O Poder do Pensamento

139 visualizações

Publicada em

"Dize-me o que pensas, que eu te direi com quem andas." Raul Teixeira

"Pode-se concluir assim, que em torno de uma pessoa, de uma família, de uma cidade, de uma nação ou planeta, existe uma atmosfera espiritual fluídica, que varia vibratoriamente, segundo a natureza moral dos Espíritos envolvidos. Revista Espírita, Allan Kardec, Maio 1867"

Publicada em: Espiritual
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
139
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • O pensamento é a manifestação do desejo e da vontade do espírito, independente se o cérebro é perfeito ou não para interpretá-los.
    Tudo no organismo humano, em particular no cérebro, gira em torno da vida material e de atender a respostas a estímulos oriundos dela.
  • Envolvendo o planeta Terra e projetando-se para distâncias infinitas, existem camadas de correntes mentais, produto do que pensam, como vivem e agem os homens, encarnados e desencarnados: essa
    é a psicosfera terrestre!
    Apostila Psicosfera Terrestre,
    Eurípedes Kühl
  • Resumindo, todos somos responsáveis pelo estado de dificuldades morais que vive o planeta atualmente. Allan Kardec - Revista Espírita, Maio, 1867
  • Nubor Orlando Facure - Ex-Professor Titular de Neurocirurgia UNICAMP.
    Diretor do Instituto do Cérebro (Campinas,SP)
    Uma simples notícia de jornal, uma conversa que nos emociona, um filme a que assistimos ou um episódio que relatamos criam junto de nós um ambiente psíquico que chamamos de psicosfera. Somos “caixeiro ambulantes” de ideias que podem facilmente nos identificar aos videntes deste mundo psíquico.
  • Mais grave, demonstram os técnicos no assunto importante, é a poluição atmosférica, graças às substancias venenosas que são expelidas pelas fábricas em forma de resíduos, pelos motores de explosão a se multiplicarem fantástica, insaciavelmente, e os inseticidas usados para a agricultura...
  • À atmosfera fluídica associam-se seres desencarnados com
    tendências morais e vibratórias semelhantes.
  • Tenha um homem, por exemplo, a ideia de matar a
    outro: embora o corpo material se lhe conserve impassível, seu corpo fluídico é posto em ação pelo pensamento e reproduz todos os matizes
    deste último; executa fluidicamente o gesto, o ato que intentou praticar. O pensamento cria a imagem da vítima e a cena inteira é pintada, como
    num quadro, tal qual se lhe desenrola no espírito.
  • Reconhece-se que um pensamento é mau, quando se afasta da caridade, que constitui a base da verdadeira moral, quando tem por princípio o orgulho, a vaidade, ou o egoísmo; quando a sua realização pode causar qualquer prejuízo a outrem; quando, enfim, nos induz a fazer aos outros o que não quereríamos que nos fizessem.
  • O pensamento, portanto, produz uma espécie de efeito físico que reage sobre o moral, fato este que só o Espiritismo podia tornar compreensível.
  • Nos pensamentos os fluidos ficam escuros e sua ação provoca mal estar físico e psíquico
  • Dize-me o que pensas, que eu te direi com quem andas. Raul Teixeira
  • Aqui vale a máxima de Jesus: Orai e Vigiai!
  • Cem pessoas juntas podem orar como egoístas, enquanto duas ou três, ligadas por uma mesma aspiração, oram quais verdadeiros irmãos em Deus, e mais força terá a prece que lhe dirijam do que a das cem outras. (Cap. XXVIII, itens 4 e 5.)
  • Frase de KAREN TSE, do IBJ no filme Quem se importa? de Mara Mourão
  • Cada um de nós terá uma responsabilidade individual para construir seu próprio mundo mental selecionando o que fala, o que vê, o que ouve, o que lê porque tudo isto implica em incorporar para sempre matéria mental em nosso psiquismo.
  • Para continuarmos neste fluxo e reflexão, a Pergunta que fica...
  • O Poder do Pensamento

    1. 1. O Poder do Pensamento “O homem pode ser considerado o pensamento que exterioriza, fomenta e nutre.” (Joanna de Angelis)
    2. 2. O Pensamento e suas Relações “Não desconhecemos que todos respiramos num oceano de ondas mentais, com o impositivo de ajustá--las em benefício próprio. Vasto mar de vibrações permutadas. Emitimos forças e recebemo--las, o pensamento vige na base desse inevitável sistema de trocas”. Livro Sinal Verde, André Luiz, Psicografia Chico Xavier 2
    3. 3. Antes de começarmos, alguns conceitos...  A Mente  O Cérebro  O Pensamento  Fluido Universal 3
    4. 4. A Mente “A mente, aparelho psíquico, ou psiquê, se situa no perispírito e é responsável pela gama de fenômenos que atravessa o cérebro a caminho do Espírito.” A profusão de pensamentos ocorrem na mente humana (...) nas quais interferem os afetos, o desejo e a vontade. Livro Psicologia do espírito, Adenáuer Novaes 4
    5. 5. O Cérebro “Podemos perceber que o cérebro, como qualquer máquina, obedece a um programa pré-definido. Sua deficiência, por uma disfunção, não impede o ato de pensar, visto que este surge na intimidade do Espírito e se irradia através das propriedades do perispírito. O cérebro não gera pensamento, tanto quanto não é responsável pelos fenômenos sutis da mente.” Livro Psicologia do espírito, Adenáuer Novaes 5
    6. 6. O Pensamento “O pensamento parece, às vezes, ocorrer como uma fala dentro do cérebro, porém ele é uma emanação ou expressão do Espírito, o qual, utilizando-se da sutil energia do perispírito, faz surgir.” Livro Psicologia do espírito, Adenáuer Novaes 6
    7. 7. Fluido Universal “… -precisamos conceber mergulhados no fluido universal, que ocupa o Espaço, todos os seres, encarnados e desencarnados, tal qual nos achamos, neste mundo, dentro da atmosfera.” Evangelho Segundo o Espiritismo, Capitulo XXVII, Pedi e Obtereis, Allan Kardec 7
    8. 8. A psicosfera da terra é formada pelas criações mentais de seus habitantes
    9. 9. “Um planeta onde o mal supera o bem, como o nosso, tais camadas, formadas pelos turbilhões de pensamentos bons ou maus que se entrecruzam — ora com sintonia, ora com repulsão —, obviamente, estão eivadas de vibrações majoritariamente deletérias, as quais, tendem a influenciar, senão toda, grande parte da humanidade.” Apostila Psicosfera Terrestre, Eurípedes Kühl Psicosfera Terrestre 9
    10. 10. “Quando toda uma população vê uma notícia pela televisão ou lê a mesma notícia nos jornais, estas pessoas estão criando representações mentais com referência a estas notícias reconstruindo e revivendo os cenários e as personagens envolvidas ou citadas nos noticiários. É como se o mesmo acontecimento se reproduzisse em cada mente que se liga ao episódio noticiado.” Artigo Psicosfera – Nosso Meio Ambiente, Nubor Orlando Facure Psicosfera - Nosso Meio Ambiente 10
    11. 11. Poluição e Psicosfera “Ecólogos de todo o mundo preocupam-se, na atualidade, com a poluição devastadora, que resulta dos detritos superlativos que são atirados nos oceanos, nos rios, lagos e "terras inúteis" circunjacentes às grandes metrópoles, como o tributo pago pelo conforto e pelas conquistas tecnológicas, desde os urgentes ingredientes e artefatos para a sobrevivência, às indústrias bélicas, às de explorações novas, às "de inutilidade" que atiram fora centenas de milhões de toneladas de lixo, óleos e resíduos em todo lugar”. Livro Após a Tempestade, Joanna de Angelis, Psicografia Divaldo Franco 11
    12. 12. Poluição e Psicosfera “Todavia, o homem ingere e disparate mais terrível poluição, venenosa quão irrefreável graças ao cultivo de lamentáveis atitudes em que persevera e se compraz: referimo-nos à poluição mental que interfere na ecologia psicosférica da vida inteligente, intoxicando de dentro para fora e desarticulando de fora para dentro”. Livro Após a Tempestade, Joanna de Angelis, Psicografia Divaldo Franco 12
    13. 13. Poluição e Psicosfera “Estando a Terra vitimada pelo entrechoque de vibrações, ondas e mentes em desalinho, como decorrência do desamor, das ambições desenfreadas, dos ódios sistemáticos, as funestas consequências se faz em presentes não apenas nas guerras externas e destrutivas...”. Livro Após a Tempestade, Joanna de Angelis, Psicografia Divaldo Franco 13
    14. 14. Poluição e Psicosfera “... mas também nas rudes batalhas no lar, na família, no trabalho, nas ruas da comunidade, no comportamento. Intoxicado pela ira, vencido pelo desespero que agasalha, foge na direção dos prazeres selvagens nos quais procura relaxar tensões, adquirindo mais altas cargas de desequilíbrio em que se debate.” Livro Após a Tempestade, Joanna de Angelis, Psicografia Divaldo Franco 14
    15. 15. Psicosfera Pessoal “Pode-se concluir assim, que em torno de uma pessoa, de uma família, de uma cidade, de uma nação ou planeta, existe uma atmosfera espiritual fluídica, que varia vibratoriamente, segundo a natureza moral dos Espíritos envolvidos.” Revista Espírita, Allan Kardec, Maio 1867 15
    16. 16. “(...) criando imagens fluídicas, o pensamento se reflete no envoltório perispirítico, como num espelho; toma nele corpo e aí de certo modo se fotografa. (...) Desse modo é que os mais secretos movimentos da alma repercutem no envoltório fluídico; que uma alma pode ler noutra alma como num livro e ver o que não é perceptível aos olhos do corpo.” Fotografia do Pensamento A Gênese, Allan Kardec, capítulo XIV, Os fluídos, Item 15. 16
    17. 17. “Tenha um homem, por exemplo, a ideia de matar a outro: embora o corpo material se lhe conserve impassível, seu corpo fluídico é posto em ação pelo pensamento e reproduz todos os matizes deste último; executa fluidicamente o gesto, o ato que intentou praticar. O pensamento cria a imagem da vítima e a cena inteira é pintada, como num quadro, tal qual se lhe desenrola no espírito.” Fotografia do Pensamento A Gênese, Allan Kardec, capítulo XIV, Os fluídos, Item 15. 17
    18. 18. Maus Pensamentos Aprendestes que foi dito aos antigos: “Não cometereis adultério. Eu, porém, vos digo que aquele que houver olhado uma mulher, com mau desejo para com ela, já em seu coração cometeu adultério com ela.” (Mateus, 5:27 e 28.) Evangelho Segundo o Espiritismo, Capitulo XIII, Bem aventurados os que tem puro o coração, Allan Kardec 18
    19. 19. Em resumo, naquele que nem sequer concebe a ideia do mal, já há progresso realizado; naquele a quem essa ideia acode, mas que a repele, há progresso em vias de realizar-se; naquele, finalmente, que pensa no mal e nesse pensamento se compraz, o mal ainda existe na plenitude da sua força. Evangelho Segundo o Espiritismo, Capitulo XIII, Bem aventurados os que tem puro o coração, Allan Kardec Maus Pensamentos 19
    20. 20. “Basta, porém,que se lhe misturem alguns pensamentos maus, para produzirem o efeito de uma corrente de ar gelado num meio tépido, ou o de uma nota desafinada num concerto.” Os Fluidos 20 A Gênese, Allan Kardec, capítulo XIV, Os fluídos, Item 15. “Desse modo também se explica a ansiedade, o indefinível mal-estar que se experimenta numa reunião antipática, onde malévolos pensamentos provocam correntes de fluido nauseabundo.”
    21. 21. Formas Pensamento “construções substanciais na esfera da alma, que nos liberam o passo ou no-lo escravizam” 21
    22. 22. “… Isso acontece porque, à maneira do homem que constrói estradas para a sua própria expansão ou que talha algemas para si mesmo, a mente de cada um, pelas correntes de matéria mental que exterioriza, eleva-se a gradativa libertação no rumo dos planos superiores ou estaciona nos planos inferiores, como quem traça vasto labirinto aos próprios pés.” Formas Pensamento Livro Mecanismos da Mediunidade, André Luiz, Psicografia Chico Xavier e Waldo Vieira 22
    23. 23. Formas Pensamento Livro Pensamento e Vontade, Ernesto Bozzano  A usura, a ambição, a avidez, produzem formas retorcidas, como que dispostas a apreender o cobiçado objeto.  O pensamento, preocupado com a resolução de um problema, produz filamentos espirais.  Os sentimentos de ódio ou de afeição, originam formas semelhantes aos projéteis.  A cólera, por exemplo, assemelha-se ao zigue- zague do raio.  O medo provoca jatos de substância pardacenta, quais salpicos de lama. 23
    24. 24. “Os pensamentos bons impõem-lhes luminosidade e vibrações elevadas que causam conforto e sensação de bem estar às pessoas sob sua influência.” Bons Pensamentos Revista Espírita, Allan Kardec, Maio 1867 24
    25. 25. “Aliando-se a boas companhias espirituais através de seus bons pensamentos, poderá estabelecer uma melhor atmosfera fluídica em torno de si e, consequentemente, do ambiente em que vive.” Boas Companhias Revista Espírita, Allan Kardec, Maio 1867 25
    26. 26. A força do Pensamento “Em termos materiais o pensamento é uma onda de frequência altíssima que impressiona a matéria de forma sutil, mas consistente a tal ponto de movê-la.” Livro Psicologia do espírito, Adenáuer Novaes 26
    27. 27. Pensamento e Vontade “A energia da corrente guarda proporção com a do pensamento e da vontade.” Evangelho Segundo o Espiritismo, Capitulo XXVII, Pedi e Obtereis, Allan Kardec 27
    28. 28. Pensamento e Vontade “Esse fluido recebe da vontade uma impulsão; ele é o veículo do pensamento, como o ar o é do som, com a diferença de que as vibrações do ar são circunscritas, ao passo que as do fluido universal se estendem ao infinito.” Evangelho Segundo o Espiritismo, Capitulo XXVII, Pedi e Obtereis, Allan Kardec 28
    29. 29. Pensamento e Vontade “No homem, a fé é o sentimento inato de seus destinos futuros; é a consciência que ele tem das faculdades imensas depositadas em gérmen no seu íntimo, a princípio em estado latente, e que lhe cumpre fazer que desabrochem e cresçam pela ação da sua vontade.” Evangelho Segundo o Espiritismo, Capitulo XIV, A fé que transporta montanhas, Allan Kardec 29
    30. 30. O mais poderoso Pensamento Livro Tende Bom Animo, Meimei, psicografia Chico Xavier 30
    31. 31. A Prece “Os Espíritos hão dito sempre: “A forma nada vale, o pensamento é tudo. Ore, pois, cada um segundo suas convicções e da maneira que mais o toque. Um bom pensamento vale mais do que grande número de palavras com as quais nada tenha o coração.” Evangelho Segundo o Espiritismo, Capitulo XXVIII, Coletâneas de Preces Espíritas, Allan Kardec 31
    32. 32. Prece e Pensamento “Está no pensamento o poder da prece, que por nada depende nem das palavras, nem do lugar, nem do momento em que seja feita. A prece em comum tem ação mais poderosa, quando todos os que oram se associam de coração a um mesmo pensamento e colimam o mesmo objetivo, porquanto é como se muitos clamassem juntos e em uníssono.” Evangelho Segundo o Espiritismo, Capitulo XXVII, Pedi e Obtereis, Allan Kardec 32
    33. 33. Uma Prece “Deus Todo Poderoso, não me deixes sucumbir à tentação que me impele a falir. Espíritos benfazejos, que me protegeis, afastai de mim este mau pensamento e dai-me a força de resistir à sugestão do mal. Se eu sucumbir, merecerei expiar a minha falta nesta vida e na outra, porque tenho a liberdade de escolher.” 33 Evangelho Segundo o Espiritismo, Capitulo XXVIII, Coletâneas de Preces Espíritas, Allan Kardec
    34. 34. Primeiro a gente imagina, depois a gente transforma
    35. 35. Mundo Fraterno “Estas formas pensamentos um dia farão de etiologia das doenças, principalmente psicossomáticas, e o médico aprenderá a prescrever a prece e a meditação para equilíbrio da nossa psicosfera. Cada um de nós terá uma responsabilidade individual para construir seu próprio mundo mental selecionando o que fala, o que vê, o que ouve, o que lê porque tudo isto implica em incorporar para sempre matéria mental em nosso psiquismo.” 35 Artigo Psicosfera – Nosso Meio Ambiente, Nubor Orlando Facure
    36. 36. Mundo Fraterno “Melhorando-se, a humanidade verá depurar-se a atmosfera fluídica em cujo meio vive, porque não lhe enviará senão bons fluidos, e estes oporão uma barreira à invasão dos maus. Se um dia a Terra chegar a não ser povoada senão por homens que, entre si, praticam as leis divinas do amor e da caridade, ninguém duvida que não se encontrem em condições de higiene física e moral completamente outras que as hoje existentes” Revista Espírita, Allan Kardec, Maio 1867 36
    37. 37. Pensamento e Vida 37  O pensamento é força. Por isso, atua de acordo com a direção, a intensidade e o significado próprios.  Pensa no amor; e te sentirás afável.  Cultiva a ideia do progresso, e terás estímulo para porfiar, logrando êxito nos empreendimentos. Sustenta a ideia do bem, e descobrirás quão ditoso és como fruto do anelo vitalizado.  Tudo pode ser alterado sob a ação do pensamento. Livro Vida Feliz, Joanna de Angelis, Psicografia Divaldo Franco
    38. 38. Pensamento e Vida 38  Pensamento e vida, pois, são termos da equação existencial do ser humano.  Pensando na necessidade de ascensão, os heróis, os cientistas, os mártires, os educadores e os santos edificaram o mundo melhor, que ainda não alcançou o seu ápice, porque tu e outros ainda não vos convencestes de pensar bem, agindo melhor; para conquistardes a vitória sobre as paixões, a dor e a infelicidade. Livro Vida Feliz, Joanna de Angelis, Psicografia Divaldo Franco
    39. 39. A Pergunta que fica… Como posso vigiar os meus pensamentos para sempre atrair o bem ao meu redor?
    40. 40. Referências Bibliográficas  O Evangelho Segundo o Espiritismo, Allan Kardec  A Gênese, Allan Kardec  Revista Espírita, Allan Kardec, Maio 1867  Livro Psicologia do espírito, Adenáuer Novaes  Livro Pensamento e Vontade, Ernesto Bozzano  Livro Mecanismos da Mediunidade, André Luiz, Psicografia Chico Xavier e Waldo Vieira  O Pensamento, Rodrigo Felix da Cunha  Apostila Psicosfera Terrestre, Eurípedes Kühl  Livro Tende Bom Animo, Meimei, psicografia Chico Xavier  Livro Sinal Verde, André Luiz, Psicografia Chico Xavier  Livro Após a Tempestade, Joanna de Angelis, Psicografia Divaldo Franco  Artigo Psicosfera – Nosso Meio Ambiente, Nubor Orlando Facure  Livro Vida Feliz, Joanna de Angelis, Psicografia Divaldo Franco

    ×