Guerra de Canudos em Cordel
Professor Rodolfo Alves Pereira
Especialista em Educação Maria de Lourdes Ribeiro Zangirolami
...
Nossa Escola
•A Escola Estadual Luiz Salgado
Lima foi criada pelo decreto 5873 de
30 de agosto de 1960.
• Situa-se no bair...
Nosso projeto
3
 A ideia de produzir um cordel com os alunos foi
desenvolvida pelos professores de História e de
Língua P...
Ações
4
 Planejamento interdisciplinar entre Língua
Portuguesa e História; (duração: 2 semanas.
Público-alvo: 80 alunos)....
Resultados
5
Ao longo do trabalho, percebemos que:
 os alunos demonstraram domínio do conteúdo
histórico em estudo;
 apr...
Avaliação
6
O trabalho com o Cordel foi significativo, despertando
a atenção da comunidade escolar, que parava para
ver os...
Depoimentos
7
Depoimentos da Professora de Língua Portuguesa Cristiane
Gonçalves Tôso Pereira, e dos alunos do 9º ano, Fel...
Muito obrigado!
8
Referências Bibliográficas
9
 ALVES, R. M. Literatura de cordel: por que e para
que trabalhar em sala de aula. Revista Fó...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Guerra de canudos em cordel

3.759 visualizações

Publicada em

Projeto apresentando no Encontro de Especialistas: Compartilhando Experiências II, no dia 21 de maio de 2014, em Belo Horizonte (MG).

Publicada em: Educação
2 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Júlia!!

    Obrigado pela força, pode ter certeza que me dedicarei ao máximo buscando fazer o melhor que eu puder.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Parabéns Rodolfo! Continue com seus projetos por bem da educação. Devemos fazer a nossa parte se outros não fazem é problemas deles. Devemos fazer do limão uma limonada.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.759
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
743
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
2
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Guerra de canudos em cordel

  1. 1. Guerra de Canudos em Cordel Professor Rodolfo Alves Pereira Especialista em Educação Maria de Lourdes Ribeiro Zangirolami E. E. Luiz Salgado Lima Leopoldina (MG), maio de 2014.
  2. 2. Nossa Escola •A Escola Estadual Luiz Salgado Lima foi criada pelo decreto 5873 de 30 de agosto de 1960. • Situa-se no bairro Maria Guimarães França, em Leopoldina – MG. •Atualmente, ela atende cerca de 725 alunos. •Possui 86 profissionais trabalhando em prol de uma Educação comprometida com a Qualidade. •A Escola funciona nos três turnos, com Ensino Fundamental, Médio, PROETI, Curso Normal em nível médio e EJA-Recomeço em seu segundo endereço. 2
  3. 3. Nosso projeto 3  A ideia de produzir um cordel com os alunos foi desenvolvida pelos professores de História e de Língua Portuguesa do 9º ano.  Pretendíamos estimular os alunos a refletir sobre o conteúdo Histórico – Guerra de Canudos, conhecer um novo gênero literário e exercitar a criatividade com a produção de texto.  O Cordel foi escolhido por se tratar de um gênero impresso, muito influenciado pela oralidade e fruto da cultura popular, a qual, por vezes, está ausente dos livros didáticos. (SILVA. p. 26).
  4. 4. Ações 4  Planejamento interdisciplinar entre Língua Portuguesa e História; (duração: 2 semanas. Público-alvo: 80 alunos).  Estudo da Guerra de Canudos, por meio de textos e atividades do livro didático de História, além de um vídeo com reportagem tratando sobre o assunto;  Apresentação aos alunos do histórico do Cordel, sua origem e suas principais características;  Realização de oficinas com os alunos, na qual cada um elaborou o seu cordel – com versos e ilustrações – sobre a Guerra de Canudos;  Exposição dos cordéis nos corredores da escola.
  5. 5. Resultados 5 Ao longo do trabalho, percebemos que:  os alunos demonstraram domínio do conteúdo histórico em estudo;  aprenderam que o conhecimento histórico não se restringe apenas aos registros dos livros didáticos e que a História pode ser contada por vários agentes sociais, através de diversos portadores de texto;  conheceram as especificidades da literatura de cordel;  exercitaram a expressão escrita e a criatividade.
  6. 6. Avaliação 6 O trabalho com o Cordel foi significativo, despertando a atenção da comunidade escolar, que parava para ver os varais com os livretos produzidos pelos alunos. Os estudantes obtiveram êxito na prática proposta e se sentiram satisfeitos com o resultado final do trabalho.
  7. 7. Depoimentos 7 Depoimentos da Professora de Língua Portuguesa Cristiane Gonçalves Tôso Pereira, e dos alunos do 9º ano, Felipe Reis e Paula Reis.
  8. 8. Muito obrigado! 8
  9. 9. Referências Bibliográficas 9  ALVES, R. M. Literatura de cordel: por que e para que trabalhar em sala de aula. Revista Fórum identidades, volume 04, ano 2, p. 103-109, jul-dez 2008. Disponível online em: http://www.seer.ufs.br/index.php/forumidentidades/ar ticle/viewFile/1815/1601  DA SILVA, J. C. Literatura de cordel: um fazer popular a caminho da sala de aula. 2007. 132. p. Dissertação (Mestrado). Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2007. Disponível online em: http://www.cchla.ufpb.br/ppgl/images/josi.pdf

×