SlideShare uma empresa Scribd logo
Alexandre Rosado
Abril de 2016 | Curso de extensão DESU-INES
í
A máquina fotográfica
Qual equipamento eu tenho em mãos?
Módulo 2 - Fotografia
São diversos os tipos de câmeras que
temos a disposição hoje em dia.
A maioria é digital, pois nas duas
últimas décadas abandonamos
gradualmente os filmes analógicos.
Nesta oficina nosso foco será nas
câmeras DSLR, câmeras digitais de
de reflexo por lente única.
Módulo 2 - Fotografia
Sapata do flash
Disco dos modos
de exposição
Visor óptico
Visor LCD
Interruptor
liga/desliga
- Abertura e
compensação
de exposição
- Apagar
Acesso rápido
às funções
Reprodução de
imagens e vídeos
- Visualização direta no LCD
- Gravação de vídeo
Acesso ao menu de
configurações
Botão de
visualização do
visor
Luz de acesso aos
dados
Balanço de branco
Botão disparador
Objetiva
Botão de liberação da objetiva
Flash embutido
Microfone
USB para dados
Seleção de foco
automático/manual
Empunhadura
Botão do flash
Alto-falante
Como portar uma DSLR
Punho e suporte para estabilizar a captura
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Exposição de luz
Os 3 elementos básicos da captura de luz
A exposição é o processo de permitir
que a luz penetre na objetiva da câmera
para iluminar o sensor e produzir a
imagem. Depende de 3 elementos que
devem estar em equilíbrio:
1. Abertura da objetiva – Luz que passará pela
lente.
2. Velocidade do obturador da câmera – Tempo
que a luz passa na objetiva.
3. Sensibilidade do sensor à luz – ISO.
O controle da exposição evita que se entre muita ou pouca luz no sensor da câmera
Grande profundidade de campo
Menos luz capturada
Pouca profundidade de campo
Mais luz capturada
Abertura da objetiva
Módulo 2 - Fotografia
Exemplo de abertura f/1.8
Exemplo de abertura f/32
Exposição curta
Menos luz capturada
Ideal para dia claro
e objetos em movimento
Exposição longa
Mais luz capturada
Ideal para noite
e objetos parados
Velocidade do obturador
1 segundo/60 ou 0,016 segundo
Exemplo de velocidade 1/4000
Exemplo de velocidade 3 segundos (3”)
Baixa sensibilidade à luz
Menos luz capturada
Alta qualidade de imagem
Usar durante o dia
Alta sensibilidade à luz
Mais luz capturada
Baixa qualidade de imagem
Usar durante a noite
Sensibilidade do sensor
Exemplo de fragmento de foto com ruído do ISO
Exemplo de foto com ISO 100
Exemplo de foto com ISO 3200
Os ajustes de luz dependem da
fotometria, ou seja, da medição precisa
do nível de iluminação da
cena a ser fotografada.
As câmeras DSLR possuem vários
modos de fotometria e compensação
de luminosidade.
A fotometria alerta se está entrando muita ou pouca luz no sensor da câmera
Módulo 2 - Fotografia
A leitura da luz refletida pela cena, demonstrada na Régua EV, deve estar na
medida exata da fotometria, como mostrada no viewfinder, EV = 0.
Se a Régua EV se apresentar com valores negativos, a foto estará subexposta.
Se a Régua Ev apresentar valores positivos, a foto estará superexposta.
O WB (White balance) é o balanço de
branco e serve para que a tonalidade
dos objetos brancos de fato pareçam
brancos na imagem capturada.
A definição manual do WB permite que
a fotometria seja ajustada à luz
ambiente.
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Alguns exemplos para análise
Repare nos 3 elementos ajustados para essas fotos
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
Módulo 2 - Fotografia
O botão de seleção de exposição
Facilitando a vida do fotógrafo
Os modos de cena agilizam a
velocidade de configuração da
câmera a partir de situações comuns
para os fotógrafos.
Eles já apresentam configurações de
exposição, balanço de branco, flash,
entre outros.
Área de seleção dos modos de cena
Fotografar retratos
Fotografar paisagens
Fotografar pequenos objetos
Fotografar motivos em movimento
Fotografar retratos
noturnos
Os modos avançados permitem que o
fotógrafo assuma o controle da
máquina e ajuste alguns ou todos os
parâmetros de exposição.
Área de disparo avançado
Prioridade de ajuste
de velocidade
Prioridade de ajuste
de abertura
Modo de exposição manual
Noções de composição
Como eu penso a foto antes de faze-la?
Grosso modo, compor uma imagem é
escolher que elementos entrarão na
imagem, em que local e em que
ordem.
A composição depende do grau de
domínio estético e planejamento do
assunto e motivo da fotografia.
A regra mais básica da fotografia é a regra dos terços.
Consiste na divisão do visor da câmera em 3 colunas e 3 linhas.
A aplicação da regra dos terços nada mais é do que evitar simplesmente
centrar o elemento a fotografar, e posicioná-lo 1/3 acima do fundo e 1/3
à esquerda ou então 1/3 abaixo do topo e 1/3 à direita e assim
sucessivamente.
No caso de pessoas e objetos procure posicioná-los numa das quatro
intersecções do grid. No caso de paisagens, posicione-as no topo ou no fundo
do grid. O resultado é uma imagem mais natural, contrabalanceada e atrativa
ao olhar.
Outro fator que gera conforto ao olhar é a simetria e a criação de um
ponto de fuga, que conduza o olhar do observador.
Simetria e ponto de fuga conduzindo para a pessoa ao centro da imagem.
Como fotografar?
Passo a passo para os primeiros cliques
Fazer uma fotografia
Perguntas básicas
1. Escolha do tema/motivo/assunto da foto.
2. Está em movimento ou parado? Quero o motivo
nítido ou “borrado”? (ajuste de velocidade)
3. Está de dia ou de noite? (ajuste do ISO)
4. Tenho um tripé para estabilizar? (ajuste de
velocidade)
5. Preciso usar zoom ótico para enquadrar ou posso me
aproximar do motivo? (tipo de objetiva)
6. Quero dar prioridade à profundidade de campo ou
velocidade do obturador? (modos de câmera Tv e Av)
7. Qual a iluminação do ambiente que estou? (ajuste de
balanço de branco WB)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Fotografia | aula 03
Fotografia | aula 03Fotografia | aula 03
Fotografia | aula 03
João Leopoldo Padoveze
 
Técnicas fotográficas
Técnicas fotográficasTécnicas fotográficas
Técnicas fotográficas
Thayse Beckner
 
Fotografia com celular
Fotografia com celularFotografia com celular
Fotografia com celular
Welber Dias
 
Mini Curso de Fotografia - Aula 1
Mini Curso de Fotografia - Aula 1Mini Curso de Fotografia - Aula 1
Mini Curso de Fotografia - Aula 1
Thiago Araujo
 
Princípios da fotografia
Princípios da fotografiaPrincípios da fotografia
Princípios da fotografia
Cid Costa Neto
 
Composicao
ComposicaoComposicao
02 principios da fotografia (2012)
02 principios da fotografia (2012)02 principios da fotografia (2012)
02 principios da fotografia (2012)
Marcio Duarte
 
Fotografia composição enquadramento
Fotografia composição enquadramentoFotografia composição enquadramento
Fotografia composição enquadramento
victormlcosta
 
Mini Curso de Fotografia - Aula 2
Mini Curso de Fotografia - Aula 2Mini Curso de Fotografia - Aula 2
Mini Curso de Fotografia - Aula 2
Thiago Araujo
 
A máquina fotográfica
A máquina fotográficaA máquina fotográfica
A máquina fotográfica
Gilvandenys Leite Sales
 
Introdução à linguagem fotográfica parte I
Introdução à linguagem fotográfica parte IIntrodução à linguagem fotográfica parte I
Introdução à linguagem fotográfica parte I
Thayse Beckner
 
Gêneros fotográficos
Gêneros fotográficosGêneros fotográficos
Gêneros fotográficos
Cid Costa Neto
 
Aula de fotografia basica
Aula de fotografia basicaAula de fotografia basica
Aula de fotografia basica
Marieta Rios
 
Câmera DSLR
Câmera DSLRCâmera DSLR
Câmera DSLR
Cid Costa Neto
 
A camera
A cameraA camera
A camera
Fernanda Costa
 
Fotografia em Estúdio
Fotografia em EstúdioFotografia em Estúdio
Fotografia em Estúdio
Cid Costa Neto
 
Fotografia
FotografiaFotografia
Fotografia
cattonia
 
Planos e ângulos
Planos e ângulosPlanos e ângulos
Planos e ângulos
Marcio Duarte
 
Historia da Fotografia
Historia da FotografiaHistoria da Fotografia
Historia da Fotografia
Cid Costa Neto
 
Aula fotografia - iluminação em estúdio ppt
Aula   fotografia - iluminação em estúdio pptAula   fotografia - iluminação em estúdio ppt
Aula fotografia - iluminação em estúdio ppt
André Teixeira
 

Mais procurados (20)

Fotografia | aula 03
Fotografia | aula 03Fotografia | aula 03
Fotografia | aula 03
 
Técnicas fotográficas
Técnicas fotográficasTécnicas fotográficas
Técnicas fotográficas
 
Fotografia com celular
Fotografia com celularFotografia com celular
Fotografia com celular
 
Mini Curso de Fotografia - Aula 1
Mini Curso de Fotografia - Aula 1Mini Curso de Fotografia - Aula 1
Mini Curso de Fotografia - Aula 1
 
Princípios da fotografia
Princípios da fotografiaPrincípios da fotografia
Princípios da fotografia
 
Composicao
ComposicaoComposicao
Composicao
 
02 principios da fotografia (2012)
02 principios da fotografia (2012)02 principios da fotografia (2012)
02 principios da fotografia (2012)
 
Fotografia composição enquadramento
Fotografia composição enquadramentoFotografia composição enquadramento
Fotografia composição enquadramento
 
Mini Curso de Fotografia - Aula 2
Mini Curso de Fotografia - Aula 2Mini Curso de Fotografia - Aula 2
Mini Curso de Fotografia - Aula 2
 
A máquina fotográfica
A máquina fotográficaA máquina fotográfica
A máquina fotográfica
 
Introdução à linguagem fotográfica parte I
Introdução à linguagem fotográfica parte IIntrodução à linguagem fotográfica parte I
Introdução à linguagem fotográfica parte I
 
Gêneros fotográficos
Gêneros fotográficosGêneros fotográficos
Gêneros fotográficos
 
Aula de fotografia basica
Aula de fotografia basicaAula de fotografia basica
Aula de fotografia basica
 
Câmera DSLR
Câmera DSLRCâmera DSLR
Câmera DSLR
 
A camera
A cameraA camera
A camera
 
Fotografia em Estúdio
Fotografia em EstúdioFotografia em Estúdio
Fotografia em Estúdio
 
Fotografia
FotografiaFotografia
Fotografia
 
Planos e ângulos
Planos e ângulosPlanos e ângulos
Planos e ângulos
 
Historia da Fotografia
Historia da FotografiaHistoria da Fotografia
Historia da Fotografia
 
Aula fotografia - iluminação em estúdio ppt
Aula   fotografia - iluminação em estúdio pptAula   fotografia - iluminação em estúdio ppt
Aula fotografia - iluminação em estúdio ppt
 

Destaque

Slides do Módulo 3 sobre Roteiro e Edição de vídeo
Slides do Módulo 3 sobre Roteiro e Edição de vídeoSlides do Módulo 3 sobre Roteiro e Edição de vídeo
Slides do Módulo 3 sobre Roteiro e Edição de vídeo
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Raw ou jpeg?
Raw ou jpeg?Raw ou jpeg?
Raw ou jpeg?
Pedro Trindade
 
Entendendo o balanço de branco
Entendendo o balanço de brancoEntendendo o balanço de branco
Entendendo o balanço de branco
Pedro Trindade
 
Fotografia.
Fotografia.Fotografia.
Fotografia.
Laura Reyes
 
Módulo 1 | Fotografia Digital | 3. Exposição
Módulo 1 | Fotografia Digital | 3. ExposiçãoMódulo 1 | Fotografia Digital | 3. Exposição
Módulo 1 | Fotografia Digital | 3. Exposição
Nuno Barros
 
Exposição slides
Exposição slidesExposição slides
Exposição slides
elianemfr
 
Manual Câmera Nikon D7100
Manual Câmera Nikon D7100Manual Câmera Nikon D7100
Manual Câmera Nikon D7100
Sérgio Amaral
 
Módulo 1 - Design gráfico
Módulo 1 - Design gráficoMódulo 1 - Design gráfico
Neurônios Espelho
Neurônios EspelhoNeurônios Espelho
Neurônios Espelho
mayarafn
 
O texto em rádio
O texto em rádioO texto em rádio
O texto em rádio
Elvis Vinícius
 
Roteiro Para Radialistas
Roteiro Para RadialistasRoteiro Para Radialistas
Roteiro Para Radialistas
nubea xavier
 
Roteiro para filme publicitário
Roteiro para filme publicitárioRoteiro para filme publicitário
Roteiro para filme publicitário
Josué Brazil
 
Roteiro Para TV
Roteiro Para TVRoteiro Para TV
Roteiro Para TV
Neca Boullosa
 
Cérebro e Funções Cognitivas
Cérebro e Funções CognitivasCérebro e Funções Cognitivas
Cérebro e Funções Cognitivas
Gisele Cortoni Calia
 
Roteiro com textos
Roteiro com textosRoteiro com textos
Roteiro com textos
Gabriela da Silva
 

Destaque (15)

Slides do Módulo 3 sobre Roteiro e Edição de vídeo
Slides do Módulo 3 sobre Roteiro e Edição de vídeoSlides do Módulo 3 sobre Roteiro e Edição de vídeo
Slides do Módulo 3 sobre Roteiro e Edição de vídeo
 
Raw ou jpeg?
Raw ou jpeg?Raw ou jpeg?
Raw ou jpeg?
 
Entendendo o balanço de branco
Entendendo o balanço de brancoEntendendo o balanço de branco
Entendendo o balanço de branco
 
Fotografia.
Fotografia.Fotografia.
Fotografia.
 
Módulo 1 | Fotografia Digital | 3. Exposição
Módulo 1 | Fotografia Digital | 3. ExposiçãoMódulo 1 | Fotografia Digital | 3. Exposição
Módulo 1 | Fotografia Digital | 3. Exposição
 
Exposição slides
Exposição slidesExposição slides
Exposição slides
 
Manual Câmera Nikon D7100
Manual Câmera Nikon D7100Manual Câmera Nikon D7100
Manual Câmera Nikon D7100
 
Módulo 1 - Design gráfico
Módulo 1 - Design gráficoMódulo 1 - Design gráfico
Módulo 1 - Design gráfico
 
Neurônios Espelho
Neurônios EspelhoNeurônios Espelho
Neurônios Espelho
 
O texto em rádio
O texto em rádioO texto em rádio
O texto em rádio
 
Roteiro Para Radialistas
Roteiro Para RadialistasRoteiro Para Radialistas
Roteiro Para Radialistas
 
Roteiro para filme publicitário
Roteiro para filme publicitárioRoteiro para filme publicitário
Roteiro para filme publicitário
 
Roteiro Para TV
Roteiro Para TVRoteiro Para TV
Roteiro Para TV
 
Cérebro e Funções Cognitivas
Cérebro e Funções CognitivasCérebro e Funções Cognitivas
Cérebro e Funções Cognitivas
 
Roteiro com textos
Roteiro com textosRoteiro com textos
Roteiro com textos
 

Semelhante a Módulo 2 - Fotografia

E book fotometria + flash
E book fotometria + flashE book fotometria + flash
E book fotometria + flash
Janio Guimaraes Junior
 
E book fotometria + flash2
E book fotometria + flash2E book fotometria + flash2
E book fotometria + flash2
Maria Jose Oliveira
 
Exposição
ExposiçãoExposição
Exposição
JAIME MURO LLOSA
 
Fotometria
FotometriaFotometria
Fotometria
NBC PUBLICIDADE
 
E book fotometria_+_flash
E book fotometria_+_flashE book fotometria_+_flash
E book fotometria_+_flash
Jose Jos
 
fotometria + flash
fotometria + flashfotometria + flash
fotometria + flash
Marcelo Ribaric
 
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes
Aprenda a-fotografar-em-7-licoesAprenda a-fotografar-em-7-licoes
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes
Neovan Andrade
 
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes-por-claudia-regina
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes-por-claudia-reginaAprenda a-fotografar-em-7-licoes-por-claudia-regina
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes-por-claudia-regina
Michelli Siqueira
 
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes
Aprenda a-fotografar-em-7-licoesAprenda a-fotografar-em-7-licoes
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes
Neovan Andrade
 
Canon college simulador p1
Canon college   simulador p1Canon college   simulador p1
Canon college simulador p1
Elton Gomes
 
Aprenda a fotografar em 7 lições
Aprenda a fotografar em 7 liçõesAprenda a fotografar em 7 lições
Aprenda a fotografar em 7 lições
Mario Miguel Madureira
 
Exposição fotográfica
Exposição fotográficaExposição fotográfica
Exposição fotográfica
Júlio Rocha
 
Curso basico-de-fotografia
Curso basico-de-fotografiaCurso basico-de-fotografia
Curso basico-de-fotografia
zocollaro
 
Aprenda a fotografar em 7 licoes
Aprenda a fotografar em 7 licoesAprenda a fotografar em 7 licoes
Aprenda a fotografar em 7 licoes
Blogotipos - Diário das Marcas
 
Livro canon
Livro canonLivro canon
Livro canon
Leonardo Silva
 
LIVRO da CANON
LIVRO da CANONLIVRO da CANON
LIVRO da CANON
Ipsun
 
Livro canon
Livro canonLivro canon
Livro canon
Tadeu Costa
 
Fotografia
FotografiaFotografia
Fotografia
Gisele Flavia Gi
 
Conceitos Técnicos da Fotografia
Conceitos Técnicos da FotografiaConceitos Técnicos da Fotografia
Conceitos Técnicos da Fotografia
carolinarosa24
 
Aula 02 - Curso Fotografia Básica
Aula 02 - Curso Fotografia BásicaAula 02 - Curso Fotografia Básica
Aula 02 - Curso Fotografia Básica
tiago.ufc
 

Semelhante a Módulo 2 - Fotografia (20)

E book fotometria + flash
E book fotometria + flashE book fotometria + flash
E book fotometria + flash
 
E book fotometria + flash2
E book fotometria + flash2E book fotometria + flash2
E book fotometria + flash2
 
Exposição
ExposiçãoExposição
Exposição
 
Fotometria
FotometriaFotometria
Fotometria
 
E book fotometria_+_flash
E book fotometria_+_flashE book fotometria_+_flash
E book fotometria_+_flash
 
fotometria + flash
fotometria + flashfotometria + flash
fotometria + flash
 
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes
Aprenda a-fotografar-em-7-licoesAprenda a-fotografar-em-7-licoes
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes
 
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes-por-claudia-regina
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes-por-claudia-reginaAprenda a-fotografar-em-7-licoes-por-claudia-regina
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes-por-claudia-regina
 
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes
Aprenda a-fotografar-em-7-licoesAprenda a-fotografar-em-7-licoes
Aprenda a-fotografar-em-7-licoes
 
Canon college simulador p1
Canon college   simulador p1Canon college   simulador p1
Canon college simulador p1
 
Aprenda a fotografar em 7 lições
Aprenda a fotografar em 7 liçõesAprenda a fotografar em 7 lições
Aprenda a fotografar em 7 lições
 
Exposição fotográfica
Exposição fotográficaExposição fotográfica
Exposição fotográfica
 
Curso basico-de-fotografia
Curso basico-de-fotografiaCurso basico-de-fotografia
Curso basico-de-fotografia
 
Aprenda a fotografar em 7 licoes
Aprenda a fotografar em 7 licoesAprenda a fotografar em 7 licoes
Aprenda a fotografar em 7 licoes
 
Livro canon
Livro canonLivro canon
Livro canon
 
LIVRO da CANON
LIVRO da CANONLIVRO da CANON
LIVRO da CANON
 
Livro canon
Livro canonLivro canon
Livro canon
 
Fotografia
FotografiaFotografia
Fotografia
 
Conceitos Técnicos da Fotografia
Conceitos Técnicos da FotografiaConceitos Técnicos da Fotografia
Conceitos Técnicos da Fotografia
 
Aula 02 - Curso Fotografia Básica
Aula 02 - Curso Fotografia BásicaAula 02 - Curso Fotografia Básica
Aula 02 - Curso Fotografia Básica
 

Mais de Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda

Francielle Cantarelli - Pedagogia surda
Francielle Cantarelli - Pedagogia surdaFrancielle Cantarelli - Pedagogia surda
Francielle Cantarelli - Pedagogia surda
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Sueli Fernandes - Educação bilíngue e cultura letrada em Libras
Sueli Fernandes - Educação bilíngue e cultura letrada em LibrasSueli Fernandes - Educação bilíngue e cultura letrada em Libras
Sueli Fernandes - Educação bilíngue e cultura letrada em Libras
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Janie Amaral - Slides da palestra
Janie Amaral - Slides da palestraJanie Amaral - Slides da palestra
Janie Amaral - Slides da palestra
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
PADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitos
PADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitosPADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitos
PADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitos
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Conto de historias - Comunicação para o COINES 2019
Conto de historias - Comunicação para o COINES 2019Conto de historias - Comunicação para o COINES 2019
Conto de historias - Comunicação para o COINES 2019
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Apresentação Senac - Dia do Surdo 26/09/2019
Apresentação Senac - Dia do Surdo 26/09/2019Apresentação Senac - Dia do Surdo 26/09/2019
Apresentação Senac - Dia do Surdo 26/09/2019
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Aula de alfabetismo visual INES
Aula de alfabetismo visual INESAula de alfabetismo visual INES
Aula de alfabetismo visual INES
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Apresentação COINES 2017 (Cristiane Taveira e Alexandre Rosado)
Apresentação COINES 2017 (Cristiane Taveira e Alexandre Rosado)Apresentação COINES 2017 (Cristiane Taveira e Alexandre Rosado)
Apresentação COINES 2017 (Cristiane Taveira e Alexandre Rosado)
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
O professor e as tecnologias
O professor e as tecnologiasO professor e as tecnologias
O professor e as tecnologias
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Políticas públicas e novas tecnologias
Políticas públicas e novas tecnologiasPolíticas públicas e novas tecnologias
Políticas públicas e novas tecnologias
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Mídia-educação
Mídia-educaçãoMídia-educação
Educação aberta
Educação abertaEducação aberta
Cultura hacker: origem e ideário
Cultura hacker: origem e ideárioCultura hacker: origem e ideário
Cultura hacker: origem e ideário
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Filme "Piratas do vale do silício"
Filme "Piratas do vale do silício"Filme "Piratas do vale do silício"
Filme "Piratas do vale do silício"
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Futuros imaginários
Futuros imagináriosFuturos imaginários
Introdução à disciplina
Introdução à disciplinaIntrodução à disciplina
A cibercultura e suas leis
A cibercultura e suas leisA cibercultura e suas leis
Letramentos? A oralidade, a escrita e o digital
Letramentos? A oralidade, a escrita e o digitalLetramentos? A oralidade, a escrita e o digital
Letramentos? A oralidade, a escrita e o digital
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
As tecnologias e suas fases
As tecnologias e suas fasesAs tecnologias e suas fases
Discussão sobre o filme Metrópolis
Discussão sobre o filme MetrópolisDiscussão sobre o filme Metrópolis
Discussão sobre o filme Metrópolis
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 

Mais de Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda (20)

Francielle Cantarelli - Pedagogia surda
Francielle Cantarelli - Pedagogia surdaFrancielle Cantarelli - Pedagogia surda
Francielle Cantarelli - Pedagogia surda
 
Sueli Fernandes - Educação bilíngue e cultura letrada em Libras
Sueli Fernandes - Educação bilíngue e cultura letrada em LibrasSueli Fernandes - Educação bilíngue e cultura letrada em Libras
Sueli Fernandes - Educação bilíngue e cultura letrada em Libras
 
Janie Amaral - Slides da palestra
Janie Amaral - Slides da palestraJanie Amaral - Slides da palestra
Janie Amaral - Slides da palestra
 
PADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitos
PADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitosPADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitos
PADEBS PPGEB Síntese Texto 1 Taveira e Rosado 2013 conceitos
 
Conto de historias - Comunicação para o COINES 2019
Conto de historias - Comunicação para o COINES 2019Conto de historias - Comunicação para o COINES 2019
Conto de historias - Comunicação para o COINES 2019
 
Apresentação Senac - Dia do Surdo 26/09/2019
Apresentação Senac - Dia do Surdo 26/09/2019Apresentação Senac - Dia do Surdo 26/09/2019
Apresentação Senac - Dia do Surdo 26/09/2019
 
Aula de alfabetismo visual INES
Aula de alfabetismo visual INESAula de alfabetismo visual INES
Aula de alfabetismo visual INES
 
Apresentação COINES 2017 (Cristiane Taveira e Alexandre Rosado)
Apresentação COINES 2017 (Cristiane Taveira e Alexandre Rosado)Apresentação COINES 2017 (Cristiane Taveira e Alexandre Rosado)
Apresentação COINES 2017 (Cristiane Taveira e Alexandre Rosado)
 
O professor e as tecnologias
O professor e as tecnologiasO professor e as tecnologias
O professor e as tecnologias
 
Políticas públicas e novas tecnologias
Políticas públicas e novas tecnologiasPolíticas públicas e novas tecnologias
Políticas públicas e novas tecnologias
 
Mídia-educação
Mídia-educaçãoMídia-educação
Mídia-educação
 
Educação aberta
Educação abertaEducação aberta
Educação aberta
 
Cultura hacker: origem e ideário
Cultura hacker: origem e ideárioCultura hacker: origem e ideário
Cultura hacker: origem e ideário
 
Filme "Piratas do vale do silício"
Filme "Piratas do vale do silício"Filme "Piratas do vale do silício"
Filme "Piratas do vale do silício"
 
Futuros imaginários
Futuros imagináriosFuturos imaginários
Futuros imaginários
 
Introdução à disciplina
Introdução à disciplinaIntrodução à disciplina
Introdução à disciplina
 
A cibercultura e suas leis
A cibercultura e suas leisA cibercultura e suas leis
A cibercultura e suas leis
 
Letramentos? A oralidade, a escrita e o digital
Letramentos? A oralidade, a escrita e o digitalLetramentos? A oralidade, a escrita e o digital
Letramentos? A oralidade, a escrita e o digital
 
As tecnologias e suas fases
As tecnologias e suas fasesAs tecnologias e suas fases
As tecnologias e suas fases
 
Discussão sobre o filme Metrópolis
Discussão sobre o filme MetrópolisDiscussão sobre o filme Metrópolis
Discussão sobre o filme Metrópolis
 

Último

UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdfSistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Falcão Brasil
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
Falcão Brasil
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Falcão Brasil
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
SheylaAlves6
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
Manuais Formação
 

Último (20)

UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdfSistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
 

Módulo 2 - Fotografia

  • 1. Alexandre Rosado Abril de 2016 | Curso de extensão DESU-INES í
  • 2. A máquina fotográfica Qual equipamento eu tenho em mãos?
  • 4. São diversos os tipos de câmeras que temos a disposição hoje em dia. A maioria é digital, pois nas duas últimas décadas abandonamos gradualmente os filmes analógicos. Nesta oficina nosso foco será nas câmeras DSLR, câmeras digitais de de reflexo por lente única.
  • 6. Sapata do flash Disco dos modos de exposição Visor óptico Visor LCD Interruptor liga/desliga - Abertura e compensação de exposição - Apagar Acesso rápido às funções Reprodução de imagens e vídeos - Visualização direta no LCD - Gravação de vídeo Acesso ao menu de configurações Botão de visualização do visor Luz de acesso aos dados Balanço de branco
  • 7. Botão disparador Objetiva Botão de liberação da objetiva Flash embutido Microfone USB para dados Seleção de foco automático/manual Empunhadura Botão do flash Alto-falante
  • 8. Como portar uma DSLR Punho e suporte para estabilizar a captura
  • 12. Exposição de luz Os 3 elementos básicos da captura de luz
  • 13. A exposição é o processo de permitir que a luz penetre na objetiva da câmera para iluminar o sensor e produzir a imagem. Depende de 3 elementos que devem estar em equilíbrio: 1. Abertura da objetiva – Luz que passará pela lente. 2. Velocidade do obturador da câmera – Tempo que a luz passa na objetiva. 3. Sensibilidade do sensor à luz – ISO.
  • 14. O controle da exposição evita que se entre muita ou pouca luz no sensor da câmera
  • 15. Grande profundidade de campo Menos luz capturada Pouca profundidade de campo Mais luz capturada Abertura da objetiva
  • 19. Exposição curta Menos luz capturada Ideal para dia claro e objetos em movimento Exposição longa Mais luz capturada Ideal para noite e objetos parados Velocidade do obturador 1 segundo/60 ou 0,016 segundo
  • 21. Exemplo de velocidade 3 segundos (3”)
  • 22. Baixa sensibilidade à luz Menos luz capturada Alta qualidade de imagem Usar durante o dia Alta sensibilidade à luz Mais luz capturada Baixa qualidade de imagem Usar durante a noite Sensibilidade do sensor
  • 23. Exemplo de fragmento de foto com ruído do ISO
  • 24. Exemplo de foto com ISO 100
  • 25. Exemplo de foto com ISO 3200
  • 26. Os ajustes de luz dependem da fotometria, ou seja, da medição precisa do nível de iluminação da cena a ser fotografada. As câmeras DSLR possuem vários modos de fotometria e compensação de luminosidade.
  • 27. A fotometria alerta se está entrando muita ou pouca luz no sensor da câmera
  • 29. A leitura da luz refletida pela cena, demonstrada na Régua EV, deve estar na medida exata da fotometria, como mostrada no viewfinder, EV = 0. Se a Régua EV se apresentar com valores negativos, a foto estará subexposta. Se a Régua Ev apresentar valores positivos, a foto estará superexposta.
  • 30. O WB (White balance) é o balanço de branco e serve para que a tonalidade dos objetos brancos de fato pareçam brancos na imagem capturada. A definição manual do WB permite que a fotometria seja ajustada à luz ambiente.
  • 35. Alguns exemplos para análise Repare nos 3 elementos ajustados para essas fotos
  • 50. O botão de seleção de exposição Facilitando a vida do fotógrafo
  • 51. Os modos de cena agilizam a velocidade de configuração da câmera a partir de situações comuns para os fotógrafos. Eles já apresentam configurações de exposição, balanço de branco, flash, entre outros.
  • 52. Área de seleção dos modos de cena
  • 53. Fotografar retratos Fotografar paisagens Fotografar pequenos objetos Fotografar motivos em movimento Fotografar retratos noturnos
  • 54. Os modos avançados permitem que o fotógrafo assuma o controle da máquina e ajuste alguns ou todos os parâmetros de exposição.
  • 55. Área de disparo avançado
  • 56. Prioridade de ajuste de velocidade Prioridade de ajuste de abertura Modo de exposição manual
  • 57. Noções de composição Como eu penso a foto antes de faze-la?
  • 58. Grosso modo, compor uma imagem é escolher que elementos entrarão na imagem, em que local e em que ordem. A composição depende do grau de domínio estético e planejamento do assunto e motivo da fotografia.
  • 59. A regra mais básica da fotografia é a regra dos terços. Consiste na divisão do visor da câmera em 3 colunas e 3 linhas.
  • 60. A aplicação da regra dos terços nada mais é do que evitar simplesmente centrar o elemento a fotografar, e posicioná-lo 1/3 acima do fundo e 1/3 à esquerda ou então 1/3 abaixo do topo e 1/3 à direita e assim sucessivamente. No caso de pessoas e objetos procure posicioná-los numa das quatro intersecções do grid. No caso de paisagens, posicione-as no topo ou no fundo do grid. O resultado é uma imagem mais natural, contrabalanceada e atrativa ao olhar.
  • 61. Outro fator que gera conforto ao olhar é a simetria e a criação de um ponto de fuga, que conduza o olhar do observador.
  • 62. Simetria e ponto de fuga conduzindo para a pessoa ao centro da imagem.
  • 63. Como fotografar? Passo a passo para os primeiros cliques
  • 64. Fazer uma fotografia Perguntas básicas 1. Escolha do tema/motivo/assunto da foto. 2. Está em movimento ou parado? Quero o motivo nítido ou “borrado”? (ajuste de velocidade) 3. Está de dia ou de noite? (ajuste do ISO) 4. Tenho um tripé para estabilizar? (ajuste de velocidade) 5. Preciso usar zoom ótico para enquadrar ou posso me aproximar do motivo? (tipo de objetiva) 6. Quero dar prioridade à profundidade de campo ou velocidade do obturador? (modos de câmera Tv e Av) 7. Qual a iluminação do ambiente que estou? (ajuste de balanço de branco WB)