil Azevedo
 
Empresa fictícia para trabalho de Administração
Empresa fictícia para trabalho de AdministraçãoEmpresa fictícia para trabalho de Administração
Empresa fictícia para trabalho de Administração
Pâmella Cavallini
 
Apresentação Coca-Cola para IGEC
Apresentação Coca-Cola para IGECApresentação Coca-Cola para IGEC
Apresentação Coca-Cola para IGEC
Renata Pacheco
 

Mais procurados (20)

Senai empreendedorismo
Senai   empreendedorismoSenai   empreendedorismo
Senai empreendedorismo
 
Plano de negocios sorveteria artesanal (15 11-14) (1)
Plano de negocios   sorveteria artesanal (15 11-14) (1)Plano de negocios   sorveteria artesanal (15 11-14) (1)
Plano de negocios sorveteria artesanal (15 11-14) (1)
 
Apresentação PePa Doces
Apresentação PePa DocesApresentação PePa Doces
Apresentação PePa Doces
 
Trabalho TPCP apresentação
Trabalho TPCP apresentaçãoTrabalho TPCP apresentação
Trabalho TPCP apresentação
 
Apresentação de Empresa Simulada
Apresentação de Empresa SimuladaApresentação de Empresa Simulada
Apresentação de Empresa Simulada
 
Marketing da Coca Cola
Marketing da Coca ColaMarketing da Coca Cola
Marketing da Coca Cola
 
Briefing Trakinas
Briefing TrakinasBriefing Trakinas
Briefing Trakinas
 
Swot Starbucks CBA36
Swot Starbucks CBA36Swot Starbucks CBA36
Swot Starbucks CBA36
 
Curriculum representante comercial
Curriculum representante comercial Curriculum representante comercial
Curriculum representante comercial
 
Missão cacau show
Missão cacau showMissão cacau show
Missão cacau show
 
Planejamento de Trade Mkt | Coca Cola
Planejamento de Trade Mkt  | Coca ColaPlanejamento de Trade Mkt  | Coca Cola
Planejamento de Trade Mkt | Coca Cola
 
BEBENDO EMOÇÕES: COCA-COLA E A PSICOLOGIA DO CONSUMIDOR
BEBENDO EMOÇÕES: COCA-COLA E A PSICOLOGIA DO CONSUMIDORBEBENDO EMOÇÕES: COCA-COLA E A PSICOLOGIA DO CONSUMIDOR
BEBENDO EMOÇÕES: COCA-COLA E A PSICOLOGIA DO CONSUMIDOR
 
O Boticário: uma forma inovadora de gerenciar o processo de inovação
O Boticário: uma forma inovadora de gerenciar o processo de inovaçãoO Boticário: uma forma inovadora de gerenciar o processo de inovação
O Boticário: uma forma inovadora de gerenciar o processo de inovação
 
4 Ps Coca Cola
4 Ps Coca Cola4 Ps Coca Cola
4 Ps Coca Cola
 
Adm da produção cacau show
Adm da produção cacau showAdm da produção cacau show
Adm da produção cacau show
 
Marketing - Definições e Tipos
Marketing - Definições e TiposMarketing - Definições e Tipos
Marketing - Definições e Tipos
 
Empreendedorismo Digital
Empreendedorismo DigitalEmpreendedorismo Digital
Empreendedorismo Digital
 
Apresentação coca cola
Apresentação   coca colaApresentação   coca cola
Apresentação coca cola
 
Empresa fictícia para trabalho de Administração
Empresa fictícia para trabalho de AdministraçãoEmpresa fictícia para trabalho de Administração
Empresa fictícia para trabalho de Administração
 
Apresentação Coca-Cola para IGEC
Apresentação Coca-Cola para IGECApresentação Coca-Cola para IGEC
Apresentação Coca-Cola para IGEC
 

Destaque

Plano de Marketing Hinode 2015 - Atualizado
Plano de Marketing Hinode 2015 - AtualizadoPlano de Marketing Hinode 2015 - Atualizado
Plano de Marketing Hinode 2015 - Atualizado
Leonilson Soares
 
Trabalho de Relações Públicas 2.0 - Nestlé - T5 - IESB
Trabalho de Relações Públicas 2.0 - Nestlé - T5 - IESBTrabalho de Relações Públicas 2.0 - Nestlé - T5 - IESB
Trabalho de Relações Públicas 2.0 - Nestlé - T5 - IESB
Carlos Moreira
 
Plano de Marketing - Sunjoy (proteção solar em cápsula)
Plano de Marketing - Sunjoy (proteção solar em cápsula)Plano de Marketing - Sunjoy (proteção solar em cápsula)
Plano de Marketing - Sunjoy (proteção solar em cápsula)
Guilherme Goes
 
Ovomaltine - Plano de Marketing
Ovomaltine - Plano de MarketingOvomaltine - Plano de Marketing
Ovomaltine - Plano de Marketing
DeM10
 
Plano De Marketing Forever Living
Plano De Marketing Forever LivingPlano De Marketing Forever Living
Plano De Marketing Forever Living
Reginaldo Lobo de Brito
 
Plano de Marketing - passo a passo
Plano de Marketing - passo a passoPlano de Marketing - passo a passo
Plano de Marketing - passo a passo
Samantha Col Debella
 
Apresentação - Projecto Final- Plano de Marketing
Apresentação - Projecto Final- Plano de MarketingApresentação - Projecto Final- Plano de Marketing
Apresentação - Projecto Final- Plano de Marketing
Mª Luisa Pires
 
Plano De Marketing Modelo
Plano De Marketing ModeloPlano De Marketing Modelo
Plano De Marketing Modelo
Stevan Spiandorim
 
Apresentacao De Um Plano De Marketing
Apresentacao De Um Plano De MarketingApresentacao De Um Plano De Marketing
Apresentacao De Um Plano De Marketing
Cursos Profissionalizantes
 
Plano de Marketing
Plano de MarketingPlano de Marketing
Plano de Marketing
Guilherme Vieira de Moraes
 
Market Research Presentation
Market Research PresentationMarket Research Presentation
Market Research Presentation
spawluko
 
Marketing research process
Marketing research processMarketing research process
Marketing research process
Rajesh Kuthalingam
 

Destaque (12)

Plano de Marketing Hinode 2015 - Atualizado
Plano de Marketing Hinode 2015 - AtualizadoPlano de Marketing Hinode 2015 - Atualizado
Plano de Marketing Hinode 2015 - Atualizado
 
Trabalho de Relações Públicas 2.0 - Nestlé - T5 - IESB
Trabalho de Relações Públicas 2.0 - Nestlé - T5 - IESBTrabalho de Relações Públicas 2.0 - Nestlé - T5 - IESB
Trabalho de Relações Públicas 2.0 - Nestlé - T5 - IESB
 
Plano de Marketing - Sunjoy (proteção solar em cápsula)
Plano de Marketing - Sunjoy (proteção solar em cápsula)Plano de Marketing - Sunjoy (proteção solar em cápsula)
Plano de Marketing - Sunjoy (proteção solar em cápsula)
 
Ovomaltine - Plano de Marketing
Ovomaltine - Plano de MarketingOvomaltine - Plano de Marketing
Ovomaltine - Plano de Marketing
 
Plano De Marketing Forever Living
Plano De Marketing Forever LivingPlano De Marketing Forever Living
Plano De Marketing Forever Living
 
Plano de Marketing - passo a passo
Plano de Marketing - passo a passoPlano de Marketing - passo a passo
Plano de Marketing - passo a passo
 
Apresentação - Projecto Final- Plano de Marketing
Apresentação - Projecto Final- Plano de MarketingApresentação - Projecto Final- Plano de Marketing
Apresentação - Projecto Final- Plano de Marketing
 
Plano De Marketing Modelo
Plano De Marketing ModeloPlano De Marketing Modelo
Plano De Marketing Modelo
 
Apresentacao De Um Plano De Marketing
Apresentacao De Um Plano De MarketingApresentacao De Um Plano De Marketing
Apresentacao De Um Plano De Marketing
 
Plano de Marketing
Plano de MarketingPlano de Marketing
Plano de Marketing
 
Market Research Presentation
Market Research PresentationMarket Research Presentation
Market Research Presentation
 
Marketing research process
Marketing research processMarketing research process
Marketing research process
 

Semelhante a Cacau Show

case de sucesso cacau show
case de sucesso cacau showcase de sucesso cacau show
case de sucesso cacau show
AlessandroSantos165
 
A Zara Do Chocolate
A Zara Do ChocolateA Zara Do Chocolate
A Zara Do Chocolate
Ricardo Pastore
 
Kopenhagen - internacionalização
Kopenhagen - internacionalizaçãoKopenhagen - internacionalização
Kopenhagen - internacionalização
Carolina Paiva
 
Case kopenhagen
Case kopenhagenCase kopenhagen
Case kopenhagen
Bruna Lopes
 
Chocolat(e) marco
Chocolat(e)   marcoChocolat(e)   marco
Chocolat(e) marco
Natercia
 
Campanha Montanhês
Campanha MontanhêsCampanha Montanhês
Campanha Montanhês
Talita Tata
 
Cacau show
Cacau showCacau show
Cacau show
anacrisunifra
 
Projeto integrado turma Marketing
Projeto integrado  turma Marketing Projeto integrado  turma Marketing
Projeto integrado turma Marketing
JulianaQueirozsilva
 
Coroa | A História
Coroa | A HistóriaCoroa | A História
Coroa | A História
Mundo Coroa
 
Planejamento eri cacau
Planejamento eri cacauPlanejamento eri cacau
Planejamento eri cacau
Thamires Sant'Ana
 
A marca dentro da marca
A marca dentro da marcaA marca dentro da marca
A marca dentro da marca
Luci Bonini
 
canto do cacau.pdf
canto do cacau.pdfcanto do cacau.pdf
canto do cacau.pdf
DewelAires
 
Logística no Varejo 'Brasil Cacau'
Logística no Varejo 'Brasil Cacau'Logística no Varejo 'Brasil Cacau'
Logística no Varejo 'Brasil Cacau'
Juliane Vallada
 
Estudo de Caso: Cacau Show
Estudo de Caso: Cacau ShowEstudo de Caso: Cacau Show
Estudo de Caso: Cacau Show
MaisQueDados
 
Tubainas
TubainasTubainas
Tubainas
Fabiano Gozzo
 
História e dados sobre marca O boticário - Elierson Carrias
História e dados sobre marca O boticário - Elierson CarriasHistória e dados sobre marca O boticário - Elierson Carrias
História e dados sobre marca O boticário - Elierson Carrias
Elierson Carrias
 
Tubainas
TubainasTubainas
Tubainas
Fabiano Gozzo
 
Estratégia e planejamento empresarial trabalho
Estratégia e planejamento empresarial   trabalhoEstratégia e planejamento empresarial   trabalho
Estratégia e planejamento empresarial trabalho
Thamires Sant'Ana
 
Polvora Callebaut cases 2020
Polvora Callebaut cases 2020Polvora Callebaut cases 2020
Polvora Callebaut cases 2020
Agência Polvora!
 
Briefing premioestacio 20152nestle
Briefing premioestacio 20152nestleBriefing premioestacio 20152nestle
Briefing premioestacio 20152nestle
Diego Moreau
 

Semelhante a Cacau Show (20)

case de sucesso cacau show
case de sucesso cacau showcase de sucesso cacau show
case de sucesso cacau show
 
A Zara Do Chocolate
A Zara Do ChocolateA Zara Do Chocolate
A Zara Do Chocolate
 
Kopenhagen - internacionalização
Kopenhagen - internacionalizaçãoKopenhagen - internacionalização
Kopenhagen - internacionalização
 
Case kopenhagen
Case kopenhagenCase kopenhagen
Case kopenhagen
 
Chocolat(e) marco
Chocolat(e)   marcoChocolat(e)   marco
Chocolat(e) marco
 
Campanha Montanhês
Campanha MontanhêsCampanha Montanhês
Campanha Montanhês
 
Cacau show
Cacau showCacau show
Cacau show
 
Projeto integrado turma Marketing
Projeto integrado  turma Marketing Projeto integrado  turma Marketing
Projeto integrado turma Marketing
 
Coroa | A História
Coroa | A HistóriaCoroa | A História
Coroa | A História
 
Planejamento eri cacau
Planejamento eri cacauPlanejamento eri cacau
Planejamento eri cacau
 
A marca dentro da marca
A marca dentro da marcaA marca dentro da marca
A marca dentro da marca
 
canto do cacau.pdf
canto do cacau.pdfcanto do cacau.pdf
canto do cacau.pdf
 
Logística no Varejo 'Brasil Cacau'
Logística no Varejo 'Brasil Cacau'Logística no Varejo 'Brasil Cacau'
Logística no Varejo 'Brasil Cacau'
 
Estudo de Caso: Cacau Show
Estudo de Caso: Cacau ShowEstudo de Caso: Cacau Show
Estudo de Caso: Cacau Show
 
Tubainas
TubainasTubainas
Tubainas
 
História e dados sobre marca O boticário - Elierson Carrias
História e dados sobre marca O boticário - Elierson CarriasHistória e dados sobre marca O boticário - Elierson Carrias
História e dados sobre marca O boticário - Elierson Carrias
 
Tubainas
TubainasTubainas
Tubainas
 
Estratégia e planejamento empresarial trabalho
Estratégia e planejamento empresarial   trabalhoEstratégia e planejamento empresarial   trabalho
Estratégia e planejamento empresarial trabalho
 
Polvora Callebaut cases 2020
Polvora Callebaut cases 2020Polvora Callebaut cases 2020
Polvora Callebaut cases 2020
 
Briefing premioestacio 20152nestle
Briefing premioestacio 20152nestleBriefing premioestacio 20152nestle
Briefing premioestacio 20152nestle
 

Último

Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
Sandra Pratas
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 

Último (20)

Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 

Cacau Show

  • 2. A trajetória empreendedora de Alexandre Costa começou vendo a mãe, Vilma Costa, na venda de produtos porta a porta, como produtos da Avon.  Em 1984, sua mãe resolve diversificar a atuação com o consumidor produzindo bombons, porém sem êxito.  Três anos depois, Costa retoma a ideia de vender chocolates no modelo porta a porta.  Em 1987, aos 17 anos, o jovem já havia prosperado e distribuía ovos artesanais e trufas em padarias, lanchonetes e mercados de São Paulo.
  • 3. Nos anos 90, o direcionamento passou para grandes varejistas e, junto, veio um dos maiores problemas da trajetória do empreendedor: a falência de um dos seus maiores clientes, o Mappin.  Após isso, Alexandre Costa precisou reinventar seu modelo de negócios e lançou a venda por catálogo.  Abandonou a faculdade de Administração no terceiro ano para se dedicar aos negócios.
  • 4. Com o grande sucesso da venda de chocolates por catálogo, Costa resolve investir em sua marca, a Cacau Show.  Em seu início, a fábrica sediada no Bairro Casa Verde, São Paulo, no prédio dos negócios da família contava com uma estrutura de 12 m².  Obteve grande demanda e expandiu a fábrica, chegando ao ponto de Costa ter de comprar toda a estrutura predial da empresa de sua família e ainda alguns terrenos da vizinhança, totalizando 5 mil m².
  • 5. 2001: Cacau show adquire a primeira máquina para fabricar o próprio chocolate. - Abre a primeira loja especializada e padronizada da Cacau Show, no Shopping de Suzano (SP). 2002: Já são 18 pontos de venda padronizados com a marca Cacau Show. 2003: O número cresce para 46 lojas e no ano seguinte a empresa passa a atuar no sistema de franchising. 2004: A empresa passa a atuar no Sistemas de Franquias, - Passa a atuar com 230 lojas, tornando a Cacau Show a maior rede de lojas de chocolates finos do Brasil.
  • 6. Impossibilitado de expandir a área estrutural de sua industria, em 2006 Costa compra um terreno com 72 mil m² em Itapevi, São Paulo.  Constrói inicialmente uma estrutura fabril de 17 mil m².  Sem a contratação de empreiteira, Costa decide ele mesmo supervisionar a expansão da loja para 36 mil m², economizando assim mais de 4 milhões de reais.  Atualmente, a fábrica possui 55 mil m² e produz mais de 14 mil toneladas de chocolate por ano.
  • 7. Costa percebeu a lacuna no mercado consumidor de chocolates, visto o alto preço praticado pelas grandes marcas, tais como Kopenhagen.  A Cacau Show cresceu e se firmou no mercado ao explorar um nicho até então esquecido pela concorrência e em grande expansão no Brasil, as classes C e D, sendo as lojas e embalagens semelhantes às das marcas de primeira linha seu ponto forte.
  • 8. Costa aliou um certo ar de sofisticação a um preço mais baixo - em média um quarto do que cobra a Kopenhagen.  A Cacau Show preencheu o vácuo entre a Kopenhagen e as marcas artesanais, que até são mais baratas, mas não têm apresentação atraente.  Desde 2005, a Cacau Show consegue atender a maioria dos franqueados em dois dias, enquanto os concorrentes levam até duas semanas.
  • 9. Atualmente, há 23 anos no mercado, a Cacau Show conta com mais de 1100 loja, ultrapassando a marca americana Rocky Mountain e se torna a maior rede de lojas de chocolates finos do mundo.  A Cacau Show segue trabalhando e investindo para inovar e levar aos consumidores muito mais do que um produto, mas também uma nova experiência e uma nova forma de presentear e degustar o chocolate.
  • 10. Em toda a sua história, a Cacau Show nunca contou com capital externo. Tudo que existe foi construído com o próprio negócio e muita dedicação, sempre com o objetivo de tornar acessível para todas as camadas sociais o consumo de um chocolate de excelente qualidade.
  • 12. No caso da Cacau Show, garantir o preço baixo é resultado da vigilância obsessiva de Alexandre.  Para lembrar a todos da importância de cortar custos, nas reuniões anuais de orçamento Costa mantém sobre a mesa um facão com cabo de madeira e lâmina enferrujada, presente de um cortador de cacau de Ilhéus.
  • 13. Costa não desvia a atenção de seu negócio, sendo que ele cuida pessoalmente de cada negociação, desde a compra de máquinas até o acerto com agências de publicidade.  Sua equipe de executivos é um exemplo de seu esforço para manter a empresa com uma estrutura enxuta. Abaixo dele há apenas dois diretores, um de operações e outro comercial.
  • 14. Em 2011, Alexandre Costa foi eleito o Empreendedor do Ano, categoria Master, pela empresa de consultoria e auditoria Ernst & Young Terco, e representa o Brasil na premiação mundial em Mônaco.  Cacau Show é Top Of Mind em lojas especializadas pelo terceiro ano consecutivo, como a marca de chocolates finos mais lembrada pelas classes A, B e C, segundo pesquisa realizada pela DataFolha.  A trufa da Cacau Show é considerada a melhor do Brasil, segundo pesquisa também realizada pela DataFolha.
  • 15. Missão da Empresa: “Ser a maior e melhor rede de chocolates finos do mundo, oferecendo aos seus clientes e parceiros uma relação duradoura, com foco no crescimento, rentabilidade e responsabilidade socioambiental.”