SlideShare uma empresa Scribd logo
A reencarnação é o retorno do
espírito à matéria, que após passar
algum tempo no plano espiritual,
para progredir, aprender e
trabalhar, em contato com os
espíritos superiores, retorna ao
mundo material, por amor e
justiça divina, tendo uma nova
oportunidade para fazer ou refazer
o que deixou anteriormente,
vivendo suas provas ou expiações.
Reencarnação uma oportunidade de recomeçar!
Palestrante- Victor Passos
Expiações são situações que se vivenciam para refazer,
reparar o que fez errado ou mal feito no passado
(reparação ou sofrimento pelo qual se expia uma falta).
Provas são as situações, experiências que se precisa passar
para amadurecer, aprender, testar a resignação e a virtude.
Gestação
Quantas vezes já nos
indagamos sobre a
gestação? Sobre a
vida em formação
daquele ser que está
no ventre de sua
mãe? A benção da
vida.
Para que isso aconteça, antes é
realizado um planeamento
reencarnatório, com o propósito
de programar a volta deste
espírito ao mundo material, suas
necessidades, as experiências
pelas quais precisa passar no
período que estiver no corpo
físico, tendo em vista suas
experiências anteriores.
O reencarnante poderá cooperar ou trabalhar ativamente nesse
planeamento. De acordo com o grau evolutivo em que se encontre,
o Espírito poderá facilitar ou dificultar o processo do renascimento.
Os que se detém no desamor e no desequilíbrio, reclamam
cooperação muito maior dos benfeitores que se encarregam das
tarefas de renascimento.
Os Espíritos rebeldes ou indiferentes tem sua encarnação
completamente a cargo dos trabalhadores divinos, que escolhem as
condições sob as quais deverão renascer e as experiências a que
deverão se submeter. A maioria dos que retornam à existência
corporal na esfera do Globo é magnetizada pelos benfeitores
espirituais, que lhe organizam novas tarefas redentoras.
Em que momento a alma se
une ao corpo?
“A união começa na
concepção, mas só é
completa por ocasião do
nascimento.
Desde o instante da
concepção, o Espírito
designado para habitar certo
corpo a este se liga por um
laço fluídico, que cada vez
mais se vai apertando até ao
instante em que a criança vê
a luz.”
questão 344 –
O Livro dos Espíritos
No período que se estende da concepção ao nascimento, o estado do
reencarnante assemelha-se ao do Espírito encarnado durante o
sono. Os Espíritos mais evoluídos gozam de maior liberdade.
Contudo, desde o momento da concepção, o Espírito sente as
consequências de sua nova condição. Começa a se sentir perturbado.
Uma espécie de torpor, agonia e abatimento o envolvem
gradualmente, intensificando-se até o término da vida intra uterina.
...Suas faculdades vão se velando uma após a outra, a memória
desaparece, a consciência fica adormecida, e o Espírito como que é
sepultado em opressiva crisálida. Esse fenômeno se deve à
constrição do perispírito e à sua limitação pelo corpo, que fazem com
que a existência no plano espiritual e a consciência das vidas
pregressas volvam ao inconsciente.
....Esse mecanismo, que faz com
que o homem possa esquecer
suas experiências anteriores ao
nascimento, é prova irrefutável
da Sabedoria Divina. O
conhecimento total da vida
passada, em outras encarnações e
no Plano Espiritual, apresentaria
grandes inconvenientes para a
reeducação dos indivíduos e para
o progresso da Humanidade...
Esquecimento do Passado
...Implicaria em maiores dificuldades ao Espírito na tarefa de
transformação de sua herança mental e talvez no
prolongamento, através dos séculos, de ideias falsas,
teorias errôneas e preconceitos, que geralmente são
tanto mais ativos quanto mais presentes na memória do
ser.
O esquecimento do passado não é absoluto.
Durante o sono, liberado parcialmente dos laços
corporais, o espírito pode ter a consciência do
pretérito.
Deus seria justo
conosco se a vida
se extinguisse no
momento da
morte do corpo
físico?
É possível em
uma só existência
material chegar a
Como pode alguém conseguir em uma única
existência alcançar a perfeição moral e
intelectual? Impossível. Como pode alguém estar
quite com sua própria consciência e moralmente
nunca ter prejudicado alguém ou a si mesmo, no
espaço de uma única existência?
Por outro lado, como explicar os extremos existentes no
planeta como pobreza/riqueza, saúde/doença,
genialidade/idiotice, habilidades/deficiências múltiplas,
vida saudável/mortes prematuras? Privilégios?
Preferências de Deus? Como admitir essa parcialidade?
Tudo se explica, se torna claro com a doutrina das vidas
sucessivas. As desigualdades que nos chocam resultam
das diferentes situações ocupadas pelas almas nos seus
graus infinitos de evolução.
LÓGICA DAS VIDAS SUCESSIVAS
Somente a reencarnação explica
essas diferenças sócio-morais-
intelectuais presentes no
planeta. Fruto sem dúvida, de
experiências diferentes, em
lugares e épocas diferentes
Habilidades, tendências,
estados íntimos, moralidade,
sabedoria, tudo é fruto de
conquistas individuais.
EVIDÊNCIAS
Vários são os fatos que comprovam a reencarnação: as
comunicações mediúnicas, as experiências de regressão de
memória e a manifestação das personalidades múltiplas.
• Reencarnação é uma oportunidade de recomeçar,
refazer para progredir, a cada amanhecer, a cada novo
dia temos a possibilidade de reescrever, de fazer a
nossa história. O que estamos fazendo?
• Estamos nos esforçando para progredir mais,
materialmente ou moralmente. Estamos cumprindo
com o propósito da nossa reencarnação? Amando,
compreendendo, superando, sendo resignado.
Reflexão
BIBLIOGRAFIA
•A REENCARNAÇÂO É PROVA DA GRANDEZA DE
DEUS
MUITA PAZ
Victor Passos

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
Núcleo de Promoção Humana Vinha de Luz
 
Reencarnação eEevolução
Reencarnação eEevoluçãoReencarnação eEevolução
Reencarnação eEevolução
igmateus
 
Provas da Reencarnação
Provas da ReencarnaçãoProvas da Reencarnação
Provas da Reencarnação
igmateus
 
As crianças e jovens no mundo espiritual - Meimei 75 anos de desencarne
As crianças e jovens no mundo espiritual   - Meimei 75 anos de desencarne As crianças e jovens no mundo espiritual   - Meimei 75 anos de desencarne
As crianças e jovens no mundo espiritual - Meimei 75 anos de desencarne
ADALBERTO COELHO DA SILVA JR
 
090902 sexo nos espíritos-semelhanças físicas e morais-ideias inatas–livro ii...
090902 sexo nos espíritos-semelhanças físicas e morais-ideias inatas–livro ii...090902 sexo nos espíritos-semelhanças físicas e morais-ideias inatas–livro ii...
090902 sexo nos espíritos-semelhanças físicas e morais-ideias inatas–livro ii...
Carlos Alberto Freire De Souza
 
2013-03-09-Aula-Reencarnacao Como Processo Educativo Rosana De Rosa
2013-03-09-Aula-Reencarnacao Como Processo Educativo Rosana De Rosa2013-03-09-Aula-Reencarnacao Como Processo Educativo Rosana De Rosa
2013-03-09-Aula-Reencarnacao Como Processo Educativo Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
A Reencarnação
A ReencarnaçãoA Reencarnação
A Reencarnação
Erik Gabriel Thomazi
 
Palestra reencarnação e laços de família
Palestra reencarnação e laços de famíliaPalestra reencarnação e laços de família
Palestra reencarnação e laços de família
Anderson Santos
 
Reencarnação
ReencarnaçãoReencarnação
Reencarnação
Alan Diniz Souza
 
Fund1Mod06Rot1
Fund1Mod06Rot1Fund1Mod06Rot1
Fund1Mod06Rot1
Guto Ovsky
 
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provasReencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Aula planejamento Reencarnatório
Aula planejamento ReencarnatórioAula planejamento Reencarnatório
Aula planejamento Reencarnatório
Mocidade Bezzerra de Menezes
 
ESDE - TOMO I - Módulo VI - Roteiro 5
ESDE - TOMO I - Módulo VI - Roteiro 5ESDE - TOMO I - Módulo VI - Roteiro 5
ESDE - TOMO I - Módulo VI - Roteiro 5
Deborah Oliver
 
Roteiro 4 retorno à vida corporal - união da alama ao corpo
Roteiro 4    retorno à vida corporal - união da alama ao corpoRoteiro 4    retorno à vida corporal - união da alama ao corpo
Roteiro 4 retorno à vida corporal - união da alama ao corpo
Bruno Cechinel Filho
 
Encarnação dos espiritos
Encarnação dos espiritosEncarnação dos espiritos
Encarnação dos espiritos
carlos freire
 
União da Alma ao Corpo
União da Alma ao CorpoUnião da Alma ao Corpo
União da Alma ao Corpo
Eduardo Henrique Marçal
 
Agênere - Aula Livre
Agênere - Aula LivreAgênere - Aula Livre
Agênere - Aula Livre
Sergio Lima Dias Junior
 
Capitulo IV Pluralidade das existencias
Capitulo IV   Pluralidade das existenciasCapitulo IV   Pluralidade das existencias
Capitulo IV Pluralidade das existencias
Marta Gomes
 
Aula Reencarnação
Aula Reencarnação Aula Reencarnação
Aula Reencarnação
Mocidade Bezzerra de Menezes
 
Aborto na visão Espírita
Aborto na visão EspíritaAborto na visão Espírita
Aborto na visão Espírita
Sergio Lima Dias Junior
 

Mais procurados (20)

ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
 
Reencarnação eEevolução
Reencarnação eEevoluçãoReencarnação eEevolução
Reencarnação eEevolução
 
Provas da Reencarnação
Provas da ReencarnaçãoProvas da Reencarnação
Provas da Reencarnação
 
As crianças e jovens no mundo espiritual - Meimei 75 anos de desencarne
As crianças e jovens no mundo espiritual   - Meimei 75 anos de desencarne As crianças e jovens no mundo espiritual   - Meimei 75 anos de desencarne
As crianças e jovens no mundo espiritual - Meimei 75 anos de desencarne
 
090902 sexo nos espíritos-semelhanças físicas e morais-ideias inatas–livro ii...
090902 sexo nos espíritos-semelhanças físicas e morais-ideias inatas–livro ii...090902 sexo nos espíritos-semelhanças físicas e morais-ideias inatas–livro ii...
090902 sexo nos espíritos-semelhanças físicas e morais-ideias inatas–livro ii...
 
2013-03-09-Aula-Reencarnacao Como Processo Educativo Rosana De Rosa
2013-03-09-Aula-Reencarnacao Como Processo Educativo Rosana De Rosa2013-03-09-Aula-Reencarnacao Como Processo Educativo Rosana De Rosa
2013-03-09-Aula-Reencarnacao Como Processo Educativo Rosana De Rosa
 
A Reencarnação
A ReencarnaçãoA Reencarnação
A Reencarnação
 
Palestra reencarnação e laços de família
Palestra reencarnação e laços de famíliaPalestra reencarnação e laços de família
Palestra reencarnação e laços de família
 
Reencarnação
ReencarnaçãoReencarnação
Reencarnação
 
Fund1Mod06Rot1
Fund1Mod06Rot1Fund1Mod06Rot1
Fund1Mod06Rot1
 
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provasReencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
Reencarnação, objetivo, justiça e escolha das provas
 
Aula planejamento Reencarnatório
Aula planejamento ReencarnatórioAula planejamento Reencarnatório
Aula planejamento Reencarnatório
 
ESDE - TOMO I - Módulo VI - Roteiro 5
ESDE - TOMO I - Módulo VI - Roteiro 5ESDE - TOMO I - Módulo VI - Roteiro 5
ESDE - TOMO I - Módulo VI - Roteiro 5
 
Roteiro 4 retorno à vida corporal - união da alama ao corpo
Roteiro 4    retorno à vida corporal - união da alama ao corpoRoteiro 4    retorno à vida corporal - união da alama ao corpo
Roteiro 4 retorno à vida corporal - união da alama ao corpo
 
Encarnação dos espiritos
Encarnação dos espiritosEncarnação dos espiritos
Encarnação dos espiritos
 
União da Alma ao Corpo
União da Alma ao CorpoUnião da Alma ao Corpo
União da Alma ao Corpo
 
Agênere - Aula Livre
Agênere - Aula LivreAgênere - Aula Livre
Agênere - Aula Livre
 
Capitulo IV Pluralidade das existencias
Capitulo IV   Pluralidade das existenciasCapitulo IV   Pluralidade das existencias
Capitulo IV Pluralidade das existencias
 
Aula Reencarnação
Aula Reencarnação Aula Reencarnação
Aula Reencarnação
 
Aborto na visão Espírita
Aborto na visão EspíritaAborto na visão Espírita
Aborto na visão Espírita
 

Destaque

Εφημερίς
ΕφημερίςΕφημερίς
Diapostivas maquinas virtuales
Diapostivas maquinas virtualesDiapostivas maquinas virtuales
Diapostivas maquinas virtuales
Minerva136
 
O arrependimentoe o perdao
O arrependimentoe o perdaoO arrependimentoe o perdao
O arrependimentoe o perdao
Victor Passos
 
Tarefa P2P- modulo 4 obrigatoria
Tarefa P2P- modulo 4 obrigatoriaTarefa P2P- modulo 4 obrigatoria
Tarefa P2P- modulo 4 obrigatoria
Victor Passos
 
Mediunidade e corpo fisico
Mediunidade e corpo fisicoMediunidade e corpo fisico
Mediunidade e corpo fisico
Victor Passos
 
Σύγκριση περιβαλλόντων κοινωνικης δικτύωσης
Σύγκριση περιβαλλόντων κοινωνικης δικτύωσηςΣύγκριση περιβαλλόντων κοινωνικης δικτύωσης
Σύγκριση περιβαλλόντων κοινωνικης δικτύωσηςΜαρία Φουρκιώτη
 
Ghana mission presentation[1]
Ghana mission presentation[1]Ghana mission presentation[1]
Ghana mission presentation[1]
Jknowles721
 
Curso de Pesquisa e Gestão de informação Web - Modulo 2 tarefa
Curso de Pesquisa e Gestão de informação  Web - Modulo 2  tarefaCurso de Pesquisa e Gestão de informação  Web - Modulo 2  tarefa
Curso de Pesquisa e Gestão de informação Web - Modulo 2 tarefa
Victor Passos
 
Utilização educativa das TIC
Utilização educativa das TICUtilização educativa das TIC
Utilização educativa das TIC
Victor Passos
 
Mo
MoMo
Orgulho pai de todos os vicios
Orgulho pai de todos os viciosOrgulho pai de todos os vicios
Orgulho pai de todos os vicios
Victor Passos
 
Obsessões, prevenção tratamento e cura
Obsessões, prevenção tratamento e curaObsessões, prevenção tratamento e cura
Obsessões, prevenção tratamento e cura
Victor Passos
 
Obreiros de ultima hora
Obreiros de ultima horaObreiros de ultima hora
Obreiros de ultima hora
Victor Passos
 
Palestra jesus mensagem eterna
Palestra jesus mensagem eternaPalestra jesus mensagem eterna
Palestra jesus mensagem eterna
Victor Passos
 
Maledicência
MaledicênciaMaledicência
Maledicência
Victor Passos
 
AUTO ESTIMA
AUTO ESTIMAAUTO ESTIMA
AUTO ESTIMA
Victor Passos
 

Destaque (16)

Εφημερίς
ΕφημερίςΕφημερίς
Εφημερίς
 
Diapostivas maquinas virtuales
Diapostivas maquinas virtualesDiapostivas maquinas virtuales
Diapostivas maquinas virtuales
 
O arrependimentoe o perdao
O arrependimentoe o perdaoO arrependimentoe o perdao
O arrependimentoe o perdao
 
Tarefa P2P- modulo 4 obrigatoria
Tarefa P2P- modulo 4 obrigatoriaTarefa P2P- modulo 4 obrigatoria
Tarefa P2P- modulo 4 obrigatoria
 
Mediunidade e corpo fisico
Mediunidade e corpo fisicoMediunidade e corpo fisico
Mediunidade e corpo fisico
 
Σύγκριση περιβαλλόντων κοινωνικης δικτύωσης
Σύγκριση περιβαλλόντων κοινωνικης δικτύωσηςΣύγκριση περιβαλλόντων κοινωνικης δικτύωσης
Σύγκριση περιβαλλόντων κοινωνικης δικτύωσης
 
Ghana mission presentation[1]
Ghana mission presentation[1]Ghana mission presentation[1]
Ghana mission presentation[1]
 
Curso de Pesquisa e Gestão de informação Web - Modulo 2 tarefa
Curso de Pesquisa e Gestão de informação  Web - Modulo 2  tarefaCurso de Pesquisa e Gestão de informação  Web - Modulo 2  tarefa
Curso de Pesquisa e Gestão de informação Web - Modulo 2 tarefa
 
Utilização educativa das TIC
Utilização educativa das TICUtilização educativa das TIC
Utilização educativa das TIC
 
Mo
MoMo
Mo
 
Orgulho pai de todos os vicios
Orgulho pai de todos os viciosOrgulho pai de todos os vicios
Orgulho pai de todos os vicios
 
Obsessões, prevenção tratamento e cura
Obsessões, prevenção tratamento e curaObsessões, prevenção tratamento e cura
Obsessões, prevenção tratamento e cura
 
Obreiros de ultima hora
Obreiros de ultima horaObreiros de ultima hora
Obreiros de ultima hora
 
Palestra jesus mensagem eterna
Palestra jesus mensagem eternaPalestra jesus mensagem eterna
Palestra jesus mensagem eterna
 
Maledicência
MaledicênciaMaledicência
Maledicência
 
AUTO ESTIMA
AUTO ESTIMAAUTO ESTIMA
AUTO ESTIMA
 

Semelhante a Reencarnação oportunidade

2.7.2 uniao da alma e do corpo - aborto
2.7.2   uniao da alma e do corpo - aborto2.7.2   uniao da alma e do corpo - aborto
2.7.2 uniao da alma e do corpo - aborto
Marta Gomes
 
7 aula reencarnação
7   aula reencarnação7   aula reencarnação
7 aula reencarnação
Sergio Lima Dias Junior
 
Desencarne
DesencarneDesencarne
A reencarnação fortalece os laços de familia
A reencarnação fortalece os laços de familiaA reencarnação fortalece os laços de familia
A reencarnação fortalece os laços de familia
Henrique Vieira
 
A religiao interior
A religiao interiorA religiao interior
A religiao interior
Ivan Andrade
 
Capitulo VI - Vida espirita
Capitulo VI - Vida espiritaCapitulo VI - Vida espirita
Capitulo VI - Vida espirita
Marta Gomes
 
Corpos, superação e degraus evolutivos
Corpos, superação e degraus evolutivosCorpos, superação e degraus evolutivos
Corpos, superação e degraus evolutivos
Dr. Walter Cury
 
Adolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagemAdolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagem
ccmoiac
 
O progresso espiritual
O progresso espiritualO progresso espiritual
O progresso espiritual
Helio Cruz
 
Reencarnação agosto17
Reencarnação agosto17Reencarnação agosto17
Reencarnação agosto17
PABLO SOBRINHO
 
( Espiritismo) # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
( Espiritismo)   # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...( Espiritismo)   # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
( Espiritismo) # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
( Espiritismo) # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
( Espiritismo)   # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...( Espiritismo)   # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
( Espiritismo) # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
Daniel de Melo
 
Estudo do livro Roteiro lição 6
Estudo do livro Roteiro lição 6Estudo do livro Roteiro lição 6
Estudo do livro Roteiro lição 6
Candice Gunther
 
Estudo do livro Roteiro lição 2
Estudo do livro Roteiro lição 2Estudo do livro Roteiro lição 2
Estudo do livro Roteiro lição 2
Candice Gunther
 
Adolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagemAdolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagem
siaromjo
 
Adolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagemAdolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagem
anaccc2013
 
GEEAD_2011_11_30
GEEAD_2011_11_30GEEAD_2011_11_30
GEEAD_2011_11_30
Geead Abu Dhabi
 
Desenvolvendo o-poder-mental
Desenvolvendo o-poder-mentalDesenvolvendo o-poder-mental
Desenvolvendo o-poder-mental
Isabel Moraes
 
Processo de Desencarnação
Processo de DesencarnaçãoProcesso de Desencarnação
Processo de Desencarnação
Eduardo Henrique Marçal
 

Semelhante a Reencarnação oportunidade (20)

2.7.2 uniao da alma e do corpo - aborto
2.7.2   uniao da alma e do corpo - aborto2.7.2   uniao da alma e do corpo - aborto
2.7.2 uniao da alma e do corpo - aborto
 
7 aula reencarnação
7   aula reencarnação7   aula reencarnação
7 aula reencarnação
 
Desencarne
DesencarneDesencarne
Desencarne
 
A reencarnação fortalece os laços de familia
A reencarnação fortalece os laços de familiaA reencarnação fortalece os laços de familia
A reencarnação fortalece os laços de familia
 
A religiao interior
A religiao interiorA religiao interior
A religiao interior
 
Capitulo VI - Vida espirita
Capitulo VI - Vida espiritaCapitulo VI - Vida espirita
Capitulo VI - Vida espirita
 
Corpos, superação e degraus evolutivos
Corpos, superação e degraus evolutivosCorpos, superação e degraus evolutivos
Corpos, superação e degraus evolutivos
 
Adolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagemAdolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagem
 
O progresso espiritual
O progresso espiritualO progresso espiritual
O progresso espiritual
 
Reencarnação agosto17
Reencarnação agosto17Reencarnação agosto17
Reencarnação agosto17
 
( Espiritismo) # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
( Espiritismo)   # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...( Espiritismo)   # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
( Espiritismo) # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
 
( Espiritismo) # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
( Espiritismo)   # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...( Espiritismo)   # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
( Espiritismo) # - aluney e a silva - atividade noturna do espirito, desdob...
 
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
A12 CBE DM - AS LEIS DA REENCARNAÇÃO E DO CARMA - A EVOLUÇÃO DO ESPÍRITO - 20...
 
Estudo do livro Roteiro lição 6
Estudo do livro Roteiro lição 6Estudo do livro Roteiro lição 6
Estudo do livro Roteiro lição 6
 
Estudo do livro Roteiro lição 2
Estudo do livro Roteiro lição 2Estudo do livro Roteiro lição 2
Estudo do livro Roteiro lição 2
 
Adolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagemAdolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagem
 
Adolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagemAdolescente, mas de passagem
Adolescente, mas de passagem
 
GEEAD_2011_11_30
GEEAD_2011_11_30GEEAD_2011_11_30
GEEAD_2011_11_30
 
Desenvolvendo o-poder-mental
Desenvolvendo o-poder-mentalDesenvolvendo o-poder-mental
Desenvolvendo o-poder-mental
 
Processo de Desencarnação
Processo de DesencarnaçãoProcesso de Desencarnação
Processo de Desencarnação
 

Mais de Victor Passos

Exercicio final curso ferramentas web
Exercicio final curso ferramentas webExercicio final curso ferramentas web
Exercicio final curso ferramentas web
Victor Passos
 
Utilização educativa das TIC
Utilização educativa das TICUtilização educativa das TIC
Utilização educativa das TIC
Victor Passos
 
Exercicio obrigatório modulo 3 - 3.2
Exercicio obrigatório modulo  3 -  3.2Exercicio obrigatório modulo  3 -  3.2
Exercicio obrigatório modulo 3 - 3.2
Victor Passos
 
Modulo 2 - exercicio obrigatorio
Modulo 2 -  exercicio obrigatorioModulo 2 -  exercicio obrigatorio
Modulo 2 - exercicio obrigatorio
Victor Passos
 
Modulo 1 - Pesquisa web
Modulo 1 - Pesquisa webModulo 1 - Pesquisa web
Modulo 1 - Pesquisa web
Victor Passos
 
Espiritualidade e emoções
Espiritualidade e emoçõesEspiritualidade e emoções
Espiritualidade e emoções
Victor Passos
 
Desperte e seja feliz final
Desperte e seja feliz finalDesperte e seja feliz final
Desperte e seja feliz final
Victor Passos
 
Mediunidade
MediunidadeMediunidade
Mediunidade
Victor Passos
 
Conflitos familiares
Conflitos familiaresConflitos familiares
Conflitos familiares
Victor Passos
 
A prece
A preceA prece
A prece
Victor Passos
 
Doença – a cura – a autocura
Doença – a cura – a autocuraDoença – a cura – a autocura
Doença – a cura – a autocura
Victor Passos
 
Como mudar
Como mudarComo mudar
Como mudar
Victor Passos
 
Anjos da guarda
Anjos da guardaAnjos da guarda
Anjos da guarda
Victor Passos
 
Reforma intima e livre arbtrio
Reforma intima e livre arbtrioReforma intima e livre arbtrio
Reforma intima e livre arbtrio
Victor Passos
 
Mecanismo da mediunidade
Mecanismo da mediunidadeMecanismo da mediunidade
Mecanismo da mediunidade
Victor Passos
 
Loucura e-suas-causas
Loucura e-suas-causasLoucura e-suas-causas
Loucura e-suas-causas
Victor Passos
 
Arrependimentoe o Perdao
Arrependimentoe o PerdaoArrependimentoe o Perdao
Arrependimentoe o Perdao
Victor Passos
 
Amadurecimento psicológico
Amadurecimento psicológicoAmadurecimento psicológico
Amadurecimento psicológico
Victor Passos
 
Palestra a reencarnacao
Palestra   a reencarnacaoPalestra   a reencarnacao
Palestra a reencarnacao
Victor Passos
 
Opções para se achar feliz
Opções para se achar felizOpções para se achar feliz
Opções para se achar feliz
Victor Passos
 

Mais de Victor Passos (20)

Exercicio final curso ferramentas web
Exercicio final curso ferramentas webExercicio final curso ferramentas web
Exercicio final curso ferramentas web
 
Utilização educativa das TIC
Utilização educativa das TICUtilização educativa das TIC
Utilização educativa das TIC
 
Exercicio obrigatório modulo 3 - 3.2
Exercicio obrigatório modulo  3 -  3.2Exercicio obrigatório modulo  3 -  3.2
Exercicio obrigatório modulo 3 - 3.2
 
Modulo 2 - exercicio obrigatorio
Modulo 2 -  exercicio obrigatorioModulo 2 -  exercicio obrigatorio
Modulo 2 - exercicio obrigatorio
 
Modulo 1 - Pesquisa web
Modulo 1 - Pesquisa webModulo 1 - Pesquisa web
Modulo 1 - Pesquisa web
 
Espiritualidade e emoções
Espiritualidade e emoçõesEspiritualidade e emoções
Espiritualidade e emoções
 
Desperte e seja feliz final
Desperte e seja feliz finalDesperte e seja feliz final
Desperte e seja feliz final
 
Mediunidade
MediunidadeMediunidade
Mediunidade
 
Conflitos familiares
Conflitos familiaresConflitos familiares
Conflitos familiares
 
A prece
A preceA prece
A prece
 
Doença – a cura – a autocura
Doença – a cura – a autocuraDoença – a cura – a autocura
Doença – a cura – a autocura
 
Como mudar
Como mudarComo mudar
Como mudar
 
Anjos da guarda
Anjos da guardaAnjos da guarda
Anjos da guarda
 
Reforma intima e livre arbtrio
Reforma intima e livre arbtrioReforma intima e livre arbtrio
Reforma intima e livre arbtrio
 
Mecanismo da mediunidade
Mecanismo da mediunidadeMecanismo da mediunidade
Mecanismo da mediunidade
 
Loucura e-suas-causas
Loucura e-suas-causasLoucura e-suas-causas
Loucura e-suas-causas
 
Arrependimentoe o Perdao
Arrependimentoe o PerdaoArrependimentoe o Perdao
Arrependimentoe o Perdao
 
Amadurecimento psicológico
Amadurecimento psicológicoAmadurecimento psicológico
Amadurecimento psicológico
 
Palestra a reencarnacao
Palestra   a reencarnacaoPalestra   a reencarnacao
Palestra a reencarnacao
 
Opções para se achar feliz
Opções para se achar felizOpções para se achar feliz
Opções para se achar feliz
 

Último

Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Celso Napoleon
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Nilson Almeida
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
JonasRibeiro61
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
AlessandroSanches8
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
ESCRIBA DE CRISTO
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
ESCRIBA DE CRISTO
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
ESCRIBA DE CRISTO
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
ESCRIBA DE CRISTO
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
André Ricardo Marcondes
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Celso Napoleon
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
ayronleonardo
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 

Último (16)

Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
 
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 

Reencarnação oportunidade

  • 1. A reencarnação é o retorno do espírito à matéria, que após passar algum tempo no plano espiritual, para progredir, aprender e trabalhar, em contato com os espíritos superiores, retorna ao mundo material, por amor e justiça divina, tendo uma nova oportunidade para fazer ou refazer o que deixou anteriormente, vivendo suas provas ou expiações. Reencarnação uma oportunidade de recomeçar! Palestrante- Victor Passos
  • 2. Expiações são situações que se vivenciam para refazer, reparar o que fez errado ou mal feito no passado (reparação ou sofrimento pelo qual se expia uma falta). Provas são as situações, experiências que se precisa passar para amadurecer, aprender, testar a resignação e a virtude.
  • 3. Gestação Quantas vezes já nos indagamos sobre a gestação? Sobre a vida em formação daquele ser que está no ventre de sua mãe? A benção da vida.
  • 4. Para que isso aconteça, antes é realizado um planeamento reencarnatório, com o propósito de programar a volta deste espírito ao mundo material, suas necessidades, as experiências pelas quais precisa passar no período que estiver no corpo físico, tendo em vista suas experiências anteriores.
  • 5. O reencarnante poderá cooperar ou trabalhar ativamente nesse planeamento. De acordo com o grau evolutivo em que se encontre, o Espírito poderá facilitar ou dificultar o processo do renascimento. Os que se detém no desamor e no desequilíbrio, reclamam cooperação muito maior dos benfeitores que se encarregam das tarefas de renascimento.
  • 6. Os Espíritos rebeldes ou indiferentes tem sua encarnação completamente a cargo dos trabalhadores divinos, que escolhem as condições sob as quais deverão renascer e as experiências a que deverão se submeter. A maioria dos que retornam à existência corporal na esfera do Globo é magnetizada pelos benfeitores espirituais, que lhe organizam novas tarefas redentoras.
  • 7. Em que momento a alma se une ao corpo? “A união começa na concepção, mas só é completa por ocasião do nascimento. Desde o instante da concepção, o Espírito designado para habitar certo corpo a este se liga por um laço fluídico, que cada vez mais se vai apertando até ao instante em que a criança vê a luz.” questão 344 – O Livro dos Espíritos
  • 8. No período que se estende da concepção ao nascimento, o estado do reencarnante assemelha-se ao do Espírito encarnado durante o sono. Os Espíritos mais evoluídos gozam de maior liberdade. Contudo, desde o momento da concepção, o Espírito sente as consequências de sua nova condição. Começa a se sentir perturbado. Uma espécie de torpor, agonia e abatimento o envolvem gradualmente, intensificando-se até o término da vida intra uterina.
  • 9. ...Suas faculdades vão se velando uma após a outra, a memória desaparece, a consciência fica adormecida, e o Espírito como que é sepultado em opressiva crisálida. Esse fenômeno se deve à constrição do perispírito e à sua limitação pelo corpo, que fazem com que a existência no plano espiritual e a consciência das vidas pregressas volvam ao inconsciente.
  • 10. ....Esse mecanismo, que faz com que o homem possa esquecer suas experiências anteriores ao nascimento, é prova irrefutável da Sabedoria Divina. O conhecimento total da vida passada, em outras encarnações e no Plano Espiritual, apresentaria grandes inconvenientes para a reeducação dos indivíduos e para o progresso da Humanidade... Esquecimento do Passado
  • 11. ...Implicaria em maiores dificuldades ao Espírito na tarefa de transformação de sua herança mental e talvez no prolongamento, através dos séculos, de ideias falsas, teorias errôneas e preconceitos, que geralmente são tanto mais ativos quanto mais presentes na memória do ser.
  • 12. O esquecimento do passado não é absoluto. Durante o sono, liberado parcialmente dos laços corporais, o espírito pode ter a consciência do pretérito.
  • 13. Deus seria justo conosco se a vida se extinguisse no momento da morte do corpo físico? É possível em uma só existência material chegar a
  • 14. Como pode alguém conseguir em uma única existência alcançar a perfeição moral e intelectual? Impossível. Como pode alguém estar quite com sua própria consciência e moralmente nunca ter prejudicado alguém ou a si mesmo, no espaço de uma única existência?
  • 15. Por outro lado, como explicar os extremos existentes no planeta como pobreza/riqueza, saúde/doença, genialidade/idiotice, habilidades/deficiências múltiplas, vida saudável/mortes prematuras? Privilégios? Preferências de Deus? Como admitir essa parcialidade?
  • 16. Tudo se explica, se torna claro com a doutrina das vidas sucessivas. As desigualdades que nos chocam resultam das diferentes situações ocupadas pelas almas nos seus graus infinitos de evolução. LÓGICA DAS VIDAS SUCESSIVAS
  • 17. Somente a reencarnação explica essas diferenças sócio-morais- intelectuais presentes no planeta. Fruto sem dúvida, de experiências diferentes, em lugares e épocas diferentes Habilidades, tendências, estados íntimos, moralidade, sabedoria, tudo é fruto de conquistas individuais.
  • 18. EVIDÊNCIAS Vários são os fatos que comprovam a reencarnação: as comunicações mediúnicas, as experiências de regressão de memória e a manifestação das personalidades múltiplas.
  • 19.
  • 20. • Reencarnação é uma oportunidade de recomeçar, refazer para progredir, a cada amanhecer, a cada novo dia temos a possibilidade de reescrever, de fazer a nossa história. O que estamos fazendo? • Estamos nos esforçando para progredir mais, materialmente ou moralmente. Estamos cumprindo com o propósito da nossa reencarnação? Amando, compreendendo, superando, sendo resignado. Reflexão
  • 22. •A REENCARNAÇÂO É PROVA DA GRANDEZA DE DEUS MUITA PAZ Victor Passos