Jogos matematicos __benedito_laporte__final_1348594496

901 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
901
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
28
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jogos matematicos __benedito_laporte__final_1348594496

  1. 1. Jogos Matemáticos: uma Proposta para a Construção do Conhecimento Tema: Matemática - Ensino Fundamental I (1º ao 5º ano) E.M. Dr. Benedito Laporte Vieira da Motta Apresentador:a Rita de Cássia de Souza Carneiro da Cunha
  2. 2. OBJETIVO “Identificar os conhecimentos matemáticos como meio para compreender e transformar o mundo à sua volta e perceber o caráter de jogo intelectual, característico da Matemática, como aspecto que estimula o interesse, a curiosidade, o espírito de investigação e o desenvolvimento da capacidade para resolver problemas”. (PCN s, 2001) Estimular o raciocínio lógico, o cálculo mental e a resolução de problemas. Estimular a interação entre os alunos. Compreender o jogo como um meio facilitador do aprendizado. Reconhecer a importância do jogo no trabalho pedagógico.
  3. 3. JUSTIFICATIVA  Formação continuada dos professores- Mathema (desde agosto/2011) com orientações sobre a necessidade e importância de se trabalhar a Matemática por meio de jogos.  Necessidade que o professor observasse na prática como os jogos poderiam contribuir para o aprendizado dos alunos, tornando este recurso em uma prática pedagógica.
  4. 4. CONTEXTO DE APLICAÇÃO Bairro Nova Jundiapeba, na cidade de Mogi das Cruzes;  Comunidade de baixa renda, constituída, em sua maioria, por famílias migrantes (geralmente Bahia, Pernambuco, Minas Gerais); Há alunos que moram em casas sem saneamento básico. O lixo é um grande problema no bairro, assim como as drogas e a prostituição. Segmento do Ensino Fundamental (do 1º ao 5º ano): 17 turmas – de 30 a 35 alunos por turma (510 alunos) Em período integral - 9 horas diárias (do 2º ao 5º ano): 10 turmas Total: 510 alunos Aplicação do projeto: desde fevereiro de 2012.
  5. 5. METODOLOGIA Projeto elaborado no início do ano letivo de 2012 – trabalho conjunto entre coordenação pedagógica, professores e Mathema. Proposta para os professores elaborarem juntamente com seus alunos, jogos de acordo com determinados eixos da Matemática, organizando esta atividade em seu plano de ação .
  6. 6. METODOLOGIA Primeiro semestre/2012 – cada ano ficou responsável em elaborar um jogo que contemple o seguinte eixo: 1º ano: Números e operações (preferência ao estudo dos números) 2º ano: Números e operações (preferência ao estudo das operações) 3º ano: Espaço e forma 4º ano: Grandezas e medidas 5º ano: Tratamento da informação
  7. 7. METODOLOGIA Segundo semestre/2012 – cada ano ficou responsável em elaborar um jogo que contemple o seguinte eixo: 1º ano: Espaço e forma 2º ano: Números e operações (preferência ao estudo dos números) 3º ano: Números e operações (preferência ao estudo das operações) 4º ano: Tratamento da informação 5º ano: Grandezas e medidas
  8. 8. METODOLOGIA Orientação aos professores para que o jogo seja confeccionado por seus alunos (medir com a régua, dobrar, recortar, pensar em materiais reutilizáveis...)  Orientação aos professores para: - planejar todo o processo, - registrar no plano de ação e no quadro mensal o trabalho com os eixos da Matemática, e - organizar as aulas para que cada etapa da confecção do jogo seja realizada de forma tranquila e contextualizada.
  9. 9. METODOLOGIA Após a confecção dos jogos, os professores planejam aulas onde os alunos podem fazer uso dos jogos confeccionados. Cada vez que os alunos jogam, as professoras realizam questionamentos e intervenções com o objetivo de problematizar o jogo. Registro do jogo pelo aluno – possibilidade de observar diferentes estratégias de resolução e cálculos dos jogos. Próxima etapa - realização da Feira do Conhecimento: socialização dos jogos confeccionados Jogos serão organizados em um acervo da escola e serão disponibilizados aos professores para que sejam utilizados em suas aulas nos anos seguintes.
  10. 10. MATERIAIS Cadernos de formação Mathema Livros didáticos Pesquisa na internet Materiais de papelaria Materiais reutilizáveis Computador e impressora Registro fotográfico da confecção e execução dos jogos
  11. 11. FOTOS
  12. 12. FOTOS
  13. 13. FOTOS
  14. 14. FOTOS
  15. 15. FOTOS
  16. 16. FOTOS
  17. 17. RESULTADOS Professores perceberam que com o jogo os alunos avançaram em seu conhecimento de forma significativa. A construção do descontextualizada. jogo não se deu de forma isolada e Professores perceberam que integrar o recurso do jogo dentro do quadro mensal do trabalho com os eixos da Matemática, facilitou todo esse processo. Reconhecimento e motivação dos alunos que participaram de todo o processo desde da confecção à execução dos jogos comprovando a aprendizagem significativa. O jogo ganhou um caráter de pertencimento aos alunos, pois se reconheciam neste processo.
  18. 18. RESULTADOS Os alunos se apropriaram de tal maneira que foi visível o avanço dos mesmos em relação ao desenvolvimento do raciocínio lógico, cálculo mental e resolução de problemas. Professores dispostos a experimentar novas ações. A experiência proporcionou aos professores uma reflexão sobre o recurso do jogo nas aulas de Matemática e como este pode contribuir com a aprendizagem dos alunos.
  19. 19. RESULTADOS Quais as dificuldades encontradas para implantação do projeto? À princípio, propusemos aos professores que elaborassem um jogo com seus alunos para cada eixo da Matemática, o que não foi possível pelo fato dos professores se sentirem inseguros acreditando que teriam que “parar” as aulas para dedicar-se ao projeto. Reorganizamos então o projeto de modo que cada professor elaborasse dois jogos, desde que em eixos diferentes. Os professores puderam perceber que a proposta é que o projeto faça parte das aulas, que seja contextualizado. Por isso todo projeto deve ser bem avaliado antes de ser colocado em prática. Desenvolver atividades com jogos dá trabalho.
  20. 20. CONTATO Rita de Cássia de Souza Carneiro da Cunha Professora do 1º ano do Ensino Fundamental secretaria.motta@pmmc.com.br rita_souzacunha@hotmail.com (11) 4795-3244 (11) 9 6677-3697 (11) 4749- 8174

×