SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 32
Baixar para ler offline
Ricardo Reis  Heterónimo
[object Object],Introdução
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
EPICURISMO  -  Busca da felicidade - Moderação dos prazeres - Fuga à dor (aponia) - Ataraxia (tranquilidade capaz de evitar a perturbação)  ESTOICISMO (conformismo)   -  Aceitação das leis do destino (apatia) - Indiferença face às paixões e à dor - Abdicação de lutar - Auto disciplina  Motivos poéticos de Ricardo Reis
HORACIANISMO   - Carpe diem: vive o momento - Aure mediocritas: a felicidade possível está na natureza   PAGANISMO  -  Crença nos deuses - Crenças na civilização da Grécia - Intelectualização das emoções - Medo da morte  Neoclassicismo   - Poesia construída com base em ideias elevadas  - Odes
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Características estilísticas
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Vem sentar-te comigo, Lídia, á beira do rio.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Interpretação do poema
[object Object],à beira do O seu curso   Cenário de beleza natural em que se enquadra a situação amorosa   Sossegadamente fitemos o seu curso   E aprendemos que a vida passa   Símbolo da fugacidade dos bens terrenos Enlacemos  as mãos I
[object Object],[object Object]
[object Object],Desenlacemos as mãos Amemo – nos tranquilamente Sentados ao pé um do outro Atitude amorosa   Símbolo de   Ouvindo correr o rio e vendo - o Passividade
[object Object],[object Object]
III … se for sombra antes E se antes do que eu levares o óbolo ao barqueiro sombrio Antevisão da morte   … lembrar – te – as de mim depois Sem que a minha lembrança te arda ou te fira ou te mova Eu nada terei que sofrer ao lembrar – me de ti Ser – me – ás suave à memória Vitória sobre ela
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
A utilização de  símbolos  predominantemente de  origem clássica mitológica , como é característico deste heterónimo: ,[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object]
A utilização de vários recursos expressivos: ,[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],Conclusão
[object Object],[object Object],[object Object],Bibliografia
Escola Secundária Pª Benjamim Salgado  2006/2007 Trabalho elaborado por : Andreia nº3 Angélica nº4 Cláudia nº7 Patrícia nº13 12ºK

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

características temáticas de Fernando Pessoa - ortónimo
características temáticas de Fernando Pessoa - ortónimocaracterísticas temáticas de Fernando Pessoa - ortónimo
características temáticas de Fernando Pessoa - ortónimoDina Baptista
 
Cesário Verde-Sistematização
Cesário Verde-SistematizaçãoCesário Verde-Sistematização
Cesário Verde-SistematizaçãoDina Baptista
 
Ricardo Reis - Análise do poema "Vem sentar-te comigo, Lídia, à beira do rio"...
Ricardo Reis - Análise do poema "Vem sentar-te comigo, Lídia, à beira do rio"...Ricardo Reis - Análise do poema "Vem sentar-te comigo, Lídia, à beira do rio"...
Ricardo Reis - Análise do poema "Vem sentar-te comigo, Lídia, à beira do rio"...FilipaFonseca
 
Memorial- Análise por Capítulos
Memorial- Análise por CapítulosMemorial- Análise por Capítulos
Memorial- Análise por CapítulosRui Matos
 
Fernando Pessoa - Fingimento Artístico/Poético
Fernando Pessoa - Fingimento Artístico/PoéticoFernando Pessoa - Fingimento Artístico/Poético
Fernando Pessoa - Fingimento Artístico/PoéticoAlexandra Canané
 
Características Poéticas de Álvaro de Campos
Características Poéticas de Álvaro de CamposCaracterísticas Poéticas de Álvaro de Campos
Características Poéticas de Álvaro de CamposDina Baptista
 
O heteronimo Alberto Caeiro
O heteronimo Alberto CaeiroO heteronimo Alberto Caeiro
O heteronimo Alberto Caeiroguest155834
 
A "Mensagem", de F. Pessoa
A "Mensagem", de F. PessoaA "Mensagem", de F. Pessoa
A "Mensagem", de F. PessoaDina Baptista
 
Mensagem - D. Sebastião Rei de Portugal
Mensagem - D. Sebastião Rei de PortugalMensagem - D. Sebastião Rei de Portugal
Mensagem - D. Sebastião Rei de PortugalMaria Teixiera
 
Estrutura mensagem
Estrutura mensagemEstrutura mensagem
Estrutura mensagemameliapadrao
 
A sátira e a crítica social no Memorial do Convento
A sátira e a crítica social no Memorial do ConventoA sátira e a crítica social no Memorial do Convento
A sátira e a crítica social no Memorial do ConventoJoana Filipa Rodrigues
 
Miguel Torga - Poemas
Miguel Torga - PoemasMiguel Torga - Poemas
Miguel Torga - PoemasAna Tapadas
 
Principais Temáticas de Alberto Caeiro
Principais Temáticas de Alberto CaeiroPrincipais Temáticas de Alberto Caeiro
Principais Temáticas de Alberto CaeiroDina Baptista
 
Mensagem Fernando Pessoa
Mensagem   Fernando PessoaMensagem   Fernando Pessoa
Mensagem Fernando Pessoaguest0f0d8
 
Ricardo Reis - Heterónimo de Fernando Pessoa
Ricardo Reis - Heterónimo de Fernando Pessoa Ricardo Reis - Heterónimo de Fernando Pessoa
Ricardo Reis - Heterónimo de Fernando Pessoa suzana patricia
 
O amor em Memorial do Convento
O amor em Memorial do ConventoO amor em Memorial do Convento
O amor em Memorial do ConventoAntónio Teixeira
 

Mais procurados (20)

características temáticas de Fernando Pessoa - ortónimo
características temáticas de Fernando Pessoa - ortónimocaracterísticas temáticas de Fernando Pessoa - ortónimo
características temáticas de Fernando Pessoa - ortónimo
 
Cesário Verde-Sistematização
Cesário Verde-SistematizaçãoCesário Verde-Sistematização
Cesário Verde-Sistematização
 
Cesário verde
Cesário verdeCesário verde
Cesário verde
 
Memorial do convento
Memorial do conventoMemorial do convento
Memorial do convento
 
Ricardo Reis - Análise do poema "Vem sentar-te comigo, Lídia, à beira do rio"...
Ricardo Reis - Análise do poema "Vem sentar-te comigo, Lídia, à beira do rio"...Ricardo Reis - Análise do poema "Vem sentar-te comigo, Lídia, à beira do rio"...
Ricardo Reis - Análise do poema "Vem sentar-te comigo, Lídia, à beira do rio"...
 
Memorial do convento
Memorial do conventoMemorial do convento
Memorial do convento
 
Memorial- Análise por Capítulos
Memorial- Análise por CapítulosMemorial- Análise por Capítulos
Memorial- Análise por Capítulos
 
Fernando Pessoa - Fingimento Artístico/Poético
Fernando Pessoa - Fingimento Artístico/PoéticoFernando Pessoa - Fingimento Artístico/Poético
Fernando Pessoa - Fingimento Artístico/Poético
 
Características Poéticas de Álvaro de Campos
Características Poéticas de Álvaro de CamposCaracterísticas Poéticas de Álvaro de Campos
Características Poéticas de Álvaro de Campos
 
O heteronimo Alberto Caeiro
O heteronimo Alberto CaeiroO heteronimo Alberto Caeiro
O heteronimo Alberto Caeiro
 
A "Mensagem", de F. Pessoa
A "Mensagem", de F. PessoaA "Mensagem", de F. Pessoa
A "Mensagem", de F. Pessoa
 
OCEANO NOX_Análise.ppsx
OCEANO NOX_Análise.ppsxOCEANO NOX_Análise.ppsx
OCEANO NOX_Análise.ppsx
 
Mensagem - D. Sebastião Rei de Portugal
Mensagem - D. Sebastião Rei de PortugalMensagem - D. Sebastião Rei de Portugal
Mensagem - D. Sebastião Rei de Portugal
 
Estrutura mensagem
Estrutura mensagemEstrutura mensagem
Estrutura mensagem
 
A sátira e a crítica social no Memorial do Convento
A sátira e a crítica social no Memorial do ConventoA sátira e a crítica social no Memorial do Convento
A sátira e a crítica social no Memorial do Convento
 
Miguel Torga - Poemas
Miguel Torga - PoemasMiguel Torga - Poemas
Miguel Torga - Poemas
 
Principais Temáticas de Alberto Caeiro
Principais Temáticas de Alberto CaeiroPrincipais Temáticas de Alberto Caeiro
Principais Temáticas de Alberto Caeiro
 
Mensagem Fernando Pessoa
Mensagem   Fernando PessoaMensagem   Fernando Pessoa
Mensagem Fernando Pessoa
 
Ricardo Reis - Heterónimo de Fernando Pessoa
Ricardo Reis - Heterónimo de Fernando Pessoa Ricardo Reis - Heterónimo de Fernando Pessoa
Ricardo Reis - Heterónimo de Fernando Pessoa
 
O amor em Memorial do Convento
O amor em Memorial do ConventoO amor em Memorial do Convento
O amor em Memorial do Convento
 

Destaque

Alberto caeiro eu nunca guardei rebanhos- análise
Alberto caeiro   eu nunca guardei rebanhos- análiseAlberto caeiro   eu nunca guardei rebanhos- análise
Alberto caeiro eu nunca guardei rebanhos- análiseAnabela Fernandes
 
Fernando Pessoa Heterónimos
Fernando Pessoa   HeterónimosFernando Pessoa   Heterónimos
Fernando Pessoa HeterónimosESVieira do Minho
 
Fernando Pessoa e seus heterónimos
Fernando Pessoa e seus heterónimosFernando Pessoa e seus heterónimos
Fernando Pessoa e seus heterónimosguest40b640
 
Biografia Ricardo reis
Biografia Ricardo reisBiografia Ricardo reis
Biografia Ricardo reisFagner Aquino
 
Poemas Completos de Alberto Caeiro - Fernando Pessoa
Poemas Completos de Alberto Caeiro - Fernando PessoaPoemas Completos de Alberto Caeiro - Fernando Pessoa
Poemas Completos de Alberto Caeiro - Fernando Pessoavestibular
 
Alvaro de campos... portugues
Alvaro de campos... portuguesAlvaro de campos... portugues
Alvaro de campos... portuguesAllane Lima
 
Plano de Continuidade/Emergencia é Resiliência
Plano de Continuidade/Emergencia é ResiliênciaPlano de Continuidade/Emergencia é Resiliência
Plano de Continuidade/Emergencia é ResiliênciaRicardo Reis
 
Ricardo Reis- Classicismo e Paganismo/Neopaganismo
Ricardo Reis- Classicismo e Paganismo/NeopaganismoRicardo Reis- Classicismo e Paganismo/Neopaganismo
Ricardo Reis- Classicismo e Paganismo/NeopaganismoTelma Carvalho
 
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa SilvaLoucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva12anogolega
 
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa SilvaLoucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva12anogolega
 

Destaque (18)

áLvaro de campos
áLvaro de camposáLvaro de campos
áLvaro de campos
 
Ricardo reis
Ricardo reisRicardo reis
Ricardo reis
 
Alberto Caeiro
Alberto CaeiroAlberto Caeiro
Alberto Caeiro
 
Alberto caeiro eu nunca guardei rebanhos- análise
Alberto caeiro   eu nunca guardei rebanhos- análiseAlberto caeiro   eu nunca guardei rebanhos- análise
Alberto caeiro eu nunca guardei rebanhos- análise
 
Fernando Pessoa Heterónimos
Fernando Pessoa   HeterónimosFernando Pessoa   Heterónimos
Fernando Pessoa Heterónimos
 
Fernando Pessoa e seus heterónimos
Fernando Pessoa e seus heterónimosFernando Pessoa e seus heterónimos
Fernando Pessoa e seus heterónimos
 
Ricardo reis
Ricardo reisRicardo reis
Ricardo reis
 
áLvaro de campos
áLvaro de camposáLvaro de campos
áLvaro de campos
 
Biografia Ricardo reis
Biografia Ricardo reisBiografia Ricardo reis
Biografia Ricardo reis
 
Poemas Completos de Alberto Caeiro - Fernando Pessoa
Poemas Completos de Alberto Caeiro - Fernando PessoaPoemas Completos de Alberto Caeiro - Fernando Pessoa
Poemas Completos de Alberto Caeiro - Fernando Pessoa
 
áLvaro de campos
áLvaro de camposáLvaro de campos
áLvaro de campos
 
Alvaro de campos... portugues
Alvaro de campos... portuguesAlvaro de campos... portugues
Alvaro de campos... portugues
 
Atos ilocutórios
Atos ilocutóriosAtos ilocutórios
Atos ilocutórios
 
Plano de Continuidade/Emergencia é Resiliência
Plano de Continuidade/Emergencia é ResiliênciaPlano de Continuidade/Emergencia é Resiliência
Plano de Continuidade/Emergencia é Resiliência
 
Ricardo Reis- Classicismo e Paganismo/Neopaganismo
Ricardo Reis- Classicismo e Paganismo/NeopaganismoRicardo Reis- Classicismo e Paganismo/Neopaganismo
Ricardo Reis- Classicismo e Paganismo/Neopaganismo
 
Actos Ilocutórios
Actos IlocutóriosActos Ilocutórios
Actos Ilocutórios
 
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa SilvaLoucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva
 
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa SilvaLoucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva
Loucura de Mário de Sá Carneiro realizado por Ana Luísa Silva
 

Semelhante a Ricardo Reis e a fugacidade da vida

Gênero lírico - Profª Vivian Trombini
Gênero lírico - Profª Vivian TrombiniGênero lírico - Profª Vivian Trombini
Gênero lírico - Profª Vivian TrombiniVIVIAN TROMBINI
 
Tipos De Poesias
Tipos De PoesiasTipos De Poesias
Tipos De Poesiasklauddia
 
Generos literarios lirico-e_epico
Generos literarios lirico-e_epicoGeneros literarios lirico-e_epico
Generos literarios lirico-e_epicoPATRICIA VIANA
 
AULA 2 CONCORDÃNCIA VERBAL.pdf
AULA 2 CONCORDÃNCIA VERBAL.pdfAULA 2 CONCORDÃNCIA VERBAL.pdf
AULA 2 CONCORDÃNCIA VERBAL.pdfDamarisRocha7
 
Gêneros literários - Épico e drama.
Gêneros literários - Épico e drama.Gêneros literários - Épico e drama.
Gêneros literários - Épico e drama.Pedroalves141870
 
Fernando pessoa e seus heterónimos
Fernando pessoa e seus heterónimosFernando pessoa e seus heterónimos
Fernando pessoa e seus heterónimosVanessa Pereira
 
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO Ana Lopes 8ºA Nº4
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO  Ana Lopes 8ºA Nº4Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO  Ana Lopes 8ºA Nº4
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO Ana Lopes 8ºA Nº4Clara Veiga
 
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO Ana Lopes 8ºA Nº4
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO  Ana Lopes 8ºA Nº4Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO  Ana Lopes 8ºA Nº4
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO Ana Lopes 8ºA Nº4guestf08ea4
 
Aula - Gêneros líricos e épicos na Literatura Brasileira
Aula - Gêneros líricos e épicos na Literatura BrasileiraAula - Gêneros líricos e épicos na Literatura Brasileira
Aula - Gêneros líricos e épicos na Literatura BrasileiraAleksandra Sampaio
 
Fernandopessoa ortonimoeheteronimos
Fernandopessoa ortonimoeheteronimosFernandopessoa ortonimoeheteronimos
Fernandopessoa ortonimoeheteronimosGonaloCastro11
 
Simbolismo vers ---o final
Simbolismo vers ---o finalSimbolismo vers ---o final
Simbolismo vers ---o finalKarin Cristine
 

Semelhante a Ricardo Reis e a fugacidade da vida (20)

Construção de poemas
Construção de poemasConstrução de poemas
Construção de poemas
 
Simbolismo
SimbolismoSimbolismo
Simbolismo
 
Pessoa heteronimos
Pessoa heteronimosPessoa heteronimos
Pessoa heteronimos
 
Gênero lírico - Profª Vivian Trombini
Gênero lírico - Profª Vivian TrombiniGênero lírico - Profª Vivian Trombini
Gênero lírico - Profª Vivian Trombini
 
G. Literários
G. LiteráriosG. Literários
G. Literários
 
Tipos De Poesias
Tipos De PoesiasTipos De Poesias
Tipos De Poesias
 
Slides
SlidesSlides
Slides
 
Generos literarios lirico-e_epico
Generos literarios lirico-e_epicoGeneros literarios lirico-e_epico
Generos literarios lirico-e_epico
 
AULA 2 CONCORDÃNCIA VERBAL.pdf
AULA 2 CONCORDÃNCIA VERBAL.pdfAULA 2 CONCORDÃNCIA VERBAL.pdf
AULA 2 CONCORDÃNCIA VERBAL.pdf
 
Gêneros literários - Épico e drama.
Gêneros literários - Épico e drama.Gêneros literários - Épico e drama.
Gêneros literários - Épico e drama.
 
Fernando pessoa e seus heterónimos
Fernando pessoa e seus heterónimosFernando pessoa e seus heterónimos
Fernando pessoa e seus heterónimos
 
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO Ana Lopes 8ºA Nº4
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO  Ana Lopes 8ºA Nº4Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO  Ana Lopes 8ºA Nº4
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO Ana Lopes 8ºA Nº4
 
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO Ana Lopes 8ºA Nº4
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO  Ana Lopes 8ºA Nº4Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO  Ana Lopes 8ºA Nº4
Modos LiteráRios E Textos LiteráRios Ou NãO Ana Lopes 8ºA Nº4
 
Generos literarios
Generos literariosGeneros literarios
Generos literarios
 
Aula - Gêneros líricos e épicos na Literatura Brasileira
Aula - Gêneros líricos e épicos na Literatura BrasileiraAula - Gêneros líricos e épicos na Literatura Brasileira
Aula - Gêneros líricos e épicos na Literatura Brasileira
 
Fernandopessoa ortonimoeheteronimos
Fernandopessoa ortonimoeheteronimosFernandopessoa ortonimoeheteronimos
Fernandopessoa ortonimoeheteronimos
 
Simbolismo vers ---o final
Simbolismo vers ---o finalSimbolismo vers ---o final
Simbolismo vers ---o final
 
Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011
Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011
Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011
 
resumos
resumosresumos
resumos
 
O Gênero Lírico
O Gênero LíricoO Gênero Lírico
O Gênero Lírico
 

Ricardo Reis e a fugacidade da vida

  • 1. Ricardo Reis Heterónimo
  • 2.
  • 3.
  • 4.
  • 5. EPICURISMO - Busca da felicidade - Moderação dos prazeres - Fuga à dor (aponia) - Ataraxia (tranquilidade capaz de evitar a perturbação) ESTOICISMO (conformismo) - Aceitação das leis do destino (apatia) - Indiferença face às paixões e à dor - Abdicação de lutar - Auto disciplina Motivos poéticos de Ricardo Reis
  • 6. HORACIANISMO - Carpe diem: vive o momento - Aure mediocritas: a felicidade possível está na natureza PAGANISMO - Crença nos deuses - Crenças na civilização da Grécia - Intelectualização das emoções - Medo da morte Neoclassicismo - Poesia construída com base em ideias elevadas - Odes
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16. III … se for sombra antes E se antes do que eu levares o óbolo ao barqueiro sombrio Antevisão da morte … lembrar – te – as de mim depois Sem que a minha lembrança te arda ou te fira ou te mova Eu nada terei que sofrer ao lembrar – me de ti Ser – me – ás suave à memória Vitória sobre ela
  • 17.
  • 18.
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22.
  • 23.
  • 24.
  • 25.
  • 26.
  • 27.
  • 28.
  • 29.
  • 30.
  • 31.
  • 32. Escola Secundária Pª Benjamim Salgado 2006/2007 Trabalho elaborado por : Andreia nº3 Angélica nº4 Cláudia nº7 Patrícia nº13 12ºK