SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
Baixar para ler offline
TÁTICA INDIVIAL
                                           OFENSIVA 2
                                                                           D                            Autor: Juan Iglesias Paz



                                                                                         entro do método integrado como
                                                                           modelo para o desenho de tarefas para o
                                                                           treinamento em futsal e seguindo a Sanz, A y
                                                                           Guerrero, A (2007), consideramos adequada sua
                                                                           classificação das tarefas para desenhar uma serie
                                                                           de artigos que contem tarefas para a melhora do
                                                                           jogo no futsal.

                                                                           Esses autores agrupam as tarefas em três níveis
                                                                           de aproximação ou categorias em função do
                                                                           maior ou menor grau de aproximação a realidade
                                                                           do jogo.

                                                                           Como dizemos e seguindo a esses autores,
                                                                           podemos utilizar para desenhar nossas sessões
                                                                           um tipo de tarefas que eles dominam práticas de
                                                                           jogo, as quais são tarefas mais simples, baseadas
                                                                           nos antigos modelos mais analíticos mediantes
                                                                           as quais á partir de uma situação básica se busca
                                                                           melhorar alguma situação de jogo real.

                                                                               •	Práticas de jogo de prioridade física.
                                                                               •	Práticas de jogo de prioridade tática.
                                                                               •	Práticas de jogo de prioridade técnica.
                                                                               •	Práticas de jogo de prioridade psicológica.



206                                                                                                                        207
      NOVEMBRO   Futsal   © Artigo publicado em   www.futbol-tactico.com   Futsal                              NOVEMBRO
Anteriormente desenhamos uma serie de artigos,      vez mais especificas e por tanto mais próximas           devemos de fazê-lo de alguma forma e por isso nos parece correto fazê-lo baseando no maior ou menor
os quais poderiam englobar-se dentro de um          á seu terceiro nível de concreção e que estariam         grau de aproximação ao jogo real.
segundo nível de aproximação e que eles definem     mais próximas ao jogo real, vamos a dá um passo
                                                                                                             Baseando-nos no método global, propomos tarefas jogadas para a melhora dos princípios gerais do jogo
como tarefas jogadas.                               atrás para mostrar em uma serie de artículos que
                                                                                                             ofensivo de conservar a bola, progredir para o gol e conseguir gol assim como seu defesa.
                                                    consistem essas práticas de jogo para passar
Dentro destas podemos recordar que propomos
                                                    posteriormente ao desenho de tarefas globais             Antes de passar a desenhar em situações de jogo real, acreditamos conveniente apresentar antes
tarefas para a consecução dos seguintes objetivos
                                                    para o treinamento integrado baseadas no jogo            uma serie de tarefas denominadas e agrupadas como práticas de jogo, as quais possamos a expor os
gerais do jogo:
                                                    real.                                                    seguintes artigos.
      •	Conservar-recuperar da bola.
                                                    Resumindo podemos dizer que para o treinamento           .
      •	Progredir-evitar progredir.                 integrado no futsal e mediante a utilização de

      •	Finalizar-evitar finalizar.
                                                    tarefas globais e significativas vamos a desenhar            PRÁTICAS DE JOGO PARA A MELHORA DO
                                                    três tipos de tarefas:
                                                                                                                       TREINAMENTO EM FUTSAL
                                                                                                             São as tarefas globais mais simples dentro do treinamento integrado, consistem em encadear situações
Por ultimo e já em um nível de aproximação muito
                                                         •	Práticas de jogo.                                 básicas para acabar obtendo uma situação ou parte de uma situação de jogo real ou que se dá
mais próxima ao jogo real propõem o que eles
                                                         •	Tarefas jogadas.                                  normalmente no jogo.
dominam tarefas de jogo real e que a sua vez
subdividem em três níveis denominados:                                                                       O desenho deste tipo de tarefas deve de buscar delimitar uma situação tanto como seja necessário para
                                                         •	Tarefas de jogo real.
                                                                                                             que se manifeste o aspecto que desejamos melhorar e nos permite focalizar a atenção em aspectos
      •	Jogo real condicionado.
                                                                                                             pontuais do jogo. São tarefas nas que se dá um alto nível de concreção e se desenhar este tipo de
      •	Jogo real adaptado.                                                                                  tarefas para treinamento nos que queiramos assimilar algum aspecto do jogo que tenhamos visto que é
                                                    Práticas de jogo para a ASSIMILAÇAO E
                                                                                                             necessário melhorar em nossa equipe, já seja em nível individual, grupal ou coletivo.
      •	Jogo real modelado.                         APRENDIZAGEM de ações técnicas, táticas,
                                                    físicas e psicológicas individuais, grupais e            Em função do aspecto que queiramos melhorar estas práticas de jogo se subdividem a sua vez em
                                                    coletivas com situações simples de jogo, mas             quatro categorias, segundo seja o elemento a melhorar de caráter tático, técnico, de preparação física ou
Como disse Seiru-lo se trata de priorizar sem       sempre tentando abarcar a globalidade do jogo.           psicológica. Assim teremos práticas de jogo de prioridade tática, técnica ou psicológica.
reduzir, ainda que as tarefas se delimitem como
                                                    Tarefas jogadas para a ADAPTAÇÃO das                     Estas são tarefas por tanto que nos permitem melhorar os fundamentos técnico-táticos individuais e
próprias de uma manifestação concreta, tratam de
                                                    anteriores situações simples a situações similares       grupais e os princípios táticos, ambos tantos ofensivos como defensivos.
dá respostas as demandas do jogador de maneira
                                                    ao jogo.
global e a sua vez coerentes com o modelo de                                                                 Também a nível coletivo nos permitem melhorar os fundamentos técnico-tático coletivos e que se associem
jogo da equipe.                                     Jogo real para a APLICAÇÃO e ESTABILIZAÇÃO               ou se manifestem principalmente nas diferentes fases da ação de jogo, ataque, defesa e transições.
                                                    das ações anteriores, em situações de jogo real
Outros autores, como Arjol, as denominam                                                                     Como já mencionamos nos podem permitir ademais a melhora de aspectos da preparação física, em
                                                    condicionado, adaptando ou modelando ditas
situações simuladoras preferenciais (SSP).                                                                   concreto das distintas capacidades físicas: força, resistências, velocidade...
                                                    situações para que os jogadores ponham em
Nós pretendemos seguindo esta classificação         práticas e melhorem naquelas ações e momentos            Por ultimo nos possibilitam a melhora de algum elemento psicológico já sejam de caráter ofensivo com
que nos parece muito coerente, desenhar tarefas     de jogo que se produzem durante a competição.            a criatividade, seguridade ofensiva, autoconfiança... o defensivo como a concentração, agressividade
para a melhor do jogo, mas seguindo uma lógica                                                               defensiva, capacidade de sacrifício, seguridade defensiva...,
                                                     Todos os tipos de tarefas são aplicáveis em
e partindo de uma base teórica para o desenho
                                                    qualquer idade e equipe, pois cada uma favorece          Tudo isso aproximando-nos sempre o mais possível às situações reais do jogo nas que se manifesta data
das mesmas, por tudo isso, e ainda que a
                                                    uns objetivos concretos e até dentro da mesma            característica, pois não podemos esquecer teorizar não é mais que explicar aquilo que observarmos que
progressão na complexidade das tarefas nos
                                                    sessão podemos incluir uma prática de jogo, uma          sucede na pratica e por tanto devemos observar o jogo para saber que é o que temos que treinar para
levaria a propor tarefas para o treinamento cada
                                                    tarefa jogada e uma situação de jogo real, o que         melhorar e como fazê-lo da formar mais parecida a como sucede no jogo.
                                                    passa é que para estruturar o desenho dos artigos
208                                                                                                                                                                                                                209
       NOVEMBRO                         Futsal                                     © Artigo publicado em   www.futbol-tactico.com                           Futsal                                     NOVEMBRO
Nos seguintes artigos vamos a propor uma serie de tarefas
                                                                                                                                                    para á melhora de algum elemento táticos concreto desde
                                                                                                                                                    este tipo de tarefas denominadas práticas de jogo nas que
                                                                                                                                                    em cada tarefa um elemento tático concreto já seja individual,
                                                                                                                                                    grupal ou coletivo e ofensivo ou defensivo buscará ser
                                                                                                                                                    melhorado mediante dita tarefa, para assim cobrir a possível
                                                                                                                                                    necessidade do treinador de tentar melhorar de forma algo
                                                                                                                                                    mais distanciada esse elemento concreto que o detecto
                                                                                                                                                    que é uma carência de sua equipe, mas ao mesmo tempo
                                                                                                                                                    sem perder de vista a especificidade do jogo e distanciando
                                                                                                                                                    o menos possível da realidade do mesmo, e integrando-o
                                                                                                                                                    em situações o mais parecidas ao contexto no que se vai a
                                                                                                                                                    desenvolver durante o jogo.

                                                                                                                                                    Por tanto vamos a desenvolver em uma serie de seis
                                                                                                                                                    artigos umas práticas de jogo para a melhora dos diferentes
                                                                                                                                                    elementos táticos presente no jogo e o faremos da seguinte
                                                                                                                                                    forma:

                                                                                                                                                    Tática individual ofensiva: desmarques, apoios, vigilâncias
                                                                                                                                                    ofensivas, desdobramentos ofensivos, temporizações
                                                                                                                                                    ofensivas, criações ocupação e aproveitamento dos espaços
                                                                                                                                                    de jogo e ajudas ofensivas.

                                                                                                                                                    Tática individual defensiva: marcações, temporizações
                                                                                                                                                    defensivas, repregues, vigilâncias ofensivas, coberturas,
                                                                                                                                                    permutas defensivas.

                                                                                                                                                    Tática grupal ofensiva: paredes, progressão no jogo,
                                                                                                                                                    conservação da bola, mobilidade grupal ofensiva e mudanças
                                                                                                                                                    de orientação.

                                                                                                               Tática grupal defensiva: temporizações, repregues, vigilâncias, coberturas, permutas, profundidade
    PRÁTICAS DE JOGO DE PRIORIDADE TÁTICA                                                                      defensiva, vantagens numéricas defensivas, velocidade defensiva, pressão defensiva e equilíbrio
                                                                                                               grupal defensivo (uma linha mediante basculações ou um sector com escalonamentos).
                  TÁTICA INDIVIDUAL OFENSIVA 2                                                                 Tática coletiva ofensiva: mudanças de orientação, amplitude, profundidade e progressão ofensiva,
                                                                                                               velocidade de jogo, conservação de bola, equilíbrio ofensivo, ritmos de jogo, mobilidade ofensiva
                                                                                                               e controle do jogo ofensivo.
São tarefas por tanto que nos permitem melhorar os fundamentos táticos individuais e grupais e por tanto
os principais ofensivos como defensivos.                                                                       Tática coletiva defensiva: velocidade defensiva, pressão defensiva, equilíbrio defensivo, ritmo de
                                                                                                               jogo moderado ou baixo, alto ou intenso e mudanças de ritmo e controle do jogo defensivo.
Em nível coletivo nos permitem melhorar os fundamentos táticos coletivos e que se associam ou se
manifestam principalmente nas diferentes fases da ação de jogo, ataque, defesa e transições.                   Assim, neste segundo artigos atenderemos aos elementos componentes da tática individual
                                                                                                               ofensiva.


 210                                                                                                                                                                                                             211
       NOVEMBRO                          Futsal                                   © Artigo publicado em    www.futbol-tactico.com                          Futsal                                    NOVEMBRO
Por tanto apresentamos práticas de jogo de prioridade tática para a melhora dos diferentes das ajudas
ofensivas, da progressão, dos contra ataques, das cargas ofensivas e da velocidade ofensiva, todas elas
desde o ponto de vista da tática individual.

PRÁTICAS DE JOGO PARA A MELHORA DA TÁTICA INDIVIDUAL
OFENSIVA 2

TAREFA 9	 AJUDAS OFENSIVAS
AO POSSUIDOR DA BOLA

Tática ofensiva consistente em colaborar e cooperar com os companheiros, tanto o que tem a bola com
seus companheiros como isso com ele e os que não têm a bola entre eles. Isso conduz a que a equipe
não perca a bola enquanto trata de progredir para o gol rival e em caso de que o perca estar preparado         TAREFA 10 	 AJUDAS OFENSIVAS AOS
para a transição defensiva.                                                                                    COMPANHEIROS SEM BOLA
As ajudas ao jogador com bola tem que proporcionar-lhe diferentes opções para que este possa jogar a        Tática ofensiva consistente em colaborar e cooperar com os companheiros, tanto o que tem a bola
bola segundo lhe convenha, tanto proporcionando-lhe linhas de passe como gerando-lhe espaços para           com seus companheiros como isso com ele e os que não têm a bola entre eles. Isso conduz a que a
que progrida para a                                                                                                                                                                         equipe não perca a
trave rival.                                                                                                                                                                                bola enquanto trata
                                                                                                                                                                                            de progredir para
Neste caso
                                                                                                                                                                                            o gol e em caso de
planteamos uma
                                                                                                                                                                                            que o perca está
tarefa para aprender
                                                                                                                                                                                            preparado para a
a ajuda ao possuidor
                                                                                                                                                                                            transição defensiva.
da bola.
                                                                                                                                                                                            Os jogadores sem
Joga-se um 1x1+©
                                                                                                                                                                                            bola ajudam a seus
em um espaço
                                                                                                                                                                                            companheiros sem
determinado
                                                                                                                                                                                            bola realizando
cujas dimensões
                                                                                                                                                                                            desdobramentos
as marcará o
                                                                                                                                                                                            ofensivos,
preparador físico
                                                                                                                                                                                            vigilâncias ofensivas
e o treinador em
                                                                                                                                                                                            de rivais e espaços
função de suas
                                                                                                            e criando-lhe espaços para que os aproveite outro companheiro sem bola.
necessidades e das características e idades de seus jogadores.
                                                                                                            Nesta tarefa algum jogador sem bola tem que ajudar outro companheiro também sem bola que
Trata-se de manter a posse da bola, o trabalho especifico desta tarefa o realiza o curinga que tem que
                                                                                                            abandone sua posição ou se situa mais avançado em tarefas ofensivas.
estar atento constantemente a que jogador tem a bola e estar sempre disponível para que lhe passe a
bola, dando linhas de passe e oferecendo-se sempre como uma ajuda por si este o necessita. Se o rival       Marcam-se duas zonas contiguas e se jogam um 2x2 em casa zona, uma zona mais próxima a nossa
se faz com a bola agora ajuda ao que tem a bola.                                                            trave e a outra mais distanciada, trata-se de manter a posse da bola em todo o espaço, mas sempre
                                                                                                            tem que ter um jogador sem bola na zona mais próxima trave, assim se um companheiro situado mais
Cada certo tempo se mudam os roles e todos os jogadores passam pelo posto de curinga.
                                                                                                            atrás abandona sua zona para ajudar a manter a posse, outro companheiro sem bola tem que vir a
Variantes: joga se um 2x2+1© e agora tem que dá ajudas aos dois companheiros                                ocupar sua posição

212                                                                                                                                                                                                           213
      NOVEMBRO                          Futsal                                  © Artigo publicado em     www.futbol-tactico.com                         Futsal                                   NOVEMBRO
O jogador com bola pode tratar de progredir deforma individual e o jogador sem bola também, acudindo,
TAREFAS 11 	 AJUDAS OFENSIVAS DO                                                                            por exemplo, ao segundo pau quando a ação se desenvolver pela banda contraria.
JOGADOR COM BOLA
Tática ofensiva consiste em colaborar e cooperar com os companheiros, tanto o que tem a bola com
seus companheiros como isso com ele e os que não têm a bola entre eles. Isso conduz a que a
equipe não perca a bola enquanto trata de progredir para a trave rival e em caso de que o perca estar
preparado para a transição defensiva.



O jogador com bola realiza ajudas a seus companheiros quando lhes passa a bola se estes estão em
situação mais favorável depois de ter realizado uma ajuda e também ficando-se com a bola quando
seus companheiros não lhe dão ajudas ou bem considera que se lhe passa a bola lhe cria um problema
ao companheiro.

Joga-se um 2x2+1© em uma
zona. Os jogadores tratam
de manter a posse da bola
e se podem se ajudam do
companheiro livre, quando
não seja possível tratam de
manter eles a posse da bola.

Variantes: joga-se um 2x2+2
e a equipe que perca passam
a defender, os atacantes
                                                                                                             TAREFA 13 	 CONTRA ATAQUE
tratam de manter a posse
                                                                                                             INDIVIDUAL
da bola e concretamente
ao jogador com bola decide quando é melhor passá-lo e quando é melhor ficar-se passa seguir                O consideramos neste caso como um fundamento tático individual ofensivo, similar a uma progredir
assegurando o mantimento da bola.                                                                          individual mais que a uma fase do jogo.

                                                                                                                                                                                   Consistem em acabar a jogada
TAREFA 12 	 PROGRESSÃO                                                                                                                                                             de forma individual quando um
                                                                                                                                                                                   jogador recuperar a posse da
INDIVIDUAL
                                                                                                                                                                                   bola se supõe que em zonas
Fundamento tático ofensivo que consistem na capacidade de uma equipe de avançar ou chegar à trave                                                                                  próximas a trave rival.
rival. Trata-se de chegar com bola e jogadores suficientes a zona de finalização de os ataques, próxima
                                                                                                                                                                                   Joga-se um 2x2 em uma zona
da trave rival.
                                                                                                                                                                                   no centro do campo, a equipe
Jogam-se ondeadas de 3x2 em duas traves nas que os jogadores que iniciam defendendo depois atacam                                                                                  em posse, ainda que não seja
com outro companheiro que se lhes unem frente á dois defesas que lhes esperam em meio campo. Os                                                                                    uma ação real do jogo tem que
três atacantes têm que aproveitar a superioridade numérica e chegar sempre a zonas de finalização.                                                                                 manter a posse do mesmo
                                                                                                                                                                                   o maior tempo possível e se
                                                                                                                                                                                   anota um ponto cada cinco

214                                                                                                                                                                                                           215
      NOVEMBRO                          Futsal                                  © Artigo publicado em     www.futbol-tactico.com                          Futsal                                  NOVEMBRO
passes. Isso favoreceu o roubo por parte dos rivais, neste momento o jogador que se faz com a bola             Joga-se um 4x4 em zonas em meio campo a qual têm duas faixas anteriores de 4m. Cada uma das quais
 tem que correr para á trave rival e tentar acabar a ação em gol, é dizer um contra ataque individual. O        têm que estar sempre ocupada por algum atacante. Se um jogador se sai desta zona outro companheiro
 companheiro acode também buscando o possível recuo do goleiro e acabar a jogada. Uma vez que se                tem que ocupá-la em 2-3 segundos.
 acaba a ação entram outros jogadores e os que saíram se mudam os roles na seguinte repetição.
                                                                                                                                                                                           Variantes:    se    permite
                                                                                                                                                                                           aos atacantes finalizar em
TAREFA 14 	CARGAS                                                                                                                                                                          qualquer momento na trave
OFENSIVAS                                                                                                                                                                                  rival. Consegue-se um gol
                                                                                                                                                                                           cada vez que leva a bola a
                                                                                                                                                                                           uma das zonas exteriores e
 Ação tática individual ofensiva mediante a qual o jogar com bola trata de evitar que o rival se o arrebate
                                                                                                                                                                                           também quando se anota
 no momento que realiza uma entrada.
                                                                                                                                                                                           na trave.
 Joga-se um 2x2 no que o jogador com bola quando é acossado pelo rival protege a bola com seu corpo
                                                                                                                                                                                           Outra variante consiste em
 contra o do adversário para
                                                                                                                                                                                           permitir finalizar a ação trás
 evitar que este se o tire, pode
                                                                                                                                                                                           ter levado a bola as duas
 fazê-lo tanto para manter a
                                                                                                                                                                                           bandas.
 posse, como para realizar
 uma temporização ofensiva
 enquanto espera para poder                                                                                   TAREFA 16 	 PROFUNDIDADE
 passar-lhe ao companheiro.                                                                                   INDIVIDUAL
 Variantes: joga-se 2x2 com
 dois goleiros e se trata de                                                                                                                                                              Fundamentos          táticos
 anotar na trave rival, se sai                                                                                                                                                            ofensivos para engrandecer
 desde uma trave e se os                                                                                                                                                                  o campo em sua longitude.
 defensores roubam se lhes                                                                                                                                                                A profundidade busca o
 permitem acabar a ação.                                                                                                                                                                  aproveitamento de todo o
 Trás esta entram outros                                                                                                                                                                  comprimento do campo e
 quatro jogadores. Neste caso a carga se produz durante a progressão em condução para a trave rival                                                                                       criar espaços intermédios
 interpondo-se entre a bola e o adversário para evitar que este se faça com ele.                                                                                                          entre os defensores mais
                                                                                                                                                                                          avançados e retrasados
                                                                                                                                                                                          para poder jogar entre eles
            TAREFA 15 	 AMPLITUDE                                                                                                                                                         e que não podem defender
            INDIVIDUAL                                                                                                                                                                    muitos juntos.

                                                                                                                                                                                       Joga-se um 4x4 em uma
 Mecanismo tático ofensivo para engrandecer e alargar o campo e orientar o jogo por estas zonas para                                                                                   zona do centro do campo
 ter mais espaços por onde progredir para a trave rival. A amplitude o aproveitamento de todo o ancho do        com duas faixas de 8m. Em cada um dos fundos da zona, estas faixas têm que estar sempre ocupadas
 campo para aumentar as possibilidades de chegar à trave rival.                                                 por algum atacante. Cada equipe trata de manter a posse da bola quando o recupera atendendo esta
                                                                                                                premissa.
 Em nível individual pode conseguir amplitude ofensiva o jogador com bola deslocando-se com ele para
 uma das bandas ou deslocando-o para as bandas (amplitude de jogo) e os jogadores sem bola ocupando             Variantes: Se permite finalizar a ação em qualquer momento para que os defensores não condicionem
 as bandas (amplitude de campo).                                                                                demasiada a tarefa.Outra variante seria o permitir finalizar na trave rival trás dado vários passes sem
                                                                                                                perder a bola e mantendo durante esse tempo às faixas ocupadas.
 216                                                                                                                                                                                                                 217
       NOVEMBRO                           Futsal                                   © Artigo publicado em      www.futbol-tactico.com                          Futsal                                     NOVEMBRO
TAREFA 17 CONSERVAÇÃO
      INDIVIDUAL

Mecanismo tático ofensivo de manter a posse da bola sem perdê-lo já seja por um fim tático ou por uma
situação pontual, resultado favorável, lesão de um companheiro...

Em nível individual trata-se de conservar quando não há possibilidade de passe a um companheiro,
conduzindo, protegendo...

Joga-se um 2x2 em onde o jogador com bola terá momentos que tenha que retê-lo para manter a
conservação da bola.

Variantes: iniciar com situações de 1x1 onde cada jogador trata de manter a posse frente a um adversário
que trata de arrebatar-se-á.




218                                                                                                                                                     219
      NOVEMBRO                          Futsal                                   © Artigo publicado em     www.futbol-tactico.com   Futsal   NOVEMBRO

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Treinamento especificos para goleiros
Treinamento especificos para goleirosTreinamento especificos para goleiros
Treinamento especificos para goleiros
Wallace Trajano
 
Construindo uma forma de jogar guia de treino para iniciantes
Construindo uma forma de jogar   guia de treino para iniciantesConstruindo uma forma de jogar   guia de treino para iniciantes
Construindo uma forma de jogar guia de treino para iniciantes
Jarbas Rossatto
 
“A congruência entre a filosofia, o treino e a realidade no Jogo de Futebol” ...
“A congruência entre a filosofia, o treino e a realidade no Jogo de Futebol” ...“A congruência entre a filosofia, o treino e a realidade no Jogo de Futebol” ...
“A congruência entre a filosofia, o treino e a realidade no Jogo de Futebol” ...
António Martins Silva
 

Mais procurados (20)

Planificacao tática da pre temporada em equipes profissionais
Planificacao tática da pre temporada em equipes profissionaisPlanificacao tática da pre temporada em equipes profissionais
Planificacao tática da pre temporada em equipes profissionais
 
Princípios Operacionais de Transição
Princípios Operacionais de TransiçãoPrincípios Operacionais de Transição
Princípios Operacionais de Transição
 
Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.
Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.
Gestão e organização do Treinamento do Goleiro.
 
Modelo de Jogo
Modelo de JogoModelo de Jogo
Modelo de Jogo
 
Pedro Ferrer - Metodologia para o treino de guarda-redes.
Pedro Ferrer - Metodologia para o treino de guarda-redes.Pedro Ferrer - Metodologia para o treino de guarda-redes.
Pedro Ferrer - Metodologia para o treino de guarda-redes.
 
Metodologia de Trabalho - José Mourinho
Metodologia de Trabalho - José MourinhoMetodologia de Trabalho - José Mourinho
Metodologia de Trabalho - José Mourinho
 
Microciclo Tático ofensivo.
Microciclo Tático ofensivo.Microciclo Tático ofensivo.
Microciclo Tático ofensivo.
 
Treinamento especificos para goleiros
Treinamento especificos para goleirosTreinamento especificos para goleiros
Treinamento especificos para goleiros
 
Planejamento mec
Planejamento mecPlanejamento mec
Planejamento mec
 
Métodos pedagógicosmec
Métodos pedagógicosmecMétodos pedagógicosmec
Métodos pedagógicosmec
 
Periodização tactica
Periodização tacticaPeriodização tactica
Periodização tactica
 
Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...
Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...
Tarefas tecnico taticas para o desenvolvimento da velocidade atraves de situa...
 
Alfabetização Tática do jovem futebolista
Alfabetização Tática do jovem futebolistaAlfabetização Tática do jovem futebolista
Alfabetização Tática do jovem futebolista
 
Construindo uma forma de jogar guia de treino para iniciantes
Construindo uma forma de jogar   guia de treino para iniciantesConstruindo uma forma de jogar   guia de treino para iniciantes
Construindo uma forma de jogar guia de treino para iniciantes
 
Periodização Tática - José Guilherme Oliveira - CBF
Periodização Tática - José Guilherme Oliveira - CBFPeriodização Tática - José Guilherme Oliveira - CBF
Periodização Tática - José Guilherme Oliveira - CBF
 
Concepção e Prática de Exercícios Específicos de Treino
Concepção e Prática de Exercícios Específicos de TreinoConcepção e Prática de Exercícios Específicos de Treino
Concepção e Prática de Exercícios Específicos de Treino
 
Modelo de Jogo
Modelo de Jogo  Modelo de Jogo
Modelo de Jogo
 
“A congruência entre a filosofia, o treino e a realidade no Jogo de Futebol” ...
“A congruência entre a filosofia, o treino e a realidade no Jogo de Futebol” ...“A congruência entre a filosofia, o treino e a realidade no Jogo de Futebol” ...
“A congruência entre a filosofia, o treino e a realidade no Jogo de Futebol” ...
 
Pressão e Pressing
Pressão e PressingPressão e Pressing
Pressão e Pressing
 
João Aroso - Periodização do Treino no Futebol
João Aroso - Periodização do Treino no FutebolJoão Aroso - Periodização do Treino no Futebol
João Aroso - Periodização do Treino no Futebol
 

Destaque

Abordagem policial avaliacao do desempenho operacional frente a nova dinami...
Abordagem policial   avaliacao do desempenho operacional frente a nova dinami...Abordagem policial   avaliacao do desempenho operacional frente a nova dinami...
Abordagem policial avaliacao do desempenho operacional frente a nova dinami...
Paulo Mello
 
E C Pulo do Gato - Futsal no Pulo do Gato - 2012
E C Pulo do Gato - Futsal no Pulo do Gato - 2012E C Pulo do Gato - Futsal no Pulo do Gato - 2012
E C Pulo do Gato - Futsal no Pulo do Gato - 2012
DFSGolBusiness
 
Manual completo PARA PREVENIR LESIONES DE FUTBOL
Manual completo PARA PREVENIR LESIONES DE FUTBOLManual completo PARA PREVENIR LESIONES DE FUTBOL
Manual completo PARA PREVENIR LESIONES DE FUTBOL
Chico Cabrera Cortes
 

Destaque (20)

SUB13 - Programação de Atividades (2012)
SUB13 - Programação de Atividades (2012)SUB13 - Programação de Atividades (2012)
SUB13 - Programação de Atividades (2012)
 
Tarefas de treinamento de Futsal
Tarefas de treinamento de FutsalTarefas de treinamento de Futsal
Tarefas de treinamento de Futsal
 
Treinos em construção
Treinos em construçãoTreinos em construção
Treinos em construção
 
Abordagem policial avaliacao do desempenho operacional frente a nova dinami...
Abordagem policial   avaliacao do desempenho operacional frente a nova dinami...Abordagem policial   avaliacao do desempenho operacional frente a nova dinami...
Abordagem policial avaliacao do desempenho operacional frente a nova dinami...
 
Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parte
Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parteTarefas de treinamento_de_futsal_5_parte
Tarefas de treinamento_de_futsal_5_parte
 
Iniciação ao pressing no futsal.
Iniciação ao pressing no futsal.Iniciação ao pressing no futsal.
Iniciação ao pressing no futsal.
 
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)
Como ganhar e conseguir o que te propões (2ª parte)
 
Futsal infantil ensa
Futsal infantil   ensaFutsal infantil   ensa
Futsal infantil ensa
 
E C Pulo do Gato - Futsal no Pulo do Gato - 2012
E C Pulo do Gato - Futsal no Pulo do Gato - 2012E C Pulo do Gato - Futsal no Pulo do Gato - 2012
E C Pulo do Gato - Futsal no Pulo do Gato - 2012
 
Futsal trabalho
Futsal trabalhoFutsal trabalho
Futsal trabalho
 
Exercício de igualdade e superioridade em Futsal
Exercício de igualdade e superioridade em FutsalExercício de igualdade e superioridade em Futsal
Exercício de igualdade e superioridade em Futsal
 
11+ work book fifa
11+ work book fifa11+ work book fifa
11+ work book fifa
 
Manual completo PARA PREVENIR LESIONES DE FUTBOL
Manual completo PARA PREVENIR LESIONES DE FUTBOLManual completo PARA PREVENIR LESIONES DE FUTBOL
Manual completo PARA PREVENIR LESIONES DE FUTBOL
 
64 tarefas para o trabalho da mobilidade em futsal
64 tarefas para o trabalho da mobilidade em futsal64 tarefas para o trabalho da mobilidade em futsal
64 tarefas para o trabalho da mobilidade em futsal
 
Marketing Esportivo Proposta de Patrocínio Fabinho atacante F7
Marketing Esportivo Proposta de Patrocínio Fabinho atacante F7Marketing Esportivo Proposta de Patrocínio Fabinho atacante F7
Marketing Esportivo Proposta de Patrocínio Fabinho atacante F7
 
Ofensivo 4x0
Ofensivo 4x0Ofensivo 4x0
Ofensivo 4x0
 
Princípios Estruturais e Operacionais de Ataque, Defesa e Transição
Princípios Estruturais e Operacionais de Ataque, Defesa e TransiçãoPrincípios Estruturais e Operacionais de Ataque, Defesa e Transição
Princípios Estruturais e Operacionais de Ataque, Defesa e Transição
 
Iniciação aos espaços livres no Futsal
Iniciação aos espaços livres no FutsalIniciação aos espaços livres no Futsal
Iniciação aos espaços livres no Futsal
 
Exercícios - Conteúdos Táticos
Exercícios - Conteúdos TáticosExercícios - Conteúdos Táticos
Exercícios - Conteúdos Táticos
 
Andebol - Nível Elementar
Andebol  - Nível ElementarAndebol  - Nível Elementar
Andebol - Nível Elementar
 

Mais de Futbol Tactico Brasil

Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Futbol Tactico Brasil
 

Mais de Futbol Tactico Brasil (10)

Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
Treinamento da força explosiva e lateralidade do goleiro.
 
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsalIniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
Iniciação ao sistema de jogo 2-2 no futsal
 
O sistema de jogo 1_4_2_2_2
O sistema de jogo 1_4_2_2_2O sistema de jogo 1_4_2_2_2
O sistema de jogo 1_4_2_2_2
 
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.
Reportagem: Copa Libertadores 2012: Corinthians, um campeão imbatível.
 
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.
Protocolo de recuperação da osteopatia dinâmica do púbis.
 
Corinthians e Boca Juniors
Corinthians e Boca JuniorsCorinthians e Boca Juniors
Corinthians e Boca Juniors
 
Treinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsal
Treinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsalTreinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsal
Treinamento da agilidade com os pés dogoleiro de futsal
 
Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)
Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)
Como um treinador de futebol pode liderar a sua equipe (Parte 1)
 
O ataque direto como modelo de jogo
O ataque direto como modelo de jogoO ataque direto como modelo de jogo
O ataque direto como modelo de jogo
 
Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.
Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.
Éxito ou Fracaso, 5 inimigos da mente de um Jogador de Futebol profissional.
 

Tatica individual ofensiva 2

  • 1. TÁTICA INDIVIAL OFENSIVA 2 D Autor: Juan Iglesias Paz entro do método integrado como modelo para o desenho de tarefas para o treinamento em futsal e seguindo a Sanz, A y Guerrero, A (2007), consideramos adequada sua classificação das tarefas para desenhar uma serie de artigos que contem tarefas para a melhora do jogo no futsal. Esses autores agrupam as tarefas em três níveis de aproximação ou categorias em função do maior ou menor grau de aproximação a realidade do jogo. Como dizemos e seguindo a esses autores, podemos utilizar para desenhar nossas sessões um tipo de tarefas que eles dominam práticas de jogo, as quais são tarefas mais simples, baseadas nos antigos modelos mais analíticos mediantes as quais á partir de uma situação básica se busca melhorar alguma situação de jogo real. • Práticas de jogo de prioridade física. • Práticas de jogo de prioridade tática. • Práticas de jogo de prioridade técnica. • Práticas de jogo de prioridade psicológica. 206 207 NOVEMBRO Futsal © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Futsal NOVEMBRO
  • 2. Anteriormente desenhamos uma serie de artigos, vez mais especificas e por tanto mais próximas devemos de fazê-lo de alguma forma e por isso nos parece correto fazê-lo baseando no maior ou menor os quais poderiam englobar-se dentro de um á seu terceiro nível de concreção e que estariam grau de aproximação ao jogo real. segundo nível de aproximação e que eles definem mais próximas ao jogo real, vamos a dá um passo Baseando-nos no método global, propomos tarefas jogadas para a melhora dos princípios gerais do jogo como tarefas jogadas. atrás para mostrar em uma serie de artículos que ofensivo de conservar a bola, progredir para o gol e conseguir gol assim como seu defesa. consistem essas práticas de jogo para passar Dentro destas podemos recordar que propomos posteriormente ao desenho de tarefas globais Antes de passar a desenhar em situações de jogo real, acreditamos conveniente apresentar antes tarefas para a consecução dos seguintes objetivos para o treinamento integrado baseadas no jogo uma serie de tarefas denominadas e agrupadas como práticas de jogo, as quais possamos a expor os gerais do jogo: real. seguintes artigos. • Conservar-recuperar da bola. Resumindo podemos dizer que para o treinamento . • Progredir-evitar progredir. integrado no futsal e mediante a utilização de • Finalizar-evitar finalizar. tarefas globais e significativas vamos a desenhar PRÁTICAS DE JOGO PARA A MELHORA DO três tipos de tarefas: TREINAMENTO EM FUTSAL São as tarefas globais mais simples dentro do treinamento integrado, consistem em encadear situações Por ultimo e já em um nível de aproximação muito • Práticas de jogo. básicas para acabar obtendo uma situação ou parte de uma situação de jogo real ou que se dá mais próxima ao jogo real propõem o que eles • Tarefas jogadas. normalmente no jogo. dominam tarefas de jogo real e que a sua vez subdividem em três níveis denominados: O desenho deste tipo de tarefas deve de buscar delimitar uma situação tanto como seja necessário para • Tarefas de jogo real. que se manifeste o aspecto que desejamos melhorar e nos permite focalizar a atenção em aspectos • Jogo real condicionado. pontuais do jogo. São tarefas nas que se dá um alto nível de concreção e se desenhar este tipo de • Jogo real adaptado. tarefas para treinamento nos que queiramos assimilar algum aspecto do jogo que tenhamos visto que é Práticas de jogo para a ASSIMILAÇAO E necessário melhorar em nossa equipe, já seja em nível individual, grupal ou coletivo. • Jogo real modelado. APRENDIZAGEM de ações técnicas, táticas, físicas e psicológicas individuais, grupais e Em função do aspecto que queiramos melhorar estas práticas de jogo se subdividem a sua vez em coletivas com situações simples de jogo, mas quatro categorias, segundo seja o elemento a melhorar de caráter tático, técnico, de preparação física ou Como disse Seiru-lo se trata de priorizar sem sempre tentando abarcar a globalidade do jogo. psicológica. Assim teremos práticas de jogo de prioridade tática, técnica ou psicológica. reduzir, ainda que as tarefas se delimitem como Tarefas jogadas para a ADAPTAÇÃO das Estas são tarefas por tanto que nos permitem melhorar os fundamentos técnico-táticos individuais e próprias de uma manifestação concreta, tratam de anteriores situações simples a situações similares grupais e os princípios táticos, ambos tantos ofensivos como defensivos. dá respostas as demandas do jogador de maneira ao jogo. global e a sua vez coerentes com o modelo de Também a nível coletivo nos permitem melhorar os fundamentos técnico-tático coletivos e que se associem jogo da equipe. Jogo real para a APLICAÇÃO e ESTABILIZAÇÃO ou se manifestem principalmente nas diferentes fases da ação de jogo, ataque, defesa e transições. das ações anteriores, em situações de jogo real Outros autores, como Arjol, as denominam Como já mencionamos nos podem permitir ademais a melhora de aspectos da preparação física, em condicionado, adaptando ou modelando ditas situações simuladoras preferenciais (SSP). concreto das distintas capacidades físicas: força, resistências, velocidade... situações para que os jogadores ponham em Nós pretendemos seguindo esta classificação práticas e melhorem naquelas ações e momentos Por ultimo nos possibilitam a melhora de algum elemento psicológico já sejam de caráter ofensivo com que nos parece muito coerente, desenhar tarefas de jogo que se produzem durante a competição. a criatividade, seguridade ofensiva, autoconfiança... o defensivo como a concentração, agressividade para a melhor do jogo, mas seguindo uma lógica defensiva, capacidade de sacrifício, seguridade defensiva..., Todos os tipos de tarefas são aplicáveis em e partindo de uma base teórica para o desenho qualquer idade e equipe, pois cada uma favorece Tudo isso aproximando-nos sempre o mais possível às situações reais do jogo nas que se manifesta data das mesmas, por tudo isso, e ainda que a uns objetivos concretos e até dentro da mesma característica, pois não podemos esquecer teorizar não é mais que explicar aquilo que observarmos que progressão na complexidade das tarefas nos sessão podemos incluir uma prática de jogo, uma sucede na pratica e por tanto devemos observar o jogo para saber que é o que temos que treinar para levaria a propor tarefas para o treinamento cada tarefa jogada e uma situação de jogo real, o que melhorar e como fazê-lo da formar mais parecida a como sucede no jogo. passa é que para estruturar o desenho dos artigos 208 209 NOVEMBRO Futsal © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Futsal NOVEMBRO
  • 3. Nos seguintes artigos vamos a propor uma serie de tarefas para á melhora de algum elemento táticos concreto desde este tipo de tarefas denominadas práticas de jogo nas que em cada tarefa um elemento tático concreto já seja individual, grupal ou coletivo e ofensivo ou defensivo buscará ser melhorado mediante dita tarefa, para assim cobrir a possível necessidade do treinador de tentar melhorar de forma algo mais distanciada esse elemento concreto que o detecto que é uma carência de sua equipe, mas ao mesmo tempo sem perder de vista a especificidade do jogo e distanciando o menos possível da realidade do mesmo, e integrando-o em situações o mais parecidas ao contexto no que se vai a desenvolver durante o jogo. Por tanto vamos a desenvolver em uma serie de seis artigos umas práticas de jogo para a melhora dos diferentes elementos táticos presente no jogo e o faremos da seguinte forma: Tática individual ofensiva: desmarques, apoios, vigilâncias ofensivas, desdobramentos ofensivos, temporizações ofensivas, criações ocupação e aproveitamento dos espaços de jogo e ajudas ofensivas. Tática individual defensiva: marcações, temporizações defensivas, repregues, vigilâncias ofensivas, coberturas, permutas defensivas. Tática grupal ofensiva: paredes, progressão no jogo, conservação da bola, mobilidade grupal ofensiva e mudanças de orientação. Tática grupal defensiva: temporizações, repregues, vigilâncias, coberturas, permutas, profundidade PRÁTICAS DE JOGO DE PRIORIDADE TÁTICA defensiva, vantagens numéricas defensivas, velocidade defensiva, pressão defensiva e equilíbrio grupal defensivo (uma linha mediante basculações ou um sector com escalonamentos). TÁTICA INDIVIDUAL OFENSIVA 2 Tática coletiva ofensiva: mudanças de orientação, amplitude, profundidade e progressão ofensiva, velocidade de jogo, conservação de bola, equilíbrio ofensivo, ritmos de jogo, mobilidade ofensiva e controle do jogo ofensivo. São tarefas por tanto que nos permitem melhorar os fundamentos táticos individuais e grupais e por tanto os principais ofensivos como defensivos. Tática coletiva defensiva: velocidade defensiva, pressão defensiva, equilíbrio defensivo, ritmo de jogo moderado ou baixo, alto ou intenso e mudanças de ritmo e controle do jogo defensivo. Em nível coletivo nos permitem melhorar os fundamentos táticos coletivos e que se associam ou se manifestam principalmente nas diferentes fases da ação de jogo, ataque, defesa e transições. Assim, neste segundo artigos atenderemos aos elementos componentes da tática individual ofensiva. 210 211 NOVEMBRO Futsal © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Futsal NOVEMBRO
  • 4. Por tanto apresentamos práticas de jogo de prioridade tática para a melhora dos diferentes das ajudas ofensivas, da progressão, dos contra ataques, das cargas ofensivas e da velocidade ofensiva, todas elas desde o ponto de vista da tática individual. PRÁTICAS DE JOGO PARA A MELHORA DA TÁTICA INDIVIDUAL OFENSIVA 2 TAREFA 9 AJUDAS OFENSIVAS AO POSSUIDOR DA BOLA Tática ofensiva consistente em colaborar e cooperar com os companheiros, tanto o que tem a bola com seus companheiros como isso com ele e os que não têm a bola entre eles. Isso conduz a que a equipe não perca a bola enquanto trata de progredir para o gol rival e em caso de que o perca estar preparado TAREFA 10 AJUDAS OFENSIVAS AOS para a transição defensiva. COMPANHEIROS SEM BOLA As ajudas ao jogador com bola tem que proporcionar-lhe diferentes opções para que este possa jogar a Tática ofensiva consistente em colaborar e cooperar com os companheiros, tanto o que tem a bola bola segundo lhe convenha, tanto proporcionando-lhe linhas de passe como gerando-lhe espaços para com seus companheiros como isso com ele e os que não têm a bola entre eles. Isso conduz a que a que progrida para a equipe não perca a trave rival. bola enquanto trata de progredir para Neste caso o gol e em caso de planteamos uma que o perca está tarefa para aprender preparado para a a ajuda ao possuidor transição defensiva. da bola. Os jogadores sem Joga-se um 1x1+© bola ajudam a seus em um espaço companheiros sem determinado bola realizando cujas dimensões desdobramentos as marcará o ofensivos, preparador físico vigilâncias ofensivas e o treinador em de rivais e espaços função de suas e criando-lhe espaços para que os aproveite outro companheiro sem bola. necessidades e das características e idades de seus jogadores. Nesta tarefa algum jogador sem bola tem que ajudar outro companheiro também sem bola que Trata-se de manter a posse da bola, o trabalho especifico desta tarefa o realiza o curinga que tem que abandone sua posição ou se situa mais avançado em tarefas ofensivas. estar atento constantemente a que jogador tem a bola e estar sempre disponível para que lhe passe a bola, dando linhas de passe e oferecendo-se sempre como uma ajuda por si este o necessita. Se o rival Marcam-se duas zonas contiguas e se jogam um 2x2 em casa zona, uma zona mais próxima a nossa se faz com a bola agora ajuda ao que tem a bola. trave e a outra mais distanciada, trata-se de manter a posse da bola em todo o espaço, mas sempre tem que ter um jogador sem bola na zona mais próxima trave, assim se um companheiro situado mais Cada certo tempo se mudam os roles e todos os jogadores passam pelo posto de curinga. atrás abandona sua zona para ajudar a manter a posse, outro companheiro sem bola tem que vir a Variantes: joga se um 2x2+1© e agora tem que dá ajudas aos dois companheiros ocupar sua posição 212 213 NOVEMBRO Futsal © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Futsal NOVEMBRO
  • 5. O jogador com bola pode tratar de progredir deforma individual e o jogador sem bola também, acudindo, TAREFAS 11 AJUDAS OFENSIVAS DO por exemplo, ao segundo pau quando a ação se desenvolver pela banda contraria. JOGADOR COM BOLA Tática ofensiva consiste em colaborar e cooperar com os companheiros, tanto o que tem a bola com seus companheiros como isso com ele e os que não têm a bola entre eles. Isso conduz a que a equipe não perca a bola enquanto trata de progredir para a trave rival e em caso de que o perca estar preparado para a transição defensiva. O jogador com bola realiza ajudas a seus companheiros quando lhes passa a bola se estes estão em situação mais favorável depois de ter realizado uma ajuda e também ficando-se com a bola quando seus companheiros não lhe dão ajudas ou bem considera que se lhe passa a bola lhe cria um problema ao companheiro. Joga-se um 2x2+1© em uma zona. Os jogadores tratam de manter a posse da bola e se podem se ajudam do companheiro livre, quando não seja possível tratam de manter eles a posse da bola. Variantes: joga-se um 2x2+2 e a equipe que perca passam a defender, os atacantes TAREFA 13 CONTRA ATAQUE tratam de manter a posse INDIVIDUAL da bola e concretamente ao jogador com bola decide quando é melhor passá-lo e quando é melhor ficar-se passa seguir O consideramos neste caso como um fundamento tático individual ofensivo, similar a uma progredir assegurando o mantimento da bola. individual mais que a uma fase do jogo. Consistem em acabar a jogada TAREFA 12 PROGRESSÃO de forma individual quando um jogador recuperar a posse da INDIVIDUAL bola se supõe que em zonas Fundamento tático ofensivo que consistem na capacidade de uma equipe de avançar ou chegar à trave próximas a trave rival. rival. Trata-se de chegar com bola e jogadores suficientes a zona de finalização de os ataques, próxima Joga-se um 2x2 em uma zona da trave rival. no centro do campo, a equipe Jogam-se ondeadas de 3x2 em duas traves nas que os jogadores que iniciam defendendo depois atacam em posse, ainda que não seja com outro companheiro que se lhes unem frente á dois defesas que lhes esperam em meio campo. Os uma ação real do jogo tem que três atacantes têm que aproveitar a superioridade numérica e chegar sempre a zonas de finalização. manter a posse do mesmo o maior tempo possível e se anota um ponto cada cinco 214 215 NOVEMBRO Futsal © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Futsal NOVEMBRO
  • 6. passes. Isso favoreceu o roubo por parte dos rivais, neste momento o jogador que se faz com a bola Joga-se um 4x4 em zonas em meio campo a qual têm duas faixas anteriores de 4m. Cada uma das quais tem que correr para á trave rival e tentar acabar a ação em gol, é dizer um contra ataque individual. O têm que estar sempre ocupada por algum atacante. Se um jogador se sai desta zona outro companheiro companheiro acode também buscando o possível recuo do goleiro e acabar a jogada. Uma vez que se tem que ocupá-la em 2-3 segundos. acaba a ação entram outros jogadores e os que saíram se mudam os roles na seguinte repetição. Variantes: se permite aos atacantes finalizar em TAREFA 14 CARGAS qualquer momento na trave OFENSIVAS rival. Consegue-se um gol cada vez que leva a bola a uma das zonas exteriores e Ação tática individual ofensiva mediante a qual o jogar com bola trata de evitar que o rival se o arrebate também quando se anota no momento que realiza uma entrada. na trave. Joga-se um 2x2 no que o jogador com bola quando é acossado pelo rival protege a bola com seu corpo Outra variante consiste em contra o do adversário para permitir finalizar a ação trás evitar que este se o tire, pode ter levado a bola as duas fazê-lo tanto para manter a bandas. posse, como para realizar uma temporização ofensiva enquanto espera para poder TAREFA 16 PROFUNDIDADE passar-lhe ao companheiro. INDIVIDUAL Variantes: joga-se 2x2 com dois goleiros e se trata de Fundamentos táticos anotar na trave rival, se sai ofensivos para engrandecer desde uma trave e se os o campo em sua longitude. defensores roubam se lhes A profundidade busca o permitem acabar a ação. aproveitamento de todo o Trás esta entram outros comprimento do campo e quatro jogadores. Neste caso a carga se produz durante a progressão em condução para a trave rival criar espaços intermédios interpondo-se entre a bola e o adversário para evitar que este se faça com ele. entre os defensores mais avançados e retrasados para poder jogar entre eles TAREFA 15 AMPLITUDE e que não podem defender INDIVIDUAL muitos juntos. Joga-se um 4x4 em uma Mecanismo tático ofensivo para engrandecer e alargar o campo e orientar o jogo por estas zonas para zona do centro do campo ter mais espaços por onde progredir para a trave rival. A amplitude o aproveitamento de todo o ancho do com duas faixas de 8m. Em cada um dos fundos da zona, estas faixas têm que estar sempre ocupadas campo para aumentar as possibilidades de chegar à trave rival. por algum atacante. Cada equipe trata de manter a posse da bola quando o recupera atendendo esta premissa. Em nível individual pode conseguir amplitude ofensiva o jogador com bola deslocando-se com ele para uma das bandas ou deslocando-o para as bandas (amplitude de jogo) e os jogadores sem bola ocupando Variantes: Se permite finalizar a ação em qualquer momento para que os defensores não condicionem as bandas (amplitude de campo). demasiada a tarefa.Outra variante seria o permitir finalizar na trave rival trás dado vários passes sem perder a bola e mantendo durante esse tempo às faixas ocupadas. 216 217 NOVEMBRO Futsal © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Futsal NOVEMBRO
  • 7. TAREFA 17 CONSERVAÇÃO INDIVIDUAL Mecanismo tático ofensivo de manter a posse da bola sem perdê-lo já seja por um fim tático ou por uma situação pontual, resultado favorável, lesão de um companheiro... Em nível individual trata-se de conservar quando não há possibilidade de passe a um companheiro, conduzindo, protegendo... Joga-se um 2x2 em onde o jogador com bola terá momentos que tenha que retê-lo para manter a conservação da bola. Variantes: iniciar com situações de 1x1 onde cada jogador trata de manter a posse frente a um adversário que trata de arrebatar-se-á. 218 219 NOVEMBRO Futsal © Artigo publicado em www.futbol-tactico.com Futsal NOVEMBRO