SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Baixar para ler offline
TAREFAS


      DE TREINAMENTO
           FUTSAL
                                                  A
                                                                                                  Autor: Pablo Prieto



                                                                     partir deste mês, apresentaremos uma série de
                                                                     tarefas que nos levarão a conhecer melhor o
                                                                     funcionamento e desenvolvimento do futsal.

                                                                Realizaremos um repasso desde A á Z e cada mês
                                                      aprofundaremos em sete tarefas.
216                                                                                                                 217
      JULHO   Futsal    © Artigo publicado em   www.futbol-tactico.com             Futsal                   JULHO
Tarefa 2
                                                                                                          OBJETIVO: Defesa – Superioridade 2 x 1

                                                                                                          DURAÇÃO: 2 séries de 6 minutos ( rotação de jogadores nas duas séries )

                                                                                                          Nº JOGADORES : 9 Jogadores + 2 Goleiro

                                                                                                          DESENVOLVIMENTO: Em uma zona da quadra se trabalha a defesa ( meia quadra – zona alta ).

                                                                                                          Em outra zona uma situação de 2 X 1. Não existem nem saques de banda, nem saques de esquina.
Tarefa 1                                                                                                                   Sempre põe em jogo a bola o goleiro da equipe que tem a possessão.

OBJETIVO: 3 x 2 	 					                             ESPAÇO:      40 X 20                                                                                     Quando se consiga gol, inicia o jogo o goleiro da
                                                                                                                                                                      equipe que o conseguiu.
DURAÇÃO:      2 séries de 6 minutos 			             Nº JOGADORES : 10 Jogadores + 2 Goleiros

MATERIAL: Traves, Bolas, Coletes

DESENVOLVIMENTO: Joga-se um 3 x2 em cada meia quadra. Não existem saques de banda, nem
escanteio / sempre põe em jogo a bola o goleiro da equipe que tenha a possessão. Os defensores
podem “ conectar “ com seus companheiros que estão em quadra contrária / O goleiro tem duas
opções : sacar em curto ou saque longo a quadra contrária.
                                                                                                          VARIANTES: Limitar
- Em caso de conseguir gol, inicia o jogo o goleiro da equipe que o conseguiu
                                                                                                          tempo na situação da 2 x 1.
VARIANTES: Limitar tempo para a finalização. Condicionar número de toques aos atacantes. Premiar          Limitar toques e tempo na situação
gol duplo ( nas ações de segundo pau )                                                                    do 3 x 3.

-As transições ofensivas – defensivas são uma parte fundamental do trabalho tático de nosso esporte,      •	 Nesta tarefa combinada se marcam as pautas
esta tarefa está desenhada para marcar as pautas Defesa – Ataque do 3 x 2.                                   defesa – ataque de superioridade 2 x 1, onde a
                                                                                                             velocidade de execução a nível de ataque é uma parte fundamental, ademais das ações de 2º pau
Um aspecto fundamental a nível ofensivo , é a rapidez na execução da superioridade numérica, as
                                                                                                             e ler a defesa por parte dos dois atacantes.
situações de 2º pau, a nível defensivo o objetivo é equilibrar a superioridade com o goleiro.
                                                                                                          •	   A nível defensivo, se faz especial finca-pé a ação do defensor para situar-se em “ linha de passe “,
                                                                                                               e tentar equilibrar com o goleiro.




218                                                                                                                                                                                                              219
      JULHO                            Futsal                                   © Artigo publicado em   www.futbol-tactico.com                             Futsal                                        JULHO
Tarefa 4
                                                                                                         OBJETIVO: ESTRATÉGIA ESCANTEIO - ENLACE

                                                                                                         ESPAÇO: 20 X 20

                                                                                                         DURAÇÃO: 3 séries de 3 minutos

                                                                                                         Nº JOGADORES : 8 Jogadores
                                                                                                         + 2 Goleiros




 Tarefa 3                                                                                                                                                                                   DESENVOLVIMENTO:
                                                                                                                                                                                   Inicia-se a tarefa com um
                                                                                                                                                                          escanteio ( movimento para mecanizar
OBJETIVO: Defesa individual com mudança em meia quadra ( Mudanças de marca, jogador lado
                                                                                                                                                                ) e ao finalizar se realiza um 2 x 2.
oposto bola , coberturas )
                                                                                                         Defendem: O jogador que realiza o saque + o jogador que finaliza.
ESPAÇO: 28 x 20 	 DURAÇÃO: séries de 4 minutos ( em função dos jogadores que disponhamos )
                                                                                                         VARIANTES: Fazer competição em quanto ao número de gols entre as duas equipes. No enlace
Nº JOGADORES : 6 Jogadores + 2 Goleiros
                                                                                                         realizar 3 x 1 ( Defende o jogador que finaliza ). No enlace realizar 2 x 2 + pivô detrás da trave.
DESENVOLVIMENTO: Desenvolve-se uma situação de jogo de 3 x 3 + 2 goleiros ( não existem nem
saques de banda, nem escanteio). Quando uma equipe recupere a bola ( se é em quadra contrária
continua o jogo / se é em quadra própria se inicia o jogo com a possessão da equipe que recuperou a
bola). Se há gol, a equipe segue com a possessão de bola. Se sai fora a bola , se inicia sempre com
um ataque posicional

                   VARIANTES: Limitar número de toques. Sempre que se recupere a bola que
                                          continue o jogo.




220                                                                                                                                                                                                            221
      JULHO                            Futsal                                  © Artigo publicado em   www.futbol-tactico.com                            Futsal                                        JULHO
Tarefa 5                                                                                                                                                                       Tarefa 7
OBJETIVO: FINALIZAÇÃO – DEFESA INDIVIDUAL E ESCANTEIO                    ESPAÇO: 20 X 20                  OBJETIVO: Como atacar uma defesa individual com mudanças

DURAÇÃO: 3 séries de 3 minutos 		             Nº JOGADORES : 8 – 10 jogadores + 2 Traves                  ESPAÇO: Meia quadra

DESENVOLVIMENTO: Inicia-se a tarefa com dois jogadores dentro ( um defende e outro ataca ). Nas           DURAÇÃO: 10 minutos ( rotar para que todos os jogadores passam por todos os postos
4 esquinas há passadores com bolas. O jogador de dentro que faz de atacante tem que fintar para           Nº JOGADORES : 10 jogadores + 2 goleiros ( para mudar durante a tarefa )
receber e finalizar, podendo existir as seguinte situações:
                                                                                                          DESENVOLVIMENTO: Inicia-se a tarefa com dois defensores fixos + 2 cones ( situação defensiva).
1.- Se é gol continua atacando e o defensor se sai a uma das esquinas.                                    Os atacantes se situam : 1 ala passador fixo + 3 grupos de jogadores que se vão rotando. A bola inicia
2.- Se não é gol, o atacante se sai a uma esquina e o defensor se converte em novo atacante.              no centro e sempre com passe a banda e se move para “ frear “ entre linhas / o jogador da banda tem
                                                                                                          3 opções jogar com pivô, jogar entrelinhas – jogar al 3º homem. Os defensores realizam 4 defesas e
3.- O passador depois de realizar o passe ,
                                                                                                          mudam o rol / o passador também lhe rotamos ao mesmo tempo
                                                        sempre se converte em defensor.
                                                                                                          VARIANTES: Limitar número de toques. Limitar número de passes para finalizar




VARIANTES: Fazer competição
em quanto ao número de gols.
Fazer competição em quanto ao
número de finalizações.                                                        Tarefa 6
OBJETIVO: FINALIZAÇÃO - RECUOS – JOGO RÁPIDO

ESPAÇO: 15 X 20

DURAÇÃO: 8 MINUTOS

Nº JOGADORES:
8 +2
Goleiros


                                                                         DESENVOLVIMENTO:
Inicia-se uma situação                                          de jogo real.

Existem todas as situações do jogo (                 Escanteio – Saque Banda – Faltas etc.,,)

O objetivo é a finalização continua num espaço reduzido para que existam ações de recuos, 2º Pau
Todas as ações de bola parada devemos de incidir no saque rápido. Os goleiros disporão de bolas na
trave para a reposição rápida

VARIANTES: Limitar o número de toques.Colocar um pivô detrás da trave. Quando se consiga um gol,
se muda o sentido do ataque

222                                                                                                                                                                                                          223
      JULHO                             Futsal                                  © Artigo publicado em   www.futbol-tactico.com                          Futsal                                       JULHO

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Carlo Ancelotti - Sessão de Treino 2014
Carlo Ancelotti - Sessão de Treino 2014Carlo Ancelotti - Sessão de Treino 2014
Carlo Ancelotti - Sessão de Treino 2014Fundação Real Madrid
 
Implantação e Caraterização de um Modelo de Jogo
Implantação e Caraterização de um Modelo de JogoImplantação e Caraterização de um Modelo de Jogo
Implantação e Caraterização de um Modelo de JogoFundação Real Madrid
 
The model of play 1
The model of play 1The model of play 1
The model of play 1Dzevad Saric
 
Esquema futebol Básico
Esquema futebol BásicoEsquema futebol Básico
Esquema futebol BásicoPedro Martins
 
Exemplo modelo de jogo
Exemplo modelo de jogoExemplo modelo de jogo
Exemplo modelo de jogoSérgio Santos
 
Exercício gr+7x7+gr com 2apoios ofensivos condicionado
Exercício gr+7x7+gr com 2apoios ofensivos condicionadoExercício gr+7x7+gr com 2apoios ofensivos condicionado
Exercício gr+7x7+gr com 2apoios ofensivos condicionadopassederutura
 
Construção de um Estilo (Modelo) de Jogo
Construção de um Estilo (Modelo) de JogoConstrução de um Estilo (Modelo) de Jogo
Construção de um Estilo (Modelo) de JogoFundação Real Madrid
 
The modern soccer coach 2014 by gary curneen
The modern soccer coach 2014 by gary curneenThe modern soccer coach 2014 by gary curneen
The modern soccer coach 2014 by gary curneenNick P
 
Creating behaviors in respect to the coach game model
Creating behaviors in respect to the coach game modelCreating behaviors in respect to the coach game model
Creating behaviors in respect to the coach game modelVítor Gouveia
 
Preparing for competition the method of maurizio sarri
Preparing for competition   the method of maurizio sarriPreparing for competition   the method of maurizio sarri
Preparing for competition the method of maurizio sarriDavid Lagar
 
Ajax Training Sessions
Ajax Training SessionsAjax Training Sessions
Ajax Training SessionsRenato Moreira
 

Mais procurados (20)

Carlo Ancelotti - Sessão de Treino 2014
Carlo Ancelotti - Sessão de Treino 2014Carlo Ancelotti - Sessão de Treino 2014
Carlo Ancelotti - Sessão de Treino 2014
 
Modelo de jogo
Modelo de jogoModelo de jogo
Modelo de jogo
 
Implantação e Caraterização de um Modelo de Jogo
Implantação e Caraterização de um Modelo de JogoImplantação e Caraterização de um Modelo de Jogo
Implantação e Caraterização de um Modelo de Jogo
 
The model of play 1
The model of play 1The model of play 1
The model of play 1
 
Esquema futebol Básico
Esquema futebol BásicoEsquema futebol Básico
Esquema futebol Básico
 
Exemplo modelo de jogo
Exemplo modelo de jogoExemplo modelo de jogo
Exemplo modelo de jogo
 
Charlton Way practices
Charlton Way practicesCharlton Way practices
Charlton Way practices
 
Exercício gr+7x7+gr com 2apoios ofensivos condicionado
Exercício gr+7x7+gr com 2apoios ofensivos condicionadoExercício gr+7x7+gr com 2apoios ofensivos condicionado
Exercício gr+7x7+gr com 2apoios ofensivos condicionado
 
Construção de um Estilo (Modelo) de Jogo
Construção de um Estilo (Modelo) de JogoConstrução de um Estilo (Modelo) de Jogo
Construção de um Estilo (Modelo) de Jogo
 
Sugestao de treino
Sugestao de treinoSugestao de treino
Sugestao de treino
 
A Construção de uma Dinâmica
A Construção de uma DinâmicaA Construção de uma Dinâmica
A Construção de uma Dinâmica
 
Modelo de Jogo
Modelo de Jogo  Modelo de Jogo
Modelo de Jogo
 
Pressing in soccer
Pressing in soccerPressing in soccer
Pressing in soccer
 
The modern soccer coach 2014 by gary curneen
The modern soccer coach 2014 by gary curneenThe modern soccer coach 2014 by gary curneen
The modern soccer coach 2014 by gary curneen
 
Creating behaviors in respect to the coach game model
Creating behaviors in respect to the coach game modelCreating behaviors in respect to the coach game model
Creating behaviors in respect to the coach game model
 
Course Uefa A
Course Uefa ACourse Uefa A
Course Uefa A
 
Preparing for competition the method of maurizio sarri
Preparing for competition   the method of maurizio sarriPreparing for competition   the method of maurizio sarri
Preparing for competition the method of maurizio sarri
 
Treinos em construção
Treinos em construçãoTreinos em construção
Treinos em construção
 
Ajax Training Sessions
Ajax Training SessionsAjax Training Sessions
Ajax Training Sessions
 
Rondos - Up Back Through
Rondos - Up Back ThroughRondos - Up Back Through
Rondos - Up Back Through
 

Destaque

Futsal plano de treino
Futsal  plano de treinoFutsal  plano de treino
Futsal plano de treinoBé Couto
 
Futsal jogadores e sistemas táticos
Futsal  jogadores e sistemas táticosFutsal  jogadores e sistemas táticos
Futsal jogadores e sistemas táticosAna Carolina
 
Futsal Sistema de jogo e noção de marcação
Futsal Sistema de jogo e noção de marcaçãoFutsal Sistema de jogo e noção de marcação
Futsal Sistema de jogo e noção de marcaçãoIvo Volmir Ribas
 
Futsal teórica
Futsal   teóricaFutsal   teórica
Futsal teóricaNetKids
 
Futsal
FutsalFutsal
FutsalRuy8
 
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsalIniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsalFutbol Tactico Brasil
 
Exercício de igualdade e superioridade em Futsal
Exercício de igualdade e superioridade em FutsalExercício de igualdade e superioridade em Futsal
Exercício de igualdade e superioridade em FutsalFutbol Tactico Brasil
 
Treinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsal
Treinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsalTreinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsal
Treinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsalFutbol Tactico Brasil
 
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...Futbol Tactico Brasil
 
Trabalho de Futsal
Trabalho de FutsalTrabalho de Futsal
Trabalho de FutsalAna Carolina
 
Iniciação aos espaços livres no Futsal
Iniciação aos espaços livres no FutsalIniciação aos espaços livres no Futsal
Iniciação aos espaços livres no FutsalFutbol Tactico Brasil
 
Futsal
FutsalFutsal
FutsalSutier
 

Destaque (20)

Futsal exercicios treinamento
Futsal   exercicios treinamentoFutsal   exercicios treinamento
Futsal exercicios treinamento
 
Futsal plano de treino
Futsal  plano de treinoFutsal  plano de treino
Futsal plano de treino
 
Futsal jogadores e sistemas táticos
Futsal  jogadores e sistemas táticosFutsal  jogadores e sistemas táticos
Futsal jogadores e sistemas táticos
 
Futsal Sistema de jogo e noção de marcação
Futsal Sistema de jogo e noção de marcaçãoFutsal Sistema de jogo e noção de marcação
Futsal Sistema de jogo e noção de marcação
 
Futsal teórica
Futsal   teóricaFutsal   teórica
Futsal teórica
 
Futsal
FutsalFutsal
Futsal
 
Futsal
FutsalFutsal
Futsal
 
Futsal
Futsal Futsal
Futsal
 
Futsal
FutsalFutsal
Futsal
 
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsalIniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
 
Exercício de igualdade e superioridade em Futsal
Exercício de igualdade e superioridade em FutsalExercício de igualdade e superioridade em Futsal
Exercício de igualdade e superioridade em Futsal
 
Fundamentos do Futsal
Fundamentos do FutsalFundamentos do Futsal
Fundamentos do Futsal
 
Treinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsal
Treinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsalTreinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsal
Treinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsal
 
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...
 
Trabalho de Futsal
Trabalho de FutsalTrabalho de Futsal
Trabalho de Futsal
 
Ofensivo 4x0
Ofensivo 4x0Ofensivo 4x0
Ofensivo 4x0
 
Iniciação aos espaços livres no Futsal
Iniciação aos espaços livres no FutsalIniciação aos espaços livres no Futsal
Iniciação aos espaços livres no Futsal
 
Fundamentos Futsal
Fundamentos FutsalFundamentos Futsal
Fundamentos Futsal
 
Tatica individual ofensiva 2
Tatica individual ofensiva 2Tatica individual ofensiva 2
Tatica individual ofensiva 2
 
Futsal
FutsalFutsal
Futsal
 

Semelhante a Tarefas de treinamento de Futsal

Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parte
Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parteTarefas de treinamento_de_futsal_5_parte
Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parteFutbol Tactico Brasil
 
Apostila de flagbol_5x5 apfa
Apostila de flagbol_5x5 apfaApostila de flagbol_5x5 apfa
Apostila de flagbol_5x5 apfaDébora Medeiros
 
Posicionamento Defensivo #1
Posicionamento Defensivo #1Posicionamento Defensivo #1
Posicionamento Defensivo #1Telmo Silva
 
Táticas básicas de basquetebol
Táticas básicas de basquetebolTáticas básicas de basquetebol
Táticas básicas de basquetebolElaine Lima
 
Treinamento de handebol
Treinamento de handebolTreinamento de handebol
Treinamento de handebolprofede
 
Pressão e Pressing
Pressão e PressingPressão e Pressing
Pressão e PressingLeandro Zago
 
3º ano prova bimestral 4º bim.
3º ano prova bimestral 4º bim.3º ano prova bimestral 4º bim.
3º ano prova bimestral 4º bim.Tony
 
Manutenção da Posse da Bola #2
Manutenção da Posse da Bola #2Manutenção da Posse da Bola #2
Manutenção da Posse da Bola #2Telmo Silva
 

Semelhante a Tarefas de treinamento de Futsal (14)

Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parte
Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parteTarefas de treinamento_de_futsal_5_parte
Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parte
 
Treino
TreinoTreino
Treino
 
Futebol 7
Futebol 7Futebol 7
Futebol 7
 
Futebol 7
Futebol 7Futebol 7
Futebol 7
 
Apostila futsal
Apostila futsalApostila futsal
Apostila futsal
 
Voleibol
VoleibolVoleibol
Voleibol
 
Apostila de flagbol_5x5 apfa
Apostila de flagbol_5x5 apfaApostila de flagbol_5x5 apfa
Apostila de flagbol_5x5 apfa
 
Posicionamento Defensivo #1
Posicionamento Defensivo #1Posicionamento Defensivo #1
Posicionamento Defensivo #1
 
Táticas básicas de basquetebol
Táticas básicas de basquetebolTáticas básicas de basquetebol
Táticas básicas de basquetebol
 
Iniciação ao pressing no futsal.
Iniciação ao pressing no futsal.Iniciação ao pressing no futsal.
Iniciação ao pressing no futsal.
 
Treinamento de handebol
Treinamento de handebolTreinamento de handebol
Treinamento de handebol
 
Pressão e Pressing
Pressão e PressingPressão e Pressing
Pressão e Pressing
 
3º ano prova bimestral 4º bim.
3º ano prova bimestral 4º bim.3º ano prova bimestral 4º bim.
3º ano prova bimestral 4º bim.
 
Manutenção da Posse da Bola #2
Manutenção da Posse da Bola #2Manutenção da Posse da Bola #2
Manutenção da Posse da Bola #2
 

Mais de Futbol Tactico Brasil

Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...
Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...
Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...Futbol Tactico Brasil
 
Praticas de jogo para a melhora da força de luta
Praticas de jogo para a melhora da força de lutaPraticas de jogo para a melhora da força de luta
Praticas de jogo para a melhora da força de lutaFutbol Tactico Brasil
 
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.Futbol Tactico Brasil
 
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsalIniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsalFutbol Tactico Brasil
 
Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.
Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.
Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.Futbol Tactico Brasil
 
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3.
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3. Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3.
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3. Futbol Tactico Brasil
 
Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)
Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)
Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)Futbol Tactico Brasil
 
Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...
Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...
Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...Futbol Tactico Brasil
 
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.Futbol Tactico Brasil
 
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)Futbol Tactico Brasil
 
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.Futbol Tactico Brasil
 
Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)
Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)
Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)Futbol Tactico Brasil
 
Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.
Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.
Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.Futbol Tactico Brasil
 
Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.
Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.
Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.Futbol Tactico Brasil
 
Planificacao tática da pre temporada em equipes profissionais
Planificacao tática da pre temporada em equipes profissionaisPlanificacao tática da pre temporada em equipes profissionais
Planificacao tática da pre temporada em equipes profissionaisFutbol Tactico Brasil
 

Mais de Futbol Tactico Brasil (20)

Tarefa sistematica
Tarefa sistematicaTarefa sistematica
Tarefa sistematica
 
Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...
Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...
Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...
 
Praticas de jogo para a melhora da força de luta
Praticas de jogo para a melhora da força de lutaPraticas de jogo para a melhora da força de luta
Praticas de jogo para a melhora da força de luta
 
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
 
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsalIniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
 
Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.
Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.
Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.
 
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3.
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3. Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3.
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3.
 
Microciclo Tático ofensivo.
Microciclo Tático ofensivo.Microciclo Tático ofensivo.
Microciclo Tático ofensivo.
 
Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)
Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)
Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)
 
Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...
Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...
Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...
 
O sistema de jogo 1_4_2_2_2
O sistema de jogo 1_4_2_2_2O sistema de jogo 1_4_2_2_2
O sistema de jogo 1_4_2_2_2
 
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.
 
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)
 
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.
 
Corinthians e Boca Juniors
Corinthians e Boca JuniorsCorinthians e Boca Juniors
Corinthians e Boca Juniors
 
Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)
Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)
Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)
 
Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.
Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.
Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.
 
O ataque direto como modelo de jogo
O ataque direto como modelo de jogoO ataque direto como modelo de jogo
O ataque direto como modelo de jogo
 
Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.
Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.
Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.
 
Planificacao tática da pre temporada em equipes profissionais
Planificacao tática da pre temporada em equipes profissionaisPlanificacao tática da pre temporada em equipes profissionais
Planificacao tática da pre temporada em equipes profissionais
 

Tarefas de treinamento de Futsal

  • 1. TAREFAS DE TREINAMENTO FUTSAL A Autor: Pablo Prieto partir deste mês, apresentaremos uma série de tarefas que nos levarão a conhecer melhor o funcionamento e desenvolvimento do futsal. Realizaremos um repasso desde A á Z e cada mês aprofundaremos em sete tarefas. 216 217 JULHO Futsal © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Futsal JULHO
  • 2. Tarefa 2 OBJETIVO: Defesa – Superioridade 2 x 1 DURAÇÃO: 2 séries de 6 minutos ( rotação de jogadores nas duas séries ) Nº JOGADORES : 9 Jogadores + 2 Goleiro DESENVOLVIMENTO: Em uma zona da quadra se trabalha a defesa ( meia quadra – zona alta ). Em outra zona uma situação de 2 X 1. Não existem nem saques de banda, nem saques de esquina. Tarefa 1 Sempre põe em jogo a bola o goleiro da equipe que tem a possessão. OBJETIVO: 3 x 2 ESPAÇO: 40 X 20 Quando se consiga gol, inicia o jogo o goleiro da equipe que o conseguiu. DURAÇÃO: 2 séries de 6 minutos Nº JOGADORES : 10 Jogadores + 2 Goleiros MATERIAL: Traves, Bolas, Coletes DESENVOLVIMENTO: Joga-se um 3 x2 em cada meia quadra. Não existem saques de banda, nem escanteio / sempre põe em jogo a bola o goleiro da equipe que tenha a possessão. Os defensores podem “ conectar “ com seus companheiros que estão em quadra contrária / O goleiro tem duas opções : sacar em curto ou saque longo a quadra contrária. VARIANTES: Limitar - Em caso de conseguir gol, inicia o jogo o goleiro da equipe que o conseguiu tempo na situação da 2 x 1. VARIANTES: Limitar tempo para a finalização. Condicionar número de toques aos atacantes. Premiar Limitar toques e tempo na situação gol duplo ( nas ações de segundo pau ) do 3 x 3. -As transições ofensivas – defensivas são uma parte fundamental do trabalho tático de nosso esporte, • Nesta tarefa combinada se marcam as pautas esta tarefa está desenhada para marcar as pautas Defesa – Ataque do 3 x 2. defesa – ataque de superioridade 2 x 1, onde a velocidade de execução a nível de ataque é uma parte fundamental, ademais das ações de 2º pau Um aspecto fundamental a nível ofensivo , é a rapidez na execução da superioridade numérica, as e ler a defesa por parte dos dois atacantes. situações de 2º pau, a nível defensivo o objetivo é equilibrar a superioridade com o goleiro. • A nível defensivo, se faz especial finca-pé a ação do defensor para situar-se em “ linha de passe “, e tentar equilibrar com o goleiro. 218 219 JULHO Futsal © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Futsal JULHO
  • 3. Tarefa 4 OBJETIVO: ESTRATÉGIA ESCANTEIO - ENLACE ESPAÇO: 20 X 20 DURAÇÃO: 3 séries de 3 minutos Nº JOGADORES : 8 Jogadores + 2 Goleiros Tarefa 3 DESENVOLVIMENTO: Inicia-se a tarefa com um escanteio ( movimento para mecanizar OBJETIVO: Defesa individual com mudança em meia quadra ( Mudanças de marca, jogador lado ) e ao finalizar se realiza um 2 x 2. oposto bola , coberturas ) Defendem: O jogador que realiza o saque + o jogador que finaliza. ESPAÇO: 28 x 20 DURAÇÃO: séries de 4 minutos ( em função dos jogadores que disponhamos ) VARIANTES: Fazer competição em quanto ao número de gols entre as duas equipes. No enlace Nº JOGADORES : 6 Jogadores + 2 Goleiros realizar 3 x 1 ( Defende o jogador que finaliza ). No enlace realizar 2 x 2 + pivô detrás da trave. DESENVOLVIMENTO: Desenvolve-se uma situação de jogo de 3 x 3 + 2 goleiros ( não existem nem saques de banda, nem escanteio). Quando uma equipe recupere a bola ( se é em quadra contrária continua o jogo / se é em quadra própria se inicia o jogo com a possessão da equipe que recuperou a bola). Se há gol, a equipe segue com a possessão de bola. Se sai fora a bola , se inicia sempre com um ataque posicional VARIANTES: Limitar número de toques. Sempre que se recupere a bola que continue o jogo. 220 221 JULHO Futsal © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Futsal JULHO
  • 4. Tarefa 5 Tarefa 7 OBJETIVO: FINALIZAÇÃO – DEFESA INDIVIDUAL E ESCANTEIO ESPAÇO: 20 X 20 OBJETIVO: Como atacar uma defesa individual com mudanças DURAÇÃO: 3 séries de 3 minutos Nº JOGADORES : 8 – 10 jogadores + 2 Traves ESPAÇO: Meia quadra DESENVOLVIMENTO: Inicia-se a tarefa com dois jogadores dentro ( um defende e outro ataca ). Nas DURAÇÃO: 10 minutos ( rotar para que todos os jogadores passam por todos os postos 4 esquinas há passadores com bolas. O jogador de dentro que faz de atacante tem que fintar para Nº JOGADORES : 10 jogadores + 2 goleiros ( para mudar durante a tarefa ) receber e finalizar, podendo existir as seguinte situações: DESENVOLVIMENTO: Inicia-se a tarefa com dois defensores fixos + 2 cones ( situação defensiva). 1.- Se é gol continua atacando e o defensor se sai a uma das esquinas. Os atacantes se situam : 1 ala passador fixo + 3 grupos de jogadores que se vão rotando. A bola inicia 2.- Se não é gol, o atacante se sai a uma esquina e o defensor se converte em novo atacante. no centro e sempre com passe a banda e se move para “ frear “ entre linhas / o jogador da banda tem 3 opções jogar com pivô, jogar entrelinhas – jogar al 3º homem. Os defensores realizam 4 defesas e 3.- O passador depois de realizar o passe , mudam o rol / o passador também lhe rotamos ao mesmo tempo sempre se converte em defensor. VARIANTES: Limitar número de toques. Limitar número de passes para finalizar VARIANTES: Fazer competição em quanto ao número de gols. Fazer competição em quanto ao número de finalizações. Tarefa 6 OBJETIVO: FINALIZAÇÃO - RECUOS – JOGO RÁPIDO ESPAÇO: 15 X 20 DURAÇÃO: 8 MINUTOS Nº JOGADORES: 8 +2 Goleiros DESENVOLVIMENTO: Inicia-se uma situação de jogo real. Existem todas as situações do jogo ( Escanteio – Saque Banda – Faltas etc.,,) O objetivo é a finalização continua num espaço reduzido para que existam ações de recuos, 2º Pau Todas as ações de bola parada devemos de incidir no saque rápido. Os goleiros disporão de bolas na trave para a reposição rápida VARIANTES: Limitar o número de toques.Colocar um pivô detrás da trave. Quando se consiga um gol, se muda o sentido do ataque 222 223 JULHO Futsal © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Futsal JULHO