SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 16
Baixar para ler offline
Valores e culturas – a diversidade
e o diálogo de culturas   Escola Secundária Bocage
                          2010| 2011
                          Profª Júlia Martins
Papalagui
            O Papalagui ( Homem Branco) é pobre porque
            vive obcecado pelas coisas, sem as quais já não
            consegue viver. Quando do dorso da tartaruga faz
            uma ferramenta alisa os cabelos (...) o Papalagui
            ainda faz uma pele para a ferramenta e para esta
            pele faz um pequeno baú e para o pequeno baú
            faz outro grande; tudo ele coloca em peles e
            baús. Tem baús para as tangas, para as roupas
            de cima e de baixo, para os panos com que se
            enxuga, com que limpa a boca, e outros panos
            mais; baús para as peles que põe nas mãos e
            para as peles que põe nos pés, para o metal
            redondo e para o papel pesado, para as provisões
            de boca e para o livro sagrado, para tudo mesmo.
            Ele faz muitas coisas, quando apenas uma é
            suficiente (...) Destruindo onde quer que vá, as
            coisas do Grande Espírito (a natureza), o
            Papalagui com sua própria força pretende dar
            vida, novamente, àquilo que matou".
Será isto cultura?
Cultura


No seu sentido mais amplo, a cultura pode considerar-se
hoje como o conjunto dos traços distintivos, espirituais e
materiais, intelectuais e afectivos que caracterizam uma
Sociedade ou um grupo social. Ele engloba, além das artes e
Das letras, os modos de vida, os direitos fundamentais dos
Ser humano, os sistemas de valores, as tradições e as
crenças.
A cultura dá ao homem a capacidade de reflexão sobre
si próprio.
                             H. Carrier, Que futuro para a cultura do ocidente? In Brotéria
Fala-se em multiculturalismo quando num determinado
  espaço social convivem pessoas de diversas culturas.



O multiculturalismo encontra as suas origens em factos
históricos como a imigração ou em razões históricas e
económicas.
Multiculturalismo
 Que atitudes devemos ter perante outras culturas e
              perante outros valores?




Etnocentrismo
                      Diálogo
                    intercultural
 Relativismo
   Cultural
Etnocentrismo
    É a atitude de um sujeito através da qual observa as
      outras culturas em função da sua própria cultura.


O etnocentrismo é a atitude característica de quem só reconhece
legitimidade e validade às normas e valores vigentes na sua cultura ou
sociedade.

Os valores da sociedade a que pertencemos são, na atitude etnocêntrica,
declarados como valores universalizáveis, aplicáveis a todos os homens, ou
seja, dada a sua "superioridade" devem ser seguidos por todas as outras
sociedades e culturas. Adoptando esta perspectiva, não é de estranhar que alguns
povos tendam a intitular-se os únicos legítimos e verdadeiros representantes da
espécie humana.
Quais os perigos da atitude etnocêntrica?
 - A negação da diversidade cultural humana




                                         Tendência de pensamento que
 Aversão a tudo o que é                     valoriza a ideia de raças
      estrangeiro                        humanas distintas e superiores
                                                 umas às outras.

 Crimes contra os Direitos Humanos, massacres e extermínios que temos
assistido ao longo da História
Multiculturalismo: em notícia




http://www.publico.pt/Mundo/merkel-aposta-na-integracao-   http://www.publico.pt/Mundo/presidente-alemao-pede-
depois-do-fim-do-multikulti_1464499                        direitos-para-cristaos-na-turquia_1462030
Relativismo Cultural
 É uma atitude que defende a validade e a riqueza de
qualquer sistema cultural, negando qualquer valorização
       moral e ética do mesmo sobre os outros


A gravidez pré-conjugal é coisa má na nossa sociedade, onde os
costumes morais a condenam e onde não há condições favoráveis
para cuidar de filhos ilegítimos; a gravidez pré-conjugal é boa em
uma sociedade como a dos Bontocs, nas Filipinas, que consideram
que uma mulher é tanto mais indicada para o casamento quando a
 sua fertilidade já ficou comprovada, e que dispõe de um conjunto de
costumes e valores que proporcionam segurança para os filhos.

                               Paul Horton “Sociologia” , McGraw-Hill, Brasil, São Paulo
Diálogo intercultural


 É uma atitude que promove a cidadania enquanto
assegura e fomenta a defesa dos direitos humanos,
 das diferenças culturais, da tolerância, da
liberdade, da igualdade, da justiça, etc
Diálogo intercultural




      http://www.youtube.com/watch?v=KcrlE0IC6NY
Diálogo intercultural
As sociedades contemporâneas são cada vez mais
  plurais no que à cultura diz respeito: porque nelas
  convivem diversas culturas e diversificadas são também
  as expressões culturais e as abordagens do sentido da
  existência humana. Neste quadro, não haverá unidade
  da sociedade sem debate cultural. Numa sociedade em
  processo de redefinição da sua identidade, como
  considero ser a nossa, este diálogo cultural é necessário
  e urgente.
                        D. José Policarpo, Encontro com pessoas da cultura
Um filme   a este propósito




           http://www.youtube.com/watch?v=WV5-_9UvGzU&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=hTlrSYbCbHE&feature=fvw
Trabalho de Grupo

Partindo da Carta da Declaração dos Direitos
Humanos, responde às seguintes questões:

1) Quais os valores presentes nesta
Carta?

2) Os valores enunciados, nesta carta,
são respeitados, reconhecidos por todos os
Estados? Dêem exemplos.

3) A dignidade humana é um valor
supremo?

4) Poder-se-á relacionar os valores enunciados,
nesta carta, com a objectividade e subjectividade
dos valores?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Socialização.
Socialização.Socialização.
Socialização.
Nuno Cunha
 
Vantagens e desvantagens da globalização
Vantagens e desvantagens da globalizaçãoVantagens e desvantagens da globalização
Vantagens e desvantagens da globalização
Zé Stinson
 
DIVERSIDADE CULTURAL
DIVERSIDADE CULTURALDIVERSIDADE CULTURAL
DIVERSIDADE CULTURAL
catynes
 
Ng5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 MarcoNg5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 Marco
mega
 
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_epptClc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
SILVIA G. FERNANDES
 
Diversidade cultural
Diversidade culturalDiversidade cultural
Diversidade cultural
Paula Tomaz
 
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandesClc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
SILVIA G. FERNANDES
 

Mais procurados (20)

Socialização.
Socialização.Socialização.
Socialização.
 
Vantagens e desvantagens da globalização
Vantagens e desvantagens da globalizaçãoVantagens e desvantagens da globalização
Vantagens e desvantagens da globalização
 
Ai 1 2_pessoa e cultura
Ai 1 2_pessoa e culturaAi 1 2_pessoa e cultura
Ai 1 2_pessoa e cultura
 
CP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdf
CP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdfCP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdf
CP 1 Fich. Trab. n.º 1 - Liberdade e Responsabilidade Pessoal (1).pdf
 
CULTURA E SOCIEDADE
CULTURA E SOCIEDADECULTURA E SOCIEDADE
CULTURA E SOCIEDADE
 
DIVERSIDADE CULTURAL
DIVERSIDADE CULTURALDIVERSIDADE CULTURAL
DIVERSIDADE CULTURAL
 
Valores cultura e ética
 Valores cultura e ética  Valores cultura e ética
Valores cultura e ética
 
Socialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANO
Socialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANOSocialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANO
Socialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANO
 
Sociologia identidade cultural
Sociologia   identidade culturalSociologia   identidade cultural
Sociologia identidade cultural
 
Ng5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 MarcoNg5 Dr3 Marco
Ng5 Dr3 Marco
 
A Diversidade Cultural
A Diversidade CulturalA Diversidade Cultural
A Diversidade Cultural
 
Arte, cultura e filosofia
Arte, cultura e filosofiaArte, cultura e filosofia
Arte, cultura e filosofia
 
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_epptClc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
Clc 6 culturas de urbanismo e mobilidad_eppt
 
Multiculturalismo
MulticulturalismoMulticulturalismo
Multiculturalismo
 
Instituicoes sociais 2 ano
Instituicoes sociais 2 anoInstituicoes sociais 2 ano
Instituicoes sociais 2 ano
 
Cultura
CulturaCultura
Cultura
 
Sociologia, Cultura e Sociedade
Sociologia, Cultura e SociedadeSociologia, Cultura e Sociedade
Sociologia, Cultura e Sociedade
 
Diversidade cultural
Diversidade culturalDiversidade cultural
Diversidade cultural
 
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandesClc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
Clc 6 cultura_de_ urbanismo_e_mobilidade_reflexão_sílvia_fernandes
 
Aula 01 - Individualismo e coletividade
Aula 01 - Individualismo e coletividadeAula 01 - Individualismo e coletividade
Aula 01 - Individualismo e coletividade
 

Destaque

Relativismo Cultural
Relativismo CulturalRelativismo Cultural
Relativismo Cultural
Bruno Pedro
 
Diversidade Cultural
Diversidade CulturalDiversidade Cultural
Diversidade Cultural
Paula Melo
 
Multiculturalismo
MulticulturalismoMulticulturalismo
Multiculturalismo
DRamoa
 
Acção Humana e os Valores
Acção Humana e os ValoresAcção Humana e os Valores
Acção Humana e os Valores
Jorge Barbosa
 
CULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃOCULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃO
catynes
 
Síntese as questões filosóficas
Síntese as questões filosóficasSíntese as questões filosóficas
Síntese as questões filosóficas
mluisavalente
 

Destaque (20)

Valores e cultura
Valores  e culturaValores  e cultura
Valores e cultura
 
Os valores power point
Os valores power pointOs valores power point
Os valores power point
 
Filosofia 10º Ano - Os Valores
Filosofia 10º Ano - Os ValoresFilosofia 10º Ano - Os Valores
Filosofia 10º Ano - Os Valores
 
Relativismo Cultural
Relativismo CulturalRelativismo Cultural
Relativismo Cultural
 
Filosofia valores
Filosofia   valoresFilosofia   valores
Filosofia valores
 
Diversidade Cultural
Diversidade CulturalDiversidade Cultural
Diversidade Cultural
 
Filosofia
FilosofiaFilosofia
Filosofia
 
Multiculturalismo
MulticulturalismoMulticulturalismo
Multiculturalismo
 
Acção Humana e os Valores
Acção Humana e os ValoresAcção Humana e os Valores
Acção Humana e os Valores
 
A diversidade cultural
A diversidade culturalA diversidade cultural
A diversidade cultural
 
Os valores
Os valoresOs valores
Os valores
 
Cei aspectos gerais
Cei aspectos geraisCei aspectos gerais
Cei aspectos gerais
 
Relativismo cultural
Relativismo culturalRelativismo cultural
Relativismo cultural
 
Ética deontológia versus ética utilitarista
Ética deontológia versus ética utilitaristaÉtica deontológia versus ética utilitarista
Ética deontológia versus ética utilitarista
 
Apontamentos de filosofia 10ºano
Apontamentos de filosofia 10ºanoApontamentos de filosofia 10ºano
Apontamentos de filosofia 10ºano
 
Relativismo cultural e diversidade cultural
Relativismo cultural e diversidade culturalRelativismo cultural e diversidade cultural
Relativismo cultural e diversidade cultural
 
CULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃOCULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃO
 
Relativismo e Subjetivismo Moral
Relativismo e Subjetivismo MoralRelativismo e Subjetivismo Moral
Relativismo e Subjetivismo Moral
 
Os valores!
Os valores!Os valores!
Os valores!
 
Síntese as questões filosóficas
Síntese as questões filosóficasSíntese as questões filosóficas
Síntese as questões filosóficas
 

Semelhante a Microsoft power point valores e cultura[1]

Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
aulasgege
 

Semelhante a Microsoft power point valores e cultura[1] (20)

O Ser Humano e sua Dimensão Cultural (1).pdf
O Ser Humano e sua Dimensão Cultural (1).pdfO Ser Humano e sua Dimensão Cultural (1).pdf
O Ser Humano e sua Dimensão Cultural (1).pdf
 
Culturasetniasediversidades
CulturasetniasediversidadesCulturasetniasediversidades
Culturasetniasediversidades
 
CULTURA.ppt
CULTURA.pptCULTURA.ppt
CULTURA.ppt
 
ATIVIDADE - CONCEITO DE CULTURA COM JOGO DA CRUZADINHA
ATIVIDADE - CONCEITO DE CULTURA COM JOGO DA CRUZADINHAATIVIDADE - CONCEITO DE CULTURA COM JOGO DA CRUZADINHA
ATIVIDADE - CONCEITO DE CULTURA COM JOGO DA CRUZADINHA
 
O Ser Humano e sua Dimensão Cultural.pptx
O Ser Humano e sua Dimensão Cultural.pptxO Ser Humano e sua Dimensão Cultural.pptx
O Ser Humano e sua Dimensão Cultural.pptx
 
Cultura
CulturaCultura
Cultura
 
Cp aula 4
Cp aula 4Cp aula 4
Cp aula 4
 
O Ser Humano e sua Dimensão Cultural.ppt
O Ser Humano e sua Dimensão Cultural.pptO Ser Humano e sua Dimensão Cultural.ppt
O Ser Humano e sua Dimensão Cultural.ppt
 
O Ser Humano e sua Dimensão Cultural.ppt
O Ser Humano e sua Dimensão Cultural.pptO Ser Humano e sua Dimensão Cultural.ppt
O Ser Humano e sua Dimensão Cultural.ppt
 
85827999-Homem-e-Sociedade-Unidade-I-Slides.pdf
85827999-Homem-e-Sociedade-Unidade-I-Slides.pdf85827999-Homem-e-Sociedade-Unidade-I-Slides.pdf
85827999-Homem-e-Sociedade-Unidade-I-Slides.pdf
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
O que é antropologia
O que é antropologiaO que é antropologia
O que é antropologia
 
Identidade cultural fap
Identidade cultural  fapIdentidade cultural  fap
Identidade cultural fap
 
Cultura e diversidade.pptx
Cultura e diversidade.pptxCultura e diversidade.pptx
Cultura e diversidade.pptx
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
 
O ser humano é Natural ou Cultural?
O ser humano é Natural ou Cultural?O ser humano é Natural ou Cultural?
O ser humano é Natural ou Cultural?
 
Antropologia: conceitos basicos
 Antropologia: conceitos basicos Antropologia: conceitos basicos
Antropologia: conceitos basicos
 
Sociologia v
Sociologia vSociologia v
Sociologia v
 
Filosofia da educação semana 6 - Cultura
Filosofia da educação   semana 6 - CulturaFilosofia da educação   semana 6 - Cultura
Filosofia da educação semana 6 - Cultura
 

Mais de Julia Martins

A importância do papel da família no processo de desenvolvimento vocacional
A importância do papel da família no processo de desenvolvimento vocacionalA importância do papel da família no processo de desenvolvimento vocacional
A importância do papel da família no processo de desenvolvimento vocacional
Julia Martins
 
P.point anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
P.point   anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferenciaP.point   anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
P.point anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
Julia Martins
 
Washing away of wrongs song ci
Washing away of wrongs song ciWashing away of wrongs song ci
Washing away of wrongs song ci
Julia Martins
 
Mafalda pedro caferra
Mafalda pedro caferraMafalda pedro caferra
Mafalda pedro caferra
Julia Martins
 
Newton gostava de ler!
Newton gostava de ler!Newton gostava de ler!
Newton gostava de ler!
Julia Martins
 
Estética conceito de arte e obra de arte
Estética conceito de arte e obra de arteEstética conceito de arte e obra de arte
Estética conceito de arte e obra de arte
Julia Martins
 
Experi%c3%a ancia%20est%c3%a9tica[1]
Experi%c3%a ancia%20est%c3%a9tica[1]Experi%c3%a ancia%20est%c3%a9tica[1]
Experi%c3%a ancia%20est%c3%a9tica[1]
Julia Martins
 
(Microsoft power point
(Microsoft power point  (Microsoft power point
(Microsoft power point
Julia Martins
 
Microsoft word carta internacional dos direitos humanos
Microsoft word   carta internacional dos direitos humanosMicrosoft word   carta internacional dos direitos humanos
Microsoft word carta internacional dos direitos humanos
Julia Martins
 
Trab grupo orientações
Trab grupo orientaçõesTrab grupo orientações
Trab grupo orientações
Julia Martins
 
(Microsoft word texto de apoio dilemas
(Microsoft word   texto de apoio dilemas(Microsoft word   texto de apoio dilemas
(Microsoft word texto de apoio dilemas
Julia Martins
 
(Microsoft power point os valores- an
(Microsoft power point   os valores- an(Microsoft power point   os valores- an
(Microsoft power point os valores- an
Julia Martins
 
Microsoft word texto de apoio os valores
Microsoft word   texto de apoio os valoresMicrosoft word   texto de apoio os valores
Microsoft word texto de apoio os valores
Julia Martins
 

Mais de Julia Martins (20)

A importância do papel da família no processo de desenvolvimento vocacional
A importância do papel da família no processo de desenvolvimento vocacionalA importância do papel da família no processo de desenvolvimento vocacional
A importância do papel da família no processo de desenvolvimento vocacional
 
9º ano, e agora
9º ano, e agora9º ano, e agora
9º ano, e agora
 
Pp dir. humanos
Pp dir. humanosPp dir. humanos
Pp dir. humanos
 
Pp dir. humanos
Pp dir. humanosPp dir. humanos
Pp dir. humanos
 
P.point anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
P.point   anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferenciaP.point   anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
P.point anos 60 – inconformismo, rebeldia e mudança conferencia
 
Et 7 a
Et 7 aEt 7 a
Et 7 a
 
Washing away of wrongs song ci
Washing away of wrongs song ciWashing away of wrongs song ci
Washing away of wrongs song ci
 
Cf eb 2012_aq
Cf eb 2012_aqCf eb 2012_aq
Cf eb 2012_aq
 
Mafalda pedro caferra
Mafalda pedro caferraMafalda pedro caferra
Mafalda pedro caferra
 
Newton gostava de ler!
Newton gostava de ler!Newton gostava de ler!
Newton gostava de ler!
 
Redescidadaniafernandafinaljulia
RedescidadaniafernandafinaljuliaRedescidadaniafernandafinaljulia
Redescidadaniafernandafinaljulia
 
Estética conceito de arte e obra de arte
Estética conceito de arte e obra de arteEstética conceito de arte e obra de arte
Estética conceito de arte e obra de arte
 
Experi%c3%a ancia%20est%c3%a9tica[1]
Experi%c3%a ancia%20est%c3%a9tica[1]Experi%c3%a ancia%20est%c3%a9tica[1]
Experi%c3%a ancia%20est%c3%a9tica[1]
 
éTica e moral
éTica e moral éTica e moral
éTica e moral
 
(Microsoft power point
(Microsoft power point  (Microsoft power point
(Microsoft power point
 
Microsoft word carta internacional dos direitos humanos
Microsoft word   carta internacional dos direitos humanosMicrosoft word   carta internacional dos direitos humanos
Microsoft word carta internacional dos direitos humanos
 
Trab grupo orientações
Trab grupo orientaçõesTrab grupo orientações
Trab grupo orientações
 
(Microsoft word texto de apoio dilemas
(Microsoft word   texto de apoio dilemas(Microsoft word   texto de apoio dilemas
(Microsoft word texto de apoio dilemas
 
(Microsoft power point os valores- an
(Microsoft power point   os valores- an(Microsoft power point   os valores- an
(Microsoft power point os valores- an
 
Microsoft word texto de apoio os valores
Microsoft word   texto de apoio os valoresMicrosoft word   texto de apoio os valores
Microsoft word texto de apoio os valores
 

Microsoft power point valores e cultura[1]

  • 1. Valores e culturas – a diversidade e o diálogo de culturas Escola Secundária Bocage 2010| 2011 Profª Júlia Martins
  • 2. Papalagui O Papalagui ( Homem Branco) é pobre porque vive obcecado pelas coisas, sem as quais já não consegue viver. Quando do dorso da tartaruga faz uma ferramenta alisa os cabelos (...) o Papalagui ainda faz uma pele para a ferramenta e para esta pele faz um pequeno baú e para o pequeno baú faz outro grande; tudo ele coloca em peles e baús. Tem baús para as tangas, para as roupas de cima e de baixo, para os panos com que se enxuga, com que limpa a boca, e outros panos mais; baús para as peles que põe nas mãos e para as peles que põe nos pés, para o metal redondo e para o papel pesado, para as provisões de boca e para o livro sagrado, para tudo mesmo. Ele faz muitas coisas, quando apenas uma é suficiente (...) Destruindo onde quer que vá, as coisas do Grande Espírito (a natureza), o Papalagui com sua própria força pretende dar vida, novamente, àquilo que matou".
  • 4. Cultura No seu sentido mais amplo, a cultura pode considerar-se hoje como o conjunto dos traços distintivos, espirituais e materiais, intelectuais e afectivos que caracterizam uma Sociedade ou um grupo social. Ele engloba, além das artes e Das letras, os modos de vida, os direitos fundamentais dos Ser humano, os sistemas de valores, as tradições e as crenças. A cultura dá ao homem a capacidade de reflexão sobre si próprio. H. Carrier, Que futuro para a cultura do ocidente? In Brotéria
  • 5. Fala-se em multiculturalismo quando num determinado espaço social convivem pessoas de diversas culturas. O multiculturalismo encontra as suas origens em factos históricos como a imigração ou em razões históricas e económicas.
  • 6. Multiculturalismo Que atitudes devemos ter perante outras culturas e perante outros valores? Etnocentrismo Diálogo intercultural Relativismo Cultural
  • 7. Etnocentrismo É a atitude de um sujeito através da qual observa as outras culturas em função da sua própria cultura. O etnocentrismo é a atitude característica de quem só reconhece legitimidade e validade às normas e valores vigentes na sua cultura ou sociedade. Os valores da sociedade a que pertencemos são, na atitude etnocêntrica, declarados como valores universalizáveis, aplicáveis a todos os homens, ou seja, dada a sua "superioridade" devem ser seguidos por todas as outras sociedades e culturas. Adoptando esta perspectiva, não é de estranhar que alguns povos tendam a intitular-se os únicos legítimos e verdadeiros representantes da espécie humana.
  • 8. Quais os perigos da atitude etnocêntrica? - A negação da diversidade cultural humana Tendência de pensamento que Aversão a tudo o que é valoriza a ideia de raças estrangeiro humanas distintas e superiores umas às outras. Crimes contra os Direitos Humanos, massacres e extermínios que temos assistido ao longo da História
  • 9. Multiculturalismo: em notícia http://www.publico.pt/Mundo/merkel-aposta-na-integracao- http://www.publico.pt/Mundo/presidente-alemao-pede- depois-do-fim-do-multikulti_1464499 direitos-para-cristaos-na-turquia_1462030
  • 10. Relativismo Cultural É uma atitude que defende a validade e a riqueza de qualquer sistema cultural, negando qualquer valorização moral e ética do mesmo sobre os outros A gravidez pré-conjugal é coisa má na nossa sociedade, onde os costumes morais a condenam e onde não há condições favoráveis para cuidar de filhos ilegítimos; a gravidez pré-conjugal é boa em uma sociedade como a dos Bontocs, nas Filipinas, que consideram que uma mulher é tanto mais indicada para o casamento quando a sua fertilidade já ficou comprovada, e que dispõe de um conjunto de costumes e valores que proporcionam segurança para os filhos. Paul Horton “Sociologia” , McGraw-Hill, Brasil, São Paulo
  • 11. Diálogo intercultural É uma atitude que promove a cidadania enquanto assegura e fomenta a defesa dos direitos humanos, das diferenças culturais, da tolerância, da liberdade, da igualdade, da justiça, etc
  • 12. Diálogo intercultural http://www.youtube.com/watch?v=KcrlE0IC6NY
  • 13. Diálogo intercultural As sociedades contemporâneas são cada vez mais plurais no que à cultura diz respeito: porque nelas convivem diversas culturas e diversificadas são também as expressões culturais e as abordagens do sentido da existência humana. Neste quadro, não haverá unidade da sociedade sem debate cultural. Numa sociedade em processo de redefinição da sua identidade, como considero ser a nossa, este diálogo cultural é necessário e urgente. D. José Policarpo, Encontro com pessoas da cultura
  • 14. Um filme a este propósito http://www.youtube.com/watch?v=WV5-_9UvGzU&feature=related
  • 16. Trabalho de Grupo Partindo da Carta da Declaração dos Direitos Humanos, responde às seguintes questões: 1) Quais os valores presentes nesta Carta? 2) Os valores enunciados, nesta carta, são respeitados, reconhecidos por todos os Estados? Dêem exemplos. 3) A dignidade humana é um valor supremo? 4) Poder-se-á relacionar os valores enunciados, nesta carta, com a objectividade e subjectividade dos valores?