SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Baixar para ler offline
O líder que exercia a
                                         liderança.
                                                                    	              Como um
                                                                               treinador de
                                                                    futebol pode liderar
                                                                     (Parte 1) a sua equipe.




                                                                   A
                                                                                                   Autor: Héctor Sanz Navarro
                                                                                                   •	 Coach de Esportistas e Treinadores de Elite.
                                                                                                   •	 Experto em Coach Esportivo (Escola de
                                                                                                      Inteligência – Universidade Camilo José Cela).
                                                                                                                             Fotos: Shutterstock.com




                                                                                   té onde chega a memória da gente, até onde são
                                                                  capazes de contar-nos os livros, ao longo e largo da historia da
                                                                  humanidade, ao longo e larga deste planeta, sabemos que sempre
                                                                  existiu e sempre existirão lideres.

                                                                  São estes, os lideres, os encarregados de exercer a liderança. E é esta
                                                                  uma dessas palavras que um sabe o que quer dizer, mas não que não
                                                                  sabe muito bem como aplicá-lo.
132                                                                                                                                                  133
      ABRIL   Coaching Esportivo    © Artigo publicado em   www.futbol-tactico.com      Coaching Esportivo                                 ABRIL
A Real Academia da Língua Espanhola                                                                Veremos agora distintos aspectos e enfoques
                                                                                                   da liderança na vida e no esporte, mais
disse assim:
                                                                                                   concretamente no esporte coletivo, já que aqui
Liderança (liderado)                                                                               se fala de futebol.

                                                                                                   Corria o 2 de outubro de 1869 quando nascia
1. Condição de líder.
                                                                                                   na Índia britânica o que, posteriormente, seria
                                                                                                   um dos maiores lideres da historia. Seu nome
2. Exercício de suas atividades.
                                                                                                   era Mohandas Karamchand Gandhi, ainda que
Vejamos outra de uma fonte distinta,                                                               depois se lhe começaria a chamar de outra
                                                                                                   maneira, devido a sua forma de ser, pensar
Wikipédia:
                                                                                                   e atuar. Ao dia de hoje lhe conhecemos por
A liderança é o conjunto de                                                                        Mahatma Gandhi (o termino “mahatma” é uma
                                                                                                   palavra sânscrita que dá nome a um titulo
capacidades que uma pessoa
                                                                                                   religioso, significa “grande alma”.
tem para influir na mente das
                                                                                                   Em estes dias nos parece obvio o motivo
pessoas ou em um grupo de
                                                                                                   pelo qual sua cidade lhe outorgou o titulo de
pessoas determinada, fazendo                                                                       “Mahatma”, devido a que conseguiu mobilizar
que esta equipe trabalhe com                                                                       as massas em base a uma ideias concretas e
                                                                                                   bastantes fora do habitual. Foi aquele homem
entusiasmo, ainda que a realidade
                                                                                                   um dos mais sábios e carismáticos que pisou
seja diferente, no logro de metas                                                                  neste nosso planeta, e como disse Einstein “a
e objetivos.                                                                                       as gerações vindouras custar-lhe-á crer que
                                                                                                   um homem assim, de carne e osso caminhará
Também se entende como a                                                                           uma vez sobre a Terra”.
capacidade de tomar a iniciativa,
                                                                                                   E é que Gandhi revolucionou a gente com sua
administrar, convocar, promover,                                                                   maneira de pensar e de atuar. Sem querer
incentivar, motivar e avaliar a um                                                                 entrar nos detalhes de sua vida, aproveitarei a
grupo ou equipe.                                                                                   parte que interessa a este artigo, a liderança.
                                                                                                   Exerceu o mesmo com valentia e humildade,
                                                                                                   com uma fé (força espiritual) digna de elogios.
                                                                                                   E os teve. Claro que os teve. Soube sustentar
Na administração de empresas                                                                       ideias simples, cheias de verdade e de
o liderado é o exercício da                                                                        honestidade, a qual se atrevia a dizer. A dizer
                                                                                                   o que muitos talvez já sabiam, mas ninguém se
atividade executiva num projeto,
                                                                                                   atrevia a expressar.
de forma eficaz e eficiente,
                                                                                                   Soube fazer chegar sua ética e moral a milhões
seja este pessoal, geral ou
                                                                                                   de pessoas mediante a canal do respeito,
institucional (dentro do processo                                                                  o melhor dos canais possíveis em qualquer
administrativo da organização).                                                                    relação entre pessoas. Agora bem, não era
                                                                                                   suficiente com expressá-lo sem mais, senão

134                                                                                                                                           135
      ABRIL         Coaching Esportivo   © Artigo publicado em   www.futbol-tactico.com   Coaching Esportivo                          ABRIL
que fazia gala de algo imprescindível para converter-se em alguém que exerce a liderança, e esse algo                 Se bem é certo sempre teve 2 ou 3 bons jogadores a seu arredor (Pippen, Paxan, Horace
  era a efetividade. Cada oportunidade que Gandhi recebia para transmitir seus valores e ideias era uma                 Grant, Kerr, Rodman...) o resto de componentes da equipe eram isso, jogadores de equipe.
  ocasião única para liderar uma mudança nas consciências das pessoas que poderiam escutar ou ler-                      Seu nível era muito inferior ao do resto, sem embargo este não se palpava tanto devido a que
  lhe. E as aproveitava, as oportunidades digo.                                                                         a mera presença na pista de Michael, para que parecessem melhores.

                                                                                                                              E é que lhes passava o mesmo que me passou a mim: a paixão pelo jogo que
                                                 Sem tentar dizer nada que não se tenha                                             Jordan demonstrava lhes contagiava e lhes fazia crescer-se e crer e suas
   “Podo aceitar o                               dito já sobre esta lenda vivente, se o                                               possibilidades mais além de o que tinha feito até então.
                                                 nomearei por ser considerado ele –
   fracasso, todos                               para muitos – melhor esportista que                                                    Agora bem, não foi suficiente sua paixão para ser bom líder, e ele deu-se

   fracassam alguma                              existiu na historia, não unicamente                                                    conta disso. Desembarcou na NBA – diretamente na franquia dos Chicago
                                                 no âmbito do basket, senão                                                              Bulls – ali por a temporada 1984 – 1985, tendo um muito bom promédio
   vez, mas não                                  globalmente.                                                                             em seus números pessoais.
   posso aceitar não                             E é que Michael Jordan reúne – ao                                                        É mais, foi em sua terceira temporada quando lograria seu promédio
   tentá-lo”.                                    igual que comentava com Gandhi                                                             anotador da temporada de toda sua carreira: 37,1 pontos por jogo. Uma
                                                 – todo o que um líder pode
                                                                                                                                             autentica loucura. Sem embargo não seria até 6 temporadas depois
   Michael Jordan.                               necessitar para desenvolver
                                                 uma liderança efetiva. Michael
                                                                                                                                              quando se alcançaria com seu primeiro campeonato.

                                                 foi meu ídolo de juventude, ele                                                               Todo isto o comento para indicar que algo mudaria em sua
                                                 foi o que me inspirou para jogar                                                              percepção do jogo e em sua relação com seus companheiros,
                                                                                                                                               já que se podia palpar em seus primeiros anos um excesso de
o basket. Assim, com apenas 15 anos e uma               Essa franquia era os                                                                    protagonismo individual que (de feito chegou a referir-se a seus
bola de basket, pedia permissão cada tarde ao           Chicago Bulls, uma
                                                                                                                                                 companheiros de equipe como seu “reparto secundário”), com
zelador de meu instituto para que – enquanto            equipe medíocre que
                                                                                                                                                  o passo do tempo, foi diminuído – não assim seus números
se davam as classes do turno de “noturno” - me          – até a chegada de
                                                        Michael - nunca tinha                                                                       pessoais – para fazer algo mais protagonistas também a seus
deixasse entrar e pudera praticar na pista de
                                                        ganhado o campeonato.                                                                       companheiros.
basket que o instituto tinha no pátio.
                                                        Desde então, ganhariam 6 anéis (o
A admiração que sentia por Michael Jordan era           campeonato da NBA outorgou um                                                              Fruto disso (e de os Bad Boys de Isiah Thomas, um jogador de
tal, que era capaz de estar 4 e 5 horas cada tarde      anel ao campeão de cada ano) em                                                           nível meio baixo destacava cada vez que saltava do banquinho a
aprendendo a botar a bola, aprendendo a correr          dois périplos distintos: do “90 aos                                       quadra, desenvolvia um rol de “homem de refresco” que poucos jogadores sabiam
botando a bola, aprendendo a ignorar os risos           “93 e aos “96 ao “99.                                                     fazer tão bem jamais.
dos alunos que olhavam desde o corredor.
                                                        E não foram mais porque dos “93 aos
                                                                                                                                Para conseguir desenvolver suas habilidades de liderança, Michael Jordan contou
E é que eu não tinha nem ideia de basket, sem           “95 Michael Jordan se retirou, sobretudo
                                                                                                                           com a inestimável colaboração de seu treinador, Phil Jackson.
embargo a paixão que Jordan transmitia em cada          baixo a influência da morte de seu pai.
uma de suas jogadas transmitia-a mim como se            Senão, muito provavelmente tinha                                    Foi este ultimo o que soube mostrar a Michael que, aparte de sua capacidade para
                                                        dominado também nesses anos.
a televisão pudera transmitir esse tipo de coisas.                                                                          criar jogadas e tiros inimagináveis, podia ser capaz de criar uma equipe ganhadora se
                                                        Em qualquer caso, algo que muitos                                  conseguia inspirar aos demais companheiros e fazer-lhes sentir importantes.
Era mágico ver como aquele jovem chamado
                                                        passaram por alto e que - sem divida
Michael, se ia convertido pouco a pouco no líder                                                                           Em definitiva, Jordan teve que trabalhar seu próprio ego para poder liderar desde a
                                                        alguma – foi à chave do êxito daquela
de uma franquia que marcaria uma época.
                                                        equipe, foi à capacidade de liderança que                         humildade e o respeito. Seis títulos e elogios posteriores de todos seus companheiros de
                                                        tinha Michael.                                                    equipe dão fé de que o conseguiu.
   136                                                                                                                                                                                                              137
         ABRIL               Coaching Esportivo                                      © Artigo publicado em   www.futbol-tactico.com             Coaching Esportivo                                        ABRIL
Escreverei agora brevemente sobre outro                                                  Mudando agora de esporte uma vez mais,                que joga em sua posição, termina fazendo
  grande esportista que terminou dominando a                                               passamos ao futebol americano. Porque em estes        o que quer e quando quer, sem ajustar-se a
  arte da liderança, e é que como toda arte, se                                            últimos tempos emergiu a figura de um jogador         teorias ou manuais. Mas claro, quando saiu da
  tenham que praticar para melhorar. Refiro-me                                             também limitado tecnicamente, e que conseguiu         suplência ganhou 8 jogos consecutivos, e como
  em esta ocasião a Raúl González, o ex-                                                   liderar a sua equipe exercendo uma liderança          comentamos
  jogador do Real Madrid e agora                                                           fina. Este jogador se chama Tim Tebow, e joga         varias linhas
  militante do Schalke 04.                                                                 nos New York Jets (transpassado recentemente          antes, remontou
                                                                                           pelos Denver Broncos).                                jogos que
                                                                                                                                                 pareciam
                                                                                           Tim leva pouco mais de ano e meio na liga
                                                                                                                                                 impossíveis de
                                                                                           americana NFL, e já se ganhou o respeito de
                                                                                                                                                 remontar.
                                                                                           todos. Sua historia é o que faz que seja um jogador

  Muitos foram os logros a nível
                                                                                           peculiar, já que como dizia antes, tecnicamente é     Seu
                                                                                           bastante limitado.
  tanto individual como coletivo                                                                                                                 segredo?
  deste futebolista, remarcando                                                            De feito, sua técnica “obrigou” a modificar           Sua fé, sem
  especialmente algumas atuações                                                           a maneira de jogar da equipe, até fazer-lhe           duvida alguma.
  em Champions e Intercontinental.                                                         recuperar sistemas quase esquecidos (há quem          Quando seu
  Sem embargo falamos de um                                                                disse quase de tempos dá pós-guerra).                 companheiro
  jogador que não destaca sendo o                                                                                                                de equipe Brian
                                                                                           Mas é sua historia o que lhe faz distinto e o         Dawkins disse a seguinte sobre Tim “ele em
  melhor técnica ou fisicamente
                                                                                           que faz que possa ganhar jogos que parecem            verdade é um tipo que pratica o que disse que
  e que choca com o conceito
                                                                                           impossíveis, e é que seus pais eram missioneiros      pratica” deixou bem claro que Tim liderava
  de líder ao que solemos estar
                                                                                           e, fruto disso é a fé que ele mesmo professou em      porque gerava credibilidade.
  acostumados      no    esporte:
                                                                                           todo momento e sem esconder-se de nada.
  grandes, fortes, de grande
  técnica, etc.                                                                            Independente das crenças de cada um, o que

                                                                                                                                                 Bibliografia
                                                                                           sim é certo é que Tim ganhou a boa parte dos
  O que realmente sobressaía de Raul
                                                                                           americanos com sua maneira de atuar e pensar
  – e segue sobressaindo – é sua paixão
                                                                                           (incluso ganhou um premio importante a nível
  e entrega no jogo. Veja o jogo que veja                                                                                                             -	Diario Marca.
                                                                                           nacional votado de maneira popular).
  dele, lhe ver correndo até o final, dando-o
  tudo e lutando até o limite.                                                                                                                        -	Diario Sport.
                                                                                           E é que o das prorrogas se lhe da bem ao rapaz:
                                                                                           ganhou quatro a temporada passada, e ademais               -	Diccionario de la RAE.
  E isto gera
                                                                                           remontou partidas no ultimo quarto em seis
  algo muito                                                                                                                                          -	Wikipedia.
                                                                                           ocasiões, algo nunca visto.
  importante
  em um                                                                                                                                               -	“Las 8 claves del liderazgo del monje que
                                                                                           Chegaram incluso ao seguinte: a um tramo final
  líder, que é                                  credibilidade.                                                                                        vendió su Ferrari” Robin Sharma.
                                                                                           de jogo no que os Denver Broncos iam perdendo
                                                                                           e apenas ficava tempo no eletrônico se lhe                 -	“El líder que no tenía cargo” Robin Sharma.
  Não te                      peço que corras sem que eu
                                                                                           denominava “Tebow time’.
  corra, não               te peço que lutes sem que eu lute,                                                                                         -	 “Mi filosofía del triunfo” Michael Jordan.
  não te peço              que crês em ganhar se eu não creio                              E todo isso tendo em conta que começou a
  que possamos            lográ-lo.                                                        temporada sendo jogador suplente, e que em                 -	“Coaching” John Whitmore.
                                                                                           lugar de fazer o que se espera de um jogador               -	“Los 7 hábitos de la gente altamente efectiva”
  Estas poderiam ser suas palavras, seus pensamentos.
                                                                                                                                                      Stephen Covey.
138                                                                                                                                                                                             139
      ABRIL              Coaching Esportivo                      © Artigo publicado em   www.futbol-tactico.com                Coaching Esportivo                                         ABRIL

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Futsal plano de treino
Futsal  plano de treinoFutsal  plano de treino
Futsal plano de treino
Bé Couto
 
Futsal Sistema de jogo e noção de marcação
Futsal Sistema de jogo e noção de marcaçãoFutsal Sistema de jogo e noção de marcação
Futsal Sistema de jogo e noção de marcação
Ivo Volmir Ribas
 
Futsal teórica
Futsal   teóricaFutsal   teórica
Futsal teórica
NetKids
 
Trabalho Em Equipe
Trabalho Em EquipeTrabalho Em Equipe
Trabalho Em Equipe
aavbatista
 

Destaque (20)

SUB13 - Programação de Atividades (2012)
SUB13 - Programação de Atividades (2012)SUB13 - Programação de Atividades (2012)
SUB13 - Programação de Atividades (2012)
 
Ofensivo 4x0
Ofensivo 4x0Ofensivo 4x0
Ofensivo 4x0
 
Slides
SlidesSlides
Slides
 
Iniciação aos espaços livres no Futsal
Iniciação aos espaços livres no FutsalIniciação aos espaços livres no Futsal
Iniciação aos espaços livres no Futsal
 
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsalIniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
 
slide sociologia
slide sociologiaslide sociologia
slide sociologia
 
Grupos sociais
Grupos sociaisGrupos sociais
Grupos sociais
 
64 tarefas para o trabalho da mobilidade em futsal
64 tarefas para o trabalho da mobilidade em futsal64 tarefas para o trabalho da mobilidade em futsal
64 tarefas para o trabalho da mobilidade em futsal
 
Treinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio Pereira
Treinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio PereiraTreinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio Pereira
Treinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio Pereira
 
Treinamento lideranca jni
Treinamento lideranca jniTreinamento lideranca jni
Treinamento lideranca jni
 
Tarefas de treinamento de Futsal
Tarefas de treinamento de FutsalTarefas de treinamento de Futsal
Tarefas de treinamento de Futsal
 
Futsal plano de treino
Futsal  plano de treinoFutsal  plano de treino
Futsal plano de treino
 
Futsal Sistema de jogo e noção de marcação
Futsal Sistema de jogo e noção de marcaçãoFutsal Sistema de jogo e noção de marcação
Futsal Sistema de jogo e noção de marcação
 
Futsal jogadores e sistemas táticos
Futsal  jogadores e sistemas táticosFutsal  jogadores e sistemas táticos
Futsal jogadores e sistemas táticos
 
Treinamento - Trabalho em Equipe
Treinamento - Trabalho em EquipeTreinamento - Trabalho em Equipe
Treinamento - Trabalho em Equipe
 
Futsal exercicios treinamento
Futsal   exercicios treinamentoFutsal   exercicios treinamento
Futsal exercicios treinamento
 
Futsal teórica
Futsal   teóricaFutsal   teórica
Futsal teórica
 
Futsal
FutsalFutsal
Futsal
 
Trabalho Em Equipe
Trabalho Em EquipeTrabalho Em Equipe
Trabalho Em Equipe
 
Planejamento anual da Educação Física
Planejamento anual da Educação FísicaPlanejamento anual da Educação Física
Planejamento anual da Educação Física
 

Mais de Futbol Tactico Brasil

Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Futbol Tactico Brasil
 

Mais de Futbol Tactico Brasil (20)

Tarefa sistematica
Tarefa sistematicaTarefa sistematica
Tarefa sistematica
 
Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...
Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...
Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...
 
Tatica individual ofensiva 2
Tatica individual ofensiva 2Tatica individual ofensiva 2
Tatica individual ofensiva 2
 
Praticas de jogo para a melhora da força de luta
Praticas de jogo para a melhora da força de lutaPraticas de jogo para a melhora da força de luta
Praticas de jogo para a melhora da força de luta
 
Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parte
Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parteTarefas de treinamento_de_futsal_5_parte
Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parte
 
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
 
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsalIniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
 
Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.
Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.
Tarefas para o trabalho de finalizações sobre ataque previsto.
 
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3.
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3. Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3.
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva II. Tática defensiva grupal 3.
 
Microciclo Tático ofensivo.
Microciclo Tático ofensivo.Microciclo Tático ofensivo.
Microciclo Tático ofensivo.
 
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...
Práticas de jogo de prioridade tática defensiva III. Tática defensiva coletiv...
 
Iniciação ao pressing no futsal.
Iniciação ao pressing no futsal.Iniciação ao pressing no futsal.
Iniciação ao pressing no futsal.
 
Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)
Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)
Tarefas jogadas para a melhora da finalização e sua defesa (2ª Parte)
 
Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...
Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...
Treinamento do goleiro de futebol base: Justificação de nosso modelo de trein...
 
O sistema de jogo 1_4_2_2_2
O sistema de jogo 1_4_2_2_2O sistema de jogo 1_4_2_2_2
O sistema de jogo 1_4_2_2_2
 
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.
 
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)
 
Exercício de igualdade e superioridade em Futsal
Exercício de igualdade e superioridade em FutsalExercício de igualdade e superioridade em Futsal
Exercício de igualdade e superioridade em Futsal
 
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.
 
Corinthians e Boca Juniors
Corinthians e Boca JuniorsCorinthians e Boca Juniors
Corinthians e Boca Juniors
 

Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)

  • 1. O líder que exercia a liderança. Como um treinador de futebol pode liderar (Parte 1) a sua equipe. A Autor: Héctor Sanz Navarro • Coach de Esportistas e Treinadores de Elite. • Experto em Coach Esportivo (Escola de Inteligência – Universidade Camilo José Cela). Fotos: Shutterstock.com té onde chega a memória da gente, até onde são capazes de contar-nos os livros, ao longo e largo da historia da humanidade, ao longo e larga deste planeta, sabemos que sempre existiu e sempre existirão lideres. São estes, os lideres, os encarregados de exercer a liderança. E é esta uma dessas palavras que um sabe o que quer dizer, mas não que não sabe muito bem como aplicá-lo. 132 133 ABRIL Coaching Esportivo © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Coaching Esportivo ABRIL
  • 2. A Real Academia da Língua Espanhola Veremos agora distintos aspectos e enfoques da liderança na vida e no esporte, mais disse assim: concretamente no esporte coletivo, já que aqui Liderança (liderado) se fala de futebol. Corria o 2 de outubro de 1869 quando nascia 1. Condição de líder. na Índia britânica o que, posteriormente, seria um dos maiores lideres da historia. Seu nome 2. Exercício de suas atividades. era Mohandas Karamchand Gandhi, ainda que Vejamos outra de uma fonte distinta, depois se lhe começaria a chamar de outra maneira, devido a sua forma de ser, pensar Wikipédia: e atuar. Ao dia de hoje lhe conhecemos por A liderança é o conjunto de Mahatma Gandhi (o termino “mahatma” é uma palavra sânscrita que dá nome a um titulo capacidades que uma pessoa religioso, significa “grande alma”. tem para influir na mente das Em estes dias nos parece obvio o motivo pessoas ou em um grupo de pelo qual sua cidade lhe outorgou o titulo de pessoas determinada, fazendo “Mahatma”, devido a que conseguiu mobilizar que esta equipe trabalhe com as massas em base a uma ideias concretas e bastantes fora do habitual. Foi aquele homem entusiasmo, ainda que a realidade um dos mais sábios e carismáticos que pisou seja diferente, no logro de metas neste nosso planeta, e como disse Einstein “a e objetivos. as gerações vindouras custar-lhe-á crer que um homem assim, de carne e osso caminhará Também se entende como a uma vez sobre a Terra”. capacidade de tomar a iniciativa, E é que Gandhi revolucionou a gente com sua administrar, convocar, promover, maneira de pensar e de atuar. Sem querer incentivar, motivar e avaliar a um entrar nos detalhes de sua vida, aproveitarei a grupo ou equipe. parte que interessa a este artigo, a liderança. Exerceu o mesmo com valentia e humildade, com uma fé (força espiritual) digna de elogios. E os teve. Claro que os teve. Soube sustentar Na administração de empresas ideias simples, cheias de verdade e de o liderado é o exercício da honestidade, a qual se atrevia a dizer. A dizer o que muitos talvez já sabiam, mas ninguém se atividade executiva num projeto, atrevia a expressar. de forma eficaz e eficiente, Soube fazer chegar sua ética e moral a milhões seja este pessoal, geral ou de pessoas mediante a canal do respeito, institucional (dentro do processo o melhor dos canais possíveis em qualquer administrativo da organização). relação entre pessoas. Agora bem, não era suficiente com expressá-lo sem mais, senão 134 135 ABRIL Coaching Esportivo © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Coaching Esportivo ABRIL
  • 3. que fazia gala de algo imprescindível para converter-se em alguém que exerce a liderança, e esse algo Se bem é certo sempre teve 2 ou 3 bons jogadores a seu arredor (Pippen, Paxan, Horace era a efetividade. Cada oportunidade que Gandhi recebia para transmitir seus valores e ideias era uma Grant, Kerr, Rodman...) o resto de componentes da equipe eram isso, jogadores de equipe. ocasião única para liderar uma mudança nas consciências das pessoas que poderiam escutar ou ler- Seu nível era muito inferior ao do resto, sem embargo este não se palpava tanto devido a que lhe. E as aproveitava, as oportunidades digo. a mera presença na pista de Michael, para que parecessem melhores. E é que lhes passava o mesmo que me passou a mim: a paixão pelo jogo que Sem tentar dizer nada que não se tenha Jordan demonstrava lhes contagiava e lhes fazia crescer-se e crer e suas “Podo aceitar o dito já sobre esta lenda vivente, se o possibilidades mais além de o que tinha feito até então. nomearei por ser considerado ele – fracasso, todos para muitos – melhor esportista que Agora bem, não foi suficiente sua paixão para ser bom líder, e ele deu-se fracassam alguma existiu na historia, não unicamente conta disso. Desembarcou na NBA – diretamente na franquia dos Chicago no âmbito do basket, senão Bulls – ali por a temporada 1984 – 1985, tendo um muito bom promédio vez, mas não globalmente. em seus números pessoais. posso aceitar não E é que Michael Jordan reúne – ao É mais, foi em sua terceira temporada quando lograria seu promédio tentá-lo”. igual que comentava com Gandhi anotador da temporada de toda sua carreira: 37,1 pontos por jogo. Uma – todo o que um líder pode autentica loucura. Sem embargo não seria até 6 temporadas depois Michael Jordan. necessitar para desenvolver uma liderança efetiva. Michael quando se alcançaria com seu primeiro campeonato. foi meu ídolo de juventude, ele Todo isto o comento para indicar que algo mudaria em sua foi o que me inspirou para jogar percepção do jogo e em sua relação com seus companheiros, já que se podia palpar em seus primeiros anos um excesso de o basket. Assim, com apenas 15 anos e uma Essa franquia era os protagonismo individual que (de feito chegou a referir-se a seus bola de basket, pedia permissão cada tarde ao Chicago Bulls, uma companheiros de equipe como seu “reparto secundário”), com zelador de meu instituto para que – enquanto equipe medíocre que o passo do tempo, foi diminuído – não assim seus números se davam as classes do turno de “noturno” - me – até a chegada de Michael - nunca tinha pessoais – para fazer algo mais protagonistas também a seus deixasse entrar e pudera praticar na pista de ganhado o campeonato. companheiros. basket que o instituto tinha no pátio. Desde então, ganhariam 6 anéis (o A admiração que sentia por Michael Jordan era campeonato da NBA outorgou um Fruto disso (e de os Bad Boys de Isiah Thomas, um jogador de tal, que era capaz de estar 4 e 5 horas cada tarde anel ao campeão de cada ano) em nível meio baixo destacava cada vez que saltava do banquinho a aprendendo a botar a bola, aprendendo a correr dois périplos distintos: do “90 aos quadra, desenvolvia um rol de “homem de refresco” que poucos jogadores sabiam botando a bola, aprendendo a ignorar os risos “93 e aos “96 ao “99. fazer tão bem jamais. dos alunos que olhavam desde o corredor. E não foram mais porque dos “93 aos Para conseguir desenvolver suas habilidades de liderança, Michael Jordan contou E é que eu não tinha nem ideia de basket, sem “95 Michael Jordan se retirou, sobretudo com a inestimável colaboração de seu treinador, Phil Jackson. embargo a paixão que Jordan transmitia em cada baixo a influência da morte de seu pai. uma de suas jogadas transmitia-a mim como se Senão, muito provavelmente tinha Foi este ultimo o que soube mostrar a Michael que, aparte de sua capacidade para dominado também nesses anos. a televisão pudera transmitir esse tipo de coisas. criar jogadas e tiros inimagináveis, podia ser capaz de criar uma equipe ganhadora se Em qualquer caso, algo que muitos conseguia inspirar aos demais companheiros e fazer-lhes sentir importantes. Era mágico ver como aquele jovem chamado passaram por alto e que - sem divida Michael, se ia convertido pouco a pouco no líder Em definitiva, Jordan teve que trabalhar seu próprio ego para poder liderar desde a alguma – foi à chave do êxito daquela de uma franquia que marcaria uma época. equipe, foi à capacidade de liderança que humildade e o respeito. Seis títulos e elogios posteriores de todos seus companheiros de tinha Michael. equipe dão fé de que o conseguiu. 136 137 ABRIL Coaching Esportivo © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Coaching Esportivo ABRIL
  • 4. Escreverei agora brevemente sobre outro Mudando agora de esporte uma vez mais, que joga em sua posição, termina fazendo grande esportista que terminou dominando a passamos ao futebol americano. Porque em estes o que quer e quando quer, sem ajustar-se a arte da liderança, e é que como toda arte, se últimos tempos emergiu a figura de um jogador teorias ou manuais. Mas claro, quando saiu da tenham que praticar para melhorar. Refiro-me também limitado tecnicamente, e que conseguiu suplência ganhou 8 jogos consecutivos, e como em esta ocasião a Raúl González, o ex- liderar a sua equipe exercendo uma liderança comentamos jogador do Real Madrid e agora fina. Este jogador se chama Tim Tebow, e joga varias linhas militante do Schalke 04. nos New York Jets (transpassado recentemente antes, remontou pelos Denver Broncos). jogos que pareciam Tim leva pouco mais de ano e meio na liga impossíveis de americana NFL, e já se ganhou o respeito de remontar. todos. Sua historia é o que faz que seja um jogador Muitos foram os logros a nível peculiar, já que como dizia antes, tecnicamente é Seu bastante limitado. tanto individual como coletivo segredo? deste futebolista, remarcando De feito, sua técnica “obrigou” a modificar Sua fé, sem especialmente algumas atuações a maneira de jogar da equipe, até fazer-lhe duvida alguma. em Champions e Intercontinental. recuperar sistemas quase esquecidos (há quem Quando seu Sem embargo falamos de um disse quase de tempos dá pós-guerra). companheiro jogador que não destaca sendo o de equipe Brian Mas é sua historia o que lhe faz distinto e o Dawkins disse a seguinte sobre Tim “ele em melhor técnica ou fisicamente que faz que possa ganhar jogos que parecem verdade é um tipo que pratica o que disse que e que choca com o conceito impossíveis, e é que seus pais eram missioneiros pratica” deixou bem claro que Tim liderava de líder ao que solemos estar e, fruto disso é a fé que ele mesmo professou em porque gerava credibilidade. acostumados no esporte: todo momento e sem esconder-se de nada. grandes, fortes, de grande técnica, etc. Independente das crenças de cada um, o que Bibliografia sim é certo é que Tim ganhou a boa parte dos O que realmente sobressaía de Raul americanos com sua maneira de atuar e pensar – e segue sobressaindo – é sua paixão (incluso ganhou um premio importante a nível e entrega no jogo. Veja o jogo que veja - Diario Marca. nacional votado de maneira popular). dele, lhe ver correndo até o final, dando-o tudo e lutando até o limite. - Diario Sport. E é que o das prorrogas se lhe da bem ao rapaz: ganhou quatro a temporada passada, e ademais - Diccionario de la RAE. E isto gera remontou partidas no ultimo quarto em seis algo muito - Wikipedia. ocasiões, algo nunca visto. importante em um - “Las 8 claves del liderazgo del monje que Chegaram incluso ao seguinte: a um tramo final líder, que é credibilidade. vendió su Ferrari” Robin Sharma. de jogo no que os Denver Broncos iam perdendo e apenas ficava tempo no eletrônico se lhe - “El líder que no tenía cargo” Robin Sharma. Não te peço que corras sem que eu denominava “Tebow time’. corra, não te peço que lutes sem que eu lute, - “Mi filosofía del triunfo” Michael Jordan. não te peço que crês em ganhar se eu não creio E todo isso tendo em conta que começou a que possamos lográ-lo. temporada sendo jogador suplente, e que em - “Coaching” John Whitmore. lugar de fazer o que se espera de um jogador - “Los 7 hábitos de la gente altamente efectiva” Estas poderiam ser suas palavras, seus pensamentos. Stephen Covey. 138 139 ABRIL Coaching Esportivo © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Coaching Esportivo ABRIL