Sonidoterapia

        Prof. Vagner Sá
           UCB - RJ
Ultra-som
Propriedades Físicas
   Energia do tipo mecânica
   Percepção das ondas sonoras de 20 a 20000
    Hz
   Acima de 20000 ...
Sonidoterapia
   ERA ( Área de Radiação Efetiva)
   Campo Próximo
   Campo Distante
ERA




      ERA de 1 cm2
Redução cabeçote
M EIO            VELOCIDADE
                   DE PROPAGAÇÃO

Alumínio                     5100
Sangue                    ...
Transmissão de Energia
          REFLEXÃO




Meio 1

Meio 2
Transmissão de Energia
          REFRAÇÃO




Meio 1

Meio 2
Transmissão de Energia
          ABSORÇÃO




Meio 1

Meio 2
INTERFACE              % DE REFLEXÃO

ALUMÍNIO – AR                           100
CABEÇOTE – MEIO DE CONTATO             n...
Parâmetros Dosimétricos
Freqüência
   Medida em MHz
   US de 1 MHz / tecidos profundos
   US de 3 MHz / tecidos superficiais
Potência e Intensidade
   Medida em watts (W) / (W/cm2)
   Representa a força das ondas sonoras
   Intensidades baixas:...
Duração do Tratamento
   Depende do tamanho da área a ser
    tratada, da intensidade de saída e das
    metas terapêutic...
Duração do Tratamento
                     Área a ser tratada
         Tempo =
                           ERA


          ...
Modos de Aplicação

   Forma contínua – 100% de energia, co
    objetivos principalmente de efeitos
    térmicos;
   For...
Agentes e Métodos de
Aplicação

   A água destilada é o meio ideal para a
    transmissão, pois ela reflete apenas
    0,...
Técnicas de Aplicação

   Acoplamento direto
   Sub-aquática – transdutor à 2-3 cm da
    área a ser tratada
   Uso de ...
GEL
Subaquático
FONOFORESE
     DROGA                     INDICAÇÃO                    CONCENTRAÇÃO

  Dexametasona                   Infl...
Indicações
   Contraturas articulares
   Espasmo muscular
   Tecido cicatricial
   Pontos gatilhos
   Condições infla...
Contra-indicações
   Áreas isquêmicas
   Tendência a hemorragia
   Olhos, coração, genitália e crânio
   Laminectomia
...
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Ultra Som
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ultra Som

15.804 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
2 comentários
8 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
15.804
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
522
Comentários
2
Gostaram
8
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ultra Som

  1. 1. Sonidoterapia Prof. Vagner Sá UCB - RJ
  2. 2. Ultra-som
  3. 3. Propriedades Físicas  Energia do tipo mecânica  Percepção das ondas sonoras de 20 a 20000 Hz  Acima de 20000 Hz – ultra-som  Frequencia normalmente utilizadas 1 e 3 MHz  Efeito piezoelétrico na produção do ultra-som  O “AR” é o inimigo número 1 do US  Quanto mais denso o meio, maior a velocidade de propagação das ondas  Formação de cavitação e ondas estacionárias
  4. 4. Sonidoterapia  ERA ( Área de Radiação Efetiva)  Campo Próximo  Campo Distante
  5. 5. ERA ERA de 1 cm2
  6. 6. Redução cabeçote
  7. 7. M EIO VELOCIDADE DE PROPAGAÇÃO Alumínio 5100 Sangue 1566 Vaso Sangüíneo 1530 Tecido Ósseo 3445 Pele 1519 Cartilagem 1665 Ar a 20° C 343 Tendão 1750 Músculo 1552 Tecido gorduroso 1478 Água a 20° C 1492
  8. 8. Transmissão de Energia REFLEXÃO Meio 1 Meio 2
  9. 9. Transmissão de Energia REFRAÇÃO Meio 1 Meio 2
  10. 10. Transmissão de Energia ABSORÇÃO Meio 1 Meio 2
  11. 11. INTERFACE % DE REFLEXÃO ALUMÍNIO – AR 100 CABEÇOTE – MEIO DE CONTATO nulo MEIO DE CONTATO – PELE 0,1 PELE – TECIDO ADIPOSO 0,9 ÁGUA – TECIDO ADIPOSO 0,2 TECIDO ADIPOSO – TECIDO MUSCULAR 0,8 TECIDO MUSCULAR – TECIDO ÓSSEO 34,5 PELE – AR 100
  12. 12. Parâmetros Dosimétricos
  13. 13. Freqüência  Medida em MHz  US de 1 MHz / tecidos profundos  US de 3 MHz / tecidos superficiais
  14. 14. Potência e Intensidade  Medida em watts (W) / (W/cm2)  Representa a força das ondas sonoras  Intensidades baixas: até 0,3 w/cm2  Intensidades médias: 0,4 a 1,2 w/cm2  Intensidades altas: acima de 1,3 w/cm2
  15. 15. Duração do Tratamento  Depende do tamanho da área a ser tratada, da intensidade de saída e das metas terapêuticas do tratamento;  É mais eficiente dividir a área a ser tratada em porções menores, que não ultrapassem 2 a 3 vezes o tamanho do transdutor (ERA);
  16. 16. Duração do Tratamento Área a ser tratada Tempo = ERA 12 cm2 Tempo = = 3 min 4 cm2 Na prática, cada área do transdutor equivale a 1 minuto.
  17. 17. Modos de Aplicação  Forma contínua – 100% de energia, co objetivos principalmente de efeitos térmicos;  Forma pulsada – 10,20,33 ou 50% de energia, com objetivos de efeitos mecânicos (cavitação estável)
  18. 18. Agentes e Métodos de Aplicação  A água destilada é o meio ideal para a transmissão, pois ela reflete apenas 0,2%;  No tratamento de áreas grandes e regulares, o acoplamento é simples e direto;  Em áreas irregulares há necessidade de métodos de acoplamento modificados.
  19. 19. Técnicas de Aplicação  Acoplamento direto  Sub-aquática – transdutor à 2-3 cm da área a ser tratada  Uso de bexiga / preservativo com água  Sonoforese ou fonoforese  Terapia combinada: US + eletroterapia
  20. 20. GEL
  21. 21. Subaquático
  22. 22. FONOFORESE DROGA INDICAÇÃO CONCENTRAÇÃO Dexametasona Inflamação 0,4 % Hidrocortisona Inflamação 0,5 a 1,0 % Capsulite adesiva Iodo e infecções 10% (ações esclerolítica e antibiótica) Lidocaína Dor 5% Sulfato de magnésio Espasmo muscular (ação relaxante muscular) 2% Salicilato de sódio Dor (crônica ou aguda) e inflamação 3% Úlceras de pele e Óxido de zinco afecções dermatológicas 20% ação antisséptica Fonte: Saad e Atlas (1995)
  23. 23. Indicações  Contraturas articulares  Espasmo muscular  Tecido cicatricial  Pontos gatilhos  Condições inflamatórias agudas  Condições inflamatórias crônicas  Rupturas músculo-tendíneas
  24. 24. Contra-indicações  Áreas isquêmicas  Tendência a hemorragia  Olhos, coração, genitália e crânio  Laminectomia  Útero grávido  Tumores  Medula e nervos periféricos  infecções

×