SlideShare uma empresa Scribd logo
FICHA DE TRABALHO 
Nome:_________________________________________________________________________________ 
Ano:__________Nº___________Turma:___________ Gramática 
1. Identifique a classe e subclasse (caso exista) das palavras ou expressões destacadas. 
1.1 Os teus gostos são extravagantes. 
____________________________________________________________________ 
1.2 Vários deputados empenharam-se seriamente na resolução do problema. 
____________________________________________________________________ 
1.3 Finalmente, os cidadãos europeus podem percorrer livremente a Europa. 
____________________________________________________________________ 
1.4 Apesar de os alunos não se terem empenhado no primeiro período, estudaram no segundo. 
_____________________________________________________________________ 
1.5 Porque queres tu viajar para o Japão se não conheces bem Portugal? 
______________________________________________________________________ 
2. Classifique as orações sublinhadas. 
2.1 Visto que o trabalho está terminado, vamos à praia. 
_____________________________________________________________________ 
2.2 Os alunos cujos resultados foram bons serão premiados. 
_____________________________________________________________________ 
2.3 O voo das aves era tão veloz que nós não conseguimos acompanhá-lo. 
______________________________________________________________________ 
2.4 A rainha ordenou que todos se levantassem 
______________________________________________________________________ 
2.5 Esta casa, onde nasceu o escritor, foi transformada num museu. 
______________________________________________________________________ 
2.6 O resultado está correto, portanto o exercício foi bem resolvido. 
______________________________________________________________________ 
2.7 Ainda que esteja frio, vamos à praia. 
______________________________________________________________________ 
2.8 O trabalho que fizeste é admirável. 
______________________________________________________________________ 
3. Identifique a função sintática das palavras/expressões sublinhadas. 
3.1 O filme era muito emocionante. ____________________________________________ 
3.2 O João, que é um excelente dançarino, venceu o concurso. _______________________ 
3.3 O Paulo e a Maria chegaram agora. __________________________________________ 
3.4 O texto foi entregue pela minha aluna. _______________________________________
3.5 É fantástico que venhas connosco. ___________________________________________ 
3.6 Eles achavam-no ingénuo. __________________________________________________ 
3.7 Eles entraram no cinema. _____________________________________________________ 
3.8 Queres um sumo, Paulo? _____________________________________________________ 
3.9 Ofereceram-me um livro interessante. ____________________________________________ 
3.10 Efetivamente, eles são bons alunos. ___________________________________________ 
4. Explicite o processo de formação das palavras. 
4.1 genérico (medicamento e nome)________________________________________________ 
4.2 Entendível__________________________________________________________________ 
4.3 Credifone___________________________________________________________________ 
4.4 Amanhecer__________________________________________________________________ 
4.5 Insensatamente_______________________________________________________________ 
4.6 Lusodescendentes_____________________________________________________________ 
4.7 UNESCO_____________________________________________________________________ 
4.8 Agridoce_____________________________________________________________________ 
4.9 PSP_________________________________________________________________________ 
4.10 Caça (caçar)________________________________________________________________ 
4.11 Miau_____________________________________________________________________ 
4.12 Rádio gravador _____________________________________________________________ 
5. Classifique cada um dos atos ilocutórios que se apresentam a seguir. 
6.1. Podes passar-me o sal, por favor?_____________________________________________ 
6.2. Juro que não tornarei a fazer o mesmo.________________________________________ 
6.3. Sugiro-lhe que pesquise o tema nesta enciclopédia.______________________________ 
6.4. Exijo que ouçam os meus argumentos._________________________________________ 
6.5. Estou ansioso pela sua chegada.______________________________________________ 
6.6. Face às provas apresentadas, considero o réu inocente.___________________________ 
6.7. Acredito que ele disse a verdade._____________________________________________ 
6. Classifique os deíticos assinalados nas frases que se seguem. 
6.1 Maria, podes abrir a porta?__________________________________________________ 
6.2 Esta é a minha casa nova.___________________________________________________ 
6.3 Saímos de casa agora mesmo.________________________________________________ 
6.4 Eles ofereceram-me um livro.________________________________________________ 
6.5 Nós chegámos anteontem.__________________________________________________ 
7. Faça a correspondência entre os elementos da coluna da esquerda e os da direita. 
1. O João comunicou à Diretora de Turma o que se passava.______________ 
a) Verbo intransitivo 
2. Apesar da proibição, os empregados 
b) Verbo transitivo indireto
permaneceram nas instalações da empresa.________________________ 
3. Vi o filme com imenso prazer._______ 
c) Verbo transitivo direto e indireto 
4. O cão obedeceu ao dono.__________ 
d) Verbo transitivo direto 
5. O espetáculo não terminou.________ 
e) Verbo copulativo 
8. Identifique a modalidade expressa nas frases que se seguem. 
8.1 Chegou o conferencista._____________________________________________ 
8.2 Tens de ir rapidamente às compras.____________________________________ 
8.3 É lamentável que não tenhas cumprido as tuas obrigações.__________________ 
8.4 A campainha já deve ter tocado para a entrada.____________________________ 
8.5 Podes ir ao cinema depois de teres feito os TPC.____________________________ 
8.6 Talvez a professora altere a data do teste.__________________________________ 
9. Identifique o aspeto verbal expresso nas frases que se seguem. 
9.1 Tirei o curso de teatro em Londres.___________________________________________ 
9.2 Estudo em Matosinhos, na ESAG._____________________________________________ 
9.3 A poluição é um mal para a humanidade.________________________________________ 
9.4 Ao sábado, costumamos organizar jantares com os amigos._________________________ 
9.5 Eles têm ido a todas as aulas de apoio.__________________________________________ 
10. Classifique as relações que se estabelecem entre as palavras: 
10.1 transporte – bicicleta________________________________________________ 
10.2 peixe – escama_____________________________________________________ 
10.3 preocupada – apreensiva_____________________________________________ 
10.4 robalo – peixe______________________________________________________ 
10.5 sela – cela_________________________________________________________ 
10.6 crer – querer_______________________________________________________ 
10.7 banco (assento)) – banco (instituição).____________________________________ 
11. Construa uma família de palavras a partir de pedra_______________________________ 
_________________________________________________________________________ 
12. Construa um campo lexical a partir de céu.______________________________________ 
_________________________________________________________________________ 
13. Identifique as figuras de estilo: 
13.1 “Galgam os gatos guturais”.______________________________________________ 
13.2 “Tem um nome estranho, a Isa/ Não é Isabel nem Isaura”.______________________ 
13.3 “O acordeão estremece, palpita, estrebucha”.________________________________ 
13.4 “Casos, que Adamastor contou futuros”._____________________________________ 
13.5 “Mostrava-se para que todos a vissem, falava para que todos a ouvissem, movimentava-se para que todos a pudessem admirar”.______________________
13.6 “Ó tu, Guarda divina, tem cuidado!”.________________________________________ 
13.7 “O verão chegou tão forte que parecia uma explosão”._________________________ 
13.8 “O administrador do banco desviou milhões de euros”._________________________ 
13.9 “As suas lágrimas juntaram-se em grande e largo rio”.__________________________ 
13.10 “Ando sem me mover, falo calado”._________________________________________ 
13.11 “Pequeno ou grande, tomara eu muitos como esse”.___________________________ 
13.12 “A doce amargura”.______________________________________________________ 
13.13 “A febre de um adeus que se prolonga”._____________________________________ 
13.14 “Aquele que a salvar o mundo veio”.________________________________________ 
13.15 “A minha dor, vesti-a de brocado”._________________________________________ 
13.16 “Em casa, tenho sete bocas para alimentar”._________________________________ 
13.17 “E matavam o suave cheiro do feno macio dessas relvas sempre verdes”.__________ 
_____________________________________________________________________ 
13.18 “Deixou cair o pau inerte”._______________________________________________ 
14. Escreva no discurso indireto: 
14.1 “_ Eu preciso escrever uma carta, seis linhas…Tu esperas, não, Zé Fernandes? Tens aí os jornais de Paris, da noite, e os de Londres, desta manhã. As ilustrações além, naquela pasta de couro com ferragens”._____________________________________________________ 
______________________________________________________________________ 
______________________________________________________________________ 
15. Reescreva as seguintes frases, substituindo os elementos sublinhados por pronomes: 
15.1 Se estes livros são fixes, nós compramos os livros._________________________ 
15.2 O prato está sujo. Lavarei o prato à máquina, mas se tivesse tempo lavaria o prato à mão._____________________________________________________________ 
FICHA DE TRABALHO - Soluções 
Gramática 
1. Identifica a classe e subclasse (caso exista) das palavras ou expressões destacadas. 
1.1 Os teus gostos são extravagantes. Determ. Possessivo; adjetivo qualificativo 
1.2 Vários deputados empenharam-se seriamente na resolução do problema.quantificador; pronome reflexo 
1.3 Finalmente, os cidadãos europeus podem percorrer livremente a Europa.advérbio de frase; adjetivo relacional; perífrase verbal=forma complexa 
1.4 Apesar de os alunos não se terem empenhado no primeiro período, estudaram no segundo.locução subordinativa concessiva; pronome reflexo; adjetivo numeral 
1.5 Porque queres tu viajar para o Japão se não conheces bem Portugal?Conjunção subordinativa causal;; preposição; conjunção subordinativa condicional;advérbio de predicado
2. Classifica as orações sublinhadas. 
2.1 Visto que o trabalho está terminado, vamos à praia.sub. adverbial causal 
2.2 Os alunos cujos resultados foram bons serão premiados.sub. adjetiva explicativa restritiva 
2.3 O voo das aves era tão veloz que nós não conseguimos acompanhá-lo. Sub. Adverbial consecutiva 
2.4 A rainha ordenou que todos se levantassem sub. Substantiva completiva 
2.5 Esta casa, onde nasceu o escritor, foi transformada num museu.sub. adjetiva relativa explicativa 
2.6 O resultado está correto, portanto o exercício foi bem resolvido. Coordenada conclusiva 
2.7 Ainda que esteja frio, vamos à praia. Sub. Adverbial concessiva 
2.8 O trabalho que fizeste é admirável. Sub. Adjetiva relativa restritiva 
3. Identifica a função sintática das palavras/expressões sublinhadas. 
3.1 O filme era muito emocionante. Predicativo do sujeito 
3.2 O João, que é um excelente dançarino, venceu o concurso. Modificador apositivo 
3.3 O Paulo e a Maria chegaram agora. Sujeito complexo 
3.4 O texto foi entregue pela minha aluna. Complemento agente da passiva 
3.5 É fantástico que venhas connosco.sujeito 
3.6 Eles achavam-no ingénuo. Compl. Direto; predicativo do compl. direto 
3.7 Eles entraram no cinema. Compl. oblíquo 
3.8 Queres um sumo, Paulo? vocativo 
3.9 Ofereceram-me um livro interessante. Compl. indireto 
3.10 Efetivamente, eles são bons alunos. Modificador de frase 
4. Explicita o processo de formação das palavras. 
4.1 genérico (medicamento e nome) conversão 
4.2 entendível derivada por sufixação 
4.3 credifone amálgama 
4.4 amanhecer parassíntese 
4.5 insensatamente derivada por sufixação e prefixação 
4.6 lusodescendentes composição morfológica 
4.7 UNESCO acronímia 
4.8 Agridoce composição morfológica 
4.9 PSP siglação 
4.10 Caça (caçar) derivação não afixal 
4.11 Miau onomatopeia 
4.12 Rádio gravador composição morfossintática 
5. Classifica cada um dos atos ilocutórios que se apresentam a seguir. 
6.1 Podes passar-me o sal, por favor? ato ilocutório diretivo 
6.2 Juro que não tornarei a fazer o mesmo. ato ilocutório compromissivo 
6.3 Sugiro-lhe que pesquise o tema nesta enciclopédia. ato ilocutório diretivo 
6.4 Exijo que ouçam os meus argumentos. ato ilocutório diretivo
6.5 Estou ansioso pela sua chegada. ato ilocutório expressivo 
6.6 Face às provas apresentadas, considero o réu inocente. ato ilocutório declarativo 
6.7 Acredito que ele disse a verdade. assertivo 
6. Classifica os deíticos assinalados nas frases que se seguem. 
6.1 Maria, podes abrir a porta? pessoal 
6.2 Esta é a minha casa nova. espacial 
6.3 Saímos de casa agora mesmo. temporal 
6.4 Eles ofereceram-me um livro. pessoal 
6.5 Nós chegámos anteontem. Pessoal e temporal 
7. Faz a correspondência entre os elementos da coluna da esquerda e os da direita. 
1.O João comunicou à Diretora de Turma o que se passava. C) 
a)Verbo intransitivo 
2.Apesar da proibição, os empregados permaneceram nas instalações da empresa. E) 
b)Verbo transitivo indireto 
3.Vi o filme com imenso prazer. D) 
c)Verbo transitivo direto e indireto 
4.O cão obedeceu ao dono. B) 
d)Verbo transitivo direto 
5.O espetáculo não terminou. A) 
e)Verbo copulativo 
8. Identifica a modalidade expressa nas frases que se seguem. 
8.1 Chegou o conferencista. Epistémica (de certeza) 
8.2 Tens de ir rapidamente às compras. Deôntica (obrigação) 
8.3 É lamentável que não tenhas cumprido as tuas obrigações. apreciativa 
8.4 A campainha já deve ter tocado para a entrada. Epistémica (probabilidade) 
8.5 Podes ir ao cinema depois de teres feito os TPC. Deôntica (permissão) 
8.6 Talvez a professora altere a data do teste. Epistémica (possibilidade) 
9. Identifica o aspeto verbal expresso nas frases que se seguem. 
9.1 Tirei o curso de teatro em Londres. perfectivo 
9.2 Estudo em Matosinhos, na ESAG. imperfectivo 
9.3 A poluição é um mal para a humanidade. genérico 
9.4 Ao sábado, costumamos organizar jantares com os amigos. habitual 
9.5 Eles têm ido a todas as aulas de apoio. iterativo 
10. Classifica as relações que se estabelecem entre as palavras: 
10.1 transporte – bicicleta hiperonímia
10.2 peixe – escama holonímia 
10.3 preocupada – apreensiva sinonímia 
10.4 robalo – peixe hiponímia 
10.5 sela – cela homofonia 
10.6 crer – querer paronímia 
10.7 banco (assento)) – banco (instituição). homonímia 
11. Constrói uma família de palavras a partir de pedra. 
12. Constrói um campo lexical a partir de céu. 
13. Identifica as figuras de estilo: 
13.1 “Galgam os gatos guturais”. aliteração 
13.2 “Tem um nome estranho, a Isa/ Não é Isabel nem Isaura”. assonância 
13.3 “O acordeão estremece, palpita, estrebucha”. gradação 
13.4 “Casos, que Adamastor contou futuros”. hipérbato 
13.5 “Mostrava-se para que todos a vissem, falava para que todos a ouvissem, movimentava-se para que todos a pudessem admirar”. Paralelismo de construção 
13.6 “Ó tu, Guarda divina, tem cuidado!”. apóstrofe 
13.7 “O verão chegou tão forte que parecia uma explosão”. Comparação (hiperbólica) 
13.8 “O administrador do banco desviou milhões de euros”.eufemismo 
13.9 “As suas lágrimas juntaram-se em grande e largo rio”. hipérbole 
13.10 “Ando sem me mover, falo calado”. paradoxo 
13.11 “Pequeno ou grande, tomara eu muitos como esse”. antítese 
13.12 “A doce amargura”. oxímoro 
13.13 “A febre de um adeus que se prolonga”. metáfora 
13.14 “Aquele que a salvar o mundo veio”. perífrase 
13.15 “A minha dor, vesti-a de brocado”. Personificação (também é uma metáfora ou imagem, na minha opinião) 
13.16 “Em casa, tenho sete bocas para alimentar”. sinédoque 
13.17 “E matavam o suave cheiro do feno macio dessas relvas sempre verdes”. sinestesia 
13.18 “Deixou cair o pau inerte”. hipálage 
14. Escreve no discurso indireto: 
14.1 “_ Eu preciso escrever uma carta, seis linhas…Tu esperas, não, Zé Fernandes? Tens aí os jornais de Paris, da noite, e os de Londres, desta manhã. As ilustrações além, naquela pasta de couro com ferragens”. 
Ele disse que precisava de escrever uma carta, talvez de 6 linhas, e perguntou ao ZÉ Fernandes se ele, efetivamente, o esperava. Informou-o de que tinha lá os jornais de Paris, da noite, e os de Londres, dessa manhã. Por fim, acrescentou que as ilustrações estavam além, na pasta de couro com ferragens. 
O Grupo de professores de 12º Ano

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ceifeira
CeifeiraCeifeira
Sermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos PeixesSermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos Peixes
Paula Oliveira Cruz
 
Recursos expressivos
Recursos expressivosRecursos expressivos
Recursos expressivos
Bárbara Minhoto
 
Os Dez Cantos d´Os Lusíadas
Os Dez Cantos d´Os LusíadasOs Dez Cantos d´Os Lusíadas
Os Dez Cantos d´Os Lusíadas
Maria Gomes
 
Resumos de Português: Heterónimos De Fernando Pessoa
Resumos de Português: Heterónimos De Fernando PessoaResumos de Português: Heterónimos De Fernando Pessoa
Resumos de Português: Heterónimos De Fernando Pessoa
Raffaella Ergün
 
Estrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação CríticaEstrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação Crítica
Vanda Sousa
 
Sermão aos peixes cap. i
Sermão aos peixes   cap. iSermão aos peixes   cap. i
Sermão aos peixes cap. i
ameliapadrao
 
Autopsicografia e Isto
Autopsicografia e IstoAutopsicografia e Isto
Autopsicografia e Isto
Paula Oliveira Cruz
 
Sermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos PeixesSermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos Peixes
Daniel Sousa
 
Frei luís de sousa
Frei luís de sousaFrei luís de sousa
Frei luís de sousa
Margarida Tomaz
 
Os Lusíadas - Reflexões do Poeta
Os Lusíadas - Reflexões do PoetaOs Lusíadas - Reflexões do Poeta
Os Lusíadas - Reflexões do Poeta
Dina Baptista
 
Deixis
DeixisDeixis
O artigo de apreciação crítica
O artigo de apreciação críticaO artigo de apreciação crítica
O artigo de apreciação crítica
Fernanda Monteiro
 
"As Ilhas Afortunadas" - análise
"As Ilhas Afortunadas" - análise"As Ilhas Afortunadas" - análise
"As Ilhas Afortunadas" - análise
Maria João Oliveira
 
Ficha formativa_ Recursos Expressivos (I)
Ficha formativa_ Recursos Expressivos (I)Ficha formativa_ Recursos Expressivos (I)
Ficha formativa_ Recursos Expressivos (I)
Raquel Antunes
 
Resumos de Português: Cesário verde
Resumos de Português: Cesário verdeResumos de Português: Cesário verde
Resumos de Português: Cesário verde
Raffaella Ergün
 
Nevoeiro
Nevoeiro   Nevoeiro
Nevoeiro
aramalho340
 
Predicativo do complemento direto
Predicativo do complemento diretoPredicativo do complemento direto
Predicativo do complemento direto
quintaldasletras
 
Frei Luís de Sousa, síntese
Frei Luís de Sousa, sínteseFrei Luís de Sousa, síntese
Frei Luís de Sousa, síntese
Maria Teresa Soveral
 
Power point "Frei Luís de Sousa"
Power point "Frei Luís de Sousa"Power point "Frei Luís de Sousa"
Power point "Frei Luís de Sousa"
gracacruz
 

Mais procurados (20)

Ceifeira
CeifeiraCeifeira
Ceifeira
 
Sermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos PeixesSermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos Peixes
 
Recursos expressivos
Recursos expressivosRecursos expressivos
Recursos expressivos
 
Os Dez Cantos d´Os Lusíadas
Os Dez Cantos d´Os LusíadasOs Dez Cantos d´Os Lusíadas
Os Dez Cantos d´Os Lusíadas
 
Resumos de Português: Heterónimos De Fernando Pessoa
Resumos de Português: Heterónimos De Fernando PessoaResumos de Português: Heterónimos De Fernando Pessoa
Resumos de Português: Heterónimos De Fernando Pessoa
 
Estrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação CríticaEstrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação Crítica
 
Sermão aos peixes cap. i
Sermão aos peixes   cap. iSermão aos peixes   cap. i
Sermão aos peixes cap. i
 
Autopsicografia e Isto
Autopsicografia e IstoAutopsicografia e Isto
Autopsicografia e Isto
 
Sermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos PeixesSermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos Peixes
 
Frei luís de sousa
Frei luís de sousaFrei luís de sousa
Frei luís de sousa
 
Os Lusíadas - Reflexões do Poeta
Os Lusíadas - Reflexões do PoetaOs Lusíadas - Reflexões do Poeta
Os Lusíadas - Reflexões do Poeta
 
Deixis
DeixisDeixis
Deixis
 
O artigo de apreciação crítica
O artigo de apreciação críticaO artigo de apreciação crítica
O artigo de apreciação crítica
 
"As Ilhas Afortunadas" - análise
"As Ilhas Afortunadas" - análise"As Ilhas Afortunadas" - análise
"As Ilhas Afortunadas" - análise
 
Ficha formativa_ Recursos Expressivos (I)
Ficha formativa_ Recursos Expressivos (I)Ficha formativa_ Recursos Expressivos (I)
Ficha formativa_ Recursos Expressivos (I)
 
Resumos de Português: Cesário verde
Resumos de Português: Cesário verdeResumos de Português: Cesário verde
Resumos de Português: Cesário verde
 
Nevoeiro
Nevoeiro   Nevoeiro
Nevoeiro
 
Predicativo do complemento direto
Predicativo do complemento diretoPredicativo do complemento direto
Predicativo do complemento direto
 
Frei Luís de Sousa, síntese
Frei Luís de Sousa, sínteseFrei Luís de Sousa, síntese
Frei Luís de Sousa, síntese
 
Power point "Frei Luís de Sousa"
Power point "Frei Luís de Sousa"Power point "Frei Luís de Sousa"
Power point "Frei Luís de Sousa"
 

Destaque

Quadro sobre modalidade
Quadro sobre modalidadeQuadro sobre modalidade
Quadro sobre modalidade
quintaldasletras
 
Porque e por que
Porque e por quePorque e por que
Porque e por que
quintaldasletras
 
A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)
quintaldasletras
 
Texto pub..
Texto pub..Texto pub..
Texto pub..
quintaldasletras
 
Os lusíadas
Os lusíadasOs lusíadas
Os lusíadas
quintaldasletras
 
Texto publicitário
Texto publicitárioTexto publicitário
Texto publicitário
quintaldasletras
 
Texto publicitário
Texto publicitárioTexto publicitário
Texto publicitário
quintaldasletras
 
Expressões latinas
Expressões latinasExpressões latinas
Expressões latinas
quintaldasletras
 
Modernismo em portugal
Modernismo em portugalModernismo em portugal
Modernismo em portugal
quintaldasletras
 
Classes de palavras
Classes de palavrasClasses de palavras
Classes de palavras
quintaldasletras
 
A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)
quintaldasletras
 
Quantificadores
QuantificadoresQuantificadores
Quantificadores
quintaldasletras
 
A estrutura d` os lusíadas
A estrutura d` os lusíadasA estrutura d` os lusíadas
A estrutura d` os lusíadas
quintaldasletras
 
29 regras para escrever português corretamente
29 regras para escrever português corretamente29 regras para escrever português corretamente
29 regras para escrever português corretamente
quintaldasletras
 
Não se diz...diz-se
Não se diz...diz-seNão se diz...diz-se
Não se diz...diz-se
quintaldasletras
 
Sintaxe e semântica lexical
Sintaxe e semântica lexicalSintaxe e semântica lexical
Sintaxe e semântica lexical
quintaldasletras
 
Apresentação de 2013
Apresentação de 2013Apresentação de 2013
Apresentação de 2013
carloscc1200
 
Trabalho de pesquisa oralidade património2015-16 10.ºano
Trabalho de pesquisa   oralidade património2015-16  10.ºanoTrabalho de pesquisa   oralidade património2015-16  10.ºano
Trabalho de pesquisa oralidade património2015-16 10.ºano
quintaldasletras
 
Processos formação palavras
Processos formação palavrasProcessos formação palavras
Processos formação palavras
quintaldasletras
 
Cesário verde síntese
Cesário verde   sínteseCesário verde   síntese
Cesário verde síntese
quintaldasletras
 

Destaque (20)

Quadro sobre modalidade
Quadro sobre modalidadeQuadro sobre modalidade
Quadro sobre modalidade
 
Porque e por que
Porque e por quePorque e por que
Porque e por que
 
A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)
 
Texto pub..
Texto pub..Texto pub..
Texto pub..
 
Os lusíadas
Os lusíadasOs lusíadas
Os lusíadas
 
Texto publicitário
Texto publicitárioTexto publicitário
Texto publicitário
 
Texto publicitário
Texto publicitárioTexto publicitário
Texto publicitário
 
Expressões latinas
Expressões latinasExpressões latinas
Expressões latinas
 
Modernismo em portugal
Modernismo em portugalModernismo em portugal
Modernismo em portugal
 
Classes de palavras
Classes de palavrasClasses de palavras
Classes de palavras
 
A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)
 
Quantificadores
QuantificadoresQuantificadores
Quantificadores
 
A estrutura d` os lusíadas
A estrutura d` os lusíadasA estrutura d` os lusíadas
A estrutura d` os lusíadas
 
29 regras para escrever português corretamente
29 regras para escrever português corretamente29 regras para escrever português corretamente
29 regras para escrever português corretamente
 
Não se diz...diz-se
Não se diz...diz-seNão se diz...diz-se
Não se diz...diz-se
 
Sintaxe e semântica lexical
Sintaxe e semântica lexicalSintaxe e semântica lexical
Sintaxe e semântica lexical
 
Apresentação de 2013
Apresentação de 2013Apresentação de 2013
Apresentação de 2013
 
Trabalho de pesquisa oralidade património2015-16 10.ºano
Trabalho de pesquisa   oralidade património2015-16  10.ºanoTrabalho de pesquisa   oralidade património2015-16  10.ºano
Trabalho de pesquisa oralidade património2015-16 10.ºano
 
Processos formação palavras
Processos formação palavrasProcessos formação palavras
Processos formação palavras
 
Cesário verde síntese
Cesário verde   sínteseCesário verde   síntese
Cesário verde síntese
 

Semelhante a Ficha de gramática12º

Funcionamento da língua_português_exercícios_6ºano
Funcionamento da língua_português_exercícios_6ºanoFuncionamento da língua_português_exercícios_6ºano
Funcionamento da língua_português_exercícios_6ºano
Sandra Boucinha
 
Livrinho explicacao e atividades de pontuação
Livrinho explicacao e atividades de pontuaçãoLivrinho explicacao e atividades de pontuação
Livrinho explicacao e atividades de pontuação
Aline França Russo
 
Guião de leitura da obra 6historiasasavessas
Guião de leitura da obra 6historiasasavessasGuião de leitura da obra 6historiasasavessas
Guião de leitura da obra 6historiasasavessas
Marisa Miranda
 
Testes como esta o seu portugues PLE
Testes como esta o seu portugues PLETestes como esta o seu portugues PLE
Testes como esta o seu portugues PLE
Luisa Cristina Rothe Mayer
 
Teste de língua portuguesa 7º novembro
Teste de língua portuguesa 7º novembroTeste de língua portuguesa 7º novembro
Teste de língua portuguesa 7º novembro
Zélia Sequeira
 
A menina do mar
A menina do marA menina do mar
A menina do mar
bomjoaob2a
 
Guião de leitura - os primos e a bruxa cartuxa
  Guião de leitura - os primos e a bruxa cartuxa  Guião de leitura - os primos e a bruxa cartuxa
Guião de leitura - os primos e a bruxa cartuxa
Brígida Ferreira
 
O espantalho enamorado
O espantalho enamoradoO espantalho enamorado
O espantalho enamorado
Sónia Rodrigues
 
Fa4eee
Fa4eeeFa4eee
Fa4eee
Rute Almeida
 
Manual 28 palavras
Manual 28 palavrasManual 28 palavras
Manual 28 palavras
estermachado
 
Sapo apaixonado - atividades
Sapo apaixonado - atividades Sapo apaixonado - atividades
Sapo apaixonado - atividades
Virgínia Ferreira
 
Fichas de leitura primos e bruxa cartuxa (1)
Fichas de leitura  primos e bruxa cartuxa (1)Fichas de leitura  primos e bruxa cartuxa (1)
Fichas de leitura primos e bruxa cartuxa (1)
Carina Carpinteiro
 
Aval_trim1_port.docx
Aval_trim1_port.docxAval_trim1_port.docx
Aval_trim1_port.docx
HelenaGuerra13
 
O rapaz de pedra
O rapaz de pedraO rapaz de pedra
O rapaz de pedra
Zulmira Lima
 
O rapaz de pedra
O rapaz de pedraO rapaz de pedra
O rapaz de pedra
Zulmira Lima
 
A fada oriana_guiao_leitura
A fada oriana_guiao_leituraA fada oriana_guiao_leitura
A fada oriana_guiao_leitura
Cláudia David
 
Exercícios Tudo de português
Exercícios Tudo de portuguêsExercícios Tudo de português
Exercícios Tudo de português
Amanda Damasceno
 
Manual 28 palavras
Manual 28 palavrasManual 28 palavras
Manual 28 palavras
celina.lajoso
 
Menina do mar
Menina do marMenina do mar
Menina do mar
Lúcia Martins
 
Manual 28 palavras
Manual 28 palavras Manual 28 palavras
Manual 28 palavras
Maria Oliveira
 

Semelhante a Ficha de gramática12º (20)

Funcionamento da língua_português_exercícios_6ºano
Funcionamento da língua_português_exercícios_6ºanoFuncionamento da língua_português_exercícios_6ºano
Funcionamento da língua_português_exercícios_6ºano
 
Livrinho explicacao e atividades de pontuação
Livrinho explicacao e atividades de pontuaçãoLivrinho explicacao e atividades de pontuação
Livrinho explicacao e atividades de pontuação
 
Guião de leitura da obra 6historiasasavessas
Guião de leitura da obra 6historiasasavessasGuião de leitura da obra 6historiasasavessas
Guião de leitura da obra 6historiasasavessas
 
Testes como esta o seu portugues PLE
Testes como esta o seu portugues PLETestes como esta o seu portugues PLE
Testes como esta o seu portugues PLE
 
Teste de língua portuguesa 7º novembro
Teste de língua portuguesa 7º novembroTeste de língua portuguesa 7º novembro
Teste de língua portuguesa 7º novembro
 
A menina do mar
A menina do marA menina do mar
A menina do mar
 
Guião de leitura - os primos e a bruxa cartuxa
  Guião de leitura - os primos e a bruxa cartuxa  Guião de leitura - os primos e a bruxa cartuxa
Guião de leitura - os primos e a bruxa cartuxa
 
O espantalho enamorado
O espantalho enamoradoO espantalho enamorado
O espantalho enamorado
 
Fa4eee
Fa4eeeFa4eee
Fa4eee
 
Manual 28 palavras
Manual 28 palavrasManual 28 palavras
Manual 28 palavras
 
Sapo apaixonado - atividades
Sapo apaixonado - atividades Sapo apaixonado - atividades
Sapo apaixonado - atividades
 
Fichas de leitura primos e bruxa cartuxa (1)
Fichas de leitura  primos e bruxa cartuxa (1)Fichas de leitura  primos e bruxa cartuxa (1)
Fichas de leitura primos e bruxa cartuxa (1)
 
Aval_trim1_port.docx
Aval_trim1_port.docxAval_trim1_port.docx
Aval_trim1_port.docx
 
O rapaz de pedra
O rapaz de pedraO rapaz de pedra
O rapaz de pedra
 
O rapaz de pedra
O rapaz de pedraO rapaz de pedra
O rapaz de pedra
 
A fada oriana_guiao_leitura
A fada oriana_guiao_leituraA fada oriana_guiao_leitura
A fada oriana_guiao_leitura
 
Exercícios Tudo de português
Exercícios Tudo de portuguêsExercícios Tudo de português
Exercícios Tudo de português
 
Manual 28 palavras
Manual 28 palavrasManual 28 palavras
Manual 28 palavras
 
Menina do mar
Menina do marMenina do mar
Menina do mar
 
Manual 28 palavras
Manual 28 palavras Manual 28 palavras
Manual 28 palavras
 

Mais de quintaldasletras

Trabalho sobre o barroco tg
Trabalho sobre o barroco    tgTrabalho sobre o barroco    tg
Trabalho sobre o barroco tg
quintaldasletras
 
Exposição oral guião para leitura de cartoons
Exposição oral   guião para leitura de cartoonsExposição oral   guião para leitura de cartoons
Exposição oral guião para leitura de cartoons
quintaldasletras
 
Cartoons para análise
Cartoons para análiseCartoons para análise
Cartoons para análise
quintaldasletras
 
Exposição oral guião para leitura de cartoons
Exposição oral   guião para leitura de cartoonsExposição oral   guião para leitura de cartoons
Exposição oral guião para leitura de cartoons
quintaldasletras
 
Ficha informativa memorial do convento
Ficha informativa memorial do conventoFicha informativa memorial do convento
Ficha informativa memorial do convento
quintaldasletras
 
Ficha de trabalho de português o verbo (1)
Ficha de trabalho de português   o verbo (1)Ficha de trabalho de português   o verbo (1)
Ficha de trabalho de português o verbo (1)
quintaldasletras
 
Ficha de trabalho de português o verbo (1)
Ficha de trabalho de português   o verbo (1)Ficha de trabalho de português   o verbo (1)
Ficha de trabalho de português o verbo (1)
quintaldasletras
 
Https
HttpsHttps
A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)
quintaldasletras
 
Camões lírico teoria
Camões lírico teoriaCamões lírico teoria
Camões lírico teoria
quintaldasletras
 
29 regras para escrever português corretamente
29 regras para escrever português corretamente29 regras para escrever português corretamente
29 regras para escrever português corretamente
quintaldasletras
 
29 regras para escrever português correctamente
29 regras para escrever português correctamente29 regras para escrever português correctamente
29 regras para escrever português correctamente
quintaldasletras
 
Pessoa ortónimo proposta para análise de poemas 14_15
Pessoa ortónimo proposta para análise de poemas 14_15Pessoa ortónimo proposta para análise de poemas 14_15
Pessoa ortónimo proposta para análise de poemas 14_15
quintaldasletras
 
Carta formal
Carta formalCarta formal
Carta formal
quintaldasletras
 
Subclasses dos verbos exercícios
Subclasses dos verbos exercíciosSubclasses dos verbos exercícios
Subclasses dos verbos exercícios
quintaldasletras
 
Subclasses dos verbos
Subclasses dos verbosSubclasses dos verbos
Subclasses dos verbos
quintaldasletras
 
Flexão verbal
Flexão verbalFlexão verbal
Flexão verbal
quintaldasletras
 
Ficha informativa e de trabalho modificadores
Ficha informativa e de trabalho modificadores Ficha informativa e de trabalho modificadores
Ficha informativa e de trabalho modificadores
quintaldasletras
 

Mais de quintaldasletras (18)

Trabalho sobre o barroco tg
Trabalho sobre o barroco    tgTrabalho sobre o barroco    tg
Trabalho sobre o barroco tg
 
Exposição oral guião para leitura de cartoons
Exposição oral   guião para leitura de cartoonsExposição oral   guião para leitura de cartoons
Exposição oral guião para leitura de cartoons
 
Cartoons para análise
Cartoons para análiseCartoons para análise
Cartoons para análise
 
Exposição oral guião para leitura de cartoons
Exposição oral   guião para leitura de cartoonsExposição oral   guião para leitura de cartoons
Exposição oral guião para leitura de cartoons
 
Ficha informativa memorial do convento
Ficha informativa memorial do conventoFicha informativa memorial do convento
Ficha informativa memorial do convento
 
Ficha de trabalho de português o verbo (1)
Ficha de trabalho de português   o verbo (1)Ficha de trabalho de português   o verbo (1)
Ficha de trabalho de português o verbo (1)
 
Ficha de trabalho de português o verbo (1)
Ficha de trabalho de português   o verbo (1)Ficha de trabalho de português   o verbo (1)
Ficha de trabalho de português o verbo (1)
 
Https
HttpsHttps
Https
 
A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)A publicidade graça (1)
A publicidade graça (1)
 
Camões lírico teoria
Camões lírico teoriaCamões lírico teoria
Camões lírico teoria
 
29 regras para escrever português corretamente
29 regras para escrever português corretamente29 regras para escrever português corretamente
29 regras para escrever português corretamente
 
29 regras para escrever português correctamente
29 regras para escrever português correctamente29 regras para escrever português correctamente
29 regras para escrever português correctamente
 
Pessoa ortónimo proposta para análise de poemas 14_15
Pessoa ortónimo proposta para análise de poemas 14_15Pessoa ortónimo proposta para análise de poemas 14_15
Pessoa ortónimo proposta para análise de poemas 14_15
 
Carta formal
Carta formalCarta formal
Carta formal
 
Subclasses dos verbos exercícios
Subclasses dos verbos exercíciosSubclasses dos verbos exercícios
Subclasses dos verbos exercícios
 
Subclasses dos verbos
Subclasses dos verbosSubclasses dos verbos
Subclasses dos verbos
 
Flexão verbal
Flexão verbalFlexão verbal
Flexão verbal
 
Ficha informativa e de trabalho modificadores
Ficha informativa e de trabalho modificadores Ficha informativa e de trabalho modificadores
Ficha informativa e de trabalho modificadores
 

Último

UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
samucajaime015
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
Manuais Formação
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Marília Pacheco
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
nunesly
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
SidneySilva523387
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
AntonioLobosco3
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
MarceloMonteiro213738
 

Último (20)

UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdfAula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
Aula Aberta_Avaliação Digital no ensino basico e secundário.pdf
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
 

Ficha de gramática12º

  • 1. FICHA DE TRABALHO Nome:_________________________________________________________________________________ Ano:__________Nº___________Turma:___________ Gramática 1. Identifique a classe e subclasse (caso exista) das palavras ou expressões destacadas. 1.1 Os teus gostos são extravagantes. ____________________________________________________________________ 1.2 Vários deputados empenharam-se seriamente na resolução do problema. ____________________________________________________________________ 1.3 Finalmente, os cidadãos europeus podem percorrer livremente a Europa. ____________________________________________________________________ 1.4 Apesar de os alunos não se terem empenhado no primeiro período, estudaram no segundo. _____________________________________________________________________ 1.5 Porque queres tu viajar para o Japão se não conheces bem Portugal? ______________________________________________________________________ 2. Classifique as orações sublinhadas. 2.1 Visto que o trabalho está terminado, vamos à praia. _____________________________________________________________________ 2.2 Os alunos cujos resultados foram bons serão premiados. _____________________________________________________________________ 2.3 O voo das aves era tão veloz que nós não conseguimos acompanhá-lo. ______________________________________________________________________ 2.4 A rainha ordenou que todos se levantassem ______________________________________________________________________ 2.5 Esta casa, onde nasceu o escritor, foi transformada num museu. ______________________________________________________________________ 2.6 O resultado está correto, portanto o exercício foi bem resolvido. ______________________________________________________________________ 2.7 Ainda que esteja frio, vamos à praia. ______________________________________________________________________ 2.8 O trabalho que fizeste é admirável. ______________________________________________________________________ 3. Identifique a função sintática das palavras/expressões sublinhadas. 3.1 O filme era muito emocionante. ____________________________________________ 3.2 O João, que é um excelente dançarino, venceu o concurso. _______________________ 3.3 O Paulo e a Maria chegaram agora. __________________________________________ 3.4 O texto foi entregue pela minha aluna. _______________________________________
  • 2. 3.5 É fantástico que venhas connosco. ___________________________________________ 3.6 Eles achavam-no ingénuo. __________________________________________________ 3.7 Eles entraram no cinema. _____________________________________________________ 3.8 Queres um sumo, Paulo? _____________________________________________________ 3.9 Ofereceram-me um livro interessante. ____________________________________________ 3.10 Efetivamente, eles são bons alunos. ___________________________________________ 4. Explicite o processo de formação das palavras. 4.1 genérico (medicamento e nome)________________________________________________ 4.2 Entendível__________________________________________________________________ 4.3 Credifone___________________________________________________________________ 4.4 Amanhecer__________________________________________________________________ 4.5 Insensatamente_______________________________________________________________ 4.6 Lusodescendentes_____________________________________________________________ 4.7 UNESCO_____________________________________________________________________ 4.8 Agridoce_____________________________________________________________________ 4.9 PSP_________________________________________________________________________ 4.10 Caça (caçar)________________________________________________________________ 4.11 Miau_____________________________________________________________________ 4.12 Rádio gravador _____________________________________________________________ 5. Classifique cada um dos atos ilocutórios que se apresentam a seguir. 6.1. Podes passar-me o sal, por favor?_____________________________________________ 6.2. Juro que não tornarei a fazer o mesmo.________________________________________ 6.3. Sugiro-lhe que pesquise o tema nesta enciclopédia.______________________________ 6.4. Exijo que ouçam os meus argumentos._________________________________________ 6.5. Estou ansioso pela sua chegada.______________________________________________ 6.6. Face às provas apresentadas, considero o réu inocente.___________________________ 6.7. Acredito que ele disse a verdade._____________________________________________ 6. Classifique os deíticos assinalados nas frases que se seguem. 6.1 Maria, podes abrir a porta?__________________________________________________ 6.2 Esta é a minha casa nova.___________________________________________________ 6.3 Saímos de casa agora mesmo.________________________________________________ 6.4 Eles ofereceram-me um livro.________________________________________________ 6.5 Nós chegámos anteontem.__________________________________________________ 7. Faça a correspondência entre os elementos da coluna da esquerda e os da direita. 1. O João comunicou à Diretora de Turma o que se passava.______________ a) Verbo intransitivo 2. Apesar da proibição, os empregados b) Verbo transitivo indireto
  • 3. permaneceram nas instalações da empresa.________________________ 3. Vi o filme com imenso prazer._______ c) Verbo transitivo direto e indireto 4. O cão obedeceu ao dono.__________ d) Verbo transitivo direto 5. O espetáculo não terminou.________ e) Verbo copulativo 8. Identifique a modalidade expressa nas frases que se seguem. 8.1 Chegou o conferencista._____________________________________________ 8.2 Tens de ir rapidamente às compras.____________________________________ 8.3 É lamentável que não tenhas cumprido as tuas obrigações.__________________ 8.4 A campainha já deve ter tocado para a entrada.____________________________ 8.5 Podes ir ao cinema depois de teres feito os TPC.____________________________ 8.6 Talvez a professora altere a data do teste.__________________________________ 9. Identifique o aspeto verbal expresso nas frases que se seguem. 9.1 Tirei o curso de teatro em Londres.___________________________________________ 9.2 Estudo em Matosinhos, na ESAG._____________________________________________ 9.3 A poluição é um mal para a humanidade.________________________________________ 9.4 Ao sábado, costumamos organizar jantares com os amigos._________________________ 9.5 Eles têm ido a todas as aulas de apoio.__________________________________________ 10. Classifique as relações que se estabelecem entre as palavras: 10.1 transporte – bicicleta________________________________________________ 10.2 peixe – escama_____________________________________________________ 10.3 preocupada – apreensiva_____________________________________________ 10.4 robalo – peixe______________________________________________________ 10.5 sela – cela_________________________________________________________ 10.6 crer – querer_______________________________________________________ 10.7 banco (assento)) – banco (instituição).____________________________________ 11. Construa uma família de palavras a partir de pedra_______________________________ _________________________________________________________________________ 12. Construa um campo lexical a partir de céu.______________________________________ _________________________________________________________________________ 13. Identifique as figuras de estilo: 13.1 “Galgam os gatos guturais”.______________________________________________ 13.2 “Tem um nome estranho, a Isa/ Não é Isabel nem Isaura”.______________________ 13.3 “O acordeão estremece, palpita, estrebucha”.________________________________ 13.4 “Casos, que Adamastor contou futuros”._____________________________________ 13.5 “Mostrava-se para que todos a vissem, falava para que todos a ouvissem, movimentava-se para que todos a pudessem admirar”.______________________
  • 4. 13.6 “Ó tu, Guarda divina, tem cuidado!”.________________________________________ 13.7 “O verão chegou tão forte que parecia uma explosão”._________________________ 13.8 “O administrador do banco desviou milhões de euros”._________________________ 13.9 “As suas lágrimas juntaram-se em grande e largo rio”.__________________________ 13.10 “Ando sem me mover, falo calado”._________________________________________ 13.11 “Pequeno ou grande, tomara eu muitos como esse”.___________________________ 13.12 “A doce amargura”.______________________________________________________ 13.13 “A febre de um adeus que se prolonga”._____________________________________ 13.14 “Aquele que a salvar o mundo veio”.________________________________________ 13.15 “A minha dor, vesti-a de brocado”._________________________________________ 13.16 “Em casa, tenho sete bocas para alimentar”._________________________________ 13.17 “E matavam o suave cheiro do feno macio dessas relvas sempre verdes”.__________ _____________________________________________________________________ 13.18 “Deixou cair o pau inerte”._______________________________________________ 14. Escreva no discurso indireto: 14.1 “_ Eu preciso escrever uma carta, seis linhas…Tu esperas, não, Zé Fernandes? Tens aí os jornais de Paris, da noite, e os de Londres, desta manhã. As ilustrações além, naquela pasta de couro com ferragens”._____________________________________________________ ______________________________________________________________________ ______________________________________________________________________ 15. Reescreva as seguintes frases, substituindo os elementos sublinhados por pronomes: 15.1 Se estes livros são fixes, nós compramos os livros._________________________ 15.2 O prato está sujo. Lavarei o prato à máquina, mas se tivesse tempo lavaria o prato à mão._____________________________________________________________ FICHA DE TRABALHO - Soluções Gramática 1. Identifica a classe e subclasse (caso exista) das palavras ou expressões destacadas. 1.1 Os teus gostos são extravagantes. Determ. Possessivo; adjetivo qualificativo 1.2 Vários deputados empenharam-se seriamente na resolução do problema.quantificador; pronome reflexo 1.3 Finalmente, os cidadãos europeus podem percorrer livremente a Europa.advérbio de frase; adjetivo relacional; perífrase verbal=forma complexa 1.4 Apesar de os alunos não se terem empenhado no primeiro período, estudaram no segundo.locução subordinativa concessiva; pronome reflexo; adjetivo numeral 1.5 Porque queres tu viajar para o Japão se não conheces bem Portugal?Conjunção subordinativa causal;; preposição; conjunção subordinativa condicional;advérbio de predicado
  • 5. 2. Classifica as orações sublinhadas. 2.1 Visto que o trabalho está terminado, vamos à praia.sub. adverbial causal 2.2 Os alunos cujos resultados foram bons serão premiados.sub. adjetiva explicativa restritiva 2.3 O voo das aves era tão veloz que nós não conseguimos acompanhá-lo. Sub. Adverbial consecutiva 2.4 A rainha ordenou que todos se levantassem sub. Substantiva completiva 2.5 Esta casa, onde nasceu o escritor, foi transformada num museu.sub. adjetiva relativa explicativa 2.6 O resultado está correto, portanto o exercício foi bem resolvido. Coordenada conclusiva 2.7 Ainda que esteja frio, vamos à praia. Sub. Adverbial concessiva 2.8 O trabalho que fizeste é admirável. Sub. Adjetiva relativa restritiva 3. Identifica a função sintática das palavras/expressões sublinhadas. 3.1 O filme era muito emocionante. Predicativo do sujeito 3.2 O João, que é um excelente dançarino, venceu o concurso. Modificador apositivo 3.3 O Paulo e a Maria chegaram agora. Sujeito complexo 3.4 O texto foi entregue pela minha aluna. Complemento agente da passiva 3.5 É fantástico que venhas connosco.sujeito 3.6 Eles achavam-no ingénuo. Compl. Direto; predicativo do compl. direto 3.7 Eles entraram no cinema. Compl. oblíquo 3.8 Queres um sumo, Paulo? vocativo 3.9 Ofereceram-me um livro interessante. Compl. indireto 3.10 Efetivamente, eles são bons alunos. Modificador de frase 4. Explicita o processo de formação das palavras. 4.1 genérico (medicamento e nome) conversão 4.2 entendível derivada por sufixação 4.3 credifone amálgama 4.4 amanhecer parassíntese 4.5 insensatamente derivada por sufixação e prefixação 4.6 lusodescendentes composição morfológica 4.7 UNESCO acronímia 4.8 Agridoce composição morfológica 4.9 PSP siglação 4.10 Caça (caçar) derivação não afixal 4.11 Miau onomatopeia 4.12 Rádio gravador composição morfossintática 5. Classifica cada um dos atos ilocutórios que se apresentam a seguir. 6.1 Podes passar-me o sal, por favor? ato ilocutório diretivo 6.2 Juro que não tornarei a fazer o mesmo. ato ilocutório compromissivo 6.3 Sugiro-lhe que pesquise o tema nesta enciclopédia. ato ilocutório diretivo 6.4 Exijo que ouçam os meus argumentos. ato ilocutório diretivo
  • 6. 6.5 Estou ansioso pela sua chegada. ato ilocutório expressivo 6.6 Face às provas apresentadas, considero o réu inocente. ato ilocutório declarativo 6.7 Acredito que ele disse a verdade. assertivo 6. Classifica os deíticos assinalados nas frases que se seguem. 6.1 Maria, podes abrir a porta? pessoal 6.2 Esta é a minha casa nova. espacial 6.3 Saímos de casa agora mesmo. temporal 6.4 Eles ofereceram-me um livro. pessoal 6.5 Nós chegámos anteontem. Pessoal e temporal 7. Faz a correspondência entre os elementos da coluna da esquerda e os da direita. 1.O João comunicou à Diretora de Turma o que se passava. C) a)Verbo intransitivo 2.Apesar da proibição, os empregados permaneceram nas instalações da empresa. E) b)Verbo transitivo indireto 3.Vi o filme com imenso prazer. D) c)Verbo transitivo direto e indireto 4.O cão obedeceu ao dono. B) d)Verbo transitivo direto 5.O espetáculo não terminou. A) e)Verbo copulativo 8. Identifica a modalidade expressa nas frases que se seguem. 8.1 Chegou o conferencista. Epistémica (de certeza) 8.2 Tens de ir rapidamente às compras. Deôntica (obrigação) 8.3 É lamentável que não tenhas cumprido as tuas obrigações. apreciativa 8.4 A campainha já deve ter tocado para a entrada. Epistémica (probabilidade) 8.5 Podes ir ao cinema depois de teres feito os TPC. Deôntica (permissão) 8.6 Talvez a professora altere a data do teste. Epistémica (possibilidade) 9. Identifica o aspeto verbal expresso nas frases que se seguem. 9.1 Tirei o curso de teatro em Londres. perfectivo 9.2 Estudo em Matosinhos, na ESAG. imperfectivo 9.3 A poluição é um mal para a humanidade. genérico 9.4 Ao sábado, costumamos organizar jantares com os amigos. habitual 9.5 Eles têm ido a todas as aulas de apoio. iterativo 10. Classifica as relações que se estabelecem entre as palavras: 10.1 transporte – bicicleta hiperonímia
  • 7. 10.2 peixe – escama holonímia 10.3 preocupada – apreensiva sinonímia 10.4 robalo – peixe hiponímia 10.5 sela – cela homofonia 10.6 crer – querer paronímia 10.7 banco (assento)) – banco (instituição). homonímia 11. Constrói uma família de palavras a partir de pedra. 12. Constrói um campo lexical a partir de céu. 13. Identifica as figuras de estilo: 13.1 “Galgam os gatos guturais”. aliteração 13.2 “Tem um nome estranho, a Isa/ Não é Isabel nem Isaura”. assonância 13.3 “O acordeão estremece, palpita, estrebucha”. gradação 13.4 “Casos, que Adamastor contou futuros”. hipérbato 13.5 “Mostrava-se para que todos a vissem, falava para que todos a ouvissem, movimentava-se para que todos a pudessem admirar”. Paralelismo de construção 13.6 “Ó tu, Guarda divina, tem cuidado!”. apóstrofe 13.7 “O verão chegou tão forte que parecia uma explosão”. Comparação (hiperbólica) 13.8 “O administrador do banco desviou milhões de euros”.eufemismo 13.9 “As suas lágrimas juntaram-se em grande e largo rio”. hipérbole 13.10 “Ando sem me mover, falo calado”. paradoxo 13.11 “Pequeno ou grande, tomara eu muitos como esse”. antítese 13.12 “A doce amargura”. oxímoro 13.13 “A febre de um adeus que se prolonga”. metáfora 13.14 “Aquele que a salvar o mundo veio”. perífrase 13.15 “A minha dor, vesti-a de brocado”. Personificação (também é uma metáfora ou imagem, na minha opinião) 13.16 “Em casa, tenho sete bocas para alimentar”. sinédoque 13.17 “E matavam o suave cheiro do feno macio dessas relvas sempre verdes”. sinestesia 13.18 “Deixou cair o pau inerte”. hipálage 14. Escreve no discurso indireto: 14.1 “_ Eu preciso escrever uma carta, seis linhas…Tu esperas, não, Zé Fernandes? Tens aí os jornais de Paris, da noite, e os de Londres, desta manhã. As ilustrações além, naquela pasta de couro com ferragens”. Ele disse que precisava de escrever uma carta, talvez de 6 linhas, e perguntou ao ZÉ Fernandes se ele, efetivamente, o esperava. Informou-o de que tinha lá os jornais de Paris, da noite, e os de Londres, dessa manhã. Por fim, acrescentou que as ilustrações estavam além, na pasta de couro com ferragens. O Grupo de professores de 12º Ano