dicas para aumentar
o engajamento
do aluno
10
Coleção
[BESTPRACTICES]
2 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
310 dicas para aumentar o engajamento do aluno
A questão da motivação do aluno desempenha um papel fundamental em qualquer...
4 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Explique o que está
em jogo
Explique para os alunos o motivo do treinament...
510 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Os colaboradores que sabem por que devem aprender o conteúdo proposto
no tr...
6 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
01
• Um dia para o lançamento do treinamento a distância para todos os
env...
710 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Estabeleça
prazos
Quanto mais próximo for o prazo, mais esforço as pessoas
...
8 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
0602
Quando estávamos na faculdade, a grande maioria só estudava quando a
...
910 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Outra boa ideia é lembrar as pessoas a respeito dos prazos. Lembretes
regul...
10 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Envolva
os gerentes
Seja como fonte de medo ou inspiração, o gerente é um...
1110 dicas para aumentar o engajamento do aluno
O desenvolvimento de competências é um dos principais objetivos do
quadro ...
12 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
03 Envolva os gerentes
mercado para treinar gerentes em avaliações anuais...
1310 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Use a abordagem de
incentivo e sanção
Incentivos e sanções podem tomar div...
14 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
04
As motivações extrínsecas mais comuns são uma mistura de desejo de
rec...
1510 dicas para aumentar o engajamento do aluno
04
treinamentos posteriores e em reconhecimentos de experiência acumulada....
16 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Use o treinamento
entre pares
Os alunos podem motivar uns aos outros em
t...
1710 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Muitos alunos descobrem que acompanhar uma quantidade grande de
módulos de...
18 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
05
no local de trabalho, como também notamos uma quantidade surpreendente...
1910 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Concentre-se na
aplicação prática
Transforme o seu programa de treinamento...
20 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
06
Quando um programa de treinamento me ajuda a resolver um problema do
m...
2110 dicas para aumentar o engajamento do aluno
06
on-line. Mesmo não sendo obrigatório, a taxa de conclusão para os recur...
22 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Personalize
seu feedback
Uma experiência de aprendizagem personalizada pe...
2310 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Quanto mais você personaliza a experiência de aprendizagem, mais você
esti...
24 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
07
Um portal de treinamento a distância que oferece aos alunos apenas uma...
2510 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Use o poder
do grupo
Crie uma comunidade de aprendizagem e os
participante...
26 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
08
A pressão extrínseca vem do formato do grupo: as pessoas querem ser
ac...
2710 dicas para aumentar o engajamento do aluno
08
Use o poder
do grupo
perguntas na própria plataforma: quais são as três...
28 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Não subestime
a interface do usuário
A experiência do usuário desempenha ...
2910 dicas para aumentar o engajamento do aluno
O e-learning tem muito o que aprender com o e-commerce. Um dos segredos
do...
30 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
09
fazer as coisas, subentendia que os módulos eram apenas um pré-requisi...
3110 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Vá até os alunos em
vez de esperar que eles
venham até você
Forneça vários...
32 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
0610
Os departamentos de Treinamento e Desenvolvimento geralmente fornece...
3310 dicas para aumentar o engajamento do aluno
10
Vá até os alunos em vez
de esperar que eles venham
até você
formulários...
34 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
3510 dicas para aumentar o engajamento do aluno
Em um mundo complexo de constantes e rápidas mudanças, o treinamento
on-li...
Coleção
[BESTPRACTICES]
Coleção
[BESTPRACTICES]
formas de relacionar
o ensino a distância
às necessidades
corporativas
5
C...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

10 Dicas para aumentar o engajamento do Aluno

417 visualizações

Publicada em

10 Dicas para aumentar o engajamento do Aluno

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
417
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

10 Dicas para aumentar o engajamento do Aluno

  1. 1. dicas para aumentar o engajamento do aluno 10 Coleção [BESTPRACTICES]
  2. 2. 2 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
  3. 3. 310 dicas para aumentar o engajamento do aluno A questão da motivação do aluno desempenha um papel fundamental em qualquer programa de treinamento. Sem motivação, o aprendizado é impossível. Isso se aplica a práticas de treinamento em geral, portanto não restam dúvidas de que é igualmente relevante para o ensino a distância e, em particular, para conteúdos on-line, que tem sido criticado por não conseguir despertar o interesse do aluno. As organizações procuram resolver isso investindo pesado na melhoria da qualidade e da interatividade do conteúdo on-line. Embora seja uma condição necessária, está longe de ser a única suficiente. Como veremos neste guia, o processo completo do treinamento deve ser concebido para garantir o engajamento do aluno – e isso vai muito além de se considerar individualmente cada um de seus componentes. Se levarmos isso até sua conclusão lógica, descobriremos que toda a abordagem do treinamento é reversa: iniciando com uma estratégia de dissuasão (push), em que há a necessidade de atrair e convencer as pessoas, e passando para uma estratégia de incentivo (pull), em que os alunos aprendem naturalmente e por si próprios. Sendo assim, garantir a motivação do aluno consiste em estabelecer os pilares de uma organização de aprendizagem, onde os indivíduos são responsáveis pelo seu próprio desenvolvimento, aprendem o que precisam no momento necessário, no seu próprio ritmo, e usam todas as oportunidades existentes. Este guia apresenta dez dicas úteis para aumentar o engajamento do aluno. Poderíamos facilmente ter estabelecido uma ponte com os fatores motivacionais identificados por grandes pedagogos (Knowles, Kolb etc.), porém, optamos por falar da nossa experiência concreta baseada nos milhares de programas de treinamento a distância que elaboramos com centenas de clientes. As primeiras cinco dicas estão relacionadas à motivação extrínseca do aluno, em outras palavras, fatores externos – reconhecimento ou obrigação. Seus impactos puderam ser avaliados e são, na maioria das vezes, bem simples de pôr em prática, embora apresentem algumas limitações. Esse é o ponto em que as outras cinco dicas entram em cena: elas focam nos fatores motivacionais intrínsecos, que nascem do verdadeiro desejo de aprender do aluno. Por esse motivo, elas são mais eficientes do que as dicas que tratam dos fatores externos, e realmente nos mostram como construir uma verdadeira organização de aprendizagem. Apresentação
  4. 4. 4 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno Explique o que está em jogo Explique para os alunos o motivo do treinamento e faça uma ponte com a estratégia corporativa. Dica 01
  5. 5. 510 dicas para aumentar o engajamento do aluno Os colaboradores que sabem por que devem aprender o conteúdo proposto no treinamento e que entendem o que está em jogo para as suas empresas são geralmente mais motivados. Pode parecer óbvio, contudo, são poucos os programas de treinamento que definem com clareza seus objetivos operacionais e estratégicos. O primeiro ponto principal a ser considerado para o sucesso de um treinamento está relacionado às suas implicações. Geralmente, o que se espera de uma iniciativa como essa é a consequência lógica das demandas do negócio, mas as implicações mais amplas dessa relação ainda precisam ser esclarecidas. Se alguém me disser que o treinamento que estou prestes a fazer ampliará minhas perspectivas no que se refere a criar valor para o meu cliente, isso pode ser do meu interesse. Se eu souber que pensar em criação de valor vai me ajudar a vender uma solução única e global para o meu cliente, ficarei ainda mais motivado. No entanto, se me disserem que toda a estratégia corporativa de onde eu trabalho consiste em passar de uma lógica com foco no produto para uma que aborde a solução, e que todas as equipes comerciais precisam entender perfeitamente as necessidades dos seus clientes para elaborar propostas relevantes, meu nível de engajamento será muito mais alto. O segundo ponto está relacionado à pessoa que explicará essas implicações. Na maioria dos treinamentos presenciais, geralmente é o tutor ou, na melhor das hipóteses, o responsável pelo treinamento que se sente na obrigação de estar ali no início das sessões. O treinamento a distância oferece um conjunto mais amplo de possibilidades: por exemplo, um diretor executivo, um membro do conselho ou um executivo sênior pode explicar o que está envolvido, o que torna a fala de abertura muito mais convincente. Aqui estão alguns exemplos do que fazemos na CrossKnowledge: • Uma apresentação em vídeo de um treinamento em gestão de caixa feita pelo diretor financeiro da empresa (taxa de acesso em 80%). • Um treinamento de blended learning apresentado via Webex por um executivo sênior explicando o que se espera em termos de resultados após a conclusão do curso (taxa de acesso e de conclusão em 100%). Explique o que está em jogo 01
  6. 6. 6 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno 01 • Um dia para o lançamento do treinamento a distância para todos os envolvidos com o diretor executivo apresentando a estratégia corporativa e como ela está relacionada ao programa (130% de taxa de conclusão, uma vez que a maioria dos participantes também se inscreveram para os módulos opcionais). Nossa experiência mostra que quanto mais próximo for o envolvimento do sponsor do programa com a atividade de negócios da empresa, mais tangíveis e concretos irão parecer os objetivos do treinamento, e mais motivados ficarão os alunos. Esta abordagem é muito fácil de implementar e apresenta como resultado um maior engajamento do aluno. Tudo o que você precisa fazer é escolher a pessoa certa para explicar o que está em jogo (ou o que é de fato importante) e transmitir a mensagem. Explique o que está em jogo
  7. 7. 710 dicas para aumentar o engajamento do aluno Estabeleça prazos Quanto mais próximo for o prazo, mais esforço as pessoas farão para atingir seus objetivos. Dica 02
  8. 8. 8 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno 0602 Quando estávamos na faculdade, a grande maioria só estudava quando a data das avaliações ou o prazo da dissertação estava se aproximando. Isso faz parte do ser humano, é a maneira como muitas pessoas funcionam no local de trabalho! Estabelecer prazos é uma maneira bem simples de aumentar as taxas de conclusão para programas de treinamento a distância. Quanto mais e-learning houver no programa, com maior independência do aluno, mais enfatizaremos que se estabeleça prazos para a entrega das atividades ou a organização de encontros presenciais. O Coursera, uma das principais plataformas MOOC, definiu oito prazos para entrega de trabalhos durante um programa de treinamento de dois meses. Foi observado um aumento enorme de atividades na plataforma um pouco antes de cada prazo: 100 mil alunos acessaram o conteúdo comparado a uma média de 25 mil durante os períodos não críticos: isso significa quatro vezes mais alunos ativos! O sucesso de tal estratégia é, portanto, bem fácil de medir. Cada vez que você estabelece um prazo para uma atividade de treinamento, você aumenta os níveis de engajamento. As pessoas querem estar à altura de seus colegas e não querem arriscar a perda de um prazo profissional. Os prazos devem ser significativos Mas tome cuidado: os prazos podem facilmente parecer artificiais e fazer com que as pessoas se sintam manipuladas. Prazos devem sempre ser significativos. Em um programa de blended learning, você pode estabelecer um prazo para a conclusão de um módulo de e-learning antes de uma sessão presencial. Se você utilizar bem os prazos, verá taxas altas de conclusão para a parte on-line do programa. Em contrapartida, se você não planejar encontros presenciais durante um longo período (por exemplo, dois meses durante os quais se espera que os alunos completem um grande número de módulos de e-learning sozinhos), é provável que a taxa de conclusão caia. Estabeleça prazos
  9. 9. 910 dicas para aumentar o engajamento do aluno Outra boa ideia é lembrar as pessoas a respeito dos prazos. Lembretes regulares por e-mail enviados no momento certo (“Nosso próximo encontro será daqui duas semanas, não se esqueça de fazer os cursos programados”; “Nosso próximo encontro será daqui uma semana”; “Nosso próximo encontro será daqui dois dias”) pode aumentar as taxas de frequência em uma média de 30 a 40%.   Estabeleça prazos 02
  10. 10. 10 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno Envolva os gerentes Seja como fonte de medo ou inspiração, o gerente é uma peça fundamental na hora de motivar o aluno. Dica 03
  11. 11. 1110 dicas para aumentar o engajamento do aluno O desenvolvimento de competências é um dos principais objetivos do quadro de gerentes. Como vimos na dica 01, é importante dizer às pessoas o que está em jogo em um programa de treinamento. Peça aos gerentes que falem sobre o contexto do treinamento e expliquem qual a importância do programa. Esse tipo de comunicação vindo de gerentes imediatos aumenta a motivação porque a informação dada diretamente se relaciona à experiência diária do indivíduo no local de trabalho. Relacionamentos hierárquicos podem ser acionados para motivar as pessoas; a ideia é ajudar os colaboradores a entenderem a importância do treinamento tanto para as suas equipes como para os seus objetivos pessoais. Ao convidar um gerente para definir os objetivos operacionais concretos, você automaticamente faz com que o processo de aprendizado se torne mais significativo. Um método clássico é começar o programa com uma conversa entre o gerente e um membro da equipe sobre como o treinamento pode ajudá-lo a alcançar seus próprios objetivos. Você também pode incluir essa etapa no programa em um estágio posterior, ao fazer as pessoas apresentarem o que aprenderam para os seus gerentes. Todos esses tipos de oportunidades dão aos gerentes imediatos um papel mais prático a ser desempenhado no processo de treinamento. Uma combinação bem-sucedida Um outro método, e provavelmente o mais eficiente, vai além do processo tradicional de treinamento com apoio do gerente. Esse tipo de apoio, às vezes, é artificial, já que alguns gerentes veem o treinamento como uma perda de tempo e dinheiro, com benefícios que são difíceis de serem demonstrados em termos concretos. O método consiste em designar uma entrega real às pessoas envolvidas no treinamento (um plano de negócios, uma lista de objetivos, uma nova estratégia etc.) e fazer com que o gerente confira se foi concluído de maneira adequada: o gerente se vê diretamente envolvido no programa e pode verificar de imediato se o treinamento beneficiou o indivíduo e a equipe. Quanto mais úteis forem as entregas para os gerentes, mais eficiente será o método. Esse tipo de abordagem é ideal para treinamentos a distância, onde é fácil alternar o aprendizado on-line e a prática na vida real. Usamos essa abordagem numa petrolífera líder de Envolva os gerentes 03
  12. 12. 12 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno 03 Envolva os gerentes mercado para treinar gerentes em avaliações anuais de desempenho. Quando terminaram os módulos a distância, cada um deles teve que mostrar aos seus gerentes diretos um plano de progresso que tinham preparado para a sua equipe, e os gerentes tinham que dar um feedback. Os módulos a distância tiveram uma taxa de acesso de 100%. Ao informar os colaboradores que o seu gerente está diretamente interessado nos resultados do treinamento ou que está participando do programa, você garante de maneira inteligente e eficiente que o gerente desempenhe bem o papel de treinador. É uma combinação bem-sucedida para todos os envolvidos.
  13. 13. 1310 dicas para aumentar o engajamento do aluno Use a abordagem de incentivo e sanção Incentivos e sanções podem tomar diversas formas. O importante é encontrar o equilíbrio certo. Dica 04
  14. 14. 14 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno 04 As motivações extrínsecas mais comuns são uma mistura de desejo de reconhecimento ou aprovação e o medo de sofrer sanções. Isso também se aplica ao treinamento, especialmente ao treinamento a distância. Na educação de adultos, o tipo mais frequente de incentivo é um certificado que endossa o conhecimento ou competência adquiridos. Pode ser um certificado interno, mas é mais desejável que seja externo – em outras palavras, reconhecido fora da organização. Em ambos os casos, se a certificação abre oportunidades para promoções e aumento de salário, isso se torna um incentivo poderoso para que as pessoas participem de um programa de ensino a distância, mesmo que longo e árduo. Na CrossKnowledge, vimos milhares de executivos pós-graduados trabalhando arduamente em programas de ensino a distância direcionados, que duram vários meses, para ganhar um certificado de uma escola de negócios de prestígio. Levando em consideração os fatos de que o programa foi pago pela empresa em que trabalhavam e de o certificado conferir grande prestígio, as taxas de desistência foram muito baixas – ao contrário dos programas MOOC que, por ser de ordem gratuita, possui um peso mais inferior. O certificado do treinamento a distância para PMI (gestão de projeto) demanda muita autodisciplina. Esse certificado é tão importante para profissionais de gestão de projetos que a taxa de desistência também é muito baixa. Além disso, aqueles que possuem o certificado devem se submeter regularmente a provas para manter sua qualificação, ou seja, precisam atualizar constantemente o seu conhecimento. Os colaboradores que precisam fazer os cursos para atualizar suas certificações raramente apresentam problemas de motivação: um gerente de projetos que trabalhou duro para ter um certificado do PMI vai, provavelmente, fazer tudo o que pode para mantê-lo. No futuro, esses certificados vão desempenhar um papel essencial em nossas carreiras. Em um mundo de mudanças rápidas, o peso e a influência do treinamento inicial vão diminuir em favor dos créditos adquiridos em Use a abordagem de incentivo e sanção y
  15. 15. 1510 dicas para aumentar o engajamento do aluno 04 treinamentos posteriores e em reconhecimentos de experiência acumulada. Tomemos como exemplo um diploma de marketing obtido há 20 anos – antes do surgimento da Internet –, você acha que as competências adquiridas ainda são relevantes? Os reconhecimentos de competências, vindos de instituições acadêmicas ou de empresas acreditadas em áreas específicas de expertise corporativa, se tornarão prática comum. É uma grande oportunidade para associá-las com programas de ensino a distância. As obrigações ou sanções motivam as pessoas a aprenderem? Muitas organizações usam o caráter de obrigatoriedade de um programa de treinamento como uma ferramenta motivacional. Querendo ou não, os colaboradores precisam ser treinados em regulamentos que a empresa, por lei, deve pôr em prática. Muitas vezes, esse tipo de treinamento tem sido feito on-line, com consequências desastrosas para a imagem do e-learning. No papel, as taxas de conclusão são altas porque os colaboradores estão sob pressão constante para terminar o curso. Em alguns casos, a necessidade de se adequar à lei é tão grande que os colaboradores recebem advertências, são chamados a se apresentarem ao gerente de RH, têm seus bônus cortados, e assim por diante. Na prática, o nível de aquisição de conhecimento é baixo, pois hoje sabemos que quando alguém é obrigado a participar de um curso, acaba ficando estressado e isso prejudica bastante a sua receptividade e habilidade de reter conhecimento. Não vai fazer muita diferença para a organização se ela estiver adotando uma abordagem direcionada ao processo – ser capaz de demonstrar que treinou 100% de sua equipe em áreas obrigatórias – em vez de uma direcionada aos resultados. Nossa experiência mostra que, muitas vezes, um equilíbrio saudável entre “cenoura” e “chicote” (premiação e castigo) é a melhor maneira de seguir em frente. Descobrimos que os programas on-line em assuntos de regulamentação não só são acessados, como também aproveitados pela equipe se vierem acompanhados de um certificado interno. Use a abordagem de incentivo e sanção
  16. 16. 16 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno Use o treinamento entre pares Os alunos podem motivar uns aos outros em todos os estágios do curso. Dica 05
  17. 17. 1710 dicas para aumentar o engajamento do aluno Muitos alunos descobrem que acompanhar uma quantidade grande de módulos de e-learning sozinhos não é uma caminhada fácil a percorrer. O treinamento entre pares (peer coaching) pode realmente aumentar a motivação e garantir o sucesso do programa de treinamento. Como funciona o treinamento entre pares? Vamos pegar um exemplo simples. No verão você vai a uma piscina pública toda semana porque quer chamar atenção na praia. Porém, quando chega o inverno, a sua motivação cai devido à queda da temperatura. Para se motivar, você decide ir com um colega ou amigo. E dá certo: quando você se compromete a fazer algo com outra pessoa, as chances de dar conta da tarefa são mais altas. Com o treinamento entre pares, os alunos ajudam uns aos outros em todas as fases do programa, dando apoio e motivando uns aos outros e compartilhando experiências e boas práticas. Um treinamento eficiente entre pares garante que a comunidade de aprendizagem continue em funcionamento muito tempo após o término do programa, visto que as pessoas podem se ajudar na hora de colocar suas competências recém- aprendidas em prática. O apoio dos pares no blended learning Testamos extensivamente o conceito de treinamento entre pares em programas de blended learning. Um programa típico inclui uma sessão para apresentar os objetivos do treinamento, seguido de módulos a distância e de encontros presenciais. Estes serão sucedidos por novos módulos de e-learning antes que novas competências sejam colocadas em prática. Nesse estágio, quando a etapa presencial acaba, o aluno se encontra sozinho com seus módulos e poderá achar difícil colocá-los em prática; a taxa de conclusão da parte a distância cai e o treinamento não será visto como algo que traga valor. O truque aqui é estabelecer o treinamento entre pares para permitir que os alunos discutam o material tratado nos módulos e as lições que aprenderam ao colocar o conhecimento adquirido em prática. Em muitos programas, nós não só vemos as pessoas aplicarem o que aprenderam de forma mais eficaz Use o treinamento entre pares 05
  18. 18. 18 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno 05 no local de trabalho, como também notamos uma quantidade surpreendente de reuniões de treinamento entre pares bem depois que o treinamento termina. Para empresas que lutam para que a equipe se engaje nos programas de ensino a distância, o treinamento entre pares parece ser uma opção atraente: é simples de criar, não custa nada e incentiva uma nova cultura de aprendizado. Use o treinamento entre pares
  19. 19. 1910 dicas para aumentar o engajamento do aluno Concentre-se na aplicação prática Transforme o seu programa de treinamento em uma solução “just-in-time”. Dica 06
  20. 20. 20 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno 06 Quando um programa de treinamento me ajuda a resolver um problema do meu trabalho e a alcançar os meus objetivos profissionais, automaticamente eu vou ficar motivado a participar. O treinamento a distância, quando dá apoio – e não mais precede – ao estágio de aplicação prática, traz um nível de flexibilidade e personalização que podem fazer com que isso aconteça. Um programa de treinamento clássico procura construir competências e preparar os alunos para situações da vida real em que eles precisam aplicar o que aprenderam. O problema é que não existem garantias que essas situações vão aparecer. Se realmente surgirem, elas poderão apresentar diferenças significativas em relação aos cenários discutidos no treinamento; e, acima de tudo, podem ocorrer num futuro muito distante. Um programa que focalize a aplicação prática do conhecimento e das competências reverte esse processo. O aluno encontra dificuldades em novas situações e usa o treinamento para descobrir maneiras de resolvê-las. Ele tem acesso a uma gama de recursos usando uma ferramenta de busca; é assistido por um tutor; pode compartilhar com uma comunidade de alunos na mesma situação, e assim sucessivamente. Ao encarar um problema que requer solução, o participante se sentirá proativo e altamente motivado. A assimilação do conteúdo será muito mais rápida e eficiente porque ele vai aprender o que precisa no momento em que surge a necessidade. Na CrossKnowledge, nós trabalhamos com nossos clientes no desenvolvimento de inúmeros programas com base nessa abordagem prática e as taxas de acesso têm sido extremamente altas. Vamos observar um exemplo: um programa com tutoria e com suporte nos primeiros meses para gerentes que assumiram novas funções. Os participantes tinham como tarefa organizar a primeira reunião com a equipe, estabelecer os primeiros objetivos coletivos e individuais, e assim por diante. Para ajudá-los nessa empreitada, um tutor os orientou na hora de escolher os recursos de e-learning mais apropriados de uma pré-seleção. Os alunos utilizaram as ferramentas disponíveis para preparar suas tarefas e então compartilharam como foi a experiência com seu tutor em uma plataforma Concentre-se na aplicação prática y
  21. 21. 2110 dicas para aumentar o engajamento do aluno 06 on-line. Mesmo não sendo obrigatório, a taxa de conclusão para os recursos do treinamento foi próxima de 100%! Esse tipo de abordagem funciona muito bem para desenvolver competências relacionadas a conduzir avaliações de desempenho, gestão de projetos etc. Um outro exemplo: um programa destinado a gerentes de área tinha como foco a elaboração de um plano de negócios refletindo a nova estratégia da empresa. Para ajudá-los, o programa foi dividido em três estágios: uma fase analítica para eles realizarem uma análise SWOT; uma para desenvolverem o plano de negócios; e outra para a aplicação prática. Em cada etapa, os participantes tiveram acesso aos recursos de e-learning, puderam utilizar o Webex para compartilhar suas experiências, participaram de sessões de perguntas e respostas com outros participantes – todos reunidos em subgrupos – e receberam tutoria de um gerente que conferia e aprovava o que tinham produzido. Nesse caso, os participantes acompanharam 18 módulos de e-learning em apenas nove semanas e alcançaram taxas de progresso de mais de 45%! Nesse tipo de treinamento, ninguém diz aos participantes que eles são obrigados a acompanhar o programa de treinamento a distância inteiro: esta seria uma abordagem ultrapassada. A única coisa obrigatória são as entregas que eles farão durante e após o programa. Aqui, os participantes usam o treinamento on-line de uma maneira extremamente proativa, individualizada e motivada para ajudá-los a entregar o que é esperado. Concentre-se na aplicação prática
  22. 22. 22 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno Personalize seu feedback Uma experiência de aprendizagem personalizada permite alcançar uma taxa de participação 30% mais alta. Dica 07
  23. 23. 2310 dicas para aumentar o engajamento do aluno Quanto mais você personaliza a experiência de aprendizagem, mais você estimula a motivação intrínseca. Os alunos gostam de sentir que são especiais. Uma boa forma de personalizar a experiência é fazer uso de autoavaliações antes do treinamento. Em vez de impor uma trilha de aprendizagem com dez módulos – que os alunos raramente vão concluir –, a autoavaliação torna possível a prescrição apenas de módulos que são relevantes para o aluno, pois leva em consideração o seu nível de conhecimento. O aluno vê que suas necessidades foram levadas em conta e se sente estimulado com esse feedback preliminar. Taxas de acesso aumentam em média 30% quando o percurso de aprendizagem é personalizado dessa forma. Uma segunda autoavaliação no final da trilha permite que você avalie o progresso, além de ser uma boa maneira de manter o aluno motivado. O questionário apenas diz respeito ao conteúdo realmente tratado no curso e o próprio aluno pode avaliar se conseguiu assimilar o conhecimento e as competências relevantes. Quanto mais personalizado for o feedback, maior o engajamento do aluno. Com isso em mente, a CrossKnowledge desenvolveu digests parecidos com os das redes sociais. Sua função é dar uma visão geral das atividades da plataforma, mostrar o que tem sido discutido e as próximas etapas, e fornecer acesso às discussões recentes. As informações contidas nos digests podem ser personalizadas pelo aluno, que também pode controlar a frequência com que as recebe. Isso significa que, em vez de ser apenas mais um e-mail de lembrete, é uma forma de oferecer informações que realmente sejam de relevância para o aluno – e isso tem um impacto significativo em seu nível de engajamento. O poder das recomendações personalizadas Você também deve usar recomendações para promover programas de treinamento personalizados. Quando você compra um livro na Amazon, o site recomenda, com base nas suas preferências, outros livros dos quais você pode gostar. Todos nós gostamos desse tipo de abordagem personalizada, e é possível fazer a mesma coisa com o e-learning. Quando o aluno termina um módulo, o sistema sugere outro sobre um assunto relacionado. Personalize seu feedback 07
  24. 24. 24 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno 07 Um portal de treinamento a distância que oferece aos alunos apenas uma lista de recursos de e-learning, sem sugestões personalizadas, geralmente alcança taxas de acesso em torno de 10%. Por outro lado, se um portal sugere mais recursos com base naquilo que os alunos já viram, as taxas de participação se tornam 4 a 5 vezes mais altas! Portanto, aqui vai uma regra simples: no treinamento on-line, a motivação do aluno é diretamente proporcional ao nível de personalização. Personalize seu feedback
  25. 25. 2510 dicas para aumentar o engajamento do aluno Use o poder do grupo Crie uma comunidade de aprendizagem e os participantes vão motivar uns aos outros. Dica 08
  26. 26. 26 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno 08 A pressão extrínseca vem do formato do grupo: as pessoas querem ser aceitas. Isso significa que fazer com que um grupo realize tarefas ou acompanhe módulos de e-learning é mais eficaz do que pedir que façam isso individualmente – em especial quando os participantes recebem feedback sobre o progresso do grupo e podem compará-lo com o seu. A motivação intrínseca vem do prazer de fazer parte de um grupo, de participar e de ganhar status social em vez de trabalhar sozinho. As pessoas podem facilmente fazer network nos grupos, compartilhando informações e ideias. Elas fazem parte de uma unidade que vai além delas como indivíduos. Usar as comunidades de aprendizagem em programas de treinamento a distância ou de blended learning potencializa ambos os tipos de motivação e aumenta significativamente as taxas de adesão e desempenho do treinamento. A maioria dos percursos clássicos de blended learning tende a alternar dois tipos de sequências: encontros presencias e períodos para o aluno cursar seus módulos individualmente. Adivinhe qual é a atividade preferida! Em um percurso de aprendizagem montado em uma comunidade de aprendizagem, tentamos criar uma dinâmica de grupo com base na palavra “ir”. Nossos estudos revelam que é melhor começar, se possível, com um evento síncrono a distância, tal como um ambiente virtual ou Webex. Durante essa sessão inicial, o treinador explica o que está envolvido, dá detalhes de como prosseguir com o programa e conta aos participantes o que se espera deles. Então, o treinador abre acesso a uma comunidade on-line e lança uma atividade “supervisionada”: pede-se aos participantes que postem seus hobbies para que eles possam se conhecer, que comentem a respeito das suas expectativas em relação ao curso e assim por diante. A comunidade permite que os participantes façam perguntas uns aos outros – e também ao treinador – relacionadas ao programa de e-learning. Essa dinâmica de comunidade aumenta significativamente as taxas de conclusão para módulos de e-learning, mas ela desempenha um papel ainda mais decisivo no estágio de aplicação prática. O treinador pode fazer Use o poder do grupo
  27. 27. 2710 dicas para aumentar o engajamento do aluno 08 Use o poder do grupo perguntas na própria plataforma: quais são as três principais coisas que você conseguiu pôr em prática no trabalho?; qual é a principal dificuldade que você encontrou?; e por aí afora. Então, ele pode pedir aos participantes que respondam o que seus colegas postaram. O grupo se torna uma verdadeira comunidade de aprendizagem. O fato de o grupo ter uma presença on-line é realmente útil para os alunos, já que contribui para a aplicação prática do que aprenderam. As comunidades mais ativas, às vezes, continuam a funcionar mesmo quando o programa acaba. A era das comunidades on-line de aprendizagem está provavelmente apenas começando. Na CrossKnowledge, oferecemos o desenvolvimento de competências para comunidades de colaboradores que fazem trabalhos semelhantes ou têm preocupações semelhantes, independente dos programas de treinamento. Esses públicos têm acesso a um conjunto de conteúdo que eles podem classificar, comentar e compartilhar. Também estão livres para se envolver em discussões e postar seu próprio conteúdo. Quando essas comunidades são bem administradas, os membros acessam o conteúdo naturalmente se sentirem que este foi selecionado especialmente para eles. Esse conteúdo age como o propulsor para discussões e incentiva as pessoas a compartilharem suas melhores práticas.
  28. 28. 28 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno Não subestime a interface do usuário A experiência do usuário desempenha um papel importante no uso de e-learning. Dica 09
  29. 29. 2910 dicas para aumentar o engajamento do aluno O e-learning tem muito o que aprender com o e-commerce. Um dos segredos do sucesso da Amazon é o cuidado obsessivo que a empresa dedica ao design do seu site de e-commerce. Inovações simples, tais como compras em um clique, fez suas vendas aumentarem – atualmente avaliadas em 183 mil dólares por minuto!. O design e a ergonomia da interface desempenham um papel importante para os usuários de uma plataforma de e-learning, mas muitos portais ainda estão sendo projetados como plataformas administrativas, prevalecendo o objetivo de melhorar os processos de RH em vez de aprimorar a experiência de aprendizagem. A informação é apresentada de forma seca, pouco atraente e leva uma média de 5 a 6 cliques para acessar um módulo de treinamento! Todos os nossos estudos têm mostrado que cada clique extra reduz as taxas de acesso em 15 a 20%. Por isso, uma regra simples é simplificar o acesso ao conteúdo o máximo possível, reduzindo o número de páginas que precisam ser abertas. A segunda coisa que observamos é que toda vez que substituímos links para trilhas ou módulos por imagens clicáveis, as taxas de uso aumentaram em mais de 30%. Imagine o YouTube com links de texto em vez de imagens dos vídeos... No entanto, ainda é assim que a maioria das plataformas funciona! As imagens atraem o hemisfério direito do cérebro, que é o lado criativo, enquanto que os links com apenas texto atraem o hemisfério esquerdo, mais racional. Oferecer estímulos para o lado criativo do cérebro aumenta o engajamento do aluno. O terceiro e mais importante ponto é que a ergonomia da plataforma deve combinar com a forma como o aluno usa a interface. Um portal de livre acesso não pode ter o mesmo visual de uma trilha de aprendizagem com várias etapas. Nesse sentido, a ergonomia tem uma função decisiva no sucesso de um programa de blended learning. No inicio, quando desenvolvíamos programas de blended learning, costumávamos enviar um link para os módulos de e-learning e esperava-se que os alunos acessassem antes dos encontros presenciais. As taxas de adesão ficavam entre 25 e 30%. Quando analisamos esse resultado, descobrimos que essa maneira de Não subestime a interface do usuário 09
  30. 30. 30 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno 09 fazer as coisas, subentendia que os módulos eram apenas um pré-requisito para os encontros e não um primeiro passo de um programa completo e integrado. Sendo assim, desenvolvemos um site específico para o treinamento todo, mostrando as diferentes etapas em forma de fluxo de trabalho. Etapa 1 era e-learning; etapa 2, encontro presencial, e assim por diante. Os e-mails enviados aos alunos continham um link para esse site, o que dava a eles uma visão geral do que iriam fazer. E com certeza, as taxas de acesso pularam para 80%! Não subestime a interface do usuário
  31. 31. 3110 dicas para aumentar o engajamento do aluno Vá até os alunos em vez de esperar que eles venham até você Forneça vários pontos de acesso para o treinamento on-line. Dica 10
  32. 32. 32 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno 0610 Os departamentos de Treinamento e Desenvolvimento geralmente fornecem um portal educacional único para os alunos acessarem. Na verdade, é provável que esse seja apenas um dos muitos pontos de acesso à intranet que os colaboradores devem acessar durante o dia – o que significa uma competição acirrada entre os departamentos para atraí-los para os seus portais. Com tantos espaços de trabalho colaborativo em operação, não há garantias de que o portal educacional conseguirá a maior parte dos visitantes! Uma estratégia inteligente consiste em disponibilizar vários pontos de acesso ao portal ou, melhor ainda, aos programas de treinamento adaptados a cada participante, com um acesso direto em diferentes locais que possam ser visitados pelos colaboradores. Esse é, certamente, o objetivo de qualquer estratégia que abarque o uso de dispositivos móveis. Ao disponibilizar acesso ao treinamento em smartphones ou tablets, as taxas de acesso aumentam consideravelmente. Nossa experiência na CrossKnowledge indica, por exemplo, que um programa de desenvolvimento de liderança, usando vídeos com os gerentes e especialistas, alcança taxas de acesso em torno de 15% em computadores. No entanto, esses números são em média cinco vezes mais altos quando os mesmos vídeos são disponibilizados em smartphones e tablets! Além do uso móvel, também é possível aumentar significativamente as taxas de acesso integrando os programas de e-learning na sua rede social corporativa ou nos principais espaços de trabalho colaborativo Você compartilha os seus documentos com uma comunidade de interesse? Se sim, seria certamente uma boa ideia colocar os programas de treinamento lá também. Imagine que você esteja usando o Yammer ou o Chatter e acabe encontrando recursos de treinamento relevantes para a sua comunidade. Ao comentar sobre eles no Yammer ou no Chatter, você poderá ver os mesmos comentários no portal educacional. Hoje, tudo isso é possível. Na mesma linha, a integração da plataforma da CrossKnowledge com o SharePoint tornou possível oferecer treinamento em avaliações anuais de desempenho no próprio site do RH, estando disponíveis todos os Vá até os alunos em vez de esperar que eles venham até você
  33. 33. 3310 dicas para aumentar o engajamento do aluno 10 Vá até os alunos em vez de esperar que eles venham até você formulários a serem preenchidos. Como resultado, as taxas espontâneas de acesso para treinamento são muito mais altas do que em um único portal de treinamento. Esteja onde os seus alunos estão Recomendamos que você esteja onde eles realmente estão: nas redes sociais, em ambientes colaborativos, na intranet etc. Pare de mandar as pessoas para plataformas de terceiros e, ao invés disso, disponibilize o treinamento naquelas que elas acessam todos os dias! Hoje, uma integração bem calibrada entre plataformas torna esse tipo de configuração possível, é bastante simples.
  34. 34. 34 10 dicas para aumentar o engajamento do aluno
  35. 35. 3510 dicas para aumentar o engajamento do aluno Em um mundo complexo de constantes e rápidas mudanças, o treinamento on-line continuará a se desenvolver em um ritmo acelerado. Na CrossKnowledge, acreditamos fortemente que o treinamento será mais benéfico se for fundamentado na vontade das pessoas de aprender do que nas mudanças no quadro dos regulamentos ou das restrições econômicas. As pessoas citam com frequência a motivação – ou melhor, a falta dela – como a principal cilada do treinamento on-line. Seus críticos falam do isolamento e da monotonia que os alunos experimentam. A questão da motivação é, de fato, a principal dificuldade de qualquer programa de treinamento. As restrições operacionais, o aumento no número de janelas abertas ao mesmo tempo e a alternância entre elas, o fácil acesso ao conhecimento e a redução do status dos “detentores do conhecimento” são desafios que os designers instrucionais precisam contornar para estimular a participação, especialmente no que diz respeito a treinamentos obrigatórios para uma grande quantidade de pessoas. Os novos modelos de treinamento a distância, quando usados de forma eficaz, podem melhorar significativamente a motivação intrínseca. Isso pode ser feito aproximando-se da experiência diária das pessoas e dos espaços de trabalho, fornecendo flexibilidade, customização e oportunidades para interagir, sincronizando com os objetivos individuais e corporativos, oferecendo certificados e oportunidades de carreira. Afinal, dar às pessoas o desejo de aprender não seria um dos objetivos principais de qualquer profissional de desenvolvimento de RH? Conclusão
  36. 36. Coleção [BESTPRACTICES] Coleção [BESTPRACTICES] formas de relacionar o ensino a distância às necessidades corporativas 5 Coleção [BESTPRACTICES] inovações na área de treinamento fáceis de aplicar 5 Coleção [BESTPRACTICES] dicas para aumentar o ROI de soluções educacionais a distância 10 Coleção [BESTPRACTICES] dicas para ter sucesso com a aprendizagem informal 7 Coleção [BESTPRACTICES] dicas para aumentar o engajamento do aluno 10 dicas para a implementação do Rapid Learning Coleção [BESTPRACTICES] 10 Coleção [BESTPRACTICES] 7dicas para ter sucesso com o Social Learning dicas para implementar o e-learning com sucesso Coleção [BESTPRACTICES] 5 Coleção [BESTPRACTICES] 7dicas de ouro para um programa de blended learning EstedocumentoéumapublicaçãodaempresaCrossKnowledge.Todasasmarcaselogotipos,registradosounão,pertencemaosseusrespectivosdetentores. Documentonãocontratual.Concepção:Indexel–www.indexel.com www.crossknowledge.com.br

×