“O Principal Objetivo da Guerra é a Paz.”                        Suz Tzu
O General que perde aBatalha faz apenas poucosCálculos de antemão.Assim, muitos cálculos levamà vitória e poucos cálculos,...
O General que perde aBatalha faz apenas poucosCálculos de antemão.Assim, muitos cálculos levamà vitória e poucos cálculos,...
O mundo de Sun Tzu.
O mundo na China 500 a.c.A guerra era considerada,de uma maneira geral,um ritual.        :: Ética da Guerra.        :: Gue...
Quando surge Sun Tzu. :: Período de mudança; :: Os Estados passavam a    se organizar de maneira    permanente. :: As trop...
A arte de estratégiase de Táticas militaressurgiu neste período.
Provavelmente viveu entre 544 e 496 a.c.Se baseado emsua experiência militare no conhecimento docontexto político-econômico.
Em seu manual de Guerra diz:Que não deve ser o objetivo de açõesmilitares o aniquilamento do exércitoinimigo, a ruína de s...
Uma lição do General
Ora, o general é o baluarte do estado. Se o baluarte forcompleto em todos os pontos,  o Estado será forte; se o  baluarte ...
Estabelecendo       Planos                >>
A Arte da Guerra       Cinco fatores constantes a serem observadosna hora da tomada de decisões diante do campo de batalha...
A Arte do Marketing                    Planejamento                Ponto de TransformaçãoAs soluções                      ...
A Arte da guerra e o sentimento do marketing... Portanto, quando capazes de atacar,devemos parecer incapazes; ao usarmosno...
A Arte da guerra e o sentimento do marketing... O general que vence a batalha faz muitosCálculos em seu tempo antes que a ...
A Arte da guerra e o sentimento do marketingAssim, muitos cálculos levam à vitória e poucosCálculos, à derrota...Muito pio...
A Arte da guerraNa guerra, portanto, faze com queteu grande objetivo seja a vitóriae não longas campanhas.
A Arte da guerraNa guerra, portanto, faze com queteu grande objetivo seja a vitóriae não longas campanhas.                ...
A Arte do MarketingCustospara avitória                :: Objetivos e metas;                       :: Estratégias Corporati...
Sun Tzu conclui:Não há exemplos de paísesque tenham se beneficiadode guerras prolongadas.
Atacar por estratégia:Por consequência, está dito:Se conheceres o inimigo e a ti mesmo, nãotemas o resultado de cem batalh...
A Arte do Marketing:: Visão:: Missão:: Definição do Negócio:: Valores:: Políticas
Atacar por estratégia:Por consequência, está dito:Se conheceres a ti mesmo, mas não ao inimigo,para cada vitória, também s...
A Arte do Marketing          Pontos Fortes   Pontos Fracos            Strengths      Weaknesses          Oportunidades    ...
A Arte do MarketingO mercado é constituído porconsumidores e possíveis consumidores,num ambiente muito vulnerável àsCondiç...
Atacar por estratégia:Por consequência, está dito:Se não conheceres a ti mesmo nem ao inimigo,Sucumbirás a todas as batalh...
Atacar por marketingConhecer a si e aos concorrentes        Estabelecer os pontos fortes e fracos                        C...
A Arte da GuerraNão repete as táticas que tefizeram vencer, deixa que teusmétodos sejam regulados pelainfinta variedade de...
Para ser estratégico:Aparece em pontos nos quais o inimigo tenhade se apressar para defender; marcharapidamente para locai...
É ser estratégico:Se valer da divina arte dasutileza e do sigilo!
Inteligência estratégica:Do mesmo modo que na guerra, o caminho éevitar o que é forte e atacar o que é fraco.
Comportamento estratégico:Aquele que consegue modificar suas táticasem relação a seu oponente e assim obter avitória pode ...
Das manobras necessárias:Faze com que teus planos sejam obscuros eimpenetráveis como a noite e, quando temoveres, cai como...
Ser tático:As dificuldades das manobras táticas consisteem transformar o tortuoso em direito e ainfelicidade em benefícios.
Da manobra com o exército:Manobras com um exército é vantajoso; comuma multidão indisciplinada, muito perigoso.
Para todo general:Há estradas que não devem serpercorridas, exércitos que não devem seratacados, cidades que não devem ser...
5 erros que podem afetar um general::: imprudência, que leva à destruição;:: covardia, que leva à captura;:: um temperamen...
Reflexão:Aquele que não exercita a previsão,mas faz pouco de seus oponentes seguramenteserá capturado por eles.
6 calamidades para um exército::: fuga;:: insubordinação;:: colapso;:: ruina;:: desorganização;:: derrota.
Sun Tzu adverte           Dos cuidados com:                                       Buscar das                              ...
6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing:   1    Conhecer a si mesmo:        Visão        Missão        Def...
6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing:   2       Quem somos diante do cenário:        :: Fatores Crítico...
6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing:   3       Definir o que vamos conquistar:        Identificação de...
6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing:   4       Metas, prazos e armas:        :: Objetivos e metas;    ...
6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing:   5       Implementação e avaliação        Programa de ação;     ...
6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing:   6       Retornos e Controles.
Breve exercício:  Os caminhos do marketing hoje.
Obrigado!
A Arte do Aarketing e o Marketing da Guerra
A Arte do Aarketing e o Marketing da Guerra
A Arte do Aarketing e o Marketing da Guerra
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A Arte do Aarketing e o Marketing da Guerra

1.014 visualizações

Publicada em

Inspirado na obra de Sun Tzu.

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.014
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
62
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Arte do Aarketing e o Marketing da Guerra

  1. 1. “O Principal Objetivo da Guerra é a Paz.” Suz Tzu
  2. 2. O General que perde aBatalha faz apenas poucosCálculos de antemão.Assim, muitos cálculos levamà vitória e poucos cálculos,à derrota.Suz Tzu
  3. 3. O General que perde aBatalha faz apenas poucosCálculos de antemão.Assim, muitos cálculos levamà vitória e poucos cálculos,à derrota.Suz Tzu A escolha do Planejamento
  4. 4. O mundo de Sun Tzu.
  5. 5. O mundo na China 500 a.c.A guerra era considerada,de uma maneira geral,um ritual. :: Ética da Guerra. :: Guerras Certas & Guerras Erradas.
  6. 6. Quando surge Sun Tzu. :: Período de mudança; :: Os Estados passavam a se organizar de maneira permanente. :: As tropas era escolhidas por habilidade, disciplina e valentia.
  7. 7. A arte de estratégiase de Táticas militaressurgiu neste período.
  8. 8. Provavelmente viveu entre 544 e 496 a.c.Se baseado emsua experiência militare no conhecimento docontexto político-econômico.
  9. 9. Em seu manual de Guerra diz:Que não deve ser o objetivo de açõesmilitares o aniquilamento do exércitoinimigo, a ruína de suas cidadese a destruição de territórios.
  10. 10. Uma lição do General
  11. 11. Ora, o general é o baluarte do estado. Se o baluarte forcompleto em todos os pontos, o Estado será forte; se o baluarte for deficiente, o Estado será fraco. Uma lição do General
  12. 12. Estabelecendo Planos >>
  13. 13. A Arte da Guerra Cinco fatores constantes a serem observadosna hora da tomada de decisões diante do campo de batalha: Método & disciplinaLei Moral Céu Terra Comandante
  14. 14. A Arte do Marketing Planejamento Ponto de TransformaçãoAs soluções Estratégiasque a empresa Claras deoferece prestação
  15. 15. A Arte da guerra e o sentimento do marketing... Portanto, quando capazes de atacar,devemos parecer incapazes; ao usarmosnossas forças, devemos parecer inativos;quando estivermos próximos, devemos fazercom que nossos inimigos acreditem queestamos bem distantes; quando estivermosdistantes,devemos fazê-los crer queestamos próximos...
  16. 16. A Arte da guerra e o sentimento do marketing... O general que vence a batalha faz muitosCálculos em seu tempo antes que a batalha sejatravada.... O general que perde a batalha faz apenasPoucos cálculos de antemão.
  17. 17. A Arte da guerra e o sentimento do marketingAssim, muitos cálculos levam à vitória e poucosCálculos, à derrota...Muito pior sem cálculo algum!
  18. 18. A Arte da guerraNa guerra, portanto, faze com queteu grande objetivo seja a vitóriae não longas campanhas.
  19. 19. A Arte da guerraNa guerra, portanto, faze com queteu grande objetivo seja a vitóriae não longas campanhas. Custos para a Vitória
  20. 20. A Arte do MarketingCustospara avitória :: Objetivos e metas; :: Estratégias Corporativas; :: MKT Mix; :: Estratégias Competitivas; :: Cadeia de valor; :: Posicionamento.
  21. 21. Sun Tzu conclui:Não há exemplos de paísesque tenham se beneficiadode guerras prolongadas.
  22. 22. Atacar por estratégia:Por consequência, está dito:Se conheceres o inimigo e a ti mesmo, nãotemas o resultado de cem batalhas. >>
  23. 23. A Arte do Marketing:: Visão:: Missão:: Definição do Negócio:: Valores:: Políticas
  24. 24. Atacar por estratégia:Por consequência, está dito:Se conheceres a ti mesmo, mas não ao inimigo,para cada vitória, também sofrerás umaderrota. >>
  25. 25. A Arte do Marketing Pontos Fortes Pontos Fracos Strengths Weaknesses Oportunidades Ameaças Opportunities Threats
  26. 26. A Arte do MarketingO mercado é constituído porconsumidores e possíveis consumidores,num ambiente muito vulnerável àsCondições temporais de economia,Política e inúmeros aspectoscomportamentais.
  27. 27. Atacar por estratégia:Por consequência, está dito:Se não conheceres a ti mesmo nem ao inimigo,Sucumbirás a todas as batalhas.
  28. 28. Atacar por marketingConhecer a si e aos concorrentes Estabelecer os pontos fortes e fracos Conquista da preferência
  29. 29. A Arte da GuerraNão repete as táticas que tefizeram vencer, deixa que teusmétodos sejam regulados pelainfinta variedade decircunstâncias.
  30. 30. Para ser estratégico:Aparece em pontos nos quais o inimigo tenhade se apressar para defender; marcharapidamente para locais em que não ésesperado.
  31. 31. É ser estratégico:Se valer da divina arte dasutileza e do sigilo!
  32. 32. Inteligência estratégica:Do mesmo modo que na guerra, o caminho éevitar o que é forte e atacar o que é fraco.
  33. 33. Comportamento estratégico:Aquele que consegue modificar suas táticasem relação a seu oponente e assim obter avitória pode ser chamado de capitão nascidodos céus.
  34. 34. Das manobras necessárias:Faze com que teus planos sejam obscuros eimpenetráveis como a noite e, quando temoveres, cai como um relâmpago.
  35. 35. Ser tático:As dificuldades das manobras táticas consisteem transformar o tortuoso em direito e ainfelicidade em benefícios.
  36. 36. Da manobra com o exército:Manobras com um exército é vantajoso; comuma multidão indisciplinada, muito perigoso.
  37. 37. Para todo general:Há estradas que não devem serpercorridas, exércitos que não devem seratacados, cidades que não devem sersitiadas, posições que não devem sercontestadas e ordens de soberanos que nãodevem ser obedecidas.
  38. 38. 5 erros que podem afetar um general::: imprudência, que leva à destruição;:: covardia, que leva à captura;:: um temperamento irritadiço, que pode ser estimulado por insultos;:: fragilidade de honra, que é suscetível à vergonha;:: excesso de solicitude com seus homens, que o expões a preocupações e problemas.
  39. 39. Reflexão:Aquele que não exercita a previsão,mas faz pouco de seus oponentes seguramenteserá capturado por eles.
  40. 40. 6 calamidades para um exército::: fuga;:: insubordinação;:: colapso;:: ruina;:: desorganização;:: derrota.
  41. 41. Sun Tzu adverte Dos cuidados com: Buscar das informações Campo Escolha das Armas
  42. 42. 6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing: 1 Conhecer a si mesmo: Visão Missão Definição do Negócio Valores Políticas
  43. 43. 6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing: 2 Quem somos diante do cenário: :: Fatores Críticos do Sucesso :: Análise de cenários
  44. 44. 6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing: 3 Definir o que vamos conquistar: Identificação de oportunidades de mercado
  45. 45. 6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing: 4 Metas, prazos e armas: :: Objetivos e metas; :: Estratégias Corporativas; :: MKT Mix; :: Estratégias Competitivas; :: Cadeia de valor; :: Posicionamento.
  46. 46. 6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing: 5 Implementação e avaliação Programa de ação; Implementação; Projetos e avaliações Financeiras.
  47. 47. 6 passos para compormos a estratégia do nosso marketing: 6 Retornos e Controles.
  48. 48. Breve exercício: Os caminhos do marketing hoje.
  49. 49. Obrigado!

×