Medidas e avaliação fisica

857 visualizações

Publicada em

Testes e medidas de avaliação física

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
857
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
52
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Medidas e avaliação fisica

  1. 1. CEP EDUCAÇÃO FÍSICA Medidas e Avaliação em Educação Física 2º Ano Profª- Milena Silva
  2. 2. PRINCIPAL DIFERENÇA ENTRE MEDIDA E AVALIAÇÃO Medida: Abrange um aspecto quantitativo. Avaliação: Abrange um aspecto qualitativo.
  3. 3. Objetivos da avaliação física: • Avaliar o estado do indivíduo ao iniciar a programação; • Detectar deficiências, permitindo uma orientação no sentido de superá-la; • Auxiliar o indivíduo na escolha de uma atividade física que, além de motivá-lo, possa desenvolver suas aptidões; • Impedir que a atividade seja um fator de agressão; • Acompanhar o progresso do indivíduo; • Selecionar elementos de alto nível para integrar equipes de competição; Desenvolver pesquisa em Educação Física; • Acompanhar o processo de crescimento e desenvolvimento dos nossos alunos.
  4. 4. Quando fazer uma avaliação física? • Início de um programa de atividade física; • No decorrer de um período de treinamento; • Ao final de um ciclo de treinamento; • Quando for necessário reformular um treinamento.
  5. 5. Etapas da avaliação física • Anamnese • Avaliação dos parâmetros fisiológicos • Verificação da composição corporal • Avaliação antropométrica
  6. 6. Onde fazer a avaliação física • Laboratório • Campo • Academia • Escola
  7. 7. Requisitos para realização da Avaliação Física Estar trajando roupa de ginástica: · Short / bermuda · Top / camiseta · Tênis e meia O aluno não pode ter ingerido bebida alcoólica; O aluno não pode ter praticado atividade física intensa no dia da avaliação física; O aluno não pode estar em jejum prolongado; Caso venha por indicação médica / fisioterápica, trazer o relatório ou atestado.
  8. 8. Anamnese • Diagnósticos clínicos; • Exames físicos e clínicos anteriores; • Histórico de sintomas; • Enfermidades recentes; • Problemas ortopédicos; • Uso de medicamentos • Alergias • Outros hábitos (atividade física, profissão, dieta, consumo de álcool, fumo...) • Histórico Familiar.
  9. 9. Parâmetros fisiológicos • Idade do avaliado • Ciclo Menstrual (Só para mulheres) • Pressão em Repouso • Índice de massa corpórea (IMC) • Relação Cintura Quadril (RCQ) • Frequência cardíaca de treinamento • Batimentos por Minuto (BPM) • Frequência cardíaca de repouso • Percentagem de trabalho inferior e superior
  10. 10. Par-Q (prontidão para a atividade física) • (Physical Activity Readiness Questionnaire). • Tem sido recomendado para a entrada em programas de exercício de intensidade branda e moderada, para pessoas entre 15 a 69 anos
  11. 11. QUESTIONÁRIO Par-Q Foi desenvolvido pela Sociedade Canadense de Fisiologia do Exercício (revisado em 1994). O questionário consta de 7 perguntas de respostas simples e diretas, se o aluno responder sim a uma (01) ou mais questões, ele deve ser encaminhado a uma avaliação médica antes de iniciar qualquer atividade física.
  12. 12. IMC- Índice de massa corporal O IMC representa a relação da massa corporal para a altura ao quadrado. O IMC é um bom indicador, mas não totalmente correlacionado com a gordura corporal. As suas limitações são: • não distingue massa gordurosa de massa magra; • não reflete, necessariamente, a distribuição da gordura corporal. • não indica necessariamente o mesmo grau de gordura em populações diversas, particularmente por causa das diferentes proporções corporais..
  13. 13. Relação cintura quadril- RCQ • A relação cintura quadril (RCQ) é o cálculo que se faz para verificar o risco que um indivíduo possui de sofrer de doenças cardíacas, pois quanto maior a concentração da gordura abdominal (próxima ao coração), maior o risco para o desenvolvimento de doenças do cardiovasculares.
  14. 14. Como calcular a relação Cintura Quadril • Passar uma fita métrica à volta da cintura, na parte mais estreita; • Passar uma fita métrica à volta do quadril, na parte mais larga; • Depois divida o número que obteve da cintura, pelo do quadril.
  15. 15. • Os resultados da relação cintura quadril devem ser: • Até 0.8 para mulheres e • Até 0.9 para homens. • Resultados iguais ou superiores a 0,8 para mulheres e 0,9 para homens, indica alto risco para doenças cardiovasculares. Quanto maior o valor, maior o risco.
  16. 16. Análise postural • 1) Visão anterior: a) Ombros assimétricos, escolioses b) Joelhos varo e valgo, c) Assimetria e desvio de quadril d) Pés adutos e abdutos e) Pés cavos e planos
  17. 17. Ombros assimétricos e escoliose
  18. 18. b) Joelhos valgo e varo
  19. 19. Pés cavos e planos
  20. 20. Pés adutos e abdutos Pés adutos Pés abdutos
  21. 21. • 2) Visão lateral: a) Hiperlordose lombar b) Cifose c) Geno flexo d) Geno valgo
  22. 22. Hiperlordose lombar
  23. 23. Hipercifose e hiperlordose
  24. 24. Geno flexo
  25. 25. Geno recurvato
  26. 26. • 3) VISÃO POSTERIOR a)Pé varo b)Pé valgo c) Desnível das escapulas
  27. 27. Pés valgo e varo
  28. 28. Desnível das escápulas
  29. 29. DADOS ANTROPOMÉTRICOS • Peso • Estatura ( altura) • Circunferências corporais • Dobras cutâneas
  30. 30. Balança antropométrica
  31. 31. Outras medidas Frequência cardíaca • ou ritmo cardíaco é o número de batimentos cardíacos por unidade de tempo, geralmente expresso em batimentos por minuto (bpm). Pode ser aferida manualmente ou com o frequencímetro. Pressão arterial • refere-se à pressão exercida pelo sangue contra a parede das artérias. Pode ser aferida com o esfigmomanômetro.
  32. 32. Frequencímetro
  33. 33. Esfigmomanômetro aneróide

×