SlideShare uma empresa Scribd logo
Direitos Humanos
e
Direitos do Cidadão
No princípio...
Declaração de Direitos
de 1689
 Elaborada pelo parlamento da Inglaterra após
as Guerras Civis Inglesas, tendo como objetivo
principal pregar a democracia, esta Declaração
determinou, entre outras coisas, a liberdade, a
vida e a propriedade.
 Este foi um dos primeiros documentos redigidos
em reação a tratamentos desumanos e
injustiças.
“Os súditos têm direito de
apresentar petições aos rei, sendo
ilegais aas prisões vexações de
qualquer espécie que sofram por
esta causa.”
Declaração dos Direitos do Homem
e do Cidadão de 1789
 Anunciada ao público em 26 de agosto de
1789, ela está intimamente relacionada
com a Revolução Francesa.
 Se concentra mais nos direitos civis, que
garantem a liberdade individual – os
direitos do homem – e nos direitos
políticos, relativos à igualdade de
participação política.
Art. 1º: Os homens nascem e
permanecem livres e iguais em
direitos. As distinções sociais só
podem fundar-se na utilidade comum
Algum tempo depois...
Declaração Universal dos
Direitos Humanos
 Aprovada em 1948 na Assembleia Geral da ONU, esta declaração
é o documento base da luta universal contra a opressão e a
discriminação, defende a igualdade e a dignidade das pessoas e
reconhece que os direitos humanos e as liberdades fundamentais
devem ser aplicados a cada cidadão do planeta.
 Os direitos humanos são os
direitos essenciais a todos os
seres humanos, sem que haja
discriminação por raça, cor,
gênero, idioma, nacionalidade
ou por qualquer outro motivo
 A garantia dos direitos
humanos universais é
feita por lei, na forma
de tratados e de leis
internacionais, por
exemplo.
 São universais no sentido de que aquilo que é considerado um
direito humano no Brasil, também deverá sê-lo com o mesmo
nível de exigência, de respeitabilidade e de garantia em
qualquer país do mundo, porque eles não se referem a um
membro de uma sociedade política; eles se referem à pessoa
humana na sua universalidade.
 São naturais porque dizem respeito à
dignidade da natureza humana e
porque existem antes de qualquer lei, e
não precisam estar especificados numa
lei, para serem exigidos, reconhecidos,
protegidos e promovidos.
Os Direitos Humanos são universais e naturais.
Vídeo:
“A História dos Direitos Humanos”
United for Human Rights
http://www.youtube.com/watch?v=uCnIKEOtbfc
 As garantias dos
Direitos Humanos são
obrigações que os
países têm com seus
habitantes, os
cidadãos. E são,
também, obrigações
dos cidadãos entre si.
 Os países têm que
criar leis para
garantir os direitos
a todos, sem
discriminações,
nem privilégios.
O que são
direitos do
cidadão?
 Cidadania e direitos da cidadania dizem respeito a uma
determinada ordem jurídico-política de um país, de um
Estado, no qual uma constituição define e garante quem é
cidadão, que direitos e deveres ele terá em função de uma série
de variáveis tais como a idade, o estado civil, a condição de
sanidade física e mental, o fato de estar ou não com a dívida
penal etc.
 Direitos de
cidadania não são
direitos universais,
são direitos
específicos dos
membros de um
determinado
Estado, de uma
determinada ordem
jurídico-política.
 No entanto, em muitos casos, os
direitos do cidadão coincidem com
os direitos humanos, que são os
mais amplos e abrangentes.
O que é ser
um cidadão?
Cidadão é aquele que se
identifica culturalmente como
parte de um território, usufrui
dos direitos e cumpre os
deveres estabelecidos em lei.
Exercer a cidadania é ter
consciência de suas
obrigações e lutar para que o
que é justo e correto seja
colocado em prática.
Os direitos e deveres não
podem andar separados.
Afinal, só quando cumprimos
com nossas obrigações
permitimos que os outros
exercitem seus direitos.
Direitos  Homens e mulheres são iguais em
direitos e obrigações.
 Ninguém é obrigado a fazer ou
deixar de fazer alguma coisa senão
em virtude de lei.
 A manifestação do pensamento é
livre.
 Ninguém deve ser submetido à tortura nem a tratamento desumano ou
degradante.
 A liberdade de consciência e de crença é inviolável, sendo assegurado o
livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a
proteção aos locais de culto.
 Saúde, educação, moradia, segurança, lazer, vestuário, alimentação e
transporte são direitos dos cidadãos.
Deveres  Votar para escolher novos
governantes.
 Cumprir as leis.
 Respeitar os direitos sociais de
outras pessoas.
 Educar e proteger nossos
semelhantes.
 Proteger a natureza.
 Proteger o patrimônio público e social do país.
 Colaborar com as autoridades.
DIREITOS
C
H
I
A
D
Ã
O
N
U
M
A
S
Art. 196 – A saúde é direito de todos e
dever do Estado, garantido mediante
políticas sociais e econômicas que visem à
redução do risco de doença e de outros
agravos e ao acesso universal e igualitário
às e serviços para sua
promoção, proteção e recuperação. (CFB)
 A saúde é um direito de todos porque sem ela
não há condições de uma vida digna, e é um
dever do Estado porque é financiada pelos
impostos que são pagos pela população.
Art. 205 – A educação, direito
de todos e dever do Estado e da
família, será promovida e
incentivada com a colaboração
da sociedade, visando ao pleno
desenvolvimento da pessoa, seu
preparo para o exercício da
cidadania e sua qualificação
para o trabalho. (CFB)
 Todos os cidadãos têm
direito à educação.
Com ela, o sujeito pode
ter mais participação
na sociedade. Quem
não tem acesso à
educação não é capaz
de exigir e exercer
direitos civis, políticos,
econômicos e sociais, o
que prejudica sua
inclusão na sociedade
moderna.
Art. III – Toda pessoa
tem direito à vida, à
liberdade e à segurança
pessoal. (DUDH)
 O direito à segurança não significa o fim de todos os
conflitos, ameaças e violência, mas sim a existência de
instituições confiáveis e que busquem prevenir de maneira
eficiente estes episódios e agir de forma equilibrada e justa
quando algo acontece.
 No nosso país, a
aplicação das regras
e a proteção das
pessoas são
garantidas pelas
instituições de
segurança e justiça.
Poder Judiciário
Ministério Público
Polícias
Defensoria Pública
I
U
G
LA
D
E
A
D
Art. 5º - Todos são iguais perante a lei,
sem distinção de qualquer natureza,
garantindo-se aos brasileiros e aos
estrangeiros residentes no País a
inviolabilidade do direito à vida, à
liberdade, à igualdade, à segurança e à
propriedade , nos termos seguintes:
§ 1 – homens e mulheres são
iguais em direitos e obrigações, nos
termos desta Constituição.
§ 4 – é livre a manifestação do
pensamento ,sendo vedado o anonimato.
§6 – é inviolável a liberdade de
consciência e de crença (...). (CFB)
Vídeo:
“Os 30 Artigos da
Declaração Universal dos
Direitos Humanos”
Youth for Human Rights
http://www.youtube.com/watch?v=RNfIuGQYeTQ

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Breve conceito e histórico de direitos humanos slides
Breve conceito e histórico de direitos humanos   slidesBreve conceito e histórico de direitos humanos   slides
Breve conceito e histórico de direitos humanos slides
edgardrey
 
Moral e ética
Moral e éticaMoral e ética
Moral e ética
Over Lane
 
Cidadania
CidadaniaCidadania
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
Celiomar Queiros
 
[nitro] Mapa Mental - Direito e Humanidades - História.pdf
[nitro] Mapa Mental -  Direito e Humanidades - História.pdf[nitro] Mapa Mental -  Direito e Humanidades - História.pdf
[nitro] Mapa Mental - Direito e Humanidades - História.pdf
BrunoCosta364836
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
emrcool
 
Multiculturalismo
MulticulturalismoMulticulturalismo
Multiculturalismo
ProfMario De Mori
 
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Violência
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre ViolênciaSlides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Violência
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Violência
Turma Olímpica
 
Desigualdade Social
Desigualdade SocialDesigualdade Social
Desigualdade Social
Marcos Alencar
 
Diversidade cultural
Diversidade culturalDiversidade cultural
Diversidade cultural
Paula Tomaz
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
Luciano Pessanha
 
DIREITOS HUMANOS
DIREITOS HUMANOSDIREITOS HUMANOS
DIREITOS HUMANOS
Thaylana Novaes
 
Preconceito e intolerência
Preconceito e intolerênciaPreconceito e intolerência
Preconceito e intolerência
Victor Claudio
 
Política e poder
Política e poderPolítica e poder
Cidadania e Política
Cidadania e PolíticaCidadania e Política
Cidadania e Política
Brenda Grazielle
 
Consciencia negra
Consciencia negraConsciencia negra
Consciencia negra
Estado do RS
 
Slide sociologia 1
Slide sociologia 1Slide sociologia 1
Slide sociologia 1
Over Lane
 
Minorias Sociais
Minorias SociaisMinorias Sociais
Minorias Sociais
Paulo Alexandre
 
Sociologia - Cidadania
Sociologia - CidadaniaSociologia - Cidadania
Sociologia - Cidadania
Edenilson Morais
 
Projeto de vida
Projeto de vidaProjeto de vida
Projeto de vida
Edson Salgado Ávella
 

Mais procurados (20)

Breve conceito e histórico de direitos humanos slides
Breve conceito e histórico de direitos humanos   slidesBreve conceito e histórico de direitos humanos   slides
Breve conceito e histórico de direitos humanos slides
 
Moral e ética
Moral e éticaMoral e ética
Moral e ética
 
Cidadania
CidadaniaCidadania
Cidadania
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
 
[nitro] Mapa Mental - Direito e Humanidades - História.pdf
[nitro] Mapa Mental -  Direito e Humanidades - História.pdf[nitro] Mapa Mental -  Direito e Humanidades - História.pdf
[nitro] Mapa Mental - Direito e Humanidades - História.pdf
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
 
Multiculturalismo
MulticulturalismoMulticulturalismo
Multiculturalismo
 
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Violência
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre ViolênciaSlides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Violência
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Violência
 
Desigualdade Social
Desigualdade SocialDesigualdade Social
Desigualdade Social
 
Diversidade cultural
Diversidade culturalDiversidade cultural
Diversidade cultural
 
Globalização
GlobalizaçãoGlobalização
Globalização
 
DIREITOS HUMANOS
DIREITOS HUMANOSDIREITOS HUMANOS
DIREITOS HUMANOS
 
Preconceito e intolerência
Preconceito e intolerênciaPreconceito e intolerência
Preconceito e intolerência
 
Política e poder
Política e poderPolítica e poder
Política e poder
 
Cidadania e Política
Cidadania e PolíticaCidadania e Política
Cidadania e Política
 
Consciencia negra
Consciencia negraConsciencia negra
Consciencia negra
 
Slide sociologia 1
Slide sociologia 1Slide sociologia 1
Slide sociologia 1
 
Minorias Sociais
Minorias SociaisMinorias Sociais
Minorias Sociais
 
Sociologia - Cidadania
Sociologia - CidadaniaSociologia - Cidadania
Sociologia - Cidadania
 
Projeto de vida
Projeto de vidaProjeto de vida
Projeto de vida
 

Destaque

Direitos humanos
Direitos humanos Direitos humanos
Direitos humanos
Luis De Sousa Rodrigues
 
Direitos Humanos
Direitos HumanosDireitos Humanos
Direitos Humanos
Rafaelsoares
 
Dia da crianca direitos e deveres
Dia da crianca direitos e deveresDia da crianca direitos e deveres
Dia da crianca direitos e deveres
Ana Prada
 
Projeto geral sumare de ppi mult
Projeto geral sumare de ppi   multProjeto geral sumare de ppi   mult
Projeto geral sumare de ppi mult
Denise A.
 
Declaração Universal de Direitos Humanos
Declaração Universal de Direitos HumanosDeclaração Universal de Direitos Humanos
Declaração Universal de Direitos Humanos
Saimon Lima de Britto
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
Denise A.
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
MicaelaPiedade
 
Direitos e Deveres
Direitos e Deveres Direitos e Deveres
Direitos e Deveres
isinha1
 
Declaração universal dos direitos humanos
Declaração universal dos direitos humanosDeclaração universal dos direitos humanos
Declaração universal dos direitos humanos
Nilberte
 
Direitos humanos para Humanos direitos
Direitos humanos para Humanos direitosDireitos humanos para Humanos direitos
Direitos humanos para Humanos direitos
Marli Delucca
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
Luis De Sousa Rodrigues
 
Direitos Da CriançA ApresentaçãO Power Point
Direitos Da CriançA ApresentaçãO Power PointDireitos Da CriançA ApresentaçãO Power Point
Direitos Da CriançA ApresentaçãO Power Point
guest208083b
 
Dia da Consciencia Negra
Dia da Consciencia NegraDia da Consciencia Negra
Dia da Consciencia Negra
Fabio Rogerio Nepomuceno
 
Consciencia Negra1
Consciencia Negra1Consciencia Negra1
Consciencia Negra1
emacon
 
A Consciência Negra
A Consciência NegraA Consciência Negra
A Consciência Negra
mgsfcte
 
Dia Da Consciência Negra
Dia Da Consciência NegraDia Da Consciência Negra
Dia Da Consciência Negra
Paulo Medeiros
 
LinkedIn SlideShare: Knowledge, Well-Presented
LinkedIn SlideShare: Knowledge, Well-PresentedLinkedIn SlideShare: Knowledge, Well-Presented
LinkedIn SlideShare: Knowledge, Well-Presented
SlideShare
 

Destaque (17)

Direitos humanos
Direitos humanos Direitos humanos
Direitos humanos
 
Direitos Humanos
Direitos HumanosDireitos Humanos
Direitos Humanos
 
Dia da crianca direitos e deveres
Dia da crianca direitos e deveresDia da crianca direitos e deveres
Dia da crianca direitos e deveres
 
Projeto geral sumare de ppi mult
Projeto geral sumare de ppi   multProjeto geral sumare de ppi   mult
Projeto geral sumare de ppi mult
 
Declaração Universal de Direitos Humanos
Declaração Universal de Direitos HumanosDeclaração Universal de Direitos Humanos
Declaração Universal de Direitos Humanos
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
 
Direitos e Deveres
Direitos e Deveres Direitos e Deveres
Direitos e Deveres
 
Declaração universal dos direitos humanos
Declaração universal dos direitos humanosDeclaração universal dos direitos humanos
Declaração universal dos direitos humanos
 
Direitos humanos para Humanos direitos
Direitos humanos para Humanos direitosDireitos humanos para Humanos direitos
Direitos humanos para Humanos direitos
 
Direitos humanos
Direitos humanosDireitos humanos
Direitos humanos
 
Direitos Da CriançA ApresentaçãO Power Point
Direitos Da CriançA ApresentaçãO Power PointDireitos Da CriançA ApresentaçãO Power Point
Direitos Da CriançA ApresentaçãO Power Point
 
Dia da Consciencia Negra
Dia da Consciencia NegraDia da Consciencia Negra
Dia da Consciencia Negra
 
Consciencia Negra1
Consciencia Negra1Consciencia Negra1
Consciencia Negra1
 
A Consciência Negra
A Consciência NegraA Consciência Negra
A Consciência Negra
 
Dia Da Consciência Negra
Dia Da Consciência NegraDia Da Consciência Negra
Dia Da Consciência Negra
 
LinkedIn SlideShare: Knowledge, Well-Presented
LinkedIn SlideShare: Knowledge, Well-PresentedLinkedIn SlideShare: Knowledge, Well-Presented
LinkedIn SlideShare: Knowledge, Well-Presented
 

Semelhante a Direitos humanos e cidadania

Historia direitos humanos
Historia direitos humanosHistoria direitos humanos
Historia direitos humanos
AlanWillianLeonioSil
 
Direitos e Deveres
Direitos e DeveresDireitos e Deveres
Direitos e Deveres
Kely Cristina Metzker
 
Direitos e deveres
Direitos e deveresDireitos e deveres
Direitos e deveres
figo
 
Cidadão e cidadania
Cidadão e cidadaniaCidadão e cidadania
Cidadão e cidadaniadinicmax
 
Cartilha da cidadania Conheça seus Direitos
Cartilha da cidadania Conheça seus DireitosCartilha da cidadania Conheça seus Direitos
Cartilha da cidadania Conheça seus Direitos
Stander Pool Guess Guess
 
Diversidade Étnico, Gênero e Direitos Humanos.pptx
Diversidade Étnico, Gênero e Direitos Humanos.pptxDiversidade Étnico, Gênero e Direitos Humanos.pptx
Diversidade Étnico, Gênero e Direitos Humanos.pptx
RobsonAbreuProfessor
 
Direitos do cidadão
Direitos do cidadão Direitos do cidadão
Direitos do cidadão
ProfessorRogerioSant
 
Cidadania
CidadaniaCidadania
Cidadania
Pedro Souto
 
Direitos humanos - Unidade 2 - 03-05-2023.pptx
Direitos humanos - Unidade 2 - 03-05-2023.pptxDireitos humanos - Unidade 2 - 03-05-2023.pptx
Direitos humanos - Unidade 2 - 03-05-2023.pptx
IslanaPereira1
 
DIREITOS HUMANOS.pdf
DIREITOS HUMANOS.pdfDIREITOS HUMANOS.pdf
DIREITOS HUMANOS.pdf
DanilaSalvador
 
Direitos humanos Concurso SEE/MG
Direitos humanos Concurso SEE/MGDireitos humanos Concurso SEE/MG
Direitos humanos Concurso SEE/MG
Moacyr Anício
 
Teoria Geral Direitos Fundamentais (1).pptx
Teoria Geral  Direitos Fundamentais (1).pptxTeoria Geral  Direitos Fundamentais (1).pptx
Teoria Geral Direitos Fundamentais (1).pptx
KarlaLeiteVilasBoas1
 
Dh aula 1
Dh aula 1Dh aula 1
Dh aula 1
geouerjvictor
 
Direitos e Garantias Fundamentais.pdf
Direitos e Garantias Fundamentais.pdfDireitos e Garantias Fundamentais.pdf
Direitos e Garantias Fundamentais.pdf
Sibele Silva
 
Apresentação CE B3 A PDF.pdf
Apresentação CE B3 A PDF.pdfApresentação CE B3 A PDF.pdf
Apresentação CE B3 A PDF.pdf
snia57
 
DeclaraçãO Dos Direitos Humanos
DeclaraçãO Dos Direitos HumanosDeclaraçãO Dos Direitos Humanos
DeclaraçãO Dos Direitos Humanos
Luci Bonini
 
Apostila arbitro (1)
Apostila arbitro (1)Apostila arbitro (1)
Apostila arbitro (1)
Jose Arnildo
 
Cidadaniappt
CidadaniapptCidadaniappt
Cidadaniappt
Catarina Cardoso
 
Aula 1- Fundamentos
Aula 1- FundamentosAula 1- Fundamentos
Aula 1- Fundamentos
André Santos Luigi
 
ART 5° DA CF; DIREITOS INDIVIDUAIS E COLETIVOS.
ART 5° DA CF; DIREITOS INDIVIDUAIS E COLETIVOS.ART 5° DA CF; DIREITOS INDIVIDUAIS E COLETIVOS.
ART 5° DA CF; DIREITOS INDIVIDUAIS E COLETIVOS.
BrunaMonte
 

Semelhante a Direitos humanos e cidadania (20)

Historia direitos humanos
Historia direitos humanosHistoria direitos humanos
Historia direitos humanos
 
Direitos e Deveres
Direitos e DeveresDireitos e Deveres
Direitos e Deveres
 
Direitos e deveres
Direitos e deveresDireitos e deveres
Direitos e deveres
 
Cidadão e cidadania
Cidadão e cidadaniaCidadão e cidadania
Cidadão e cidadania
 
Cartilha da cidadania Conheça seus Direitos
Cartilha da cidadania Conheça seus DireitosCartilha da cidadania Conheça seus Direitos
Cartilha da cidadania Conheça seus Direitos
 
Diversidade Étnico, Gênero e Direitos Humanos.pptx
Diversidade Étnico, Gênero e Direitos Humanos.pptxDiversidade Étnico, Gênero e Direitos Humanos.pptx
Diversidade Étnico, Gênero e Direitos Humanos.pptx
 
Direitos do cidadão
Direitos do cidadão Direitos do cidadão
Direitos do cidadão
 
Cidadania
CidadaniaCidadania
Cidadania
 
Direitos humanos - Unidade 2 - 03-05-2023.pptx
Direitos humanos - Unidade 2 - 03-05-2023.pptxDireitos humanos - Unidade 2 - 03-05-2023.pptx
Direitos humanos - Unidade 2 - 03-05-2023.pptx
 
DIREITOS HUMANOS.pdf
DIREITOS HUMANOS.pdfDIREITOS HUMANOS.pdf
DIREITOS HUMANOS.pdf
 
Direitos humanos Concurso SEE/MG
Direitos humanos Concurso SEE/MGDireitos humanos Concurso SEE/MG
Direitos humanos Concurso SEE/MG
 
Teoria Geral Direitos Fundamentais (1).pptx
Teoria Geral  Direitos Fundamentais (1).pptxTeoria Geral  Direitos Fundamentais (1).pptx
Teoria Geral Direitos Fundamentais (1).pptx
 
Dh aula 1
Dh aula 1Dh aula 1
Dh aula 1
 
Direitos e Garantias Fundamentais.pdf
Direitos e Garantias Fundamentais.pdfDireitos e Garantias Fundamentais.pdf
Direitos e Garantias Fundamentais.pdf
 
Apresentação CE B3 A PDF.pdf
Apresentação CE B3 A PDF.pdfApresentação CE B3 A PDF.pdf
Apresentação CE B3 A PDF.pdf
 
DeclaraçãO Dos Direitos Humanos
DeclaraçãO Dos Direitos HumanosDeclaraçãO Dos Direitos Humanos
DeclaraçãO Dos Direitos Humanos
 
Apostila arbitro (1)
Apostila arbitro (1)Apostila arbitro (1)
Apostila arbitro (1)
 
Cidadaniappt
CidadaniapptCidadaniappt
Cidadaniappt
 
Aula 1- Fundamentos
Aula 1- FundamentosAula 1- Fundamentos
Aula 1- Fundamentos
 
ART 5° DA CF; DIREITOS INDIVIDUAIS E COLETIVOS.
ART 5° DA CF; DIREITOS INDIVIDUAIS E COLETIVOS.ART 5° DA CF; DIREITOS INDIVIDUAIS E COLETIVOS.
ART 5° DA CF; DIREITOS INDIVIDUAIS E COLETIVOS.
 

Último

Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
soaresdesouzaamanda8
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AntonioVieira539017
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 

Último (20)

Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 

Direitos humanos e cidadania

  • 3. Declaração de Direitos de 1689  Elaborada pelo parlamento da Inglaterra após as Guerras Civis Inglesas, tendo como objetivo principal pregar a democracia, esta Declaração determinou, entre outras coisas, a liberdade, a vida e a propriedade.  Este foi um dos primeiros documentos redigidos em reação a tratamentos desumanos e injustiças. “Os súditos têm direito de apresentar petições aos rei, sendo ilegais aas prisões vexações de qualquer espécie que sofram por esta causa.”
  • 4. Declaração dos Direitos do Homem e do Cidadão de 1789  Anunciada ao público em 26 de agosto de 1789, ela está intimamente relacionada com a Revolução Francesa.  Se concentra mais nos direitos civis, que garantem a liberdade individual – os direitos do homem – e nos direitos políticos, relativos à igualdade de participação política. Art. 1º: Os homens nascem e permanecem livres e iguais em direitos. As distinções sociais só podem fundar-se na utilidade comum
  • 6. Declaração Universal dos Direitos Humanos  Aprovada em 1948 na Assembleia Geral da ONU, esta declaração é o documento base da luta universal contra a opressão e a discriminação, defende a igualdade e a dignidade das pessoas e reconhece que os direitos humanos e as liberdades fundamentais devem ser aplicados a cada cidadão do planeta.  Os direitos humanos são os direitos essenciais a todos os seres humanos, sem que haja discriminação por raça, cor, gênero, idioma, nacionalidade ou por qualquer outro motivo  A garantia dos direitos humanos universais é feita por lei, na forma de tratados e de leis internacionais, por exemplo.
  • 7.  São universais no sentido de que aquilo que é considerado um direito humano no Brasil, também deverá sê-lo com o mesmo nível de exigência, de respeitabilidade e de garantia em qualquer país do mundo, porque eles não se referem a um membro de uma sociedade política; eles se referem à pessoa humana na sua universalidade.  São naturais porque dizem respeito à dignidade da natureza humana e porque existem antes de qualquer lei, e não precisam estar especificados numa lei, para serem exigidos, reconhecidos, protegidos e promovidos. Os Direitos Humanos são universais e naturais.
  • 8. Vídeo: “A História dos Direitos Humanos” United for Human Rights http://www.youtube.com/watch?v=uCnIKEOtbfc
  • 9.
  • 10.  As garantias dos Direitos Humanos são obrigações que os países têm com seus habitantes, os cidadãos. E são, também, obrigações dos cidadãos entre si.  Os países têm que criar leis para garantir os direitos a todos, sem discriminações, nem privilégios.
  • 11. O que são direitos do cidadão?
  • 12.  Cidadania e direitos da cidadania dizem respeito a uma determinada ordem jurídico-política de um país, de um Estado, no qual uma constituição define e garante quem é cidadão, que direitos e deveres ele terá em função de uma série de variáveis tais como a idade, o estado civil, a condição de sanidade física e mental, o fato de estar ou não com a dívida penal etc.  Direitos de cidadania não são direitos universais, são direitos específicos dos membros de um determinado Estado, de uma determinada ordem jurídico-política.  No entanto, em muitos casos, os direitos do cidadão coincidem com os direitos humanos, que são os mais amplos e abrangentes.
  • 13. O que é ser um cidadão?
  • 14. Cidadão é aquele que se identifica culturalmente como parte de um território, usufrui dos direitos e cumpre os deveres estabelecidos em lei. Exercer a cidadania é ter consciência de suas obrigações e lutar para que o que é justo e correto seja colocado em prática. Os direitos e deveres não podem andar separados. Afinal, só quando cumprimos com nossas obrigações permitimos que os outros exercitem seus direitos.
  • 15. Direitos  Homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações.  Ninguém é obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei.  A manifestação do pensamento é livre.  Ninguém deve ser submetido à tortura nem a tratamento desumano ou degradante.  A liberdade de consciência e de crença é inviolável, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto.  Saúde, educação, moradia, segurança, lazer, vestuário, alimentação e transporte são direitos dos cidadãos.
  • 16. Deveres  Votar para escolher novos governantes.  Cumprir as leis.  Respeitar os direitos sociais de outras pessoas.  Educar e proteger nossos semelhantes.  Proteger a natureza.  Proteger o patrimônio público e social do país.  Colaborar com as autoridades.
  • 18. Art. 196 – A saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às e serviços para sua promoção, proteção e recuperação. (CFB)  A saúde é um direito de todos porque sem ela não há condições de uma vida digna, e é um dever do Estado porque é financiada pelos impostos que são pagos pela população.
  • 19. Art. 205 – A educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho. (CFB)  Todos os cidadãos têm direito à educação. Com ela, o sujeito pode ter mais participação na sociedade. Quem não tem acesso à educação não é capaz de exigir e exercer direitos civis, políticos, econômicos e sociais, o que prejudica sua inclusão na sociedade moderna.
  • 20. Art. III – Toda pessoa tem direito à vida, à liberdade e à segurança pessoal. (DUDH)  O direito à segurança não significa o fim de todos os conflitos, ameaças e violência, mas sim a existência de instituições confiáveis e que busquem prevenir de maneira eficiente estes episódios e agir de forma equilibrada e justa quando algo acontece.  No nosso país, a aplicação das regras e a proteção das pessoas são garantidas pelas instituições de segurança e justiça. Poder Judiciário Ministério Público Polícias Defensoria Pública
  • 21. I U G LA D E A D Art. 5º - Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade , nos termos seguintes: § 1 – homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações, nos termos desta Constituição. § 4 – é livre a manifestação do pensamento ,sendo vedado o anonimato. §6 – é inviolável a liberdade de consciência e de crença (...). (CFB)
  • 22. Vídeo: “Os 30 Artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos” Youth for Human Rights http://www.youtube.com/watch?v=RNfIuGQYeTQ