SlideShare uma empresa Scribd logo
Blocos Lógicos
Objetivos
• Despertar o pensamento propiciando a troca de experiências e conhecimentos;
• Fazer com que o aluno sabia debater idéias, levantar hipóteses, elaborar estratégias e aplicá-las, sempre
por meio de situações-problema próximas à vivência do aluno para maior contextualização.
• Trabalhar com a geometria manuseando e manipulando objetos, embalagens e blocos lógicos,
descobrindo seus elementos, suas características ou propriedades, as diferenças e semelhanças entre
eles.
• Raciocinar, explorar e descobrir são fatores que desempenham importante papel no desenvolvimento da
concepção de espaço.
1ª Aula:
Os exercícios com os blocos lógicos podem se estender por todo o programa do ano, sempre intercalados com
atividades que empreguem outros tipos de material didático, como o material dourado ou Cuisenaire.
Um jogo de blocos lógicos contém 48 peças divididas em três cores (amarelo, azul e vermelho), quatro formas
(círculo, quadrado, triângulo e retângulo), dois tamanhos (grande e pequeno) e duas espessuras (fino e
grosso).
As peças podem ser de madeira ou cartolina, sem medidas padronizadas.
Nessa aula você poderá confeccionar o material com seus alunos em cartolinas.
1 - JOGO LIVRE:
Primeiramente, promova o reconhecimento do material.
Peça aos alunos para formarem desenhos com as formas dos blocos lógicos, observando e comparando as
cores, os tamanhos e as formas.
Esse trabalho poderá ser feito em grupo, pois os alunos através de diálogos, enriquecerão o conhecimento das
características físicas de cada bloco.
2 - JOGO DA CLASSIFICAÇÃO:
Apresentar um quadro às crianças para que classifiquem os blocos.
Crie junto com os alunos os atributos que serão dados para os tipos de blocos existentes.
Exemplos:
a) as quatro formas: círculo, quadrado, retângulo e triângulo
b) as duas espessuras: grosso e fino
c) os dois tamanhos: pequeno e grande
d) as cores: amarelo, azul e vermelho
Faça em cartolina um quadro. Escolha alguns atributos e peça aos alunos que separem os blocos de acordo com
os atributos escolhidos.
Primeiramente, escolha apenas um atributo (quadrada).
Exemplo: separar apenas as peças quadradas.
Depois, vá acrescentando atributos (vermelha, fina, pequena).
Os alunos irão completar o quadro com a peça quadrada, pequena, fina e vermelha.
2ª Aula:
3- JOGO QUEM ESTÁ COM A PEÇA?:
Peça para cada aluno escolher um bloco lógico.
A professora escolherá uma delas sem contar aos alunos qual é.
Essa será a peça que deverá ser adivinhada.
Apresente então um quadro com duas colunas.
Supondo que a peça escolhida seja um triângulo pequeno, azul e grosso, você colocará no quadro apenas o
primeiro atributo, perguntando:
- Quem tem a peça azul?
Todos os alunos que tiverem as peças azuis irão colocá-las no quadro.
Em seguida, dê outra dica:
- Quem tem a peça na forma triangular?
Quem tiver colocado a peça que não for triangular, deverá ir ao quadro retirá-la.
O exercício continua com os outros atributos até ficar apenas a peça que foi escolhida.
A atividade estimula mais que a comparação visual. Também exercita a comparação sensorial entre o atributo e
a peça que a criança tem na mão.
Você poderá também fazer uma segunda coluna, a da negação (peças que não são da cor, do tamanho, da
espessura e nem da forma pedida) que leva à classificação e ajuda a compreender, por exemplo, que um
número pertence a um conjunto numérico e não a outro.
3ª Aula:
4 – JOGO ADIVINHE QUAL É A PEÇA
Dividir a classe em grupos e espalhar os blocos lógicos pelo chão.
Para descobrir qual é a peça, as crianças farão uma competição. Dar um comando das características de uma
peça (por exemplo: amarelo, triângulo, grande e fino) para um grupo.
Em seguida, o grupo deve procurar e selecionar a peça correspondente para mostrá-la, o mais rapidamente
possível, às outras equipes.
A competição poderá ter como objetivo verificar qual grupo encontra a peça correta primeiro ou de qual grupo
encontra mais peças corretas. À medida que acertam, recebem uma pontuação.
Outra opção é de cada equipe desafiar os outros grupos da classe distribuindo eles mesmos os atributos.
4ª Aula:
5- O JOGO DAS DIFERENÇAS
Neste jogo os alunos observarão três peças sobre o quadro.
Exemplo:
1- triângulo, amarelo, grosso e grande;
2- quadrado, amarelo, grosso e grande;
3- retângulo, amarelo, grosso e grande;
Eles deverão escolher a quarta peça (círculo, amarelo, grosso e grande) observando que, entre ela e sua
vizinha, deverá haver o mesmo número de diferenças existente entre as outras duas peças do quadro (a
diferença na forma).
As peças serão colocadas pela professora de forma que, em primeiro lugar, haja apenas uma diferença. Depois
duas, três e, por fim, quatro diferenças entre as peças. Os alunos farão comparações cada vez mais rápidas
quando estiverem pensando na peça que se encaixe em todas as condições.
6- JOGO O MESTRE MANDOU
Os alunos deverão encontrar a peça que obedeça à seqüência de comandos estabelecida pela professora.
A seqüência poderá ser iniciada com os atributos: círculo, azul e grosso.
Os alunos escolherão a peça correspondente.
O comando seguinte é mudar para a cor vermelha. Eles selecionarão um círculo grosso e vermelho.
Em seguida, devem mudar para a espessura fina. Então, um círculo vermelho e fino deverá ser selecionado. A
professora poderá continuar acrescentando comandos ou apresentar uma seqüência pronta.
Faça depois o processo inverso. Os alunos serão apresentados a uma nova seqüência de comandos, já com a
última peça.
Eles deverão reverter os comandos para chegar à peça de partida.
A atividade é essencial para o entendimento das operações aritméticas, principalmente a adição como inverso
da subtração e a multiplicação como inverso da divisão.
Use também a arte de dobrar papéis que é conhecida como origami.
O origami é útil, ainda, para ensinar conceitos básicos de geometria. Da primeira à quarta série, você pode
montar, junto com a turma, barquinhos, balões, chapéus de soldado, pirâmides, cubos e outros sólidos
geométricos.
Veja na Oficina de Origami do eAprender.
Desse modo, a criança tem chance de visualizar conceitos abstratos como superfícies, linhas e pontos.
Também é possível construir figuras planas — quadrados, retângulos e triângulos — que vão ajudar na
explicação de ângulos, diagonais e lados.
• Integração:
ARTES: Confecção dos blocos lógicos e dos desenhos. Trabalhar com os blocos lógicos na criação de painéis.
HISTÓRIA: Pesquisar sobre os desenhos geométricos muito utilizado em obras de arte e construções.
Teia de Histórias
Objetivos
• Conhecer diversas Histórias infantis;
• Utilizar a técnica de dramatizar e fazer recontos;
• Oportunizar a criatividade, imaginação,
humor,ilusionismo;
• Desenvolver habilidades sociais;
• Desenvolver o hábito de ouvir com atenção;
• Enriquecer e ampliar o vocabulário;
• Intervir, posicionar, julgar e modificar subvenções sociais;
• Desenvolver o pensamento lógico e a rapidez de raciocínio;
• Criar atitudes desejáveis;
• Permitir a livre expressão.
Desenvolvimento:
• Das oficinas: Usar material reciclado para confeccionar as fantasias e
adereços. Os moldes já serão entregues devidamente riscados e cortados. Os
alunos se dividirão em grupos de trabalho e orientados por professora e
estagiárias, executarão as atividades estipuladas.(Algumas peças já se
encontrava à disposição da turma, adquiridas anteriormente, pela escola).
• Das apresentações das histórias: Propiciar aos alunos um ambiente
aconchegante e confortável para conhecer as histórias, observando o
planejamento das atividades.Da teia de histórias: Desafiar os alunos a fazerem o reconto de todas as
histórias ao mesmo tempo, numa mistura aleatória de personagens. Fazendo uso do tapete,
almofadas, música e incenso, preparar um ambiente propício e agradável. Colocar no baú as fantasias
e acessórios confeccionados e numerados, afixando na tampa do mesmo, uma lista apenas com o
número de peças nele contidas.(Ao colocar as peças , exibi-las novamente às crianças relembrando a
quem pertencem, de que história foi retirada, seu uso na história, etc).
Quando todas as crianças estiverem acomodadas no tapete, a professora iniciará a história:
Era uma vez, num bosque rodeado de lindas montanhas, onde dezenas de pássaros cantavam nos
galhos floridos das árvores e agitavam suas asinhas num vôo apressado na busca de frutinhas para
alimentar seus filhotes a piar nos ninhos. Naquela tarde ensolarada e perfumada de primavera,
debaixo de um ipê amarelo, bem ao lado de um límpido lago, encontrei........
Aí a professora toca uma das crianças e ela dirá um número, retirando do baú a peça correspondente,
continuando a história com o que lhe remete na lembrança, o objeto vindo do baú. A criança dará asas
a sua imaginação para colocar o objeto ou o personagem sorteado na história, continuará contando
um pedacinho, depois tocará outra criança e esta deverá dar seqüência com outro objeto. A história
prossegue até todos os objetos e personagens forem usados ou até quando as crianças permanecerem
interessadas.
•

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apostila matematica com jogos e atividades
Apostila matematica com jogos e atividadesApostila matematica com jogos e atividades
Apostila matematica com jogos e atividades
Marcelo Santos
 
JOGOS MATEMÁTICOS PAIC
JOGOS MATEMÁTICOS  PAIC JOGOS MATEMÁTICOS  PAIC
JOGOS MATEMÁTICOS PAIC
orientadoresdeestudopaic
 
PLANO DE AULA-JOGOS,BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS
PLANO DE AULA-JOGOS,BRINQUEDOS E BRINCADEIRASPLANO DE AULA-JOGOS,BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS
PLANO DE AULA-JOGOS,BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS
Aline_Lune
 
Projeto o folclore
Projeto o folcloreProjeto o folclore
Projeto o folclore
Francineteproinfo
 
Como Brincar com Blocos Lógicos
Como Brincar com Blocos LógicosComo Brincar com Blocos Lógicos
Como Brincar com Blocos Lógicos
Joelma Santos
 
Jogos para alfabetizar
Jogos para alfabetizarJogos para alfabetizar
Jogos para alfabetizar
Bete Feliciano
 
Quadro e reta numerica
Quadro e reta numericaQuadro e reta numerica
Quadro e reta numerica
Aline Manzini
 
Amarelinha matemática
Amarelinha matemáticaAmarelinha matemática
Amarelinha matemática
Lydiane Vieira
 
Velha da adição (1)
Velha da adição (1)Velha da adição (1)
Velha da adição (1)
Rosemary Batista
 
Plano de aula
Plano de aulaPlano de aula
Plano de aula
UNESC
 
Slide projeto edna mendes
Slide projeto edna mendesSlide projeto edna mendes
Slide projeto edna mendes
ednamendesandrade
 
Oficina de Jogos Educativos
Oficina de Jogos Educativos Oficina de Jogos Educativos
Oficina de Jogos Educativos
Gilberto Borges
 
Jogos na aprendizagem do sistema de numeração decimal caderno 3
Jogos na aprendizagem do sistema de numeração decimal   caderno 3Jogos na aprendizagem do sistema de numeração decimal   caderno 3
Jogos na aprendizagem do sistema de numeração decimal caderno 3
Aprender com prazer
 
Texto para reflexão colcha de retalhos
Texto para reflexão colcha de retalhosTexto para reflexão colcha de retalhos
Texto para reflexão colcha de retalhos
sitedcoeste
 
Trabalhando as formas geométricas
Trabalhando as formas geométricasTrabalhando as formas geométricas
Trabalhando as formas geométricas
Professor Dennys
 
Matemática na Educação Infantil
Matemática na Educação InfantilMatemática na Educação Infantil
Matemática na Educação Infantil
Eliane Dantas Sales
 
Jogos matemáticos
Jogos matemáticosJogos matemáticos
Jogos matemáticos
Roberta Andrade
 
Gincana final- descritores do 5 ano
Gincana final- descritores do 5 ano Gincana final- descritores do 5 ano
Gincana final- descritores do 5 ano
Ana Maria Pereira da Silva
 
Pauta htpc 08 de fevereiro 2012
Pauta htpc 08 de fevereiro 2012Pauta htpc 08 de fevereiro 2012
Pauta htpc 08 de fevereiro 2012
Nethy Marques
 
Apostila de Jogos do PNAIC
Apostila de Jogos do PNAICApostila de Jogos do PNAIC
Apostila de Jogos do PNAIC
Eleúzia Lins Silva
 

Mais procurados (20)

Apostila matematica com jogos e atividades
Apostila matematica com jogos e atividadesApostila matematica com jogos e atividades
Apostila matematica com jogos e atividades
 
JOGOS MATEMÁTICOS PAIC
JOGOS MATEMÁTICOS  PAIC JOGOS MATEMÁTICOS  PAIC
JOGOS MATEMÁTICOS PAIC
 
PLANO DE AULA-JOGOS,BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS
PLANO DE AULA-JOGOS,BRINQUEDOS E BRINCADEIRASPLANO DE AULA-JOGOS,BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS
PLANO DE AULA-JOGOS,BRINQUEDOS E BRINCADEIRAS
 
Projeto o folclore
Projeto o folcloreProjeto o folclore
Projeto o folclore
 
Como Brincar com Blocos Lógicos
Como Brincar com Blocos LógicosComo Brincar com Blocos Lógicos
Como Brincar com Blocos Lógicos
 
Jogos para alfabetizar
Jogos para alfabetizarJogos para alfabetizar
Jogos para alfabetizar
 
Quadro e reta numerica
Quadro e reta numericaQuadro e reta numerica
Quadro e reta numerica
 
Amarelinha matemática
Amarelinha matemáticaAmarelinha matemática
Amarelinha matemática
 
Velha da adição (1)
Velha da adição (1)Velha da adição (1)
Velha da adição (1)
 
Plano de aula
Plano de aulaPlano de aula
Plano de aula
 
Slide projeto edna mendes
Slide projeto edna mendesSlide projeto edna mendes
Slide projeto edna mendes
 
Oficina de Jogos Educativos
Oficina de Jogos Educativos Oficina de Jogos Educativos
Oficina de Jogos Educativos
 
Jogos na aprendizagem do sistema de numeração decimal caderno 3
Jogos na aprendizagem do sistema de numeração decimal   caderno 3Jogos na aprendizagem do sistema de numeração decimal   caderno 3
Jogos na aprendizagem do sistema de numeração decimal caderno 3
 
Texto para reflexão colcha de retalhos
Texto para reflexão colcha de retalhosTexto para reflexão colcha de retalhos
Texto para reflexão colcha de retalhos
 
Trabalhando as formas geométricas
Trabalhando as formas geométricasTrabalhando as formas geométricas
Trabalhando as formas geométricas
 
Matemática na Educação Infantil
Matemática na Educação InfantilMatemática na Educação Infantil
Matemática na Educação Infantil
 
Jogos matemáticos
Jogos matemáticosJogos matemáticos
Jogos matemáticos
 
Gincana final- descritores do 5 ano
Gincana final- descritores do 5 ano Gincana final- descritores do 5 ano
Gincana final- descritores do 5 ano
 
Pauta htpc 08 de fevereiro 2012
Pauta htpc 08 de fevereiro 2012Pauta htpc 08 de fevereiro 2012
Pauta htpc 08 de fevereiro 2012
 
Apostila de Jogos do PNAIC
Apostila de Jogos do PNAICApostila de Jogos do PNAIC
Apostila de Jogos do PNAIC
 

Destaque

Corrigido planejando as visitas às salas de aula -
Corrigido planejando as visitas às salas de aula -Corrigido planejando as visitas às salas de aula -
Corrigido planejando as visitas às salas de aula -
Eunice Mendes de Oliveira
 
Dona Licinha conto1
Dona Licinha    conto1Dona Licinha    conto1
Dona Licinha conto1
Eunice Mendes de Oliveira
 
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e a neve c
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e  a neve   cAtividade 3 5_eunice slides a formiga e  a neve   c
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e a neve c
Eunice Mendes de Oliveira
 
Mensagem dia dos pais
Mensagem dia dos paisMensagem dia dos pais
Mensagem dia dos pais
Eunice Mendes de Oliveira
 
Eunice
EuniceEunice
PNAIC - Refletindo sobre a ortografia na sala de aula
PNAIC - Refletindo sobre a ortografia na sala de aulaPNAIC - Refletindo sobre a ortografia na sala de aula
PNAIC - Refletindo sobre a ortografia na sala de aula
ElieneDias
 
Devocional diario (1)
Devocional diario (1)Devocional diario (1)
Devocional diario (1)
Eunice Mendes de Oliveira
 
PNAIC - O trabalho com ortografia na escola
PNAIC - O trabalho com ortografia na escolaPNAIC - O trabalho com ortografia na escola
PNAIC - O trabalho com ortografia na escola
ElieneDias
 
Trabahando com crianças do berçário
Trabahando com crianças do berçárioTrabahando com crianças do berçário
Trabahando com crianças do berçário
Eunice Mendes de Oliveira
 
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 corretoApresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
Eunice Mendes de Oliveira
 
O menino que_aprendeu_a_ler[1]
O menino que_aprendeu_a_ler[1]O menino que_aprendeu_a_ler[1]
O menino que_aprendeu_a_ler[1]
Eunice Mendes de Oliveira
 
A Difícil Arte de Conviver
A Difícil Arte de ConviverA Difícil Arte de Conviver
A Difícil Arte de Conviver
lucianaraspa
 
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2Ano 2 pnaic 3º encontro blog2
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2
miesbella
 
1 power~1
1 power~11 power~1
A arte de contar histórias
A arte de contar históriasA arte de contar histórias
A arte de contar histórias
Eunice Mendes de Oliveira
 
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas geraisExpandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Eunice Mendes de Oliveira
 
Minicurso falando de alfabetizacao e letramento
Minicurso falando de alfabetizacao e letramentoMinicurso falando de alfabetizacao e letramento
Minicurso falando de alfabetizacao e letramento
Eunice Mendes de Oliveira
 
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de Caxias
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de CaxiasPnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de Caxias
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de Caxias
Fabiana Esteves
 
Ativ.1ºano exibição modoexib.leit.
Ativ.1ºano exibição modoexib.leit.Ativ.1ºano exibição modoexib.leit.
Ativ.1ºano exibição modoexib.leit.
Eunice Mendes de Oliveira
 
Letra uber
Letra uberLetra uber

Destaque (20)

Corrigido planejando as visitas às salas de aula -
Corrigido planejando as visitas às salas de aula -Corrigido planejando as visitas às salas de aula -
Corrigido planejando as visitas às salas de aula -
 
Dona Licinha conto1
Dona Licinha    conto1Dona Licinha    conto1
Dona Licinha conto1
 
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e a neve c
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e  a neve   cAtividade 3 5_eunice slides a formiga e  a neve   c
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e a neve c
 
Mensagem dia dos pais
Mensagem dia dos paisMensagem dia dos pais
Mensagem dia dos pais
 
Eunice
EuniceEunice
Eunice
 
PNAIC - Refletindo sobre a ortografia na sala de aula
PNAIC - Refletindo sobre a ortografia na sala de aulaPNAIC - Refletindo sobre a ortografia na sala de aula
PNAIC - Refletindo sobre a ortografia na sala de aula
 
Devocional diario (1)
Devocional diario (1)Devocional diario (1)
Devocional diario (1)
 
PNAIC - O trabalho com ortografia na escola
PNAIC - O trabalho com ortografia na escolaPNAIC - O trabalho com ortografia na escola
PNAIC - O trabalho com ortografia na escola
 
Trabahando com crianças do berçário
Trabahando com crianças do berçárioTrabahando com crianças do berçário
Trabahando com crianças do berçário
 
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 corretoApresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
Apresentação1 dia d correto dia dos pais 2013 correto
 
O menino que_aprendeu_a_ler[1]
O menino que_aprendeu_a_ler[1]O menino que_aprendeu_a_ler[1]
O menino que_aprendeu_a_ler[1]
 
A Difícil Arte de Conviver
A Difícil Arte de ConviverA Difícil Arte de Conviver
A Difícil Arte de Conviver
 
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2Ano 2 pnaic 3º encontro blog2
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2
 
1 power~1
1 power~11 power~1
1 power~1
 
A arte de contar histórias
A arte de contar históriasA arte de contar histórias
A arte de contar histórias
 
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas geraisExpandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
 
Minicurso falando de alfabetizacao e letramento
Minicurso falando de alfabetizacao e letramentoMinicurso falando de alfabetizacao e letramento
Minicurso falando de alfabetizacao e letramento
 
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de Caxias
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de CaxiasPnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de Caxias
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de Caxias
 
Ativ.1ºano exibição modoexib.leit.
Ativ.1ºano exibição modoexib.leit.Ativ.1ºano exibição modoexib.leit.
Ativ.1ºano exibição modoexib.leit.
 
Letra uber
Letra uberLetra uber
Letra uber
 

Semelhante a plano de aula muito bom

Blocos logicos curso1
Blocos logicos curso1Blocos logicos curso1
Blocos logicos curso1
Luizarui
 
6359517 jogos-e-brincadeiras-para-criancas
6359517 jogos-e-brincadeiras-para-criancas6359517 jogos-e-brincadeiras-para-criancas
6359517 jogos-e-brincadeiras-para-criancas
Tracy Gomes
 
17 blocos-logicos-e-tangran
17 blocos-logicos-e-tangran17 blocos-logicos-e-tangran
17 blocos-logicos-e-tangran
ZULEIDE DE JESUS
 
Sugestões de Atividades Matemáticas
Sugestões de Atividades MatemáticasSugestões de Atividades Matemáticas
Sugestões de Atividades Matemáticas
Carina
 
Cuisenaire
CuisenaireCuisenaire
Cuisenaire
Rita Brito
 
Blocos lógicos
Blocos lógicosBlocos lógicos
Blocos lógicos
João Alberto
 
Planos de aula_matematica_5_ano_2012
Planos de aula_matematica_5_ano_2012Planos de aula_matematica_5_ano_2012
Planos de aula_matematica_5_ano_2012
Jane Silva
 
Geometria Vivenciando e valorizando
Geometria Vivenciando e valorizandoGeometria Vivenciando e valorizando
Geometria Vivenciando e valorizando
Aline Manzini
 
Apresentação1pais
Apresentação1paisApresentação1pais
Apresentação1pais
Professora Sonia Amaral
 
Cuisenaire 140819185950-phpapp02
Cuisenaire 140819185950-phpapp02Cuisenaire 140819185950-phpapp02
Cuisenaire 140819185950-phpapp02
marisa campos
 
Cuisenaire
CuisenaireCuisenaire
Cuisenaire
Graça Sousa
 
Cuisenaire como usar
Cuisenaire como usarCuisenaire como usar
Cuisenaire como usar
MariGiopato
 
Planos de aula matematica 5 ano
Planos de aula matematica 5 anoPlanos de aula matematica 5 ano
Planos de aula matematica 5 ano
pipatcleopoldina
 
Plano de aula material cuisinare
Plano de aula   material cuisinarePlano de aula   material cuisinare
Plano de aula material cuisinare
Luzia Ester
 
Dinamicas em sala de aula historia pdf
Dinamicas em sala de aula historia pdfDinamicas em sala de aula historia pdf
Dinamicas em sala de aula historia pdf
Eurico Junior
 
A importância dos jogos na aprendizagem matemática
A importância dos jogos na aprendizagem matemáticaA importância dos jogos na aprendizagem matemática
A importância dos jogos na aprendizagem matemática
Lakalondres
 
Seminario cuisenaire
Seminario cuisenaireSeminario cuisenaire
Seminario cuisenaire
Rosario Lacerda
 
Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
Rute Pereira
 
blog
blogblog
SUGESTÕES DE ATIVIDADES
SUGESTÕES DE ATIVIDADESSUGESTÕES DE ATIVIDADES
SUGESTÕES DE ATIVIDADES
Natália Rodrigues
 

Semelhante a plano de aula muito bom (20)

Blocos logicos curso1
Blocos logicos curso1Blocos logicos curso1
Blocos logicos curso1
 
6359517 jogos-e-brincadeiras-para-criancas
6359517 jogos-e-brincadeiras-para-criancas6359517 jogos-e-brincadeiras-para-criancas
6359517 jogos-e-brincadeiras-para-criancas
 
17 blocos-logicos-e-tangran
17 blocos-logicos-e-tangran17 blocos-logicos-e-tangran
17 blocos-logicos-e-tangran
 
Sugestões de Atividades Matemáticas
Sugestões de Atividades MatemáticasSugestões de Atividades Matemáticas
Sugestões de Atividades Matemáticas
 
Cuisenaire
CuisenaireCuisenaire
Cuisenaire
 
Blocos lógicos
Blocos lógicosBlocos lógicos
Blocos lógicos
 
Planos de aula_matematica_5_ano_2012
Planos de aula_matematica_5_ano_2012Planos de aula_matematica_5_ano_2012
Planos de aula_matematica_5_ano_2012
 
Geometria Vivenciando e valorizando
Geometria Vivenciando e valorizandoGeometria Vivenciando e valorizando
Geometria Vivenciando e valorizando
 
Apresentação1pais
Apresentação1paisApresentação1pais
Apresentação1pais
 
Cuisenaire 140819185950-phpapp02
Cuisenaire 140819185950-phpapp02Cuisenaire 140819185950-phpapp02
Cuisenaire 140819185950-phpapp02
 
Cuisenaire
CuisenaireCuisenaire
Cuisenaire
 
Cuisenaire como usar
Cuisenaire como usarCuisenaire como usar
Cuisenaire como usar
 
Planos de aula matematica 5 ano
Planos de aula matematica 5 anoPlanos de aula matematica 5 ano
Planos de aula matematica 5 ano
 
Plano de aula material cuisinare
Plano de aula   material cuisinarePlano de aula   material cuisinare
Plano de aula material cuisinare
 
Dinamicas em sala de aula historia pdf
Dinamicas em sala de aula historia pdfDinamicas em sala de aula historia pdf
Dinamicas em sala de aula historia pdf
 
A importância dos jogos na aprendizagem matemática
A importância dos jogos na aprendizagem matemáticaA importância dos jogos na aprendizagem matemática
A importância dos jogos na aprendizagem matemática
 
Seminario cuisenaire
Seminario cuisenaireSeminario cuisenaire
Seminario cuisenaire
 
Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
Apostila matematica apoio.2013-05-29_16-23-39
 
blog
blogblog
blog
 
SUGESTÕES DE ATIVIDADES
SUGESTÕES DE ATIVIDADESSUGESTÕES DE ATIVIDADES
SUGESTÕES DE ATIVIDADES
 

plano de aula muito bom

  • 1. Blocos Lógicos Objetivos • Despertar o pensamento propiciando a troca de experiências e conhecimentos; • Fazer com que o aluno sabia debater idéias, levantar hipóteses, elaborar estratégias e aplicá-las, sempre por meio de situações-problema próximas à vivência do aluno para maior contextualização. • Trabalhar com a geometria manuseando e manipulando objetos, embalagens e blocos lógicos, descobrindo seus elementos, suas características ou propriedades, as diferenças e semelhanças entre eles. • Raciocinar, explorar e descobrir são fatores que desempenham importante papel no desenvolvimento da concepção de espaço. 1ª Aula: Os exercícios com os blocos lógicos podem se estender por todo o programa do ano, sempre intercalados com atividades que empreguem outros tipos de material didático, como o material dourado ou Cuisenaire. Um jogo de blocos lógicos contém 48 peças divididas em três cores (amarelo, azul e vermelho), quatro formas (círculo, quadrado, triângulo e retângulo), dois tamanhos (grande e pequeno) e duas espessuras (fino e grosso). As peças podem ser de madeira ou cartolina, sem medidas padronizadas. Nessa aula você poderá confeccionar o material com seus alunos em cartolinas. 1 - JOGO LIVRE: Primeiramente, promova o reconhecimento do material. Peça aos alunos para formarem desenhos com as formas dos blocos lógicos, observando e comparando as cores, os tamanhos e as formas. Esse trabalho poderá ser feito em grupo, pois os alunos através de diálogos, enriquecerão o conhecimento das características físicas de cada bloco. 2 - JOGO DA CLASSIFICAÇÃO: Apresentar um quadro às crianças para que classifiquem os blocos. Crie junto com os alunos os atributos que serão dados para os tipos de blocos existentes. Exemplos: a) as quatro formas: círculo, quadrado, retângulo e triângulo b) as duas espessuras: grosso e fino c) os dois tamanhos: pequeno e grande d) as cores: amarelo, azul e vermelho Faça em cartolina um quadro. Escolha alguns atributos e peça aos alunos que separem os blocos de acordo com os atributos escolhidos. Primeiramente, escolha apenas um atributo (quadrada). Exemplo: separar apenas as peças quadradas. Depois, vá acrescentando atributos (vermelha, fina, pequena). Os alunos irão completar o quadro com a peça quadrada, pequena, fina e vermelha. 2ª Aula:
  • 2. 3- JOGO QUEM ESTÁ COM A PEÇA?: Peça para cada aluno escolher um bloco lógico. A professora escolherá uma delas sem contar aos alunos qual é. Essa será a peça que deverá ser adivinhada. Apresente então um quadro com duas colunas. Supondo que a peça escolhida seja um triângulo pequeno, azul e grosso, você colocará no quadro apenas o primeiro atributo, perguntando: - Quem tem a peça azul? Todos os alunos que tiverem as peças azuis irão colocá-las no quadro. Em seguida, dê outra dica: - Quem tem a peça na forma triangular? Quem tiver colocado a peça que não for triangular, deverá ir ao quadro retirá-la. O exercício continua com os outros atributos até ficar apenas a peça que foi escolhida. A atividade estimula mais que a comparação visual. Também exercita a comparação sensorial entre o atributo e a peça que a criança tem na mão. Você poderá também fazer uma segunda coluna, a da negação (peças que não são da cor, do tamanho, da espessura e nem da forma pedida) que leva à classificação e ajuda a compreender, por exemplo, que um número pertence a um conjunto numérico e não a outro. 3ª Aula: 4 – JOGO ADIVINHE QUAL É A PEÇA Dividir a classe em grupos e espalhar os blocos lógicos pelo chão. Para descobrir qual é a peça, as crianças farão uma competição. Dar um comando das características de uma peça (por exemplo: amarelo, triângulo, grande e fino) para um grupo. Em seguida, o grupo deve procurar e selecionar a peça correspondente para mostrá-la, o mais rapidamente possível, às outras equipes. A competição poderá ter como objetivo verificar qual grupo encontra a peça correta primeiro ou de qual grupo encontra mais peças corretas. À medida que acertam, recebem uma pontuação. Outra opção é de cada equipe desafiar os outros grupos da classe distribuindo eles mesmos os atributos. 4ª Aula: 5- O JOGO DAS DIFERENÇAS Neste jogo os alunos observarão três peças sobre o quadro. Exemplo: 1- triângulo, amarelo, grosso e grande; 2- quadrado, amarelo, grosso e grande; 3- retângulo, amarelo, grosso e grande; Eles deverão escolher a quarta peça (círculo, amarelo, grosso e grande) observando que, entre ela e sua vizinha, deverá haver o mesmo número de diferenças existente entre as outras duas peças do quadro (a diferença na forma). As peças serão colocadas pela professora de forma que, em primeiro lugar, haja apenas uma diferença. Depois duas, três e, por fim, quatro diferenças entre as peças. Os alunos farão comparações cada vez mais rápidas quando estiverem pensando na peça que se encaixe em todas as condições. 6- JOGO O MESTRE MANDOU Os alunos deverão encontrar a peça que obedeça à seqüência de comandos estabelecida pela professora. A seqüência poderá ser iniciada com os atributos: círculo, azul e grosso. Os alunos escolherão a peça correspondente.
  • 3. O comando seguinte é mudar para a cor vermelha. Eles selecionarão um círculo grosso e vermelho. Em seguida, devem mudar para a espessura fina. Então, um círculo vermelho e fino deverá ser selecionado. A professora poderá continuar acrescentando comandos ou apresentar uma seqüência pronta. Faça depois o processo inverso. Os alunos serão apresentados a uma nova seqüência de comandos, já com a última peça. Eles deverão reverter os comandos para chegar à peça de partida. A atividade é essencial para o entendimento das operações aritméticas, principalmente a adição como inverso da subtração e a multiplicação como inverso da divisão. Use também a arte de dobrar papéis que é conhecida como origami. O origami é útil, ainda, para ensinar conceitos básicos de geometria. Da primeira à quarta série, você pode montar, junto com a turma, barquinhos, balões, chapéus de soldado, pirâmides, cubos e outros sólidos geométricos. Veja na Oficina de Origami do eAprender. Desse modo, a criança tem chance de visualizar conceitos abstratos como superfícies, linhas e pontos. Também é possível construir figuras planas — quadrados, retângulos e triângulos — que vão ajudar na explicação de ângulos, diagonais e lados. • Integração: ARTES: Confecção dos blocos lógicos e dos desenhos. Trabalhar com os blocos lógicos na criação de painéis. HISTÓRIA: Pesquisar sobre os desenhos geométricos muito utilizado em obras de arte e construções. Teia de Histórias
  • 4. Objetivos • Conhecer diversas Histórias infantis; • Utilizar a técnica de dramatizar e fazer recontos; • Oportunizar a criatividade, imaginação, humor,ilusionismo; • Desenvolver habilidades sociais; • Desenvolver o hábito de ouvir com atenção; • Enriquecer e ampliar o vocabulário; • Intervir, posicionar, julgar e modificar subvenções sociais; • Desenvolver o pensamento lógico e a rapidez de raciocínio; • Criar atitudes desejáveis; • Permitir a livre expressão. Desenvolvimento: • Das oficinas: Usar material reciclado para confeccionar as fantasias e adereços. Os moldes já serão entregues devidamente riscados e cortados. Os alunos se dividirão em grupos de trabalho e orientados por professora e estagiárias, executarão as atividades estipuladas.(Algumas peças já se encontrava à disposição da turma, adquiridas anteriormente, pela escola). • Das apresentações das histórias: Propiciar aos alunos um ambiente aconchegante e confortável para conhecer as histórias, observando o planejamento das atividades.Da teia de histórias: Desafiar os alunos a fazerem o reconto de todas as histórias ao mesmo tempo, numa mistura aleatória de personagens. Fazendo uso do tapete, almofadas, música e incenso, preparar um ambiente propício e agradável. Colocar no baú as fantasias e acessórios confeccionados e numerados, afixando na tampa do mesmo, uma lista apenas com o número de peças nele contidas.(Ao colocar as peças , exibi-las novamente às crianças relembrando a quem pertencem, de que história foi retirada, seu uso na história, etc). Quando todas as crianças estiverem acomodadas no tapete, a professora iniciará a história: Era uma vez, num bosque rodeado de lindas montanhas, onde dezenas de pássaros cantavam nos galhos floridos das árvores e agitavam suas asinhas num vôo apressado na busca de frutinhas para alimentar seus filhotes a piar nos ninhos. Naquela tarde ensolarada e perfumada de primavera, debaixo de um ipê amarelo, bem ao lado de um límpido lago, encontrei........ Aí a professora toca uma das crianças e ela dirá um número, retirando do baú a peça correspondente, continuando a história com o que lhe remete na lembrança, o objeto vindo do baú. A criança dará asas a sua imaginação para colocar o objeto ou o personagem sorteado na história, continuará contando um pedacinho, depois tocará outra criança e esta deverá dar seqüência com outro objeto. A história prossegue até todos os objetos e personagens forem usados ou até quando as crianças permanecerem interessadas. •