SlideShare uma empresa Scribd logo
Romantismo no Brasil: As três gerações Românticas
Uma das formas mais significativas do nacionalismo romântico. O índio é um ser idealizado (nobre, valoroso, fiel), apesar disso demonstra a valorização das origens da nacionalidade. Indianismo
Voltando-se inteiramente para dentro de si mesmos, esses poetas expressaram em seus versos pessimistas um profundo desencanto pela vida. Muitos marcados pela tuberculose, mal que deu nome à fase.  Mal-do-século ou Ultrarromantismo
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
Fugindo um pouco do egocentrismo dos  ultrarromânticos , os condoreiros desenvolveram uma poesia social, comprometidos com a causa abolicionista e republicana. Em geral são poemas de tom grandiloquente, próximos da oratória, cuja finalidade é convencer o leitor-ouvinte e conquistá-lo para a causa defendida. Condoreirismo
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Quadro das gerações Românticas

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Poesia romântica no Brasil
Poesia romântica no BrasilPoesia romântica no Brasil
Poesia romântica no Brasil
Ana Karina Silva
 
Romantismo no brasil (poesia)
Romantismo no brasil (poesia)Romantismo no brasil (poesia)
Romantismo no brasil (poesia)
ISJ
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
Elaine Blogger
 
Romantismo no brasil segunda geração
Romantismo no brasil   segunda geraçãoRomantismo no brasil   segunda geração
Romantismo no brasil segunda geração
Vilmar Vilaça
 
Romantismo seminario 2
Romantismo  seminario 2Romantismo  seminario 2
Romantismo seminario 2
Matheus Italo Nascimento
 
Slides sobre o romantismo poesia
Slides sobre o romantismo poesiaSlides sobre o romantismo poesia
Slides sobre o romantismo poesia
Antonio Marcos
 
O romantismo da segunda geração
O romantismo da segunda geraçãoO romantismo da segunda geração
O romantismo da segunda geração
Antonio Minharro
 
Romantismo Brasileiro - poesia e prosa
Romantismo Brasileiro - poesia e prosaRomantismo Brasileiro - poesia e prosa
Romantismo Brasileiro - poesia e prosa
Tim Bagatelas
 
Romantismo - introdução e 1ª geração
Romantismo - introdução e 1ª geraçãoRomantismo - introdução e 1ª geração
Romantismo - introdução e 1ª geração
Andriane Cursino
 
Romantismo no brasil
Romantismo no brasilRomantismo no brasil
Romantismo no brasil
Stephanie Dourado
 
Romantismo Poesia
Romantismo PoesiaRomantismo Poesia
Romantismo Poesia
Gabriella Lima
 
3º geração romântica condoreira
3º geração romântica condoreira3º geração romântica condoreira
3º geração romântica condoreira
letosgirl
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
DanielyOliveira16
 
Ultrarromantismo uma introdução
Ultrarromantismo uma introduçãoUltrarromantismo uma introdução
Ultrarromantismo uma introdução
Samara Silva
 
Terceira geração romântica
Terceira geração românticaTerceira geração romântica
Terceira geração romântica
Viviane Gomes
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
Andriane Cursino
 
Romantismo Prosa
Romantismo ProsaRomantismo Prosa
Romantismo Prosa
Gabriella Lima
 
O Romantismo No Brasil
O Romantismo No BrasilO Romantismo No Brasil
O Romantismo No Brasil
marllus
 
ROMANTISMO
ROMANTISMOROMANTISMO
ROMANTISMO
Diego
 
Romantismo - poesia - brasil
Romantismo - poesia - brasilRomantismo - poesia - brasil
Romantismo - poesia - brasil
Josi Motta
 

Mais procurados (20)

Poesia romântica no Brasil
Poesia romântica no BrasilPoesia romântica no Brasil
Poesia romântica no Brasil
 
Romantismo no brasil (poesia)
Romantismo no brasil (poesia)Romantismo no brasil (poesia)
Romantismo no brasil (poesia)
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 
Romantismo no brasil segunda geração
Romantismo no brasil   segunda geraçãoRomantismo no brasil   segunda geração
Romantismo no brasil segunda geração
 
Romantismo seminario 2
Romantismo  seminario 2Romantismo  seminario 2
Romantismo seminario 2
 
Slides sobre o romantismo poesia
Slides sobre o romantismo poesiaSlides sobre o romantismo poesia
Slides sobre o romantismo poesia
 
O romantismo da segunda geração
O romantismo da segunda geraçãoO romantismo da segunda geração
O romantismo da segunda geração
 
Romantismo Brasileiro - poesia e prosa
Romantismo Brasileiro - poesia e prosaRomantismo Brasileiro - poesia e prosa
Romantismo Brasileiro - poesia e prosa
 
Romantismo - introdução e 1ª geração
Romantismo - introdução e 1ª geraçãoRomantismo - introdução e 1ª geração
Romantismo - introdução e 1ª geração
 
Romantismo no brasil
Romantismo no brasilRomantismo no brasil
Romantismo no brasil
 
Romantismo Poesia
Romantismo PoesiaRomantismo Poesia
Romantismo Poesia
 
3º geração romântica condoreira
3º geração romântica condoreira3º geração romântica condoreira
3º geração romântica condoreira
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 
Ultrarromantismo uma introdução
Ultrarromantismo uma introduçãoUltrarromantismo uma introdução
Ultrarromantismo uma introdução
 
Terceira geração romântica
Terceira geração românticaTerceira geração romântica
Terceira geração romântica
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 
Romantismo Prosa
Romantismo ProsaRomantismo Prosa
Romantismo Prosa
 
O Romantismo No Brasil
O Romantismo No BrasilO Romantismo No Brasil
O Romantismo No Brasil
 
ROMANTISMO
ROMANTISMOROMANTISMO
ROMANTISMO
 
Romantismo - poesia - brasil
Romantismo - poesia - brasilRomantismo - poesia - brasil
Romantismo - poesia - brasil
 

Destaque

O romantismo
O romantismoO romantismo
Romantismo e suas gerações.
Romantismo e suas gerações. Romantismo e suas gerações.
Romantismo e suas gerações.
Jéssica Moresi
 
Romantismo No Brasil
Romantismo No BrasilRomantismo No Brasil
Romantismo No Brasil
martinsramon
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
Lucas Queiroz
 
Slides Romantismo
Slides RomantismoSlides Romantismo
Slides Romantismo
mix1981
 
Romantismo I
Romantismo IRomantismo I
Romantismo I
Ana Karina Silva
 
Primeira Geração do Romantismo
Primeira Geração do RomantismoPrimeira Geração do Romantismo
Primeira Geração do Romantismo
Lidiane Kuster
 
Romantismo contexto histórico e características
Romantismo   contexto histórico e característicasRomantismo   contexto histórico e características
Romantismo contexto histórico e características
VIVIAN TROMBINI
 
Romantismo primeira & segunda geração e romantismo na europa
Romantismo primeira & segunda geração e romantismo na europaRomantismo primeira & segunda geração e romantismo na europa
Romantismo primeira & segunda geração e romantismo na europa
Igor Moura
 
3ª geração do Romantismo By: Elayne Farias!
3ª geração do Romantismo By: Elayne Farias!3ª geração do Romantismo By: Elayne Farias!
3ª geração do Romantismo By: Elayne Farias!
Elayne Beatriz de Farias Pereira
 
Romantismo no Brasil
Romantismo no BrasilRomantismo no Brasil
Romantismo no Brasil
guest276c9
 
Literatura romantismo
Literatura romantismoLiteratura romantismo
Literatura romantismo
Cristina Medina
 
Romantismo em portugal aula 03
Romantismo em portugal   aula 03Romantismo em portugal   aula 03
Romantismo em portugal aula 03
xipolito
 
Slide teixeira e souza
Slide teixeira e souzaSlide teixeira e souza
Slide teixeira e souza
karla cristina marano
 
Poesia no brasil
Poesia no brasilPoesia no brasil
Poesia no brasil
rafabebum
 
Poesia romântica brasileira
Poesia romântica brasileiraPoesia romântica brasileira
Poesia romântica brasileira
Fabricio Souza
 
Locuções adjetivas
Locuções adjetivasLocuções adjetivas
Locuções adjetivas
Andriane Cursino
 
A moreninha-joaquim-manuel-de-macedo
A moreninha-joaquim-manuel-de-macedoA moreninha-joaquim-manuel-de-macedo
A moreninha-joaquim-manuel-de-macedo
Isabel Bacelar Barbosa
 
Romantismo no brasil
Romantismo no brasilRomantismo no brasil
Romantismo no brasil
Eduardo Carvalho
 
A moreninha
A moreninhaA moreninha
A moreninha
jupaulino
 

Destaque (20)

O romantismo
O romantismoO romantismo
O romantismo
 
Romantismo e suas gerações.
Romantismo e suas gerações. Romantismo e suas gerações.
Romantismo e suas gerações.
 
Romantismo No Brasil
Romantismo No BrasilRomantismo No Brasil
Romantismo No Brasil
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 
Slides Romantismo
Slides RomantismoSlides Romantismo
Slides Romantismo
 
Romantismo I
Romantismo IRomantismo I
Romantismo I
 
Primeira Geração do Romantismo
Primeira Geração do RomantismoPrimeira Geração do Romantismo
Primeira Geração do Romantismo
 
Romantismo contexto histórico e características
Romantismo   contexto histórico e característicasRomantismo   contexto histórico e características
Romantismo contexto histórico e características
 
Romantismo primeira & segunda geração e romantismo na europa
Romantismo primeira & segunda geração e romantismo na europaRomantismo primeira & segunda geração e romantismo na europa
Romantismo primeira & segunda geração e romantismo na europa
 
3ª geração do Romantismo By: Elayne Farias!
3ª geração do Romantismo By: Elayne Farias!3ª geração do Romantismo By: Elayne Farias!
3ª geração do Romantismo By: Elayne Farias!
 
Romantismo no Brasil
Romantismo no BrasilRomantismo no Brasil
Romantismo no Brasil
 
Literatura romantismo
Literatura romantismoLiteratura romantismo
Literatura romantismo
 
Romantismo em portugal aula 03
Romantismo em portugal   aula 03Romantismo em portugal   aula 03
Romantismo em portugal aula 03
 
Slide teixeira e souza
Slide teixeira e souzaSlide teixeira e souza
Slide teixeira e souza
 
Poesia no brasil
Poesia no brasilPoesia no brasil
Poesia no brasil
 
Poesia romântica brasileira
Poesia romântica brasileiraPoesia romântica brasileira
Poesia romântica brasileira
 
Locuções adjetivas
Locuções adjetivasLocuções adjetivas
Locuções adjetivas
 
A moreninha-joaquim-manuel-de-macedo
A moreninha-joaquim-manuel-de-macedoA moreninha-joaquim-manuel-de-macedo
A moreninha-joaquim-manuel-de-macedo
 
Romantismo no brasil
Romantismo no brasilRomantismo no brasil
Romantismo no brasil
 
A moreninha
A moreninhaA moreninha
A moreninha
 

Semelhante a Gerações românticas no Brasil: Poesia

Romantismo
Romantismo Romantismo
Romantismo
CrisBiagio
 
Romantismo 2014
Romantismo 2014Romantismo 2014
Romantismo 2014
CrisBiagio
 
Aps 1 2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo
Aps 1   2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedoAps 1   2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo
Aps 1 2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo
juliannecarvalho
 
Aps 1 2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo (1)
Aps 1   2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo (1)Aps 1   2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo (1)
Aps 1 2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo (1)
juliannecarvalho
 
Romantismo.ppt
Romantismo.pptRomantismo.ppt
Romantismo.ppt
RildeniceSantos
 
Romantismo.ppt
Romantismo.pptRomantismo.ppt
Romantismo.ppt
RildeniceSantos
 
Romantismo poesia - 2ª geração
Romantismo   poesia -  2ª geraçãoRomantismo   poesia -  2ª geração
Romantismo poesia - 2ª geração
Luciene Gomes
 
Castro Alves
Castro AlvesCastro Alves
Prosagtica
ProsagticaProsagtica
Prosagtica
Paulinha Iacks
 
Prosa gótica
Prosa góticaProsa gótica
Prosa gótica
Paulinha Iacks
 
Slide: Prosa gótica, Literatura.
Slide: Prosa gótica, Literatura.Slide: Prosa gótica, Literatura.
Slide: Prosa gótica, Literatura.
agendab
 
O Romantismo
O RomantismoO Romantismo
O Romantismo
Ronaldo Mesquita
 
“O Romantismo olha o mundo de forma apaixonada e ideal”
“O Romantismo olha o mundo de forma apaixonada e ideal”“O Romantismo olha o mundo de forma apaixonada e ideal”
“O Romantismo olha o mundo de forma apaixonada e ideal”
Thalita Dias
 
Maísa Maria slide de carlos drummond
Maísa Maria slide de carlos drummondMaísa Maria slide de carlos drummond
Maísa Maria slide de carlos drummond
padrecoriolano
 
Romantismo-Poesia e Prosa
Romantismo-Poesia e ProsaRomantismo-Poesia e Prosa
Romantismo-Poesia e Prosa
Ericka Colombi
 
Simbolismo
SimbolismoSimbolismo
Simbolismo
Josi Motta
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
Natalia Salgado
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
Natalia Salgado
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
Gabriel Alves
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
Gabriel Alves
 

Semelhante a Gerações românticas no Brasil: Poesia (20)

Romantismo
Romantismo Romantismo
Romantismo
 
Romantismo 2014
Romantismo 2014Romantismo 2014
Romantismo 2014
 
Aps 1 2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo
Aps 1   2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedoAps 1   2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo
Aps 1 2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo
 
Aps 1 2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo (1)
Aps 1   2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo (1)Aps 1   2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo (1)
Aps 1 2015 - análise literária do poema saudades de álvares de azevedo (1)
 
Romantismo.ppt
Romantismo.pptRomantismo.ppt
Romantismo.ppt
 
Romantismo.ppt
Romantismo.pptRomantismo.ppt
Romantismo.ppt
 
Romantismo poesia - 2ª geração
Romantismo   poesia -  2ª geraçãoRomantismo   poesia -  2ª geração
Romantismo poesia - 2ª geração
 
Castro Alves
Castro AlvesCastro Alves
Castro Alves
 
Prosagtica
ProsagticaProsagtica
Prosagtica
 
Prosa gótica
Prosa góticaProsa gótica
Prosa gótica
 
Slide: Prosa gótica, Literatura.
Slide: Prosa gótica, Literatura.Slide: Prosa gótica, Literatura.
Slide: Prosa gótica, Literatura.
 
O Romantismo
O RomantismoO Romantismo
O Romantismo
 
“O Romantismo olha o mundo de forma apaixonada e ideal”
“O Romantismo olha o mundo de forma apaixonada e ideal”“O Romantismo olha o mundo de forma apaixonada e ideal”
“O Romantismo olha o mundo de forma apaixonada e ideal”
 
Maísa Maria slide de carlos drummond
Maísa Maria slide de carlos drummondMaísa Maria slide de carlos drummond
Maísa Maria slide de carlos drummond
 
Romantismo-Poesia e Prosa
Romantismo-Poesia e ProsaRomantismo-Poesia e Prosa
Romantismo-Poesia e Prosa
 
Simbolismo
SimbolismoSimbolismo
Simbolismo
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 
Romantismo
RomantismoRomantismo
Romantismo
 

Mais de Tio Pablo Virtual

Estrutura e Formação das Palavras - Composição
Estrutura e Formação das Palavras - ComposiçãoEstrutura e Formação das Palavras - Composição
Estrutura e Formação das Palavras - Composição
Tio Pablo Virtual
 
Arcadismo
Arcadismo Arcadismo
Arcadismo
Tio Pablo Virtual
 
Concretismo
ConcretismoConcretismo
Concretismo
Tio Pablo Virtual
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
Tio Pablo Virtual
 
Estruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafosEstruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafos
Tio Pablo Virtual
 
Violência 2
Violência 2Violência 2
Violência 2
Tio Pablo Virtual
 
Estruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafosEstruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafos
Tio Pablo Virtual
 
Tropicalismo
TropicalismoTropicalismo
Tropicalismo
Tio Pablo Virtual
 
Produção textual exercícios
Produção textual exercíciosProdução textual exercícios
Produção textual exercícios
Tio Pablo Virtual
 
Produção textual - dissertação - exercícios
Produção textual - dissertação - exercíciosProdução textual - dissertação - exercícios
Produção textual - dissertação - exercícios
Tio Pablo Virtual
 
Trovadorismo
TrovadorismoTrovadorismo
Trovadorismo
Tio Pablo Virtual
 
Estruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafosEstruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafos
Tio Pablo Virtual
 
Avaliação multimídia da 2001
Avaliação multimídia da 2001Avaliação multimídia da 2001
Avaliação multimídia da 2001
Tio Pablo Virtual
 
Morfossintaxe - substantivos
Morfossintaxe - substantivosMorfossintaxe - substantivos
Morfossintaxe - substantivos
Tio Pablo Virtual
 

Mais de Tio Pablo Virtual (14)

Estrutura e Formação das Palavras - Composição
Estrutura e Formação das Palavras - ComposiçãoEstrutura e Formação das Palavras - Composição
Estrutura e Formação das Palavras - Composição
 
Arcadismo
Arcadismo Arcadismo
Arcadismo
 
Concretismo
ConcretismoConcretismo
Concretismo
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
 
Estruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafosEstruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafos
 
Violência 2
Violência 2Violência 2
Violência 2
 
Estruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafosEstruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafos
 
Tropicalismo
TropicalismoTropicalismo
Tropicalismo
 
Produção textual exercícios
Produção textual exercíciosProdução textual exercícios
Produção textual exercícios
 
Produção textual - dissertação - exercícios
Produção textual - dissertação - exercíciosProdução textual - dissertação - exercícios
Produção textual - dissertação - exercícios
 
Trovadorismo
TrovadorismoTrovadorismo
Trovadorismo
 
Estruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafosEstruturação dos parágrafos
Estruturação dos parágrafos
 
Avaliação multimídia da 2001
Avaliação multimídia da 2001Avaliação multimídia da 2001
Avaliação multimídia da 2001
 
Morfossintaxe - substantivos
Morfossintaxe - substantivosMorfossintaxe - substantivos
Morfossintaxe - substantivos
 

Último

Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AntonioVieira539017
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 

Último (20)

Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptxSlides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
Slides Lição 10, Central Gospel, A Batalha Do Armagedom, 1Tr24.pptx
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 

Gerações românticas no Brasil: Poesia

  • 1. Romantismo no Brasil: As três gerações Românticas
  • 2. Uma das formas mais significativas do nacionalismo romântico. O índio é um ser idealizado (nobre, valoroso, fiel), apesar disso demonstra a valorização das origens da nacionalidade. Indianismo
  • 3. Voltando-se inteiramente para dentro de si mesmos, esses poetas expressaram em seus versos pessimistas um profundo desencanto pela vida. Muitos marcados pela tuberculose, mal que deu nome à fase. Mal-do-século ou Ultrarromantismo
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7. Fugindo um pouco do egocentrismo dos ultrarromânticos , os condoreiros desenvolveram uma poesia social, comprometidos com a causa abolicionista e republicana. Em geral são poemas de tom grandiloquente, próximos da oratória, cuja finalidade é convencer o leitor-ouvinte e conquistá-lo para a causa defendida. Condoreirismo
  • 8.
  • 9. Quadro das gerações Românticas