SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
Baixar para ler offline
CURSO DE INTRODUÇÃO À EDUCAÇÃO DIGITAL

  PROJETO DE PESQUISA E APRENDIZAGEM

         LITERATURA DE CORDEL


                 Autores: Ivanete Silva Ferreira;
                      Veronice Maria Dias;
                      Vânia Maria T. Cardoso



    Olhos D’Água, maio de 2012
OBJETIVOS
                        OBJETIVO GERAL
 Conhecer a literatura de cordel e suas especificidades
contribuindo para o hábito de leitura e produção textual.
                     OBJETIVOS ESPECÍFICOS
Despertar o interesse pela leitura com ritmo e pela aptidão
de redigir textos;
Destacar curiosidades da literatura de cordel através de
pesquisas e discussão;
Explorar a poesia como meio de expressão de sentimentos,
anseios etc.
JUSTIFICATIVA
        O interesse pelo tema surgiu pela oportunidade de inserir o cordel
na sala de aula. É um meio por onde os alunos poderão ter acesso a escrita
popular, cultura de massa, costumes e crenças. Hoje a despeito de seu
valor, muitas pessoas nunca tiveram contato com poemas de cordel e nem
mesmo sabem o que é. A sala de aula pode, então, servir de cenário para
iniciar as crianças na leitura de poesias de origem popular e para que o
interesse e o gosto por ouvir/ler poemas de cordel possam ser cultivados.
        Espera-se que os alunos envolvidos neste projeto desenvolvam a
leitura e produção de textos diversos a partir do cordel expressando-se
através de criação, produção, ilustração e exposição uma vez que o mesmo
propicia tais ações bem como desenvolvimento da oralidade para exposição
dos trabalhos realizados.
DESENVOLVIMENTO


Apresentações de cordéis;
Conversa informal sobre os aspectos importantes do cordel;
Pesquisas sobre o cordel e os cordelista mais famosos;
Leitura e discussão dos textos “Combate e Morte de
Lampião”, “Cordel, a Palavra Encantada” do Livro adotado
Coleção Conhecer e Crescer 5º ano”.
Assistir o filme “o auto da compadecida” e discussão sobre os
elementos do cordel presente na história;
Produções de cordéis na sala de aula e em casa.
IMAGENS

Assistindo o filme “O Auto da Compadecida”
Pesquisando Sobre o Cordel no laboratório de Informática da escola.
Elaboração e apresentação de trabalhos com o tema “Cordel”
CONCLUSÃO
         O desenvolvimento do projeto permitiu-nos concluir
que a sequencia didática de leitura, o filme, as pesquisas e as
discussões realizadas no desenvolver do projeto contribuíram
para que os alunos se apropriassem gradativamente das
principais características do gênero discursivo, o cordel.
         Observou-se que o que mais se destacou neste projeto
foi o interesse dos alunos por temas que envolvesse
cangaceiros.
         E o que mais mereceu atenção foi a produção de
poemas em cordel, pois com o pouco costume com tal gênero
textual, fez com que os mesmos encontrasse dificuldades,
principalmente com as suas características, como, rimas,
quantidades de estrofes e versos poéticos.
         Em resumo, o projeto desenvolvido trouxe grande
conhecimento e interesse aos alunos, contribuindo para uma
melhor interpretação e leitura pelos mesmos.
REFERÊNCIAS

“Série do Professor - Gente Brasileira - Programa 07: "Literatura popular em
versos - Os folhetos de cordel” disponível em:
http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/DetalheObraForm.do?select_
action=&co_obra=20591. Acesso em: 24 abr. 2012


O Cordel na sala de aula Disponível em: www.google.com.br. Acesso em: 20
abr. 2012

WWW.revistanovaescola.com.br

WWW.educarparacrescer.com.br.

BURANELLO, Cristiane. Língua Portuguesa, 5º ano. 2ª ed. São Paulo:
Escala Educacional, 2008. (Coleção Conhecer e Crescer).
Literatura de Cordel
                               A minha literatura
É poesia popular               De cordel é reflexão
É historia contada em versos   Sobre a questão social
Em estrofes a rimar            E orienta o cidadão
Escrita em papel comum         A valorizar a cultura
Feita pra ler ou cantar.       E também a educação.

A capa é em xilogravura        Mas trata de outros temas:
Trabalho de artesão            Da luta do bem contra o mal,
Que esculpe em madeira         Da crença do nosso povo,
Um desenho com poção           Do hilário, coisa e tal
Preparando a matriz            E você acha nas bancas
Pra fazer reprodução.          Por apenas um real.

Os folhetos de cordel          O cordel é uma expressão
Nas feiras eram vendidos       Da autêntica poesia
Pendurados num cordão          Do povo da minha terra
Falando do acontecido,         Que luta pra que um dia
De amor, luta e mistério,      Acabe a fome e miséria
De fé e do desassistido.       Haja paz e harmonia.
                               Francisco Ferreira Filho Diniz

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamentalConteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamentaljosivaldopassos
 
SEQUÊNCIA DIDÁTICA DO 1º 2º 3º ano
SEQUÊNCIA DIDÁTICA DO 1º 2º 3º anoSEQUÊNCIA DIDÁTICA DO 1º 2º 3º ano
SEQUÊNCIA DIDÁTICA DO 1º 2º 3º anoIolanda Sá
 
Sequência didática 1º ao 5º ano
Sequência didática 1º ao 5º anoSequência didática 1º ao 5º ano
Sequência didática 1º ao 5º anoAndré Moraes
 
Planejamento 1º ano - EM Padre Geraldo Montibeller
Planejamento 1º ano  - EM Padre Geraldo MontibellerPlanejamento 1º ano  - EM Padre Geraldo Montibeller
Planejamento 1º ano - EM Padre Geraldo MontibellerRafael Souza
 
A rã e o boi
A rã e o boiA rã e o boi
A rã e o boisuzanamar
 
Planejamento 4º ano
Planejamento 4º anoPlanejamento 4º ano
Planejamento 4º anosilvinha331
 
Plano de aula vamos conhecer o natal pdf
Plano de aula   vamos conhecer o natal pdfPlano de aula   vamos conhecer o natal pdf
Plano de aula vamos conhecer o natal pdfAndré Moraes
 
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire   Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire Cirlei Santos
 
Avaliacao de matematica 3º ano ef
Avaliacao de matematica   3º ano efAvaliacao de matematica   3º ano ef
Avaliacao de matematica 3º ano efGeraldo Luiz Almeida
 
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01Vanderlita Gomes B Marquetti
 
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º anoProjeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º anojose ebner
 
Trilhas pedagógicas correta pronta
Trilhas pedagógicas correta prontaTrilhas pedagógicas correta pronta
Trilhas pedagógicas correta prontaTatiana Schiavon
 
Folclore das regiões brasileiras
Folclore das regiões brasileirasFolclore das regiões brasileiras
Folclore das regiões brasileirasBaestevam
 
Projeto poetas na escola
Projeto poetas na escolaProjeto poetas na escola
Projeto poetas na escolaEunice Vieira
 
Quadro rotina 3º ano
Quadro rotina 3º anoQuadro rotina 3º ano
Quadro rotina 3º anoJozi Mares
 

Mais procurados (20)

Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamentalConteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
 
SEQUÊNCIA DIDÁTICA DO 1º 2º 3º ano
SEQUÊNCIA DIDÁTICA DO 1º 2º 3º anoSEQUÊNCIA DIDÁTICA DO 1º 2º 3º ano
SEQUÊNCIA DIDÁTICA DO 1º 2º 3º ano
 
Sequência didática 1º ao 5º ano
Sequência didática 1º ao 5º anoSequência didática 1º ao 5º ano
Sequência didática 1º ao 5º ano
 
Plano de aula bncc0
Plano de aula bncc0Plano de aula bncc0
Plano de aula bncc0
 
Planejamento 1º ano - EM Padre Geraldo Montibeller
Planejamento 1º ano  - EM Padre Geraldo MontibellerPlanejamento 1º ano  - EM Padre Geraldo Montibeller
Planejamento 1º ano - EM Padre Geraldo Montibeller
 
A rã e o boi
A rã e o boiA rã e o boi
A rã e o boi
 
3º planejamento 3º ano
3º planejamento 3º ano3º planejamento 3º ano
3º planejamento 3º ano
 
Planejamento 4º ano
Planejamento 4º anoPlanejamento 4º ano
Planejamento 4º ano
 
Plano de aula vamos conhecer o natal pdf
Plano de aula   vamos conhecer o natal pdfPlano de aula   vamos conhecer o natal pdf
Plano de aula vamos conhecer o natal pdf
 
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire   Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire
 
Avaliacao de matematica 3º ano ef
Avaliacao de matematica   3º ano efAvaliacao de matematica   3º ano ef
Avaliacao de matematica 3º ano ef
 
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01
 
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º anoProjeto de leitura. 1º ao 9º ano
Projeto de leitura. 1º ao 9º ano
 
Trilhas pedagógicas correta pronta
Trilhas pedagógicas correta prontaTrilhas pedagógicas correta pronta
Trilhas pedagógicas correta pronta
 
Folclore das regiões brasileiras
Folclore das regiões brasileirasFolclore das regiões brasileiras
Folclore das regiões brasileiras
 
Literatura de Cordel
Literatura de CordelLiteratura de Cordel
Literatura de Cordel
 
Projeto Páscoa da Amizade.
Projeto Páscoa da Amizade.Projeto Páscoa da Amizade.
Projeto Páscoa da Amizade.
 
Projeto poetas na escola
Projeto poetas na escolaProjeto poetas na escola
Projeto poetas na escola
 
Quadro rotina 3º ano
Quadro rotina 3º anoQuadro rotina 3º ano
Quadro rotina 3º ano
 
Sequência didática o circo
Sequência didática o circoSequência didática o circo
Sequência didática o circo
 

Destaque

Ativ3 4 desenvolvimentodoprojeto-cicera
Ativ3 4 desenvolvimentodoprojeto-ciceraAtiv3 4 desenvolvimentodoprojeto-cicera
Ativ3 4 desenvolvimentodoprojeto-cicerabrandao_cicera
 
Ativ1 5-mapaconceitual cicera
Ativ1 5-mapaconceitual ciceraAtiv1 5-mapaconceitual cicera
Ativ1 5-mapaconceitual cicerabrandao_cicera
 
Atividades detalhadas em sala sobre o projeto 3
Atividades detalhadas em sala sobre o projeto 3Atividades detalhadas em sala sobre o projeto 3
Atividades detalhadas em sala sobre o projeto 3brandao_cicera
 
Ativ2 8registrodidital cicera
Ativ2 8registrodidital ciceraAtiv2 8registrodidital cicera
Ativ2 8registrodidital cicerabrandao_cicera
 
Ativ 1 4minhaescola-cicera
Ativ 1 4minhaescola-ciceraAtiv 1 4minhaescola-cicera
Ativ 1 4minhaescola-cicerabrandao_cicera
 

Destaque (7)

Ativ3 4 desenvolvimentodoprojeto-cicera
Ativ3 4 desenvolvimentodoprojeto-ciceraAtiv3 4 desenvolvimentodoprojeto-cicera
Ativ3 4 desenvolvimentodoprojeto-cicera
 
Ativ1 5-mapaconceitual cicera
Ativ1 5-mapaconceitual ciceraAtiv1 5-mapaconceitual cicera
Ativ1 5-mapaconceitual cicera
 
Poster da unidade 3
Poster da unidade 3Poster da unidade 3
Poster da unidade 3
 
Atividades detalhadas em sala sobre o projeto 3
Atividades detalhadas em sala sobre o projeto 3Atividades detalhadas em sala sobre o projeto 3
Atividades detalhadas em sala sobre o projeto 3
 
Atividade do modolo 3
Atividade do modolo  3Atividade do modolo  3
Atividade do modolo 3
 
Ativ2 8registrodidital cicera
Ativ2 8registrodidital ciceraAtiv2 8registrodidital cicera
Ativ2 8registrodidital cicera
 
Ativ 1 4minhaescola-cicera
Ativ 1 4minhaescola-ciceraAtiv 1 4minhaescola-cicera
Ativ 1 4minhaescola-cicera
 

Semelhante a Slide projeto

Ziraldo: o autor maluquinho
Ziraldo: o autor maluquinhoZiraldo: o autor maluquinho
Ziraldo: o autor maluquinhoKetrin2011
 
PROJETO RELEITURA DOS CLÁSSICOS INFANTIS - “A aprendizagem numa perspectiva l...
PROJETO RELEITURA DOS CLÁSSICOS INFANTIS - “A aprendizagem numa perspectiva l...PROJETO RELEITURA DOS CLÁSSICOS INFANTIS - “A aprendizagem numa perspectiva l...
PROJETO RELEITURA DOS CLÁSSICOS INFANTIS - “A aprendizagem numa perspectiva l...SimoneHelenDrumond
 
Projeto Aquarela ApresentaçãO 2007
Projeto Aquarela  ApresentaçãO 2007Projeto Aquarela  ApresentaçãO 2007
Projeto Aquarela ApresentaçãO 2007Mara Almeida
 
importancia da leitura e escrita.pptx
importancia da leitura e escrita.pptximportancia da leitura e escrita.pptx
importancia da leitura e escrita.pptxAdeliceBraga
 
Projeto cordel em sala de aula
Projeto cordel em sala de aulaProjeto cordel em sala de aula
Projeto cordel em sala de aulaAline Ramalho
 
EMEF Erna Würth - Apresentação EJA Educação Cidadã
EMEF Erna Würth - Apresentação EJA Educação CidadãEMEF Erna Würth - Apresentação EJA Educação Cidadã
EMEF Erna Würth - Apresentação EJA Educação CidadãAlexandre da Rosa
 
Atividades biblioteca CEP
Atividades biblioteca CEP Atividades biblioteca CEP
Atividades biblioteca CEP Regina Coutinho
 
Programa BP Paulo Duarte
Programa BP Paulo DuartePrograma BP Paulo Duarte
Programa BP Paulo DuarteGlauco Soto
 
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciaisApresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciaisleao162010
 
Apresentação Mara
Apresentação MaraApresentação Mara
Apresentação MaraMara Almeida
 
235267232 4-ano-projeto-varal-de-poesias-1
235267232 4-ano-projeto-varal-de-poesias-1235267232 4-ano-projeto-varal-de-poesias-1
235267232 4-ano-projeto-varal-de-poesias-1Ana Chantal
 
Apresentação cruz alta lê 2009 ações escolas_cre
Apresentação cruz alta lê 2009 ações escolas_creApresentação cruz alta lê 2009 ações escolas_cre
Apresentação cruz alta lê 2009 ações escolas_creeducacaoeleitura
 
Caderno de apoio a pratica pedagogica contos classicos mitologicos e modernos
Caderno de apoio a pratica pedagogica contos classicos mitologicos e modernosCaderno de apoio a pratica pedagogica contos classicos mitologicos e modernos
Caderno de apoio a pratica pedagogica contos classicos mitologicos e modernosvaldirnicioli1
 
Projeto contosdeterror ana_kelly
Projeto contosdeterror ana_kellyProjeto contosdeterror ana_kelly
Projeto contosdeterror ana_kellyAna Kelly Brustolin
 
Literatura de cordel webquest
Literatura de cordel webquestLiteratura de cordel webquest
Literatura de cordel webquestIedaSantana
 
Apresentação UFMG projeto Literatura Caminhos da História
Apresentação UFMG projeto Literatura Caminhos da HistóriaApresentação UFMG projeto Literatura Caminhos da História
Apresentação UFMG projeto Literatura Caminhos da HistóriaAna Souza
 

Semelhante a Slide projeto (20)

Slide projeto
Slide projetoSlide projeto
Slide projeto
 
Ziraldo1[1]
Ziraldo1[1]Ziraldo1[1]
Ziraldo1[1]
 
Ziraldo: o autor maluquinho
Ziraldo: o autor maluquinhoZiraldo: o autor maluquinho
Ziraldo: o autor maluquinho
 
PROJETO RELEITURA DOS CLÁSSICOS INFANTIS - “A aprendizagem numa perspectiva l...
PROJETO RELEITURA DOS CLÁSSICOS INFANTIS - “A aprendizagem numa perspectiva l...PROJETO RELEITURA DOS CLÁSSICOS INFANTIS - “A aprendizagem numa perspectiva l...
PROJETO RELEITURA DOS CLÁSSICOS INFANTIS - “A aprendizagem numa perspectiva l...
 
Projeto Aquarela ApresentaçãO 2007
Projeto Aquarela  ApresentaçãO 2007Projeto Aquarela  ApresentaçãO 2007
Projeto Aquarela ApresentaçãO 2007
 
importancia da leitura e escrita.pptx
importancia da leitura e escrita.pptximportancia da leitura e escrita.pptx
importancia da leitura e escrita.pptx
 
Projeto cordel em sala de aula
Projeto cordel em sala de aulaProjeto cordel em sala de aula
Projeto cordel em sala de aula
 
Lobato viva 2010
Lobato viva  2010Lobato viva  2010
Lobato viva 2010
 
EMEF Erna Würth - Apresentação EJA Educação Cidadã
EMEF Erna Würth - Apresentação EJA Educação CidadãEMEF Erna Würth - Apresentação EJA Educação Cidadã
EMEF Erna Würth - Apresentação EJA Educação Cidadã
 
Atividades biblioteca CEP
Atividades biblioteca CEP Atividades biblioteca CEP
Atividades biblioteca CEP
 
Programa BP Paulo Duarte
Programa BP Paulo DuartePrograma BP Paulo Duarte
Programa BP Paulo Duarte
 
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciaisApresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
 
Apresentação Mara
Apresentação MaraApresentação Mara
Apresentação Mara
 
Projeto Folclore
Projeto FolcloreProjeto Folclore
Projeto Folclore
 
235267232 4-ano-projeto-varal-de-poesias-1
235267232 4-ano-projeto-varal-de-poesias-1235267232 4-ano-projeto-varal-de-poesias-1
235267232 4-ano-projeto-varal-de-poesias-1
 
Apresentação cruz alta lê 2009 ações escolas_cre
Apresentação cruz alta lê 2009 ações escolas_creApresentação cruz alta lê 2009 ações escolas_cre
Apresentação cruz alta lê 2009 ações escolas_cre
 
Caderno de apoio a pratica pedagogica contos classicos mitologicos e modernos
Caderno de apoio a pratica pedagogica contos classicos mitologicos e modernosCaderno de apoio a pratica pedagogica contos classicos mitologicos e modernos
Caderno de apoio a pratica pedagogica contos classicos mitologicos e modernos
 
Projeto contosdeterror ana_kelly
Projeto contosdeterror ana_kellyProjeto contosdeterror ana_kelly
Projeto contosdeterror ana_kelly
 
Literatura de cordel webquest
Literatura de cordel webquestLiteratura de cordel webquest
Literatura de cordel webquest
 
Apresentação UFMG projeto Literatura Caminhos da História
Apresentação UFMG projeto Literatura Caminhos da HistóriaApresentação UFMG projeto Literatura Caminhos da História
Apresentação UFMG projeto Literatura Caminhos da História
 

Mais de Ivanete Silva Ferreira (13)

Ativ1 4 andreia
Ativ1 4 andreiaAtiv1 4 andreia
Ativ1 4 andreia
 
Ativ1 4 andreia
Ativ1 4 andreiaAtiv1 4 andreia
Ativ1 4 andreia
 
Ati 1-4delvania
Ati 1-4delvaniaAti 1-4delvania
Ati 1-4delvania
 
Slide eproinfo modificado
Slide eproinfo modificadoSlide eproinfo modificado
Slide eproinfo modificado
 
Ati 1-4delvania
Ati 1-4delvaniaAti 1-4delvania
Ati 1-4delvania
 
Slide eproinfo modificado
Slide eproinfo modificadoSlide eproinfo modificado
Slide eproinfo modificado
 
Slide eproinfo
Slide eproinfoSlide eproinfo
Slide eproinfo
 
Slide eproinfo modificado
Slide eproinfo modificadoSlide eproinfo modificado
Slide eproinfo modificado
 
Projeto integrado de aprendizagem entre letras e poesias 2 correto
Projeto integrado de aprendizagem entre letras e poesias 2    corretoProjeto integrado de aprendizagem entre letras e poesias 2    correto
Projeto integrado de aprendizagem entre letras e poesias 2 correto
 
Os meios de comunicação no dia-a-dia
Os meios de comunicação no dia-a-diaOs meios de comunicação no dia-a-dia
Os meios de comunicação no dia-a-dia
 
Projeto Contos
Projeto ContosProjeto Contos
Projeto Contos
 
Projeto Contos
Projeto  ContosProjeto  Contos
Projeto Contos
 
Slide projeto (ivanete)
Slide projeto (ivanete)Slide projeto (ivanete)
Slide projeto (ivanete)
 

Último

Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
Simulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaeceSimulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaeceRonisHolanda
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesGilbraz Aragão
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsxGilbraz Aragão
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...MANUELJESUSVENTURASA
 
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxSlides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSUM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSdjgsantos1981
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTEJoaquim Colôa
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
Simulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaeceSimulado com textos curtos e tirinhas spaece
Simulado com textos curtos e tirinhas spaece
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das Religiões
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
 
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptxSlides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
Slides Lição 2, Betel, Ordenança para participar da Ceia do Senhor, 2Tr24.pptx
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOSUM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
UM CURSO DE INFORMATICA BASICA PARA IDOSOS
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 

Slide projeto

  • 1. CURSO DE INTRODUÇÃO À EDUCAÇÃO DIGITAL PROJETO DE PESQUISA E APRENDIZAGEM LITERATURA DE CORDEL Autores: Ivanete Silva Ferreira; Veronice Maria Dias; Vânia Maria T. Cardoso Olhos D’Água, maio de 2012
  • 2. OBJETIVOS OBJETIVO GERAL  Conhecer a literatura de cordel e suas especificidades contribuindo para o hábito de leitura e produção textual. OBJETIVOS ESPECÍFICOS Despertar o interesse pela leitura com ritmo e pela aptidão de redigir textos; Destacar curiosidades da literatura de cordel através de pesquisas e discussão; Explorar a poesia como meio de expressão de sentimentos, anseios etc.
  • 3. JUSTIFICATIVA O interesse pelo tema surgiu pela oportunidade de inserir o cordel na sala de aula. É um meio por onde os alunos poderão ter acesso a escrita popular, cultura de massa, costumes e crenças. Hoje a despeito de seu valor, muitas pessoas nunca tiveram contato com poemas de cordel e nem mesmo sabem o que é. A sala de aula pode, então, servir de cenário para iniciar as crianças na leitura de poesias de origem popular e para que o interesse e o gosto por ouvir/ler poemas de cordel possam ser cultivados. Espera-se que os alunos envolvidos neste projeto desenvolvam a leitura e produção de textos diversos a partir do cordel expressando-se através de criação, produção, ilustração e exposição uma vez que o mesmo propicia tais ações bem como desenvolvimento da oralidade para exposição dos trabalhos realizados.
  • 4. DESENVOLVIMENTO Apresentações de cordéis; Conversa informal sobre os aspectos importantes do cordel; Pesquisas sobre o cordel e os cordelista mais famosos; Leitura e discussão dos textos “Combate e Morte de Lampião”, “Cordel, a Palavra Encantada” do Livro adotado Coleção Conhecer e Crescer 5º ano”. Assistir o filme “o auto da compadecida” e discussão sobre os elementos do cordel presente na história; Produções de cordéis na sala de aula e em casa.
  • 5. IMAGENS Assistindo o filme “O Auto da Compadecida”
  • 6. Pesquisando Sobre o Cordel no laboratório de Informática da escola.
  • 7.
  • 8. Elaboração e apresentação de trabalhos com o tema “Cordel”
  • 9.
  • 10. CONCLUSÃO O desenvolvimento do projeto permitiu-nos concluir que a sequencia didática de leitura, o filme, as pesquisas e as discussões realizadas no desenvolver do projeto contribuíram para que os alunos se apropriassem gradativamente das principais características do gênero discursivo, o cordel. Observou-se que o que mais se destacou neste projeto foi o interesse dos alunos por temas que envolvesse cangaceiros. E o que mais mereceu atenção foi a produção de poemas em cordel, pois com o pouco costume com tal gênero textual, fez com que os mesmos encontrasse dificuldades, principalmente com as suas características, como, rimas, quantidades de estrofes e versos poéticos. Em resumo, o projeto desenvolvido trouxe grande conhecimento e interesse aos alunos, contribuindo para uma melhor interpretação e leitura pelos mesmos.
  • 11. REFERÊNCIAS “Série do Professor - Gente Brasileira - Programa 07: "Literatura popular em versos - Os folhetos de cordel” disponível em: http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/DetalheObraForm.do?select_ action=&co_obra=20591. Acesso em: 24 abr. 2012 O Cordel na sala de aula Disponível em: www.google.com.br. Acesso em: 20 abr. 2012 WWW.revistanovaescola.com.br WWW.educarparacrescer.com.br. BURANELLO, Cristiane. Língua Portuguesa, 5º ano. 2ª ed. São Paulo: Escala Educacional, 2008. (Coleção Conhecer e Crescer).
  • 12. Literatura de Cordel A minha literatura É poesia popular De cordel é reflexão É historia contada em versos Sobre a questão social Em estrofes a rimar E orienta o cidadão Escrita em papel comum A valorizar a cultura Feita pra ler ou cantar. E também a educação. A capa é em xilogravura Mas trata de outros temas: Trabalho de artesão Da luta do bem contra o mal, Que esculpe em madeira Da crença do nosso povo, Um desenho com poção Do hilário, coisa e tal Preparando a matriz E você acha nas bancas Pra fazer reprodução. Por apenas um real. Os folhetos de cordel O cordel é uma expressão Nas feiras eram vendidos Da autêntica poesia Pendurados num cordão Do povo da minha terra Falando do acontecido, Que luta pra que um dia De amor, luta e mistério, Acabe a fome e miséria De fé e do desassistido. Haja paz e harmonia. Francisco Ferreira Filho Diniz