DORMINDO COM(SEM) ESSA...                               AFINAL, QUAL O RESULTADO DE “48÷2(9+3)” ?Primeiramente, devemos en...
Nessa versão...Ou nessa versão...
E afinal, qual é o resultado correto? Depois de muito pesquisar, o que parece ser um consenso é que há,ainda, a questão da...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

48/2(9+3)

7.120 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
4 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • @Roberto Funck, o senhor tem razão e eu observo que a sua lógica é a da Língua Portuguesa, no que a tange a leitura que faz da questão matemática. Parece-me que, como disse ao colega @Elias Martins, que a prioridade é a Língua e a verbalização da questão, antes mesmo da decifração matemática. Evidente que a Matemática, como a Língua Portuguesa, são e sempre serão apaixonantes e desafiadoras. Muito Agradecido pelos comentários. Até mais.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • @Elias Martins, é isso mesmo e o que reforça o que de mais lógico encontrei nas pesquisas que fiz... A leitura natural que fazemos é da esquerda para a direita... Assim, o mais lógico é fazer a divisão (48/2) e depois, o tomamos o resultado 24 e multiplicamos por 12 resultando em 288. Como lhe disse, me parece que a "prioridade", digamos, da Língua Portuguesa, é a prioridade, mesmo em se tratando de questões numéricas. Muito Agradecido pelos comentários. Até mais
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Professor Edison,

    Parece-me que um pequeno artifício pode elucidar a questão. Como temos duas 'candidatas' à resposta, podemos formular duas equações de primeiro grau, uma com cada uma das respostas:

    a) 48 / 2x = 288 e

    b) 48 / 2x = 2

    Aquela equação onde o valor de x = 12 terá a resposta correta.

    Não lhe parece?
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Se ele quer deixar claro q está sendo dividido por todo o restante, q botasse os colchetes. Entre a divisão e a multiplicação o que se resolve é a primera q vier entre os dois, não se escolhe... ou escolhe? 2/5*6 por exemplo, eu vou dividir por 5 e multiplicar por 6, certo? Logo o resultado seria 288. O que tem de errado nessa minha explicação? A propriedade distributiva da multiplicação nao deixa de ser uma multiplicação, e porque eu resolveira isso primeiro se eu tenho uma divisão antes?
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.120
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
62
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
4
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

48/2(9+3)

  1. 1. DORMINDO COM(SEM) ESSA... AFINAL, QUAL O RESULTADO DE “48÷2(9+3)” ?Primeiramente, devemos entender alguns princípios (aqui, convenções, ficaria melhor) matemáticos, pois,segundo aprendemos, entre a divisão e a multiplicação não há prioridade e ambas podem ser feitas, segundoa vontade do freguês, certo? Entretanto, analisem alguns resultados verdadeiramente obtidos: Utilizando duas calculadoras CASIO... Utilizando duas calculadoras Texas Instruments... Utilizando MATLAB R2012a... Utilizando Wofram Mathematica 8.0.4... E ainda o Wofram Alpha, diretamente na Web...
  2. 2. Nessa versão...Ou nessa versão...
  3. 3. E afinal, qual é o resultado correto? Depois de muito pesquisar, o que parece ser um consenso é que há,ainda, a questão das prioridades, nessa ordem:  Termos dentro de Parênteses ou Colchetes ou Chaves;  Potenciação e/ou Radiciação;  Multiplicação e/ou Divisão;  Adição e/ou Subtração. Seguindo essa convenção, teríamos, então: ÷ ( )= ÷ (1 ) = ÷ = Mas, será que haveria algum problema ao se resolver...Assim...? ou Assim...? ÷ ( )= ÷ ( )= ÷ 1 = ÷ 1 = ÷ = 1 = Ainda, dentro das pesquisas, encontrei as seguintes considerações: Ou vemos o problema assim: ( ) Ou vemos o problema assim: ( )Ainda, mas não finalmente, temos a questão da PROPRIEDADE DISTRIBUTIVA DA MULTIPLICAÇÃO, EMRELAÇÃO À ADIÇÃO e, nesse contexto, se essa propriedade for levada em consideração, o “mais” correto, seassim podemos afirmar, seria considerá-la primeiramente; assim: ÷ ( )= = ( ) = = 1 6 =Finalmente, a que me pareceu mais coerente, foi a explicação da boa e da má escrita, ou seja, assim como emqualquer redação ou outra forma de nos expressarmos verbalmente, quem escreve deve deixar claro aos seusleitores a sua mensagem, em todos os sentidos, não deixando qualquer ponto obscuro ou não explicado.Assim, se se quer deixar claro que o número 48 está sendo dividido por todo o restando dos valores, aplica-se a propriedade distributiva em 2*(9+3) e chega-se finalmente ao resultado 2; agora, se isso não ficar claro,evidentemente que a operação será entendida pela leitura, como qualquer texto, da esquerda para a direita, eassim, teremos a fração 48/2 ou 24 que, por sua vez, multiplicará o resultado de (9+3), ou seja, 24*(9+3),ou, 24*12 chegando-se ao resultado 288. E então, about Matemática, do you hate it or love it? Løpes2012

×